Você está na página 1de 4

01)

(UNIOESTE-2012) A cafeína foi isolada do café por Runge em 1820 e do chá preto por

Oudry em 1827. E uma substancia química presente em vários alimentos e bebidas que usualmente a população brasileira consome diariamente. Esta substancia pode ser encontrada em produtos como chá preto, café, chocolate, guaraná e refrigerantes a base de cola. A porcentagem de cafeína nestes produtos varia de 0,12 a 0,97 % em massa.

Um técnico ao fazer uma analise de um determinado tipo de produto encontrou em 10,0 g de chá preto uma massa de 0,05 g de cafeína. Qual a porcentagem de cafeína encontrada na amostra de chá preto?

A. 15,00 % de cafeína.

B. 1,50 % de cafeína.

C. 0,50 % de cafeína.

D. 5 % de cafeína.

E. 0,00025 % de cafeína.

% de cafeína. D. 5 % de cafeína. E. 0,00025 % de cafeína. 02) (UNIOESTE –

02) (UNIOESTE 2011) A reação de redução da 2-butanona, mostrada abaixo, tem como único

produto o 2-butanol como uma mistura racêmica. Supondo que foram colocados para reagir 100

mL de 2-butanona, cuja densidade e 0,8050 g/cm3, e que o rendimento desta reação e de 80%, a massa aproximada (em gramas) obtida do isômero levogiro do 2- butanol será de:

A. 82,73.

B. 66,16.

C. 56,16.

D. 33,08.

E. 16,54.

03) (UEPG- 2012) O soro caseiro consiste em uma solução aquosa de NaCl na concentração de

3,5 g/L juntamente com sacarose na concentração de 11 g/L. Considere os dados e assinale o que for correto. Dados: Na = 23; Cl = 35,5

01)

Na preparação de 2 litros de soro caseiro, são necessários 7 g de NaCl e 22 g de sacarose.

02)

A concentração de NaCl no soro caseiro é de 0,5 mol/L.

04)

A evaporação de parte da água do soro caseiro modifica a relação entre soluto e solvente,

alterando a densidade da solução.

08) Na preparação de 0,5 litro de soro caseiro, são necessários 175 mg de NaCl e 550 mg de

sacarose.

04) (UEPG 2012) Com relação à massa molecular dos sistemas abaixo, assinale o que for

correto. Dados: H = 1; O = 16; S = 32; Fe = 56; C = 12.

I) 1 mol de H 2 SO 4 .

II) 6,02 X 10 23 moléculas de hidrogênio.

III) 22,4 L de gás carbônico (CNTP).

IV) 5 mol de ferro.

V) 0,28 L de água.

01)

O sistema I contém massa maior do que o sistema III.

02)

Considerando a seqüência IV, I e III, as massas encontram-se em ordem crescente.

04)

A massa do sistema III é maior do que a massa do sistema II.

08)

Os sistemas IV e V apresentam a mesma massa.

05) (UEPG 2012) Foram adicionados 100 mL de uma solução de NaOH 0,3 mol/L a 150 mL de uma solução de H 2 SO 4 0,2 mol/L, que reagiram de acordo com a equação química representada abaixo. Analise as alternativas e assinale o que for correto.

NaOH + H 2 SO 4

NaHSO 4 + H 2 0

Dados: Na = 23; H = 1; S = 32; O = 16

01) Trata-se de uma reação de neutralização total. 02) A solução resultante apresenta concentração de 0,12 mol/L de NaHSO 4 . 04) Foram formados 0,03 mol de NaHSO 4 . 08) A solução resultante contém 690 mg de sódio. 16) No volume de 100 mL da solução inicial de NaOH há 1,2 g de NaOH.

06) (UFPR -2011) Este ano ocorreu um terrível acidente ambiental com o vazamento de petróleo no Golfo do México. O vazamento, que durou meses na plataforma Deepwater Horizon, da British Petroleum, pode ter derramado 4,5 milhões de barris de petróleo no mar. Considerando que um barril corresponde a 159 litros e que a densidade do petróleo é de 0,88 kg/L, qual é a quantidade de matéria (em mols) aproximada de carbono presentes no petróleo derramado? Assuma que a composição do petróleo é de alcanos de fórmula geral C n H 2n+2 . (M (g/mol): H = 1,008; C = 12,01)

Assinale a alternativa correta.

a) 4,4 x 10 10 .

b) 4,5 x 10 2 .

c) 6,02 x 10 23 .

d) 1,0 x 10 200 .

e) 4,6 x 10 6 .

07) (UFPR -2010) A mistura das soluções aquosas de nitrato de prata (massa molar 169,9 g/mol) e de cloreto de sódio (massa molar 58,5 g/mol) gera uma reação química que produz cloreto de prata (massa molar 143,4 g/mol) e nitrato de sódio, conforme mostra a seguinte equação química:

AgNO 3 (aq) + NaCℓ (aq) AgCℓ (s) + NaNO 3 (aq)

Com base nessas informações, considere as seguintes afirmativas:

1. A ocorrência dessa reação química é perceptível devido à formação de um sólido.

2. A massa molar do NaNO 3 é 85 g/mo.

3. Para reagir completamente com 117 g de NaCℓ, serão necessários 339,8 g de AgNO 3 .

4. O NaNO 3 formado é insolúvel.

5. O AgCℓ é classificado como um sal.

São verdadeiras somente as afirmativas:

a) 1 e 2.

b) 2, 3 e 4.

c) 3, 4 e 5.

d) 1, 2, 3 e 5.

e) 1 e 5.

08) (UEM 2011) A recente “lei seca” (Lei 11.705, de 2008) estabelece que quem conduzir

veículos automotores sob a influência de qualquer concentração alcoólica no sangue (tolerância zero) está sujeito à multa e também proíbe a condução do veículo, caso a concentração esteja igual ou superior a 6 decigramas de álcool por litro de sangue. Sabendo-se que algumas marcas de cerveja indicadas no rótulo como “sem álcool” possuem ainda assim 0,5% de álcool (título em

volume) e considerando as informações I, II, III e IV, que vêm a seguir, assinale o que for correto.

I) O indivíduo ingere apenas a cerveja a que se refere o enunciado e que todo álcool ingerido estará presente no sangue no momento do teste do bafômetro e nenhum consumo metabólico ocorre no corpo; II) O termo “álcool” refere-se a etanol, densidade = 0,8 g/cm 3 ;

III) O volume contido em uma lata de cerveja é 350 mililitros;

IV) Para descobrir o volume aproximado (em litros) de sangue no corpo humano, basta

multiplicar seu peso (massa) por 0,07.

01) Após a ingestão de 5 latas da cerveja, um indivíduo de 70 kg, ao passar pelo teste do

bafômetro, não só será multado como também estará proibido de conduzir o veículo.

02) Após a ingestão de 10 latas da cerveja, um indivíduo de 150 kg terá concentração de álcool

no sangue, em porcentagem em volume, menor do que 0,2%.

04)

Após a ingestão de 2 latas da cerveja, um indivíduo terá 7 mL de álcool no sangue.

08)

A massa de álcool em uma lata de cerveja é de 1,75 gramas.

16)

Em uma lata de cerveja, a concentração em mols por litro de etanol é igual a 10.

09)

(UEM 2010) Considerando a reação abaixo, em que o coeficiente estequiométrico “x” é

uma incógnita, assinale o que for correto.

Al(OH) 3 (aq) + 3/2 H 2 SO 4 (aq) ===> 1/2 Al 2 (SO 4 ) 3 (s) + x H 2 O(l)

01) Ao se reagir 156 g da base, irá se formar 342 g do sal.

02) O coeficiente “x” é igual a 6.

04)

3 mols de ácido reagem com 12,04 x 10 23 moléculas de base.

08)

Em meio mol do sal, existem 2 mols de átomos de alumínio.

16)

O número de oxidação do enxofre no Al 2 (SO 4 ) 3 é igual a + 4.

10)

(UEM 2010) A vitamina C apresenta a estrutura química mostrada a seguir.

vitamina C apresenta a estrutura química mostrada a seguir. Linus Pauling, ganhador dos prêmios Nobel de

Linus Pauling, ganhador dos prêmios Nobel de Química e da Paz, ingeria diariamente entre 4 e 6 gramas dessa vitamina, por acreditar nos seus efeitos terapêuticos. No entanto, recomenda-se somente a ingestão diária de 3,5 x 10 -4 mol dessa vitamina. Sobre essas informações, assinale o que for correto.

01)

A vitamina C é lipossolúvel.

02)

Em um mol de moléculas de vitamina C, encontramos 6 mols de átomos de carbono.

04)

A molécula de vitamina C pode ser hidrolisada em meio ácido, convertendo sua função

lactona para ácido carboxílico e álcool.

08) A ingestão diária de vitamina C feita por Linus Pauling aproximava-se a 1.000 vezes do valor

recomendado.

11) (UEL 2011) Um pesquisador, ao estudar a qualidade do ar de uma região industrial, verificou que, para titular 50mL de uma amostra de água de chuva, necessitou de 20mL de solução de NaOH de concentração 5, 0 × 10 -2 mol/L. Considerando a presença somente do ácido sulfúrico na amostra de água da chuva, a concentração, em mol/L, deste ácido é:

a) 0, 50 × 10 -3

b) 0, 25 × 10 -3

c) 1, 0 × 10 -3

d) 1, 0 × 10 -2

e) 1, 5 × 10 -2

12) (UEL 2011) A esquizofrenia é uma patologia psiquiátrica caracterizada por perturbações do pensamento, da percepção e do convívio social. A doença de Parkinson é um transtorno neurodegenerativo causado pela perda seletiva de neurônios dopaminérgicos. A dopamina é uma substância que está relacionada com as duas doenças citadas. A fórmula da dopamina é mostrada ao lado. A composição centesimal dos átomos de C, H, O e N na molécula da dopamina são, respectivamente:

C, H, O e N na molécula da dopamina são, respectivamente: a) 62,7; 7,3; 20,9 e

a) 62,7; 7,3; 20,9 e 9,1

b) 60,5; 9,1; 19,0 e 11,4

c) 43,8; 16,2; 8,0 e 32,0

d) 20,7; 63,0; 8,3 e 8,0

e) 18,5; 60,0; 10,4 e 11,1

GABARITO

01) C 02) D 03) 01 + 04 04) 01 + 04 + 08 05) 02 + 04 + 08 + 16 06) A 07) D 08) 01 + 02 09) 01 + 04 10) 02 + 04 + 16 11) D 12) A