Você está na página 1de 1

A ideologia age na vida humana envolvendo a constituio e padronizao

de como os seres humanos vivem como atores conscientes e reflexivos em


um mundo estruturado e significativo. Ela opera na formao dos sujeitos
humanos e das formas de subjetividade. Esta, por sua vez, diferente da
personalidade. Cada uma possui sua especificidade e ao mesmo tempo em
que so autnomas uma da outra, possuem efeitos recprocos.
Personalidade ou estrutura de carter coincide com a primeira formao dos
seres humanos, tem uma temporalidade prpria, e as interpelaes
ideolgicas tambm uma parte importante dela. De acordo com Therborn
uma pessoa age, vive sua personalidade como um sujeito, em diferentes
formas de subjetividade (p.50). A subjetividade constituda pelo forma
como o
psquico e o social de intercruzam, e vista como um aspecto
mais exterior, mais consciente do individuo.
Para Therborn a formao dos seres humanos pela ideologia seja ela
conservadora ou revolucionaria, envolve um processo simultneo de
sujeio-qualificao. Este processo de sujeio-qualificao duplo, que
envolve uma interpelao e reconhecimento por um Sujeito-central que lhe
fornece egos ideais.
As ideologias sujeitam e qualificam os sujeitos, relacionando ou o
reconhecendo a algo.
Para Althusser, a ideologia funciona sob um sistema bsico de quatro
elementos, a interpelao dos indivduos, a sujeio deles ao sujeito, o
reconhecimento mtuo entre sujeitos e o sujeito, e a garantia de que tudo
funcione conforme esses aspectos anteriores.