Você está na página 1de 3

Combinao de reatores

Reatores tubulares em srie e/ou paralelo


Considere N reatores pistonados conectados em srie, e considere
tambm que a converso na sada do reator 1 seja X 1, do reator 2, seja X 2
e assim por diante at reator N, converso X N. Com base o balano de
massa sobre a alimentao do reagente A no primeiro reator, tem-se que:

FA0

XA

dXA

para o segundo reator obtm-se:


X

A2
V2
dXA

FA0 XA1 rA2

Generalizando:
X

i
Vi
dXAi

FA0 Xi1 rAi

Portanto, para N reatores em srie, tem-se:


X

XN
N
Vi V1 V2 V3 ... VN 1 dX X2 dX X3 dX
V
dX

. ...
r X1 r X2 r
r
FA0 i1 FA0
FA0
0
XN11

de onde se conclui que:

FA0

XN

dX

r
0

e queN reatores tubulares em srie fornecem a mesma converso de um


nico reator tubular com volume igual a soma de todos os volumes
intermedirios (V1, V2,..., VN).
Caso paralelo:
Para uma tima converso em reatores do tipo pistonados, ligados em
srie e mesmo em paralelo pode-se tratar todo o sistema como um nico
reator de volume igual a soma dos volumes individuais, o fundamental
nestes casos que a alimentao seja fracionada de forma que se
mantenha o tempo espacial constante, e por consequncia, a mesma
converso na sada da linha do reator.
Qualquer outra forma de
alimentao ser menos eficiente.
Exemplo:
O conjunto de reatores apresentado abaixo mostra cinco reatores
tubulares divididos em duas linhas. O volume de cada reator est indicado
na figura. Como eu devo fracionar a alimentao?

Reatores de mistura em srie com a mesma capacidade:

Em reatores pistonados a concentrao do reagente diminui


progressivamente atravs do comprimento do reator, em escoamento de
mistura, a concentrao diminui imediatamente para um valor mais baixo.
Em funo disto o reator pistonado normalmente mais eficiente que um
reator de mistura, nos casos de reaes com ordem maior que zero, isto ,
n>0.

Perfil de concentrao atravs de N estgios de um sistema tubular


combinado com um sistema de reatores de mistura.
Balano de massa para reatores de mistura em srie:
Reaes de 1 ordem:

CA0Vi Vi CA 0 Xi Xi1

rAi
FA 0 v0

como A 0 , esta equao pode ser escrita em termos de concentrao,


isto :

CA0 1 CAi / CA0 1 CA 1i / CA0 CA 1i CAi

kCAi
kCAi

Reatores de diferentes tipos em srie e/ou paralelo


A anlise deve ser feita de caso a caso, a partir do balano de massa.