Você está na página 1de 17

Professor Erick Vasconcelos

Radioatividade

Professor Erick Vasconcelos Radioatividade

Emissão radioativa natural

As partículas são corpusculares e emitidas pelo núcleo do átomo,

assim uma emissão dessas partículas está associada a mudanças no

elemento químico, provocando uma transmutação.

As radiações são ondas eletromagnéticas, ou seja, são formadas por fótons, assim como a luz.

A emissão de radiações só alterará o núcleo do átomo se estiver acompanhada de uma emissão corpuscular.

luz.  A emissão de radiações só alterará o núcleo do átomo se estiver acompanhada de

A atividade do rádio

Madame Curie e Pierre Curie

Radioatividade: energia nuclear

Tudo que é instável busca a estabilidade (liberando

energia. Processo exotérmico)

A ligação ligante no núcleo (força nuclear) é formada

pelos antineutrinos (sem massa nem carga)

Essa energia pode ser quebrada:

Bombardeando o núcleo

Instabilidade própria

Reações nucleares

Fissão (bombardeamento por nêutrons)

Processo exotérmico com reação em cadeia

por nêutrons)  Processo exotérmico com reação em cadeia  Fusão  deutério + trítio =

Fusão

deutério + trítio = Hélio

por nêutrons)  Processo exotérmico com reação em cadeia  Fusão  deutério + trítio =

Natureza das emissões

(Principais partículas no núcleo)

Alfa ( +2 α 4 ) (7360 vezes mais pesada que a beta)

Beta ( -1 β 0 )

Radiação gama ( 0 γ 0 )

α 4 ) (7360 vezes mais pesada que a beta)  Beta ( - 1 β

Emissão de partícula alfa (α)

Formadas por dois prótons e dois nêutrons. Por apresentar a maior massa têm o menor poder de

penetração quando comparada com as outras.

Seu decaimento radioativo pode ser representado pela equação abaixo:

2 4 α

quando comparada com as outras.  Seu decaimento radioativo pode ser representado pela equação abaixo: 2

Emissão de partículas Beta (β)

Carregadas negativamente e emitidas pelo núcleo do átomo.

Um nêutron excedente é transformado em um próton (que fica retido no núcleo, em uma subpartícula denominada

neutrino), e em um elétron, que é, então, emitido na forma de

radiação beta.

-1 0 β

é, então, emitido na forma de radiação beta. -1 0 β O átomo que emite esse

O átomo que emite esse tipo de radiação tem seu número atômico

aumentado em uma unidade, entretanto sua massa é conservada.

Emissão de radiação gama (γ)

Onda eletromagnética (sem carga nem massa)

Essa radiação, quando emitida, não altera o núcleo do

átomo.

Nunca é emitida sozinha

(sem carga nem massa)  Essa radiação, quando emitida, não altera o núcleo do átomo. 

Leis da radioatividade

1. Lei: Soddy (da emissão de uma part alfa)

Sempre

que

se

radiação gama

emite

uma

partícula

alfa,

2, Lei de Soddy, Fajans e Russel:

emite-se

Quando um átomo emite uma part beta, o seu Z aumenta 1

unid e seu A permanece inalterado

Séries ou famílias radioativas

divide a massa por 4 e observar o resto da operação

 divide a massa por 4 e observar o resto da operação  Série do Urânio:

Série do Urânio: Urânio pobre

Série do actínio: urânio rico, urânio enriquecido

(Neptúnio: série artificial)

Cinética de decaimento

Cinética de decaimento
Aplicações da radioatividade

Aplicações da radioatividade

Aplicações da radioatividade
Aplicações da radioatividade

Datação radioativa

Depende da meia-vida (t1/2)

o tempo necessário para que metade da amostra radioativa sofra desintegração.

Por exemplo, o hidrogênio tem apenas um isótopo radioativo, o 3 H, que decai por emissão beta, e o urânio possui nove isótopos

radioativos, cujo modelo de decaimento envolve partículas alfa.

O gráfico do decaimento radioativo de um elemento é descrito por uma função matemática exponencial.

Datações de fósseis

Carbono=14 e Potássio-40

Todos os organismos são fomados por carbono e uma

pequena parte deste carbono é naturalmente C-14.

Essa quantidade mantém-se constante ao longo da vida,

mas ao morrer o organismo para de absorver C-14 e

essa quantidade começa a decair.

Como a meia-vida desse elemento é cerca de 5 700 anos, pode-se estimar a idade de um fóssil.

Energia Nuclear

Fissão nuclear

Em cada fissão, há liberação de certa quantidade de

energia. Como ocorrem muitas fissões ao mesmo

tempo, a energia total liberada é enorme, podendo

ser convertida em energia

elétrica ou utilizada para fins

militares.

conversão de energia

atômica em elétrica se dá por

A

i

t

d

á

energia elétrica ou utilizada para fins militares. conversão de energia atômica em elétrica se dá por