Você está na página 1de 1

Resultados e Discussões

Utilizou-se primeiro o método direto de Mohr, onde a substância que se desejava determinar foi
titulada com solução padrão de AgNO3 até o ponto de equivalência, (onde todo NaNo3 precipitou
com AgNO3 ) momento no qual se obteve a alteração da coloração inicial branca, para vermelho
tijolo, após a adição de 23,8 mL de AgNO3. Essa alteração da coloração ocorreu devido à presença
do indicador CrO4 2 – (não tinha mais cloreto então o Ag+ precipita com o CrO4 2 –, ponto final da
titulação). Mediu-se também o pH da solução antes da adição do indicador, que ficou entre 7,0 –
8,0.
NaCl + AgNO3 → AgCl ↓ + NaNO3
(soro) (titulante) (branco) (íons espectadores solúveis)

AgCl (s) ↔Ag+ + Cl- (excesso)
Ag + CrO4 2 – - → Ag2CrO4
(vermelho tijolo)

Na embalagem da marca Farmax® demarcava-se 0,9% de soro fisiológico. Através do cálculos a
seguir, obteve-se os valores de cloreto de sódio presentes no soro :
1L AgNO3 → 0,100 mols
23,8 x 10 -³ L → x mols
x = 2, 38 x10 -³ mols de AgNO³ = NaCl
1 mol → 58,5 g
2, 38 x 10 -³ → x g
x = 0, 139 g NaCl
0,139 g → 15 mL
x g → 100 mL
x = 0, 92 %
Ou seja, para cada 100 mL de solução de soro tem-se 0,92g de cloreto de sódio, (0,92% de NaCl em
solução) .