Você está na página 1de 2

Instruções: Para responder às questões de l a 9, leia com atenção o texto abaixo.

O CABOCLO, O PADRE E O ESTUDANTE.
Um estudante e um padre viajavam pelo sertão, tendo como carregador de bagagens um
caboclo. Deram-lhes numa casa um pequeno queijo de cabra. Não sabendo como dividi-lo,
mesmo porque chegaria um pequeno pedaço para cada um, o padre resolveu que todos
dormissem e o queijo seria daquele que tivesse, durante a noite, o sonho mais bonito, pensando
engabelar todos com os seus recursos oratórios. Todos aceitaram e foram dormir. À noite, o
caboclo acordou, foi ao queijo e comeu-o.
Pela manhã, os três sentaram à mesa para tomar o café e cada qual teve de contar o seu sonho. O
padre disse ter sonhado com a escada de Jacob e descreveu-a brilhantemente. Por ela, ele subia
triunfantemente para o céu. O estudante, então, narrou que sonhara já dentro do céu à espera do
padre que subia.
O caboclo sorriu e falou: - Eu sonhei que via seu padre subindo a escada e seu doutor já dentro
do céu, rodeado de amigos. Eu ficava na terra e gritava:
- Seu doutor, seu padre, o queijo! Vosmincês esqueceram o queijo. Então, vosmincês
respondiam de longe, do céu.
- Come o queijo, caboclo! Come o queijo, caboclo! Nós estamos no céu, não queremos queijo.
- O sonho foi tão forte que eu pensei que era de verdade, levantei-me, enquanto vosmincês
dormiam, e comi o queijo...
(CASCUDO, Luís da Câmara. Cantos Tradicionais do Brasil)
No texto lido, três personagens ganham um pequeno queijo. O conflito está centralizado na
decisão de:
entregar ou não o queijo à personagem que tinha mais necessidade dele.
dividir o queijo em partes iguais, para que os três pudessem prová-lo.
vender o queijo e, depois dividir o dinheiro entre as três personagens.
escolher uma forma de competição cujo vencedor receberia o queijo inteiro.
qual deles seria eleito o melhor contador de histórias de terror.
O texto apresenta uma situação inesperada, de humor, que fica evidente:
na esperteza do caboclo, que consegue enganar o padre e o estudante.
na falta de caráter do padre, que quer se aproveitar de sua superioridade.
c) na simplicidade do estudante, que se aproveita do sonho do padre, para contar o seu.
na situação divertida de haver um só queijo, e pequeno, para três pessoas.
na situação absurda de três pessoas tão diferentes estarem viajando juntas.
Analise a alternativa que indica a ordem correta dos fatos narrados no texto:
os dois amigos o caboclo a viagem
o acordo realizado.
o queijo
a viagem a solução
o descanso na casa
a viagem
o queijo o acordo
a solução inesperada
chegada à casa o queijo o acordo
a viagem
o acordo
a solução chegada à casa o descanso na casa
A história está sendo contada:
pelas três personagens, uma de cada vez.
pelo dono da casa e do queijo.
pelo caboclo que carregava as malas.
por um narrador, de fora dos acontecimentos.
pelo padre.

“-Seu doutor.Eu sonhei que via seu padre subindo a escada e seu doutor lá dentro do céu . rodeado de amigos. a idéia de surpresa e a intensidade da voz do caboclo diante do “esquecimento” do padre e do estudante. 7) A ausência do verbo sorriu na segunda frase: dificulta a compreensão da fala do caboclo.Eu sonhei que via seu padre subindo a escada e seu doutor lá dentro do céu. pois o padre era surdo. aproveitando-se do sonho contado pelo padre.Assinale a alternativa correta. porque eram mais velhos e mais espertos. caboclo! Come. o ponto de exclamação reforçou: a idéia de dúvida no tom da voz do caboclo. pois sorriu pode revelar uma segunda intenção do caboclo não altera em nada a compreensão da fala do caboclo. realmente. o queijo!” temos dois exemplos de frases: interrogativas exclamativas declarativas afirmativas declarativas negativas imperativas “– Eu sonhei que via seu padre subindo a escada e seu doutor lá dentro do céu. enganando os outros dois. a palavra doutor refere-se: a vosmincês ao estudante ao padre ao caboclo a Deus .. o queijo!” No final dessa frase.. rodeado de amigos”. o queijo. Eu. Em “Come. dá mais leveza a frase. o sentimento de entusiasmo do caboclo diante da possibilidade de comer sozinho o queijo. prova que ele era. Observe: O caboclo sorriu e falou: .. O estudante. rodeado de amigos. seu padre. O caboclo tenta ser o mais esperto mas acaba saindo-se mal. modifica a compreensão. o mais esperto de todos. em relação às personagens do texto: O padre queria enganar os outros dois. a necessidade de gritar do caboclo para ser ouvido. Eu. sem o vocábulo sorriu não é possível concluir que o caboclo era um sujeito alegre e feliz... No texto. mas o caboclo mostra ser o mais esperto de todos. O padre. O caboclo falou: .. acaba se mostrando mais esperto que os outros dois. o susto do caboclo diante do queijo. O caboclo e padre conseguem enganar o estudante.

Interesses relacionados