Você está na página 1de 3

Proeza Mxima

Matheus P. Neves

Proeza Mxima

Jack James, desaparecido em 1938


Smbolo sexual do sculo
Atleta e artista de funk
Caava por apetite,
A maa para abater
E a marreta para massacrar
A cabea dos disformes
O mamilo era a proeza
A carnia; capital

Larissa tmida modelo


Na seita amava azarar
E Deus devotava seu amor
Sua companheira popular e sensual
Mariana, convidou-a para ir a festa
Animada beijou Mary
L Lary superou os homens...
J em seu lar, levou-se a dormir

Enquanto se avanou ao aposento


Mary levava o amante
Por que precisava de lubrificante
Para cumprir a campanha carnal
E cedo conseguiu celeremente

Fludos respingavam levemente


Logo seu Unagi estremeceu-se
Cobiou checar
Aflita e tensa acender a luz
Tremia receosa enquanto aproximava-se
Seu amante apressou-a
Subitamente saiu e trancou a porta
Irrequieta, ela sentiu certo trepar
Despertando deliciosos e duros momentos
Em seu semelhante

Aps o bate-boca
Mary ao surgente sol cintilante
Pernotou por pavor, no quarto ao lado
A popular paragem predispe de;
Trs dos maiores gals cavalheiros

Lucfera, acordou animada


E se encaminhou a encontrar
Sua simptica Lary
Com faixas de couro preto
Plenas em suas juntas
E deitada sobre seus seios
Semi-nua, Mary de hbito, apreciou-a
Excelente episdio estimulante!

Aproximou-se sensualmente
E sussurrou no ouvido de Lary
"Vai, acorda delcia"
E ela deu
Um belo tapa! Lary conseguinte cedeu

Ao vira-la notou o seio sem bico


Antes tal belo...
Certos ossos haviam sido triturados!?
Ao finalmente perceber
Havia acima da cama, escrita ensanguentada
Ento esttica e horrorizada leu;
"Orgulhosa em no acender a luz?"
Mary histericamente gritou!!!

Matheus de Paiva Neves