Você está na página 1de 14
Material de Comunidade Perguntas e   L o g i n Cadastro
 

Login

Buscar arquivos, pessoas, cursos…

Respostas Buscar arquivos, pessoas, cursos… Respostas - do - livro - Geometria - Analitica - Alfredo

Respostas - do - livro - Geometria - Analitica - Alfredo - Steinbruch - e-Paulo -

- Geometria - Analitica - Alfredo - Steinbruch - e-Paulo - Enviado por: Laína Fernanda |

Enviado por: Laína Fernanda | 0 comentários

Download Tweet Curtir 0 Baixe Agora App Itaucard Sem anúncios Find your perfect buy. Itaucard
Download
Tweet
Curtir
0
Baixe Agora App Itaucard
Sem anúncios
Find your perfect buy.
Itaucard
WPS Office + PDF
AliExpress Shopping App
Confira Agora as Diversas Vantagens Baixe Já
e Começe a Aproveitar!
App de Office Suite n°1!
Melhor Office de Android
Find limitless deals now. Download the
app now.

2.8 Problemas Propostos

2.8 Problemas Propostos Solucao: Solucao: Substituıdo os valores dos respectivos vetores, Efetuando as operacoes;

Solucao:

2.8 Problemas Propostos Solucao: Solucao: Substituıdo os valores dos respectivos vetores, Efetuando as operacoes;
2.8 Problemas Propostos Solucao: Solucao: Substituıdo os valores dos respectivos vetores, Efetuando as operacoes;
2.8 Problemas Propostos Solucao: Solucao: Substituıdo os valores dos respectivos vetores, Efetuando as operacoes;
2.8 Problemas Propostos Solucao: Solucao: Substituıdo os valores dos respectivos vetores, Efetuando as operacoes;

Solucao:

2.8 Problemas Propostos Solucao: Solucao: Substituıdo os valores dos respectivos vetores, Efetuando as operacoes;

Substituıdo os valores dos respectivos vetores,

Efetuando as operacoes;

os valores dos respectivos vetores, Efetuando as operacoes; Paraxtemosaseguinteigualdade; 16+ x Para y temos a seguinte

Paraxtemosaseguinteigualdade; 16+ x

Para y temos a seguinte igualdade;

dos respectivos vetores, Efetuando as operacoes; Paraxtemosaseguinteigualdade; 16+ x Para y temos a seguinte igualdade;
dos respectivos vetores, Efetuando as operacoes; Paraxtemosaseguinteigualdade; 16+ x Para y temos a seguinte igualdade;
dos respectivos vetores, Efetuando as operacoes; Paraxtemosaseguinteigualdade; 16+ x Para y temos a seguinte igualdade;
16+ x Para y temos a seguinte igualdade; Ebah - Rede Acadêmi… Seguir +1 + 6.767
Ebah - Rede Acadêmi… Seguir +1 + 6.767 Curtir Compartilhar 104.124 pessoas curtiram isso. Cadastrar-se
Ebah - Rede Acadêmi…
Seguir
+1
+ 6.767
Curtir
Compartilhar
104.124 pessoas curtiram isso.
Cadastrar-se para ver do que
seus amigos gostam.
isso. Cadastrar-se para ver do que seus amigos gostam. DESCRIÇÃO Resolucionário do Livro de Geometria Analítica

DESCRIÇÃO

Resolucionário do Livro de Geometria Analítica

TAGS

ESTATÍSTICAS

3088 visitas

315 downloads

0 comentários

ARQUIVOS SEMELHANTES

5 Para y temos a seguinte igualdade; Solucao: Exercícios Resolvidos de Álgebra 1 2013 Retas,
5 Para y temos a seguinte igualdade;
Solucao:
Exercícios Resolvidos de Álgebra 1 2013 Retas,
Planos e
Alfredo Steinbruch, Paulo Winterle
Geometria Analitica - Alfredo
Steinbruch e Paulo Winterle
Efetuando a Operacao:
LIVRO DE GEOMETRIA ANALÍTICA
Exercício de Geometria Analítica
Exercícios resolvidos de Geometria
Analítica - Livro Paulo Winterle Cap.4
Efetuando a Operacao:
Geometria Analítica - Livro de
Caitano Cintra
Geometria Analítica - por Caitano Cintra
Geometria Analitica - Alfredo
Steinbruch e Paulo Winterle
Geometria Analitica
Efetuando a Operacao:
Respostas do Livro de Geometria
analítica e cálculo vetorial
Respostas do Livro de Geometria analítica
e cálculo vetorial (Paulo Winterle)
Geometria Analitica
Geometria Analitica
Solucao: Resolvendo para a;
Geometria Analitica
Geometria Analitica
Resolvendo para b;
LIVROS RELACIONADOS
Baccan - Química Analítica
Quantitativa Elementar
São apresentados conceitos básicos da
química analítica clássica: gravimetria e
volumetria. O
Resistência dos Materiais
Solucao: Substituindo os valores dos respectivos vetores;
Neste livro de resmat, o estudo a Mecânica
dos Materiais está baseado no
entendimento de
Cálculo A: Funções, Limite,
Derivação e Integração
'Cálculo A' é uma obra de referência nos
cursos de cálculo diferencial e integral
Substituindo k1 na Primeira Equacao temos;
-68%
-66%
Solucao:
-50%
-56%
Solucao: Substituindo em −→ AP = −→ PB temos: Solucao: Resolvendo para a1 temos: Resolvendo
Solucao:
Substituindo em −→ AP = −→ PB temos:
Solucao:
Resolvendo para a1 temos:
Resolvendo para a2 temos:
Substituindo α na primeira equacao:
Os pontos nao sao colineares:
Resolvendo para a1 temos: Resolvendo para a2 temos: Substituindo α na primeira equacao: Os pontos nao
Solucao: 6 Simplificando: Para ser um paralelogramo tem que satisfazer a igualdade: −→ AB+ −−→
Solucao:
6 Simplificando:
Para ser um paralelogramo tem que satisfazer a igualdade: −→ AB+ −−→ AD= −−→ AC
3.16 Problemas Propostos:
Solucao:
Solucao:
Calculo do Modulo:
Calculo do versor:
Solucao: Calculo do Modulo do vetor ~u:
Calculo do Modulo do vetor ~v:
) seja unitario.

Solucao:

Solucao: Solucao: Solucao:
Solucao: Solucao: Solucao:
Solucao: Solucao: Solucao:
Solucao: Solucao: Solucao:
Solucao: Solucao: Solucao:
Solucao: Solucao: Solucao:
Solucao: Solucao: Solucao:

Solucao:

Solucao: Solucao: Solucao:
Solucao: Solucao: Solucao:
Solucao: Solucao: Solucao:
Solucao: Solucao: Solucao:
Solucao: Solucao: Solucao:
Solucao: Solucao: Solucao:
Solucao: Solucao: Solucao:
Solucao: Solucao: Solucao:

Solucao:

Solucao: Solucao: Solucao:
Solucao: Solucao: Pela equacao do produto escalar: Substituındo os valores temos: 13. Os pontos A,B,C
Solucao:
Solucao:
Pela equacao do produto escalar:
Substituındo os valores temos:
13. Os pontos A,B,C sao vertices de um triangulo equilatero cujo lado mede 10cm.Calcular −→ AB e −−→ AC.
Solucao:
Equacao do produto escalar:
Substituindo a equacao com os valores conhecidos:
Solucao: Solucao: Solucao: Formula do angulo entre dois vetores :
Solucao:
Solucao:
Solucao: Formula do angulo entre dois vetores :

Substituindo os valores na equacao do angulo entre vetores temos:

os valores na equacao do angulo entre vetores temos: cos π 2m ⇒ Elevando ambos os

cos π

os valores na equacao do angulo entre vetores temos: cos π 2m ⇒ Elevando ambos os
os valores na equacao do angulo entre vetores temos: cos π 2m ⇒ Elevando ambos os
os valores na equacao do angulo entre vetores temos: cos π 2m ⇒ Elevando ambos os

2mElevando ambos os membros ao quadrado:

temos: cos π 2m ⇒ Elevando ambos os membros ao quadrado: Solucao: v = α.(−6,4,−2) onde
temos: cos π 2m ⇒ Elevando ambos os membros ao quadrado: Solucao: v = α.(−6,4,−2) onde
temos: cos π 2m ⇒ Elevando ambos os membros ao quadrado: Solucao: v = α.(−6,4,−2) onde
temos: cos π 2m ⇒ Elevando ambos os membros ao quadrado: Solucao: v = α.(−6,4,−2) onde
temos: cos π 2m ⇒ Elevando ambos os membros ao quadrado: Solucao: v = α.(−6,4,−2) onde
temos: cos π 2m ⇒ Elevando ambos os membros ao quadrado: Solucao: v = α.(−6,4,−2) onde

Solucao:

π 2m ⇒ Elevando ambos os membros ao quadrado: Solucao: v = α.(−6,4,−2) onde α elementos
π 2m ⇒ Elevando ambos os membros ao quadrado: Solucao: v = α.(−6,4,−2) onde α elementos
π 2m ⇒ Elevando ambos os membros ao quadrado: Solucao: v = α.(−6,4,−2) onde α elementos
π 2m ⇒ Elevando ambos os membros ao quadrado: Solucao: v = α.(−6,4,−2) onde α elementos
π 2m ⇒ Elevando ambos os membros ao quadrado: Solucao: v = α.(−6,4,−2) onde α elementos
π 2m ⇒ Elevando ambos os membros ao quadrado: Solucao: v = α.(−6,4,−2) onde α elementos
π 2m ⇒ Elevando ambos os membros ao quadrado: Solucao: v = α.(−6,4,−2) onde α elementos
π 2m ⇒ Elevando ambos os membros ao quadrado: Solucao: v = α.(−6,4,−2) onde α elementos
π 2m ⇒ Elevando ambos os membros ao quadrado: Solucao: v = α.(−6,4,−2) onde α elementos
π 2m ⇒ Elevando ambos os membros ao quadrado: Solucao: v = α.(−6,4,−2) onde α elementos
π 2m ⇒ Elevando ambos os membros ao quadrado: Solucao: v = α.(−6,4,−2) onde α elementos

v = α.(−6,4,−2) onde α elementos dos reais para α = 1, temos que o vetor ~v e igual ao vetor ~w, que isso nao deixa de ser colinear, ou seja dois vetores iguais nao deixa de ser colinear.

ou seja dois vetores iguais nao deixa de ser colinear. para t = −2, temos que

para t = −2, temos que o vetor ~v e igual ao vetor ~w, que isso nao deixa de ser colinear, ou seja dois vetores iguais nao deixa de ser colinear.

o vetor ~v e igual ao vetor ~w, que isso nao deixa de ser colinear, ou
o vetor ~v e igual ao vetor ~w, que isso nao deixa de ser colinear, ou
o vetor ~v e igual ao vetor ~w, que isso nao deixa de ser colinear, ou
Solucao: Verificar se existe algum angulo de 90o nos vertices. Testando A
Solucao: Verificar se existe algum angulo de 90o nos vertices. Testando A
Verificarseospontosestaoligadoseforumtriangulotemquesatisfazeraseguinte
Satisfeita a igualdade fica provado que os pontos estao ligados com o angulo B sendo de 90o logo se trata de um
triangulo retangulo.
Solucao:
Solucao: Verificar se existe algum angulo de 90o nos vertices. Testando A
25. Os angulos diretores de um vetor podem ser de 45o, 60o e 90o? Justificar.
Solucao:
Para coordenada x : Para coordenada y : Para coordenada z : Como temos duas
Para coordenada x :
Para coordenada y :
Para coordenada z :
Como temos duas equacoes,mas tres incognitas,entao teremos que atribuir a uma incognita um valor arbitrario. Logo,
seja a = 0. Entao
2 Assim,encontramos dois vetores unitarios ~u e ortogonais a ~v
Solucao:

Solucao:

 
 
 
 
 

Solucao:

 

Formula da projecao de um vetor:Proj~i ~u =

 

35.

Se o vetor −AB tem co-senos diretores p, q e r e angulos diretores α , β e γ, quais sao os co-senos e os angulos

diretores de −BA.

 

Solucao:

Sera o mesmo co-seno diretor do vetor AB, ja que o vetor tem mesmo modulo e direcao, tendo apenas o sentido contrario.

O cosseno diretor de um vetor e a componente do vetor naquela direcao dividido pelo modulo do seu versor, ou seja, para cada componente (x,y,z) tem-se um cosseno diretor. Se o vetor possui mesmo modulo e direcao, duas informacoes para a obtencao do mesmo nao se alteram. o versor e o mesmo(modulo) e a distancia do vetor a componente(direcao) e a mesma tambem.

π−α,π−β e π−γ

 

b2 − y2 = 0 b2 = y2b = y

2

rad, determinar

Como o valor e positivo retira-se o modulo.

 

De(1) temos y = −x 2 que substituıdo em (2) nos permite concluir que: z = x

3

Substituindo estes valores de y e z em (3) temos que

Porem, o problema nos diz que o angulo Θ formado por v e o eixo dos x e agudo. Entao o angulo formado por ~v e o vetor unitario na direcao do eixo x tambem e

Solucao:

 

Solucao:

Solucao:

Solucao:

Onde ~u e o vetor unitario que queremos encontrar.

Para encontrar o vetor na mesma direcao de ~u com modulo 5 basta multiplicar pelo escalar 5, logo:

 

50.

Mostrar num grafico um representante de cada um dos seguintes vetores:

 

Solucao: Usando a formula do modulo do produto vetorial temos:

Solucao: Usando a formula do modulo do produto vetorial temos:

Solucao:

Para ser um paralelogramo a equacao −AB+ −−AD= −−AC tem que ser satisfeita.

area do triangulo= √ 6

area do triangulo e dado pela formula:

area do triangulo= 7

Solucao:

area do triangulo=

Solucao:

Solucao:

triangulo de area

Solucao:

Cancelando ambos os denominadores iguais a 2. √

Solucao:

6. Demonstrar que o segmento cujos extremos sao os pontos medios de dois lados de um triangulo e paralelo ao terceiro lado e igual a sua metade.

Solucao: Demonstracao:

Seja um trapezio ABCD de bases AB e CD. Seja M o ponto medio de AD e N o ponto medio de BC Construamos uma reta BM. Prolongue com o lado DC. Seja Q o ponto de intersecao da reta BM com a reta que passa por DC. Prolongue tambem o lado AD. Anote as congruencias de angulos:

angulos QMD e AMB congruentes (angulos opostos pelo vertice) angulos MDQ e MAB congruentes (como os lados AB

e CD sao paralelos, temos que a reta que passa por AD e uma transversal as bases. Portanto seus angulos alternos internos sao congruentes). O segmento AM e congruente ao segmento MD, pois M e o ponto medio do segmento AD.

Pelo caso ALA de congruencia, temos que os triangulos MQD e AMB sao congruentes.

Disso resulta que os segmentos MQ e MB sao congruentes.

Agora observe o triangulo BQC. O segmento MN e a base media desse triangulo, pois M e ponto medio do segmento BQ

e N e o ponto medio do segmento BC, ambos lados do triangulo.

Pelo teorema da base media do triangulo, temos que: o segmento MN e paralelo ao segmento CQ que por sua vez e paralelo ao lado AB. Podemos concluir que MN e paralelo as duas bases do trapezio. A medida de MN e metade da medida de CQ.

Da congruencia dos triangulos AMB e QDM, temos que os segmentos QD e AB sao congruentes.

Em formula:

2 Mas QC = QD+DC e QD e congruente a AB

Portanto: QC = AB+DC

Calculo dos Segmentos:

Calculo do produto misto dos 3 segmentos

Calculo dos Segmentos:

Calculo do produto misto dos 3 segmentos

Calculo dos Segmentos:

Calculo do produto misto dos 3 segmentos

Solucao:

Calculo dos segmentos:

Basta calcular o produto misto dos 3 segmentos

70. Determinar o valor de k para que os seguintes vetores sejam coplanares:

Solucao:

72. Calcular o valor de m para que o volume do paralelepıpedo determinado pelos

Solucao:

Pode-se dividir o paralelepıpedo em dois prismas triangulares e estes prismas, por sua vez, em tres tetraedros, todos com base e altura correspondentes a base e altura do prisma. Resolucao:

Tem-se que todos os tetraedros terao o mesmo volume, ou seja, terao 16 dovolume do paralelepıpedo em questao, cujo volume e dado pelo produto misto de tres vetores nao coplanares que formam os lados do tetraedro (area da base e altura).Escolhendo −−DA, −−DB e e −−DC tem-se:

Solucao:

areadabase

Formula da altura: h =

|−BC×−−BD| Substituindo pelos valores calculados temos:

4.15 Problemas Propostos

Para saber se o ponto pertence a reta basta substituir o ponto P1 na equacao da reta se pertencer a igualdade permanece.

pertence a reta dada.

Para saber se o ponto pertence a reta basta substituir o ponto P2 na equacao da reta se pertencer a igualdade permanece.

nao pertence a reta dada.

Solucao: (a) abscissa 5;

(b)

(c)

ordenada 4;

cota 1.

Solucao:

Encontrando o valor de t em funcao de x;

2 Substituindo t nas outras duas equacao temos;

7. Estabeleca as equacoes reduzidas (variavel independente x) da reta pelos pares de pontos:

Isolando t na primeira equacao:

2 Substituindo t nas outras duas equacoes temos;

0 Comentários

0 comentários

Entre no Facebook para publicar um comentário

Pesquisar…

O Ebah é uma rede social dedicada exclusivamente ao campo acadêmico e tem como principal objetivo o compartilhamento de informação e materiais entre alunos e professores. Saiba mais »

Fique ligado:

Alguns direitos

reservados.

© 2006-2013