Você está na página 1de 107

JAMES LISBOA

LEILOEIRO OFICIAL

LEILÃO DE ARTE

31 DE maIo de 2010
às 20:30 horas

atenção novo HORÁRIO E endereço


O leopolldo plaza
Rua prudente correia, 432 - Jardim europa
(esquina Av. faria lima em frente ao shopping iguatemi)

Rua Dr. Melo Alves, 397 - Cerqueira Cesar


CEP: 01417-010 - São Paulo - SP
Tel.: (11) 3061-3155 - Fax: (11) 3578-5919
e-mail: lisboa@escritoriodearte.com

JAMES LISBOA
Leiloeiro Oficial
JUCESP Nº 336
LEILÃO DE ARTE

31 de MAIO de 2010

às 20:30 horas
O Leopolldo Plaza
Rua Prudente Correia, 432 - Jardim Europa

Serviço de Segurança e Manobrista no local

EXPOSIÇÃO LANCES PRÉVIOS


26 a 28 de Maio
10h às 21h Por telefone ou e-mail
29 a 30 de Maio lisboa@escritoriodearte.com
11h às 20h
Rua Dr. Melo Alves, 397
Cerqueira Cesar LANCES POR TELEFONE
Tel.: (11) 3578-5919
Tel.: (11) 3061-3155 Cadastro Prévio até às 19h do dia do Leilão
Tel.: (11) 3061-3155
Tel.: (11) 3578-5919

visite nosso site


www.escritoriodearte.com
ÍNDICE

Antonio Dias......................................................179 João Câmara..........................................................54


Antonio Hélio Cabral..........................................131 José Luis Cuevas.....................................................5
Antonio Henrique Amaral.......................98, 99, 100 José Resende........................................................151
Antonio Poteiro..................................................176 José Roberto Aguilar.......................................85, 86
Arcangelo Ianelli........................................68, 69, 70 Lasar Segall...........................................................59
Arthur Nísio....................................................64, 65 Lelio Coluccini....................................................155
Benedito Calixto..................................................142 Leonilson..............................................................84
Candido Portinari.........................................58, 108 Luiz Paulo Baravelli...............................................82
Carlos Araújo..................................................22, 23 Manabu Mabe......................................................89
Carlos Scliar..........................................................36 Marco Giannotti.................................................200
Cicero Dias..................................................1, 60, 61 Maria Bonomi.........................................................6
Cildo Meireles.....................................................129 Maria Leontina.....................................................91
Claudio Tozzi................................................42, 165 Maria-Carmen Perlingeiro.................................162
Clóvis Graciano...................................................196 Mario Cravo Net.............................................20, 21
Dario Perez-Flores..............................................199 Mário Gruber.........................................32, 177, 178
Dudi Maia Rosa.................................................180 Mário Zanini.......................................................103
Eduardo Sued.......................................................92 Martins Porangaba..............................................166
Elena Niktima.........................................................8 Marysia Portinari................................................158
Emiliano Di Cavalcanti.........................48, 128, 159 Milton Dacosta...........................................101, 102
Enrico Bianco......................................................173 Nicolas Vlavianos...................................... .........150
Ester Grinspum..................................................181 Niobe Xandó.........................................................80
Ferracioli.................................................................7 Regina Silveira....................................................3, 4
Flávio de Carvalho..............................................118 Roberto Burle Marx........................................78, 79
Francisco Brennand.............................................201 Salvador Dalí...................................................17, 18
Francisco Rebolo.........................................104, 130 Sérgio Fingermann..............................................167
Frank Schaeffer....................................................144 Sergio Telles........................................................172
Frans Krajcberg..........................................75, 76, 77 Sílvio Oppenheim.................................................90
Fulvio Pennacchi.............................................66, 67 Siron Franco.........................................125, 126, 127
Geraldo de Barros.................................................19 Sylvio Pinto.........................................................141
Giselda Leirner...................................................132 Thomaz Ianelli.....................................................107
Glauco Pinto de Moraes........................................175 Tikashi Fukushima..........................................93, 94
Gonçalo Ivo.....................................................40, 41 Tomie Ohtake.......................................................87
Gregório Gruber......................................................9 Tran Tho....................................................10, 11, 12
Gustavo Ro.....................................................38, 39 Vik Muniz.......................................................74, 81
Hércules Barsotti.................................................198 Wakabayashi..........................................................95
Ismael Nery.........................................................106 Wega Nery.......................................................96, 97
Ivald Granato......................................................160 Wesley Duke Lee..................................................83
1 2
Cicero Dias Adriana Varejão

Paisagem de Olinda Piscina


serigrafia fotografia
42 x 57 cm 26 x 34 cm
ass. inf. dir. - déc. 60 ass. verso - 2005
Exemplar P. A. Exemplar nº 35/100

3 4
Regina Silveira Regina Silveira

Botão (série Armarinhos) Ganchos (série Armarinhos)


plotter e vinil adesivo plotter e vinil adesivo
54,5 x 73 cm 54,5 x 73 cm
ass. inf. dir. - 2002 ass. inf. dir. - 2002
Exemplar nº 40/75 Exemplar nº 40/75

5 6
José Luis Maria Bonomi
Cuevas
Salvo Conduto
S/T xilogravura
litogravura 143 x 97 cm
54 x 45 cm ass. inf. dir. - 1970
ass. inf. dir. - s/d Exemplar nº 18/30.
Exemplar nº 10/15
7
Luís Carlos Ferracioli

Gotas 7 - Tabuleiro
acrílico sobre linho Irlandês
130 x 130 cm
ass. verso - 2009

8
Elena NikItiNa

Posta-Estante
óleo sobre tela
71 x 56 cm
ass. inf. dir. - 1999

9
Gregório Gruber

S/T
aquarela sobre papel
35 x 46 cm
ass. sup. esq. - 1975
Tran Tho
10
Tran Tho

Presente e Futuro
óleo sobre madeira
67 x 74 cm
ass. inf. dir. - s/d

11
Tran Tho

Menina
óleo e acrílico sobre placa
12 24 x 19 cm
ass. inf. dir. - s/d
Tran Tho

Mulheres
óleo sobre madeira
80 x 60 cm
ass. inf. dir. - s/d
14
Daum, Nancy, escola francesa. grande
e importante vaso, acidado, decoração
de folhagens com pêssegos, nas cores
verde, marrom e tons alaranjados.
circa 1900. França, assinado.
Medida: 62,5cm alt. x 21,5cm larg.

13
Schneider, escola francesa, grande
vaso de pasta de vidro, nas cores:
preta, laranja e vermelha. circa
1900. França, assinada.
Medida: 56,5cm alt. x 17cm larg.

15 16
Gallé, Emile, escola francesa. vaso em vidro Gallé, Emile, escola francesa. vaso em vidro aci-
acidado, decoração de paisagens nas cores: dado, decoração de folhagens, nas cores: verde,
violeta com lilás, circa 1900, França, assinado. rosa e branca. França, Circa 1900. assinado.
Medida: 15,5cm alt. x 8,5cm larg. Medida: 33cm alt. x 15cm larg.
17
Salvador Dalí

GÔndola
gravura
M.E. 23 x 43 cm M.I. 7,5 x 31 cm
ass. inf. dir.
Exemplar nº 139/150

18
Salvador Dalí

S/T
gravura
M.E 70 x 49,5 cm M.I. 52 x 41 cm
ass. inf. dir.
Exemplar nº 111/175
19
Geraldo de Barros

S/T
fotografia
27 x 37 cm
sem ass. - s/d

20
Mario Cravo Neto

Lua Diana With Vil


fotografia PB
100 x 100 cm
ass. verso - 1997
Exemplar nº 3 / 15.

21
Mario Cravo Neto

S/T
fotografia
100 x 100 cm
sem ass. - s/d
CARLOS ARAÚJO
22
Carlos Araújo

Figura Feminina
óleo sobre madeira
45,5 x 30 cm
ass. inf. dir. - s/d

23
Carlos Araújo

Figura
óleo sobre tela
61 x 53 cm
ass. inf. dir. - s/d
24 25
Fina escultura em um único bloco de marfim Grupo escultórico, executado em marfim, represen-
representando gueixa com instrumento musical, tando dois homens com objetos, Japão, século XIX.
Japão século XIX. Assinado na base. Assinado, selo vermelho, (grandes mestres).
Medida: 20cm alt. x 6cm larg. Medida: 16cm alt. x 12cm larg.

26 27
Grupo escultórico, executado em um Grupo escultórico, executado em marfim, representando
único bloco de marfim, representando homem com criança e cachorro, Japão princípio século XIX.
homem com crianças brincando e instru- Assinado na base.
mento, Japão, século XIX. Assinado. Medida: 29cm alt. (com a base 35cm).
Medida: 25cm alt. x 9cm larg.
28
Extraordinário e raro móvel contador, (barguenho), executado em madeira e bronze. Frente adorna-
da com molduras entremidos e frisos embutidos em fio de cobre prateado, ricamente decorado com
elementos em bronze ormolu (ouro). parte central com compartimento secreto revelando catorze ga-
vetas. Frisos superior e inferior profusamente ornamentados, com cestas de flores, arranjos estilizados
e ponteiras. De cada lado oito gavetas com frentes adornadas com mascaras e volutas, alças laterais
moldadas no estilo. belíssimo exemplar do mobiliário palaciano, do século xvii. em excelente estado
de conservação. Destacam-se não somente a beleza e a qualidade dos adornos como a beleza visual
do conjunto e a perfeição harmoniosa das proporções. Acompanha mesa de apoio, delicadamente
decorada com filetes em metal, embutidos da mesma época. Tampo retangular e saia ondulada com
prateleira. Escritório deslizante revestido de couro. Pernas suavemente curvadas rematadas por sapa-
tas em latão. Espanha, século xvii.
Medida: 1,51cm alt. x 1,68cm larg. x 42,5cm prof.
29
Magnífica arca gótica, executada em carvalho encerado, com rica talha frontal e lateral.
Tampo e pernas de linhas retas. Frente com escultura representando são Miguel Arcan-
jo com lança sobre dragão, na parte superior apresenta belas ferragens vasadas de metal
forjado com fecho em forma de figura de jacaré. Europa século xv/xvi.
Medida: 80cm alt. x 1,58cm larg. x 54cm prof.

30
Tankard executado em prata fundida e rica-
mente cinzelado, alça em forma de serpente,
tampa com figura de macaco,
Índia, século XVIII.
Medida: 16cm alt. x 15cm larg.
32
Mário Gruber

Fantasiado
óleo sobre tela
140 x 125 cm
ass. inf. dir. - 1993

31
Raríssima e importante cadeira secretária ou cadeira de escritório, executada em
jacarandá, de grandes proporções com rica talha frontal, pernas curvas, espaldar
vasado e pés chamados de “cachimbo” Brasil, D. José I, século xviii. Móvel seme-
lhante encontra-se no livro: Wash Rodrigues, J. - “Mobiliário do Brasil antigo”, 10º
grupo estampa 17, fig. 85.
Medida: 98cm alt. x 79,5cm larg. x 65cm prof.
33
Raríssimo par jardineiras, de porcelana Cias das Índias, decoração chinese Imari, com rica
policromia nas cores: ouro, rouge de fair e azul cobalto, china, Qing Kangxi (1662-1722).
apresenta selo na base da coleção: Leo And Doris Hodroff.
Medida: 24cm alt. x 40cm larg.
34
Excepcional gomil com bacia, executado em prata portuguesa, repuxada e cinzelada, com gomos
torcidos, adornos estilizados em relevo, e frisos de fitas e perolados. Contraste da cidade de Lisboa
de “Luis Gonzaga da Costa”, datável do final do século xviii e marca do prateiro “Dionizio de
Gomes da Silva”, datável da mesma época. raro exemplar de ourivesaria portuguesa do período D.
João V / D. José I. participou da exposição: “Os Mágico Olhos Das Américas” – museu Afro Brasil,
em 2009. Acompanha documento da exposição.
Medida: Jarra 33cm alt x 21cm larg.; Bacia 44,5larg. x 58,5cm compr.
35
Rica sopeira executada em prata, batida e cinzela-
da, brasonada, contrastada. Inglaterra George III,
do princípio do século XIX.
Medida: 28cm alt. x 42cm comp. x 25cm prof.

36 37
Carlos Scliar Grande escultura executada em marfim
maciço, representando figura oriental
com seu cajado e muringa, sobre nuvens,
Bule China, Qing Qianlong (1736-1795),
vinil e colagem encerado sobre tela
Marcas do período na base.
56 x 37 cm
Medida: 40cm alt. x 14cm larg.
ass. inf. - 1985
Situado Cabo Frio
GUSTAVO ROSA
38
Gustavo Rosa

Banhista
óleo sobre tela
80 x 100 cm
ass. inf. dir. - 1997

39
Gustavo Rosa
VARIG
óleo sobre tela
120 x 110 cm
ass. inf. dir. - 1990
40
Gonçalo Ivo

O Pomar - Inverno
óleo sobre tela
200 x 180 cm
ass. verso - 1998
41
Gonçalo Ivo
42
Claudio Tozzi Arcada
guache sobre papel
50 x 70 cm
Papagalia 3 ass. centro - 1987
acrílico sobre tela
95 x 155 cm
ass. inf. dir. - c. 1980
43
Pequeno fragmento mineiro Brasil, século XVIII.
Medida: 49 x 97 x 10 cm

44
Belo frontão de capela policromado, século XVIII.
Procedente do convento de Macaúba.
Medida: 82 x 168 x 11 cm.
45
Cômoda, de estilo e época D. José I, executada em jacarandá, composta por
três grandes gavetas centrais, com seus puxadores e entradas de chaves em
bronze ricamente cinzelado, saias frontais e laterais bombées com leve talha.
Pernas curvas com pés em forma de garra.
Brasil, século XVIII.
Medida: 87cm alt. x 1,08cm larg. x 53cm prof.

46
Importante e raro esmoleiro brasonado,
executado em prata batida, repuxada e
cinzelada, rico exemplar de ourivesaria luso
brasileira. Portugal / Brasil D. João V. século
xviii. Peças semelhantes encontram-se no
livro: Gonçalo de Vasconcelos e Sousa, D.
- “Pratas Portuguesas em Coleções Particu-
lares: Séc. XV ao XX”.
Medida: 17cm alt. x 36,5cm larg.
47
Agostinho Batista de Freitas
Avenida 23 de Maio - óleo sobre tela - 90 x 140 cm - ass. inf. esq. - 1981
48
Emiliano Di Cavalcanti
Mulatas - óleo sobre tela - 55 x 33 cm - ass. inf. dir. - 1975
Reproduzido no catálogo da galeria Ágora - RJ.
ALDEMIR MARTINS

49
Aldemir Martins

Gato
óleo sobre tela
54 x 65 cm
ass. inf. dir. - 1950
Participou da exposição “Aldemir Martins por Aldemir Martins - sete décadas de
sucessos Artísticos” realizada no MASP, nos meses de junho a outubro de 2005.
Reproduzido no livro da exposição à p. 59. Ex-coleção do artista.
50
Aldemir Martins

Galo Vermelho
ecoline colorido sobre papel
70 x 52 cm
ass. inf. - 1954
51
Aldemir Martins

Fruteira
acrílico sobre tela
80 x 100 cm
ass. inf. dir. - 1993

52
Aldemir Martins

Paisagem
acrílico sobre tela
80 x 100 cm
ass. inf. esq. - 1986

53
Aldemir Martins

Vaso de Flores
acrílico sobre tela
22 x 16 cm
ass. inf. dir. - 1975
54
João Câmara
Espelho na Sombra - óleo sobre tela - 120 x 90 cm - ass. inf. esq. - 2007
55
Daum, Nancy, escola francesa, raro
vaso de vidro acidado, nas cores
vermelha e branca, França circa 1900.
Assinado.
Medida: 20cm alt. x 31cm larg.

56 57
Daum, Nancy, escola francesa. Raro Gallé, Emile, escola francesa. Vaso em
vaso acidado, decoração de folhagens, vidro acidado, decoração com delicadas
nas cores: verde, branca e roxa escuro. folhas, nas cores violeta, verde e rosa,
França circa 1900. França circa 1900. Assinado.
Medida: 31cm alt. x 20cm larg. Medida: 35cm alt. x 13cm larg.
58
Candido Portinari

Retrato de Maria
desenho a óleo sobre papel
33 x 25 cm
ass. inf. - 1931
Reproduzido no catálogo raisonné vol. 1,
à p. 188, registro FCO 1158.

59
Lasar Segall

Mulher sentada,
do álbum “Bubu”
litogravura
57,3 x 45,5 cm
ass. inf. dir. - 1921
Documentação disponível no Museu
Lasar Segall: Esta litogravura, cuja ima-
gem mede 42,5 x 30 cm, é das oito que
integram o álbum “Lasar Segall Lithogra-
phien BuBu”, publicado pela Galeria von
Garvens, Hannover, em 1921, com texto
de Paulo Ferdinand Schmidt, edição de 57
exemplares.
CICERO DIAS

60
Cicero Dias

s/t
aquarela sobre papel
31 x 45 cm
ass. inf. esq. - 1928

61
Cicero Dias

Mulher com flores


aquarela sobre papel
34,5 x 25 cm
ass. inf. dir. - 1932
62
Importantíssima imagem de Nossa Senhora das Do-
res entalhada em um único bloco de cedro, encerada
com vestígios de policromia - mestre Piranga Brasil /
minas gerais. século XVIII.
Medida: 94 x 45 x 42 cm

63
Rara sopeira imperial com seu presentoir, de por-
celana cia das indias, decoração família Rosa, nas
cores: rosa, verde, branca, violeta e dourada. China
Qing Qianlong (1736-1795). peça que pertenceu
ao palácio grão Pará, de uso da Família Imperial,
Acompanha documento.
Medida: Presentoir 38cm larg x 30,5 comp.;
Sopeira 26cm alt. x 30cm larg. x 32cm comp.
Nísio, Arthur (1906 - 1974)
Biografia

Arthur José Nísio (Curitiba PR 1906 - idem 1974). Pintor, desenhista, gravador e professor. Cursa
a Escola de Belas Artes do Rio Grande do Sul, tornando-se discípulo de Libindo Ferrás (1877 -
1951) e Francis Pelicheck (1896 - 1935) e frequenta o ateliê de Lange de Morretes (1892 - 1954),
em Curitiba. Em 1928, viaja para a Alemanha, onde estuda na Academia de Belas Artes de Muni-
que com Ângelo Jank e no ateliê de Max Bergmann, especializando-se em pinturas de animais. Em
1967, dirige e leciona na Escola de Pinturas de Animais em Vertham Rheim (Alemanha).
fonte: Itau Cultural

64 65
Arthur Nísio Arthur Nísio

Lebres Vaso de Flores


óleo sobre tela óleo sobre placa
66 x 91 cm 56 x 49 cm
ass. inf. dir. - s/d ass. inf. esq. - s/d
FULVIO PENNACCHI

66
Fulvio Pennacchi

O Baile
óleo sobre placa
35 x 50 cm
ass. sup. dir. - 1984

67
Fulvio Pennacchi

Vaso de Flores
óleo sobre placa
40 x 30 cm
ass. inf. dir. - 1970
ARCANGELO IANELLI
68
Arcangelo Ianelli

Abstrato Verde
óleo sobre tela
109 x 90 cm
ass. inf. dir. - 1964

70
Arcangelo Ianelli

Abstrato Geométrico
têmpera sobre cartão
69 62 x 50 cm
Arcangelo Ianelli ass. inf. dir. - 1970
A venda da obra será inteiramente destinada
para a Cooperapic – Cooperativa de
S/T Promoção à Cidadania.
óleo sobre tela
60 x 73 cm
ass. inf. dir. - 1971
71
Raríssimo tríptico, executado em marfim e madeira, com rica escultura, representando Napoleão e Josefine
em cena palaciana, França príncípio do século XIX.
Medida: 20,5cm alt. x 29cm larg. aberto
72
Raro grupo escultórico, executado em marfim, representando
embarcação, homens, criança, peixes, concha e cesto. Japão
século XIX. Assinado na lateral.
Medida: 29cm alt. x 55cm larg.
73
Rico grupo escultórico executado em marfim, representando ho-
mens e crianças com rede para pesca. Japão princípio do século xix.
Acompanha base de madeira da mesma época. Assinado na base.
Medida: 33cm alt. (com base) x 16,5cm larg.
74
Vik Muniz

Keith Gollust
c-print
152 x 122 cm
ass. verso - 2005
75
Frans Krajcberg
S/T
óleo sobre papel moldado sobre tela
80 x 200 cm
ass. inf. dir. - 1961
76
Frans Krajcberg

Folha
guache sobre papel
65 x 50 cm
ass. inf. esq. - 2003

77
Frans Krajcberg

Relevo
papel moldado
65 x 50 cm
ass. inf. dir. - 1982
Exemplar nº 8/10
BURLE MARX

78
Roberto Burle Marx
S/T - panneaux - 360 x 195 cm - ass. inf. dir. - 1976
79
Roberto Burle Marx
S/T - panneaux - 160 x 390 cm - ass. inf. dir. - 1966
NIOBE XANDÓ

80
Niobe Xandó

Sedução
óleo sobre tela
113 x 79 cm
ass. inf. dir. - 1965
Participou da exposição Niobe Xandó a Arte de Transgredir a ordem
das coisas. Maio a Junho de 2007. Pinacoteca - São Paulo.
81
Vik Muniz

Principia
fotografia e visor estereoscópio
32 x 19 x 26 cm
ass. verso - 1997
Edição de 100 exemplares.

82
Luiz Paulo Baravelli
Integração Interior, exterior
(manhã, tarde, noite)
tinta acrílica e óleo sobre compensado
79 x 162 cm
ass. verso - 2002

83
Wesley Duke Lee

Theodoro
técnica mista sobre cartão
34 x 42 cm
ass. inf. esq. - 1958
“Theodoro, um dos doze conquistadores do mundo”
LEONILSON

84
Leonilson

Prato (díptico)
acrílico sobre tela
102 x 150 cm
ass. verso - 1983
Registrado no Projeto Leonilson sob o nº 1922.0/00.
Exposições: “Leonilson - Brasília” - Espaço Capital Arte Contemporânea - Brasília - 1985;
“Brasil Já” - Museum Morsbroich - Leverkusen - Alemanha - 1988;
“Brasil Já” - Galeria Landesgirokasse - Stuttgart - Alemanha - 1988;
“Brasil Já” - Sprengel Museum - Hannover - Alemanha - 1989;
“Leonilson” - Galeria Thomas Cohn - São Paulo - 1998.
José Roberto Aguilar
85
José Roberto
Aguilar

Koln
óleo sobre tela
124 x 134 cm
ass. inf. dir. - 1984

86
José Roberto
Aguilar

S/T
óleo sobre tela
120 x 119,5 cm
ass. inf. dir - 1986
TOMIE OHTAKE

87
Tomie Ohtake

S/T
óleo sobre tela
80 x 100 cm
ass. inf. dir. - 1970
Registrado no Instituto Tomie Ohtake. Reproduzido no livro To-
mie Ohtake Ed. Ex Libris de Cassemiro de Mendonça chromo 82
88
Excepcional par de Serafim tocheiros
em madeira castanha policromada.
Portugal, séc. XVII/XVIII.
Medida: 118 x 58 x 35 cm
89
Manabu Mabe

Abstrato Vermelho
óleo sobre placa
51 x 51 cm
ass. inf. esq. - 1986
Etiqueta MAM Salvador - Bahia

90
Sílvio Oppenheim

Abstrato
óleo sobre tela
90 x 130 cm
ass. sup. - 1982
91
Maria Leontina

S/T
óleo sobre tela
24 x 19 cm
ass. inf. dir. - c. 1960

92
Eduardo Sued

S/T
óleo sobre tela
85 x 95 cm
ass. verso - 1999
93
Tikashi Fukushima

Abstrato
óleo sobre tela
100 x 80 cm
ass. inf. dir. - s/d

94
Tikashi Fukushima

Abstrato
óleo sobre tela
46 x 33 cm
ass. inf. dir. - s/d

95
Wakabayashi

S/T
óleo sobre tela
52 x 65 cm
ass. sup. dir. - 1977
WEGA
96
Wega Nery

Abstrato
óleo sobre tela
162 x 130 cm
ass. inf. dir. - 1968

97
Wega Nery

Praça do Lago Azul


óleo sobre tela
26 x 34 cm
ass. inf. esq. - 1970
Antonio Henrique Amaral
98
Antonio H. Amaral

Bananas
óleo sobre tela
181 x 80 cm
ass. inf. dir. - 1970

100
Antonio H. Amaral

S/T
óleo sobre tela
51 x 70 cm
ass. inf. dir. - 1985

99
Antonio H. Amaral

BambU
óleo sobre tela
92 x 122 cm
ass. inf. dir. - 1980
MILTON DACOSTA

101
Milton Dacosta
102
Milton Dacosta Vênus e Pássaro
acrílico sobre tela
Vênus e Pássaro 24 x 35 cm
Amoroso ass. inf. dir. - s/d
acrílico sobre tela
24 x 35 cm
ass. inf. dir. - 1974
103
Mário Zanini
Paisagem com
Lavanderia
óleo sobre tela
54 x 65 cm
ass. inf. dir. - 1965

104 105
Francisco Rebolo Alfredo Volpi

Paisagem com montanhas Fachada


óleo sobre placa têmpera sobre tela
75 x 113 cm 72 x 48 cm
ass. inf. dir. - 1966 ass. verso - final déc. 70
Ismael Nery
O ambíguo, inerente ao humano, sempre fascinou a arte, desde os primórdios da cultura, e só
com a eclosão do Dadaísmo e do Surrealismo, o artista mergulha verticalmente em si mesmo em busca mais
de perguntas que de respostas acerca dos mistérios da existência. Mas poucos artistas conseguiram ir tão
fundo quanto Ismael Nery (1900-1933) na tênue e quase imperceptível fronteira que separa os contrários.
O Dadaísmo, criado por Hans Arp e Tristan Tzara, de permanência explosiva na Europa entre
1915 e 1922, propõe a destruição da ordem social e moral – que, acreditavam, estava falida, na crise
generalizada pós Primeira Guerra.
O Surrealismo explora a realidade das imagens da atividade mental subconsciente. Tem em
Freud, criador da Psicanálise, e, menos, no materialismo histórico de Marx, suas bases de sustentação
Em plena efervescência cultural gerada pelos dois movimentos, o primeiro se autodestruindo
pelas próprias propostas demolidoras, o outro sendo gestado aceleradamente nos ateliers e cafés, Nery
chega a Paris em 1920. Ávido de cultura, é muito provável que tenha visitado as exposições de Dadaístas
dividindo paredes com as incursões surrealistas de De Chirico, Klee, Man Ray e Picasso.
E encontra então ambiente intelectual propício à legitimação como matéria-prima ultural de
seus anseios, sofrimentos, indagações filosóficas e espirituais, e, acima de tudo, das ambivalências que
caracterizavam o seu universo psíquico, e que tanta culpa geravam, martirizando-o diuturnamente.
Em 1927 viaja outra vez para Paris, e de maio a novembro freqüenta a Academia Julian, visita
museus e exposições, freqüenta Chagall e convive com o apogeu do Surrealismo. A Psicanálise já adquiriu
status; o subconsciente é considerado manancial de inspiração artística; os estados patológicos são mais
inspiradores que os ditos “normais”; observa-se a espontaneidade das crianças ainda não monitoradas
pelos sistemas educacionais; há respeito pelas artes primitivas, e prepondera um simbolismo de caráter
sexual. Tudo indica que a obra aqui apresentada foi realizada em seu retorno, e antes da exposição coletiva
de 1930, no Roerich Museum, de Nova York, com Tarsila, Gomide, Malfatti e outros.
É muito provável que, quando se escrever uma biografia definitiva do artista, costurando-se
cronologicamente a sua produção artística com sua trajetória existencial, este quadro agregará o significado
de obra-prima, pois magistralmente concentra o tema da ambivalência e da contradição, e incorpora
elementos formais dos artistas contemporâneos identificados com o seu universo cultural e emocional.
A fusão do casal revela o tema: até onde Adão é Eva? O bem é mal, o belo é horrível, o místico
é histérico, o mito é verdade, o ego inflado é melancólico, o lúcido é desvairado, a saúde é doença?
Questões que sempre o atormentaram, redundando numa obra que significa, basicamente,
perscrutar a nebulosa distância – na verdade a proximidade, pois os extremos se tocam: ódio e amor (pela
mãe, pelas mulheres, pelos filhos, por si próprio), sexo e castidade (repulsa e prática intensiva), narcisismo e
auto-destrutividade (um dandy sendo consumido pela tuberculose), transitoriedade e eternidade (preparava-
se para a morte e a temia).
O perfil masculino é o seu próprio. A mão que plasma as duas figuras pode ser dele ou dela. A
roupagem sugerida também. O retângulo ocre contrapõe-se ao infinito, ou seja, a imobilidade é o contrário do
infinito, que contem sugestões de fluidez do tempo e da vida. As cores são chagallianas. Os dois bastonetes
ocorrem como forma pura, aqui, lembrando também as formas onduladas elementares de Arp, alusão ao
vazio e ao cheio (um depende do outro), ao estranho e ao harmonioso (também). Eles projetam sombras,
num recurso próprio de De Chirico, o grande precursor do Surrealismo, referência à passagem do tempo
(podem ser também torsos femininos e ampulhetas estilizados)
“Eu sou a tangência de duas formas opostas e justapostas. Eu sou o que não existe entre o que
existe”, escreveu Nery pouco antes de morrer.

João Carlos Lourenço

Referências bibliográficas:
Livro “Ismael Nery”, p.219 - Editora - Pactual
Livro “Antropofagia Brasil à Brasilia”, p.87
Livro “Xul Solar Visões e Revelações”, p.18
Catálogo da exposição “Surrealismo”, p.103 - Centro Cultural Banco do Brasil - RJ
Catálogo da exposição “Sob um Céu Tropical” editado por James Lisboa - Escritório de Arte - 2009
Exposição:
MAB - FAAP, Museu de Arte Brasileira, 30 de Novembro a 2 de Março de 2003
Xul/Brasil - Imaginário em Diálogos, Pinacoteca - SP, 24 de Setembro a 30 de Dezembro de 2005
Surrealismo, Centro Cultural Banco do Brasil - RJ, Agosto; Outubro de 2001
“Sob um Céu Tropical”, James Lisboa - Escritório de Arte - 2009
106
Ismael Nery
Casal em Verde
óleo sobre tela
44 x 38 cm
ass. sup. dir.
Procedência Dan Galeria de Arte.
THOMAZ IANELLI

107
Thomaz Ianelli

Formas Abstratas
óleo sobre tela
90 x 120 cm
ass. inf. dir. - s/d
108
Candido Portinari

Vaso de Flores
óleo sobre tela
46 x 38 cm
ass. inf. esq. - 1941
Reproduzido no catálogo raisonné vol. 2, p. 222, registro nº 1430.
Atestado de autenticidade do Projeto Portinari nº 737.
109
Rara mesa executada em jacarandá, tampo com linhas
retas e pernas curvas desmontáveis em forma de tesou-
ra. Composta por duas gavetas centrais. Raro exemplar
do mobiliário colonial brasileiro. Brasil século XVIII.
Medida: 87cm alt. x 1,41cm larg. x 91cm prof.

110
Importante e rara mesa de encostar, estilo e época D.
José I, executada em jacarandá, composta por duas
gavetas centrais com seus puxadores de prata maciça,
tampo de linhas recortadas, apresentando bombées
frontais e laterais, com rica talha em suas saias, per-
nas curvas terminando em “pés de cachimbo”. Brasil
século XVIII. Móvel semelhante encontra-se no livro:
Canti, T. - “O Móvel No Brasil”.
Medida: 79,5cm alt. x 1,24cm larg. x 66cm prof.

111
Mesa de centro, de jacarandá e vinhático, com per-
nas torneadas do tipo chamado “Carretel”, e tampo
de linhas retas. Brasil, século XVIII/XIX.
Medida: 75cm alt. x 1,06cm larg. x 72,5cm prof.

112
Rica talha executada em um único bloco de
madeira, representando, deusas da prosperi-
dade, Tibet, Índia, século XVII.
Medida: 40cm alt. x 63cm larg.
113 114
Rica escultura, representando imperador celes- Grupo escultórico, executado em marfim, represen-
tial, executado em um único bloco de marfim, tando figuras e árvores, China, Qing, século XVIII.
China, Qing, século XVIII. Medida: 21cm alt. (26cm com Base) x 11cm larg.
Medida: 19cm alt. x 6cm larg.

115
Importante par de esculturas representando cães de Fó,
macho e fêmea, executadas em porcelana policromada,
cia das indias, decoração família Verde, China, dinastia
Qing, período Kangxi (1662-1722).
Medida: 39cm alt. x 21cm larg.
116 117
Aldo Bonadei Aldo Bonadei
composição Bule e Vaso de Flores
óleo sobre tela
óleo sobre placa
55 x 81 cm
28 x 38 cm
ass. sup. dir. - 1972
ass. sup. esq. - 1966
118
Flávio de Carvalho
Retrato de Mulher - aquarela sobre papel - 70 x 50 cm - ass. sup. dir. - 1967
Reproduzido no livro “sob um céu tropical” editado por James Lisboa - Escritório de Arte - 2009.
119
Par de raras esculturas em porcelana Cia das Indias, repre-
sentando os “Hoho Ehr Xien”, meninos gênios da prosperi-
dade e felicidade, nas cores azul, verde, branca, rouge de fair
e amarelo. China, Qing Kangxi (1662-1722).
Medida: 23,4cm alt. x 7,5cm larg.

120
Rico grupo escultórico exe-
cutado em um único bloco
de marfim, representando
homens, árvores em cenas
cotidianas. China, Qing,
século XVIII.
Medida: 23,5cm alt.
(28,5cm com Base)

121
Oratório (nicho) e Nossa Sra. do Rosário, de
Madeira policromada, com rica escultura, nas
cores azul, vermelha e ouro.
Brasil, século XVIII.
Medida: Oratório – 71cm alt. x 44cm larg.

122
Conjunto com dez cadeiras, sendo duas de braço,
executadas em madeira maciça (castanho), no
estilo D. João V. Espaldar com calhaço recortado
e vasado, formado por entalhes altos de elemen-
tos rocalha. Montantes ligeiramente curvos e
mais largos na base, terminando na parte superior
com voluta. Tabela até o acento com o entalhe
e pequenos vasados. pernas de curvas suaves e
pés de garra e bola. Influência inglesa. Portugal,
século XVIII/XIX.
Móvel muito semelhante encontra-se no livro:
Canti, T. - “O Móvel No Brasil”, p. 196
(Estampa 160).
123
Raríssima e Extraordinária Escultura Represen-
tando Buda Sobre Cão de Fó, Decorada com
Corais e Turquesa. Peça com Rico Trabalho, Que
Conota Toda Exuberância do Marfim Oriental.
Objetos de Qualidade Semelhantes Encontram-
Se No Livro: “Chinese Ivories”, From The Shang
To The Qing. China, Qing, Kangxi (1662-1722).
Acompanha Base de Madeira.
Medida: 31cm x alt. (com Base) x 20cm larg. 

124
Farinheira, executada em prata batida, repu-
xada e cinzelada, com rico trabalho de ourive-
saria, de estilo e época D. Maria, Brasil, século
XVIII/XIX.
Medida: 19cm alt. x 9,5cm larg.
125
Siron Franco

Capivara
óleo sobre compensado
90 x 90 cm
ass. verso - 1975
No verso etiqueta da Galeria Cosme Velho.
126
Siron Franco

Íntimo II
óleo sobre tela
135 x 155 cm
ass. verso - 1998

127
Siron Franco

Outro Casal
óleo sobre tela
110 x 90 cm
ass. verso - 1998 / 99
128
Emiliano Di Cavalcanti

Bar
nanquim sobre papel
desenho no verso

38,5 x 32 cm
ass. inf. - s/d
Participou da exposição “Di Cavalcanti - Um Perfeito Carioca”, realizado
no centro cultural Rio de Janeiro de Julho a Setembro de 2006.
129
Cildo Meireles

Zero Dollar
off-set
130 6,5 x 16 cm (cada)
Francisco Rebolo sem ass. - 1984

Paisagem
monotipia sobre papel
21 x 31,5 cm
ass. inf. dir. - 1964

132
Giselda Leirner
131
Antonio Hélio Cabral
Abstrato
óleo sobre placa Figura Feminina
100 x 142 cm óleo sobre tela
ass. verso - s/d 74 x 68 cm
ass. inf. dir. - 1997
133
Arca baú para viagem, de vinhático, ferragens,
chaves e alças laterais originais de ferro fundi-
do. Brasil, século XVIII.
Medida: 57cm alt. x 80cm larg. x 51cm prof.

134
Par de importantes cadeiras de braço, D. João V., executada em
jacarandá. Espaldar alto decorado com concha, braços curvos
terminados em caracóis e pernas com joelhos acentuados, pés de
“burro”. influência inglesa Queen Anne, Brasil, primeira metade
século XVIII. Móvel semelhante encontra-se no livro: Wash
Rodrigues, J. - “Mobiliário do Brasil Antigo”,
5º Grupo Estampa 8, Fig. 37.
Medida: 1,35cm alt. x 66cm larg. x 57cm comp.

136
Raríssima mesa de apresentação, executada em jaca-
randá, de estilo e época D. João V, composta por qua-
tro gavetões, sendo dois de cada lado, com molduras
em forma de goldrões. Puxadores e entradas de chaves
em prata lisa e cinzelada, pernas curvas, com talhas em
seus joelhos, tampo de linhas retas com terminações
em goldrões. Brasil, século XVIII.
Medida: 92,5cm alt. x 1,69cm larg. x 91cm prof.

135
Grande cômoda, executada em jacarandá, de estilo e
época D. José I, composta por duas gavetas pequenas e
três gavetões, entradas de chaves de marfim e puxadores
de bronze, colunas de linhas retas, com bombées fron-
tais e laterais, pés de jornal. Brasil, século XVIII.
Medida: 1,08cm alt. x 1,54cm larg. x 75,5cm prof.
137
Rara escultura, representando São
Benedito com menino Jesus aos seus
braços, de madeira policromada, nas
cores: dourada, preto e branco. Brasil
século XVIII/XIX.
Medida: 66cm alt. x 22cm larg.
138
Muringa, executada em marfim,
decorada com dragão e elementos ge-
ométricos, alças sobre cabeças de cães
de Fó. China, Qing, século XVIII.
Marcas no verso a ouro do período.
Medida: 25cm alt. x 17cm larg.

140
Rara escultura em um único bloco de
marfim, representando figuras orientais,
Japão século XVIII.
Medida: 11,5cm (13,5cm com Base).

139
Guanyin (deusa da misericórdia),
executada em um único bloco de
marfim com rico trabalho vasado em
suas vestes e figura de Buda sobre
sua cabeça, China, século XVIII.
Medida: 60cm alt. x 11cm larg.
141
Sylvio Pinto

Retiro no Caju
óleo sobre tela
60 x 72 cm
ass. inf. dir. - 1947
Reproduzido no Livro “Sylvio Pinto” de Qui-
rino Campofiorito á p. 32.

142
Benedito Calixto

Paisagem com lago


óleo sobre tela
27,5 x 37,5 cm
ass. inf. dir. - 1900

143
Alice Brill

Parati
técnica mista
25 x 70 cm
ass. inf. esq. - 1962

144
Frank Schaeffer

Luz Branco
aquarela sobre papel
49 x 64 cm
ass. inf. dir. - 1969
145
Extraordinária presa de marfim, com rico trabalho escultórico, representando cenas palacianas com casas,
torres, pontes, homens e cavalos. Acompanha base de madeira da mesma época. China século XVIII/XIX.
Medida: 39cm alt. x 1,13cm larg.
146 147
Mesa de estilo e época D. José I, executada em jaca- Raríssima mesa de jogo, com tampo reclinável
randá, tampo de linhas retas com pequena marqueterie, e rico marqueterie, com dupla face. Pernas com
composta por uma gaveta central, com seus puxadores e talhas no joelho e terminações com “Pés de Garra”.
entradas de chaves de jacarandá, pernas e saias frontais e Holanda, primeira metade do século XVIII.
laterais de forma curva. Brasil, século XVIII. Medida: 72cm alt. x 73,5cm larg. x 38cm prof.
Medida: 75cm alt. x 88cm larg. x 42,5cm prof.

148
Raro contador, executado em osso, marfim e madeira, com rico trabalho
de ebanista, composto por dez gavetas frontais, uma porta, e duas gavetas
menores internas. Espanha, século XVII.
Medida: 40,5cm alt. x 53,5cm larg. x 35,5cm prof.
149
Francisco Xavier de Brito, importante e rara escultura de madeira policromada, representando Nossa Sra. do Ro-
sário, nas cores: azul, vermelha, rosa e ouro, composta por sete cabeças de anjo, executados em um único bloco de
madeira. Acompanha coroa de ouro. Brasil, meados do século XVIII. Esta peça apresenta todas as características do
grande mestre comumente chamado “Xavier de Brito”. Participou das exposições: “Iconografia Nossa Sra.” – rea-
lizado no Museu de Arte Sacra, reproduzida no catálogo; “Peças do Colecionismo Brasileiro” – Nóbrega 71 Anos,
realizada no Antiquário Nóbrega, reproduzida no catálogo, p. 27; “um Certo Ponto de Vista” – Pietro Maria Bardi
100 anos, realizada na Pinacoteca do Estado, reproduzida no catálogo, pág 86;
Medida: 55cm alt. (com coroa) x 18cm larg.
150
Nicolas Vlavianos

S/T
escultura em aço e bronze
33 cm diâm.
ass. na base - 2003

151
José Resende

Passante
escultura em aço escovado
180 x 16 x 1 cm
2003 / 2008
Edição de 25 Exemplares.
152
Bela cômoda papeleira, de origem brasileira, D. José I, executada em jacarandá. Caixa retangular com
parte anterior em bombée, com seus cortes do chamados: “Ultra Móveis”, composta por quatro gavetas
centrais, sendo uma estreita e três gavetões, ladeados por colunas entalhadas, expandindo-se na parte
média. Pés chamados: “Pés de Jornal”. tampo reclinável com bordas frisadas e molduras de linhas retas.
Parte interior da peça apresentando escaninhos com divisórias e gavetas e cofre central com seu segre-
do na parte superior. Puxadores de bronze e entradas de chaves em marfim. Brasil, século XIX.
Medida: 1,22cm alt. x 1,13cm larg. x 66cm prof.
153
Raríssima mesa em jacarandá sendo o
tampo em radica de jacarandá maciça.
Brasil final de século XIX.
Medida: 120 cm diâm. x 75 cm.

154
Daum, Nancy, escola francesa. Grande vaso, aci-
dado, decorado , nas cores: laranja e ouro.
França, circa 1900. assinado.
Medida: 66,5cm alt. x 20cm larg.

155
Lelio Coluccini

Samba
Escultura em gesso
48 x 15 x 21 cm
156 ass. peça - s/d
Par de coelhos, de porcelana Cia das
Indias, Na Cor Azul Turquesa, China,
Qing Qianlong (1736-1795).
Medida: 16,5cm alt.

157
Grupo escultórico, executado em
marfim, representando homem com
criança, cesto e verduras, Japão XIX.
Assinado na base.
Medida: 14,5cm alt. x 14cm larg.
158
Marysia Portinari

Noivos
óleo sobre tela
69 x 99 cm
ass. inf. dir. - s/d

159
Emiliano Di Cavalcanti

Mulatas Descansando
xilogravura
50,5 x 65 cm
ass. inf. dir. - 1958

160
Ivald Granato

Bicho
óleo sobre tela
90 x 90 cm
ass. verso - 1988
161
John Graz - Lindo móvel bar em
mogno vinhático, década de 30. Móvel
pertencente à casa de Jack Leonard, na
Rua Avanhandava esquina com Martins
Fontes, toda ela executada com
mobiliário exclusivos de John Graz.
Ex-coleção Jack Leonard.
Medida: 120cm lar. x 106cm alt. 41 cm.

162
Maria-Carmen
Perlingeiro

734 / 729
alabastro e ouro
44 cm diâm. x 2 cm
ass. verso - 2006
163
Raríssima escultura, executada em
madeira, com restos de policromia,
representando São Benedito das
Rosas. Esta riquíssima obra conota
trabalho magnífico dos grandes
escultores do barroco brasileiro,
notar expressão do rosto e anatomia
dos pés, mãos e equilíbrio em seu
movimento e panejamento. Brasil,
século XVIII.
Medida: 64,5cm alt. x 30cm larg.

164
Rara mesa, de estilo e época D. José I,
executada em jacarandá, de linhas simples,
bombées frontais e laterais, composta por
duas gavetas, com seus puxadores em bronze.
Brasil, Pernambuco, século XVIII.
Medida: 85,5cm x 1,12cm x 64cm
165
Claudio Tozzi

166 Cidade
Martins Porangaba acrílico sobre tela
80 x 120 cm
ass. inf. esq. - 1984
S/T
acrílico sobre tela
140 x 240 cm
ass. centro - 1996
168
Escultura em um único bloco de
marfim, representando homem e seu
cesto com peixes, Japão, século XIX.
Assinado na base.
Medida: 14cm alt. x 5cm larg.

169
Rara escultura executada em marfim
indo português, policromado, repre-
sentando bom pastor, sobre peanha,
representando Sta Madalena, fonte,
carneiros e sagrado coração. Goa,
século XVII/XVIII.
Medida: 32cm alt. x 9cm larg.

170
Escultura executada em um
único bloco de marfim, repre-
sentando deus da longevidade
com serpente, assinado na base,
Japão, século XIX.
Medida: 17cm alt. x 7,5cm larg.

167 171
Escultura em um único bloco de
Sérgio Fingermann marfim, representando criança
com chapéu, Japão, século XIX.
Cidade e Dimantes Assinado na base.
óleo sobre tela Medida: 17 cm alt. x 6cm larg.
160 x 195 cm
ass. verso - 1986
173
Enrico Bianco

Lavadeira
óleo sobre placa
55 x 80 cm
ass. inf. dir. - s/d

174
Aldir Mendes de Souza
Buraco Negro Vermelho Magenta
acrílico sobre tela
100 x 130 cm
ass. verso - s/d

175
Glauco Pinto de Moraes

Barras Vermelhas V
óleo sobre tela
120 x 150 cm
ass. verso - 1987
Série Mecano - Iconográfica número 357.

176
Antonio Poteiro

Natividade
óleo sobre tela
100 x 100 cm
ass. inf. dir. - 2000

172
Sergio Telles

Frutas
óleo sobre tela
60 x 100 cm
ass. inf. dir. - 2006
MÁRIO GRUBER

177
Mário Gruber

Bois
óleo sobre tela
80 x 93 cm
ass. inf. dir. - 1992

178
Mário Gruber

Série Meninas
óleo sobre tela colado em madeira
73 x 60 cm
ass. inf. dir. - 1980
179
Antonio Dias

Derrotas e Vitórias
cobre sobre placa de fibra de vidro
25 x 152 cm
ass. inf. esq. - s/d

180
Dudi Maia Rosa

S/T
gesso, resina, poliéster, lã de vidro, e braco acrílico
60 x 60 cm
ass. inf. - 2000

181
Ester Grinspum

S/T
grafite e têmpera sobre papel
120 x 79 cm
s/d
182
Rafael Bordalo Pinheiro. Rara fonte em faiança
ricamente decorada com folhagens e sapos
em perfeito estado de conservação, assinada e
carimbada tanto em sua concha como em sua
base, Portugal fins do século XIX.
Medida: 110 x 100 x 82 cm.

183
Concha porta confeitos, executada em
prata repuxada e cinzelada.
Europa século XIX/XX.
Medida: 26cm alt. x 21cm larg.

184
Armário mineiro policromado e pintado,
proveniente do Convento de Macaúba.
Provavelmente peça de sacristia/quarto -
Minas Gerais século XVIII.
Medida: 184 x 100 x 52 cm
185
Arca executada em vinhático, com molduras em
jacarandá, ferro fundido, tampo em um único bloco
de madeira. móvel semelhante encontra-se no livro:
Canti,T. “O Móvel No Brasl” p. 99, que pertence ao
museu regional de São João Del Rei – M.G. Brasil,
século XVIII.
 Medida: 53,5cm alt. x 1,42larg. x 69cm comp.

186
Par de credências cantoneiras, executadas em ja-
carandá de tampo de linhas retas, saias e pernas
curvas e “Pés de Cachimbo”. Brasil, período D.
João V, século XVIII.
Medida: 84,5cm alt. 79cm larg. x 51cm prof.

187
Mesa til top, executada em jacarandá, de tampo re-
cortado e pernas curvas terminadas em pés de garra.
Brasil, século XVIII.
Medida: 84cm alt. x 62,5cm larg. x 49,5cm prof.
188
Mesa, D. José I, executada em jacarandá, tampo de
linhas retas, composta por duas gavetas centrais,
saias e pernas curvas, com pés de garra, puxadores
de bronze, Brasil, século XIX. 189
Medida: 85cm alt. x 1,34cm larg. x 71cm prof. Importante cômoda, de estilo e época D. José I,
executada em jacarandá baiano, composta por três
gavetas pequenas e três gavetões com entradas de
chaves e puxadores de prata de lei maciça, delicadas
colunas com rica talha, pés de jornal e pequenas
almofadas na lateral. Brasil, século XVIII.
Medida: 1,03cm alt. x 1,43cm larg. x 69cm prof.
190
Oratório de madeira policromada, com relevo e pea-
nhas em sua parte interna, Brasil final do século XVIII.
Medida: 1,20cm alt. x 1,02cm larg. x 30cm prof.

191
“Mestre Valentim”, da Fonseca e Silva – grande e
importante talha adaptada para, console, executada em
madeira encerada. atribuída ao grande escultor carioca,
considerado um dos grandes mestres do barroco brasi-
leiro. Brasil, Rio de Janeiro, século XVIII.
Medida: 79,5cm alt. x 2.05cm larg. x 37cm prof.
192
Par de talhas, executadas em madeira policromada,
em forma de caracol. Brasil, século XVIII.
Medida: 1,85 cm alt. x 62 cm larg.

193
Rara escultura executada em um único bloco de
marfim indo português, representando Nossa Sra.
da Apresentação, com menino Jesus sentada sobre
trono. Goa, século XVII/XVIII.
Medida: 23,5cm alt. x 11,5cm larg. x 8cm prof.
194
Raríssimo e importante oratório, executado em vinhático policromado. Composto por grande nicho central e seis menores em suas laterais. ricas pinturas
internas em suas portas representando 04 cenas, 02 no postigo esquerdo e 02 no direito do presente oratório, essas cenas ilustram os bem conhecidos epi-
sódios descritos no gênesis (primeiro livro do Antigo Testamento), como segue: postigo esquerdo cena 1 - Deus cria eva a partir de uma costela extraída
a Adão; a cena mostra o primeiro encontro do casal na presença de Deus. Cena 2 - deus, atendendo uma súplica de Adão, que se queixava por não ter
uma companheira, envia-lhe um profundo sono, durante o qual lhe extrai uma costela com a qual plasmará o corpo de Eva. postigo direito cena 3 - Eva
convence Adão a comer o fruto proibido, depois de ela própria o ter comido, tentada pela serpente (o demônio). cena 4 - Deus permitira a Adão e Eva que
comessem qualquer dos frutos do paraíso, menos a maçã; Eva e depois Adão a comera, e como castigo foram expulsos do paraíso. Século XVIII.
Medida: 1,20cm alt. x 2,03cm larg. (aberto) – 1,02cm larg. (fechado) x 34,5cm profundidade.
195
Aloísio Magalhães

Recife
óleo sobre tela
60 x 74 cm
ass. inf. dir. - s/d

196
Clóvis Graciano

Índio e Cavalo
óleo sobre tela
33 x 48 cm
ass. inf. dir. - 1978

197
Anna Bella Geiger
Pear e Ocean com formas em
suspensão e algumas cores
saturadas
óleo sobre tela
130 x 160 cm
ass. inf. esq. - 1998
198
Hércules Barsotti

S/T
tinta litográfica e lápis
45,6 x 49,9 cm
ass. inf. - 1975
Dedicatória no verso para Oscar Segall.

199
Dario Perez-Flores

Mobile
escultura cinética
72 x 72 x 10 cm
ass. verso - 2008

200
Marco Giannotti

S/T
óleo e esmalte sobre papel
69 x 99 cm
ass. inf. dir. - 2001
201
Francisco Brennand
Lampião - óleo sobre tela - 130 x 90 cm - ass. inf. dir. - 1968
Estamos captando obras de arte
especiais para o Salão de Arte - 2010
REGULAMENTO DO LEILÃO

1. Os organizadores diligenciaram com esmero e cuidado a elaboração do catálogo, pro-


curando descrever as obras a serem apregoadas com a maior veracidade de detalhes
possível;

2. O leiloeiro James Lisboa examinou todas as obras e se responsabiliza por suas auten-
ticidades;

3. Em hipótese de divergências quanto a autenticidade de qualquer peça arrematada,


desde que baseadas em laudo firmado por perito idôneo, poderá o arrematante requerer
a anulação da compra, em prazo de até 3 (três) meses a contar da data em que ocorreu
o leilão;

4. As obras apresentadas no pregão são de propriedade de terceiros, e suas vendas se


dão nas condições em que se encontrarem pela época do evento, sendo que, por isto,
solicitamos que se procedam os exames necessários antes do arremate, uma vez que não
serão aceitas desistências por alegações de má conservação ou similares, após efetuado;

5. As obras ficarão expostas para apreciação na R. Dr. Melo Alves, n° 397 de 26 a 28 de


Maio de 2010, das 10h às 21h, e de 29 a 30 de Maio de 2010; das 11h às 20h;

6. O Leilão ocorrerá no dia 31 de Maio de 2010 às 20:30 h, na Rua Prudente Correia, 432
- O Leopolldo Plaza;

7. Todos os lotes estão sujeitos a um preço mínimo indicado pelo proprietário, que poderá
licitar pessoalmente ou através de representante;

8. O leiloeiro poderá receber ordens de compra com limites máximos indicados pelos inte-
ressados. Nesse caso um funcionário devidamente credenciado ficará incumbido de licitar
até tal patamar;

9. O arrematante arcará, no ato da compra, com 30% (trinta por cento) sobre o valor do
lance vencedor a título de sinal, e com 5% (cinco por cento), sobre este mesmo valor,
destinados à comissão do leiloeiro. O valor remanescente deverá ser pago quando da
retirada da peça;

10. O arrematante deverá retirar a obra arrematada na Rua Dr. Melo Alves, n° 397, em
no máximo 2 dias após o evento, sendo que, a não retirada neste prazo será tomada
como desistência, e os valores já pagos, seja a título de sinal seja referente à comissão
do leiloeiro, serão perdidos;

11. Qualquer litígio proveniente do leilão ficará subordinado à legislação brasileira, e a


jurisdição dos tribunais da Cidade de São Paulo, qualquer que seja o domicílio das partes.
Casos omissos serão regulados pela legislação pertinente, e em especial pelo decreto
22.427/33 e suas disposições complementares;
www.escritoriodearte.com