Você está na página 1de 6

PATRIMÔNIOS HISTÓRICOS E CULTURAIS: COMO E POR

QUE PRESERVAR?
O que é memória?
É a imagem viva de tempos passados ou presentes. Os bens, que constituem os
elementos formadores do patrimônio, são ícones repositórios da memória, permitindo
que o passado interaja com o presente, transmitindo conhecimento e formando a
identidade de um povo.
O que são bens culturais?
É o registro (físico ou não) de elementos da realidade (cultural ou natural), passada ou
presente. É todo elemento, material ou imaterial, capaz de traduzir o momento cultural
ou natural de grupos sociais ou de ecossistemas.
Ex.: as obras de Portinari, Niemeyer, Villa Lobos, Jararaca e Ratinho, Pixinguinha, a
receita da pamonha, da cachaça, o descascador de café, a tecnologia dos fogões a
lenha, a Amazônia, o Pantanal, a onça pintada, a peteca, as rendas do Ceará, o
Kuarup, os cocares, etc.
O que é significado cultural?
São os valores atribuídos por grupos sociais a bens e lugares, em detrimento de
outros.
O que é patrimônio?
São todos os bens, materiais e imateriais, naturais ou construídos, que uma pessoa ou
um povo possui ou consegue acumular.

O que é patrimônio cultural?
É o conjunto de bens, de natureza material e/ou imaterial, que guarda em si
referências à identidade, a ação e a memória dos diferentes grupos sociais. É um
elemento importante para o desenvolvimento sustentado, a promoção do bem-estar
social, a participação e a cidadania.
Divide-se em:
a) Formas de expressão: literatura, música, danças, rituais, teatro, vestuário, pinturas
corporais, etc.
b) Os modos de criar, fazer e viver: a culinária, o artesanato, as telhas coloniais
modeladas pelas escravas nas próprias coxas, etc.
c) Criações científicas, artísticas, tecnológicas e documentais:
- Científicas: o mapeamento do DNA, a criação de variedades de café
brasileiro, etc;

A destruição dos bens herdados das gerações passadas acarreta o rompimento da corrente do conhecimento. Patrimônio Edificado: edificações isoladas ou conjunto de edificações. costumes. etc. jazidas.: lendas. rituais. o baião. por meio dos produtos criados e das intervenções no ambiente. Anita Malfatti. registros capazes de propiciar a compreensão da história humana pelas gerações futuras. animais silvestres. etc.Bens móveis: mobiliários. levando-nos a repetir incessantemente experiências já vividas. com os demais. registros cartoriais.. O que é patrimônio cultural tangível e intangível? Tangível: é aquele constituído por bens materiais. etc. ecossistemas. vestuários.Bens imóveis: monumentos. . Ex. Qual o significado de preservação? É a manutenção de um bem no estado físico em que se encontra e a desaceleração de sua degradação. cartas cartográficas. legando às gerações futuras. obras de arte. Divide-se em: . Por que preservar? Cada indivíduo é parte de um todo – da sociedade e do ambiente onde vive – e constrói.: grutas. mas que possuam peculiaridades culturais. sítios arqueológicos. . Brasília. os monumentos. Ex. Villa Lobos. teses.: a arquitetura rural.Artísticas: Pampulha. etc.Documentais: a legislação. as casas comuns (Arquitetura Vernacular). utensílios. edifícios. elementos naturais que tenham significado cultural. O que é patrimônio natural e edificado? Patrimônio Natural: é constituído por bens cuja criação não recebeu interferência humana. . casamentos. Intangível: é constituído por bens imateriais. rios. .Tecnológicas: o biodiesel. as pinturas rupestres. as obras de Aleijadinho. compêndios. tratados. as fábricas. as cidades. etc. o forró. etc. o 14 Bis de Santos Dumont. que poderão ter tipologias distintas e não necessariamente antigas. livros de batismo. os cocares indígenas. visando prolongar e salvaguardar o patrimônio cultural. documentos. Ex. etc. montanhas. a história dessa sociedade. óbitos.

no presente ou no futuro. assegurar. de contribuir para a compreensão da identidade cultural da sociedade que o produziu. Ciência e Educação) é o órgão responsável pela definição de regras e proteção do patrimônio histórico e cultural da humanidade. Mundialmente. arquivar. que visa preservar os bens de valor histórico. Preservar é o mesmo que tombar? Não. registrar coisas ou fatos relativos a uma especialidade ou região. de interesse cultural ou ambiental.Atualmente. através de leis de proteção e restaurações que possibilitam a manutenção das características originais. O que preservar? Todos os bens de natureza material e imaterial. provocado pela produção de bens. ambiental e afetivo. onde eram guardados documentos importantes que hoje fazem parte do Arquivo Central do Estado Português. cultural ou sentimental. ou do Arquivo (uma das torres do Castelo de São Jorge). a preservação pode existir sem o tombamento. sem ele não há garantia real de preservação. A preservação e o reuso de edifícios e objetos contribuem para a redução de energia e matéria-prima necessárias para a produção de novos. para proteger. arquitetônico. a importância da preservação ganha novo foco. Por que o nome tombamento? É o ato de tombar. ou seja. a UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Cultura. por lei. Esta é uma importante ação a ser tomada para garantir a preservação definitiva do patrimônio. inventariar. a sua descaracterização/destruição e propiciando a sua plena utilização. . Este nome tem origem em Portugal. e que sejam capazes. cultural. que possuam significado histórico. impedindo. garantir a existência por parte de algum poder. realizadas pelo poder público e alicerçado por legislação específica. Quem protege? Há uma preocupação mundial em preservar os patrimônios históricos da humanidade. vem da Torre do Tombo. O que é tombamento? É um conjunto de ações. decorrente da necessária consciência de diminuirmos o impacto sobre o ambiente. impedindo a sua destruição e/ou descaracterização. O tombamento é uma imposição legal. porém.

Exemplos de patrimônios históricos Lista de alguns patrimônios históricos mundiais: Pirâmides de Gizé (Egito). considerado individualmente. Coliseu de Roma (Itália). Pelourinho. proteção e preservação do patrimônio histórico. além dos públicos? Sim. sem poder legal para tombar.No Brasil. Estátua da Liberdade (Estados Unidos). Palácio de Versalhes (França). Torre de Piza (Itália). nem mesmo reformado. existe o IPHAN (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional). cultural e artístico no Brasil. Machu Picchu (Peru). Quando um imóvel é tombado por algum órgão do patrimônio histórico. o Icomos ou o IUCN. participar da conservação dos mesmos e também ingressar com ação civil pública quando os mesmos estiverem ameaçados. avalia a solicitação. existem órgãos não-governamentais de defesa do patrimônio. o Bureau do Patrimônio Mundial examina a indicação. Torre Eiffel (França) e Acrópole de Atenas (Grécia). pode ingressar com ação popular no caso do bem ser de propriedade pública. o Centro do Patrimônio Mundial verifica se os dados estão completos. Centro Histórico de Olinda (Pernambuco). Lista de alguns patrimônios históricos do Brasil: Cidade Histórica de Ouro Preto (Minas Gerais). denominado Convenção sobre a Proteção do Patrimônio Mundial Cultural e Natural. Estação da Luz (São . organizações não-governamentais voltadas à preservação do patrimônio. Este órgão atua.É comemorado no Brasil em 17 de agosto o Dia do Patrimônio Histórico. para preservar as características originais da época em que foi construído. Mesmo o cidadão. agir no sentido da indicação de bens a serem preservados. na gestão. Podem. Depois de indicado o bem. e o remete ao Comitê do Patrimônio Mundial. no Brasil. ainda. que toma a decisão final. Muralha da China (China). Você sabia? . seguindo normas específicas. recomenda ou não sua inscrição. Existem outros órgãos de preservação. Pode apenas passar por processo de restauração. Como um bem é inscrito na lista do patrimônio universal da Unesco? A partir da solicitação dos países membros de um tratado internacional. porém com o importante papel de conscientizar as comunidades sobre a preservação. aprovado pela Unesco no ano de 1972. Os também denominados Estado-Parte podem apontar bens ligados ao Patrimônio Cultural ou Natural. ele não pode ser demolido.

de uma memória coletiva e de uma memória histórica. Como atributo coletivo. produzem. . e que possibilita a construção de uma narrativa sobre o passado. É a herança cultural do passado. no sentido religioso e ideológico. dos primórdios até hoje e em diferentes regiões do mundo. como fenômeno social. vivida no presente. Acesso em 15/10/2014 PATRIMÔNIO CULTURAL E MEMÓRIA SOCIAL Por Donizete Rodrigues O patrimônio tem com a identidade inúmeras e variadas relações. normalmente a elite. O patrimônio expressa a identidade histórica e as vivências de um povo. portanto. a memória individual (se é que ela existe) é construída necessariamente a partir e no interior de um grupo. Palácio do Catetinho (Brasília). Conjunto Urbanístico de Brasília. A Antropologia cultural procura entender como as sociedades. Assim como o patrimônio cultural. é a própria materialização da identidade de um grupo/sociedade Mas o que é patrimônio cultural? É o conjunto de bens. seletiva porque nem tudo o que é importante para o grupo fica «gravado na memória». do patrimônio. materiais e imateriais. Há uma questão pertinente nesta discussão sobre memória: existe uma memória individual ou ela é necessariamente coletiva? Segundo Halbwachs. econômica e religiosa. É o conjunto de símbolos sacralizados. O Patrimônio contribui para manter e preservar a identidade de uma nação daí o conceito de identidade nacional. é coletivamente construída e reproduzida ao longo do tempo. simultaneamente. mutável e seletiva. para isso. tribo. Dito de outra forma. decide preservar como patrimônio coletivo.creasp. Cristo Redentor (Rio de Janeiro). a função de (re)memorar acontecimentos mais importantes. Tem. família.org. que são considerados de interesse coletivo. fica registrado para as gerações futuras. portanto. uma convocação do passado. Referência: http://www. política. reproduzem e materializam o saber. científica.pdf. isto é. A memória social legitima a identidade de um grupo. a memória. que será transmitida às gerações futuras. Ruínas de São Miguel das Missões (Rio Grande do Sul). do país. suficientemente relevantes para a perpetuação no tempo. é uma manifestação. comunidade religiosa. daí a relação com o conceito de memória social. a memória social é dinâmica.Paulo). da nação. como as diferentes sociedades formam e transmitem o seu conhecimento acumulado ao longo dos tempos.br/arquivos/publicacoes/patrimonio_historico. um testemunho. de um grupo étnico. A memória histórica é entendida como o «passado vivido». clã. O patrimônio faz recordar o passado. recorrendo. uma invocação. ou melhor. como elas formam e transmitem a sua memória social. que um grupo. Segundo Halbwachs. constituído pela sucessão de acontecimentos/momentos marcantes na vida do grupo. o patrimônio é um elemento fundamental na construção da identidade social/cultural e.

que legitimam. em todas suas formas.Qual é a relação da memória social com a identidade? A memória reforça o sentimento de pertença identitária e. de certa forma.pdf. Estimulam relação mais sistêmica (integral) com a história. . reforçam e reproduzem a identidade do grupo. Revelam a capacidade adaptativa e criativa do ser humano. valorizado e transmitido às gerações futuras como testemunho da experiência e das aspirações humanas. de expressões. porém se desenvolve plenamente em contato com outras.ubimuseum.pt/n01/docs/ubimuseum-n01-pdf/CS3-rodriguesdonizete-patrimonio-cultural-memoria-social-identidade-uma%20abordagemantropologica. Unesco Dessa forma. 2002. deve ser preservado. Essa é a razão pela qual o patrimônio. Acesso em 15/10/2014 Artigo 7 . A memória pode ser entendida como processos sociais e históricos. de coisas vividas. a fim de nutrir a criatividade em toda sua diversidade e estabelecer um verdadeiro diálogo entre as culturas. preservar os patrimônios culturais são importantes porque • • • • • Reforçam a identidade cultural. de narrativas de acontecimentos marcantes.O patrimônio cultural. Declaração Universal sobre a diversidade cultural. Toda criação tem suas origens nas tradições culturais.ubi. social e político das comunidades. Revelam a diversidade humana e estimulam a cooperação e diálogo entre as culturas. Disponível: http://www. fonte da criatividade. garante unidade/coesão e continuidade histórica do grupo. Contribuem para o desenvolvimento econômico.