Texto Explicativo

Em nosso planeta existem diversas formas e tipos de fontes de energia, essas
fontes são de extrema importância para a humanidade, pois é a partir delas
que se originam os combustíveis e a própria eletricidade, ambos utilizados em
inúmeras aplicações do nosso cotidiano. A matriz energética no mundo é
baseada no consumo de fontes limitadas, ou seja, as não renováveis, mas com
o surgimento de um novo problema que é o aquecimento global, foi necessária
uma mudança no princípio energético, assim começou a ser produzido energia
a partir de fontes renováveis, o que traria uma melhora na situação do nosso
mundo. Com o surgimento das novas formas de produção de energia, vieram
junto a elas, as características, pontos fortes e fracos de cada uma, que serão
apresentados ao decorrer deste trabalho.
A matéria prima originada e retirada a partir do espaço geográfico é aplicada na
geração de energia pelas mais diversas fontes. Entre eles estão:
-Resíduos orgânicos: o acumulo de matéria orgânica ao longo dos tempos
juntamente com diversos fatores como, temperatura e pressão, acabaram por
formar hidrocarbonetos de grande poder energético, que são o petróleo
(transportado por oleoduto), o gás natural (transportado por gasoduto), e o
carvão mineral (transportado por ferrovias). Todos esses compostos são fontes
utilizadas para a produção de energia termoelétrica. É uma energia de preço
alto pois utiliza combustíveis fosseis, que possuem um custo elevado para sua
produção, mesmo que a tecnologia empregada seja baixa, e a mão de obra em
sua grande maioria desqualificada. Além disso, é uma energia não renovável,
altamente poluente e causa um alto impacto ambiental. Mesmo assim, é uma
das energias mais consumidas no mundo pelo fato de que os combustíveis
fosseis são as matérias primas mais abundantes na natureza. A construção de
uma usina é relativamente rápida e as outras formas de energia limpa
acabaram de serem apresentadas ao mundo, tornando a relação custo
benefício ainda relativamente alta. Uma maneira de tornar essa energia menos
poluente, é transformar o gás natural, que possui o metano como
principalmente componente, em biogás (transportado por gasoduto).
-Madeira: transformada em carvão vegetal (transportado por ferrovias) através
da carbonização, é um combustível utilizada na produção de energia
termelétrica.
-Plutônio e urânio: material radioativo retirado da crosta terrestre, de poder
energético extremamente alto, o que diminui a quantidade de material
necessária para a produção de grande quantidade de energia, transportado por
rodovias até as usinas termonucleares, onde serão utilizadas na produção de
energia nuclear. Apesar de ser produzida com um material de custo
relativamente baixo, esta energia exige uma tecnologia alta por se tratar de
algo perigoso, que engloba muita segurança, cuidado, e que é difícil de ser
manipulado, logo há também uma mão de obra altamente qualificada, o que
acaba por encarecer o seu preço, tornando-o alto. Contudo, é uma energia em
que as chances de ocorrerem um grande impacto ambiental são muito baixas,

é poluente e não renovável. Além disso. -Correntes Marítima: é um fenômeno vindo diretamente do espaço geográfico. que por sua vez. a construção da usina pode gerar altos impactos ambientais na fauna e flora marinha. o custo de sua instalação é alto. Além disso. não é necessária a mão de obra qualificada para este serviço. pelo fato de ser empregado baixa tecnologia e consequentemente. mesmo que os rios com alto potencial energético para instalação das usinas sejam difíceis de serem encontrados. também é outra forma renovável de produzir energia. onde massas de aguas migram para lugares distintos. sendo assim. Esse fenômeno é aproveitado na produção da chamada energia das marés ou maremotriz. principalmente no Brasil. -Raios solares: os raios emitidos pelo Sol. a elevada energia que é gerada faz com que ela ainda seja muito consumida no mundo. porém. que é um país que possui um potencial hídrico muito grande. o que a torna a relação custo benefício pouco vantajosa e consequentemente pouco consumida no mundo. Devido ao seu alto custo benefício. não poluente. Esse processo realizado por usinas geotérmicas. assim relação custo benefício é considerada bastante favorável. é uma energia renovável e não poluente. são captados pelas células fotovoltaicas presentes nas placas solares. -Rio de planalto e planície: são utilizadas para a produção de energia hidrelétrica. mesmo que a relação custo benefício seja elevada. Ela não é poluente e é renovável. porem possui baixo preço de produção. essas células transformam os raios em energia solar. o preço dessa energia também se eleva.mesmo que ainda cause um pequeno impacto ambiental. Além disso. o preço para se adquirir esta tecnologia ainda é muito elevado devido ao fato de não ser estimulada a compra por diversos países. Essa energia não necessita de tecnologia alta. -Gêiseres e rochas termais: o calor gerado pelos gêiseres e rochas termais. até porque é uma forma relativamente nova de se obter energia. nas quais necessitam de alta tecnologia e mão de obra qualificada para serem construídas. embora haja grande impacto ambiental no momento de sua instalação devido a inundação de uma grande porção de terra que ocorre com a construção da barragem de água. Além disso. e que causa um impacto ambiental muito baixo. -Cana de Açúcar: transformada em álcool (transportado por rodovias) a partir de um processo químico de destilação. A maneira de como é realizado esse processo. é uma fonte renovável. que é uma energia de alto custo de instalação. há o emprego da mão de obra desqualificada em sua grande parte. é altamente consumida por ser mais barata que a termoelétrica e produz muito mais energia com menos quantidade de matéria prima. o que torna o consumo ainda muito pequeno mundialmente. não ser poluente e causar baixo impacto . Porém. possui vantagens como. e os critérios para o seu funcionamento é rigoroso. exige uma tecnologia alta e mão de obra qualificada pois é uma forma de difícil obtenção energética. desde a obtenção do calor até ser transformado em energia elétrica. gerado a partir da rotação e translação da terra. que é um combustível renovável.

o que torna a relação custo benefício desvantajosa. Existe um impacto ambiental relacionado as aves do local. a captação do ar que se movimenta na atmosfera é feita por um aerogerador que converte para a energia elétrica ou mecânica. e nos tornamos mais dependentes dela. nossa economia. o que impossibilitaria que presenciássemos as facilidades. porém é considerado baixo. e tudo que vemos ao nosso redor hoje.ambiental. . pois sem a presença e o conhecimento das cargas elétricas. Se tornou cada dia mais presente em nosso cotidiano. dado pelo fato de que a principal forma de globalização e interação depende dela para existir: os meios de comunicação. voltaríamos a idade da pedra. Sem ela. porém. percebemos que a relação custo benefício se mostra muito boa e favorável. sendo pouco consumida no mundo. maravilhas. A eletricidade foi o marco que definiu a impulsão em nossa evolução. também possui desvantagens como o auto custo de produção e construção das usinas. a conhecida energia eólica. um outro ponto positivo é que o preço dessa energia não é caro. talvez estacionássemos em uma determinada parte da evolução humana. governo e sociedade se reduziria a nada. já que não é necessário de uma tecnologia alta e de mão de obra qualificada. fator tão importante para nossa existência. em usinas onde se utiliza esse método de produção de energia. e a quantidade de energia gerada é muito pequena. apesar disso é uma energia considerada pouco consumida no mundo. Levando em conta todos os fatores apresentados. o que acaba por tornar o preço desta energia caro. -Ventos: é um fenômeno meteorológico que também vem do espaço geográfico e que é utilizado na produção de uma energia renovável e limpa.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful