Você está na página 1de 4
Exame 2010.1 – Curso Regular Modular Ética Profissional 3/4 Sumário: 1. Inscrição da OAB; Requisitos;
Exame 2010.1 – Curso Regular Modular Ética Profissional 3/4 Sumário: 1. Inscrição da OAB; Requisitos;

Exame 2010.1 – Curso Regular Modular Ética Profissional

3/4

Sumário: 1. Inscrição da OAB; Requisitos; 1.2 Inscrição principal; 1.3 Certidão de aprovação no exame da OAB; 1.4 Atuação em outro Estado; 1.5 Inscrição suplementar; 1.6. Advogado Estrangeiro; 1.7. Cancelamento; 1.8. Incompatível; 1.9. Licenciamento; 2. Sociedades de advogados; 2.1. Conceito; 2.2. Estagiário; 2.1. Atos isoladamente; 2.3. Personalidade jurídica; 2.4. Formas regulares de denominação da sociedade; 2.4.1 Registros dos sócios; 2.5 Para quem se outorga poderes?; 2.6. Responsabilidade Civil da Sociedade; 2.9 Modalidades de advogados na sociedade.

1. Inscrição da OAB:

1.1 Requisitos no art. 8º, EA.

Capacidade civil;

Diploma / certidão;

Título eleitor/ militar;

Aprovação no exame da OAB;

Não exercer atividades incompatíveis.

1.2 Inscrição principal: local aonde exercerá o domicílio profissional.

1.3 Certidão de aprovação no exame da OAB:

Não tem prazo de validade;

Não tem pagamento de anuidade.

1.4 Atuação em outro Estado: até 05 causas por ano.

1.5 Inscrição suplementar: mais de 05 causas por ano.

1.6. Advogado Estrangeiro

Brasileiro formado no exterior (art. 8 EA);

Exame de ordem;

Não titulo de eleitor/ reservista;

Diploma validade (MEC);

REDE LFG – EXAME DE ORDEM – REGULAR MODULAR

Ética Profissional– 3/4

Material de apoio disponibilizado na Área do Aluno LFG – www.lfg.com.br/areadoaluno

1.7. Cancelamento: (Art. 11 EA) a) Pedido do advogado; b) * Exclusão (precisa novo exame

1.7. Cancelamento:

(Art. 11 EA)

1.7. Cancelamento: (Art. 11 EA) a) Pedido do advogado; b) * Exclusão (precisa novo exame de

a) Pedido do advogado;

b) * Exclusão (precisa novo exame de ordem - prova de reabilitação);

c) * Falecimento; d) *Incompatível; e) perda de qualquer requisito.

* O cancelamento pode ser requerida de ofício ou a requerimento de qualquer pessoa.

1.8. Incompatível

1.9. Licenciamento (art. 12 EA)

Antes da inscrição

Não inscreve

(art. 12 EA) Antes da inscrição Não inscreve Cargo Definitivo (Cancela) Depois inscrição Cargo
(art. 12 EA) Antes da inscrição Não inscreve Cargo Definitivo (Cancela) Depois inscrição Cargo

Cargo Definitivo

(Cancela)

da inscrição Não inscreve Cargo Definitivo (Cancela) Depois inscrição Cargo Temporário (Licença) a) pedido

Depois inscrição

Cargo Temporário (Licença)

a) pedido justificado;

b) incompatibilidade temporária; c) doença mental curável.

2. Sociedades de advogados Art. 15 a 17, EA e o Regulamento geral:

2.1. Conceito

Dois ou mais advogados;

Estagiários não podem.

2.2. Estagiário (Art. 3º § 2º EA ):

Inscrito na OAB;

Não pode integrar sociedade;

Não recebe honorários;

Não publicidade exceto cartão de visita – estagiário.

2.2.1. Atos isoladamente:

a) Carga dos autos;

b) Obter certidões junto aos cartórios;

c) Assinar petição de juntada me processos administrativos ou judiciais;

d) Realizar reuniões extrajudiciais.

2.3. Personalidade jurídica: Registro: ∑ Estatutos; ∑ Atos constitutivos; ∑ Contrato social. O registro deve

2.3. Personalidade jurídica:

Registro:

Estatutos;

Atos constitutivos;

Contrato social.

Estatutos; ∑ Atos constitutivos; ∑ Contrato social. O registro deve ocorrer no Conselho Seccional da OAB

O registro deve ocorrer no Conselho Seccional da OAB onde está situada a sede da sociedade.

2.4.

Formas regulares de denominação da sociedade:

A.A. Nome / Sócios S.A Parte nome E.A dos Sócios C.J
A.A.
Nome / Sócios
S.A
Parte nome
E.A
dos Sócios
C.J

É vedado nome fantasia.

O nome do advogado falecido poderá ser utilizado desde que haja previsão no contrato social.

2.4.1 Registros dos sócios:

Paga anuidade para a OAB do local do registro da sociedade.

Onde for registrada a sociedade todos os sócios devem ter inscrição no local.

Filial: o registro é estadual.

2.5 Para quem se outorga poderes?

Pessoa física podendo constar o nome da pessoa jurídica, art. 15, § 3º, EA.

Sócio de uma mesma sociedade não podem defender em juízo clientes com interesse opostos, sob pena de caracterizar crime tervigersação (art. 355, parágrafo único, CP).

2.6. Responsabilidade Civil da Sociedade

a) Responsabilidade criminal: é individual, quem responde é quem praticou o crime.

b) Responsabilidade disciplinar: é individual.

c) Responsabilidade civil: se o contrato foi feito pela sociedade, ela responde.

d) A responsabilidade dos sócios para a sociedade é subsidiária e ilimitada.

REDE LFG – EXAME DE ORDEM – REGULAR MODULAR

Ética Profissional– 3/4

Material de apoio disponibilizado na Área do Aluno LFG – www.lfg.com.br/areadoaluno

e) Entre os sócios a responsabilidade é solidária, salvo se o contrato prevê de forma
e) Entre os sócios a responsabilidade é solidária, salvo se o contrato prevê de forma

e) Entre os sócios a responsabilidade é solidária, salvo se o contrato prevê de forma diferenciada.

2.9 Modalidades de advogados na sociedade:

Advogado Sócio

Não tem vínculo empregatício; Se une a sociedade para participação do lucros; Responsabilidade civil nas ações em que atuar; Contrato registrado na OAB. (art. 39 do RG da OAB – RG)

Advogado Associado

Sociedade

Advogado empregado ( art. 18 a 21, EA e art. 11 a 14 RG da OAB e art. 4º do CED)

Vinculo de emprego; Liberdade profissional (não lhe retira isenção técnica); Não está obrigado – ações particulares; Salário mínimo: sentença normativa acordo ou convenção Jornada de trabalho: de 04 diárias ou 20 hs semanais, salvo acordo ou convenção coletiva ou em caso de dedicação exclusiva

.