Você está na página 1de 24

Manifesto aos Filhos da Luz

6
6 6

1ª Edição – 4ª Revisão.
Índice

Capítulo 1 - A Lei............................................................................ Página:03


Capítulo 2 - A Vontade e a Lei......................................................... Página:04
Capítulo 3 - O Amor e a Lei............................................................ Página:05
Capítulo 4 – A Sabedoria e a Lei …................................................ Página:06
Capítulo 5 – O Equilíbrio e a Lei …............................................... Página:07
Capítulo 6 – A Cura e a Lei …........................................................ Página:08
Capítulo 7- O Serviço e a Lei …..................................................... Página:09
Capítulo 8 - A Transmutação e a Lei, a Pedra Filosófica …........... Página:11
Capitulo 9 – Satanael e a Lei …..................................................... Página:13
Capítulo 10 - O Chamado às Ordens, a Realização da Lei …........ Página:14
Capítulo 11 – A Herança de DAATH …......................................... Página:16
Capítulo 12 – Tolerância e Auto-Controle...................................... Página:18
Capítulo 13 – Vendo os Arquétipos em diversos Panteões …........ Página:20
Capítulo 14 – O Portal para a Plenitude.......................................... Página:21
Capítulo 15 – Referência Bibliográfica e Direitos Autorais............ Página:23
Capítulo 1
A Lei.

Faça o que fizerem, sempre tenham em mente, se tornará Lei.

A Lei submete até seu criador.

Logo se submeterá a sua própria Lei.

A verdade é dura. Porque dura é a Lei. Ainda sim cumpra-se a Lei.

A Lei é perversa, porque a nada respeita e a tudo se aplica.

Transmuta-se a lei.

A Lei de Hoje cabe a este tempo... Amanhã se não mais cabe que se transmute.
Capítulo 2
A Vontade e a Lei.

Sua Vontade, rege seu amor que com sabedoria executas, e logo se fará Lei.

A Vontade é a primeira força, como a eletricidade, azulada, que passa pelos fios de cobre a
alimentar as casas para vossas necessidades, esta é a eletricidade que passa por seu espírito, que
alimenta tua intenção.

A Vontade é a alavanca que levanta o espírito, é a mola que empurra diante de seus prazeres
e sofrimento, é a força que torna-se possível a vida.

A Vontade é aquilo que deves trabalhar primeiro.

Da saciedade dos seus desejos primitivos, a participação de construção na Grande Obra da


Lei.
Capítulo 3
O Amor e a Lei.

Amor é a Grande Lei. Amor sob sua Vontade. Porque esta é a primeira Lei.

A Rosa Escarlate dos Desejos sutilmente se une a Rosa cor de Rosa do Amor Incondicional.

Sendo esta a primeira Lei.

E por sua Vontade a primeira ação foi se amarem.

Uniram-se.

Sem esta Vontade, sem a primeira Lei, nada existiria, porque sem o Amor, se torna
impossível conceber uma realidade que tenha o mínimo de estabilidade.

O Amor é a primeira Lei. É a cola que mantém até mesmo os seus átomos unidos, assim
como seu espírito a densa matéria.

Com o Amor pela Vontade e pela Vontade, se constrói a Lei.

E se experimenta a Lei, e com o tempo se tem a Sabedoria da experiência ao se submeter a


Lei.
Capítulo 4
A Sabedoria e a Lei

O Saber, a união do Amor e da Vontade que com o tempo e a experiência se faz existir.

O Saber... O conhecimento que deixara de ser um simples conhecimento, aplicado à


realidade, que permite se manter.

A Chave dos Grandes Mestres, o Ouro do Espírito, que nenhum ser pode retirar.

O bem que ao ser compartilhado tende a se multiplicar.

As moedas de Ouro ao qual Os Filhos do Logos como Apolônio de Tiana, Hórus e Jesus
foram sementes, e que se multiplicaram e se multiplicam até hoje.
Capítulo 5
O Equilíbrio e a Lei

As vestes Brancas do Sacerdote, e da Sacerdotisa a representação do Equilíbrio.

Com o Saber, vem o Equilíbrio, a percepção que permite manter a realidade, a percepção
que permite encontrar a Verdade.

O Equilíbrio, é o grande enigma a ser mantido e redescoberto continuamente pelo Universo.

O Equilíbrio é uma Lei Oculta, que se impõem continuamente, para a existência do


Universo.

É perigoso brincar com o Equilíbrio, porque ao se deslocar este, tem seu próprio Equilíbrio
deslocado, e assim como a realidade há de ser mantida, poderás deixar de ser mantido por esta.

Logo esta é uma Lei Oculta.

O Universo sempre entra em Equilíbrio, e isto é uma Lei.

O Aperfeiçoamento do Equilíbrio, e a aprendizagem com este, permite um avanço na área da


Cura.
Capítulo 6
A Cura e a Lei.

O Equilíbrio anterior permite tocar o Cálice Esmeraldino, onde as Lendas dizem se encerrar
o Santo Graal, o conhecimento da Abundância, contido por Osíris pela Linha Egípcia, contido por
Jesus Cristo, pela linha Crística, contido por Bramah e Krishna pela Linha Hindu, se olhares com
calma verás esta relação em todas as culturas.

A Cura, e a Lei... É muito especial para todos nós.

Porque esta parte representa a perfeição do espírito, a cura é trazida pelo Equilíbrio
semeado de vida.

A Vida traz a abundância.

E a Cura vem do Equilíbrio na Vida.

A Lei é bem clara, se tu leva à Cura aos seus irmãos e irmãs.


Tu serás curado.

Porque esta será a Lei.

Porque executaste com Amor sob Vontade.

E esta é a Lei.

Se a Cura como Lei se espalhar pelo mundo, pelos infernos e pelos céus.

Haverá uma grande mudança e a maior doença que é o medo será Curada.

Só temereis uma coisa.

Teu próprio Ego, que podes dominar e escravizar à si mesmo.

Que será visto mais a Frente, na Herança de Daath.

A Cura, permite que se ponha a Serviço.


Capítulo 7
O Serviço e a Lei

Escravos, trabalhem, trabalhem...

Não... Não é assim.

Vermelho Rubi é a Estrela, Vermelho Rubi é Escarlate, Vermelho Rubi é a Luz de Nossa
Senhora da Copa das Abominações, a Nossa Senhora Escarlate, a Dama Escarlate.

Vermelho Rubi é a Estrela daquela que se coloca a Serviço.

Idiota aquele que acha que se cresce sem sacrifício ou trabalho.

Quem está no topo da pirâmide não chegara lá sem sacrifício.

Da mesma forma que Jesus foi para Cruz, Aleister Crowley sacrificara sua Riqueza material
em pról da espiritual, e Osiris fora Morto por Seth para que Horus pudesse vir ao mundo e eliminar
o mal de Seth.

Logo se percebe que todos eles, e inclusive, Seth se dedicaram a Serviço.

Para o bem de todos.

Ainda que houvesse um mal maior, Apep, Seth lutou contra ele ao lado de Rá.

E Seth quando venceu o mal maior, se tornara um mal menor e este fora vencido por Horus,
quando Seth se vingara de Osíris, definira o próprio destino.

Observe a saciedade promovida por Babalon aos seus prazeres mais mundanos enquanto
esta segura Chorozon para que este não te devore sem ter entregue à ultima gota.

Agora vedes que todos se puseram a serviço de uma forma ou de outra.

Ou se puseram a Serviço por Amor ou pelo ódio.

O importante é que se puseram a Serviço.

E isto se tornara a Lei.

Então tenham em mente:

O último grande passo antes da transmutação é se colocar a Serviço.

Você deixará de ser um ser individual, uma força individualista.

Para ser uma força, uma energia, um ser que subirá auxiliando os que estavam à sua volta.
Aquele que serve é servido.

E isto como é feito por Amor sob Vontade.

Se tornara Lei.

Doravante será explicado a Pedra Filosófica.


Capítulo 8
A Transmutação e a Lei,
a Pedra Filosófica.

A Joia dos Magos. A Benção de Magus Magister Magnum.

A Chama Violeta e Akáshica. Os Cristais Ametistas do Chakra de Transformação da


Consciência da Terra. O Grande Segredo de Gaia.

A Sabedoria mais elevada sem a qual a realidade não seria possível.

“Na natureza, nada se perde tudo se transforma” (Lavoisier).

A Máxima do Mago é Transforma-te a Ti mesmo.

Como ter seu Ego destroçado por Chorozon, após a última gota de seu prazer se esgotar.

Despertas do sono eterno que se pusestes.

Tu já não és um indivíduo.

És uma força a Serviço.

Que se transforma.

Ainda que tenhas uma individualidade.

És uma consciência que compartilhas para com todos e consigo mesmo.

Aqui, tu transformarás tanto o mundo externo quanto o interno.

Transformarás o Chumbo da Experiência, com sua Vontade e seu Amor, em Sabedoria.

E cobrirás deste Ouro o Universo que te circunda, assim como compartilharás com seus
irmãos.

Porque aquele que Transmuta, alcança a última Chave, que permite transformar-te no
Transformador, no Mensageiro, no Portador da Luz.

A máxima do Filho da Luz é não ser mais o Filho e sim UM com a própria Luz.

Aqui descobres que dentro de ti há a Pedra filosófica.

Aqui descobres os segredos de Nuit, a energia de Akasha, o sopro mais profundo do espírito
imortal que habita-te.

Aqui despertas do sono de tua Divindade.


Para fazer oque tu queres e se submeter a Lei e a transforma-la.

Aqui é Citado Hermes Trimegisto, Apolônio de Tiana, Saint Germain, Jesus Cristo, Sanat
Kumara, Krishna, Shiva e tantas outras Divindades que pelo espaço, tempo, cultura e região se
espalharam e promoveram a máxima da Transmutação de ti mesmo.

Aqui é o último Portal para a Divindade.

Aqui Tu se une a tua Divindade.

E tua Luz e Escuridão se tornam UM.

Acima da Árvore do Bem e do Mal.

Para colher os frutos de seus atos.

E Transmuta-los conforme a necessidade.


Capitulo 9
Satanael e a Lei.

Aquele que se volta contra aquele que o criara, tem de volta o que semeara.

Quantas frases eu escutei sobre Ele.

Demiurgo que dominas com seus servos, será dominado.


Serpente. Tentas e será tentado.
Mentiroso. Mente e será mentido.
Ilusionista. Ilude e será iludido.

Lei é Lei. Faça o que fizer se tornará Lei. E nem mesmo você escapará desta.

Lúcifer entendera tarde.

Samael, ficara preso nos Labirintos do Abismo.

E tu Heloin que zombara de teu Criador.

Agora és zombado por seus irmãos. E mesmo com a dor e com o sofrimento é motivo de
escárnio e ódio para muitos.

Ainda assim quem sou eu para julga-lo, isto lhe dará o direito de me julgar. Não lhe dou este
direito. Porque melhor aprender com seus erros que cometer os mesmos e ser submetido a estes,
porque se tornarão Lei.

Baphomet, esfinge diabólica e cruel, doce como o açúcar, viciante como o vinho e perigoso
como o absinto, simbolo da perfeição demoníaca que submete a loucura quem não te decifras.

Decifro-lhe Anjo Inteligente e Demente, Cheio de Luz e Escuridão, que doa com uma mão e
retira com a outra. Dizendo assim como estás em cima estás embaixo. Que com seu falo e sua
vagina, preenche o mundo de seus demônios. Que com seu instinto animal usurpa com sua
inteligência a consciência dos homens. Que se tornara sede de toda a culpa pela ignorância da
humanidade.

Retiro de Ti a culpa que me faz parte, pego de volta a minha luz, ergo minha espada e meu
escudo, corto os meus chifres e minha cauda. E me ergo para ser purificado pelo desejo e pela
sexualidade sagrada, não como um santo, e sim como o homem que sou, só que mais consciente de
meus atos e minha responsabilidade para com o Mundo.

Ato novamente pela ponte do Arco Íris a minha parte Divina à minha individualidade.

Ato novamente a fonte eterna e inesgotável a meu coração.

Ato novamente os Raios de Rá a meu ser, de forma que com o tempo mesmo as áreas mais
escuras possam ter luz.
Carrego em meus ombros a responsabilidade e a dor.

Levo para meu abismo e meu céu toda a loucura e a sanidade que me pertencem.

E transformo o Carvão em Grafite e o Grafite em Diamante.

Para que este seja lapidado com o tempo.


Capítulo 10
O Chamado as Ordens,
a Realização da Lei.

Filhos da Luz, ainda que espalhados pela Terra como sementes jogados ao vento.

Ao tocar o fértil solo despertarão e buscarão o conhecimento que lhes é dado por direito.

Tomarás para Ti o que te pertence independente do mal que lhe usurpa.

O tempo estará ao teu lado.

Serás chamado as Ordens.

Serás iniciado.

E Iniciarás.

E se espalharão à todas as Esferas.

E muitos Nomes terão.

Ainda sim será a Corrente 93.

Será a benção dada por AIWAS.

Será a Loucura e Sabedoria compartilhada por Aleister Crowley.

Se unindo em Abadias, se unindo em Ordens, erigindo pilares aos Deuses, separados pelo
espaço e pelo tempo.

Vivendo em sociedades alternativas que criam sua própria esfera social, para
desenvolvimento e trabalho, para interagir com as outras;

Lembrando que um espaço em que se compartilha com seus irmãos torna mais forte a
experiência Thelêmica.

Sempre unidos em volta do objetivo comum.

Gratos pela benção e pela maldição que receberam.


Capítulo 11
A Herança de DAATH.

E toda loucura será selada no Abismo. E os que dela bebem afogarão suas mágoas lá até se
fartarem.

Lá Habita o Ego. Nossa cria inferior, temporária, escravo dos prazeres do mundo.

O Ego é portador da loucura. Ao ser saciado esta se sacia com este.

A loucura é algo perigoso. Todos temos em maior ou menor grau.

Caso um único homem diga ignorar sua própria loucura. E Renegue esta. É porque este é o
mais propenso à se tornar louco por completo.

A Loucura e a Sanidade são complementos um do outro.

A Loucura vem da força criativa primitiva, que há em todos nós, onde a abstração vai além
dos sentidos, como as obras de Dali.

A Sanidade é um estado de força ordenada que é uma evolução, que permite sequenciar,
criar, e modificar dentro das regras.

O produto das duas, leva à nossa consciência.

Nem de tudo será submetido à lógica e ainda sim será Lei.

Porque se cometes loucuras será Lei e tu será submetido à esta.

Nem tudo será submetido a loucura e ainda sim será Lei.

Porque se cometes a sanidade será Lei e tu será submetido à esta.

Logo, faça o que fizer lembre-se será a Lei.

Lembro-me das palavras de Apolônio de Tiana quando este dissera. Um dia os demônios
descobrirão a verdade.

E me lembro da escada da evolução.

Seguimos subindo a escada, deixando para traz os prazeres que já não nos confortam porque
já não queremos mais isto.

E criamos novas Leis para nós, melhores e mais evoluídas que as anteriores.

E nos aperfeiçoando , aperfeiçoamos as nossas Leis.


Porque Nós Somos o que Somos.

Assim como Eu Sou oque Sou.

Então quando me submeto a Lei.

Eu sou o que Sou... Pelo que Sou.

E quando nos submetemos a Lei.

Nós Somos o que Somos.. Pelo que Somos!

Assim.

Aquele que se submete a Lei. Torna isto Lei também e a reforça.

Porque aquele que se submete a Lei. Submete a Lei.

Saindo dos Abismos da Loucura e Sanidade Cegas.

Abro lentamente meus olhos a algo mais sublime.

E subo os degraus para algo que não sei se estou preparado.

Assim se faço isto é por meu Amor sob Vontade.

Então isto se tornará Lei.

E me submeto a isto.

Saio do estado da pertubação primitiva, a alucinação da ilusão , para uma ilusão menor, e
uma verdade maior.

Para parar de beber da água imunda dos rios de dejetos das cidades, para me aproximar da
fonte mais limpa repleta de água cristalina, tomando o cuidado para não suja-la.
Capítulo 12
Tolerância e
Auto-Controle.

E ele veio me dizer.

Tu queimarás no inferno.

E eu respondi com uma gargalhada.

Ao menos lá é quente.

Lembremos:

Todo homem é livre e tem direito de seguir seja quem for, e acreditar ou não, em algo.

A Tolerância entre as religiões e o Auto-Controle religioso é algo fundamental.

Não temeis pela tua Fé.

Se acreditareis em tua Lei. Nada lhe tocará a não ser que não siga à esta.

Não imponha tua Lei diretamente se o fizer contra alguém que não acredite nesta, perderás
teu tempo e te aborrecerás.

Porque tua Lei será também impor religiões e não é este nosso trabalho.

E tu será submetido a aqueles que querem impor a própria Lei.

Desde os Odinistas, os Wiccans, aos Católicos, aos Protestantes, aos Espíritas, aos Vodoos,
aos Ubandistas,Satanistas e assim vai, todas as religiões são legítimas por direito.

É pura ignorância lutar contra uma ou outra.

Pode-se lutar pelo que se acredita.

Agora lutareis até o fim, pelo direito de acreditar no que você quer e assim como pelo direito
do seu próximo, de acreditar naquilo que ele quer, mesmo que isto seja diferente daquilo que
acreditas.

Se tornares esta tua Lei também, repousarás na tranquilidade de uma vida menos conturbada
e com menos estressantes e desnecessários combates.

Assim como Odin quer o bem de todos, YHWH também o quer, e assim vai.

Mesmo com Satanael, que criara sua própria Lei, já que se submete à esta, então se tornara
uma Lei válida, é de direito quem quiser segui-lo assim como ao próprio Cristo, que se submetera à
sua própria Lei.
Tantas visões diferentes de um mesmo “Deus” que nós proclamamos, que esquecemos de
procurar em nós mesmos.

A primeira Divindade que desperta é a que existe em Ti.

Então observe e trabalhe consciente disto.

As lições que aprenderás permitirá você a se preparar para o próximo passo.

Espalhar seus domínios pelas esferas arquetípicas.


Capítulo 13
Vendo os Arquétipos
em diversos Panteões...

Thor filho pródigo de Odin para os Nórdicos, Tupan para os Tupis, Xangô para os
Umbandistas, o mesmo Arquétipo, o mesmo “Deus” do Trovão, e ainda, a própria voz de YHWH
era encarada como o trovão, ou seja, o que leva a palavra Divina.

Ainda sim observe:

No Egito não há uma Entidade ligada diretamente a isto. Naquela Região era raro haver
grandes tempestades.

Quando conseguires observar cada Panteão e trabalhar com ele;

Poderás se deslocar entre os domínios das Ordens e pertencer à várias Ordens e trabalhar em
diversos caminhos.

Contemplado e Contemplando a Corrente 93.

Porque se o fizeres será Lei e assim os domínios estarão estáveis e as “Órbitas” livres.

A soma das experiências entre as Ordens é algo que cresce em Sinergia.

O aprendizado em um lugar é diferente de outro lugar e as experiências se somam.

Assim subimos e aprendemos.

Assim quando tocares a plenitude;

Descobrirá algo maravilhoso e nefasto.

Uma Insanidade Sã.

Que é ao mesmo tempo Tudo e Nada.

Estamos quase chegando ao último capítulo.


Capítulo 14
O Portal para a Plenitude.

O Último Portal.

Aqui encontrarás até mesmo a Cristo.

Não terás de discutir ou simplesmente dirigir a palavra.

Quando chegares aqui. Sentirás um silêncio profundo preencher seu ser.

A realidade mais elevada.

Aqui não há fome, dor, miséria ou quaisquer coisas similares.

Aqui é o lugar de descanso temporário ou não das almas humanas.

E lugar de trabalho e repouso dos Mestres.

Você que chegara aqui... Está ainda no Meio do Caminho.

Este é o Último Portal para fora da realidade física.

Este é o Portal que separa os que ainda retornarão a carne nlo plano físico, e os que
retornarão no plano etérico.

É o grande diferencial.

Aqui o tempo é diferente. E as realizações são diferentes.

Aqui muitos estarão os esperando.

Inclusive AIWAS.

Tanto na Luz quanto na Escuridão.

Dentro de cada esfera de realidade individual.

Com a realidade total, sendo o produto comum de todas as realidades individuais.

Aqui você tem um panorama do mundo lá embaixo.

Aqui você tem o panorama de toda a Obra. De toda a Lei.

Tu chegarás aqui um dia.

E se puder, estarei por perto para lhe falar.


Aqui é a Grande Mudança.

O Grande Sonho.

Me despeço agora, para voltar ao meu trabalho.

E agradeço a voces.

Dizendo o seguinte:

“Faça o que fizer, lembre-se que se tornará Lei.”

“Faça o que quer que façam para Ti.”

“Se tu causares sofrimento, sofrerás.”

“Aprenda com pouca dor, muita dor enlouquece.”

Fiquem na Luz...

Opa...

Não esperem um ponto final...

Este livro ainda não terminara de ser escrito...


Capítulo 15
Referência Bibliográfica e
Direitos Autorais...

Fora consultado:

Wikipédia para algumas imagens.

O Livro “Chamando os Filhos do Sol” de Marcelo Ramos Motta.


Disponível para consulta na Internet.

O Livro da Lei de Aleister Crowley – Liber Al Legis.

Estes dois livros me inspiraram para adicionar alguns pontos e talvez suprimir outros com
intenção de salientar pontos mais primorosos e importantes.

Claro que minha opinião pode estar equivocada, por isto este livro ou livreto não termina
aqui...

Direitos Autorais:

Esta obra é Licenciada no modelo GPL. (General Public License)

http://pt.wikipedia.org/wiki/GNU_General_Public_License

Esta obra é de livre publicação,tradução, aperfeiçoamento e distribuição.

Desde que seja respeitado, a origem, a fonte e os direitos autorais não se omitindo em
nenhuma hipótese o nome do autor.

Não quero obter vantagens, e sim, trazer ao debate livre e não “combates”, porque é preciso
unir forças para sobrepor as diferenças e não colocar as diferenças a frente para dividir as forças.

Qualquer complementação desta obra, peço que se possível seja dentro dos mesmos termos.

Autor: Marcel Carvalho de Siqueira.


E-mail:marcelcsx@yahoo.com.br

Referencial:

Os textos dos seguintes autores e personagens históricos auxiliara na construção do texto


acima:

-Aiwas;

-Rá, Horus, Osiris, Isis, Seth, Hator, etc...;


-Babalon e Chorozon ;

-Aleister Crowley;

-Marcelo Ramos Motta;

-Raul Seixas (Um músico que me inspirara a vida Thelêmica);

-Saint Germain,(mestre ascenso) ;

-Baphomet (arquétipo e entidade) ;

-Logos;

-Lúcifer;

Eu tenho estudado a Corrente 93, assim como outras como a evolução pelo sistema Caótico
e Crístico entre outros.

Apo Pantos Kakodaimones;

Que chegue à quem tem de chegar e que se cumpra a Lei ;

Este texto foi patrocinado e apoiado pelo.


(C.O.V.E.N.)

Caminho Oculto da Verdade Experimental Nobre.

No Orkut
http://www.orkut.com.br/Community.aspx?cmm=92954345&mt=7

Interesses relacionados