Você está na página 1de 48
DESENHO DE PROJETOS JOSEPH SALEM BARBAR
DESENHO DE PROJETOS
DESENHO
DE
PROJETOS

JOSEPH SALEM BARBAR

COTAGEM
COTAGEM
COTAGEM
COTAGEM

Definição

Cotagem é a indicação das medidas das peças / objetos

em seu desenho.

Para cotagem são necessários os seguintes elementos:

a. Linha de cota

b. Linha auxiliar

c. Cota

objetos em seu desenho. Para cotagem são necessários os seguintes elementos: a. Linha de cota b.
COTAGEM
COTAGEM

Elementos

Linha de cota: é a linha que contém a dimensão

daquilo que está sendo cotado e na qual é posicionado

o valor numérico da cota.

Linha auxiliar (ou de extensão): é a linha que liga a

linha de cota ao elemento que está sendo cotado.

Cota: indica a medida da peça / objeto.

COTAGEM
COTAGEM

As medidas básicas são: comprimento, largura e altura.

COTAGEM As medidas básicas são: comprimento, largura e altura. comprimento = 50 largura = 25 altura
COTAGEM As medidas básicas são: comprimento, largura e altura. comprimento = 50 largura = 25 altura

comprimento = 50 largura = 25

altura = 15

COTAGEM
COTAGEM

Tipos de cotas

Existem cotas que indicam tamanho e cotas que indicam localização de elementos:

tamanho e cotas que indicam localização de elementos: F u r o Saliência Rasgo passante Rasgo

Furo

Saliência

Rasgo passante

Rasgo não passante

COTAGEM
COTAGEM

Tipos de cotas

Para fabricação de peças com elementos, é necessário

interpretar, além das cotas básicas, as cotas dos

elementos:

além das cotas básicas, as cotas dos elementos: A cota 9 indica a localização do furo

A cota 9 indica a

localização do furo

em relação à altura

da peça.

a

localização do furo

A cota

12

indica

em

relação

 

ao

comprimento

da

peça.

 

As

cotas

10

e

16

indicam o tamanho

do furo.

COTAGEM
COTAGEM

Seqüência de cotagem

COTAGEM Seqüência de cotagem
COTAGEM
COTAGEM

Seqüência de cotagem

COTAGEM Seqüência de cotagem
COTAGEM
COTAGEM

Seqüência de cotagem

COTAGEM Seqüência de cotagem
COTAGEM
COTAGEM

Seqüência de cotagem

COTAGEM Seqüência de cotagem
COTAGEM
COTAGEM

Seqüência de cotagem

COTAGEM Seqüência de cotagem
COTAGEM
COTAGEM

Linhas empregadas na cotagem

As linhas de cotas são traços mais finos do que o desenho

do objeto e indicadas de tal modo que, as linhas de

chamadas não tocam no desenho.

As cotas verticais ficam sempre indicadas para que sejam lidas pelo lado esquerdo do desenhista.

COTAGEM
COTAGEM

Posicionamento das cotas

muito

afastadas do desenho.

Usar espaço suficiente para escrever o valor da cota.

Se várias cotas devem ser indicadas, dar espaçamento

igual entre as linhas de cotas.

Não

devem

ficar

muito

próximas

nem

nem

cotas devem ser indicadas, dar espaçamento igual entre as linhas de cotas. Não devem ficar muito
COTAGEM
COTAGEM

Cotas de peças simétricas

A utilização de linha de simetria em pecas simétricas

facilita e simplifica a cotagem.

de linha de simetria em pecas simétricas facilita e simplifica a cotagem. Sem linha de simetria

Sem linha de simetria

de linha de simetria em pecas simétricas facilita e simplifica a cotagem. Sem linha de simetria

Com linha de simetria

COTAGEM
COTAGEM

Cotas de peças simétricas

Toda figura simétrica leva uma linha de traço e ponto

feito com traço fino e que quando necessária pode ser

usada como linha de cota.

leva uma linha de traço e ponto feito com traço fino e que quando necessária pode
COTAGEM
COTAGEM

Cotas de peças irregulares

Se a peça tiver apenas contornos definidos por retas:

COTAGEM Cotas de peças irregulares Se a peça tiver apenas contornos definidos por retas:
COTAGEM
COTAGEM

Cotas de peças irregulares

Se a peça tiver a forma de curvas irregulares:

COTAGEM Cotas de peças irregulares Se a peça tiver a forma de curvas irregulares:
COTAGEM
COTAGEM

Cotas de peças irregulares

Se a peça tiver forma composta por arcos de círculos:

COTAGEM Cotas de peças irregulares Se a peça tiver forma composta por arcos de círculos:
COTAGEM
COTAGEM

Cotagem de diâmetros

COTAGEM Cotagem de diâmetros
COTAGEM
COTAGEM

Cotagem de raios /arcos

Os arcos são cotados pelo valor do seu raio, podendo ou

não constar a letra “R” junto com a cota.

de raios /arcos Os arcos são cotados pelo valor do seu raio, podendo ou não constar
COTAGEM
COTAGEM

Cotagem de raios /arcos

COTAGEM Cotagem de raios /arcos
COTAGEM
COTAGEM

Cotagem de ângulos

Os ângulos (círculos incompletos) são indicados ou por 2

dimensões lineares ou por uma medida linear com o valor

do ângulo.

(círculos incompletos) são indicados ou por 2 dimensões lineares ou por uma medida linear com o
COTAGEM
COTAGEM

Cotagem de círculos

Quando a forma geométrica não define o círculo

diretamente, a cota do diâmetro leva o símbolo Øe o

quadrado o símbolo .

define o círculo diretamente, a cota do diâmetro leva o símbolo “ Ø ” e o
COTAGEM
COTAGEM

Cotagem de elementos esféricos

As cotas são dadas, indicando o diâmetro ou o raio da esfera,

precedida da palavra “esfera” ou “esférico”.

As cotas são dadas, indicando o diâmetro ou o raio da esfera, precedida da palavra “esfera”
COTAGEM
COTAGEM

Cotagem de elementos esféricos

COTAGEM Cotagem de elementos esféricos ESF: Esférico Ø: Diâmetro R: Raio

ESF: Esférico

Ø: Diâmetro

R: Raio

COTAGEM
COTAGEM

Cotas agrupadas

Não usar várias linhas mas procurar indicar as cotas sobre

a mesma direção.

Indicar a cota menor antes da maior.

Não usar várias linhas mas procurar indicar as cotas sobre a mesma direção. Indicar a cota
COTAGEM
COTAGEM

Cotagem a partir de linha de referência

Quando necessário as cotas são marcadas a partir de uma

“Linha Base” ou então de uma “Linha Central” que é

marcada ¢.

as cotas são marcadas a partir de uma “Linha Base” ou então de uma “Linha Central”
COTAGEM
COTAGEM

Grupos de cotas em dimensões paralelas

Indicar as cotas em disposições defasadas e não uma

sobre a outra.

COTAGEM Grupos de cotas em dimensões paralelas Indicar as cotas em disposições defasadas e não uma
COTAGEM
COTAGEM

Cotas em espaços limitados

COTAGEM Cotas em espaços limitados
COTAGEM
COTAGEM

Cotagem de desenhos em perspectiva

As linhas de extensão e as linhas de cotas devem ser

também em perspectiva.

A colocação dos números deve ser feita de tal forma que

pareçam estar situados sobre o plano da face que contém a

parte cotada.

Para isso, é preciso que os números sejam desenhados em perspectiva e representem algarismos do tipo vertical.

cotada. Para isso, é preciso que os números sejam desenhados em perspectiva e representem algarismos do
cotada. Para isso, é preciso que os números sejam desenhados em perspectiva e representem algarismos do
COTAGEM
COTAGEM

Representação das cotas

COTAGEM Representação das cotas
COTAGEM
COTAGEM

Cotas em desenhos arquitetônicos

COTAGEM Cotas em desenhos arquitetônicos 2,00 15 20 Cota Linha de cota Limite da linha de
COTAGEM Cotas em desenhos arquitetônicos 2,00 15 20 Cota Linha de cota Limite da linha de
COTAGEM Cotas em desenhos arquitetônicos 2,00 15 20 Cota Linha de cota Limite da linha de
COTAGEM Cotas em desenhos arquitetônicos 2,00 15 20 Cota Linha de cota Limite da linha de
COTAGEM Cotas em desenhos arquitetônicos 2,00 15 20 Cota Linha de cota Limite da linha de
2,00 15 20 Cota Linha de cota
2,00
15
20
Cota
Linha de
cota

Limite da linha de cota

Linha de

chamada

COTAGEM
COTAGEM

Cotas em desenhos arquitetônicos

Linhas de cota: são linhas estreitas e contínuas e devem

ficar afastadas entre sí e também de qualquer desenho

cerca de 7mm.

entre sí e também de qualquer desenho cerca de 7mm. 2,00 15 20 Cota Linha de
entre sí e também de qualquer desenho cerca de 7mm. 2,00 15 20 Cota Linha de
entre sí e também de qualquer desenho cerca de 7mm. 2,00 15 20 Cota Linha de
entre sí e também de qualquer desenho cerca de 7mm. 2,00 15 20 Cota Linha de
2,00 15 20 Cota Linha de cota Limite da linha de cota
2,00
15
20
Cota
Linha de
cota
Limite da linha de cota

Linha de

chamada

COTAGEM
COTAGEM

Cotas em desenhos arquitetônicos

Linhas auxiliares: são linhas estreitas e contínuas e

devem ser prolongadas ligeiramente além da linha de

cota. São perpendiculares à linha de contorno do elemento cotado.

e devem ser prolongadas ligeiramente além da linha de cota. São perpendiculares à linha de contorno
COTAGEM
COTAGEM

Cotas em desenhos arquitetônicos

Finalização das linhas de cota: as linhas de cota e de

extensão se cruzam e são adotados pequenos traços

inclinados a 45 0 ou um ponto com pena mais grossa que

as linhas.

Na representação de edificações não é usual a utilização de setas na finalização das linhas de cotas.

as linhas. Na representação de edificações não é usual a utilização de setas na finalização das
as linhas. Na representação de edificações não é usual a utilização de setas na finalização das
as linhas. Na representação de edificações não é usual a utilização de setas na finalização das
COTAGEM
COTAGEM

Cotas em desenhos arquitetônicos

Cotagem em cadeia ou série.

COTAGEM Cotas em desenhos arquitetônicos Cotagem em cadeia ou série.
COTAGEM
COTAGEM

Cotas em desenhos arquitetônicos

Cotagem em paralelo.

COTAGEM Cotas em desenhos arquitetônicos Cotagem em paralelo.
COTAGEM
COTAGEM

Cotas em desenhos arquitetônicos

Cotagem combinada.

COTAGEM Cotas em desenhos arquitetônicos Cotagem combinada.
COTAGEM
COTAGEM

Cotas em desenhos arquitetônicos

Cotagem por coordenadas.

Cotas em desenhos arquitetônicos Cotagem por coordenadas. y X=20 Y=60 X=20 Y=60 X=20 Y=60 X=20 Y=60

y

X=20 Y=60 X=20 Y=60 X=20
X=20
Y=60
X=20
Y=60
X=20

Y=60

X=20

Y=60

y X=20 Y=60 X=20 Y=60 X=20 Y=60 X=20 Y=60 x 3 2 1 4 N° X

x

3

2 1
2
1

4

X

N° X

1 10

Y

20

2 60

40

3 70

80

N° X 1 10 Y 20 2 60 40 3 70 80 4 20 60
N° X 1 10 Y 20 2 60 40 3 70 80 4 20 60
N° X 1 10 Y 20 2 60 40 3 70 80 4 20 60

4

20 60

COTAGEM
COTAGEM

Cuidados na cotagem

Ao cotar um desenho é necessário observar:

COTAGEM Cuidados na cotagem Ao cotar um desenho é necessário observar:
COTAGEM
COTAGEM

Cuidados na cotagem

As cotas guardam uma pequena distância acima

das linhas de cotas. As

linhas auxiliares também

guardam uma pequena

distância das vistas do

desenho técnico.

acima das linhas de cotas. As linhas auxiliares também guardam uma pequena distância das vistas do
COTAGEM
COTAGEM

Cuidados na cotagem

As cotas devem ser colocadas de modo que o desenho

seja lido de esquerda para direita e de baixo para cima,

paralelamente à dimensão cotada.

Sempre que possível é bom evitar colocar cotas em

linhas tracejadas.

O valor indicativo das cotas, refere-se sempre às medidas reais da peça, e nunca às medidas reduzidas ou ampliadas que aparecem no desenho.

COTAGEM
COTAGEM

Cuidados na cotagem

Indicar as cotas tanto quanto possível na parte externa

da figura.

Utilizar cotas internas em último caso, para evitar linhas

de chamadas longas.

possível na parte externa da figura. Utilizar cotas internas em último caso, para evitar linhas de
COTAGEM
COTAGEM

Cuidados na cotagem - Resumo

Quando se indicam as cotas de um desenho, deve-se

atentar para o seguinte:

Boa disposição, distribuindo de maneira clara, as cotas

pelos desenhos.

Usar linhas de chamada das cotas com traços mais finos do que os do desenho.

As linhas de cota são paralelas às linhas cuja medida

elas definem e indicas fora dos limites do desenho

evitando tanto quanto possível cotas no interior das

figuras.

cotas

As

linhas

de

chamada

são

perpendiculares

à

lineares.

COTAGEM
COTAGEM

Cuidados na cotagem - Resumo

Pode-se cotar usando as linhas do desenho como linhas

de chamada.

Não

mesmas.

Nos casos de cotas em seqüência, indicá-las de tal modo que a cota menor é marcada antes da maior, para evitar cruzamentos de linhas.

O número que representa a medida real do objeto é

posicionado no meio da linha de cota e acima desta.

as

repetir

cotas

indicadas,

quando

forem

COTAGEM
COTAGEM

Cuidados na cotagem - Resumo

A linha de cota é terminada em suas extremidades por setas. Conforme a área de engenharia pode-se usar outros símbolos no lugar da seta.

O comprimento da seta e a altura do número que

representa a cota devem ser iguais para desenho em

papel A4 adotar 3 mm.

FIM
FIM