Você está na página 1de 3

Exerccios - Momento de uma Fora ou Torque

Lista de Exerccios Resolvidos Momento de uma Fora ou Torque


Ateno alunos: sigam corretamente as dicas dos enunciados dos exerccios e
confiram seus resultados no final da lista com as respectivas resolues. Sejam
coerentes, tentando resolver tudo e s depois conferindo os resultados. Bons estudos
e at semana que vem!
1) Uma barra AO situada num plano vertical pode girar em torno de um ponto O.
Determine o momento da fora F (torque) de intensidade de 120 N nos trs casos a
seguir.
Use M = F . D (momento = fora x distncia), quando o ngulo de aplicao da fora
de 90 com a barra.
OBS.: M e T so letras que representam a mesma grandeza fsica: Momento de
uma fora ou Torque, OK?

2) Em cada caso representado abaixo, calcule o momento da fora aplicada na barra,


em relao ao ponto O.
Obs.: Quando houver inclinao diferente de 90 entre F e a barra, usa-se a
seguinte frmula:
M = F. d .sen

3) (UFLA-95) A figura abaixo representa um sistema em equilbrio esttico.


Sendo PA = 20 N, o peso PB deve ter valor de:
Dica: A soma dos momentos deve ser zero. O giro no sentido horrio provoca
momento positivo e no sentido anti-horrio provoca momento negativo.

4) Uma barra homognea AB de peso P = 10 N e comprimento L = 50 cm est apoiada


num ponto O a 10 cm de A. De A pende um corpo de peso Q1 = 50 N. A que distncia
de x deve ser colocado um corpo de peso Q2 = 10 N para que a barra fique em
equilbrio na horizontal?

Resoluo:
1) a) Como F est sendo aplicada na direo da barra, ela no provoca rotao na
barra e o momento (torque) nulo. M = 0 N.m
b) F = 120 N e a distncia do ponto de aplicao de F at o ponto de giro d = 3 m,
logo:
M = F.d = 120 . 3 = 360 N.m
c) F = 120 N e a distncia do ponto de aplicao de F at o ponto de giro d = 6m,
logo:
M = F.d = 120 . 6 = 720 N.m
2) a) M = F. d
b) M = F. d. sen
F=10 N
F =8 N
d=b=2 m
d=b=6 m
M = 10.2=20
=30 e sen 30=0,5
M = 20 N.m
M = 8.6.0,5 = 24
M = 24 N.m
Lembre-se que a unidade de medida do torque (momento) N.m
3) Quando temos objetos pendurados na barra ou sobre a barra, a fora peso a fora
aplicada perpendicularmente barra. Observe a figura com os vetores das foras
pesos representados em cada ponto de aplicao. O ponto onde a barra est apoiada
est representado pelo tringulo.

As foras aplicadas so PA e PB .
Para o equilbrio, a soma dos momentos deve ser zero:MPB MPA = 0 (PA faz a barra
girar sentido anti-horrio em torno do ponto de apoio, logo o momento negativo).
PA.dA PB . dB = 0
20 . 3 PB . 4 = 0 60 4.PB=0 4.PB = 60
PB = 60/4 = 15 N.m PB = 15 N.m
4) O exerccio falou sobre o peso da barra. Ento no podemos desprez-lo. Ele deve
ser representado no centro da barra (veja a figura a seta azul). Observe tambm as
distncias das aplicaes das foras at o ponto O.

A soma dos momentos deve ser zero:


Q1 provoca uma rotao na barra no sentido anti-horrio (M<0) Q2 e P no sentido
horrio (M>0):
MQ2 + MP MQ1 = 0
Q2.d2 + P . d Q1.d1 = 0
10.(40-x) + 10.15 50.10=0
400-10x+150-500=0
- 10 x = 500 -150 -400
- 10 x = - 50 (multiplica por 1)
10 x = 50
X = 50/10
X = 5 cm

Você também pode gostar