Você está na página 1de 15

1

Sistemas de Aquisição de Dados

Elaboração:
Higor Ottoboni Da Silva
201167
Mateus Amancio Stelutti
199629

Orientação:
PROFº (o) Amadeu Zanon Neto

Araçatuba- SP
2016

.................................................................................... 6 Ponte H – Controle de Direcao de Motor ........................................................................ 14 CONCLUSÃO ........................................................................................... 15 Araçatuba.......................................................................................... 5 Alimentação .......... 6 Sensores ..................... 9 TÉCNICAS DE PROGRAMAÇÃO ..................... 7 Relé – Motor da Esteira ...................................................... 11 Arquivos ........................... 4 COMPONENTES DO CIRCUITO ...................................................................................... 8 Sensores .............................................................................. 6 Display ............................................................................................................. 10 Detecção de Borda ................... 3 SISTEMA ....................................................................SP 2016 ................................................................ 5 Microcontrolador ... 11 Programa ...................................................................................................................................................Contador de Latas.........................................................................................................................................................................................................................................2 Índice INTRODUÇÃO ....................... 10 Condições IF – Else ....................................................................................................................................... 8 Lâmpada de Sinalização e Botão ............................................... 4 DESENVOLVIMENTO ..............................................................................................................................................

SP 2016 . durante a disciplina de Sistemas de Aquisição de dados foram ensinados conceitos e lógicas de programação que utilizadas com microcontroladores garantem a aquisição de dados que podem ser usados para controle de um processo. Araçatuba. Portanto para fins avaliativos foi sugerido pelo docente o desenvolvimento de um sistema de automatização utilizando o conhecimento já adquiridos nas aulas sobre eletrônica e microcontroladores.3 Sistemas De Aquisição de Dados INTRODUÇÃO Automatizar um sistema garante um bom supervisionamento e controle de qualidade de execução de processo.

• O motor que movimenta a esteira funciona em 12 Volts. sendo que escorregam da esteira principal para duas bandejas separadas.4 SISTEMA Uma empresa produz uma substância líquida que deverá ser envazada em latas e precisa que seja projetado um sistema que faça os seguintes controles: O acionamento do sistema é efetuado através de uma botoeira por um operador. As latas que se movimentam na esteira devem parar automaticamente em baixo de um bico injetor de líquido que deve ficar aberto por um período de cinco segundos. exigindo ação do operador.SP 2016 . que deve pressionar a botoeira para reiniciar a tarefa. Uma vez que a máquina envaze e separe seis latas para cada lado esta deve parar totalmente e uma luz mostra que as quantidades foram atingidas e o processo terminou. Uma vez carregada. • O programa de controle. a lata continua pela esteira até um sensor que definirá a direção que ela irá se deslocar. obrigatoriamente deve ser criado em mikroBasic. • Desenvolver projeto do circuito elétrico e testar o processo em simulador. Seguindos esses requisitos o hardware foi desenvolvido buscando atender as necessidades. • Toda a aquisição de dados deve ser feita no modo digital. • A máquina dever ter contadores independentes mostrados por display de sete segmentos para as latas que vão para a direita e esquerda. Araçatuba. DESENVOLVIMENTO Para o desenvolvimento foram levantadas as seguintes análises de prérequisitos técnicos: • Utilizar um ou mais micro controladores PIC 16F628A. As latas devem ser separadas do lado direito e esquerdo alternadamente. • O motor do sistema de posicionamento de latas para esquerda ou direita funciona em 6 Volts e deve ter um controle de inversão de rotação.

SP 2016 . Alimentação O circuito de alimentação possui um regulador de tensão e um capacitor de filtro que tem a finalidade de limitar a tensão proveniente de fonte externa para 5V. leds para indiciar certos status. sensores. COMPONENTES DO CIRCUITO O circuito elétrico do sistema é constituído de um circuito de alimentação.5 A Figura abaixo apresenta a proposta de croqui da esteira utilizado para o desenvolvimento. Figura 1 . Araçatuba. saída para comunicação serial e saída para acionamento da bomba. que servira de alimentação do Microcontrolador e do circuito.Circuito de Alimentação Lembrando que o motor da Esteira é alimentado com 12V e o motor de direcionamento alimentado em 6V.

Visando contornar essa situação. a utilização de dois displays no projeto acarretaria na utilização de mais de um microcontrolador. que é aberto por 5 segundo. com as seguintes conexões Sensores Os sensores são digitais e enviam sinal logico 0 e 5 V para o Microcontrolador durante sua operação. Display . antes de chegar na bandeja a lata passa por um sensor que envia um sinal ao microcontrolador ajustando a direção de dispensa da lata e incrementando o contador. Para a utilização no Simulador eles foram substituídos por botões com a configuração Pull-UP. ele incrementa um numero no Araçatuba. Ao passar pelo Sensor 01.6 Microcontrolador O microcontrolador utilizado foi o PIC16F628A. Após decorrido o tempo o motor da esteira é ligado novamente para enviar a lata para a bandeja de armazenamento. foi utilizado um CI contador de Pulsos (4026).Contador de Latas Para contar as latas deve ser utilizado displays de 7 segmentos. o motor da esteira para de forma que a lata fique embaixo de um bico de envaze.SP 2016 . Esse Componente facilita a programação pois a cada pulso enviado no pino 1. Como o display de 7 Segmentos utiliza 6 entradas de tensão para acender seus leds de forma a apresentar números.

7 display de 7 segmentos. foi utilizado o CI LN298. O Acionamento do motor se dá enviando Tensao e GND aos pinos de Entrada do CI. poderia ser desenvolvido um sistema Ponte H com relés ou transistor. Araçatuba. sendo assim.SP 2016 . e invertendo os sinais lógicos da entrada ele irá girar para Esquerda. de forma que quando Entrada 1 estiver em Nivel Logico Alto e Entrada 2 estiver em Nivel Logico Baixo o motor na saída 1 (OUTPUT 1) irá girar para direita. o motor se mantém parado. que é uma Ponte H e trabalha no nível de tensão necessário. quando é enviado Sinal Baixo para os dois pinos de entrada. Ponte H – Controle de Direcao de Motor Para o controle de Sentido de rotação do motor. bastanto também somente um pulso no pino 15 para que o display reset e apresente o numero 0. porém de forma a facilitar o desenvolvimento.

Araçatuba.SP 2016 .8 Relé – Motor da Esteira O Motor da esteira é acinado através da interface de um transistor e um Relé. Sensores Os sensores foram substituídos por botões para a utilização no Simulador. de forma que se torne possível alimentá-lo com uma tensão diferente do microcontrolador e o circulo seja isolado eletricamente. prevenindo de quaisquer danos elétricos ocasionados por dano no motor.

Lâmpada de Sinalização e Botão O Processo é iniciado através do acionamento de um botão. antes de chegar na bandeja a lata passa por um sensor que envia um sinal ao microcontrolador ajustando a direção de dispensa da lata e incrementando o contador. Araçatuba.9 Ao passar pelo Sensor 01.SP 2016 . O Bico de Envaze está sendo representado por um led na simulação. o motor da esteira para de forma que a lata fique embaixo de um bico de envaze. que deve ser efetuado pelo operador no painel. que é aberto por 5 segundo. Quando o processo é finalizado uma lâmpada acende sinalizando o fim do processo. Após decorrido o tempo o motor da esteira é ligado novamente para enviar a lata para a bandeja de armazenamento. que só começa novamente com o acionamento do botão.

1 = 0 then if borda1 = false then borda1 = true portb.10 TÉCNICAS DE PROGRAMAÇÃO Foram aplicadas várias técnicas de programação no desenvolvimento do firmware.0 = 0 'Se a lata passar pelo sensor de Envaze ' Deteccao de Borda ' Deteccao de Borda ' Desliga motor da Esteira Araçatuba. Detecção de Borda Uma das técnicas aplicadas no projeto foi a Detecção de Borda. que foi possível através da utilização do conteúdo ministrado pelo docente durante as atividades de aula.SP 2016 . essa ténica é muito importante.7 = 0 'Desliga Luz de Fim de Processo portb. conforme o código a seguir: '''''''''''''PARAR PARA ENCHER LATA''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''' if ligado = true then 'Se a Váriavel Ligado estiver ativa portb. uma vez que impede que uma contagem ou ação seja tomada varias vezes seguidas através de um único sinal. O projeto foi realizado utilizando a o programa MikroBasic 7. Essa técnica pode ser observada no trecho do código onde se espera o sinal do sensor de envaze da lata.0 = 1 'Liga motor da Esteira if porta.2.

0 = 1 then borda1 = false end if ' Resetar Variavel de Deteccao de Borda Condições IF – Else Todas as tomadas de decisão foram feitas usando condições IF – Else.0 = 1 ' Liga o Motor da Esteira end if end if if porta.6 = 0 ' Fecha o Bico de Envaze portb. como poderá ser visto no decorrer de todo o programa.6 = 1 ' Abre o Bico de Envaze delay_ms(5000) ' Mantem aberto por 5 segundos portb.11 portb. Programa program Trabalho Dim ligado as boolean 'Variavel para ligar o Processo Dim contador1 as integer 'Contador de latas do lado Direito Dim contador2 as integer 'Contador de latas do lado Esquerdo Dim borda1 as boolean 'Variavel para deteccao de borda Dim borda2 as boolean 'Variavel para deteccao de borda Dim direcao as boolean 'Variavel para controle de Direcao 'INICIALIZACAO DE REGISTRADORES E CONFIGURACOES DOMICROCONTROLADOR' TRISA=%01111111 TRISB=%00000000 INTCON=%00000000 OPTION_REG=%00000000 CMCON=%11111111 '''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''' main: '''''''''''''''''' SETAR VALORES DEFAULT PARA VARIAVEIS '''''''''''' portb=0 Araçatuba.SP 2016 .

0 = 0 then 'Se apertar o botao da Porta A0 if ligado = false then 'Se estiver o processo estiver desligado ligado = true portb.0 = 0 ' Desliga motor da Esteira portb.3 = 1 'Setar True para váriavel de controle de processo '\ delay_ms(50) ' Pulsar Pino 15 do CI Contador 4026 para zeraros diplays portb.7 = 0 'Desliga Luz de Fim de Processo portb.6 = 1 ' Abre o Bico de Envaze delay_ms(5000) ' Mantem aberto por 5 segundos portb.0 = 1 ' Liga o Motor da Esteira Araçatuba.0 = 1 'Liga motor da Esteira if porta.1 = 0 then if borda1 = false then borda1 = true 'Se a lata passar pelo sensor de Envaze ' Deteccao de Borda ' Deteccao de Borda portb.SP 2016 .3 = 0 '/ end if end if '''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''' ''''''''''''''''''''' PROCESSO ''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''' '''''''''''''PARAR PARA ENCHER LATA''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''' if ligado = true then 'Se a Váriavel Ligado estiver ativa portb.6 = 0 ' Fecha o Bico de Envaze portb.12 ligado=false direcao=false contador1=0 contador2=0 borda1=false borda2=false inicio: ''''''''''''''''''''' INICIA PROCESSO POR BOTAO '''''''''''''''''''''' if porta.

4 = 1 ' Sinal para Ponte H LN298 portb.4 = 0 ' Desligar Motor de Direcao portb.5 = 0 ' Desligar Motor de Direcao contador1 = contador1 + 1 ' Incrementar Contador do Lado Direito direcao = true ' Mudar Valor de Variavel Direcao portb.1 = 1 '\ delay_ms(50) ' Enviar Pulso para O pino 1 do CI Contador 4026 para Incrementar 1 no display da Direita portb.5 = 1 ' Sinal para Ponte H LN298 delay_ms(1000) ' Manter Motor de Direcao ligado para Esquerda por 1 segundo portb.13 end if end if if porta.4 = 0 ' Sinal para Ponte H LN298 portb.2 = 0 then ' Se a lata passar pelo Sensor if borda2 = false then ' Deteccao de Borda borda2 = true ' Deteccao de Borda if direcao = false then ' Se Variavel Direcao for Falsa = Enviar paraDireita portb.2 = 1 ' Mudar Valor de Variavel Direcao '\ Araçatuba.5 = 0 ' Sinal para Ponte H LN298 delay_ms(1000) ' Manter Motor de Direcao ligado para Direitapor 1 segundo portb.5 = 0 ' Desligar Motor de Direcao contador2 = contador2 + 1 ' Incrementar Contador do Lado Esquerdo direcao = false portb.0 = 1 then borda1 = false end if ' Resetar Variavel de Deteccao de Borda '''''''''''''CONTAR E DIRECIONAR LATA'''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''' if porta.SP 2016 .1 = 0 else '/ 'Se Variavel Direcao for True = Enviar para Esquera portb.4 = 0 ' Desligar Motor de Direcao portb.

14 delay_ms(50) ' Enviar Pulso para O pino 1 do CI Contador 4026 para Incrementar 1 no display da Esquerda portb.SP 2016 .7 = 1 ' Acende Sinalização de Fim de Processo portb.0 = 0 ' Desliga Motor da Esteira end if end if end if end if if porta.2 = 1 then borda2 = false end if ' Resetar Variavel de Deteccao de Borda else ' Se Variavel Ligado estiver desativada delay_ms(10) ' Esperar 10 milisegundos goto inicio ' Voltar para Inicio Esperando a Ativacao doProcesso pelo Botao end if ''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''' goto inicio end. Arquivos O projeto será enviado ao professor.2 = 0 '/ if contador2 = 6 then ligado = false ' Se o Contador da Esquerda For Igual a ' Desativa Variavel de Controle deProcesso portb. Araçatuba. contendo os arquivos do Projeto do Firmware do MikroBasic e o desenvolvimento eletrônico e simulação do Proteus.

Araçatuba. pois podemos utilizar recursos como dispositivos microcontrolado e sensores para fazer uma aquisição de dados e variáveis de um sistema e implementar através de eletrônica e lógica de programação. soluções de controle e automação de um processo buscando agilidade e melhor qualidade de funcionamento do sistema.15 CONCLUSÃO Concluímos que o aprendizado durante as aulas de Sistemas de Aquisição de dados são de grande importância.SP 2016 .