Você está na página 1de 5

LABORATRIO DE CIRCUITOS ELTRICOS SEMESTRE 2015.

2
GRUPO A
R
Y
Resoluo das questes referentes ao guia 4 da disciplina.
1 - Experimento #1
Neste experimento, determina-se a diferena de potencial nos terminais dos resistores
atravs do Mtodo das Tenses de N. O circuito analisado o ilustrado na figura 1.

Figura 1 - Circuito para experimento usando o Mtodo das Tenses de N.


Sejam e
os potenciais eltricos nos ns 1 e 2, respectivamente. Segue a aplicao
do Mtodo das Tenses de Ns.
-

N 1:

15
+(
7,5
-

)(

1
1
+
)+
= 0 204,25
4,7 7,5
10

122

= 705

N 2:
2,2

+(

)(

1
1
+
)+
4,7 7,5

15
= 0 26,84
4,7

Resolvendo o sistema de equaes para


6,68 e

+ 78,34

= 243,75

, obtem-se:

5,39

Desta forma, as tenses entre os terminais de R4 e R6 em relao conexo comum


(cujo potencial nulo) ser dada pelas diferenas de potencial:
=

0 = 6,68

0 = 5,39

J as tenses nos terminais de R4 e R6 so respectivamente:


= = 1,29 e
= 0 = 5,39

2- Experimento #2

Este experimento consiste em utilizar o Mtodo das Correntes de Malhas no circuito da


Figura 2, a fim de comparar os resultados calculados com os valores obtidos em laboratrio.

Figura 2 - Circuito para experimento usando o Mtodo das Correntes de Malha.


Sejam as corrente de malhas
expresses abaixo:

e , pode-se encontrar, atravs da LTK, as

12 + 3,16 + 2,2( ) + 4,7( ) = 0 (malha da corrente


2,2( ) + 2,2 + 1( ) = 0 (malha da corrente )
1( ) + 1 + 4,7( ) = 0 (malha da corrente )
Simplificando as expresses, chega-se ao seguinte sistema:
10,06 2,2 4,7 = 12
2,2 + 5,4 1 = 0
4,7 1 + 6,7 = 0
Resolvendo as equaes para as correntes de malha
2,326 ,

3 - Experimento #3

1,285

1,823

,tem-se :

Neste experimento, utiliza-se o princpio da superposio para determinar as parcelas


de tenso e corrente contribudas por cada fonte individualmente. O circuito analisado
mostrado na figura 3.

Figura 3 - Circuito usado no mtodo de Superposio.


Para calcular os componentes de tenso e corrente da fonte de tenso V1 em R2,
elimina-se a fonte ideal de tenso V2, conforme ilustrado na Figura 3.1.

Figura 3.1 - Circuito mostrado na Figura 3 com fonte de tenso V2 eliminada.


A componente de tenso

equivale a:

5
+
+
= 0 157,25
4,7
7,5 10
Enquanto a componente de corrente

:
2,385
=

7,5

= 375

0,318

2,385

Analogamente, para calcular os componentes de tenso e corrente da fonte de tenso


V2 sobre R2, elimina-se a fonte de tenso V1, conforme ilustrado na Figura 3.2.

Figura 3.2 - Circuito mostrado na Figura 3 com fonte de tenso V1 eliminada.


A componente de tenso
4,7

7,5

equivale a:

15
= 0 157,25
10

Enquanto a componente de corrente


=

= 528,75

3,362

3,362

7,5

0,448

Desta forma, a corrente total (oriunda das duas fontes de tenso, conforme indicada
na Figura 3) que passa por R2 dada por:
=

= 0,318 + 0,448

0,766

A tenso V indicada na Figura 3 tambm dada pela soma de suas componentes:


=

= 2,385 + 3,362

5,747

Assim pode-se calcular a potncia consumida pelo resistor R2:


=

= 5,747

0,766

0,0044