Departamento de Infância e Juventude

SETOR INFÂNCIA

Proposta Curricular para
as Escolas Espíritas de
Evangelização Infantil

Trabalho elaborado por:
Alice Campos – Coordenadora do Setor Infância DIJ / FEEES
Colaboração de :

Rose Mary Thiengo – Diretora do DIJ / FEEES
Edmar Thiengo – Coordenador do Setor Juventude DIJ / FEEES
Fabiano Santos – Assessor do DIJ / FEEES

Vitória, janeiro de 2003

1

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

Introdução .................................................................................

3

Metodologia ..............................................................................

4

Estrutura de um Plano de Aula ...............................................

5

Conteúdo Programático ...........................................................
 Maternal - 1o. Ano .................................................................
 Jardim - 1o. Ano ....................................................................
 1o. Ciclo - 1o. Ano ................................................................
 2o. Ciclo – 1o. Ano ................................................................
 3o. Ciclo – 1o. Ano ................................................................
 Maternal – 2o. Ano ................................................................
 Jardim – 2o. Ano ...................................................................
 1o. Ciclo – 2o. Ano ................................................................
 2o. Ciclo – 2o. Ano ................................................................
 3o. Ciclo – 2o. Ano ................................................................

6
7
11
16
21
26
31
35
40
45
50

Bibliografia para Pesquisa e Elaboração das Aulas .............

55

2

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

O advento do Espiritismo, como anunciado por Jesus, está permitindo ao
homem um maior conhecimento sobre si; acerca de suas potencialidades
latentes, bem como, contribuindo para a melhoria do cidadão que busca
compreender – à luz da razão – os ensinamentos do Mestre.
O desenvolvimento das perfectibilidades do indivíduo – como assinalou
Kant – é o desenvolvimento das potencialidades de que nos fala o Espiritismo,
objetivando a construção do Homem de Bem, cujo modelo é o nosso Irmão
Maior.
Como preparar as criaturas para enfrentar os diversos momentos de
invigilância que todos padecemos? Como despertar nas consciências a prática
da caridade ? De que forma devemos incentivar o amor, como sublimidade das
aspirações humanas? No dizer de Herculano Pires, “como formar elementos
indutores do progresso” ?
A contribuição da Casa Espírita nesse processo de auto-conhecimento,
através do estudo sistemático proporcionado pela Evangelização Espírita das
Crianças, tem se mostrado singular no apoio à reforma íntima.
É nesse contexto que o presente trabalho se enquadra. Não para
substituir quaisquer outros, mas para apoiar didaticamente os evangelizadores,
de forma direta, na construção de seus planos de aulas. Ele teve como ponto
de partida o trabalho editado pela Federação Espírita Brasileira – FEB intitulado
Currículo para as Escolas de Evangelização Espírita Infanto-Juvenil .
O objetivo do Setor Infância do Departamento de Infância e Juventude
da Federação Espírita do Estado do Espírito Santo com o presente trabalho é
proporcionar às Casas Espíritas um referencial para o trabalho de
Evangelização Infantil, de forma sistemática, introduzindo a unidade de
abordagem como princípio do trabalho com qualidade.
Cabe ressaltar a iniciativa e ao mesmo tempo a oportunidade aberta aos
evangelizadores de desenvolverem seus temas a partir de um referencial e de
uma bibliografia básica como sustentação.
A implementação da estrutura de ensino proposta no presente trabalho,
busca, ainda, estimular nos evangelizandos o desenvolvimento da capacidade
de análise construtiva; a formação de auto-imagem positiva, além de despertar
para o exercício das virtudes num momento de formação de sua personalidade
na presente encarnação, possibilitando o desenvolvimento dos talentos.
Fica o incentivo para que as Casas Espíritas priorizem em suas
atividades aquela que com certeza propiciará benefícios imensuráveis a todos
aqueles que dela participarem , pois, educar é um ato de amor e o amor é a
sublimidade dos sentimentos !
Fabiano Santos

3

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

Segundo o Currículo para as Escolas de Evangelização Espírita Infanto
Juvenil, editado pela Federação Espírita Brasileira, no desenvolvimento do
conteúdo das aulas o evangelizador deverá – segundo os recursos disponíveis
– utilizar uma metodologia que propicie a participação ativa dos
evangelizandos por meio de : problematização, debate, exposição interativa dialogada, pesquisa, experimentação, trabalho em grupo, dramatização,
construção de modelos, estudo do meio, seminário, apresentação de aulas
pelos alunos, artes cênicas (música, teatro e suas modalidades), artes
plásticas (desenho, pintura, modelagem, etc) e outros procedimentos que
estejam de acordo com essa mesma orientação metodológica.
A interatividade proposta pela metodologia cria um ambiente propício à
retenção, pelo evangelizando, do conteúdo proposto, permitindo melhor fixação
da mensagem e facilitando o seu exercício prático.
Não se pode perder de vista os ensinamentos de Kardec de que se
reconhecerá o verdadeiro espírita pela sua capacidade de transformação, e
esta só se fará com a prática dos ensinamentos trazidos pelo Mestre Jesus e
esclarecidos pelo Consolador.

4

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

A estrutura apresentada, a seguir, tem por objetivo facilitar o
evangelizador na tarefa de elaboração do plano de aula. Não se trata de um
documento rígido e sim uma sugestão, podendo ser adaptado de acordo com
as características da estrutura da Escola de Evangelização da Casa Espírita.
Casa Espírita : ....
Data:

/

/

Idade: .........

Ciclo: .................

TEMA:
OBJETIVO:
DESENVOLVIMENTO DA AULA :
-

-

Recepção dos evangelizandos
Prece inicial – com música
Incentivação Inicial – utilizar materiais que despertem o interesse do
evangelizando pela aula
Recursos Didáticos – para facilitar a assimilação do conteúdo. Exemplo:
narração, exposição, recursos audiovisuais , história
(deverá ser
previamente escolhida, adaptada ao tema da aula, de preferência com
ilustrações).
Verificação/ Fixação – utilizar atividades que visem a fixação do conteúdo.
Exemplo: colagem, pintura, desenho, música relacionada ao tema da
aula, etc.
Atividade Recreativa – jogos, brincadeiras com objetivos de socialização,
respeito, disciplina, ordem, etc.
Material Didático: listar o material utilizado para a execução das atividades
(exemplo: lápis, caneta, papel, giz de cera, etc).
Avaliação – atividades que possam verificar a assimilação do conteúdo
apresentado
Registro de presenças
Prece Final – com música

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:
elaboração da aula

Registrar os livros utilizados na

5

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

6

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE I - NOSSA ESCOLINHA DE EVANGELHO
UNIDADE II - DEUS
UNIDADE III - MINHA FAMÍLIA
UNIDADE IV - MEU CORPINHO
UNIDADE V – MEU CORPINHO PROTEGIDO
UNIDADE VI – CRIANÇA EDUCADA
UNIDADE VII – DEUS CRIOU AS PLANTAS E OS ANIMAIS
UNIDADE VIII - CRIANCINHAS DE JESUS
UNIDADE IX - O NATAL ESTÁ PERTINHO

As aulas comemorativas – Dia das Mães, Dia dos Pais,
Dia das Crianças, Dia do Livro Espírita, Aniversário de
fundação da Casa Espírita, Natal e outras – poderão ser
incluídas no calendário das atividades.

7

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

PROGRAMA PARA O MATERNAL – 1o. ANO
UNIDADE I - NOSSA ESCOLINHA DE EVANGELHO
Abertura: Boas Vindas/ Atividades de Integração/ Recreação.
1ª Aula: Minha Escolinha de Evangelho é assim ...
2ª Aula: Meus coleguinhas, meus amigos.
3ª Aula: Meus titios (evangelizadores) gostam de mim.
4ªAula: Minha escolinha tem muita gente.
UNIDADE II - DEUS
5ª Aula: Deus é nosso Papai do Céu.
6ª Aula: Conversando com Papai do Céu.
7ª Aula: Papai do Céu me protege.
8ª Aula: Cantando para Papai do Céu.
UNIDADE III - MINHA FAMÍLIA
9ª Aula: Minha mamãe é assim... Ela se chama...
10ª Aula: Meu papai é assim... Ele se chama...
11ª Aula: Meus irmãozinhos são assim.... Eles se chamam....
12ª Aula: Lá em casa mora muita gente.
UNIDADE IV - MEU CORPINHO
13ª Aula: Bato palmas e sei pular.
14ª Aula: Minha boca e meus dentinhos.
15ª Aula: Eu sinto e vejo...
16ª Aula: Conheço pelo cheiro.
17ª Aula: Meu cabelo é assim...
8

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE V – MEU CORPINHO PROTEGIDO
18ª Aula: O banho de todo dia.
19ª Aula: De roupinha bem limpinha.
20ª Aula: Lavo as mãos antes das refeições.
21ª Aula: Tomo remédios quando preciso.
UNIDADE VI – CRIANÇA EDUCADA
22ª Aula: Respeito mamãe e papai.
23ª Aula: Sei pedir e agradecer.
24ª Aula: Bom dia!... Boa tarde!... Boa Noite!...
25ª Aula: Sei fazer carinho.
26ª Aula: Brinco sem brigar.
UNIDADE VII – DEUS CRIOU AS PLANTAS E OS ANIMAIS
27ª Aula: Um bichinho de estimação.
28ª Aula: Os animais que eu mais gosto são...
29ª Aula: No jardim tem muitas flores.
30ª Aula: Como frutas e verduras.
UNIDADE VIII - CRIANCINHAS DE JESUS
31ª Aula: Sei ouvir em silêncio.
32ª Aula: Sou criança obediente.
33ª Aula: Tenho muitos coleguinhas.
34ª Aula: Sei desculpar e pedir desculpa.

9

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE IX - O NATAL ESTÁ PERTINHO
35ª Aula: Jesus nasceu! Que alegria!
36ª Aula: Uma caminha (manjedoura) para Jesus.
37ª Aula: Os pais de Jesus.
38ª Aula: Os animaizinhos que viram Jesus nascer.
39ª Aula: Uma linda árvore de Natal!
40ª Aula: Natal, dia de paz e de muito amor.

10

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE I - SOMOS AMIGOS E COMPANHEIROS
UNIDADE II - LEI DIVINA OU LEI NATURAL - LEI DE AMOR
UNIDADE III

- LEI DE ADORAÇÃO

UNIDADE IV - LEI DE TRABALHO
UNIDADE V - LEI DE REPRODUÇÃO
UNIDADE VI -- LEI DE CONSERVAÇÃO
UNIDADE VII -

LEI DE DESTRUIÇÃO

UNIDADE VIII - LEI DE SOCIEDADE
UNIDADE IX - LEI DE PROGRESSO
UNIDADE X - LEI DE IGUALDADE
UNIDADE XI - LEI DE LIBERDADE
UNIDADE XII - LEI DE JUSTIÇA, AMOR E CARIDADE
UNIDADE XIII - PERFEIÇÃO MORAL

As aulas comemorativas – Dia das Mães, Dia dos Pais,
Dia das Crianças, Dia do Livro Espírita, Aniversário de
fundação da Casa Espírita, Natal e outras – poderão ser
incluídas no calendário das atividades.

11

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

PROGRAMA PARA O JARDIM - 1o. ANO
UNIDADE I - SOMOS AMIGOS E COMPANHEIROS
Abertura: Boas Vindas/ Atividades de Integração/ Recreação.
1ª Aula: É bom conhecer novos amigos e rever os amigos antigos.
2ª Aula: Temos amigos na Escola que estudamos, na Escola do Evangelho,
onde moramos, etc ...
3ª Aula: O que aprendemos na escola que estudamos e na Escola do
Evangelho.
4ª Aula: A Escolinha do Evangelho (Casa Espírita) é muito importante
para todos nós.
UNIDADE II - LEI DIVINA OU LEI NATURAL - LEI DE AMOR
5ª Aula: Deus é nosso Pai que nos ama e nunca nos esquece, está sempre
nos ajudando.
6ª Aula: Deus protege a todos nós e a toda sua criação.
7ª Aula: Somos todos irmãos, filhos de Deus, por isso devemos amar uns
aos outros.
8ª Aula: Devemos sempre fazer o bem a todos. O que é bom para nós também
é bom para o nosso irmão.
9ª Aula: Somos diferentes (fisicamente), mas Deus ama a todos igualmente.
UNIDADE III

- LEI DE ADORAÇÃO

10ª Aula: Podemos e devemos conversar todos os dias com Deus.
11ª Aula: Deus sabe o que sentimos através da nossa oração.
Precisamos ser verdadeiros.
12ª Aula: Deus sabe o que é melhor para nós. Quando não atende nosso
pedido é porque não nos fará bem.
13ª Aula: As boas ações são as melhores preces.

12

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE IV - LEI DE TRABALHO
14ª Aula: A colaboração no lar é importante para toda a família viver feliz.
15ª Aula: Quando estudamos e fazemos as nossas tarefas da escola,
estamos aproveitando bem o nosso tempo.
16ª Aula: O trabalho do papai é assim.... O trabalho da mamãe é assim....
17ª Aula: O trabalho é importante não somente para ganharmos dinheiro e
comprar comida, roupas, brinquedos, mas também para sermos
mais inteligentes , educados e felizes.
UNIDADE V - LEI DE REPRODUÇÃO
18ª Aula: O amor que papai e mamãe sentem um pelo outro é muito
importante para o nascimento dos filhos.
19ª Aula: Quando ganhamos nossos irmãozinhos, nossa família
cresce e ficamos mais felizes.
UNIDADE VI - LEI DE CONSERVAÇÃO
20ª Aula: O nosso corpo é um presente que Deus nos deu. Devemos mantê-lo
sempre limpinho para termos saúde.
21ª Aula: Devemos nos alimentar bem para não ficarmos doente.
22ª Aula: O que podemos fazer para conservar a Natureza que Deus criou?
23ª Aula: Os cuidados que devemos ter com a nossa casa, nossos objetos,
nossos brinquedos, nossos bichinhos de estimação, etc.
UNIDADE VII - LEI DE DESTRUIÇÃO
24ª Aula: Os animais que servem de alimento para nossa saúde:
peixe, galinha, porco, boi, etc.
25ª Aula: As plantas que servem de alimento para nossa saúde.
26ª Aula: As plantas que servem de remédio para nossa saúde.

13

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE VIII - LEI DE SOCIEDADE
27ª Aula: Quando nascemos, somos bebês, precisamos do carinho e
cuidados dos nossos pais, avós, irmãos, tios.
28ª Aula: Na escola encontramos nossos amigos e professores que
nos ajudam nas tarefas.
29ª Aula: Todas as crianças necessitam de carinho e atenção.
UNIDADE IX - LEI DE PROGRESSO
30ª Aula: Estudar é muito importante para o nosso progresso. Todos
os alunos vão à escola para aprender.
31ª Aula: Estamos crescendo e aprendendo coisas novas e importantes
para o nosso futuro e o de muitas pessoas.
UNIDADE X - LEI DE IGUALDADE
32ª Aula: Diante de Deus todos os homens são iguais, com os mesmos
direitos mas funções diferentes. As funções do homem e as
funções da mulher são ...
33ª Aula: O mais forte ajuda o mais fraco, o rico ajuda o pobre, o que
sabe mais ajuda o que sabe menos. Assim o mundo será melhor.
UNIDADE XI - LEI DE LIBERDADE
34ª Aula: Devemos respeitar a propriedade alheia em qualquer lugar:
no lar, na escola, na rua, etc.
35ª Aula: Ninguém pode nos impedir de pensar. Portanto devemos ter
sempre bons pensamentos.
UNIDADE XII - LEI DE JUSTIÇA, AMOR E CARIDADE
36ª Aula: Jesus nos ensinou: Queira para os outros o que você quer
para você mesmo.
37ª Aula: Todos nós precisamos perdoar os nossos irmãos para
sermos perdoados.
38ª Aula: Ajudando ao nosso semelhante, fazendo caridade,
seremos mais felizes.
14

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE XIII - PERFEIÇÃO MORAL
39ª Aula: Devemos melhorar nosso comportamento a cada dia: não
brigar com nossos irmãos, primos, amigos e colegas.
40ª Aula: Não devemos falar dos defeitos dos outros e sim corrigir
os nossos defeitos.

15

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE I - DEUS
UNIDADE II - PRECE
UNIDADE III - A FAMÍLIA
UNIDADE IV - AMOR AO PRÓXIMO
UNIDADE V - DEVERES CRISTÃOS
UNIDADE VI - EVOLUÇÃO ESPIRITUAL E MATERIAL
UNIDADE VII - A ESCOLA ESPÍRITA DE EVANGELIZAÇÃO
UNIDADE VIII - OS MISSIONÁRIOS DO ESPIRITISMO

As aulas comemorativas – Dia das Mães, Dia dos Pais,
Dia das Crianças, Dia do Livro Espírita, Aniversário de
fundação da Casa Espírita, Natal e outras – poderão ser
incluídas no calendário das atividades.

16

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

PROGRAMA PARA O 1º CICLO - 1o. ANO
UNIDADE I - DEUS
Abertura: Boas Vindas/ Atividades de Integração/ Recreação.
1ª Aula: Deus é nosso Pai, sempre sábio, que nos ama e
conhece nossas necessidades.
2ª Aula: A ordem e a harmonia que vemos na Terra, demonstram
a sabedoria e a Perfeição de Deus.
3ª Aula: Devemos a Deus gratidão por tudo que nos tem dado.
UNIDADE II - PRECE
4ª Aula: As palavras que usamos na prece devem ser espontâneas
e expressar sentimentos.
5ª Aula: O Pai Nosso I – “Pai Nosso que estás nos céus, santificado
seja o teu nome, venha a nós o teu reino, seja feita a tua
vontade, assim na terra como no céu”.
6ª Aula: O Pai Nosso II - “O pão nosso de cada dia nos dá hoje e
perdoa as nossas dívidas,assim com perdoamos aos nossos
devedores”.
7ª Aula: O Pai Nosso III – “Não nos deixe entregues à tentação, mas livra-nos
do mal, porque teu é o reino , o poder e a glória para sempre”.
UNIDADE III - A FAMÍLIA
8ª Aula: Aprender a amar e respeitar os pais e familiares, é o primeiro passo
para aprender a amar a Humanidade.
9ª Aula: Precisamos obedecer aos pais ou responsáveis, pois, são mais
experientes e só desejam o melhor para nós.
10ª Aula: Devemos amar nossos irmãos, pois, precisamos uns dos outros
para nosso crescimento espiritual.
11ª Aula: A organização do lar, depende da colaboração de todos.
12ª Aula: O lar é nossa primeira escola, onde recebemos os primeiros
cuidados, amor e carinho.
17

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE IV - AMOR AO PRÓXIMO
13ª Aula: O próximo a quem devemos servir é sempre a pessoa que se
encontra mais perto de nós.
14ª Aula: Quer seja da família, ou não, o próximo é, por todos os modos,
a criatura que se avizinha de nós e a quem Jesus nos recomenda
que amemos como a nós mesmos.
15ª Aula: Amar o próximo é compreendê-lo, ampará-lo, socorrê-lo e com ele
colaborar sempre que de nós necessite.
16ª Aula: Podemos ajudar os irmãos de toda a humanidade com preces e
pensamentos de amor.
17ª Aula: Podemos demonstrar gentileza num sorriso, num gesto, numa
palavra. Ser gentil, delicado, é natural em quem é educado.
18ª Aula: Devemos ser solidários uns com os outros – “A união faz a força”UNIDADE V - DEVERES CRISTÃOS
19ª Aula: AMIZADE – a amizade nos aproxima uns dos outros com o desejo
sincero de amar e servir. O amigo em nosso caminho é mais
importante do que todos os bens que possamos acumular.
20ª Aula: CARIDADE – a caridade não consiste apenas nas esmolas que
damos ou nos auxílios materiais que distribuímos. É um sentimento
de amor em favor do próximo.
21ª Aula: INDULGÊNCIA – a pessoa indulgente não vê os defeitos dos outros,
ou, se os vê, evita falar deles ou contar para os outros.
22ª Aula: PERDÃO - perdoar consiste no esquecimento total das ofensas
recebidas. Todos estamos sujeitos ao erro e por isso necessitamos
do perdão alheio.
23ª Aula: HUMILDADE – em Jesus encontramos o maior exemplo de
humildade. A humildade, longe de ser servidão, é, antes de tudo,
independência, liberdade interior que nasce nas profundezas do
Espírito.
24ª Aula: GRATIDÃO - a prática do Bem e a ajuda sincera ao semelhante é a
melhor maneira de expressar a nossa gratidão a Deus e a Jesus pelo
muito que deles recebemos sempre. Devemos gratidão a todas as
pessoas que nos auxiliam e nos servem de maneiras diferentes.

18

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

25ª Aula: ALEGRIA - “Se pretendes auxiliar alguém, começa mostrando
alegria.” (Emmanuel). A alegria restaura o equilíbrio e a paz em
nós, estendendo-se ao campo exterior em que nos projetamos.
26ª Aula: RESPONSABILIDADE – o homem responsável não se descuida
do cumprimento de seus deveres no lar, na rua, no trabalho e na
escola.
UNIDADE VI - EVOLUÇÃO ESPIRITUAL E MATERIAL
27ª Aula: Evoluir é progredir, é mudar para melhor. Evolução é a resultante
do esforço e do trabalho.
28ª Aula: Evolução Material – é a que se observa no meio onde se vive:
a melhoria das habitações, na alimentação, dos meios de transporte,
das comunicações, na medicina, etc.
29ª Aula: Evolução Espiritual – é aquela que se realiza no íntimo das criaturas.
UNIDADE VII - A ESCOLA ESPÍRITA DE EVANGELIZAÇÃO
30ª Aula: Quando nos matriculamos na EEE, estamos aceitando o convite de
Jesus: “Vinde a mim todos vós...”
31ª Aula: A EEE é o Departamento do Centro Espírita, que nos oferece as
primeiras lições da Doutrina dos Espíritos para nossa evolução
espiritual.
32ª Aula: A EEE tem seus programas de estudo elaborados, para transmitir
às crianças e jovens os ensinamentos básicos do Evangelho de
Jesus, à luz da Doutrina Espírita.
33ª Aula: Os Evangelizadores são os trabalhadores do Centro Espírita que nos
transmitem os ensinamentos básicos da Doutrina Espírita.
34ª Aula: O Centro Espírita é o templo de oração e oficina onde, entramos em
comunhão com Deus, Jesus e com os Amigos Espirituais que nos
assistem.
35ª Aula: O Centro Espírita é uma escola onde podemos aprender e ensinar,
plantar o Bem e recolher-lhe as graças pelas lições de Jesus.

19

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE VIII - OS MISSIONÁRIOS DO ESPIRITISMO

O EVANGELIZADOR DEVERÁ ILUSTRAR AS PRÓXIMAS AULAS COM DADOS
HISTÓRICOS , FOTOS OU GRAVURAS.

36ª Aula: Missão de Allan Kardec – Hippolyte Léon Denizard Rivail, nasceu
em 3 de Outubro de 1804, em Lion, na França, com a grandiosa
missão de abrir caminho ao Espiritismo, a grande voz do Consolador,
prometido ao mundo por Jesus.
37ª Aula: No Brasil destacamos os trabalhos de vários seareiros espíritas
como:
- Bezerra de Menezes ( o Kardec brasileiro)
- Eurípedes Barsanulfo
38ª Aula: Destacamos também no Brasil:
- Cairbar Schutel, Batuíra, Bittencourt Sampaio.
- No nosso estado destacamos Jeronymo Ribeiro
39ª Aula: Francisco Cândido Xavier – desenvolveu a cerca de meio século
trabalhos no campo mediúnico. Conhecido no mundo todo por
suas obras.
40ª Aula: Analisando os trabalhos dos missionários do Espiritismo,
compreendemos que o melhor modo de expressar o nosso
respeito a eles é seguir-lhes os exemplos.

20

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE I - DEUS
UNIDADE II - A PRECE
UNIDADE III - JESUS, IRMÃO E MESTRE
UNIDADE IV - DEVERES CRISTÃOS
UNIDADE V - A MISSÃO DE ALLAN KARDEC
UNIDADE VI - IMORTALIDADE DA ALMA
UNIDADE VII - PROGRESSÃO DOS ESPÍRITOS
UNIDADE VIII - O CENTRO ESPÍRITA E OS
MISSIONÁRIOS DO
ESPIRITISMO

As aulas comemorativas – Dia das Mães, Dia dos Pais,
Dia das Crianças, Dia do Livro Espírita, Aniversário de
fundação da Casa Espírita, Natal e outras – poderão ser
incluídas no calendário das atividades.

21

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

PROGRAMA PARA O 2o. CICLO – 1o. ANO
UNIDADE I - DEUS
Abertura: Boas Vindas / Atividades de Integração / Recreação.
1ª Aula: Deus está em toda parte; vê tudo, a tudo preside, mesmo às mais
íntimas coisas; nisso consiste a sua ação providencial.
2ª Aula: Quanto mais analisamos a natureza e as Leis que a regem, assim
como todo o Universo, entendemos melhor aquele que é o criador
de todas as coisas e todos os seres: Deus.
3ª Aula; Tendo em Deus, o Pai de todas as criaturas, reconhecemos que,
indistintamente, somos todos irmãos.
UNIDADE II - A PRECE
4ª Aula: A prece ilumina, tranqüiliza, orienta e consola.
5ª Aula: Há muita diferença entre orar e declamar; portanto, a oração
deve ser simples e espontânea.
6ª Aula: Necessitamos não só do alimento à sustentação das forças
físicas, mas também do alimento espiritual para o desenvolvimento
do nosso Espírito.
UNIDADE III - JESUS, IRMÃO E MESTRE
7ª Aula: Inúmeras vezes Jesus ressaltou a sua condição de filho de Deus,
portanto, nosso irmão; e, quando chamado de Mestre, deixou claro
que verdadeiramente o era.
8ª Aula: Jesus deixou os planos superiores para estender suas mãos a nós
outros, irmãos necessitados, em evolução na Terra.
9ª Aula: Devemos demonstrar nossa condição de discípulos de Jesus, pelo
procedimento correto em casa, na rua, na escola, no trabalho e na
sociedade; “amai-vos uns aos outros como eu vos amei...”
10ª Aula: Jesus, ao trazer a sua mensagem de Amor `a Humanidade, contou
com a colaboração dos homens que se integraram mais diretamente
à sua missão: Os discípulos, que se transformaram em apóstolos,
continuadores da sua tarefa.
11ª Aula: Todos aqueles que ouvem os ensinamentos de Jesus e os
praticam são os continuadores na execução do trabalho realizado
22

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

pelos apóstolos do tempo de Jesus.
UNIDADE IV - DEVERES CRISTÃOS
12ª Aula: BOAS OBRAS - Como espíritas compete-nos esforçar para que as
ações expressem sempre e unicamente o bem, em favor de todas
as criaturas.
13ª Aula: COLABORAÇÃO – É uma necessidade constante em todos os
setores da vida.
14ª Aula: HUMILDADE - É uma das maiores conquistas do Espírito, é antes
de tudo, independência, liberdade interior.
15ª Aula: PACIÊNCIA – Com paciência adquirirmos todos os valores
evolutivos do Espírito alcançando assim, horizontes mais elevados.
16ª Aula: GRATIDÃO – Devemos expressar nossa gratidão (não somente com
palavras, mas principalmente através de atos) a Deus, aos pais,
instrutores, irmãos, amigos e a todos que nos auxiliam e nos
servem.
17ª Aula: DISCIPLINA E ORDEM – Devemos desde cedo atender com
pontualidade nossos compromissos (horário escolar, hora para
levantar, para fazer as refeições, para estudar, para recrear, para
deitar, etc) e manter em boa ordem tudo o que nos diz respeito (conservação do material escolar, objetos pessoais, etc.).
18ª Aula: GENTILEZA - ser gentil, é ser amável, é ceder procurando evitar
conflitos com os semelhantes, é oferecer ao próximo tudo aquilo que
de melhor vai em nosso íntimo. A gentileza é o agente da tranquilidade e da harmonia.
UNIDADE V - A MISSÃO DE ALLAN KARDEC
19ª Aula: A 3 de Outubro de 1804, em Lion, na França, nasceu Hippolyte
Léon Denizard Rivail- Allan Kardec – com a grandiosa missão de
abrir caminho ao Espiritismo, a grande voz do Consolador prometido ao mundo por Jesus.
20ª Aula: As obras da codificação: O Livro dos Espíritos, O Livro dos Médiuns,
O Evangelho Segundo o Espiritismo, O Céu e o Inferno e A Gênese.
21ª Aula: Idéias básicas sobre O Livro dos Espíritos: esta obra nos apresenta,
em 1018 perguntas, as respostas acerca do ser (o homem), de sua
origem e destino, da razão da sua presença na Terra e dos problemas da vida.
22ª Aula: Idéias básicas sobre O Livro dos Médiuns: Kardec procurou nesta
obra, esclarecer todas as questões que se relacionam com a prática
23

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

mediúnica.
23ª Aula: Idéias básicas sobre O Evangelho Segundo o Espiritismo: trata-se do
aspecto religioso da Doutrina Espírita. É um convite que a Espiritualidade nos faz para entendermos e vivermos a mensagem do Cristo.
24ª Aula: Idéias básicas sobre O Céu e o Inferno: nesta obra encontramos
recursos para entender que os gozos e penas após a desencarnação são inerentes ao grau de perfeição dos espíritos.
25ª Aula: Idéias básicas sobre A Gênese: encontramos explicações lógicas
e racionais para entendermos os fatos inusitados que se desdobram em todos os pontos do planeta e recursos para conduzirmos
com serenidade e segurança frente aos mesmos.
UNIDADE VI - IMORTALIDADE DA ALMA
26ª Aula: O Espiritismo nos comprova que o túmulo não significa o término
de nossa vida, a qual se desdobra no Plano Espiritual.
27ª Aula: Certos da imortalidade da alma e de sua individualidade, sentimonos felizes e confiantes num futuro muito melhor.
28ª Aula: Assim como acordamos diariamente para prosseguir em nossa
jornada, reencarnamos inúmeras vezes, buscando nossa evolução
espiritual.
UNIDADE VII - PROGRESSÃO DOS ESPÍRITOS
29ª Aula: A evolução é para o Espírito uma dádiva de Deus, permitindo o
progresso constante da criatura em sua jornada.
30ª Aula: Deus criou todos os espíritos simples e ignorantes, isto é, sem
recursos e conhecimentos, dando a todos idênticas oportunidades
de buscarem, por si mesmos, a perfeição.
31ª Aula: A evolução dependerá sempre da vontade e do esforço de cada um
em por em prática os conhecimentos adquiridos, razão porque uns
progridem mais rapidamente do que os outros.
32ª Aula: As diferenças intelectuais e morais observadas entre os Espíritos
são decorrentes da posição evolutiva por eles alcançada.

24

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE VIII - O CENTRO ESPÍRITA E OS MISSIONÁRIOS DO
ESPIRITISMO
33ª Aula: O Centro Espírita é um templo de oração onde, sob as bençãos do
Evangelho entramos em comunhão com Deus, com Jesus e com os
Amigos Espirituais.
34ª Aula: O Centro Espírita é uma oficina de trabalho, é uma escola, é um
hospital. (Dar o significado de cada expressão)
35ª Aula: Os departamentos do Centro Espírita são ...
36ª Aula: A Escola Espírita de Evangelização é o Departamento do Centro a
que nos vinculamos e que nos oferece as primeiras oportunidades
de identificação com as tarefas espíritas cristãs.

ILUSTRAR AS PRÓXIMAS AULAS COM DADOS HISTÓRICOS, FOTOS , GRAVURAS.

37ª Aula: Destacamos no Brasil vários seareiros espíritas como:
- Bezerra de Menezes – o Allan Kardec brasileiro - Eurípedes Barsanulfo .
38ª Aula: Destacamos também como seareiros espíritas: Cairbar Schutel,
Batuíra, Bittencourt Sampaio, Leopoldo Machado. No nosso estado
destacamos : Jerônymo Ribeiro, Antonio Lugon, Lamartine
Palhano Jr.
39ª Aula: Francisco Cândido Xavier: Desenvolveu há cerca de meio século,
trabalhos no campo mediúnico. Conhecido no mundo todo por suas
obras.
40ª Aula: Analisando os trabalhos dos missionários do Espiritismo, compreendemos que o melhor modo de expressar o nosso respeito a eles é
seguir-lhes os exemplos.

25

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE I - DEUS
UNIDADE II - A PRECE
UNIDADE III - JESUS, IRMÃO E MESTRE
UNIDADE IV - DEVERES CRISTÃOS
UNIDADE V - AS OBRAS BÁSICAS E O ESPIRITISMO
UNIDADE VI - PLURALIDADE DOS MUNDOS HABITADOS
UNIDADE VII - OS ESPÍRITOS PROTETORES
UNIDADE VIII - OS MISSIONÁRIOS DO ESPIRITISMO

As aulas comemorativas – Dia das Mães, Dia dos Pais,
Dia das Crianças, Dia do Livro Espírita, Aniversário de
fundação da Casa Espírita, Natal e outras – poderão ser
incluídas no calendário das atividades.

26

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

PROGRAMA PARA O 3o. CICLO - 1o. ANO
UNIDADE I - DEUS
Abertura : Boas Vindas / Atividades de Integração / Recreação.
1ª Aula: O Espiritismo, iluminando os conceitos evangélicos, revela-nos Deus,
nosso Pai, como Inteligência Suprema que nos criou para a Perfeição.
2ª Aula: O desenvolvimento espiritual permite à criatura compreender Deus
cada vez melhor, sentindo-O em si mesmo, pois, todos somos
integrantes da obra da criação.
3ª Aula: A certeza de que não existe efeito sem causa, nos leva à conclusão
de que todo efeito inteligente que não foi concebido pelo homem,
provém do hálito criador de Deus.
UNIDADE II - A PRECE
4ª Aula: Por meio da prece emitimos vibrações mentais que retornam a nós,
pela providência divina, segundo o merecimento e necessidade de
cada um.
5ª Aula: Nas provas devemos rogar ao Pai que nos auxilie a sustentar a
consciência tranqüila nos deveres que nos competem realizar.
6ª Aula: Orai e Vigiai para não cair em tentação é a recomendação de Jesus,
mostrando-nos que, através do pensamento voltado a Deus e ao
trabalho vigilante do Bem , daremos alimento novo à nossa mente e
superaremos as nossas fraquezas.
UNIDADE III - JESUS, IRMÃO E MESTRE
7ª Aula: Histórias que Jesus contou – As Parábolas : O que eram e porque
Jesus ensinava através de parábolas.

ILUSTRAR COM GRAVURAS, MÚSICAS, DRAMATIZAÇÕES, ETC. , AS SEGUINTES
PARÁBOLAS:

8ª Aula: A Parábola do Semeador.
9ª aula: A Parábola do Bom Samaritano.
10ª Aula: A Parábola do Filho Pródigo.
11ª Aula: A Parábola da Ovelha Desgarrada.
27

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

12ª Aula: A Parábola do Joio e do Trigo.
13ª Aula: A Parábola dos Talentos.
UNIDADE IV - DEVERES CRISTÃOS
14ª Aula: RENOVAÇÃO ESPIRITUAL – não nos esqueçamos de que as coisas
materiais são transitórias e que só levaremos para o mundo espiritual
as nossas conquistas espirituais, conseguidas através de nossa
renovação íntima.
15ª Aula: O PENSAMENTO – Todas as obras humanas constituem o resultado
do pensamento das criaturas. O mal e o bem, o feio e o belo,
viveram, antes de tudo, na fonte mental que os produziu.
16ª Aula: ALEGRIA – Devemos sempre deixar um traço de alegria onde
passamos, pois, desse modo a alegria será sempre acrescentada
mais à frente. A pessoa que transmite alegria se torna mais simpática
evitando a solidão.
17ª Aula: HUMILDADE – Ser humilde, não é viver na miséria. O pobre que é
humilde sabe aceitar sua situação com resignação e o rico , que é
humilde, sabe aproveitar sua riqueza em favor do próximo, porque,
acima de tudo, a humildade é riqueza espiritual.
18ª Aula: AMIZADE – Devemos cultivar a amizade sincera evitando a amizade
por puro interesse em qualquer que seja a situação.
19ª Aula: ESFORÇO E PERSEVERANÇA - a dor, o obstáculo, o trabalho, a
luta edificante são valores que nos competem aproveitar.
20ª Aula: ESTUDO – Tanto quanto necessitamos do pão e da água para o
sustento do corpo físico, o estudo é imprescindível para a conquista
dos conhecimentos materiais e espirituais. Sem ele não há aprendizado e consequentemente não haverá progresso.
21ª Aula: RESPONSABILIDADE – O homem responsável não se descuida do
cumprimento de seus deveres no lar, na rua, no trabalho e na escola.
22ª Aula: INDULGÊNCIA – É o sentimento fraternal que necessitamos cultivar
para com os nossos irmãos, evitando censurar, criticar, fazer
observações chocantes e falar mal de quem quer que seja.

28

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE V - AS OBRAS BÁSICAS E ESPIRITISMO
23ª Aula: Recordando Allan Kardec – codificador da obra espírita.
24ª Aula: As obras da codificação: O Livro dos Espíritos, O Livro dos Médiuns,
O Evangelho Segundo o Espiritismo, O Céu e o Inferno e A Gênese.
25ª Aula: Idéias básicas sobre O Livro dos Espíritos: esta obra nos apresenta,
em 1018 perguntas, as respostas acerca do ser (o homem), de sua
origem e destino, da razão da sua presença na Terra e dos problemas da vida.
26ª Aula: Idéias básicas sobre O Livro dos Médiuns: Kardec procurou nesta
obra, esclarecer todas as questões que se relacionam com a prática
mediúnica.
27ª Aula: Idéias básicas sobre O Evangelho Segundo o Espiritismo: trata-se do
aspecto religioso da Doutrina Espírita. É um convite que a Espiritualidade nos faz para entendermos e vivermos a mensagem do Cristo.
28ª Aula: Idéias básicas sobre O Céu e o Inferno: nesta obra encontramos
recursos para entender que os gozos e penas após a desencarnação são inerentes ao grau de perfeição dos espíritos.
29ª Aula: Idéias básicas sobre A Gênese: encontramos explicações lógicas
e racionais para entendermos os fatos inusitados que se desdobram em todos os pontos do planeta e recursos para conduzirmos
com serenidade e segurança frente aos mesmos.
UNIDADE VI - PLURALIDADE DOS MUNDOS HABITADOS
30ª Aula: De acordo com os ensinos de Jesus, existem inúmeros mundos, ou
moradas, na Casa do Pai, ou seja, no Universo. A Terra não é o
único planeta habitado.
31ª Aula: Assim como os Espíritos progridem, também os planetas passam
por transformações evolutivas.
32ª Aula: Diferentes categorias de mundos: mundos primitivos, mundos de
provas e expiações ( Terra) , mundos de regeneração, mundos
ditosos, mundos celestes ou divinos, etc.
33ª Aula: A Terra – Além de escola, funciona como oficina de trabalho ou
hospital, onde recebemos a oportunidade de aprender, trabalhar e
curar as nossas enfermidades espirituais. A Reencarnação na Terra
não é somente um impositivo natural, mas também uma
oportunidade de aprendizado.
29

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

34ª Aula: O Brasil, considerado “Coração do Mundo, Pátria do Evangelho”,
representa a esperança da Espiritualidade num futuro melhor.
UNIDADE VII - OS ESPÍRITOS PROTETORES
35ª Aula: Ensina-nos a Doutrina Espírita, que todos contamos com a ajuda dos
Espíritos Desencarnados, voltados ao bem, os quais, pela intuição,
buscam nos orientar e auxiliar. São os chamados guias espirituais,
anjos da guarda, que se vinculam, particularmente, a um indivíduo
para protegê-lo. São entidades amigas, espíritos familiares desta ou
de outras encarnações.
36ª Aula: Assim como nós, também os lares, as famílias e as coletividades
contam com Espíritos Protetores, cuja elevação é sempre relativa à
importância da tarefa que desempenham.
37ª Aula: Em nossas dificuldades cumpre-nos solicitar a ajuda dos nossos
guias protetores, os quais, em nome de Deus nos auxiliam na
superação de nossas provas.
UNIDADE VIII - OS MISSIONÁRIOS DO ESPIRITISMO
38ª Aula: No Brasil destacamos os trabalhos de vários seareiros espíritas
como:
- Bezerra de Menezes ( o Kardec brasileiro)
- Eurípedes Barsanulfo
39ª Aula: Destacamos também no Brasil:
- Cairbar Schutel, Batuíra, Bittencourt Sampaio,
- Leopoldo Machado, Divaldo Pereira Franco
- No nosso estado destacamos Jeronymo Ribeiro, Antonio Lugon,
Lamartine Palhano Jr.
40ª Aula: Francisco Cândido Xavier – desenvolveu há cerca de meio século
trabalhos no campo mediúnico. Conhecido no mundo todo por
suas obras.

30

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE I – A CRIAÇÃO DIVINA
UNIDADE II – A LIGAÇÃO DO HOMEM COM DEUS
UNIDADE III – JESUS E SUA DOUTRINA
UNIDADE IV – RELAÇÕES FAMILIARES
UNIDADE V – RELAÇÕES SOCIAIS
UNIDADE VI – RELAÇÕES DO HOMEM COM A NATUREZA

As aulas comemorativas – Dia das Mães, Dia dos Pais,
Dia das Crianças, Dia do Livro Espírita, Aniversário de
fundação da Casa Espírita, Natal e outras – poderão ser
incluídas no calendário das atividades.

31

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

PROGRAMA PARA O MATERNAL – 2o. ANO
UNIDADE I – A CRIAÇÃO DIVINA
Abertura: Boas Vindas/ Atividades de Integração/ Recreação.
1ª Aula: O corpo – dádiva divina - somos seres identificáveis; temos nomes,
sexo, idade, etc...
2ª Aula: As diferentes partes do corpo e suas funções.
O que faço com minhas mãos, braços, pés, pernas, ...
3ª Aula: Somos parecidos ou diferentes uns dos outros : peso, tamanho, sexo,
cabelo, cor, ...
4ª Aula: Movimentos que posso realizar com o corpo : caminhar lenta e
rapidamente, saltar obstáculos, dançar, nadar, banhar-me, ...
5ª Aula: Os órgãos dos sentidos : visão e audição.
6ª Aula: Os órgãos dos sentidos : paladar e olfato.
7ª Aula: Os órgãos dos sentidos: tato (ponta dos dedos e pele).
8ª Aula: Higiene corporal: maneiras de cuidar do corpo - hábitos de higiene.
9ª Aula: Alimentação: maneiras de cuidar do corpo - boa alimentação.
10ª Aula: Deus Pai e Criador: Deus fez todas as coisas, todas as pessoas,
toda a Humanidade, a Natureza, etc.
11ª Aula: A Natureza – Obra de Deus: a terra para plantar, tirar os alimentos
que dão aos homens força e saúde.
12ª Aula: A água, indispensável à vida na Terra.
13ª Aula: A água das chuvas para as plantas.
14ª Aula: Deus criou as plantas que dão flores e frutos.
15ª Aula: Deus criou o Sol que aquece e ilumina a Terra.
16ª Aula: A Lua e as estrelas iluminam a Terra quando o Sol se esconde.
17ª Aula: Os animais são seres vivos criados por Deus. Tipos de animais:
pêlos, penas e os de escamas.

32

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

18ª Aula: Onde vivem os animais: na terra, na água, no ar e os que se
arrastam.
19ª Aula: Os insetos também fazem parte da criação de Deus. Tipos de insetos:
abelhas, mosquitos, formigas, etc.
20ª Aula: Os minerais não possuem vida: pedras, ouro, prata, ferro, etc.
21ª Aula: Cada tipo de mineral serve para uma determinada função.
UNIDADE II – A LIGAÇÃO DO HOMEM COM DEUS
22ª Aula: Agradecendo a Deus - devemos agradecer a Deus por todas as
obras de sua criação. Chama-se Prece ou Oração esse
agradecimento. Devemos fazê-lo em silêncio e pensando nas coisas
boas que Ele fez.
23a. Aula: Música para a fixação do conceito de prece.
(O Evangelizador deverá selecionar e ensinar uma música sobre a
prece).
UNIDADE III – JESUS E SUA DOUTRINA
24ª Aula: Seu Nascimento - local onde Jesus nasceu (estrebaria). Veio para
trazer lições de amor para toda a Humanidade.
25ª Aula: A Família da Jesus - os pais de Jesus e como Jesus os ajudava
nas tarefas.
26ª Aula: Jesus Nosso Mestre - Jesus é nosso Mestre, porque mestre, é
aquele que ensina. Veio ensinar os homens a serem bons.
UNIDADE IV – RELAÇÕES FAMILIARES
27ª Aula: O que é a Família e como vive - Deus criou os homens, os animais e
as plantas. Todos os elementos da criação divina foram reunidos em
famílias. Vivem em grupos.
28ª Aula: Família - os animais de uma mesma espécie ou família vivem
em grupos.
29ª Aula: Organização das Famílias - as famílias são constituídas de pai, mãe,
irmãos e às vezes também os avós. Devemos amar a todos da
nossa família.

33

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

30ª Aula: A Saúde da Família - podemos ajudar a manter nossa família
com saúde, colaborando na limpeza e na conservação do local
em que vivemos.
31ª Aula: Colaboração na Família - as crianças pequenas também podem
cooperar nas tarefas de casa.
32ª Aula: Obediência - obedecendo nossos pais ou responsáveis evitamos
perigos. Eles fazem tudo para que nada de mal nos aconteça.
UNIDADE V – RELAÇÕES SOCIAIS
33ª Aula: OS NOSSOS AMIGOS - precisamos ter amigos, não podemos viver
sozinhos. Dependemos uns dos outros.
34ª Aula: AMOR AO PRÓXIMO - o próximo é uma pessoa como nós: a
professora, o motorista de ônibus, o varredor de rua, o lixeiro, o
vendedor de sorvete, etc. Merecem nossa atenção e consideração.
35ª Aula: AMIZADE - para vivermos bem com nossos amigos devemos ter
boas maneiras, tratar todos com carinho, fazer favores e não brigar.
36ª Aula: ALEGRIA - ser alegre é mostrar que se gosta da vida, dos amigos e
do próximo. Devemos estar alegres na escola, em casa, nas
brincadeiras, etc.
37ª Aula: BONDADE - ser bom é ajudar a quem precisa, é ser amável, é
respeitar as pessoas, os animais, etc. Eles se sentem felizes quando
tratados com bondade.
38ª Aula: RESPEITO AO SEMELHANTE - semelhante é toda criatura que se
parece conosco. Devemos tratá-lo bem com carinho e bondade,
assim como desejamos que ele nos trate.
UNIDADE VI – RELAÇÕES DO HOMEM COM A NATUREZA
39ª Aula: Amor às Plantas – as árvores são criadas por Deus e devem ser
respeitadas e cuidadas com carinho. Elas nos dão alimentos e
sombras e enfeitam nossos jardins .
40ª Aula: Amor aos Animais - foram criados por Deus, assim como as plantas.
Devemos respeitá-los proporcionando-lhes condições para que
vivam bem.

34

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE I – A CRIAÇÃO DIVINA
UNIDADE II – A LIGAÇÃO DO HOMEM COM DEUS
UNIDADE III – JESUS E SUA DOUTRINA
UNIDADE IV – JESUS E KARDEC
UNIDADE V – O AUTO-APERFEIÇOAMENTO
UNIDADE VI – RELAÇÕES FAMILIARES
UNIDADE VII – RELAÇÕES SOCIAIS
UNIDADE VIII – RELAÇÕES DO HOMEM COM A NATUREZA

As aulas comemorativas – Dia das Mães, Dia dos Pais,
Dia das Crianças, Dia do Livro Espírita, Aniversário de
fundação da Casa Espírita, Natal e outras – poderão ser
incluídas no calendário das atividades.

35

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

PROGRAMA PARA O JARDIM – 2o. ANO
UNIDADE I – A CRIAÇÃO DIVINA
Abertura: Boas Vindas/ Atividades de Integração/ Recreação.
1ª Aula: O corpo – dádiva divina - o corpo é presente que Deus nos deu para
aprendermos enquanto estamos na Terra. Devemos conservá-lo
limpo e saudável - higiene corporal.
2ª Aula: Atividades que tornam nosso corpo saudável - andar, correr, pular,
nadar, brincar, ...
3ª Aula: Hábitos alimentares - alimentos corretos e incorretos.
4ª Aula: O corpo deve receber cuidados especiais (médicos, dentistas, vacinas,
remédios, ...).
5ª Aula: Diferenças físicas entre as criaturas : raça, peso, altura, cor (todas as
criaturas são filhas de Deus e iguais perante Ele).
6ª Aula: Deus Pai e Criador - Deus criou tudo que existe no Universo
(o sol, a Terra, as estrelas, a Lua, ...).
7ª Aula: Criação dos seres vivos que não andam: as plantas - tipos de plantas.
8ª Aula: Criação dos seres vivos que se movimentam: os animais; tipos de
animais.
9ª Aula: Os fenômenos da natureza: a chuva e o vento (para que servem).
10ª Aula: Providência Divina - Deus protege toda a Sua criação. Ama
e não esquece seus filhos. Devemos confiar em Deus
como confiamos em nossos pais, protetores e amigos.
UNIDADE II – A LIGAÇÃO DO HOMEM COM DEUS
11ª Aula: A Prece - Conversa com Deus. A prece ajuda a nos colocarmos em
contato com Deus.
12ª Aula: Conteúdo da Prece - contar alegrias, tristezas, o que acontece no
dia a dia. Agradecer tudo que Deus nos dá. Pedir ajuda.
13a. Aula: Música (escolher) para a fixação do conceito de prece.
14ª Aula: Eficácia da Prece - Deus sempre nos ouve, nos oferecendo aquilo
que merecemos ou que precisamos.
36

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

15ª Aula: Exemplo de Prece - quando e como orar. A reunião em família,
O Evangelho no Lar – como fazer.
UNIDADE III – JESUS E SUA DOUTRINA
16ª Aula: A vida de Jesus - O Seu nascimento.
17ª Aula: A família de Jesus (história ilustrativa).
18ª Aula: Jesus aos 12 anos (livro de história de Lamartine Palhano Jr. e Anita
Santoro – Ed. Arte e Cultura Ltda. – FESPE)
19ª Aula: Jesus nosso irmão e mestre - Jesus é nosso irmão porque é filho
de Deus como nós; é mestre porque sabe mais (é mais evoluído).
20ªAula:

Os Ensinos de Jesus - “O óbulo da viúva” (história ilustrativa) enfatizar o fato de que todos temos que ajudar, não importando a
idade e as condições materiais.

21ª Aula: “A cura do coxo” (história ilustrativa) - destacar a confiança
em Jesus e o esforço realizado pelo doente para obter sua cura.
22ª Aula: O Amor de Jesus - parábola da “Ovelha Perdida”
ilustrativa) .

(história

UNIDADE IV – JESUS E KARDEC
23ª Aula: Jesus e a Promessa do Consolador - Jesus quando esteve aqui
na Terra e desencarnou prometeu enviar uma doutrina que cumprisse
seus ensinamentos, que é o Espiritismo (questionar as crianças sobre
o que entendem sobre essa palavra). Explicar que o Espiritismo é a
doutrina dos espíritos e que foi codificado por Allan Kardec .
24ª Aula: A Evangelização Espírita - é no Centro Espírita que muitas crianças
e jovens aprendem sobre o Espiritismo e os ensinamentos do Evangelho de Jesus. Explicar como funciona a escolinha de evangelização no Centro Espírita.
UNIDADE V – O AUTO-APERFEIÇOAMENTO
25ª Aula: Amor à Verdade - devemos falar sempre a verdade para que todos
tenham confiança em nós.
26a Aula: Gratidão – devemos sempre agradecer àqueles que nos ajudam e
nos servem de maneiras diferentes.

37

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

27ª Aula: Boas Maneiras - ter boas maneiras é tratar bem à todos, por meio de
palavras e ações, em casa , na escola e na rua. Como fixação ensinar
a música: Gentilmente (Tia Vilma).
Obrigado, para agradecer
Com licença, se quero passar
Por favor, digo sempre pra pedir
E desculpe-me, pra me desculpar
Eu pra você, você pra mim e toda a gente
É mais feliz se sempre se lembrar de dizer
Obrigado !
UNIDADE VI – RELAÇÕES FAMILIARES
28ª Aula: A Família – Respeito e Amor - a família que se ama e se respeita
é sempre feliz.
29ª Aula: Obediência - devemos obedecer nossos pais ou responsáveis
porque eles são mais experientes e sabem mais.
30ª Aula: Colaboração no Lar - dentro do lar, qualquer colaboração é
importante. O lar onde todos se ajudam é tranqüilo e feliz.
UNIDADE VII – RELAÇÕES SOCIAIS
31ª Aula: AMOR AO PRÓXIMO - ajudar o nosso semelhante. Fazer a ele o que
gostaríamos que fizesse para nós. Todos precisamos de ajuda.
32ª Aula: A ESCOLA – O amor ao estudo e respeito aos professores.
33ª Aula: CONSERVAÇÃO - devemos colaborar para a conservação de
lugares públicos como: parques, ruas, praças, jardins, não destruindo
objetos, brinquedos, etc.
34a. Aula: AMIZADE – a amizade nos aproxima uns dos outros. Um amigo é
mais importante do que todos os bens que podemos adquirir.
UNIDADE VIII – RELAÇÕES DO HOMEM COM A NATUREZA
35ª Aula: Amor às Plantas - as plantas são seres vivos criados por Deus
e merecem nosso amor, respeito e proteção.
36ª Aula: As árvores são muito úteis ao homem por lhe fornecerem oxigênio, a
madeira para suas casas, móveis e outros utensílios.

38

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

37ªAula: Amor aos Animais - assim como as plantas os animais são seres
vivos criados por Deus merecendo também nosso amor, respeito e
proteção. Possuem sensibilidade e podem sentir alegria e sofrimento.
Cabe ao homem ajudá-lo na sua evolução.
38a Aula: Os animais de estimação (domésticos) nos prestam favores não só
guardando os nossos lares, mas fazendo-nos companhia e
preenchendo com alegria nossa existência.
39ª Aula: Utilidade dos Animais - os animais também trabalham, nos dão
alimentos, etc.
40ª Aula: Respeito à Criação Divina - criação divina é tudo o que não é obra do
homem : os seres vivos, o Sol, a chuva, os mares, etc.

39

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE I – A CRIAÇÃO DIVINA
UNIDADE II – A LIGAÇÃO DO HOMEM COM DEUS
UNIDADE III – O CRISTIANISMO: ANTECEDENTES HISTÓRICOS
UNIDADE IV – JESUS E SUA DOUTRINA
UNIDADE V – BASES DO ESPIRITISMO
UNIDADE VI – JESUS E KARDEC
UNIDADE VII – O AUTO-APERFEIÇOAMENTO
UNIDADE VIII – RELAÇÕES FAMILIARES
UNIDADE IX – RELAÇÕES SOCIAIS
UNIDADE X – RELAÇÕES DO HOMEM COM A NATUREZA
As aulas comemorativas – Dia das Mães, Dia dos Pais,
Dia das Crianças, Dia do Livro Espírita, Aniversário de
fundação da Casa Espírita, Natal e outras – poderão ser
incluídas no calendário das atividades.

40

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

PROGRAMA PARA O 1o. CICLO – 2o. ANO
UNIDADE I – A CRIAÇÃO DIVINA
Abertura: Boas Vindas/ Atividades de Integração/ Recreação.
1ª Aula: O corpo - somos Espíritos. Recebemos de Deus um corpo como
instrumento de progresso aqui na Terra .
2ª Aula: Precisamos conhecer bem nosso corpo para usá-lo adequadamente
(higiene é necessária para não contrairmos doenças).
3ª Aula: Espíritos são seres como nós, inteligentes, destinados a progredir.
Quando morremos continuamos sendo nós mesmos, porém, invisíveis
aos que permanecem encarnados .
4ª Aula: Espírito Encarnado e Espírito Desencarnado.
5ª Aula: Plano Espiritual - onde os Espíritos desencarnados vivem; mundo
semelhante ao nosso com lares, escolas, hospitais, ...
6ª Aula: Reencarnação - O que é ? (Ter cuidado para sempre mostrar a
reencarnação como uma bênção de Deus para a nossa evolução e
não como castigo).
7ª Aula: Deus provê as diversas necessidades de todos os seres, nos dá
sempre oportunidades de aprender e melhorar .
8ª Aula: O homem às vezes não percebe e não compreende os meios que
Deus lhe dá para evoluir. Exemplo: as tristezas, os sofrimentos,
o trabalho, a convivência familiar.
UNIDADE II – A LIGAÇÃO DO HOMEM COM DEUS
9ª Aula: O valor e a ação da prece - conversa com Deus; momento
de ligação entre criatura e Criador.
10ª Aula: Condições para Orar - buscar a paz e a tranqüilidade, em silêncio
elevar o pensamento independente da hora ou lugar.
11ª Aula: A Prece em Família - o Evangelho no Lar - como e quando fazer.
UNIDADE III – O CRISTIANISMO : ANTECEDENTES HISTÓRICOS
12ª Aula: Moisés – sua infância; posição como chefe e orientador do povo
judeu.
41

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

13ª Aula: Os Dez Mandamentos (enviados por Deus aos homens).
UNIDADE IV – JESUS E SUA DOUTRINA
14ª Aula: A vida de Jesus - ressaltar os seguintes fatos : foi enviado por
Deus para ensinar a lei do amor; chamado Jesus, o Cristo, porque
quer dizer o enviado de Deus; é nosso mestre pelos ensinamentos
que nos transmite.
15ª Aula: As Curas de Jesus: “O cego de Jericó” e “O paralítico de Cafarnaum”.
16ª Aula: “O homem da mão ressequida” e “A filha de Jairo”.
UNIDADE V – BASES DO ESPIRITISMO
17ª Aula: O corpo - instrumento de trabalho na Terra. Os hábitos saudáveis e
a alegria de viver auxiliam na boa saúde física.
18ª Aula: Evolução Material- a evolução material é a que se observa no
ambiente físico. Resulta do estudo e trabalho aplicados à melhoria
das condições de vida: saúde, educação, transporte, etc.
19a Aula: Evolução Espiritual – a evolução espiritual é aquela que se realiza no
íntimo das criaturas, pela mudança de hábitos e atitudes e pela
prática do bem.
20ª Aula: Allan Kardec e a Codificação - dados biográficos - contatos com os
espíritos; conclusões quanto a sobrevivência do espírito; denominação de ESPIRITISMO.
UNIDADE VI – JESUS E KARDEC
21ª Aula: O Cristianismo e o Espiritismo - o Espiritismo não veio destruir a lei
do Cristo, mas dar-lhe execução. É, pois, obra do Cristo.
22ª Aula: A Importância da Ação Evangelizadora - a passagem de Jesus
pela Terra, trouxe aos homens os códigos de moral, combatendo
a violência e o egoísmo.
23ª Aula: A lei do amor, grande legado de Jesus para a Humanidade.

UNIDADE VII – O AUTO-APERFEIÇOAMENTO
24ª Aula: Amor à Verdade - quando mentimos, prejudicamos nosso próximo e a
nós mesmos.
42

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE VIII – RELAÇÕES FAMILIARES
25ª Aula: Amor à Família - quando há amor e confiança entre pais e filhos, o lar
é um lugar de paz e harmonia.
26ª Aula: Explicar laços familiares. Parentela corporal e espiritual.
27ª Aula: Colaboração no Lar - colaborar com pequenas coisas tem tanto
mérito quanto realizar grandes coisas. No lar, qualquer colaboração é
importante.
28ª Aula: Caridade no Lar - o sentimento de caridade se inicia na família,
quando dispensamos atenção e carinho àqueles com quem
convivemos.
UNIDADE IX – RELAÇÕES SOCIAIS
29ª Aula: AMOR AO PRÓXIMO - devemos ter cuidado para que nada de mau
aconteça com nosso semelhante, por nossa culpa.
30ª Aula: AMOR AO PRÓXIMO: um dos mais belos exemplos de Jesus.
Destacar a “Parábola do Bom Samaritano”.
31ª Aula: RESPEITO À PROPRIEDADE ALHEIA - a ausência do sentimento de
respeito ao que não nos pertence ocasiona a confusão e o caos.
32ª Aula: RECONHECIMENTO DOS LIMITES – atenção aos nossos atos, para
não prejudicar o nosso semelhante .
33ª Aula: PERDÃO - é uma das maneiras de demonstrar amor ao próximo. Não
guardar mágoas e ressentimentos, não revidar o mal.
34ª Aula: OBEDIÊNCIA - obedecer aos pais ou responsáveis é confiar neles.
Devemos valorizar as experiências dos mais velhos.
35ª Aula: GENTILEZA - é característica das pessoas que já aprenderam a
conviver com o próximo de maneira simpática, harmônica e
respeitosa.
36ª Aula: COLABORAÇÃO NA SOCIEDADE - “A União faz a Força” - o que
não conseguimos fazer sozinhos é feito facilmente quando nos
reunimos a outros.

43

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE X – RELAÇÕES DO HOMEM COM A NATUREZA
37ª Aula: Respeito aos Animais - como todos os seres vivos da Natureza, os
animais também estão sujeitos à lei de evolução. Como nós, sentem,
sofrem, se alegram.
38ª Aula: Amor às Plantas - como os animais, são seres criados por Deus e
também merecem nosso amor, respeito e proteção.
39ª Aula: Amor às Plantas - muitas são as plantas que nos são úteis,
fornecendo-nos alimento, abrigo, remédio, etc.
40ª Aula: A Natureza como Obra de Deus - percebendo a presença de Deus na
criação, o homem se conscientiza do seu papel na natureza e
trabalha para a conservação do planeta que lhe serve de morada.

44

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE I – A CRIAÇÃO DIVINA
UNIDADE II – A LIGAÇÃO DO HOMEM COM DEUS
UNIDADE III – ANTECEDENTES DO CRISTIANISMO
UNIDADE IV – JESUS E SUA DOUTRINA
UNIDADE V – BASES DO ESPIRITISMO
UNIDADE VI – JESUS E KARDEC
UNIDADE VII – O AUTO-APERFEIÇOAMENTO
UNIDADE VIII – RELAÇÕES FAMILIARES
UNIDADE IX – RELAÇÕES SOCIAIS
UNIDADE X – RELAÇÕES DO HOMEM COM A NATUREZA
UNIDADE XI – ESPIRITISMO E MOVIMENTO ESPÍRITA
As aulas comemorativas – Dia das Mães, Dia dos Pais,
Dia das Crianças, Dia do Livro Espírita, Aniversário de
fundação da Casa Espírita, Natal e outras – poderão ser
incluídas no calendário das atividades.

45

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

PROGRAMA PARA O 2o. CICLO – 2O. ANO
UNIDADE I – A CRIAÇÃO DIVINA
Abertura: Boas Vindas/ Atividades de Integração/ Recreação.
1ª Aula: O corpo - envoltório do Espírito, instrumento de progresso aqui na
Terra. Devemos amá-lo, preservá-lo e utilizá-lo para o próprio bem.
2ª Aula: O Espírito – existência e sobrevivência: o fenômeno de Hydesville –
31 de março de 1848.
3ª Aula: Provas da existência de Deus - “Deus não se mostra, mas se revela
pelas suas obras.”
4ª Aula: Amor e sabedoria de Deus - Deus provê as diversas necessidades de
todos os seres, nos dá sempre oportunidades de aprender e melhorar.
5ª Aula: Amor a Deus - devemos retribuir o amor de Deus para conosco
amando e respeitando a sua criação.
UNIDADE II – A LIGAÇÃO DO HOMEM COM DEUS
6ª Aula: Valor e ação da prece - Analisar o ensino: “pedi e se vos dará; buscai e
achareis; batei a porta e se vos abrirá.”
7ª Aula: Condições necessárias à eficácia da prece - buscar uma atitude íntima,
dirigindo o pensamento a Deus, valorizando o sentimento e não as
palavras.
8ª Aula: Exemplo de prece - Parábola do fariseu e do publicano .
9ª Aula: A prece em família: o Evangelho no Lar - como e quando fazer.
10ª Aula: Pai Nosso - analisar cada expressão da oração do Senhor.
UNIDADE III – ANTECEDENTES DO CRISTIANISMO
11ª Aula: A Missão de Moisés: “Mensageiro de Deus” - revelação de um Deus
único.
12ª Aula: O Decálogo.

46

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE IV – JESUS E SUA DOUTRINA
13ª Aula: A vida de Jesus - fatos enfocando os aspectos relacionados com a
sua prisão, crucificação e ressurreição (prova da imortalidade).
14ª Aula: O Mestre de toda a Humanidade pelos seus ensinamentos (João,
18:19-20).
15ª Aula: Fatos Extraordinários da Vida de Jesus - fatos que foram considerados milagrosos por falta de conhecimento das leis que os regem.
Ilustrar: “A Pesca Milagrosa” e “A Multiplicação dos Pães”.
16ª Aula: Fatos Extraordinários da Vida de Jesus: “Jesus Caminha sobre as
Águas” e “Tempestade Aplacada”.
17ª Aula: Os Ensinos de Jesus: “(...) eu vim para que todos tenham vida e a
tenham em abundância”. Jesus quis enfatizar o sentido de viver em
harmonia com as leis divinas.
18ª Aula: Analisar as parábolas: “A Ovelha Perdida” e “O Filho Pródigo”.
19ª Aula: A Influência de Jesus na Terra - apresentação de Deus como nosso
Pai. A filiação divina de todos nós foi a semente da fraternidade
universal.
UNIDADE V – BASES DO ESPIRITISMO
20ª Aula: Reencarnação - Lei de Causa e Efeito - voltar ao corpo físico; é uma
prova da justiça de Deus nos dando a oportunidade de resgatar as
dívidas do passado. As conseqüências de nossas boas ou más
ações.
21ª Aula: Lei de Evolução - mostrar a reencarnação como uma benção de Deus
para nossa evolução (material e espiritual).
22ª Aula: Lei de Evolução - exemplos de pessoas que contribuíram para o bem
da Humanidade: Pasteur, Oswaldo Cruz, Graham Bell, Bezerra de
Menezes, Eurípedes Barsanulfo e outros.
23ª Aula: Pluralidade dos Mundos Habitados - análise do significado da frase
de Jesus: “Há muitas moradas na casa de meu Pai.”
24ª Aula: Allan Kardec – o Codificador: dados biográficos apresentando o
Espiritismo como 3ª revelação.
25a Aula: Apresentação das Obras Básicas.
47

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE VI – JESUS E KARDEC
26ª Aula: O Consolador - reconhece-se que o Espiritismo realiza todas as
promessas do Cristo a respeito do consolador anunciado.
27ª Aula: A Importância da Ação Evangelizadora - a evangelização possibilitará
ao homem o trabalho de transformação íntima que o harmonizará
consigo mesmo e com tudo que o cerca.
UNIDADE VII – O AUTO-APERFEIÇOAMENTO
28ª Aula: Amor à Verdade - Jesus nos estimula à prática da verdade quando
nos ensina : “Seja o teu falar: sim, sim, não, não”.
UNIDADE VIII – RELAÇÕES FAMILIARES
29ª Aula: Significado de Laços Familiares - a família é formada não só por
laços materiais como também por laços espirituais. Destacar também
pais adotivos (o amor filial).
30ª Aula: Liberdade e Limites na Família - quando cada pessoa cede em favor
de outra, superando o egoísmo, todas saem ganhando.
UNIDADE IX – RELAÇÕES SOCIAIS
31ª Aula: AMOR AO PRÓXIMO - maior mandamento das Leis de Deus :
“Amarás o Senhor teu Deus e a teu próximo como a ti mesmo”.
32ª Aula: CARIDADE - a caridade é o amor em ação e é possível de ser
praticada por todos. Destacar a passagem evangélica : “O Grande
Julgamento”.
33ª Aula: PERDÃO - a alma que não perdoa retendo o mal consigo,
assemelha-se ao vaso cheio de lama e fel. “Perdoai para que Deus o
perdoe” (Parábola do Credor Incompassivo).
34ª Aula: HONESTIDADE - a honestidade é traduzida pelo respeito aos direitos
dos semelhantes e aos seus bens.
UNIDADE X – RELAÇÕES DO HOMEM COM A NATUREZA
35ª Aula: Preservação - preservando a natureza colaboramos com o Criador na
manutenção de todos os seres vivos e na melhoria das condições de
vida para o ser humano.
48

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

36ª Aula: Respeito à Criação de Deus - observando as obras da criação tornase fácil crer em Deus, pois sua vibração está presente em todos os
reinos da natureza.
UNIDADE XI – ESPIRITISMO E MOVIMENTO ESPÍRITA
37ª Aula: Conceito de Espiritismo e de Movimento Espírita.
38ª Aula: A Escola de Evangelização Espírita - é uma das primeiras atividades
a serem iniciadas como base para a construção moral de um Mundo
Novo. Explicar como, onde, para quem funciona e seu objetivo.
39ª Aula: O Centro Espírita - o que é, sua composição (diretoria, etc.), sua
missão e atividades.
40ª Aula: Vultos Espíritas - a vida de espíritas que contribuíram para o
progresso do movimento espírita e que nos servem de incentivo às
atividades de estudo e trabalho.

49

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

UNIDADE I – A CRIAÇÃO DIVINA
UNIDADE II – A LIGAÇÃO DO HOMEM COM DEUS
UNIDADE III – O CRISTIANISMO: ANTECEDENTES HISTÓRICOS
UNIDADE IV – JESUS E SUA DOUTRINA
UNIDADE V – BASES DO ESPIRITISMO
UNIDADE VI – JESUS E KARDEC
UNIDADE VII – O AUTO-APERFEIÇOAMENTO
UNIDADE VIII – RELAÇÕES FAMILIARES
UNIDADE IX – RELAÇÕES SOCIAIS
UNIDADE X – RELAÇÕES DO HOMEM COM A NATUREZA
UNIDADE XI – ESPIRITISMO E MOVIMENTO ESPÍRITA
As aulas comemorativas – Dia das Mães, Dia dos Pais,
Dia das Crianças, Dia do Livro Espírita, Aniversário de
fundação da Casa Espírita, Natal e outras – poderão ser
incluídas no calendário das atividades.

50

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

PROGRAMA PARA O 3o. CICLO – 2o. ANO
UNIDADE I – A CRIAÇÃO DIVINA
Abertura: Boas Vindas/ Atividades de Integração/ Recreação.
1ª Aula: Elementos gerais do Universo - Deus, Espírito e Matéria.
2ª Aula: A matéria é o laço que prende o Espírito. É o instrumento de que este
se serve e sobre o qual, ao mesmo tempo, exerce sua função.
3ª Aula: Fluido Cósmico Universal .
4ª Aula: Formação dos Mundos - O Universo abrange a infinidade dos mundos,
aquele que vemos e os que não vemos. Todo os mundos foram criados
pela vontade de Deus .
5ª Aula: Provas da existência de Deus - julga-se o poder de uma inteligência
pelas suas obras.
6ª Aula: Amor, Sabedoria e Justiça Divinos - Deus ama todos igualmente e a
todos proporciona as mesmas oportunidades de progressos. Lei de
Causa e Efeito.
7ª Aula: Amor a Deus - a adoração é um sentimento inato , como o da
existência de Deus. A submissão à vontade de Deus e o amor ao
próximo são as maneiras de demonstrar-Lhe o Amor.
UNIDADE II – A LIGAÇÃO DO HOMEM COM DEUS
8ª Aula: Prece – A prece é a maneira pela qual, através do pensamento
expresso ou não em palavras, a criatura se liga ao Criador.
9ª Aula: Prece de intersecção - prece em favor dos outros. Está condicionada
às necessidades e méritos .
10ª Aula: Pai Nosso - analisar cada expressão da oração do Senhor.
UNIDADE III – O CRISTIANISMO – ANTECEDENTES HISTÓRICOS
11ª Aula: O Decálogo - Lei Mosaica; revelação recebida por Moisés .
12ª Aula: João Batista – O Precursor: preparou, através de suas pregações, o
coração e a mente dos indivíduos para a mensagem de Jesus.

51

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

13ª Aula: O Batismo - lavagem do corpo nas águas do rio Jordão. Confissão
pública das falhas cometidas, para demonstrar arrependimento e
desejo de melhorar.
UNIDADE IV – JESUS E SUA DOUTRINA
14ª Aula: A profundidade dos ensinamentos do Mestre dos mestres, contida no
Evangelho, fez de suas mensagens, o maior código de conduta
humana. Destacar: o amor a Deus e ao próximo.
15ª Aula: As Consolações aos sofredores do Mundo - as Bem-Aventuranças
-“Sermão do Monte”.
16ª Aula: Os Milagres de Jesus – Jesus, pelos seus méritos e alto grau de
desenvolvimento espiritual, realizou atos que foram considerados
sobrenaturais pelo povo daquela época. Até hoje, muitos não
encontram explicações para alguns fatos como: 1º- Jesus caminha
sobre as águas; 2º- a aparição de Jesus no caminho de Emaús; 3ºa
transformação da água em vinho. Esclarecer que o milagre ou o
sobrenatural não é mais que um fenômeno natural cuja lei ainda
ignoramos; só o progresso nos fará entendê-los.
UNIDADE V – BASES DO ESPIRITISMO
17ª Aula: Os fenômenos de Hydesville - marcaram o início dos estudos sobre
as comunicações do mundo espiritual com o mundo corporal.
18ª Aula: Intercâmbio Mediúnico – Mediunidade: todo aquele que sente, num
grau qualquer, a influência dos Espíritos é, por este fato médium.
Essa faculdade é inerente ao homem e não constitui privilégio
exclusivo.
19ª Aula: Tipos de Médiuns: videntes, audientes, de efeitos físicos, psicógrafos,
psicofônicos.
20ª Aula: Reencarnação - volta do Espírito a um outro corpo. Meio de evolução
do Espírito, prova da justiça de Deus.
21ª Aula: Livre-Arbítrio e Lei de Causa e Efeito - faculdade de decidir e
executar o que decidiu. Liberdade de pensar, querer e agir.
A alma fixa o próprio destino, prepara suas alegrias ou dores.
22ª Aula: Evolução Espiritual - é marcha para o progresso, através do esforço,
do trabalho, da perseverança e do otimismo.
23ª Aula: Pluralidade dos Mundos Habitados - “Há muitas moradas na casa do
meu Pai”. Os mundos se acham em grau de progresso diferentes.
52

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

Classificação da Terra.
UNIDADE VI – JESUS E KARDEC
24ª Aula: O Consolador - o Espiritismo realiza todas as condições do
Consolador que Jesus prometeu. É fruto do ensino coletivo dos
Espíritos a que preside o Espírito de Verdade.
25ª Aula: O Cristo disse: “Não vim destruir a lei, porém cumpri-la”, e o
Espiritismo ensina: “Não venho destruir a lei cristã, mas dar-lhe
execução.” (Explicar com clareza as expressões).
26ª Aula: A importância da ação evangelizadora – A preocupação da evangelização não é somente para a transmissão de conhecimentos mas,
sobretudo, com a formação moral.
UNIDADE VII – O AUTO-APERFEIÇOAMENTO
27ª Aula: Auto–Conhecimento e Auto–Aceitação - indispensáveis ao progresso
do Espírito. A auto-aceitação nos fortalece a paciência e nos ajuda a
viver em harmonia conosco e com nossos semelhantes. Destacar a
insatisfação dos jovens na adolescência (aparência física, mudanças
corporais).
28ª Aula: Os Bons Espíritas: reconhece-se o verdadeiro espírita pela sua
transformação moral e pelos esforços que emprega para domar suas
más inclinações.
UNIDADE VIII – RELAÇÕES FAMILIARES
29ª Aula: A Família - significado de laços familiares. Reencarnação numa
família para consolidar antigos laços de amizade ou reajustar débitos.
30ª Aula: Liberdade e limites - devemos viver no grupo familiar, respeitando
as individualidades e os direitos de cada um.
UNIDADE IX – RELAÇÕES SOCIAIS
31ª Aula: O Homem na sociedade - fazer ao próximo aquilo que gostaria que
lhe fizesse. O esforço empregado na conquista dos valores que
promoverão sua evolução espiritual, contribuirá para o progresso da
sociedade.
32ª Aula: Amizades e Afeições - é no contato com seus semelhantes, nas lutas
mais árduas que o homem encontra ensejo de praticar a caridade.
53

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

33a Aula: Interpretar o provérbio: “Há amigos que levam à ruína e há amigos
mais queridos que um irmão.” (Provérbios, 18:24).
34ª Aula: Liberdade e Limites na Sociedade - “Em tudo o que fizerdes, remontai
à fonte de todas as coisas para que nenhuma de vossas ações deixe
de ser purificada e santificada pela lembrança de Deus.”
UNIDADE X – RELAÇÕES DO HOMEM COM A NATUREZA
35ª Aula: Lei de Conservação: “(...)Toda destruição que excede os limites da
necessidade é uma violação da Lei de Deus”.
UNIDADE XI – ESPIRITISMO E MOVIMENTO ESPÍRITA
36ª Aula: Conceitos - conceituar Doutrina Espírita e Movimento Espírita.
37ª Aula: Divulgação - através de livros. Destacar Chico Xavier.
38ª Aula: A Organização do Movimento Espírita – o Centro Espírita: o que é,
sua composição (diretoria, etc.), sua missão e atividades.
39ª Aula: A Organização do Movimento Espírita – Vultos Espíritas: Luís Olímpio
Teles de Menezes, Adolfo Bezerra de Menezes Cavalcanti, Francisco
Leite de Bittencourt Sampaio e Anália Emília Franco, entre outros.
Selecionar alguns com dados biográficos.
40ª Aula: A Federação Espírita Brasileira (FEB) e a Federação Espírita do
Estado do Espírito Santo (FEEES): explicar o sistema federativo.

54

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

BIBLIOGRAFIA PARA PESQUISA E ELABORAÇÃO DAS AULAS

1. BARBOSA, Pedro Franco. Espiritismo Básico. 3, ed. Rio de Janeiro:
FEB, 1987.
2. CALLIGARIS, Rodolfo. Parábolas Evangélicas. 3. ed. Rio de Janeiro:
FEB, 1983.
3. _. A Vida em Família. 9. ed. Araras, SP: (DE, 1983.
4. DELANNE, Gabriel. A Reencarnação. Trad. Carlos lmbassahy. 17. ed.
Rio de Janeiro: FEB, 1990.
5. DENIS, Léon. Depois da Morte. Trad. de João Lourenço de Souza. 19.
ed. Rio de Janeiro: FEB, 1996.
6._. Cristianismo e Espiritismo. Trad. de Leopoldo Cirne. 7. ed. Rio de
Janeiro: FEB, 1978.
7._. O Grande Enigma. 10. ed. Rio de Janeiro: FEB, 1992.
8._. No Invisível. Trad. de Leopoldo Cirne. 17. ed. Rio de Janeiro: FEB,
1996.
9._. Síntese Doutrinária e Prática do Espiritismo. Trad. De José Jorge.
Juiz de Fora, MG: Oficinas Gráficas do Departamento Editorial do
Instituto de Maria, s/d.
10._. DOYLE, Arthur Conan. História do Espiritismo. Trad. de Júlio Abreu
Filho. ed. São Paulo: Pensamento. s/d.
11._.FRANCO, Divaldo Pereira. Crestomatia da imortalidade. Diversos
Espíritos. 2. ed. Salvador, BA: 1989.
12._. Estudos Espíritas. Pelo Espírito Joanna de Ângelis. 6. ed. Rio de
Janeiro: FEB, 1995.
13._. Leis Morais da Vida. Pelo Espírito Joanna de Ângelis. 6. ed. Salvador,
BA: LEAL, 1994.
14._. Sementeira da Fraternidade. Ditado por diversos Espíritos. 3. ed.
Salvador, Ba: Alvorada, 1979.
15. FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA, Conselho Federativo Nacional.
Orientação ao Centro Espírita. 4. ed. Rio de Janeiro: FEB, 1996.
16._. Setor de Apostilas. Movimento Espírita. s/ed. Brasília, DF: FEB, 1996.
55

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

17. HOLANDA, Aurélio Buarque de. Novo Dicionário a Língua Portuguesa.
24. ed. Revista e ampliada. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1986.
18. KARDEC. Allan. O Evangelho Segundo o Espiritismo. Trad. de Guillon
Ribeiro. l13. ed. Rio de Janeiro: FEB, 1997.
19._. A Gênese. Os milagres e as predições segundo o Espiritismo. Trad.
de Guillon Ribeiro. 35. ed. Rio de Janeiro: FEB, 1992.
20._. O Livro dos Espíritos. Trad. de Guillon Ribeiro. 77. ed. Rio de
Janeiro: FEB, 1997.
21._. O Livro dos Médiuns. Trad. de Guillon Ribeiro. 62. ed. Rio de Janeiro:
FEB, 1996.
22. _. Obras Póstumas. Trad. de Guillon Ribeiro. 26. ed. Rio de Janeiro:
FEB, 1993.
23._.A Prece Segundo o Evangelho. 44. ed. Rio de Janeiro: FEB, 1994.
24. _. O que é o Espiritismo. 38. ed. Rio de Janeiro: FEB, 1997.
25. MELO, Jacob. O Passe. O seu estudo, suas técnicas, sua prática. Rio de
Janeiro: FEB, 1984.
26. PERALVA. Marfins. Estudando a Mediunidade. 13. ed. Rio de Janeiro:
FEB, 1989.
27. _. O Pensamento de Emmanuel. 5. ed. Rio de Janeiro: FEB, 1994.
28. PIRES, J. Herculano. O Espírito e o Tempo. 3. ed. São Paulo, SP:
EDICEL, 1979.
29. O QUE É EVANGELIZAÇÃO? Fundamentos da Evangelização Espírita
da Infância e da Juventude. Rio de Janeiro: FEB, 1987.
30. REFORMADOR. Rio de Janeiro: FEB, 1883. MENSAL.
31. SCHUTEL, Cairbar. Parábolas e Ensinos de Jesus. ll. ed. Matão, SP:
O Clarim, 1979.
32._. Vida e Atos dos Apóstolos. 7. ed. Matão, SP:O Clarim, 1981.
33. SIMONETTI, Richard. A Constituição Divina. 3. ed. Bauru, SP: São
João, 1989.
34. SOUZA, Juvanir Borges de. Tempo de Transição. 2. ed. Rio de Janeiro:
FEB, 1989.
56

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

35. TEIXEIRA, José Raul. Cântico da Juventude. Pelo Espírito, lvan de
Albuquerque. Niterói, RJ: FRÁTER, 1990.
36._. Revelações da Luz. Pelo Espírito Camilo. 2. ed. Niterói, RJ: FRÁTER,
1995.
37. VIEIRA, Waldo. Conduta Espírita. Pelo Espírito André Luiz. 19. ed. Rio
de Janeiro: FEB, 1996.
38. XAVIER, Francisco Cândido. Ave Cristo! Ditado pelo Espírito
Emmanuel. 13. ed. Rio de Janeiro: FEB, 1994.
39. _. Boa Nova. Pelo Espírito Humberto de Campos. 21. ed. Rio de
Janeiro: FEB, 1996.
40._.A Caminho da Luz. Pelo Espírito Emmanuel. 22. ed. Rio de Janeiro:
FEB, 1996.
41._. O Consolador. Pelo Espírito Emmanuel. 18. ed. Rio de Janeiro: FEB,
1997.
42 _. Educandário de Luz. Espíritos diversos. 2. ed. São Paulo, SP: 1988.
43._. Emmanuel. 17. ed. Rio de Janeiro: FEB, 1997.
44._. Entre a Terra e o Céu. Ditado pelo Espírito André Luiz. 17. ed. Rio de
Janeiro: FEB, 1997.
45._. e VIEIRA, Waldo. Estude e Viva. Pelos Espíritos Emmanuel e André
Luiz. 8. ed. Rio de Janeiro: FEB, 1996.
46. _. Fonte Viva. Pelo Espírito Emmanuel. 20. ed. Rio de Janeiro: FEB,
1995.
47. _. Livro da Esperança. Pelo Espírito Emmanuel. 6. ed.Uberaba, MG:
CEC, 1982.
48. _. Os Mensageiros. Pelo Espírito André Luiz. 30. ed. Rio de Janeiro:
FEB, 1997.
49._. Missionários da Luz. Pelo Espírito André Luiz. 28. ed. Rio de Janeiro:
FEB, 1997.
50._. Obreiros da Vida Eterna. Pelo Espírito André Luiz. 22. ed. Rio de
Janeiro: FEB, 1986.
51._. Pai Nosso. Pelo Espírito Meimei. 15. ed. Rio de Janeiro: FEB, 1996. .

57

Departamento de Infância e Juventude
SETOR INFÂNCIA

52._. Pão Nosso. Pelo Espírito Emmanuel. 7. ed. Rio de Janeiro: FEB,
1997.
53._. Paulo e Estevão. Pelo _Espírito Emmanuel. 28. ed. Rio de Janeiro:
FEB, 1995.
54._. Pensamento e Vida. Pelo Espírito Emmanuel. 7. ed. Rio de Janeiro:
FEB, 1983.
55._. Roteiro. Ditado pelo Espírito Emmanuel. 6. ed. Rio de Janeiro: FEB,
1982.
56._. Vida e Sexo. Pelo Espírito Emmanuel. 16. ed. Rio de Janeiro: FEB,
1996.
57. WANTUIL, Zêus. Grandes Espíritas do Brasil. (53 Biografias). 2. ed.
Rio de Janeiro: FEB, 1981. '
58._. As Mesas Girantes e o Espiritismo. 2. ed. Rio de Janeiro: FEB, 1978.
59._. e THIESEN, Francisco. Allan Kardec. (Pesquisa bibibliográfica e
Ensaios de Interpretação). Rio de Janeiro: FEB, 1980, 3.v.
60._. Curso Básico de Espiritismo 1o. e 2o. Anos. 4.ed. São Paulo:
FEESP,1995.
61._. Curso de Aprendizes do Evangelho 1o. Ano. 3.ed. São Paulo:
FEESP, 1995.
62._. Roque Jacinto. Das Leis Morais. 1.ed. São Paulo: Editora Luz no Lar,
1994.
63._. Evangelização: Conteúdo Programático. 6.ed. Belo Horizonte: União
Espírita Mineira, 1999.
- As figuras contidas no trabalho foram retiradas do site da Federação Espírita do Estado de São Paulo.

58

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful