Você está na página 1de 26

ESPELHOS PLANOS

Prof. CAMILA
Relembrando:
As leis da Reflexão
O raio incidente, o raio refletido e a normal
estão no mesmo plano;
O ângulo de incidência e o ângulo de
reflexão são iguais.
ESPELHOS PLANOS

São aqueles que possuem superfície lisa e


polida, capazes de refletir regularmente a luz.

Os espelhos são formadas por superfícies


metálicas encobertas por um vidro, que serve
para protegê-lo da ação do ar e umidade.
Imagens no espelho

Como representamos um espelho plano:

As hachuras representam a parte opaca do espelho plano.


A reflexão da luz no espelho plano
Formação de imagens no espelho plano

 Você tem um espelho plano a sua frente, mais ou


menos a uns 50 cm de você. Se você, observando
sua imagem, aproxima lentamente uma caneta do
espelho, o que acontece com a sua imagem e com a
imagem da caneta? Você percebe que aproximando a
caneta do espelho, a imagem da caneta também se
aproxima do espelho? E a sua imagem continua no
mesmo lugar?
 Com isso temos a noção de profundidade.
 Então podemos fazer a primeira representação de
uma imagem no espelho plano.

A distância entre objeto-espelho e


espelho-imagem são iguais.
As imagens num espelho plano são sempre
invertidas.
A construção de imagens segue os
seguintes passos:
1°) Obtemos o ponto O’, simétrico ao ponto O
em relação ao plano do espelho.

d = d’
 2°) Traçamos o raio incidente OI. O raio refletido é
traçado como se ele originasse do ponto O’ e
passasse pelo ponto I.
3°) Como os triângulos OIM e O’IM são
congruentes, afirmamos que a=b.
4°) Pela propriedade matemática dos ângulos
alternos internos, vemos que:
i=a e r=b
Como vimos anteriormente:
a=b

E agora vimos também:


i=a e r=b

Então podemos concluir que:


i=r

ou seja, o ângulo de incidência é igual ao


ângulo de reflexão!
Relembrando:
Campo visual de um espelho plano

 Você já deve ter percebido que, quando observamos


um espelho plano, se mudarmos a nossa posição
diante dele, também alteramos aquilo que está sendo
visto através do espelho.

 A região do espaço que é possível ser vista através


do espelho é chamada de campo visual.
Considere um observador diante de um
espelho plano como mostra a figura a seguir.
 Para determinar o campo visual do espelho para esse
observador, vamos reproduzir esse ponto atrás do
plano do espelho.
 Desse novo ponto o’ traçaremos duas retas que
tangenciam a borda do espelho, como mostra a figura
O campo visual será a região que se encontra
acima do plano do espelho e entre as retas que
tangenciam a borda do espelho.
 Note que o observador, na verdade, está recebendo
luz que vem do campo visual, essa luz reflete no
espelho e chega aos seus olhos.
Associação de dois espelhos planos
Com a associação de espelhos podemos obter
várias imagens de um mesmo objeto.
Dependendo do ângulo entre os espelhos,
podemos ter um número relativamente grande
de imagens.

Teoricamente , obtêm-se infinitas imagens


quando associamos dois espelhos
paralelamente.
O número n de imagens formadas numa
associação entre dois espelhos planos
depende do ângulo entre eles.
Por exemplo, numa associação de espelhos
com um ângulo de 90°temos:
OBRIGADA!