Você está na página 1de 6
ESCOLA SECUNDÁRIA DE ALBERTO SAMPAIO MATEMÁTICA – A Ficha de Trabalho nº 9 12º Ano

ESCOLA SECUNDÁRIA DE ALBERTO SAMPAIO

MATEMÁTICA A

Ficha de Trabalho nº 9

12º Ano

2016/2017

Propriedades das combinações e Binómio de Newton

Ao

combinações.

esquema seguinte chama-se triângulo de

5

C

0

4

C

0

3

5

C

C

0

1

1

2

 

1

 

1

 

1

 

1

2

1

 

1

3

3

 
 

1

4

6

 

4

 

5

10

 

10

 

0

C

0

 

1

C

0

 

1

C

1

 

C

0

2 C

1

 

2

 

3 C

1 3 C

2

4

C

1

4

C

2

 

5 C

2

 

5

C

3

Pascal que também

pode

ser

escrito

1

5

C

2

4

1

C

3

1

3

5

<Linha 0

<Linha 1

<Linha 2

C

3 <Linha 3

4 <Linha 4

4

C

C

4

5

C

5 <Linha 5

usando

Propriedade 1: em cada linha os termos equidistantes dos extremos são iguais.

Exemplo:

6 C C

2

6

4

n C C

p

n

n p

Propriedade 2: cada termo de uma linha (exceto os dos extremos) é igual à soma dos que estão acima.

Exemplo:

6 C C

4

6

5

p

p 1

p 1

n C

n C

n 1

C

7

C

5

 1 n C n C  n  1 C 7  C 5 Ficha
 1 n C n C  n  1 C 7  C 5 Ficha

Propriedade 3: A soma dos elementos da linha n do Triângulo de Pascal é 2 n .

Exemplo:

5

C

 

n

C

0

 

n

C

1

 

n

C

 
 n C n
n
C
n
 

n

C

 

n

C

 

2

n

2

 

2

 

1

   

n

n

0

5

C

1

5

C

2

5

C

3

5

C

4

5

C 2

5

5

Exercícios:

1. Considera duas linhas consecutivas do Triângulo de Pascal, das quais se reproduzem alguns elementos:

a

36

126

Indica o valor de b.

A
A

234

B
B

120

210

b

C
C

198

D
D

164

2. Uma certa linha do Triângulo de Pascal é constituída por todos os elementos da forma 24 C p . Escolhendo ao acaso um número dessa linha, qual é a probabilidade de ele ser 1?

A
A

1

12

B
B

1

25

C
C

1

24

D
D

2

25

3. Os quatro primeiros números de certa linha do Triângulo de Pascal são 1, 11, 55 e 165; então os três últimos números da linha seguinte são:

A
A

36 24 12

B
B

66 12 1

C
C

220 66 12

D
D

24 12 1

4. O penúltimo número de uma certa linha do Triângulo de Pascal é 10. Qual é o terceiro número dessa linha?

 
A
A

11

B
B

19

C
C

45

D
D

144

5. a b c d e f g representa uma linha completa do triângulo de Pascal, onde todos os elementos estão substituídos por letras. Qual das seguintes igualdades é verdadeira?

A
A

6

c C

3

B
B

6

c C

2

C
C

7

c C

3

D
D

7

c C

2

c  C 3 B 6 c  C 2 C 7 c  C 3
c  C 3 B 6 c  C 2 C 7 c  C 3

6.

A soma dos três primeiros elementos de uma certa linha do Triângulo de Pascal é121. Qual é o terceiro elemento da linha seguinte?

A
A

78

B
B

91

C
C

120

D
D

136

7. Uma certa linha do Triângulo de Pascal tem quinze elementos. Qual é o sexto elemento dessa linha?

A
A

14 C

5

B
B

15 C

5

C
C

14 C

6

D
D

15 C

6

8. Considera a linha do Triângulo de Pascal em que o segundo elemento é 35. Escolhem-se, ao acaso, dois elementos dessa linha. Qual é a probabilidade de estes dois elementos serem iguais?

A
A

19

35

C

2

B
B

35

36

C

2

C
C

1

36

C

2

D
D

18

36

C

2

9. O quarto número de uma certa linha do Triângulo de Pascal é 19 600. A soma dos quatro primeiros números dessa linha é 20876. Qual é o terceiro número da linha seguinte?

A
A

1275

B
B

1581

C
C

2193

D
D

2634

10. Uma certa linha do Triângulo de Pascal é constituída por todos os elementos da forma

17 C

p

Escolhido ao acaso um elemento dessa linha, qual é a probabilidade de ele ser 1?

A
A

1

B
B

1

C
C

2

D
D

1

8

9

17

18

11. O produto dos dois primeiros elementos de uma certa linha do triângulo de Pascal é 25. Determina:

11.1 O número de elementos diferentes dessa linha.

11.2 A soma dos três primeiros elementos da linha seguinte.

11.3 A probabilidade de um dos elementos dessa linha ser 1

11.3 A probabilidade de um dos elementos dessa linha ser 1 Ficha de Trabalho nº 9
11.3 A probabilidade de um dos elementos dessa linha ser 1 Ficha de Trabalho nº 9

Os desenvolvimentos de

combinações.

a

a

a

a

a

b

b b

b b

 

 

0

  1 2

  4 3

a b

2

,

Binómio de Newton

a b a b

,

3

4

, … podem ser escritos com a ajuda das

1a

1

1a

+

1b

1a 2

+ 2ab

+

b 2

1a 3 +

3a 2 b +

3ab 2 + 1b 3

4 + 4a 3 b

+ 6a 2 b 2 + 4ab 3 + 1b 4

Nota que: os coeficientes do desenvolvimento são os números do Triângulo de Pascal. Observa-se que:

os desenvolvimentos são polinómios completos e ordenados em a e b, de expoentes decrescentes relativamente a a e crescentes relativamente a b.

 

a

b

n

é n.

 

a b

n

n

n

C a

0

n

C a

1

n

1

n

b C a

2

n

2

2

b

 

n

C

n

1

a b

n

1

n

C b

n

n

 

ou

 
     

n

   
 

n

 

b

 

a b

n

p 0

C a

p

n

p

p

o grau dos monómios do desenvolvimento de

De um modo geral, tem-se:

Esta fórmula é conhecida pela fórmula do Binómio de Newton.

Observa-se que:

o desenvolvimento de

o termo de ordem p é

a

b

n

tem

T p , sendo:

T  n C a n p   1 b p  1 p
T
n C
a
n p
 
1
b
p
1
p
p  1

ou

n + 1 termos;

T

p

1

n

C a

p

n p p

b

T p  1 n  C a p n  p p b Ficha de
T p  1 n  C a p n  p p b Ficha de
 2  6  x 2  .   x   2
2 
6
x
2
.
 x 
2 
6
x
2
tem 7 termos.
 x 
T
 C a
n
n  p p
b
p
 1
p
a  x
2
2
b 
e
x
2 
3
T
 C x
6
2
3
 
4
3
  x 
T
 20
x
6
  
x 8    160
x
3
4
3
2 
10
x
2
.
 x 
10
C x
2
10
p
 2 
p
T
 
p 
1
p
 x 

Exemplo 1: calcula o termo médio do desenvolvimento de

Resolução: O desenvolvimento de

O termo médio é o 4.º termo.

Aplicando a fórmula

em que

Então:

Exemplo 2: determina o termo em x 5 do desenvolvimento de

Resolução:

A expressão do termo de ordem p + 1 é:

Então: 20 3 p 5 p 5

T

1

10

C

x

20

2

p

 

 

2

p

 

p

 

p

x

p

T

10

C

 

2

p

x

20

3

p

p

1

p

   

Logo,

  T 5  T  C 10  2  x 5 5
T 5
 T  C
10
 2  x
5
5
 8064 x
5
 1
6
5

Exemplo 3: calcula o termo independente de x no desenvolvimento de

Resolução:

 

3 x

2

1

x

18

 

T

p

1

18

C 3 x

p

2

18

p

1

x

 

p

 
 

T

p

1

18

C

p

3

18

p

x

36

2

p

x

p

 

Então,

 

36 3 p 0 p 12

 

Logo,

 

T

p

1

18

C

p

3

18

p

x

36

3

p

 
 

T

12

1

T

13

18

C

12

3

6

x

0

18 564

3

6

13 533156

x 0  18 564  3 6  13 533156 Ficha de Trabalho nº 9
x 0  18 564  3 6  13 533156 Ficha de Trabalho nº 9

Exercícios Propostos:

1. Desenvolve o binómio

x 2

5

.

2. Escreve o termo de ordem 5 do desenvolvimento de

3. É dado o binómio

2 x

1

x

5

x

0

.

2

1

x

10

Determina:

3.1 O terceiro e o quarto termo.

3.2 O termo independente, caso exista.

4. Relativamente ao desenvolvimento do binómio

 

x

2

x

1

12

;

4.1 Determina o termo médio.

4.2 Calcula o termo constante.

4.3 Calcula, se existir, o termo em x 12 .

5. No desenvolvimento de

 1   x 2      x 
1
x
2
x 

10

com x>0, determina:

5.1 O quarto termo.

5.2 O termo independente, caso exista.

Soluções

FIM

x

0

Questão

1

2

3

4

5

6

7

Resposta

B

D

B

C

B

C

A

11.1

13

11.2 352

11.3 1/13

1.

5

x

10 x 40 x 80 x 80 x 32

4

3

2

3.2

5.2

não existe

45

4.1

924 x

6

4.2 495

2.

13440

4

x

4.3

495 x

12

8

D

3.1

T

3

9

A

10

B

80 x; T

4



5.1

210 x

10

40

x

3.1 T 3  9 A 10 B 80 x ; T 4  5.1 210
3.1 T 3  9 A 10 B 80 x ; T 4  5.1 210