Você está na página 1de 34
® STCP ODETTE CLIENT Opening fo r the Ne t your business Versão 2.05

®

STCP ODETTE CLIENT

Opening

fo r

the

Ne t

your

business

Versão 2.05

Introdução

3

Requisitos de Software e Hardware

3

Disquete

3

Instalação do STCP ODETTE Client

5

Configuração do STCP ODETTE Client

10

Configuração para Modem Discado e os diferentes protocolos de comunicação

14

Configuração para Modem Dedicado e os diferentes protocolos de comunicação

19

Configuração para Rede Local

22

Configuração do Protocolo ODETTE

22

Execução do STCP ODETTE Client

28

Códigos de erro

28

Descrição dos Códigos de Erro

28

Erros do STCP ODETTE

28

Erros do protocolo ODETTE

28

Erros do protocolo TCP/IP

31

Erros da API Serial

34

STCP ODETTE Client

Introdução

O Sistema de transferência por caixa postal STCP foi desenvolvido para atender a necessidade de troca de arquivos entre diferentes pontos interligados. As principais características do sistema são as seguintes:

Controle de acesso

Inviolabilidade das informações

Segurança na transferência

Transferência bidirecional

Transferência automática

Comunicação através de vários meios de comunicação (rede de pacotes, Internet,etc)

Log geral do sistema

Mensagens do sistema salvas individualmente por usuário

Fácil integração com outras aplicações

Requisitos de Software e Hardware

Para a instalação do concentrador do Sistema de caixas postais STCP e seu correto funcionamento os requisitos mínimos disponíveis devem ser:

Microcomputador 486 e compatíveis

Memória de 16 Mbytes

Winchester 540 Mbytes

Floppy de 3 ½

Vídeo

Teclado

Acesso X.25 * , TCP/IP, PAD (X.28) ou Serial

Sistema operacional Windows NT ou Windows 9x

* Somente para o Sistema operacional Windows NT

Disquete

O sistema de STCP é fornecido em um disquete de 3 1/2 contendo os seguintes arquivos:

Disco 1/1

DATA.TAG

DATA1.CAB

LANG.DAT

LAYOUT.BIN

OS.DAT

SETUP.EXE

SETUP.INI

SETUP.INS

SETUP.LID

_INST321.EX_

_ISDEL.EXE

_SETUP.DLL

_SYS1.CAB

_USER1.CAB

Após a instalação, serão criados os seguintes arquivos, nos diretórios especificados abaixo:

STCPCLT\PROGRAM

APIX25.DLL

Biblioteca de comunicação para X.25.

APITCP.DLL Biblioteca de comunicação para TCP/IP.

APITCPS.DLL Biblioteca de comunicação para criptografia em TCP/IP.

APISER.DLL Biblioteca de comunicação serial.

NETLINK.DLL Biblioteca da interface de comunicação.

STCPCLT.EXE Programa executável do STCP ODETTE Client.

STCPCFG.EXE Arquivo de configuração STCP ODETTE Client.

STCPCLT\SAMPLES

FILENAME.INI Arquivo texto contendo um exemplo de configuração do protocolo ODETTE específica para um arquivo.

STCPCLT\TRANSTAB

EBC2ASC.TAB

Arquivo contendo a tabela de conversão de EBCDIC para ASCII.

ASC2EBC.TAB

Arquivo contendo a tabela de conversão de ASCII para EBCDIC.

Obs. Ao receber os disquetes procure fazer uma cópia de segurança .

Instalação do STCP ODETTE Client

1. Insira o disco com o label STCP ODETTE CLIENT na unidade A.

2. No menu Iniciar, escolha Executar

3. Digite a:\setup e pressione Enter.

4. A tela preparando o Install Shield será exibida, conforme figura abaixo:

o Install Shield será exibida, conforme figura abaixo: 5. A tela Welcome será exibida, conforme figura

5. A tela Welcome será exibida, conforme figura abaixo, então clique em Next para continuar.

figura abaixo, então clique em Next para continuar. Esta é a tela de abertura para a

Esta é a tela de abertura para a instalação do seu produto STCP ODETTE Server, a partir deste momento você estará instalando em seu equipamento um produto que segue especificações e normas dos fabricantes Nacionais e Internacionais afim de garantir qualidade e padronização deste produto com o seu ambiente operacional.

6. A tela User Information será exibida, conforme figura abaixo. Neste momento informe o nome do usuário e da empresa e clique em Next para continuar.

do usuário e da empresa e clique em Next para continuar. 7. A tela Choose Destination

7. A tela Choose Destination Location será exibida, selecione o diretório onde será instalado o produto. Caso você não queira instalar no diretório padrão, então clique em Browse para selecionar o diretório desejado ou criar um novo e clique OK; ou clique Next para aceitar o diretório padrão e continuar; ou clique Back para retornar à tela anterior, conforme figura abaixo:

para aceitar o diretório padrão e continuar; ou clique Back para retornar à tela anterior, conforme

8.

A tela Select Program Folder é exibida, conforme mostra figura abaixo, escolha o grupo de programa no qual deseja-se instalar o produto, crie um novo ou aceite o padrão, clique Next para continuar, clique Back para retornar à tela anterior ou clique Cancel para cancelar todo o processo de instalação.

Cancel para cancelar todo o processo de instalação. Nesta tela deverá ser informado o nome do

Nesta tela deverá ser informado o nome do grupo de programa onde serão instalados os ícones referentes ao produto STCP.

Poderá ser aceito o nome padrão, criado um novo ou mesmo instalar em um já existente.

Após todas as informações solicitadas será iniciada a instalação do STCP ODETTE Client.

9. A tela Start Copying Files será exibida. Neste momento verifique se as configurações escolhidas estão corretas. Para alterar as configurações clique em Back. Caso as configurações estejam corretas, clique em Next para continuar.

alterar as configurações clique em Back . Caso as configurações estejam corretas, clique em Next para

10.

Será iniciada a cópia dos arquivos para o seu computador, conforme mostra a figura

abaixo:

para o seu computador, conforme mostra a figura abaixo: 11. Após a cópia de todos os

11. Após a cópia de todos os arquivos, a tela Setup Complete será exibida. Clique em Finish para terminar a instalação do produto.

12. Após a instalação será criado o Grupo de Programa ST CP ODETTE Client, como

12. Após a instalação será criado o Grupo de Programa STCP ODETTE Client, como pode ser visto na figura abaixo:

12. Após a instalação será criado o Grupo de Programa ST CP ODETTE Client, como pode

Configuração do STCP ODETTE Client

1. Selecione o ícone Configurador do STCP ODETTE Client para iniciar a configuração do produto e a seguinte tela será exibida:

configuração do produto e a seguinte tela será exibida: 2. Clique em Adicionar para criar a

2. Clique em Adicionar para criar a caixa postal e a seguinte tela será apresentada:

criar a caixa postal e a seguinte tela será apresentada: Neste momento informe o nome da

Neste momento informe o nome da caixa postal remota do

concentrador STCP ODETTE Server.

3.

Clique em OK e a seguinte tela será apresentada:

3. Clique em OK e a seguinte tela será apresentada: Descrição dos parâmetros da seção Geral

Descrição dos parâmetros da seção Geral

Bloquear Usuário Caso seja selecionada esta opção o usuário não realizará transferência.

Backup dos arquivos transmitidos Caso seja selecionada esta opção será feita cópia dos arquivos transmitidos por essa caixa postal.

Número de tentativas de transferência Número de vezes que tentará fazer a transferência.

Intervalo entre tentativas Intervalo de tempo entre as tentativas de transferência.

4.

Clique na opção Arquivos de Controle e a seguinte tela será apresentada:

Arquivos de Controle e a seguinte tela será apresentada: Diretório de Log= C:\STCPCLT\ Nome do diretório

Diretório de Log=C:\STCPCLT\ Nome do diretório onde será gravado o arquivo de log com os principais eventos ocorridos no concentrador.

Cada linha do arquivo de log descreve um evento ocorrido e pode ser dividida em registros de tamanho fixo de acordo com a tabela abaixo:

TAMANHO

OFFSET

DESCRIÇÃO

4

0

Ano de ocorrência do evento

2

4

Mês de ocorrência do evento

2

6

Dia de ocorrência do evento

2

8

Hora de ocorrência do evento

2

10

Minuto de ocorrência do evento

2

12

Segundo de ocorrência do evento

4

14

Código do

0000 = Início de seção de entrada

evento:

0001 = Fim de seção de entrada

0002 = Início de seção de saída

0003 = Fim de seção de saída

0004 = Início de transmissão

0005 = Fim de transmissão

0006 = Início de recepção

0007 = Fim de recepção

30

18

Nome do usuário

16

48

Nome do processo que controla a sessão

8

64

Número da Thread aberta para a sessão (hexadecimal)

8

72

Número do Processo aberto para o concentrador no Windows NT (hexadecimal)

4

80

Status do evento. Caso o evento seja o fim de uma transmissão ou recepção, pode ser um código de erro (ver descrição dos códigos de erro). 0000 indica sucesso.

8

84

Tamanho do arquivo transferido

128

92

Nome do arquivo transferido no Windows NT com caminho completo.

30

220

Mensagem extra

Eventos gravados no arquivo de mensagens=6 {0 até 7} Nível de detalhe das mensagens gravadas no arquivo de mensagens.

Eventos mostrados na janela do concentrador=4 {0 até 7} Nível de detalhe das mensagens mostradas na console.

5. Clique em Comunicação e a seguinte tela será exibida

5. Clique em Comunicação e a seguinte tela será exibida Tipos de conexão: Os seguintes tipos

Tipos de conexão:

Os seguintes tipos de conexão estão disponíveis:

Modem Discado: acesso utilizando linha telefônica.Os protocolos são: PAD (reomendação X.28 ITU-T) , TCP/IP e Nenhum.

Modem Dedicado: para acesso utilizando LP assíncrona ou síncrona. Os protocolos são: PAD (recomendação X.28 ITU-T) e X.25.

Rede Local: acesso utilizando a rede local. O protocolo disponível é: TCP/IP

Protocolos de Comunicação

O tipo de protocolo a ser utilizado depende do tipo de conexão escolhida, conforme explicado anteriormente.

Configuração para Modem Discado e os diferentes protocolos de comunicação

1 o caso: Protocolo de Comunicação: PAD . Ao clicar em Configurar, a seguinte tela será exibida:

. Ao clicar em Configurar , a seguinte tela será exibida: Descrição dos Parâmetros de Conexão

Descrição dos Parâmetros de Conexão

Porta: é a interface serial onde está ligado o seu modem.

Velocidade: é a taxa de transferência de bits que sua interface serial irá encaminhar as informações através do meio de comunicação.

Bits de dados: ao transmitir dados pela linha, o equipamento receptor precisa saber a quantidade de bits existentes, para possibilitar a interpretação correta da informação.

Paridade: é um bit para testar os eventuais conflitos entre dados recebidos e transmi-tidos. As opções são: Nenhuma, Par ou Ímpar.

Bits de parada: ao ser transmitido um dado pela saída serial, o receptor é informado da ocorrência do início do dado. Ao chegar no término, ele sinaliza através do bit de fim a finalização do dado.

Controle de Fluxo: é a forma de compatibilizar as velocidades dos equipamentos que transmitem e recebem os dados. Sempre que estas velocidades necessitem de compatibilização controle o fluxo. As opções são: Nenhum, Hardware e Software (XON/XOFF).

Nesta mesma tela clique em Avançadas e a seguinte tela será apresentada:

Nesta janela, selecione os tipos de arquivos de log que de seja gravar. Os tipos

Nesta janela, selecione os tipos de arquivos de log que deseja gravar. Os tipos de

o

recebidos) e o debug. Sempre informe

log são: serial, trace (dados enviados e

diretório

e o nome do arquivo de log onde serão gravadas as informações.

Clique em OK para salvar as alterações .

Na tela Configurar Tipo de Conexão, selecione Modem e a seguinte tela será exibida:

para salvar as alterações . Na tela Configurar Tipo de Conexão , selecione Modem e a

Número a ser discado: informe o número do telefone para onde irá discar. Quando utilizar ramal, informe o número para acesso à linha externa.

Clique na opção Avançadas e a seguinte tela será exibida:

na opção Avançadas e a seguinte tela será exibida: Discagem: informe o tipo de discagem que

Discagem: informe o tipo de discagem que a central telefônica utiliza: Tom(T) ou Pulso(P).

Sendo a ligação ao meio de comunicação feita da forma discada é preciso que você informe os Comandos do Modem e as possíveis Mensagens de Resposta do Modem (sucesso ou não). Normalmente estas configurações não são alteradas.

Clique em OK para salvar as alteração ou em Cancelar para não alterar as configura-ções existentes.

Selecione a opção PAD e a seguinte tela será exibida:

Endereço do DTE Remoto= Endereço X.25 do remoto no formato X.121. Identificação do usuário (NIU)=

Endereço do DTE Remoto= Endereço X.25 do remoto no formato X.121.

Identificação do usuário (NIU)= Número de identificação do usuário junto à rede de pacotes

Grupo Fechado (CUG)= Caso não esteja utilizando esta facilidade programar com 0 (zero).

User Data= Campo de dados do usuário do X.25 esperado em solicitações de conexão recebidas pelo concentrador.

Tarifação Reversa = Habilita a facilidade de tarifação reversa.

2 o caso: Protocolo de Comunicação: TCP/IP. Ao clicar em Configurar a seguinte tela será exibida:

Ao clicar em Configurar a seguinte tela será exibida: Nome da conexão Rede Dial Up= Selecione

Nome da conexão Rede Dial Up= Selecione a conexão Rede Dial Up que será utilizada.

Autenticação= Esta opção deverá ser habilitada quando desejar sobrepor o usuário e senha definidos no Phone Book ou quando estiver utilizando o Schedule ou comando AT do Windows. Selecione a opção TCP/IP e a seguinte tela será apresentada:

utilizando o Schedule ou comando AT do Windows. Selecione a opção TCP/IP e a seguinte tela

Endereço IP= Endereço IP do servidor remoto.

Porta TCP/IP= Número da porta TCP/IP do servidor remoto.

Comunicação Segura=Desabilitado Permite o uso de criptografia na transferência de arquivos.

Compatibilização RVS Esta opção deverá ser habilitada se estiver conectando com RVS.

3 o caso: Protocolo de Comunicação: Nenhum Esta configuração é a mesma utilizada para o PAD, porém a seção PAD não existirá para este protocolo.

Configuração para Modem Dedicado e os diferentes protocolos de comunicação

1 o caso: Protocolo de Comunicação: PAD. Ao clicar em Configurar a seguinte tela será exibida:

Ao clicar em Configurar a seguinte tela será exibida: Descrição dos Parâmetros de Conexão Porta= É

Descrição dos Parâmetros de Conexão

Porta= É a interface serial onde está ligado o seu modem.

Velocidade= É a taxa de transferência de bits que sua interface serial irá encaminhar as informações através do meio de comunicação.

Bits de dados= Ao transmitir dados pela linha, o equipamento receptor precisa saber a quantidade de bits existentes, para possibilitar a interpretação correta da informação.

Paridade=

É um bit para testar os eventuais conflitos entre dados recebidos e transmitidos. As opções são: Nenhuma, Par ou Ímpar.

Bits de parada= Ao ser transmitido um dado pela saída serial, o receptor é informado da ocorrência do início do dado. Ao chegar no término, ele sinaliza através do bit de fim a finalização do dado.

Controle de Fluxo=

É a forma de compatibilizar as velocidades dos equipamentos

velocidades necessitem de compatiblização controle o fluxo. As opções são: Nenhum, Hardware e Software (XON/XOFF).

que

transmitem

e

recebem os dados. Sempre que estas

Selecione a opção PAD e a seguinte tela será exibida:

Selecione a opção PAD e a seguinte tela será exibida: Endereço do DTE Remoto= Endereço X.25

Endereço do DTE Remoto= Endereço X.25 do remoto no formato X.121.

Grupo Fechado (CUG)= Caso não esteja utilizando esta facilidade programar com 0 (zero).

User Data= Campo de dados do usuário do X.25 esperado em solicitações de conexão recebidas pelo concentrador.

Tarifação Reversa= Habilita a facilidade de tarifação reversa.

2 o caso: Protocolo de Comunicação: X.25. Clique em Configurar a seguinte tela será exibida:

X.25. Clique em Configurar a seguinte tela será exibida: Placa =0 {0 até 9} Número da

Placa=0 {0 até 9} Número da placa que está sendo utilizada quando existe mais de uma placa X.25.

Porta=0 {0 até 9} Número da porta da placa que está sendo utilizada quando a placa possui mais de uma porta.

Endereço DTE remoto= Endereço X.25 do remoto no formato X.121.

Endereço DTE Local={Até 15 dígitos} Endereço X.25 DTE Local no formato X.121 (o campo deve estar vazio se utilizar RENPAC, RIOPAC, SPPAC,

).

Grupo Fechado(CUG)=0 {0 até 255} Caso não esteja utilizando esta facilidade programar com 0 (zero).

User Data= {Seqüência em hexadecimal até no máximo 32 dígitos} Campo de dados do usuário do X.25 esperado em solicitações de conexão recebidas pelo concentrador.

Tarifação Reversa= Habilita a facilidade de tarifação reversa.

Configuração para Rede Local

1 o caso: Protocolo de Comunicação: TCP/IP. Clique em Configurar e a seguinte tela será exibida:

Clique em Configurar e a seguinte tela será exibida: * A descrição destes parâmetros encontram-se na

* A descrição destes parâmetros encontram-se na página 24.

Configuração do Protocolo ODETTE

A configuração do protocolo ODETTE é igual em todos os tipos de conexão e protocolos de comunicação.

Para inciar a configuração, selecione o usuário, clique em Propriedades e a janela Propriedades da Caixa Postal será exibida., conforme figura abaixo:

Selecione a seção Comunicação , em seguida na opção Transferência de Arquivos , clique em

Selecione a seção Comunicação, em seguida na opção Transferência de Arquivos, clique em Configurar e a tela abaixo será exibida:

, clique em Configurar e a tela abaixo será exibida: Identificação do Odette= {até 25 caracteres}

Identificação do Odette={até 25 caracteres} Código de identificação do usuário na máquina remota.

Senha= {até 8 caracteres} Senha encriptada do usuário na máquina remota.

Userdata= Campo de dados do usuário do protocolo Odette (até 8 caracteres).

Compressão= Comprime os dados durante a transferência. a conexão, a retransmissão começará do ponto onde parou.

Restart= Quando habilitada esta opção, ao cair a conexão, a transfrência será inciada do ponto em que parou.

Modo de transferência=Both {Both, Sender ou Receiver} Both - Transmissão e recepção Sender - Apenas transmissão Receiver - Apenas recepção

Créditos=1

Número de mensagens sem confirmação (window).

Tamanho do Buffer de Dados=2048 Tamanho máximo do buffer.

Special Logic= Habilita encapsulamento especial para ligações assíncronas. Como insere um overhead, deve ser desabilitado em caso de conexões puramente síncronas.

Check Point=3 {1 até 1024} Número de kbytes entre 2 atualizações do arquivo no disco quando ele é recebido com restart habilitado. Quando a conexão cair, uma nova tentativa de transferência ocorrerá a partir do último Check Point.

Clique na opção Avançadas e a seguinte tela será exibida:

na opção Avançadas e a seguinte tela será exibida: Nível de Debug =0 Nível de depuração

Nível de Debug=0 Nível de depuração das mensagens do protocolo ODETTE gravadas. Pode ser a soma dos seguintes valores:

1

= Mostra quase todas as rotinas chamadas

2

= Mostra todas as mudanças de estado do protocolo

4

= Mostra todos os pacotes do protocolo desmontados

8

= Mostra todos os pacotes do protocolo em hexadecimal

16

= Mostra todos os eventos ocorridos

32

= Mostra as rotinas de montagem dos sub-registros chamadas

Nome do arquivo de Debug=C:\STCPCLT\ODETTE.DEB Nome do arquivo onde serão gravadas as mensagens de depuração do protocolo ODETTE.

Selecione a opção Tipos de Arquivo e a seguinte tela será exibida:

Nesta janela deverá ser criado um novo tipo ou editar um já exis tente. É

Nesta janela deverá ser criado um novo tipo ou editar um já existente. É aconselhável que seja mantido o arquivo default e caso seja necessário um arquivo com configura-ções específicas, então crie-o através da opção Adicionar.

Clique na opção Default , em seguida Propriedades e a seguinte tela será exibida:

da opção Adicionar. Clique na opção Default , em seguida Propriedades e a seguinte tela será

Descrição dos parâmetros da seção Tipos de Arquivo

Esta seção define a configuração do protocolo ODETTE para transferência de arquivos e um padrão obrigatório para o nome destes arquivos.

File Matching

Prefixo do nome do arquivo={até 26 caracteres} Prefixo obrigatório para os nomes dos arquivos cuja transferência é configurada por esta seção.

Sufixo do nome do arquivo={até 26 caracteres} Sufixo obrigatório para os nomes dos arquivos cuja transferência é configurada por

Informações sobre o arquivo

esta seção.

Originador= Nome do computador de origem dos arquivos transmitidos pelo concentrador sem configuração específica.

Destino= Nome do computador de destino dos arquivos transmitidos pelo concentrador sem configuração específica.

Formato do Registro= Define o formato dos registros dos arquivos transmitidos pelo concentrador sem configuração específica. Variable Size- registros de tamanho variável Fixed Size- registros de tamanho fixo Unformated - sem estrutura predefinida (tipo stream)

Tamanho do Registro=400 Tamanho máximo do registro dos arquivos transmitidos pelo concentrador sem configuração específica.

Arquivos Transmitidos

Comando a ser executado={Até 128 caracteres no formato do Command Prompt do Windows NT} Linha de comando executada pelo Windows NT sempre que terminar a transmissão de um arquivo sem configuração específica. A linha de comando efetivamente executada será:

“start <linha de comando configurada> <caminho + nome do arquivo>“

Suprimir CR+LF Suprime Carriage Return (CR), Line Feed (LF) e End of file (EOF) ao transmitir arqui-vos sem configuração específica.

Remover Time Stamp Este parâmetro remove do nome do arquivo o ano, mês, dia, hora, minuto e segundo. Caso este parâmetro seja habilitado e o nome do arquivo não estiver no formato abai- xo, o arquivo não será transmitido e receberá uma mensagem com erro 1100.

FORMATO:

Nome do arquivo.AAAAMMDDhhmmss, onde:

AAAA=ano , MM=mês, DD=dia, hh=hora, mm=minuto e ss=segundo

Não poderá existir nenhum ponto (.) após a definição do Time Stamp.

Tabela de Conversão=Nenhuma Nome do arquivo com tabela de conversão de caracteres usada na transmissão dos arquivos sem configuração específica.

Converter nome do arquivo=Nenhum Este parâmetro converte o nome do arquivo de maiúsculo para minúsculo ou vice-versa durante a transmissão de arquivos.

Arquivos recebidos

Comando a ser executado={Até 128 caracteres no formato do Command Prompt do Windows NT} Linha de comando executada pelo Windows NT sempre que terminar a recepção de um arquivo sem configuração específica. A linha de comando efetivamente executada será:

“start <linha de comando configurada> <caminho + nome do arquivo>“

Inserir CR+LF Insere Carriage Return (CR) e LF (Line Feed) no fim de cada registro se o formato do arquivo recebido for com registros de tamanho fixo. Vale apenas para arquivos sem configuração específica.

Inserir Time Stamp Este parâmetro insere no nome do arquivo o ano, mês, dia, hora, minuto e segundo. Este parâmetro é importante, pois ao receber arquivos com o mesmo nome será possível diferenciá-lo. Caso este parâmetro não esteja habilitado o arquivo será sobreposto.

Exemplo: Foi recebido um arquivo com o nome TESTE.TXT dia 21 de junho de 1997 às 17:01:10, logo o nome do arquivo no diretório ENTRADA será o seguinte:

TESTE.TXT.19970621170110

Caso seja transmitido um arquivo com o mesmo nome no dia 23 de junho de 1997 às 12:31:11, então o nome do arquivo será o seguinte:

TESTE.TXT.19970623123111

Sobrepor arquivos Quando este parâmetro é habilitado, os arquivos recebidos com o mesmo nome serão sobrepostos.

Tabela de Conversão=Nenhuma Nome do arquivo com tabela de conversão de caracteres usada na recepção dos arquivos sem configuração específica.

Converter nome do arquivo=Nenhum Este parâmetro converte o nome do arquivo de maiúsculo para minúsculo ou vice-versa durante a recepção de arquivos.

Os parâmetros Prefixo do nome do arquivo e Sufixo do nome do arquivo somente estarão disponíveis quando utilizar a opção Prefixo/Sufixo do nome do arquivo.

Execução do STCP ODETTE Client

Após as configurações do usuário será criado um atalho para o usuário. Basta clicar e será iniciada a execução do produto.

Códigos de erro

Os códigos de erro, são retornados pelo programa de duas formas:

Código de retorno do programa;

Arquivo CLCP.ERR gerado no diretório principal do STCP.

O

arquivo CLCP.ERR pode ser usado por aplicativos que não conseguem tratar o

código de retorno do programa.

O formato do arquivo é o seguinte:

Campos

Tamanho

Tipo

Descrição

Códigos

4

Numérico

Códigos de erro

Descric

80

Alfanumérico

Descrição dos códigos

Obs.:

1. Os caracteres de fim de registro são o CR e o LF.

2. arquivo CLCP.ERR, só é gerado quando ocorre uma situação de erro no programa.

Descrição dos Códigos de Erro

Erros do STCP ODETTE

Código

Descrição

101

Excedido o número máximo de tentativas

102

Erro na carga da biblioteca

103

Processo cancelado pelo usuário

104

Arquivo de inicialização não encontrado

105

Biblioteca não encontrada no arquivo de inicialização

106

Não foi possível criar o objeto ODETTE

107

Erro na abertura do arquivo de LOG

108

Erro na abertura do arquivo de Mensagens (MSG)

109

Erro de alocação de memória (UCB)

110

Não existem arquivos a enviar

111

Erro na configuração do objeto ODETTE

Erros do protocolo ODETTE

Código

Descrição

401

Nome do arquivo inválido

402

Parâmetro Destination da seção ODETTE inválido

403

Parâmetro Originator da seção ODETTE inválido

 

404

formato do registro não suportado

 

405

Tamanho do registro não suportado

 

406

tamanho do arquivo excede o máximo permitido

410

contador do registro inválido

411

contador de bytes inválido

412

falha no método de acesso

413

arquivo duplicado ou diretório RESTART não existe

499

código não especificado: um erro foi detectado, mas não pode ser adequadamente descrito pelos códigos disponíveis.

501

comando inválido no pacote ODETTE

502

violação de protocolo: comando especificou uma função inválida no estado atual

503

código do usuário não cadastrado no concentrador

504

password inválida

505

erro no computador local, comunicação sendo terminada

506

comando contém dados inválidos

507

tamanho do pacote ODETTE inválido

508

excedido o limite máximo de conexões do usuário

509

timeout

510

modo incompatível

599

código não especificado: um erro foi detectado, mas não pode ser adequadamente descrito pelos códigos disponíveis.

1100

erro no formato do timestamp.

1101

excedido o tamanho máximo permitido para nome de arquivo.

Os códigos de erro não definidos acima são da aplicação. Entrar em contato com o Suporte Técnico.

Erros do protocolo X.25

Código

Descrição

15001

Erro interno do sistema ou executou o comando numa porta não existente. Entre em contato com a TECCOM.

15002

Entrar em contato com a TECCOM, pois é um erro que jamais pode ocorrer.

15004

Erro interno do sistema. Entre em contato com a TECCOM.

15005

Ao executar o x25cnf o driver não foi configurado. Verifique se o modem está ligado, o cabo da placa está conectado ao modem e também os sinais do modem.

15007

A

rede enviou um reset, então verifique se o sinal 104 no modem está

ligado, caso contrário entre em contato com a EMBRATEL.

15008

Foi enviado um comando para interface X.25, o qual não é válido dentro da sua aplicação. Normalmente ocorre nas aplicações que utilizam a API (Interface de Programas Aplicativos).

15009

Todos os canais do circuito estão ocupados. Tente mais tarde.

15010

O

usuário estava operando normalmente e de repente foi desconectado

pelo remoto, mas mesmo assim o usuário tentou conectar no mesmo canal, porém como já estava conectado a operação desejada não pode ser realizada.

15014

Não foi estabelecido o nível 2. Verifique se o x25cnf foi executado com sucesso e também o cabo da placa.

15015

O

número de transmissões ou recepções pendentes excedeu o limite

máximo das filas internas do X.25.

15016

Foi recebido um pacote de confirmação de CLEAR em resposta a um RESET. Tente mais tarde.

15017

Chegou

uma

mensagem

com

o

tamanho

maior

do

que

o

buffer

especificado na aplicação.

 

15018

Foi recebida uma mensagem com o bit qualificado ligado, porém isto não afeta na utilização da aplicação.

15019

O usuário enviou uma desconexão para o remoto, após está conectado, isto é, estava utilizando a aplicação e desconectou-se.

 

CLEAR INDICATION

 

15020

O

assinante chamado solicitou a desconexão ou o reinício. Tente mais

tarde.

 

15021

Todos os canais do número chamado estão ocupados. Tente mais tarde.

15022

Recebeu uma desconexão do remoto, depois de já está conectado.

 

15029

O

número chamado está fora de serviço.

 

15037

Recebeu uma desconexão do remoto. Tente novamente.

 

15045

O

número chamado não aceita chamada a cobrar.

 

15053

O

número chamado não é válido.

 

15061

Esta facilidade não foi contratada.

 

15023

Não existe esta facilidade.

 

15031

O

número chamado pertence a um grupo fechado.

 

15039

A

rede detectou um erro de procedimento do assinante local.

 

15025

A

rede está congestionada. Tente mais tarde.

 

15033

O

número chamado não existe.

 

15041

RPOA desconectado.

 
 

RESTART INDICATION

 

15070

O

usuário enviou um reset.

 

15073

Recebeu um reset do remoto. Tente novamente.

 

15075

A

rede detectou um erro do assinante local.

 

15077

A

rede está congestionada. Tente mais tarde.

 

15079

O

número chamado está fora do ar. Tente mais tarde.

 

15085

A

rede enviou um reset. Tente novamente.

 

15087

O

número chamado não é válido.

 

15099

O

número chamado está fora de serviço.

 
 

RESTART do NÍVEL 3

 

15090

Não respondeu a uma conexão. Tente novamente.

 

15091

Foi enviado um reinício. Tente mais tarde.

 

15092

Não respondeu a um comando de reset. Tente novamente.

 

15093

Não respondeu a um comando de interrupção. Tente novamente.

 

15094

Não foi possível alocar memória para dicionário de compressão para recepção. Tente novamente.

15095

Não foi possível alocar memória para dicionário de compressão para transmissão. Tente novamente.

 

API

15801 a

Erro interna na APIX25

 

15808

 

15809

Comunicação encerrada pelo remoto.

 

15902

Erro no encapsulamento do pacote.

 

Erros do protocolo TCP/IP

Código

Descrição

9005

Acesso negado. Verifique usuário e senha.

9600

Uma operação está pendente.

9601

Descritivo para porta é inválido.

9602

A

porta já está aberta.

9603

Buffer chamador é pequeno.

9604

Erro na informação especificada.

9605

Não pode configurar informação para porta.

9606

A

porta não está conectada.

9607

Evento inválido.

9608

O

dispositivo não existe.

9609

O

tipo de dispositivo não existe.

9610

Buffer inválido.

9611

A rota não está disponível.

9612

A rota não está alocada.

9613

Compressão especificada é inválida.

9614

Sem buffers.

9615

A

porta não foi encontrada.

9616

Requisição assíncrona está pendente.

9617

A porta ou dispositivo já está desconectando.

9618

A porta não está aberta.

9619

A porta está desconectada.

9620

Não existem endpoints.

9621

Não pode abrir o arquivo do phone book.

9622

Não pode carregar o arquivo do phone book.

9623

Não pode achar a entrada do phone book.

9624

Não pode escrever no arquivo do phone book.

9625

Informação inválida encontrada no arquivo do phone book.

9626

Não pode carregar uma string

9627

Chave não encontrada.

9628

A

porta foi desconectada.

9629

A

conexão foi terminada pela máquina remota.

9630

A

porta foi desconectada em virtude de uma falha no hardware.

9631

A

porta foi desconectada pelo usuário.

9632

O

tamanho da estrutura está incorreto.

9633

A

porta já está em uso ou não foi configurada para Acesso Remoto.

9634

 

O

seu computador não pode ser registrado na rede remota.

9635

Erro desconhecido.

9636

O dispositvo errado foi associado à porta.

9637

A string não pode ser convertida.

9638

 

Timeout

9639

Rede assíncrona não disponível.

9640

Erro de NETBIOS.

9641

 

O

servidor não pode alocar recursos de NETBIOS necessários para o

cliente.

9642

Um de seus nomes NETBIOS já está registrado na rede remota.

9643

 

O

adaptador de rede no servidor falhou.

9644

Não receberá mensagem da rede de popups.

9645

Erro de autenticação.

9646

 

A

conta não está pernitida a fazer logon nessa hora do dia.

9647

 

A

conta está desabilitada.

9648

 

A

senha expirou.

9649

 

A

conta não tem pemissão para fazer acesso remoto.

9650

 

O

servidor de acesso remoto não está respondendo.

9651

Seu modem(ou outro dispositivo conectado) reportou erro.

9652

Resposta não reconhecida do dispositivo.

9653

Uma macro requisitada pelo dispositivo não foi encontrada no arquivo do dispositivo .INF.

9654

Um comando ou resposta no arquivo do dispositivo .INF faz referência a uma macro indefinida.

9655

A

macro não foi encontrada no arquivo do dispositivo .INF.

9656

A

marco no arquivo de dispositivo .INF contém um marco indefinida.

9657

O

arquivo .INF do dispositivo não pode ser aberto.

9658

O

nome do dispositivo no arquivo .INF ou no .INI é muito longo.

9659

O

arquivo .INI faz referência a um nome de dispositivo desconhecido.

9660

O

arquivo do dispositivo (.INF) não contém respostas para o comando.

9661

O

arquivo do dispositivo (.INF) está faltando um comando.

9662

Tentativa de configurar uma macro não listada no arquivo .INF do dispositivo.

9663

O

arquivo .INI faz referência a um tipo de dispositivo desconhecido.

9664

Não pode alocar memória.

9665

A porta não está configurada para acesso remoto.

9666

Seu modem (ou outro dispositivo conectado) não está funcionando.

9667

Não pode ler o arquivo .INI.

9668

A

conexão caiu.

9669

O

parâmetro usage no arquivo.INI é inválido.

9670

Não pode ler o nome da seção do arquivo .INI.

9671

Não pode ler o tipo de dispositivo do arquivo .INI.

9672

Não pode ler o nome do dispositivo do arquivo .INI.

9674

Não pode ler a velocidade máxima de conexão do arquivo .INI.

9675

Não pode ler a velocida máxima da portadora do arquivo .INI.

9676

A

linha está ocupada.

9677

Uma pessoa respondeu em vez do modem.

9678

Não existe resposta.

9679

Portadora não detectada.

9680

Não existe tom de linha.

9681

Erro geral reportado pelo dispositivo.

9691

Acesso negado porque o usuário e/ou senha está inválida no domínio.

9692

Falha de hardware.

9699

A

resposta do dispositivo causou estouro de buffer.

9701

O

dispositivo mudou para uma velocidade não suportada pelo driver

COM.

9702

Resposta recebida do dispositivo quando nenhuma resposta era esperada.

9703

A

aplicação não permite interação com o usuário. Aconexão requer

interação com o usuário para completo sucesso.

9708

A

conta expirou.

9709

Erro trocando a senha no domínio. A senha deve estar curta o já foi usada.

9710

Erros de overrun na serial foram detectados durante a comunicação com seu modem.

9711

Falha na inicialização do RASMAN. Veirfique o log de evento.

9712

Porta biplex inicializando. Aguarde alguns minutos e redisque.

9713

Linhas ISDN não estão disponíveis.

9714

Canais ISDN não estão disponíveis para fazer a chamada.

9715

Muitos erros ocorreram em virtude da baixa qualidade de linha.

9717

Endereços IP's não estão disponíveis na lista de IP's estáticos do acesso remoto.

9718

Timeout aguardando por uma resposta válida do PPP remoto.

9719

PPP terminado pela máquina remota.

9720

Nenhum protocolo de controle configurado.

9721

PPP remoto não está respondendo.

9722

O

pacote PPP é inválido.

9723

O

número do telefone incluindo o prefixo e o sufixo é muito longo.

9724

O

protocolo IPX não pode discar na porta porque a máquina é um roteador

IPX.

9725

O

protocolo IPX não pode discar na porta porque o roteador IPX não está

instalado.

9726

O

protocolo IPX não pode ser usado para dial-out por mais de uma porta ao

mesmo tempo.

9727

Não pode acessar o arquivo TCPCFG.DLL.

9728

Não pode encontar um adaptador IP para acesso remoto.

9729

SLIP não pode ser usado a menos que o protocolo IP seja instalado.

9730

Registro do computador não está completo.

9731

O

protocolo não está configurado.

9732

A

negociação PPP não está convergendo.

9733

O

protocolo de controle PPP não está disponível no servidor.

9734

O

protocolo de controle PPP terminou.

9735

O

endereço requisitadon foi rejeitado pelo servidor.

9736

O

computador remoto terminou o protocolo de controle.

9737

Detectado loopback.

9738

O

servidor não associou um endereço.

9739

O

protocolo de autenticação requerido pelo servidor remoto não pode usar

a senha criptograda do Windows NT. Disque novamente, entrando com a senha.

9740

Configuração TAPI inválida.

9741

O

computador local não suporta o tipo de criptografia requerida.

9742

O

computador remoto não suporta o tipo de criptografia requisitada.

9743

O

computador remoto requer criptografia.

9744

O

número da rede IPX associado pelo servidor remoto não pode ser usado.

Verifique o log de evento.

9745

SMM inválido.

9746

SMM não inciado.

9748

SMM Timeout

9749

Número do telefone errado.

9750

Módulo errado.

9751

Número do callback inválido. Somente os caracteres de 0 até 9, T, P, W, ( , ), -, @ e espaço são permitidos no número.

9752

Um erro de sintaxe foi encontrado durante processamento de um script.

9753

A

conexão não pode ser desconectada porque foi criada pelo Multi-

Protocol Router

9804

Ras dial não conectado.

9811

Erro na carga da biblioteca RAS Dial.

9812

Usuário não foi informado na configuração da rede DialUp.

10050

Rede está desconectada.

10051

Rede não reconhecida.

10052

Rede foi derrubada, pois durante sua atividade ocorreu alguma falha.

10053

Programa abortou a conexão.

10060

 

Timeout

10061

Conexão recusada. Verifique se o serviço ou aplicação está ativa no servidor.

10064

Host está desconectado

10065

Não existe rota para o host

11801 a

Erro interno na APITCP.

11808

11809

Conexão já foi encerrada.

11822

Comunicação encerrada pelo remoto.

11899

Falha na criptografia.

Erros da API Serial

Código

Descrição

601

Não há memória disponível

602

Erro interno. Contactar suporte

603

Erro na abertura da porta serial

604

Acesso à porta serial não é permitido

605

Porta serial não encontrada

606

Erro na configuração da porta serial

607

Erro na porta serial ao receber

608

Erro na porta serial ao enviar

631

Não há número para discar

632

Não foi informado o endereço (DTE) para conexão

633

Erro de alocação de memória

634

Comando de modem inválido (ERROR)

635

Modem ocupado (BUSY)

636

Modem sem portadora (NO CARRIER)

637

Modem sem tom de discagem (NO DIAL TONE)

638

Modem recebendo chamada (RING)

639

Timeout

640

Porta serial inválida, cabo não conectado ao modem, qualquer reposta inválida do PAD ou do modem

661

Clear recebido do remoto

662

Comando do PAD inválido

663

RESET enviado pelo PAD

664

PAD já conectado (ENGAGED)

665

Timeout

671

Queda dos sinais do MODEM. Não é possivel transmitir ou receber.

672

PAD não ativo. Não é possível transmitir ou receber.

673

Processo cancelado pelo usuário.

Outros erros:

700 a 799

- Erro na porta serial.

6000

a 6999

- Erro na NetLink.

8000

e 8999

- Erro do RAS (Remote Access Server).