Você está na página 1de 5

TEMA BÍBLICO: O PODER DA ORAÇÃO NA VIDA

DE QUEM ORA

TEXTO BÍBLICO: Marcos 14.38

ICT: Trata-se de orientações práticas para uma


vida cristã vitoriosa. Orai e vigiai.

OBJ GERAL: PASTORAL

OBJ ESP.: Vigiai e orai são dois princípios básicos


para uma vida cristã vitoriosa.

Data: 06 de junho
INTRODUÇÃO

Vigiai e orai! Encontramos aqui dois princípios


fundamentais para uma vida cristã vitoriosa.
Crente que não ora não conhece a Deus, não tem
intimidade com Deus, está completamente
perdido, desamparado e vulnerável a toda sorte
de ciladas.
1. VIGIAI

Vigiar vem do grego (γρηγορέω) que significa


estar alerta, vigilante. É exatamente a orientação
que Jesus faz aos seus discípulos. Estejam alertas,
vigilantes, ligados, acesos, espertos. E a pergunta
mais óbvia que podemos fazer a essa orientação
é porque? A resposta vem no mesmo texto, para
que não entreis em tentação. O estado de quem
está vigiando, a espreita é para não ser pego,
surpreendido por nenhuma cilada, ou emboscada
do inimigo. Quem vigia, está atendo ao inimigo,
não dorme, esmorece, dá o alerta antes mesmo
que o inimigo perceba que está sendo vigiado.
Quando vigiamos estudamos o inimigo, suas
ações, estratégias, sabemos por onde ele vai
entrar e exatamente o que deseja.
Hoje as grandes lojas e shopping’s usam as
câmaras de circuito interno para vigiar, observar
possíveis ameaças e identificar furtos.
A Palavra é exatamente nesse sentido.
Precisamos está alertas, vigilantes, espertos,
ligados o tempo todo para que não corramos o
risco de sermos atacados pelo inimigo que anda
em nosso derredor. Quando não vigiamos nos
tornamos prezas fáceis e suscetíveis a qualquer
ameaça.
2. ORAI

Há vários significados bíblicos para a oração


porém em nossa tradução vamos encontrar
apenas o termo oração, mas que denota vários
sentidos como por exemplo uma pergunta, pedir,
exigir, solicitar, desculpa, recusar, declinar.
Devemos recorrer ao texto bíblico em seu
original para identificar exatamente qual o
sentido que Jesus quis passar para os seus
ouvintes. Nesse particular, encontramos a
expressão (proskyneo) que dar a idéia de
adoração, culto a Deus. Traduzindo literalmente
o que Jesus quer nos dizer é: vigiai em adoração
para que não entreis em tentação. Quando
estamos adorando, estamos concentrados,
somos tomados pelo Espírito de Deus, nossas
forças se renovam (Isaías 40.31), nossa mente
está firme (Isaías 26.3), e os nossos olhos
voltados para o trono de Deus (Colossenses 3.1).
Quem vigia está em estado de adoração, e
permanece atento a qualquer cilada do inimigo.
Jesus nos faz uma ressalva, o Espírito estará
sempre pronto, mas a carne é fraca. O diabo
conhece exatamente o lugar onde somos fracos.
Vigiai em adoração para que não entreis em
tentação. Adore sempre ao Senhor e você estará
fortalecido, corpo e alma, prontos para a batalha.
Que você uma vida cristã vitoriosa, em nome do
Senhor Jesus.

CONCLUSÃO
Vigiai em adoração para que não entreis em
tentação. O crente deve está preparado para o
ataque, para as ciladas do diabo.
REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA

Bíblia. Português. Bíblia de referência Thompson.


Tradução João Ferreira de Almeida. São Paulo:
Vida, 1993.

BÍBLIA. Português. Bíblia sagrada edição


pastoral. Tradução do Centro Bíblico Católico.
São Paulo: Edições Paulinas, 1993.

BÍBLIA. Português. Bíblia sagrada século 21.


Tradução João Ferreira de Almeida. São Paulo:
Vida Nova, 2008.

Bíblia. Português. Bíblia Shedd. Tradução João


Ferreira de Almeida. 2 ed. São Paulo: Vida Nova,
1997.

BROW, Colin. O novo dicionário internacional de


teologia do Novo Testamento. São Paulo: Vida
Nova, 1983.

ELWELL, Walter A. Enciclopédia histórico-


teológica da igreja cristã. São Paulo: Vida Nova,
1992.

GOWER, Ralph. Uso e costumes dos tempos


bíblicos. São Paulo: CPAD, 1992.

MOUNCE, William D. The analytical lexicon to


the greek New Testament. Michigan: Zondervan
Publishing House, 1992.

Você também pode gostar