Você está na página 1de 8

Anotações do Aluno

uvb

Aula Nº 1 – Conceitos
Objetivos da aula:
Para determinar o custo de um produto, mercadoria ou serviço, é
necessário, antes de começar a fazer cálculos, conhecer alguns conceitos.
O objetivo desta aula é que você possa conhecer conceitos fundamentais
para a correta identificação dos custos.

Vamos iniciar o curso, lembrando da importância da leitura do material


impresso, da bibliografia recomendada e, também, da participação em
todas atividades, avaliativas ou não, para a perfeita compreensão dos
conceitos e desenvolvimento das habilidades e atitudes propostas.

Tenha uma excelente aula!

INTRODUÇÃO
Custo Contábil é uma disciplina técnica para identificar, mensurar e
contabilizar, de acordo com legislação vigente, os custos dos produtos e
serviços. Esses dados transformam-se em informações aos usuários da
contabilidade (administradores, investidores, fornecedores etc.) por meio
das demonstrações contábeis.

A Contabilidade de Custos surgiu da necessidade de um maior controle


sobre os valores dos estoques de materiais e produtos da indústria e,
também, para obter melhores informações para decisões.
Aula 01 - Introdução

O bom entendimento dos conceitos iniciais que serão apresentados é de


Custo Contábil

fundamental importância para o acompanhamento do curso, solução dos


exercícios propostos e para o desenvolvimento do trabalho interdisciplinar
do semestre, pois os gastos financeiros também devem ser classificados.

Faculdade On-Line UVB


12
Anotações do Aluno
uvb

1. Conceitos
Conceitos Fundamentais

1.1. Custo

O consumo da matéria-prima na indústria é um custo, pois está sendo


consumida para gerar outros bens.

O valor das horas de trabalho de um consultor é um custo, pois as horas


estão sendo consumidas para gerar serviços.

O valor pago pela mercadoria vendida em uma empresa comercial é um


custo, pois está sendo consumida, ao ser retirada do estoque e entregue
ao cliente.

1.2. Despesa
Aula 01 - Introdução

Os gastos com comissão de vendedores são despesas, pois representam


Custo Contábil

gastos necessários para gerar receitas. São gastos que não estão
relacionados ao valor do produto acabado na indústria, ao valor do
produto em estoque, ou ao valor de um serviço qualquer em uma loja.
São necessários para que a empresa realize suas receitas, seja para vender,
planejar, organizar ou controlar.

Faculdade On-Line UVB


13
Anotações do Aluno
uvb

1.3. Investimento

A compra de uma máquina para a produção é um investimento, pois esse


bem não será consumido em apenas um período, será utilizado para a
produção em vários períodos futuros, ou seja, beneficiará vários períodos
na geração de receitas.

A compra de um lote de matéria-prima também é um investimento, pois o


gasto será contabilizado no Ativo, até que seja requisitado para consumo
na produção.

A compra de móveis para o escritório de consultoria é um investimento,


pois são gastos necessários para que a empresa gere receitas no futuro.

Veja que as diferenças entre os conceitos são sutis:

• Todo custo é um gasto, mas nem todo gasto é um custo.


• Toda despesa é um gasto, mas nem todo gasto é uma despesa.
• Todo investimento é um gasto, mas nem todo gasto é um
investimento.

Veja, também, que os conceitos são gerais e, para serem aplicados,


deveremos ter bom conhecimento das operações da empresa.

O bom entendimento desses conceitos e da operação da empresa é


de fundamental importância para se chegar ao custo de um produto,
mercadoria ou serviço.
Aula 01 - Introdução
Custo Contábil

Faculdade On-Line UVB


14
Anotações do Aluno
uvb

2. Classificação dos Custos

Aula 01 - Introdução
Custo Contábil

2.1. Custos diretos


São os gastos de produção que podem ser identificados e mensurados
aos produtos. Por ex.: matéria-prima é um custo direto, porque podemos

Faculdade On-Line UVB


15
Anotações do Aluno
uvb

saber o quanto foi utilizado em cada produto.

2.2. Custos indiretos

São os gastos de produção que não podem ser identificados e mensurados


aos produtos. Por ex.: os gastos com supervisão de uma fábrica que tem
várias linhas de produção.

2.3. Custos Fixos

São gastos de produção que não aumentam de valor proporcionalmente


ao volume produzido, seus valores são aumentados por outros parâmetros.
Por ex.:o aluguel do prédio de uma fábrica pode mudar de valor por uma
cláusula de reajuste de aluguel, mas não pelas variações da produção.

2.4. Custos Variáveis

Custos gastos de produção que aumentam seu consumo e, em


conseqüência, seu valor proporcionalmente ao volume produzido. Por
ex.: gastos com horas de mão-de-obra aplicadas na produção.

Aula 01 - Introdução
Custo Contábil

Faculdade On-Line UVB


16
Anotações do Aluno
uvb

3. Classificação das Despesas


3.1. Despesas Fixas

São gastos cuja variação não está vinculada ao volume de vendas da


empresa .

3.2. Despesas Variáveis

São gastos cuja variação está vinculada ao volume de vendas da empresa.


Por ex.: comissão sobre vendas.

Aula 01 - Introdução
Custo Contábil

Faculdade On-Line UVB


17
Anotações do Aluno
uvb

Esquema básico da Contabilidade de Custos – empresas industriais

Síntese
Esta aula foi dedicada a expor e discutir os principais conceitos de Custos
e suas classificações.

Verificamos que, com fundamento em um pequeno conjunto de conceitos,


construímos uma base teórica para determinar o custo de produtos e
serviços.

Observamos, também, que as classificações de custos e despesas


Aula 01 - Introdução

dependem da empresa que estamos analisando ou determinando o custo


Custo Contábil

do produto. Os gastos que, em uma empresa, são classificados como


custos diretos, em outra podem ser classificados como indiretos.

Na próxima aula, vamos começar a colocar tudo isso em prática, dando


alguns exemplos e fazendo alguns exercícios. Vamos praticar. Não perca!

Faculdade On-Line UVB


18
Anotações do Aluno
uvb

Referências
MARTINS, Eliseu. Contabilidade de Custos. 9. ed. São Paulo: Atlas, 2003.

Aula 01 - Introdução
Custo Contábil

Faculdade On-Line UVB


19