Você está na página 1de 5

Slide 1

RedesRedes dede ComputadoresComputadores

Protocolos da camada de aplicação

Módulo 10

EAGS SIN / CAP PD PROF. FILIPE ESTRELA

filipe80@gmail.com

Slide 3

1

ProtocolosProtocolos dada CamadaCamada dede AplicaçãoAplicação

Slide 5

ProtocoloProtocolo FTPFTP

3

ProtocolosProtocolos dada CamadaCamada dede AplicaçãoAplicação

ProtocoloProtocolo TFTPTFTP

5

Slide 2

Introdução

Os protocolos da camada de aplicação possuem dois componentes conhecidos por cliente e servidor.

O cliente é quem inicia o contato com o servidor.

O servidor é quem responde às requisições emitidas pelo cliente.

Slide 4

2

ProtocoloProtocolo FTPFTP (File(File TransferTransfer Protocol)Protocol)

Tem como objetivo a transferência de programas e arquivos de todos os tipos por meio de redes TCP/IP.

Suas principais características são a confiabilidade e a eficiência com que realizam as transferências.

Embora o HTTP e o SMTP possam ser usados na transferência de arquivos, o FTP é o mais indicado pois utiliza o TCP na camada de transporte.

Escuta as requisições nas portas 20 (dados) e 21 (controle).

Slide 6

4

ProtocoloProtocolo TFTPTFTP

É uma opção para os usuários que não necessitam

da robustez do FTP.

Utiliza UDP para transferência de seus dados na porta 69.

O TFTP é utilizado principalmente para a

transferência de arquivos de configuração ou mesmo do sistema operacional, entre um computador e um equipamento ativo de rede, tal como switch, roteador, hub ou ainda servidor de impressão.

6

Slide 7

ProtocolosProtocolos dada CamadaCamada dede AplicaçãoAplicação

Slide 9

ProtocoloProtocolo TelnetTelnet

7

ProtocolosProtocolos dada CamadaCamada dede AplicaçãoAplicação

Slide 11

ProtocoloProtocolo SSHSSH

9

ProtocolosProtocolos dada CamadaCamada dede AplicaçãoAplicação

ProtocoloProtocolo SMTPSMTP

11

Slide 8

ProtocoloProtocolo TelnetTelnet

É um protocolo simples de terminal remoto incluído no modelo

de referência TCP/IP.

É considerado, além de um protocolo, um programa.

Fornece um terminal baseado em caracteres virtuais, em que o usuário pode digitar comandos e outros textos, além de poder verificar a saída de processos na sua máquina remota.

Transmite os toques do teclado do usuário diretamente ao servidor, como se estivessem sendo digitados no teclado conectado ao próprio servidor, e retorna o resultado do comando ao cliente que o solicitou.

Trabalha na porta TCP 23.

Slide 10

8

ProtocoloProtocolo SSHSSH (Secure(Secure Shell)Shell)

Oferece a mesma aplicação do protocolo Telnet, com a vantagem da conexão entre o cliente e o servidor ser criptografada.

Utiliza a porta TCP 22.

Slide 12

10

ProtocoloProtocolo SMTPSMTP (Simple(Simple MailMail TransferTransfer Protocol)Protocol)

Protocolo utilizado no sistema de correio eletrônico da Internet.

Utilizado quando se deseja enviar uma mensagem.

Trabalha na porta TCP 25.

Entre os clientes de e-mail temos o Outlook, Thunderbird, Outlook Express, etc.

E os servidores de correio eletrônico mais conhecidos são o Postfix, Qmail, Expresso mail, etc.

12

Slide 13

ProtocoloProtocolo SMTPSMTP CaracterísticasCaracterísticas

Uma mensagem SMTP é dividida em cabeçalho e corpo que são separados por uma linha em branco.

O cabeçalho contém as informações necessárias para a transferência da mensagem:

MAIL FROM → endereço e-mail do emissor.

RCPT TO → endereço e-mail do receptor.

DATA → assunto da mensagem

joao@empresa.com.br

O corpo da mensagem guarda seu conteúdo e tem formato de texto livre.

Slide 15

13

ProtocoloProtocolo POPPOP (Post(Post OfficeOffice Protocol)Protocol)

É quem define os mecanismos para o cliente manipular as

mensagens depositadas na sua caixa postal do servidor SMTP.

É sempre apresentado seguido da sua versão: POP3 e,

atualmente, POP4.

Utiliza porta TCP 110.

O POP não transmite ou retransmite mensagens.

Exige a autenticação do usuário.

As mensagens lidas através do POP são “baixadas” do servidor para a máquina do cliente sem deixar cópia no servidor.

Slide 17

15

ProtocoloProtocolo IMAPIMAP (Interactive(Interactive MailMail AccessAccess Protocol)Protocol)

Permite ao usuário manipular sua caixa postal de forma mais sofisticada do que o POP.

Utiliza porta TCP 143.

É sempre apresentado seguido de sua versão, atualmente na 4

(IMAP4).

Projetado especialmente para permitir que os usuários acessem suas caixas postais a partir de múltiplos computadores.

Com isso, ao contrário do POP, permite que as mensagens sejam lidas sem ter que copiá-las para o computador do cliente.

As mensagens lidas através do IMAP permanecem no servidor.

17

Slide 14

ProtocolosProtocolos dada camadacamada dede AplicaçãoAplicação

Slide 16

ProtocoloProtocolo POPPOP

14

ProtocolosProtocolos dada camadacamada dede AplicaçãoAplicação

Slide 18

ProtocoloProtocolo IMAPIMAP

16

ProtocolosProtocolos dada camadacamada dede AplicaçãoAplicação

ProtocoloProtocolo MIMEMIME

18

Slide 19

ProtocoloProtocolo MIMEMIME

(Multipurpose(Multipurpose InternetInternet MailMail Extension)Extension)

É um padrão de formatação e codificação de mensagens que permite transmitir informações com conteúdo gráfico e multimídia, codificados como texto.

Como o SMTP só transmite mensagens de texto puro (ASCII), o MIME foi desenvolvido para que se tornasse possível a transmissão de mensagens que não fossem ASCII, ou seja, imagens, textos formatados, vídeos, áudio, programas binários, etc.

Basicamente, o MIME define mecanismos para que o receptor possa identificar o tipo de dado que está sendo transmitido e o padrão de codificação utilizado.

Slide 21

19

ProtocoloProtocolo HTTPHTTP

(Hyper(Hyper TextText TransferTransfer Language)Language)

É utilizado na World Wide Web para distribuição e

recuperação de informação, em sua maioria documentos hipertexto (HTML).

A troca de informações entre um navegador e um

servidor web é toda feita por meio desse protocolo,

o qual define um conjunto de regras simples para a

efetiva comunicação entre os dois.

Slide 23

21

FuncionamentoFuncionamento dodo HTTPHTTP

O tipo de URI utilizado pelo HTTP é a URL (Uniform Resource Locator) e contém três partes:

- identificação do protocolo;

- o endereço do computador servidor; e

- o documento requisitado. (podendo incluir subdiretórios)

Um bom exemplo de URL seria o documento index.html armazenado no diretório /kit_corretor/ em um servidor com o endereço IP 129.20.27.20 e porta 80.

A URL da situação acima é:

http://129.20.27.20:80/kit_corretor/index.html

23

Slide 20

ProtocolosProtocolos dada camadacamada dede AplicaçãoAplicação

Slide 22

ProtocoloProtocolo HTTPHTTP

20

FuncionamentoFuncionamento dodo HTTPHTTP

O cliente faz um pedido ao servidor que responde de acordo com os dados contidos no pedido.

Um pedido HTTP é constituído de:

Comando – representa a ação a ser realizada;

URI (Universal Resource Identifier) – representa a informação requisitada; e

Versão do protocolo HTTP.

Slide 24

22

ProtocolosProtocolos dada camadacamada dede AplicaçãoAplicação

ProtocoloProtocolo DHCPDHCP

24

Slide 25

ProtocoloProtocolo DHCPDHCP

(Dynamic(Dynamic HostHost ConfigurationConfiguration Protocol)Protocol)

É responsável pela configuração dinâmica de endereços IP em uma rede de computadores, ou seja, o protocolo DHCP atribui automaticamente um endereço IP quando um computador é inicializado ou conectado a uma rede de computadores.

Desvantagens de se configurar os endereços IP manualmente:

Muito Trabalhoso;

Pode ser atribuído o mesmo IP a mais de uma máquina; e

Em redes de grande porte os problemas acima são agravados.

Slide 27

25

ProtocolosProtocolos dada camadacamada dede AplicaçãoAplicação

Slide 29

ProtocoloProtocolo SNMPSNMP

27

ProtocoloProtocolo SNMPSNMP

(Simple(Simple NetworkNetwork ManagementManagement Protocol)Protocol)

É possível configurar as aplicações de gerenciamento para enviarem avisos por meio de e-mails, por sinais visuais ou por sinais sonoros aos administradores da rede quando situações críticas ocorrem.

Apesar de o índice de aceitação, o protocolo SNMP apresenta algumas deficiências, principalmente em relação à segurança e à transferência eficiente de um grande número de informações do agente para o gerente.

Para corrigir esses problemas foi desenvolvido o SNMPv2.

29

Slide 26

FuncionamentoFuncionamento dodo ProtocoloProtocolo DHCPDHCP

Existe um servidor DHCP na rede que é o responsável por atribuir um endereço IP a cada cliente da rede no momento em que seu micro é ligado ou, mais especificamente, quando seu serviço de rede é iniciado.

O servidor DHCP apenas empresta um endereço IP a um

cliente.

A renovação desse endereço de tempo em tempo é de

responsabilidade do cliente.

Quando um computador cliente é desativado por um longo período o endereço IP que era a ele atribuído, poderá ser entregue a outro computador da rede.

Slide 28

26

ProtocoloProtocolo SNMPSNMP

(Simple(Simple NetworkNetwork ManagementManagement Protocol)Protocol)

Utiliza no nível de transporte o protocolo UDP para fazer a gerência de equipamentos, sendo o protocolo-base de todas as principais plataformas de gerenciamento de diversos fabricantes, como: o Cisco Works da CISCO, HPOpenView da HP, o SunNetManager da SUN, o Transcend da 3COM, etc.

Utiliza as portas UDP 161 (agente) e 162 (traps).

As aplicações responsáveis pelo gerenciamento da rede recebem informações emitidas pelos equipamentos ativos configurados com o protocolo SNMP e processam informações gerando relatórios e alarmes no momento do atingimento de limites configurados.

Todas as informações recebidas por esse monitoramento são armazenadas em uma base de dados conhecida como MIB (Management Information Base).

28