Você está na página 1de 2

Copie e A Saúde do Professor

A Profissão professor de E Marcada Por Diversos Aspectos Que uma diferencia de P


rofissões outras. Um Destes É Contato com o Diário Diversos alunos EO enfrentame
nto de Situações-Problema.
São Professores Profissionais Que lidam com Dificuldades Diretamente e Problemas
alheios, NAS Diversas Situações de atendimento. Na Formação Destes Profissionai
s Não HÁ preparo Para a vivência de Situações violentas e desgastantes.
A Profissão da Realidade não demonstra Brasil Que É Preciso Mais do Que Ser prof
essor Vocação para.
Observa-se, atualmente, hum alto índice de Profissionais Que se afastam da sala
de aula Por motivo de doenças e estresse emocional Por. HA também,, OS abandonam
Que uma Profissão em busca de Melhores Condições salariais e de trabalho.
Diante Deste quadro, Diversos professores PROCURADO dez consultórios médicos em
busca de Soluções. Os diagnósticos comprovam Que OS Estão os professores adoecen
do: Esgotamento emocional, Burnout, depressão, síndrome do pânico.
Dados da Gerência de Saúde de Belo Horizonte, Que Mostram Entre maio de 2001 e a
bril de 2002, foram realizados atendimentos em 16,556 Servidores da educação. De
stes, 92% em Resultaram afastamento do Trabalho e professores São 84%.
Os Motivos Para muitos dos desgastes São Paulo. Desde a Indisciplina dos alunos,
o afastamento dos pais da Função de educador Até o descaso Público em Relação à
Profissão. direcione uma classe desvalorizada ESTÁ politicamente, Não HÁ UM ori
ente Que conselho e como Ações éticas e Direitos Que proteja os. Os sindicatos e
xercem SUA trabalhista e Função Financeira, Mas dez conselhos OS Função de zelar
Pelo Cumprimento da Profissão. São Órgãos fiscalizadores da ética profissional.
ESTÁ NA Movimentos Hora de iniciar Neste intuito.
A legalização da Profissão e relativamente nova. A formação da exigência Somente
com superior Veio um LDB/96, hm Colocou Que Prazo de dez anos Para a Formação d
e todo profissional da educação. A partir desta reformulação da lei, governos e
Estados passaram um rever uma Aplicação de verbas Para a educação, hum gerando n
ovo Movimento.
€Como Quadro Este Mudar?
€Educação Gera educação. O ambiente escolar Precisa Inspirar respeito, educação
Gerar e de Todos os funcionarios da escola devem Falar uma linguagem MESMA.
É possivel Mudar o Quadro Que EXISTE UM Hoje e pintar de novo quaro Alento Muita
com valentia.
A Criação de Vínculos afetivos Ambiente escolar não favorece um Ambiente de Cria
ção de novo um.
O professor Precisa Conhecer de onde vem o amparo Frente às Questões Difíceis do
dia-a-dia. Ao Sofrer Uma agressão DEVE AO recorrer sindicato, à Justiça Comum,
AO Órgão de classe Informando-se forma DEVE Situações essas lidar com.
Como lidar com o Desgaste físico e mental?
A pressão da Vida cotidiana Acaba Levando ALGUNS à Perda de individualidade SUA.
É Possível estimular-se com um sem Profissão Fazer dela um Sua Vida completa. D
eve Haver Diversão n º lugar, lazer, cuidado Consigo Mesmo e com a família.
Como Vencer a violência?
A violência DEVE Ser encarada de Frente e Juntos, Equipe escolar, família e alun
os, com o adverso Acabar podem Ambiente e cultivar afetivo Ambiente UM escolar r
espeitoso, e de cumplicidade em torno de Uma meta Comum.
Projetos Fazem a diferença. São muitas como Histórias de Sucesso de escolas enfr
entaram Que Junto com uma violência e uma comunidade Que conseguiram Mudar o Qua
dro. A Força Propulsora de Mudança DEVE Ser Encontrada Dentro de CADA UM e não C
omum. Todos Juntos devem Partir em busca Deste ideal.
O trabalho Precisa Ser vivido com desconforto Menos. O trabalho Agradável Ser Po
de, Fonte de Energia e estímulo. A Profissão Não É a Vida De cada Ser Humano, oc
upa Mas Uma boa parcela dela e DEVE Ser Cuidado com vivida, intensidade e Prazer
.
Prof ª Andrea Oliveira da Fraga Goulart
Bióloga, docente e palestrante da área de saúde e comportamento NAS Cidades de J
uiz de Fora e Rio de Janeiro.
Pós-graduanda em Biotecnologia Pela UFLA / MG e pós-graduanda em Mídias na Educa
ção Pela UFRRJ
Documento n º Cole UM criar