Você está na página 1de 10

€ € €

Ano lectivo 2008/2009


FICHA DE TRABALHO Nº 1
Curso Profissional Animador Sóciocultural A3 - ESTATÍSTICA: VOCABULÁRIO DE ESTAT
ÍSTICA
€
Setembro 2008
Nome:€_____________________________________________________________€Nº€_____€€An
o:€_____€€Turma:€_____€
Estatística é a “Ciência que dispõe de processos apropriados para recolher, orga
nizar, classificar, apresentar e interpretar
conjuntos de dados”
A estatística fornece-nos as técnicas para extrair informação de dados, os quais
são muitas vezes incompletos, na medida em que nos dão informação útil sobre o
problema em estudo, não realçando, no entanto, aspectos importantes. É objectivo
da Estatística extrair informação dos dados para obter uma melhor compreensão d
as situações que representam.
1. Objecto da Estatística
No estudo de um problema envolvendo métodos estatísticos, estes devem ser utiliz
ados mesmo antes de se recolher a amostra, isto é, deve-se planear a experiência
que nos vai permitir recolher os dados, de modo a que, posteriormente, se possa
extrair o máximo de informação relevante para o problema em estudo, ou seja par
a a população de onde os dados provêm.
Exemplo :
Se pretendemos estudar o sucesso escolar, em Português dos alunos do 10 ano, da
Escola Secundária de Estarreja, será natural ir consultar as pautas destes alun
os, no final do ano. A partir daí poderá facilmente ser obtida a percentagem de
aprovações. Se, no entanto, pretendermos aprofundar um pouco mais este assunto,
nomeadamente saber se o sucesso é análogo para os rapazes e raparigas, ou nos di
ferentes agrupamentos disciplinares, deverá recolher-se não só a informação resp
eitante ao aluno ter passado ou não, mas também para cada um o sexo e o agrupame
nto disciplinar: Agrupamento Nota Sexo disciplinar 1 12 F 2 13 M ... ... ...
Matemática – Ficha de Trabalho n 1- Módulo A3 - Estatística
Página 1 de 9
No estudo de um problema envolvendo métodos estatísticos, estes devem ser utiliz
ados mesmo antes de se recolher a amostra, isto é, deve-se planear a experiência
que nos vai permitir recolher os dados, de modo a que, posteriormente, se possa
extrair o máximo de informação relevante para o problema em estudo, ou seja par
a a população de onde os dados provêm. Uma vez os dados recolhidos, sob a forma
de uma amostra, faz-se a redução e representação desses dados, utilizando as tab
elas e os diferentes tipos de gráficos, sendo um dos principais objectivos desta
fase, a identificação da estrutura subjacente aos dados, deixando de lado a ale
atoriedade presente. Seguidamente o objectivo do estudo estatístico pode ser o d
e estimar uma quantidade ou testar uma hipótese, utilizando-se técnicas estatíst
icas convenientes, as quais realçam toda a potencialidade da Estatística, na med
ida em que vão permitir tirar conclusões acerca de uma população, baseando-se nu
ma pequena amostra, dando-nos ainda uma medida do erro cometido.
2. População e Amostra
Uma noção fundamental em Estatística é a de conjunto ou agregado, conceito para
o qual se usam, indiferentemente, os termos População ou universo. 2.1. Populaçã
o
Colecção de unidades individuais, que podem ser pessoas ou resultados experiment
ais, com uma ou mais características comuns, que se pretendem estudar.
Exemplos: 1. Relativamente à população constituída pelos alunos do 10 ano de es
colaridade matriculados na Escola Secundária de Estarreja, podemos estar interes
sados em estudar as seguintes características populacionais: - Altura (em cm) do
s alunos: Depois de medir a altura de cada aluno, obteríamos um conjunto de dado
s com o seguinte aspecto: 145, 161, 158, 156, 146, ... ,140, 139, 162 - Notas ob
tidas na disciplina de Português, no 1 período 10, 15, 13, 16, 9, 11, 10, ... ,
18, 11, 13, 8
2. Conjunto das temperaturas (em graus), num determinado dia às 9h, em todas as
cidades da Europa: 12 ,8, 15, 4, 10, 11, 13, 12, ... , 14, 12, 10, 11
Matemática – Ficha de Trabalho n 1- Módulo A3 - Estatística
Página 2 de 9
Por vezes, identifica-se População com a característica populacional que se pret
ende estudar. Relativamente ao exemplo 1, falamos da - População das alturas dos
alunos do ... - População das notas em Português no 1 ... Relativamente ao exe
mplo 2, falamos da - População das temperaturas às 9h ... Nem sempre é possível
estudar exaustivamente todos os elementos da população! Porquê? - Pode a populaç
ão ter dimensão infinita Exemplo: População constituida pelas pressões atmosféri
cas, nos diferentes pontos de uma cidade. - Pode o estudo da população levar à d
estruição da população Exemplo: População dos fósforos de uma caixa. - Pode o es
tudo da população ser muito dispendioso Exemplo: Sondagens exaustivas de todos o
s eleitores, sobre determinado candidato Quando não é possível estudar, exaustiv
amente, todos os elementos da população, estudam-se só alguns elementos, a que d
amos o nome de Amostra. Unidade estatística ou indivíduo – é cada um dos element
os da população.
2.2. Amostra
Conjunto de dados ou observações, recolhidos a partir de um subconjunto da popul
ação, que se estuda com o objectivo de tirar conclusões para a população de onde
foi recolhida
Exemplos: 1. Relativamente à população das alturas dos alunos do 10 ano matricu
lados na Escola Secundária de Estarreja, consideremos a seguinte amostra, consti
tuída pelas alturas (em cm) de 20 alunos escolhidos ao acaso: 145, 163, 157, 152
, 156, 149, 160, 157, 148, 147, 151, 152, 150, 148, 156, 160, 148, 157, 153, 162
Matemática – Ficha de Trabalho n 1- Módulo A3 - Estatística Página 3 de 9
De um modo geral, deve ter-se os seguintes cuidados na formação da amostra: • •
• imparcialidade - todos os elementos devem ter a mesma oportunidade de fazer pa
rte da amostra; representatividade - deve conter em proporção tudo o que a popul
ação possui, qualitativa e quantitativamente; tamanho - deve ser suficientemente
grande de modo que as características da amostra se aproximem, tanto quanto pos
sível, das características da população.
A generalização dos resultados obtidos através do estudo de uma amostra é também
muito complexa e comporta sempre um certo erro. Existem técnicas científicas pa
ra a selecção correcta de amostras. De entre essas técnicas, as mais conhecidas
são a amostragem aleatória simples, a amostragem sistemática e a amostragem estr
atificada. • Na amostragem aleatória simples qualquer elemento da população tem
a mesma probabilidade de ser escolhido. Se se pretender seleccionar uma amostra
constituída por 30 alunos de uma escola com 670 alunos, atribui-se um número a c
ada um dos alunos da escola e, seguidamente, escolhem-se ao acaso 30 desses núme
ros. • Na amostragem sistemática os elementos da amostra são escolhidos a partir
de uma regra estabelecida. Para seleccionar uma amostra de 30 alunos de uma esc
ola com 600 alunos, depois de numerados todos os alunos, pode-se escolher um alu
no de 20 em 20 a partir do primeiro aluno seleccionado. O primeiro aluno selecci
onado é escolhido ao acaso de entre o primeiro grupo de 20 alunos. Supondo que o
número 3 foi o primeiro aluno seleccionado, tem-se a amostra: 3 , 23 , 43 , 63
, 83 , 103 , ... , 543 , 563 , 583 . • A amostragem estratificada utiliza-se qua
ndo a população está dividida em estratos ou grupos diferenciados. Na selecção d
e 30 alunos de uma escola, considerando cada ano de escolaridade como estrato, e
scolher-se-ia em cada um desses anos um determinado número de alunos por um dos
processos anteriores. O número de alunos a escolher em cada ano, ou seja, em cad
a estrato, deve ser proporcional ao número de alunos desse ano. Se na escola, co
m 600 alunos, 290 são do 10.° ano, 207 são do 11.° ano e 103 são do 12.° ano, po
der-seiam escolher para a amostra: • 15 alunos do 10.° ano;
Matemática – Ficha de Trabalho n 1- Módulo A3 - Estatística Página 4 de 9
• 10 alunos do 11.° ano; • 5 alunos do 12.° ano.
É importante a fase de recolha da amostra?
Sim, pois a amostra deve ser tão representativa quanto possível da População que
se pretende estudar, uma vez que vai ser a partir do estudo da amostra, que vam
os tirar conclusões para a População. Quando a amostra não representa correctame
nte a população diz-se enviesada e a sua utilização pode dar origem a interpreta
ções erradas, como se sugere nos seguintes exemplos: - Utilizar uma amostra cons
tituída por 10 benfiquistas, para prever o vencedor do próximo Benfica-Sporting.
- Utilizar uma amostra constituída pelos leitores habituais de determinada revi
sta especializada, para tirar conclusões sobre a população geral.
3. Recenseamento e Sondagem
3.1. Recenseamento ou Censo O termo recenseamento (ou Censo) está, em regra gera
l, associado à contagem oficial e periódica dos indivíduos de um País, ou parte
de um País. Ele abrange, no entanto, um leque mais vasto de situações. Assim, po
de definir-se recenseamento do seguinte modo:
Estudo científico de um universo de pessoas, instituições ou objectos físicos co
m o propósito de adquirir conhecimentos, observando todos os seus elementos, e f
azer juízos quantitativos acerca de características importantes desse universo.
Para a maioria das pessoas a palavra recenseamento ou censo encontra-se associad
a à enumeração dos elementos da população de um País. Em Portugal, de dez em dez
anos, realiza-se o Recenseamento Geral da População. O último ocorreu em 2001,
encontrando-se disponíveis na Internet (Infoline - Serviço de Informação On Line
do INE) os resultados desses censos - Censos 2001. 3.2. Sondagem Por vezes não
é viável nem desejável, principalmente quando o número de elementos da população
é muito elevado, inquirir todos os seus elementos sempre que se quer estudar um
a ou mais características particulares dessa população. Assim surge o conceito d
e sondagem, que se pode tentar definir como:
Estudo científico de uma parte de uma população com o objectivo de estudar atitu
des, hábitos e preferências da população relativamente a acontecimentos, circuns
tâncias e assuntos de interesse comum.
É fundamental referir que, contrariamente ao recenseamento, as sondagens inquire
m ou analisam apenas uma parte da população em estudo, isto é, restringem-se a u
ma amostra dessa população, mas com o objectivo de extrapolar para todos os elem
entos da população os resultados observados na amostra.
Matemática – Ficha de Trabalho n 1- Módulo A3 - Estatística
Página 5 de 9
4. Estatística Descritiva e Estatística Indutiva
De acordo com o que dissemos anteriormente, numa análise estatística distinguem-
se essencialmente duas fases: Uma primeira fase em que se procura descrever e es
tudar a amostra: Estatística Descritiva e uma segunda fase em que se procura tir
ar conclusões para a população: Estatística Indutiva
Matemática – Ficha de Trabalho n 1- Módulo A3 - Estatística
Página 6 de 9
Esquematicamente, temos:
Resumindo, podemos dizer que uma análise estatística envolve duas fases fundamen
tais, com objectivos distintos: 1ª Fase Estatística Descritiva Estatística Indut
iva Procura-se descrever a amostra, pondo em evidência as características princi
pais e as propriedades.
2ª Fase
Conhecidas certas propriedades (obtidas a partir de uma análise descritiva da am
ostra), expressas por meio de proposições, imaginam-se proposições mais gerais,
que exprimam a existência de leis (na população).
No entanto, ao contrário das proposições deduzidas, não podemos dizer que são fa
lsas ou verdadeiras, já que foram verificadas sobre um conjunto restrito de indi
víduos, e portanto não são falsas, mas não foram verificadas para todos os indiv
íduos da População, pelo que também não podemos afirmar que são verdadeiras ! Ex
iste, assim, um certo grau de incerteza (percentagem de erro) que é medido em te
rmos de Probabilidade.
5. Campos de Aplicação
"Os campos de aplicação da Estatística são muitos e os mais variados."
Estudos de mercado O gerente de uma fábrica de detergentes pretende lançar um no
vo produto para lavar a loiça, pelo que, encarrega uma empresa especialista em e
studos de mercado de "estimar" a percentagem de potenciais compradores desse pro
duto.
Matemática – Ficha de Trabalho n 1- Módulo A3 - Estatística
Página 7 de 9
População: conjunto de todos os agregados familiares do País Amostra: conjunto d
e alguns agregados familiares, inquiridos pela empresa Problema: pretende-se, a
partir da percentagem de respostas afirmativas, de entre os inquiridos sobre a c
ompra do novo produto, obter uma estimativa do número de compradores na Populaçã
o.
Medicina Pretende-se estudar o efeito de um novo medicamento para curar determin
ada doença. É seleccionado um grupo de 20 doentes, administrando-se o novo medic
amento a 10 desses doentes escolhidos ao acaso e o medicamento habitual aos rest
antes.
População: conjunto de todos os doentes com a doença que o medicamento a estudar
pretende tratar. Amostra: conjunto dos 20 doentes seleccionados Problema: prete
nde-se, a partir dos resultados obtidos, realizar um "teste de hipóteses" para t
omar uma decisão sobre qual dos medicamentos é melhor. Controle de Qualidade O a
dministrador de uma fábrica de parafusos pretende assegurar-se de que a percenta
gem de peças defeituosas não excede um determinado valor, a partir do qual deter
minada encomenda poderia ser rejeitada.
População: Amostra: Problema:
conjunto de todos os parafusos fabricados ou a fabricar pela fábrica, utilizando
o mesmo processo. conjunto de parafusos escolhidos ao acaso de entre o lote de
produzidos. pretende-se, a partir da percentagem de parafusos defeituosos presen
tes na amostra, "estimar" a percentagem de defeituosos em toda a produção.
Pedagogia
Um conjunto de pedagogos desenvolveu uma técnica nova para a aprendizagem da lei
tura, na escola primária, a qual, segundo dizem, encurta o tempo de aprendizagem
relativamente ao método tradicional.
Matemática – Ficha de Trabalho n 1- Módulo A3 - Estatística
Página 8 de 9
População: conjunto de todos os alunos que entram para a escola primária, sem sa
ber ler. Amostra: conjunto de alunos de algumas escolas seleccionadas para este
estudo. Os alunos foram separados em dois grupos para se aplicarem as duas técni
cas em confronto. Problema: do estudo da amostra, decidir qual a técnica melhor.
Exercícios de Aplicação
1. Para cada um dos seguintes casos, indique qual é a população: 1.1. Eleições p
ara a Presidência da República. 1.2. Eleições para o delegado de turma. 2. Para
cada uma das populações, indique a unidade estatítica: 2.1. Todas as apostas de
uma semana do Euromilhões. 2.2. 500 alunos que frequentam o 10 ano de uma escol
a. 2.3. 5000 flores colhidas num dia, numa estufa. 3. De entre os 3000 alunos de
uma escola, seleccionaram-se aleatoriamente 70 e inquiriram-se sobre o programa
de televisão
preferido. Os resultados obtidos foram os seguintes: Programa preferido Número d
e alunos Telejornal Telenovela Cinema Outros Neste conjunto de dados, indique:
3.1. A população. 3.2. A amostra. 4. Para saber as intenções de voto dos portugu
eses nas próximas eleições, uma empresa entrevistou 1900 pessoas
20 24 16 10
representativas da população portuguesa com mais de 18 anos. Indique, relativame
nte a este estudo, a população, a amostra e a unidade estatística.
Matemática – Ficha de Trabalho n 1- Módulo A3 - Estatística
Página 9 de 9