Você está na página 1de 15

PROFESSORA: MICHELLE CRISTINA DUARTE

Disciplina: Matemática Financeira

APOSTILA DE
MATEMÁTICA FINANCEIRA

CURSO: CIÊNCIAS CONTÁBEIS


1º SEMESTRE – 2007

Av. Mauá, 2854 – Centro - CEP – 87100-000 – Maringá – Pr


Telefone/Fax – (0xx) 44- 2101-5550 – E-Mail: unifamma@unifamma.edu.br
Home Page: www.unifamma.edu.br
Apostila de Matemática Financeira 2

1. Conceitos básicos

A Matemática Financeira é uma ferramenta útil na análise de algumas alternativas de


investimentos ou financiamentos de bens de consumo. Consiste em empregar procedimentos
matemáticos para simplificar uma operação financeira.

1.1 Capital
O Capital é o valor aplicado através de alguma operação financeira. Também conhecido como:
Principal, Valor Atual, Valor Presente ou Valor Aplicado.

1.2 Juros
Juros representam a remuneração do Capital empregado em alguma atividade produtiva.
O juro é a remuneração pelo empréstimo do dinheiro. Ele existe porque a maioria das pessoas
prefere o consumo imediato, e está disposta a pagar um preço por isto. Por outro lado, quem
for capaz de esperar até possuir a quantia suficiente para adquirir seu desejo, e neste período
estiver disposta a emprestar esta quantia a alguém, menos paciente, deve ser recompensado
por esta abstinência na proporção do tempo e risco, que a operação envolver. O tempo, o
risco e a quantidade de dinheiro disponível no mercado para empréstimos definem qual deverá
ser a remuneração, mais conhecida como taxa de juros.

1.3 Diferença entre juro e taxa de juro


O juro entendido como uma remuneração do capital é sempre expresso em valor numa
determinada moeda. Ex: R$ 10,00 (dez reais); US$ 20,00 (vinte dólares), etc.

A taxa de juro, normalmente representada pela letra ( i ), é um índice que aplicado sobre o
capital determina sua remuneração num determinado período de tempo (dias, meses, anos)
que é representado pela letra ( T ). Ela vem normalmente expressa da forma percentual, em
seguida da especificação do período de tempo a que se refere:
8 % a.a. - (a.a. significa ao ano)
10 % a.t. - (a.t. significa ao trimestre).

Outra forma de apresentação da taxa de juros é a unitária, que é igual a taxa percentual
dividida por 100, sem o símbolo %:

Professora Michelle Cristina Duarte


Telefone (0xx) 44- 3026-0841 – e-mail: engmichelle@hotmail.com
Apostila de Matemática Financeira 3
0,15 a.m. - (a.m. significa ao mês)
0,10 a.q. - (a.q. significa ao quadrimestre)

Observação: para simplificar as fórmulas matemáticas será usada a forma unitária, assim,
quando a taxa, por exemplo, for 5%, o ( i ) na fórmula será substituído por 0,05.

1.4 Tipos de Juros


Os juros podem ser capitalizados segundo dois regimes: simples ou compostos.

a) JUROS SIMPLES: o juro de cada intervalo de tempo sempre é calculado sobre o capital
inicial emprestado ou aplicado.

b) JUROS COMPOSTOS: o juro de cada intervalo de tempo é calculado a partir do saldo no


início de correspondente intervalo. Ou seja: o juro de cada intervalo de tempo é incorporado ao
capital inicial e passa a render juros também.

Quando usamos juros simples e juros compostos?

A maioria das operações envolvendo dinheiro utiliza juros compostos. Estão incluídas:
compras a médio e longo prazo, compras com cartão de crédito, empréstimos bancários, as
aplicações financeiras usuais como Caderneta de Poupança e aplicações em fundos de renda
fixa, etc. Raramente encontramos uso para o regime de juros simples: é o caso das operações
de curtíssimo prazo, e do processo de desconto simples de duplicatas.

Professora Michelle Cristina Duarte


Telefone (0xx) 44- 3026-0841 – e-mail: engmichelle@hotmail.com
Apostila de Matemática Financeira 4

CAPÍTULO 1 - JUROS SIMPLES

Como vimos, o regime de juros será simples quando o percentual de juros incidir apenas sobre
o valor principal. Sobre os juros gerados a cada período não incidirão novos juros. Valor
Principal ou simplesmente principal é o valor inicial emprestado ou aplicado, antes de
somarmos os juros. Transformando em fórmula temos:

1. Cálculo do juro simples


No sistema de juro simples o mesmo não incide sobre o juro de períodos anteriores. Ou seja,
não há cálculo de juros sobre juros.

Fórmula para o cálculo do juro simples


J =
C .i.T

Onde:
J = juros
C = capital
i = taxa
T= número de período (tempo).

Exemplos de juros simples:


1 - Calcular os juros simples produzidos por R$40.000,00, aplicados à taxa de 36% a.a.,
durante 2 anos.

Temos: J =
C .i.T

Primeiro: verificar as unidades da taxa e do período (elas devem ser iguais).


Capital: C = R$ 40.000,00
Taxa: i = 0,36 a.a
Período: T= 2 anos
Logo: J = 40.000,00 . 0,36 . 2
Juros = R$ 28.800,00

Professora Michelle Cristina Duarte


Telefone (0xx) 44- 3026-0841 – e-mail: engmichelle@hotmail.com
Apostila de Matemática Financeira 5
2 - Calcular os juros simples produzidos por R$40.000,00, aplicados à taxa de 36% a.a.,
durante 125 dias.

Temos: J =C .i.T

Primeiro: verificar as unidades da taxa e do período (elas devem ser iguais).


Capital: C = R$ 40.000,00
Taxa: i = 0,36 a.a  como 1 ano tem 360 dias, logo a taxa i = 0,36/360 = 0,001 a.d.
Período: T= 125 dias
Logo: J = 40.000,00 . 0,001 . 125
Juros = R$ 5.000,00

3 - Qual o capital que aplicado a juros simples de 1,2% a.m. rende R$3.500,00 de juros
em 75 dias?
Temos imediatamente: J =C .i.T

Primeiro: verificar as unidades da taxa e do período (elas devem ser iguais).


Juros: J = R$ 3.500,00
Taxa: i = 1,2 % a.m = 0,012 a.m  como 1 mês tem 30 dias, logo a taxa i = 0,012/30 = 0,0004
a.d.
Período: T= 75 dias
Logo: 3500,00 = C . 0,0004 . 75
C . 0,03 = 3500,00
C = R$ 116.666,67

4 - Calcular os juros simples de R$ 1.200,00 a 13 % a.t. por 4 meses e 15 dias.


Temos: J =C .i.T

Primeiro: verificar as unidades da taxa e do período (elas devem ser iguais).


Capital: C = R$ 1.200,00
Taxa: i = 0,13 a.t  como 1 trimestre tem 90 dias, logo a taxa i = 0,13/90 = 0,00144 a.d.
Período: T= 4 meses e 15 dias  135 dias

Logo: J = 1.200,00 . 0,00144 . 135


Professora Michelle Cristina Duarte
Telefone (0xx) 44- 3026-0841 – e-mail: engmichelle@hotmail.com
Apostila de Matemática Financeira 6
Juros = R$ 234,00

Exercícios de juros simples:


01)A que taxa anual um investimento renderá em 5 anos juros equivalentes a 4/5 desse
mesmo investimento? R.16% a.a

2) Durante quanto tempo R$ 22.500,00 a 4% a.m. renderá R$ 27.000,00 de juros? R. 2


anos e 6 meses

3) Calcular o capital que, aplicado durante 3 anos e 9 meses a 4% a.m., produz R$


8.062,50 de juros. R. R$ 4.479,16

4) Achar o capital que rende R$ 6.696,40 de juros em 2 anos, 7 meses e 24 dias a 36% a.a.
R. 7019,29

5) Calcular os juros de uma aplicação de R$ 180.000,00 a 36% a.a., pelo prazo de um


trimestre. R. R$ 16.200,00

6) Calcular a taxa de R$ 5.000,00 em 1 ano e 6 meses, que tenha produzido juros de R$


675,00. R. 9% a.a

7) A que taxa um capital de R$ 2.500,00 em 2 anos e 6 meses para produz juros de R$


1.250,00? R. 20% a.a

8) Quanto tempo devo aplicar o capital de R$ 10.053,40 para obter o montante de R$


11.561,40 a 4,5% a.m.? R. 3 meses e 10 dias

9) Se aplicarmos R$ 15.877,50 a 5,5% a.m., quanto tempo será necessário para obtermos
o capital mais os juros de R$ 28.539,80? R. 1 ano, 2meses e 15 dias

10) O capital de R$ 42.600,00 para produzir juros de R$ 46.008,00 a 6% a.m., qual é o


tempo necessário? R. 1 ano e 6 meses

11) Em que prazo um capital aplicado a 20% a.a., tem um aumento que corresponde a 1 /
4 de seu valor? R. 1 ano e 3 meses.

12) Em que prazo um capital de R$ 100.000,00 a 2% a.m. obtém um montante de R$


164.000,0? R. 2 anos e 8 meses

13) Qual o montante que dá um capital de R$ 7.000,00 em 6 meses, à taxa de 6% a.a.? R.


R$ 7.210,00

14) Em quanto tempo, um determinado capital, rendendo juros de 5% a.a., duplica de


valor? R. 20 anos

15) Um certo capital, foi duplicado em 10 anos a juros simples. A que taxa foi empregado?
Professora Michelle Cristina Duarte
Telefone (0xx) 44- 3026-0841 – e-mail: engmichelle@hotmail.com
Apostila de Matemática Financeira 7
R. 10% a.a

2. Cálculo do Montante
Ao somarmos os juros ao valor principal (Capital) temos o montante.
Montante = Capital + Juros
M=C+J
Montante = Capital + (Capital x Taxa de juros x Número de períodos)
M = C + C. i. T
Logo, colocando C em evidência, temos:
M =
C .( 1 +
i.T )

Onde:
M= valor do montante
J = juros
C = valor do capital
i = taxa
T= número de período (tempo).
Exemplos de juros simples e montante:
1- Assim para calcularmos o Montante de R$ 100,00 ao final do terceiro período a uma
taxa de juros de 10% ao período, temos:
M = 100,00 [1 + ( 0,10. 3) ]
M = 100,00 [1 + ( 0,30)]
M = 100,00 (1,30)
M = 130,00 (R$)

2 - Se a taxa de uma aplicação é de 150% ao ano, quantos meses serão necessários para
dobrar um capital aplicado através de capitalização simples?
Objetivo: M = 2.C
Dados: i = 150 % a.a = 1,5 a.a
Fórmula: M = C (1 + i.T)
Desenvolvimento: 2C = C (1 + 1,5 T)

2 = 1 + 1,5 T
T = 2/3 ano = 8 meses

3 - Calcule o montante resultante da aplicação de R$70.000,00 à taxa de 10,5% a.a.


durante 145 dias.

Professora Michelle Cristina Duarte


Telefone (0xx) 44- 3026-0841 – e-mail: engmichelle@hotmail.com
Apostila de Matemática Financeira 8
M = R$ 72.960,42

Exercícios:
01- Que capital deve ser aplicado para gerar um montante de R$130,00 em três meses com
taxa de juro de 10% ao mês?

02- Que taxa deve ser aplicada sobre o capital de R$ 100,00 para gerar um montante de R$
130,00 em três meses?

03- Durante quanto tempo deve ficar aplicado o capital de R$ 100,00 para gerar um montante
de R$ 130,00 com taxa de juros de 10% ao mês?

04- Qual o juro de um capital de R$ 500,00 aplicado por 10 meses a uma taxa de 7% ao mês?
(350,00)

05- Qual o juro e o montante acumulado em um ano a uma taxa de 10% ao mês a partir de
uma aplicação de R$ 325,00?(j = 390,00 e M = 715,00)

06- Qual o montante acumulado em 18 meses a uma taxa de 0,10% ao dia a partir de um
principal de R$ 1.000,00?(1.540,00)

07- Qual o montante acumulado em 120 dias a uma taxa de 24% ao ano a partir de um
principal de R$ 5.000,00?(5.400,00)

08- Qual o capital necessário para se obter um montante de R$ 970,00 daqui a três semestres
a uma taxa de 5% ao mês?(510,52)

09- Qual o capital necessário para se obter um montante de R$ 1.070,00 daqui a três anos a
uma taxa de 0,7% ao mês? (854,63)

10- Qual o capital necessário para se obter um montante de R$ 2.000,00 daqui a 18 meses a
uma taxa de 7,5% ao ano?(1.797,75)

11- Qual o juro simples recebido em uma aplicação de R$ 5.000,00 a uma taxa de 2% ao mês
pelo período de 15 dias?(50,00)

12- Foi efetuado um único deposito de R$ 570,00 em uma aplicação financeira. Após dois anos
seu saldo era de R$ 775,20. Qual a taxa de juro recebida? (1,5% am)

13- A que taxa devemos aplicar um capital de R$ 100,00 para que ele duplique em 20 meses?
(5% ao mês)

Professora Michelle Cristina Duarte


Telefone (0xx) 44- 3026-0841 – e-mail: engmichelle@hotmail.com
Apostila de Matemática Financeira 9
14- Fizemos uma dívida de R$ 10.000,00 para aquisição de um automóvel. Não foi efetuado
nenhum pagamento e após 5 meses ela estava em R$15.000,00. Qual a taxa de juro cobrada?
(10% am)

15- Durante quanto tempo devemos aplicar um capital para que ele quadruplique de valor a
uma taxa de 10% a.m?(30 meses)
16- Uma pessoa emprega seu capital a 8% a.a. e, no fim de 3 anos e 8 meses, recebe capital
e juros reunidos no valor de R$ 38.800. Qual o capital empregado? R. R$ 30.000,00

17- Qual o capital que depois de 8 meses, à taxa de 11 1/2%a.a. , dá um montante de R$


12.920,00? R. R$ 12.000,00

18- No fim de 3 anos, à 9% a.a., o capital acumulado foi de R$ 2.540,00. Qual foi o juro e qual
era o capital inicial? R R$ 2.000,00 e R$ 540,00

19- Achar o capital que, empregado a juros simples, à taxa de 2/5% a.m., produz, no fim de
um ano, 3 meses e 5 dias, o montante de R$ 159.100,00. R. 150.000

20- Uma pessoa empregou certo capital a 6% a.a. . Depois de um ano e meio, retirou capital e
juros e empregou tudo a 8% a.a., retirando no final de dois anos e meio, o montante de R$
26.160,00. Determinar o capital inicial. R. R$ 20.000,00

21- Por quanto tempo se deve empregar um capital para que, à taxa de 10% a.a., o montante
seja igual ao triplo deste capital? R. 20 anos

22- A que taxa se deve colocar R$ 800,00, em 2 anos, para render 88,00 de juros? R. 5,5%

Professora Michelle Cristina Duarte


Telefone (0xx) 44- 3026-0841 – e-mail: engmichelle@hotmail.com
Apostila de Matemática Financeira 10

CAPÍTULO 2 - DESCONTOS SIMPLES

Desconto é o abatimento que um título de crédito (cheque, duplicata, nota promissória) recebe
por ser liquidado antes de seu vencimento.

Um título possui um valor, chamado Valor Nominal, a ele declarado, que corresponde ao seu
valor no dia do vencimento. Antes disso, o titulo pode ser resgatado por um valor menor que o
nominal, sendo denominado Valor Atual ou Valor Presente.

Então, para cálculo do desconto é importante saber:

 Valor Nominal (N) é o Valor impresso no título. É o que ele valerá no vencimento.

 Valor atual (A) é o valor pelo qual o título pode ser pago antecipadamente.
Naturalmente é um valor menor que o (N), pois se o mesmo for liquidado
antecipadamente, ele terá um desconto (d).

Dessa forma o Desconto (d) é igual ao Valor Nominal (N) menos o Valor atual (A) pelo qual o
título pode ser pago antecipadamente.

d=N-A

Chama-se Desconto Simples o calculado sobre um único valor do título (nominal ou atual). Se
for calculado sobre:

 Valor Nominal ................ temos ................. Desconto Comercial (“Por fora”)

 Valor Atual ..................... temos ................. Desconto Racional (“Por dentro”)

2.1 Cálculo dos Descontos Simples


2.1.1 Desconto Comercial (“Por fora”)

Esse é o tipo de desconto normalmente utilizado pelos bancos e pelo comércio em geral. Neste
tipo de desconto a base de cálculo é o valor Nominal (N).

d=N.i.T
Onde: d = desconto Comercial (“Por fora”)
N = Valor Nominal
i = taxa
T= número de período (tempo).

Professora Michelle Cristina Duarte


Telefone (0xx) 44- 3026-0841 – e-mail: engmichelle@hotmail.com
Apostila de Matemática Financeira 11
Exemplos de desconto Comercial (“Por fora”):

1 - Uma duplicata de R$ 100,00 foi quitada três meses antes do vencimento com taxa
de desconto comercial simples de 10% ao mês. Pergunta-se:
a) qual o valor do desconto?
b) por quanto ela foi quitada?

Dados: Valor Nominal: N = R$ 100,00


Taxa: i = 0,10 a.m
Período: T= 3meses
a) qual o valor do desconto?

Temos: d = N . i . T
d = 100,00 . 0,10 . 3
d = R$ 30,00 ............ Valor do desconto
b) por quanto ela foi quitada?

Logo, o Valor Atual: Temos: d = N – A


30,00 = 100,00 – A
A = R$ 70,00 ............ Valor atual (valor com desconto)

Podemos resolver o exercício acima utilizando o seguinte conceito:


d = N – A ............... A = N – d
A=N–N.i.T
A = N ( 1 – i . T)

b) por quanto ela foi quitada?

A = N . (1 – i . T)

A = 100. (1 – 0,10. 3)

A = 100 . (1 – 0,30)

A = 100 . (0,70) = R$ 70,00 ............... Valor atual (valor com desconto)

a) qual o valor do desconto?

E, o Valor do desconto: d = N – A = 100,00 – 70,00 = R$ 30,00

Professora Michelle Cristina Duarte


Telefone (0xx) 44- 3026-0841 – e-mail: engmichelle@hotmail.com
Apostila de Matemática Financeira 12
2.1.2 Desconto Racional (“Por dentro”)

O desconto racional ou “por dentro” equivale ao juro simples calculado sobre o valor atual do
título. É denominado d´ e neste tipo de desconto a base de cálculo é o valor Atual (A):

d´ = A . i . T como d = N – A logo, A = N – d`

d`= (N – d`) .i . T

d` = N.i.T – d`.i.T

d`+ d`.i.T = N.i.T

d`(1 + i.T) = N.i.T


N .i.T
d `=
1 +i.T

Onde: d` = desconto Racional (“Por dentro”)


N = Valor Nominal
i = taxa
T= número de período (tempo).

Exemplos de desconto Racional (“Por dentro”):


1– Determinar o desconto racional de um título de valor nominal equivalente a 135 u.m.,
pago 2 meses antes do vencimento a 1% ao mês.

Dados: Valor Nominal: N = 135


Taxa: i = 0,01 a.m
Período: T= 2meses

N .i.T
Temos: d `=
1 +i.T

135 .0,01 .2
Logo: d `= 1 + 0,01 .2 = 2,65

d`= 2,65 u.m

EXERCÍCIOS:
1) Um título de R$ 7.300,00 é descontado por fora, em 60 dias, a 5,5% a.m., quanto sofre de
desconto? Resp. 803

Professora Michelle Cristina Duarte


Telefone (0xx) 44- 3026-0841 – e-mail: engmichelle@hotmail.com
Apostila de Matemática Financeira 13
2) Qual é o desconto comercial de um título de R$ 8.000,00, a 6% a.m., em 1 ano e 3 meses?
Resp. R$ 7.200

3) A que taxa anual foi descontado um título de R$ 2.000,00 em 75 dias, sabendo que houve
desconto por fora de R$ 325,00? Resp. 78% a.a.

4) Um título de R$ 2.000,00, descontado por fora, a 6% a.m., que valor líquido produz em 3
meses? Resp. R$ 1.640,

5) Qual é o líquido de uma duplicata que, descontada por fora, a 5% a.m., em 120 dias, sofreu o
desconto de R$ 700,00? Resp. R$ 2.800

6) A que taxa anual um título de R$ 30.000,00, descontado 4 meses antes do vencimento, pode
produzir R$ 1.000,00 de desconto comercial? Resp. 10% a.a.

7) Em que prazo um título de R$ 9.000,00, descontado por fora, apresenta o líquido de R$


8.280,00 à taxa de 6% a.m.? Resp. 1 mês e 10 dias

8) Qual é o nominal de uma promissória descontada por dentro, a 6% a.a., 90 dias antes do
vencimento sabendo que produziu o desconto de R$ 450,00? R: R$ 30.450

9) Um título de R$ 165.000,00 sofreu o desconto racional à taxa de 12% a.a. e ficou reduzido a R$
150.000,00. Determinar o tempo de antecipação. Resp. 10 meses

10) Um título de R$ 2.250,00 sofreu o desconto racional, à taxa de 10% a.a., ficando reduzido a R$
2.000,00. Qual foi o prazo? Resp. 1 ano e 3 meses

11) Certo título de R$ 63.600,00 sofreu um desconto por dentro ao prazo de 6 meses e foi pago
com R$ 60.000,00. Qual foi a taxa anual da operação? Resp. 12% ao ano.

12) Uma duplicata de R$ 37.200,00 sofreu um desconto por dentro de R$ 1.200,00. Sabendo-se
que o tempo foi de 5 meses, que taxa anual foi utilizada para o desconto? Resp. 8% ao ano.

13) Um título descontado 27 dias antes do vencimento a 4,5% a.m., produz R$ 583,85 de
desconto racional. Determinar o valor nominal. Resp. R$ 15.000

2.2 Relações entre a Taxa do Juro e a Taxa do Desconto Comercial

Professora Michelle Cristina Duarte


Telefone (0xx) 44- 3026-0841 – e-mail: engmichelle@hotmail.com
Apostila de Matemática Financeira 14
2.2.1 Cálculo da Taxa do juro em função da taxa de desconto e do prazo do vencimento
do título
id
ij =
1 − i d .T

Onde: ij = Taxa de Juros


id = Taxa de descontos

Exemplo: 1 – Qual a taxa que produz juros equivalentes ao desconto comercial de 2%


ao mês, pelo prazo de 5 meses?

Dados: Taxa de descontos: id = 0,02 a.m


Período: T= 5meses

id
Temos: ij =
1 − i d .T

0,02
Logo: i j = 1 − 0,02 .5 = 0,0222 ou ij = 2,22 % a.m

2.2.2 Cálculo da Taxa do desconto em função da taxa do juro e do prazo do vencimento


do título
De forma inversa, quando se sabe a taxa de juros simples pode ser calculada a taxa de
desconto comercial simples equivalente a essa taxa de juros com a seguinte fórmula:
ij
id =
1 + i j .T

Onde: ij = Taxa de Juros


id = Taxa de descontos

Exemplo: Qual a taxa de desconto comercial simples equivalente à taxa de juros simples
de 5% a.m. num período de 9 meses?

Dados: Taxa de juros: ij = 0,05 a.m

Período: T= 9 meses

ij
Temos: id =
1 + i j .T

Professora Michelle Cristina Duarte


Telefone (0xx) 44- 3026-0841 – e-mail: engmichelle@hotmail.com
Apostila de Matemática Financeira 15
0,05
Logo: i d = 1 + 0,05 .9

id = 0,03448 ou 3,448% a m
Assim, a taxa de juros simples de 5% a.m. equivale à taxa de desconto comercial
simples de 3,448% a.m. com antecipação de 9 meses.

EXERCÍCIOS:
1) Calcular a taxa mensal que produz juros equivalentes ao desconto comercial de 5% a.m., pelo
prazo de 90 dias. Resp. 5,88% ao mês

2) Determinar a taxa trimestral que produz juros equivalentes ao desconto comercial de 12% ao
trimestre, durante 6 meses. Resp. 15,79% ao trimestre

3) Qual é a taxa mensal de juros equivalentes ao desconto comercial de 5% a.m., pelo prazo de
60 dias? Resp. 5,55% ao mês

4) Calcular a taxa semestral de desconto comercial equivalente aos juros de 14% a.s., pelo prazo
de 1 ano. Resp. 10,94% a.s.

5) Encontrar a taxa mensal de desconto equivalente ao juro de 6% a.m., pelo período de 120 dias.
Resp. 4,839% a.m

6) Que taxa mensal de juros se torna equivalente ao desconto comercial de 5% a.m., durante 4
meses. Resp. 6,25% a.m.

7) Calcular a taxa mensal de juro equivalente a 3,85% a.m., correspondente ao desconto por fora
durante 8 meses. Resp. 5,563% a.m.

8) Certa pessoa emprega metade de seu capital a juros, durante 2 anos, à taxa de 5% a.a., e
metade durante 3 anos, à taxa de 8% a. a. obtendo assim, rendimento total de R$2.040. Qual o
seu capital? Resp. 12.000

Professora Michelle Cristina Duarte


Telefone (0xx) 44- 3026-0841 – e-mail: engmichelle@hotmail.com