Você está na página 1de 1

5.

1 Se o gro de trigo no cai na terra e no morre permanece s, se morre


produz muito fruto (Jo 12, 24)
Quando Maria contrai a molstia, os papeis se invertem, e ela, treinada
para ajudar os outros, tem de ficar de cama e aceitar, com docilidade e
resignao, que outros cuidem dela. Essa reviravolta de situao no fcil de
aceitar, sobretudo para uma pessoa como Mazzarello, to segura de si e
habituada a sempre ter os acontecimentos sob controle. No entanto,
justamente nessa nova condio que a jovem deixa transparecer o trabalho
que a Graa de Deus realizou nela.
Maria revela a autenticidade da sua oferta, juntamente com o alto grau
de humildade que j alcanou na sua vida espiritual. De fato, por um lado tem
conscincia de que, com a sua escolha, quis ser mrtir, isto testemunha de
amor a Deus e aos irmos; por outro, no se sente digna de tal ttulo e, com
humildade, se esquiva.
Quando a gente se resigna, com amor, vontade de Deus, no pode
deixar de se sentir em paz, porque, mesmo no sofrimento, se sente protegido
no seu abrao paterno!
Durante a doena, todos os dias Pe. Pestarino leva a Eucaristia a Maria.
A presena sacramental de Jesus torna-se para ela o verdadeiro vitico, a fonte
da fora e da coragem para enfrentar o mal e para se preparar serenamente
para a morte provvel.
Fragilizada no fsico, Mazzarello parecia debilitada tambm no esprito,
no sentido de que as coisas de antes passaram. No poder voltar a trabalhar
nos campos, no mais o brao direito do pai, e deve se conformar com a
ideia de ser considerada frgil e sem foras.