Você está na página 1de 6

Questão 21

Um agrossistema é um tipo ou modelo de produção agrária em que se observa quais cultivos ou criações são praticados, quais são as
técnicas utilizadas, como é a relação da agricultura ou da pecuária com o espaço – tanto
em termos de densidade quanto da dimensão
e propriedade da terra – e qual é o destino da
produção.
A partir desse conceito, qual seria a melhor
forma de classificar os agrossistemas?
a) Agricultura tradicional, moderna e alternativa.
b) Agricultura mediterrânea, plantations, itinerante e de subsistência.
c) Agricultura irrigada, minifúndios e latifúndios.
d) Agricultura de jardinagem, itinerante e
mediterrânea.
e) Pecuária extensiva e intensiva.

IV. Quando falamos em África subsaariana
estamos adotando essencialmente a escala
nacional.
São corretas as seguintes afirmativas:
a) I, II e III.
b) II, III e IV.
c) I, III e IV.
d) I e III.
e) II e III.

alternativa E

No slogan existem explicitadas as escalas global e local.
• Quando falamos da África Subsaariana estamos adotando a escala regional.

Questão 23
MAPA-MÚNDI: PROJEÇÃO DE PETERS.
Antártida

Oceania

América
do Sul

alternativa A
A agricultura moderna, ao contrário da tradicional,
caracteriza-se pela grande utilização de máquinas, tratores e fertilizantes, além de sistemas de
irrigação e armazenamento, entre outras características. Enquanto a agricultura alternativa, por
exemplo a agricultura orgânica, caracteriza-se
pelo uso de técnicas agrícolas mais simples e menos agressivas ao meio ambiente.

Questão 22
“Pense globalmente, aja localmente”. Esse
slogan, adotado por vários movimentos ambientalistas, nos coloca frente ao tema escalas geográficas. A respeito desse tema, afirmou-se que:
I. Nesse slogan existem explicitadas duas escalas geográficas: a global e a regional.
II. A questão da soberania diz respeito primordialmente à escala nacional.
III. As discussões sobre o Protocolo de Kyoto
dizem respeito à escala global.

África
Ásia
Europa

América
do Norte

Durante os anos 1970, esse mapa era visto
como uma reação simbólica dos países subdesenvolvidos – o Sul geoeconômico – contra
a cartografia tradicional, em especial a projeção de Mercator, que mostra o norte “acima” do sul e a Europa no centro. Mas essa
idéia logo foi abandonada por falta de consistência. Analise as seguintes afirmativas sobre essa questão:
I. A projeção de Peters mostra a proporção
exata de cada área sem distorcer os seus formatos.
II. O impacto político-ideológico de se colocar
o sul “acima” do norte é diminuído ou anulado pelo fato de que a imensa maioria dos países está no hemisfério norte, sendo o sul mais
oceânico.
III. Tanto faz colocar o norte ou o sul na parte de cima do mapa, pois a posição mais cor-

1965. b) o fenômeno la niña. São verdadeiras as afirmativas: a) I e II. A projeção de Peters é melhor para a navegação do que a de Mercator. estando ele sobre uma mesa. Cidade global é uma imensa área urbana com uma população de no mínimo 10 milhões de habitantes. em 2002-2003. Megalópole é uma gigantesca aglomeração urbana. A respeito desses conceitos. c) el niño liga-se ao aquecimento das águas oceânicas e la niña diz respeito ao esfriamento dessas águas. Oliveira. b) II e III. Climatologia: noções básicas e climas do Brasil. apesar de descoberto depois do el niño. Oficina de textos. concentra um setor de prestação de serviços bastante desenvolvido (comunicações. ao passo que la niña diz respeito ao aquecimento dessas águas. envolvendo duas ou mais metrópoles e ocupando pequena extensão do território nacional. Megacidade é uma gigantesca aglomeração urbana com no mínimo 10 milhões de habitantes. mas distorce os seus formatos. seria correto afirmar que: I. e) II e IV. geralmente. M." Fonte: F. enquanto que la niña é o resfriamento das águas oceânicas nas proximidades do Peru. e) el niño é o aquecimento das águas oceânicas nas proximidades da Oceania. numa pequena extensão de um território nacional. 1972-1973. São Paulo. sempre ocorre antes deste. Megalópole é uma região superurbanizada onde. A respeito deles. Mendonça e I. 1982-1983. independentemente do tamanho da sua população. 1969. com o avançar do conhecimento sobre sua manifestação. 1951. Para a navegação marítima. alternativa C Megalópole corresponde a uma região superurbanizada. observou-se que essa regularidade não era assim tão evidente. primeiro ocorre el niño e em seguida sempre ocorrerá la niña. IV. a diferença é que el niño ocorre nas proximidades do Peru e la niña na parte do oceano Pacífico que banha a América Central. que possuem uma vida econômica bastante interligada. D. os especialistas no tema e as organizações internacionais logo criaram novos conceitos para dar conta dessas realidades. Todavia.geografia 2 reta para analisar um mapa é na horizontal. a cada três anos. etc. e mais um no século XXI. 1953. b) II e III. a projeção cartográfica de Mercator é a mais adequada. e) II e IV. As afirmativas corretas são: a) I e II. com mais de 10 milhões de habitantes e onde há conurbação de inúmeras cidades vizinhas. No século XX. transportes. Questão 24 El niño e la niña são dois fenômenos ligados ao aquecimento e resfriamento das águas do oceano Pacífico na sua parte tropical. Megacidades são aquelas com 10 milhões de habitantes ou mais. alternativa B A projeção cartográfica de Peters mantém a proporção das áreas dos continentes. em cada sete de um período de 14 anos. Cidade global é aquela que. Questão 25 Com a acelerada urbanização da humanidade e o advento de gigantescas aglomerações urbanas. 2007. c) III e IV. foram registrados 12 eventos. 1991 e 1997-1998. d) I e IV.). II. a cada três anos. d) ambos os fenômenos dizem respeito ao aquecimento e posterior resfriamento das águas oceânicas. existem os conceitos de megalópole. se concentram várias cidades milionárias. 1976. observados nas seguintes datas: 1941-1942. não há alternativa correta. Assim. conectando-a a outras cidades globais. 192. 1986. d) I e IV. megacidade e cidade global. pág. c) III e IV. primeiro ocorre el niño e em seguida pode ou não ocorrer la niña. 1957-1958. é correto afirmar que: a) el niño liga-se ao resfriamento das águas oceânicas. Dentre eles. ver comentário "As primeiras investigações sobre o El Niño concluíram que o fenômeno ocorre. IV. III. . de aquecimento das águas oceânicas. sede de grandes empresas.

65 34. b) I e III.23 10. O abandono de uma área agrícola. os desmatamentos. Não há. o processo de desertificação vem ocorrendo basicamente em certas áreas do Nordeste e do Rio Grande do Sul. pois as grandes cidades (maiores que 500 mil habitantes) apresentam crescimento demográfico de 1970 para 1980 e. Observa-se em todos os períodos um crescimento contínuo das grandes cidades. Questão 27 População urbana total 33. d) II e IV. BRASIL: DISTRIBUIÇÃO DA POPULAÇÃO SEGUNDO O TAMANHO DAS CIDADES.57 De 100 a 500 mil habitantes 19. ver comentário As afirmações I e IV estão incorretas. As cidades que mais crescem são as maiores.40 12. a partir daí.56 33. 1991 e 2000. vem aumentando enormemente nas últimas décadas. portanto. em todas as sociedades e em particular nas mais desenvolvidas. III. monocultura e sobrepastoreio são atividades que ocasionam a desertificação. A afirmação III está também incorreta.44 11. alternativa correta.) Assinale a alternativa que aponta um fenômeno que diverge da idéia defendida no texto. do modelo familiar baseado na autoridade e dominação do homem. II.59 21. as metrópoles com mais de 500 mil habitantes. as localidades com até 20 mil habitantes.92 24.49 De 50 a 100 mil habitantes 7.04 11. No Brasil. Tamanho das cidades 1970 1980 1991 2000 Até 20 mil habitantes 26. alternativa A O processo de desertificação é causado principalmente pelo desmatamento.9 milhões milhões milhões milhões (IBGE. em detrimento das pequenas e médias.) I. um decréscimo. IV. 1980. . As cidades médias – aquelas com populações entre 100 e 500 mil habitantes – vêm conhecendo um crescimento superior às demais. São corretas as afirmativas: a) I e II. isto é. uso intensivo e inadequado do solo e estiagens prolongadas. geralmente a mãe.9 137. pois as cidades com até 20 mil habitantes decrescem no período indicado. São corretas as seguintes afirmativas: a) I e II. por queimadas.83 33.4 110.50 10. c) I e IV. O processo de desertificação de uma área não se explica por mudanças locais e sim pelo aquecimento global da atmosfera da Terra. III. sobre toda a família. e) II e IV. d) I e III. Questão 28 Analise a tabela e as afirmativas que a seguem.43 26. analise as seguintes afirmativas: I. As cidades que menos crescem são as menores.01 52 80. a) A proporção de lares com filhos habitados por apenas um dos genitores. c) II e III. as sucessivas queimadas. inicia o processo de desertificação.81 De 20 a 50 mil habitantes 12. como cabeça do casal.geografia 3 Maiores que 500 mil habitantes Questão 26 O processo de desertificação de uma área consiste em uma diminuição progressiva nos índices de umidade e no empobrecimento dos solos arenosos. b) II e III. II.35 19.9 21.80 10.12 Existe hoje uma crise da família patriarcal.34 18. IV. O uso inadequado do solo. e) I e IV. (Manuel Castells. que fica vários anos sem ser cultivada. que se tornam inviáveis para a agricultura. Podemos encontrar vários indicadores dessa crise. A esse respeito. Censos de 1970.

c) O avanço da globalização fortalece a idéia de um mundo unipolar. sugeriu momentaneamente que os Estados Unidos poderiam desempenhar o papel de superpotência solitária e com uma estratégia unilateral.geografia 4 b) Vem aumentando bastante a proporção de lares com pessoas morando sozinhas. de lares habitados por duas pessoas do mesmo sexo. b) um espaço contínuo baseado nos traços fisiográficos de cada área (relevo e clima. EXTREMO ORIENTE ÁSIA DO SUL E SUDESTE ÁFRICA SUBSAARIANA AUSTRÁLIA E NOVA ZELÂNDIA (J. 2003. Brasil e África do Sul – pleitearem uma vaga permanente no Conselho de Segurança da ONU é mais um indicador da monopolaridade no sistema internacional. pósGuerra Fria. Questão 30 alternativa E ESTADOS UNIDOS E CANADÁ d) um espaço contínuo fundamentado em traços histórico-culturais e econômicos comuns a cada área. O aumento do número de lares sustentados unicamente pela mulher. a recuperação econômica do Japão e a enorme expansão da China são fatores que pesam a favor do argumento da monopolaridade da nova ordem mundial. quando o Iraque de Saddam Hussein invadiu o Kuwait em 1991. relaciona-se ao texto. idéia denominada de "Pax Americana". d) Há uma crescente autonomia da mulher. principalmente). que atualmente já atingem 34% na Alemanha. com uma única pessoa residente ou até com duas pessoas do mesmo sexo. apoiados por tropas francesas e britânicas. deu a sensação de que os norte-americanos seriam hegemônicos no cenário geopolítico mundial. REGIÕES GEOPOLÍTICAS DO GLOBO. alternativa D No momento da primeira Guerra do Golfo. e) um espaço contínuo-descontínuo alicerçado na inovação tecnológica e nos recursos humanos de cada área. Existem controvérsias a respeito da nova ordem mundial. a) O poderio militar norte-americano. CEI EUROPA NORTE DA ÁFRICA E ORIENTE MÉDIO AMÉRICA LATINA alternativa D A regionalização proposta no mapa corresponde a espaços contínuos formados por conjuntos de países e está fundamentada em traços culturais. . para outros. de 1991. ela seria multipolar. sem competidores.) A regionalização do mundo adotada nesse mapa corresponde a a) um espaço descontínuo baseado inteiramente nos fluxos econômicos e político-militares. c) um espaço descontínuo fundamentado nas relações de poder entre Estados. que não aborda a questão da adoção de crianças pobres. Para uns. W. b) A unificação européia. c) Existe uma expansão. a vitória dos EUA. Considere o exposto e assinale a alternativa que é indiscutivelmente correta. que cada vez mais trabalha fora de casa e sustenta sua família. 28% na França e 25% nos Estados Unidos. 27% no Reino Unido. é um argumento a favor de definição da nova ordem como multipolar. nas últimas décadas. ela seria uni ou monopolar. históricos e econômicos entre os mesmos. Vesentini. e) O fato de alguns países – Japão. e) A crescente adoção de crianças pobres por parte de famílias de renda média ou alta. Questão 29 Observe o mapa. d) O sucesso da primeira guerra do Golfo. Índia. cujo companheiro está ausente ou sem fonte de renda.

elevadas médias térmicas. a) Por que a população mundial. predominante na região amazônica e que se caracteriza por uma baixa amplitude térmica anual. passará de 20. Questão 43 Analise os dois climogramas. A Finlândia.6% para cerca de 31% de idosos. temperatura (°C) 28 27 26 25 24 23 22 21 20 19 18 17 16 15 14 13 12 J F temperatura (°C) 28 27 26 25 24 23 22 21 20 19 18 17 16 15 14 13 12 J F Climograma 1 M A M J J A S O N D Climograma 2 M A M J J A S O N D chuvas (mm) 400 375 350 325 300 275 250 225 200 175 150 125 100 75 50 25 0 chuvas (mm) 400 375 350 325 300 275 250 225 200 175 150 125 100 75 50 25 0 a) Como seria o clima em cada uma dessas localidades e a qual área ou região do país cada um deles corresponde? b) Qual seria a vegetação típica dessa área com o climograma 1? E a correspondente ao climograma 2? Resposta a) O climograma 1 corresponde ao clima equatorial. em especial nos países ou regiões mais desenvolvidos.b) Entre os fatores. elevado índice . Isso é o que se chama desconcentração industrial. tinha 18. b) Mencione dois fatores próprios de outros Estados. É um fenômeno que tem maior intensidade nos países desenvolvidos. vem envelhecendo? b) Cite duas conseqüências desse fato. por exemplo. Questão 41 Um dos grandes problemas demográficos deste novo século é o envelhecimento da população mundial. e responda. que explique essa desconcentração. a) Mencione um fator próprio de São Paulo. que expliquem a ida de indústrias para essas áreas. destacam-se: redução e/ou isenção fiscal. b) A redução relativa da PEA e o impacto sobre o sistema de seguridade social. Resposta a) Pela manutenção de um elevado padrão de vida e de renda. embora com o tempo tenda a se propagar para os demais. mão-de-obra mais barata e sindicatos menos organizados e atuantes. somado a um maior estágio de desenvolvimento da medicina preventiva e curativa.9% de idosos (pessoas com 60 anos ou mais) em 2000 e terá cerca de 30% em 2025. referentes a duas cidades brasileiras. Resposta a) Dentre os fatores. e o Brasil de 7. Questão 42 O Estado de São Paulo detinha 57% do valor da produção industrial do Brasil em 1970.5% para 15. podemos destacar a busca de várias empresas por vantagens comparativas (custo de produção e de mão-de-obra) em outros estados da federação e o intenso processo de terciarização da economia paulista desde o início da década de 1980. A Áustria.5% de idosos. nesse mesmo período. Em 2005. essa percentagem tinha caído para cerca de 49%.

a quantidade de camelôs..1991: Até quando a cidade de São Paulo será vítima da invasão do povo do Norte e Nordeste? Será que o descaso das autoridades chega a tal ponto que elas não percebem que essa migração está deteriorando a cidade? Vejam como estão a estação rodoviária do Tietê. estruturais. políticas. o largo 13 de Maio. que se caracteriza por apresentar duas estações bem marcadas: primavera-verão (úmido) e outono-inverno (seco).geografia 2 pluviométrico anual. Já governo é a instituição representativa e administrativa desse conjunto de indivíduos. militar e econômico de uma dada nação perante as demais. pois ele reduz os complexos problemas de uma metrópole como São Paulo a uma mera questão de migração (xenofobia). novas favelas. É importante citar também que é dessa migração que surgem invasões de terras e. etc. instalações de água e luz clandestinas. pois ele faz uma relação direta entre os problemas da metrópole e a presença dos imigrantes do Norte e Nordeste. . Pantanal e da mata Atlântica. sim. O climograma 2 corresponde ao clima tropical. sem um período de estiagem marcado. principalmente o cerrado. pois esses problemas apresentam causas variadas (socioeconômicas. responda. baseado no senso comum. b) Porque juridicamente é ele que representa o poder político. predominante no domínio do cerrado. b) No climograma 1. não há como demonstrar essa evidência direta. a) Explique o que é Estado e faça uma distinção entre Estado e governo. b) Por que o Estado é o principal e quase exclusivo ator nas relações geopolíticas internacionais? Resposta a) De maneira simplificada. a floresta equatorial e. etc. A partir desse texto. Resposta a) O autor externa um ponto de vista autoritário e preconceituoso. conseqüentemente. Questão 45 O Estado é o grande agente modificador do espaço geográfico na atualidade. a criminalidade.. organizados socioeconômica e politicamente em um determinado território. publicada no jornal Folha de S. b) Do ponto de vista do autor. E isto tudo custa muito caro para nós. a) O autor externa um ponto de vista democrático ou autoritário? Ele demonstra ou não preconceitos? Justifique. os paulistanos. subentendendo-se que a solução seria a imposição da devida proibição ou controle.Paulo de 25. podemos entender por Estado um conjunto de indivíduos com uma certa identidade cultural e histórica. no climograma 2.) e de interconexões complexas. os nossos viadutos. b) Existe alguma evidência de que os migrantes é que são os responsáveis pelos problemas urbanos mencionados? Explique por quê. Já do ponto de vista do raciocínio mais rigoroso. Questão 44 Leia a seguinte carta de um leitor.08.