Você está na página 1de 23
MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO COMANDO MILITAR DO PLANALTO BATALHÃO DA GUARDA PRESIDENCIAL (BATALHÃO DO

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO COMANDO MILITAR DO PLANALTO BATALHÃO DA GUARDA PRESIDENCIAL (BATALHÃO DO IMPERADOR/ 1823) BATALHÃO DUQUE DE CAXIAS

EDITAL

EXAME DE COMPROVAÇÃO DE HABILIDADE MUSICAL (ECHM) - PARA INGRESSO NO EXÉRCITO BRASILEIRO NA QUALIFICAÇÃO MILITAR DE CABOS MÚSICOS (QMG 00 - QMP 12)

EDITAL Nr

- S/3 BGP, 09 DE DEZEMBRO DE 2016.

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO COMANDO MILITAR DO PLANALTO BATALHÃO DA GUARDA PRESIDENCIAL (BATALHÃO DO

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO COMANDO MILITAR DO PLANALTO BATALHÃO DA GUARDA PRESIDENCIAL (BATALHÃO DO IMPERADOR/ 1823) BATALHÃO DUQUE DE CAXIAS

ECHM - PARA INGRESSO NA QUALIFICAÇÃO MILITAR DE CABOS MÚSICOS (QMG 00 - QMP 12)

1. FINALIDADE:

- Regular as condições de execução do ECHM, para o preenchimento de claros de cabos da QM 00-12 (Músico).

2. REFERÊNCIA

a. Lei n° 4.375, de 17 de agosto de 1964. Dispõe sobre a Lei do Serviço Militar, Boletim do Exército nº 39. Brasília, 1964.

b. Lei n° 6.880, de 09 de dezembro de 1980, Dispõe sobre o Estatuto dos Militares, Boletim do

Exército n° 02, Brasília, 1981.

c. Portaria do Ministro do Exército n° 739, de 16 Set 97 – Diretriz para o Treinamento Físico Militar e sua Avaliação.

d. Portaria n° 148, de 17 de dezembro de 1998. Estado-Maior do Exército. Aprova as Normas

Reguladoras da Qualificação, Habilitação, Condição de Acesso e Situação das Praças do Exército;

Boletim do Exército nº 53. Brasília, 1998. EB60-IR-22.002 12/13

e. Lei n° 9.786, de 08 de fevereiro de 1999. Dispõe sobre o Ensino no Exército. Boletim do Exército n° 07. Brasília, 1999.

f. Decreto n° 3.182, de 23 de setembro de 1999. Dispõe sobre o Regulamento da Lei de Ensino no Exército. Diário Oficial da República Federativa do Brasil n° 184. Brasília, 1999.

g. Portaria n° 064 – DEP, de 16 Nov 99 – Normas para as Comissões de Exame Intelectual (NCEI).

h. Portaria nº 549, de 06 de outubro de 2000. Comando do Exército. Aprova o Regulamento de

Preceitos Comuns aos Estabelecimentos de Ensino do Exército (R-126). Boletim do Exército n° 42. Brasília, 2000.

i. Portaria do Comandante do Exército n° 605, de 24 Out 02 – Instruções Gerais para a Qualificação Militar dos Subtenentes e Sargentos Músicos (QMS Mus) e a Qualificação Militar Singular dos Cabos e Soldados Músicos (QM 00-12) – IG 10-59.

j. Portaria nº 0 89, de 07 de novembro de 2002. Estado-Maior do Exército. Aprova o Manual de

Campanha C 20-20- Treinamento Físico Militar. Boletim do Exército n° 46. Brasília, 2002.

k. Portaria do Comandante do Exército n° 141, de 31 Mar 04 – Instruções Gerais para Perícias

Médicas no Exército (IGPMEx – IG 30-11).

Portaria Nr 017-DEP, de 31 Jan 2005, Aprova as Instruções Reguladoras do Exame de Comprovação da Habilidade Musical para o ingresso na Qualificação Militar dos Cabos e Soldados Músicos – (QM 0012 (IR/ECHM –IR 60-23).

m.

n. Portaria nº 101, de 1º de agosto de 2007. Estado-Maior do Exército. Aprova as Normas para Referenciação dos Cargos de Militares do EB. Boletim do Exército n° 31. Brasília, 2007.

o. Portaria n° 566, de 13 de agosto de 2009. Comando do Exército. Aprova as Instruções Gerais para as Perícias Médicas no Exército- IGPMEx (IG 30-11) e dá outras providências. Boletim do Exército n° 32. Brasília, 2009

p. Portaria n° 215, de 1º de setembro de 2009. DGP. Aprova as Instruções

Reguladoras das Perícias Médicas no Exército- IRPMEx (IR 30-33). Boletim do Exército n° 36. Brasília, 2009.

q. Portaria n° 247, de 07 de outubro de 2009. DGP. Aprova as Normas Técnicas

sobre as Perícias Médicas no Exército (NTPMEx). Separata do Boletim do Exército nº 40. Brasília, 2009.

r. Portaria n° 133, de 29 de junho de 2010. DGP. Altera as Normas Técnicas sobre as Perícias Médicas no Exército (NTPMEx). Separata do Boletim do Exército n° 26. Brasília, 2010.

s. Portaria n° 067, de 12 de maio de 2011. DGP. Altera dispositivo das Normas Técnicas sobre Perícias Médica no Exército (NTPMEx) (Subitem 4.4 do VOLUME IV e VOLUME V). Boletim do Exército nº 19. Brasília, 2011.

t. Portaria n° 769, de 07 de dezembro de 2011. Comando do Exército. Aprova as Instruções Gerais para Correspondência do Exército (EB l0-IG-01.001), l a Edição 2011 e dá outras providências. Separata do Boletim do Exército nº 50. Brasília, 2011.

u. Portaria n° 770, de 07 de dezembro de 2011. Comando do Exército. Aprova as Instruções Gerais para as Publicações Padronizadas do Exército (EB l0-IG- 01.002), l a Edição 2011 e dá outras providências. Separata do Boletim do Exército n° 50. Brasília, 2011.

v. Portaria n° 771, de 07 de dezembro de 2011. Comando do Exército. Aprova as Instruções Gerais para os Atos Administrativos do Exército (EB l0-IG-01.003), lª Edição 2011 e dá outras providências. Separata do Boletim do Exército nº 50. Brasília, 2011.

w. . Portaria n° 046, de 27 de março de 2012. DGP. Aprova as Normas Técnicas para a Prestação do Serviço Militar Temporário (EB30-N-30. 009) P Edição, 2012. Boletim do Exército n° 14. Brasília, 2012. EB60-IR-22.002 13/13.

x. Portaria n° 271, de 26 de abril de 2012. Comando do Exército. Aprova as Instruções Gerais para a Qualificação dos Subtenentes e Sargentos Músicos (QMS Mus) e a Qualificação Militar Singular dos Cabos e Soldados Músicos (QMG 00- QMP 12)- EB l0-IG-01.004 e dá outras providências. Boletim do Exército nº 18, Brasília, 2012

y. Portaria nº 144, de 05 de outubro 2012. DECEx. Aprova as Instruções

Reguladoras do ECHM para ingresso na Qualificação Militar Singular dos Cabos e

Soldados Músicos (QMG 00- QMP 12) (IR/ECHM- EB 60-IR-22.002).

3. CRITÉRIOS DE INSCRIÇÃO a. Universo de seleção:

- Constituem fontes de recrutamento para o ingresso na QM 00-12: Cabos e Soldados da ativa do Exército (apenas militares temporários); reservistas das Forças Armadas; e civis portadores de Certificado de Dispensa de Incorporação (CDI).

b. Objeto de seleção:

- O objeto deste edital é preencher 73 (setenta e três ) claros de Cabos da QM 00-12 (músico) para a

Guarnição de Brasília/DF ( BGP, Banda Marcial do Exército Brasileiro, BPEB, 1º RCGd) de acordo com o descrito abaixo:

1) 25 (vinte e cinco) vagas contemplarão os claros de Cabos Músicos a serem preenchidos na Banda

de Música do BGP, conforme se segue: 05 (cinco) Clarinetes Soprano em Sib; 01 ( uma) Clarineta Alto

em Mib; 01(uma) Trombone Baixo em Sib;

Flugelhorn; 01(uma) Trompa Fa; 01(uma) Saxhorne Barítono em Sib; 01 (uma)Tuba em Sib; 04(quatro) Caixa Surda; 01 (uma) Saxhorne Baixo em Sib; 03 (três) Tarol; e 03 (três) Tímpanos e Bombos.

02(duas) Trombone Tenor em Sib; 01Cornetim; 01(uma)

2) 25 (vinte e cinco) vagas contemplarão os claros de Cabos Músicos a serem preenchidos na Banda Marcial do Exército Brasileiro, que é subordinada ao Comando do BGP. Os claros são os seguintes: 04 (quatro) Gaitas de Fole; 04 (quatro) Trompetes; 02 (dois) Cornetins em Sib; 01 (um) Flugelhorn em Sib; 01 (um) Trompa Sib, Fá; 02 (dois) Trombones Tenores em Sib; 01 (um) Saxhorne Sib; 02 (dois) Tubas em Sib; 02 (dois) Bombos; 02 (dois) Caixas Surdas; 02 (dois) Caixas de Guerra; 02 (dois) Pratos.

3) 09 (nove) vagas contemplarão os claros de Cabos Músicos a serem preenchidos na Banda de Música do BPEB, conforme se segue: 02 (duas) Clarinetes Soprano em Sib; 01(uma) Cornetim; 01(uma) Flugelhorn; 02 (duas)Tuba em Sib; 02(duas) Caixa Surda; e 01 (uma) Tímpanos e Bombos.

4) 14(quatorze) vagas contemplarão os claros de Cabos Músicos a serem preenchidos na Banda de Música do 1º RCGd, conforme se segue: 04 (cinco) Clarinetes Soprano em Sib; 02 ( duas) saxofone; 01(um) fagote; 01 (um) Cornetim; 01(uma) Trompa Fa; 01 (uma)Tuba em Sib; 03(três) Caixa Surda; e 01 (um) Tímpanos e Bombos.

c. Condição necessária para inscrição e matrícula do candidato:

- Será feita mediante requerimento do candidato acrescido da documentação (original ou autenticada)

conforme os requisitos exigidos dos candidatos abaixo. O requerimento deverá ser dirigido ao Comandante do Batalhão da Guarda Presidencial (BGP), localizado na Avenida Duque de Caxias, s/nº - Setor Militar Urbano, BRASÍLIA-DF, CEP 70 630 000, o qual poderá ser entregue pessoalmente, em dias

úteis, na 3ª seção do BGP ou enviado por meio SEDEX, também à 3ª seção do BGP, com Aviso de Recebimento (AR), a validade destes recebidos somente serão aceitas para o período compreendido entre os dias 15 de dezembro de 2016 a 13 de janeiro de 2017, das 08:00h às 16:00h.

- Será considerado somente 01 (um) requerimento por candidato. Para tanto, no ato da inscrição o

candidato deverá optar, por via de requerimento próprio (anexos), se deseja prestar exame para o

preenchimento de claro: Banda de Música do BGP (25 vagas), Banda Marcial do Exército Brasileiro (25 vagas), Banda de Música do BPEB (09 vagas), ou Banda de Música do 1º RCGd (14 vagas).

- Fica vedada a inscrição para mais de uma Banda.

- Deverá ainda, constar no requerimento escolhido pelo candidato, os instrumentos para os quais pretende se habilitar, podendo o referido candidato optar por até 02 (dois) instrumentos.

d. Requisitos exigidos dos candidatos:

3.1 Comum a todos:

a. Ser voluntário.

b. Ter completado no máximo 35 (trinta e cinco) anos e 364 (trezentos e sessenta e quatro) dias de

idade, até 31 de dezembro de 2016.

c. Atender aos requisitos regulamentares no âmbito do Departamento Geral do Pessoal (DGP), no que tange à inspeção de saúde e demais aspectos da legislação do Serviço Militar.

d. Estar em dia com as obrigações militares e eleitorais.

e. Ter, no mínimo, 1,60m (um metro e sessenta centímetros) de altura.

f. Apresentar uma cópia autenticada da Certidão de Tempo de Serviço Público, caso tenha, prestado

serviço em órgão público federal, estadual ou municipal, na Administração Direta, Indireta, Autárquica ou Fundacional de qualquer dos poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal, dos antigos Territórios e dos Municípios, de tempo de serviço militar (inicial, de estágios, prorrogações e outros) até a data da incorporação e caso não possua os citados neste parágrafo, declaração de próprio punho registrada em

cartório da inexistência de prestação de serviço público.

g. Não ter sido considerado isento do Serviço Militar, seja por licenciamento e exclusão de

Organização Militar a bem da disciplina, seja por incapacidade física ou mental definitiva ("Incapaz C"), condição essa a ser comprovado pelo Certificado Militar que recebeu; se atender a esse requisito, deve possuir o Certificado de Reservista ou CDI.

h. Se ex-aluno de estabelecimento de Ensino de Formação de Oficiais ou de Praças do Exército, da

Marinha, da Aeronáutica, de Polícia Militar ou de Corpo de Bombeiros Militar, não ter sido desligado por motivo disciplinar, tendo sido classificado, no mínimo, no comportamento "bom", por ocasião do seu desligamento.

i. Ter concluído a última série do Ensino Fundamental, na forma da legislação federal que regula a

matéria; se a estiver cursando no ano de realização do concurso, poderá ser inscrito, mas somente será

habilitado à incorporação se concluir essa série com aproveitamento, antes do encerramento do processo seletivo.

j. Não exercer ou ter exercido atividades prejudiciais ou perigosas à Segurança Nacional, de acordo

com o Art. 11 da lei 6880.

k. Não ter sido condenado em processo criminal transitado em julgado nos últimos 05 (cinco) anos

contando o prazo a partir do início do cumprimento da pena.

l. Não possuir tatuagens que façam alusão a ideologias terroristas, extremistas, à violência, a

criminalidade, discriminação, exposição sexual, preconceito de raça, credo, ideia ou ato ofensivo às forças

armadas e ou contrárias às instituições democráticas.

m. Possuir aptidão física e idoneidade moral.

n. Fica vedada, a inscrição de candidatos civis, portadores do Certificado de Alistamento Militar (CAM), em razão de não estarem previstos no universo de recrutamento, de acordo com a legislação específica (Portaria n° 144 – DECEx, de 05 Out 12).

o. Todas as cópias fotostáticas de documentos a serem anexadas ao requerimento de inscrição no

ECHM a cabo da QM 00-12 deverão estar autenticadas, ou deverá ser apresentado à Comissão de Exame

o documento original para a respectiva autenticação no momento da entrega do requerimento.

3.2 Específicos para Cabos e Soldados da ativa do Exército:

a) Estar classificado no mínimo no comportamento "Bom" e possuir parecer

favorável do Comandante da Organização Militar (OM) a que pertence.

b) Ter sido considerado

Inspeção de Saúde.

"apto" para o serviço do Exército, pela Junta

de

c) Ter realizado o último Teste de Aptidão Física ( TAF), na OM em que

serve, tendo obtido, no mínimo, a menção "B".

d)

Apresentar cópia fotostática do Cartão de Identificação Militar autenticada.

e)

Apresentar cópia do comprovante de regularização da situação eleitoral.

f)

Requerimento e Informação assinada pelo Comandante da OM.

g)

01 (uma) foto 3x4, colorida, fundo branco, fardado.

h)

Fica vedada a inscrição de cabos/soldados temporários, ou de reservistas que

tenham ou venham a completar mais de 06 (seis) anos de serviço até a data prevista para a realização do ECHM em epígrafe.

3.3 Específicos para reservistas das Forças Armadas:

a) Ter sido classificado no mínimo no comportamento "Bom", por ocasião de seu licenciamento da OM onde prestou o Serviço Militar inicial ou prorrogação deste, conforme certidão de suas alterações ocorridas no período em que permaneceu incluído no serviço ativo.

b) Apresentar cópia fotostática, autenticada, do seu Certificado de Reservista.

c) Certidões negativas da Justiça Criminal do Tribunal Regional Federal, do Tribunal de Justiça do

Estado onde reside, da Auditoria da Justiça Militar da União e da Auditoria da Justiça Militar Estadual onde reside.

d) Apresentar cópia do comprovante de regularização da situação eleitoral.

e) Requerimento para reservistas das Forças Armadas.

f) 01 (uma) foto 3x4, colorida, fundo branco.

3.4 Específicos para civis portadores de CDI:

a) Apresentar cópia fotostática, autenticada, do seu CDI.

b) Certidões negativas da Justiça Criminal do Tribunal Regional Federal, do Tribunal de Justiça do

Estado onde reside, da Auditoria da Justiça Militar da União e da Auditoria da Justiça Militar Estadual onde reside.

c) Apresentar cópia do comprovante de regularização da situação eleitoral.

d) Requerimento para civis portadores de CDI.

e) 01 (uma) foto 3x4, colorida, fundo branco.

3.5 Constituem causas de indeferimento da inscrição:

a) Realizá-la após a data estabelecida no calendário do processo seletivo.

b) Contrariar quaisquer dos requisitos exigidos ao candidato, previstos na letra b., letra c. e a

letra d. do número 3, deste Edital.

c) Deixar de apresentar quaisquer das informações necessárias à inscrição ou apresentá-las

contendo imprecisões ou irregularidades.

d) Não serão efetivadas inscrições com documentação incompleta e que venham extrapolar o

prazo estabelecido pelo calendário de eventos deste edital. A saber: de 28 de setembro a 27 de outubro

2016 para inscrição mediante SEDEX, remetidas à 3ª seção do BGP, com Aviso de Recebimento (AR) – e para inscrição presencial, das 08:00h às 16:00h - dias úteis – local: BGP.

4. CONSTITUIÇÃO DO EXAME

- O Exame de Comprovação de Habilidade Musical ( ECHM) para ingresso na Qualificação Militar dos Cabos Músicos consistirá de avaliações escrita, oral e prática.

a. Avaliação Escrita:

1) Compassos em geral: simples e compostos. Unidades de tempo e de compasso. Transformação do compasso simples em composto e vice-versa. Tempos fortes e fracos. Partes fortes e fracas de tempo. Tempo meio-forte e contratempo. 2) Síncopas regulares. Quiálteras. 3) Sinais de alteração: sustenidos, bemóis, dobrado sustenido, dobrado bemol e bequadro; suas finalidades. Armadura de clave e acidentes. 4) Sinais de intensidade. Palavras e expressões que modificam os andamentos. 5) Tetracórdio. Reprodução das escalas maiores com sustenidos e bemóis. 6) Staccattos em geral. 7) Cópia de um trecho onde deverão ser observados a grafia das notas e de todos os sinais de repetição e intensidade.

8) Apogiatura inferior e superior (simples e dupla), mordentes inferior e superior, floreio de duas notas, trinado e portamento.

b. Avaliação Oral:

1) Divisão rítmica. Escalas maiores e menores, ascendentes e descendentes, com sustenidos e bemóis, nas formas melódica e harmônica.

2) Compassos simples e compostos. 3) Intervalos superior e inferior; suas classificações e inversões. Tom. Semitons diatônicos e cromáticos. Intervalos melódicos e harmônicos. 4) Leitura métrica e solfejo não-modulante, na clave do instrumento do candidato.

c.

Avaliação Prática:

1) Execução das escalas ascendentes e descendentes, até quatro sustenidos e quatro bemóis, dentro da extensão do instrumento do candidato. 2) Execução de um estudo de método que contenha ornamento de uma ou de duas notas, dentre três apresentados pelo candidato, considerados de dificuldade média de execução, à escolha da comissão de

aplicação do exame.

3) Execução de uma marcha militar e do Hino Nacional Brasileiro, utilizando instrumento do candidato em 1ª voz.

d. Bibliografia

- Princípios Básicos da Música para a Juventude, 1º e 2º Volumes. Autora: Maria Luiza de Mattos

Priolli.

- Curso Completo de Teoria Musical. Autor: Franklin de Carvalho Junior.

5. PROCEDIMENTOS NOS LOCAIS DE AVALIAÇÃO

a. A aplicação das avaliações escritas, oral e prática do ECHM serão feitas nos locais determinados, nas datas e nos horários estabelecidos neste Edital (conforme horário de Brasília).

b. O candidato deverá comparecer ao local das avaliações com antecedência mínima de 01(uma) hora

em relação ao início do tempo destinado à realização das avaliações do ECHM, em cada uma das datas

previstas, portando seu documento de identificação e do material permitido para resolução das questões. Tal antecedência é imprescindível para a organização dos locais do concurso, permitindo condições para que os candidatos sejam orientados pelos encarregados da aplicação e distribuídos nos seus lugares, ficando em condições de iniciarem as avaliações.

c. As portas dos locais das avaliações serão fechadas 30 (trinta) minutos antes do horário previsto para o início das avaliações.

d. O candidato deverá comparecer aos locais de realização das avaliações com trajes compatíveis com

a atividade, não podendo utilizar bermuda, "corsário", short ou similar, camiseta sem manga ou sandálias abertas; caso contrário, sua entrada será impedida. Da mesma forma, não será permitido o uso de gorro, chapéu, boné viseira, cachecol e outros, devendo os cabelos e as orelhas do candidato estar sempre visíveis. Os candidatos militares deverão estar com o uniforme 4A, com boina.

e. Não haverá segunda chamada para a realização de qualquer uma das avaliações.

f. O candidato que faltar a uma das avaliações será automaticamente eliminado, não podendo realizar as avaliações seguintes.

6. DO MATERIAL PERMITIDO NOS LOCAIS DAS AVALIAÇÕES, DAS RESTRIÇÕES DE COMUNICAÇÃO.

a. Para a realização das avaliações, o candidato somente poderá conduzir e utilizar o seguinte

material: lápis (apenas para rascunho), borracha, régua e canetas esferográficas transparente de tinta preta ou azul. O material não poderá conter qualquer tipo de inscrição, exceto as de caracterização (marca, fabricante, modelo) e as de graduações (régua). Os candidatos poderão conduzir, até o local de avaliação, bebidas, exceto alcoólicas.

b. Não será permitido ao candidato adentrar aos locais de avaliações portando armas, gorros, chapéus,

bonés ou similares, bolsas, mochilas, livros, impressos, anotações, cadernos, folhas avulsas de qualquer tipo e/ou anotações, bem como qualquer outro item diferente do listado como autorizado. Também, não lhe será permitido portar aparelhos eletroeletrônicos, tais como, "bips", telefones celulares, walkman, mp3, aparelhos radiotransmissores, palmtops, pager, receptores de mensagens, gravadores e similares.

c. Não serão permitidos, durante a realização das avaliações:

1) O empréstimo de material de qualquer pessoa para candidato, ou entre candidatos. 2) A comunicação entre candidatos.

d. A Comissão de Aplicação e Fiscalização (CAF) não se responsabilizará pela guarda de material do

candidato, cabendo a este conduzir apenas o que for permitido para o local de avaliação.

e. Os candidatos somente poderão sair do local da avaliação escrita depois de transcorridos dois terços do tempo total destinado à sua realização.

f. Somente será admitido ao local de avaliação, para o qual esteja designado, o candidato inscrito no

ECHM, o qual deverá apresentar à CAF, o original de um dos seguintes documentos de identificação, dentro do seu período de validade: carteira de identidade expedida pela Marinha do Brasil, Exército Brasileiro, Força Aérea Brasileira, Secretaria Estadual de Segurança Pública, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros Militar ou por órgãos fiscalizadores de exercício profissional (tais como ordens e conselhos); carteira funcional do Ministério Público; carteira funcional expedida por órgão público que, por lei federal, seja válida como identidade; Carteira de Trabalho; ou Carteira Nacional de Habilitação, com fotografia. Não será aceito, em qualquer hipótese, boletim ou registro de ocorrência em substituição ao documento de identificação.

7. CRITÉRIOS DE APROVAÇÃO

a. O grau de cada avaliação do ECHM será expresso por um valor numérico, variável de zero a dez, com aproximação até centésimos.

b. Todas as avaliações do ECHM serão eliminatórias.

c. Para aprovação, é necessário obter, no mínimo, o grau 5,00 (cinco) em cada uma das avaliações constantes do exame.

d. O grau final será obtido pela média ponderada entre o grau da avaliação escrita (AE), com peso

dois, o grau da avaliação oral (AO), com peso um, e o grau da avaliação prática (AP), com peso dois. O

cálculo para a obtenção deste resultado é expresso através da seguinte fórmula:

Grau Final do ECHM = (2 X AE) + AO + (2 X AP)

5

e. Somente serão considerados "aptos" os candidatos aprovados e classificados dentro do número de

vagas existentes para cada instrumento musical considerado. Os demais serão considerados como "sem

aproveitamento", mesmo que tenham obtido o grau final igual ou superior a 5,00 (cinco), resultado este que não valerá para futuras oportunidades de preenchimento de vagas.

f. Em caso de igualdade na classificação no ECHM, ou seja, mesmo grau final para mais de um

candidato, serão utilizados os seguintes critérios de desempate, de acordo com a ordem de prioridade abaixo estabelecida:

1) Maior nota na avaliação prática.

2) Maior nota na avaliação escrita. 3) Maior nota na avaliação oral. 4) Persistindo o empate, terá precedência para a classificação:

4.1) O candidato militar sobre o reservista e civis portador de CDI. 4.2) O candidato reservista das Forças Armadas sobre o civil portador de CDI. 4.3) Dentre os militares, o mais antigo. 4.4) Dentre os reservistas das Forças Armadas, o de maior idade. 4.5) Dentre os civis portadores de CDI, o de maior idade.

g. A majoração (lista de reservas), quando existir, será estabelecida pelo BGP após o recebimento dos

resultados das inspeções de saúde, exames clínicos e resultado do TAF ou Exame de Aptidão Física (EAF) e destina-se a recompletar o número total de candidatos a serem selecionados dentro do número de vagas existentes por instrumento, em caso de desistências ou reprovações (inaptidões ou contraindicações) de candidatos em quaisquer das etapas do processo seletivo.

ECHM e considerados com aproveitamento, ou seja, com grau igual ou superior a 5,00 em cada uma das avaliações.

b. Não haverá segunda chamada para a inspeção de saúde, nem para a apresentação dos exames

médicos solicitados.

c. O candidato será considerado desistente e eliminado da seleção se, mesmo por motivo de força maior:

1) Faltar à Inspeção de Saúde ou Inspeção de Saúde em Grau de Recurso.

2) Não apresentar os laudos dos exames complementares, no todo ou em parte, por ocasião da Inspeção de Saúde ou Inspeção de Saúde em Grau de Recurso. 3) Não concluir a Inspeção de Saúde ou Inspeção de Saúde em grau de Recurso.

d. O candidato julgado incapaz na Inspeção de Saúde poderá requerer Inspeção de Saúde em Grau

de Recurso, dentro do prazo de 48 (quarenta e oito) horas, contadas a partir da data da divulgação do resultado da Inspeção a que foi submetido, através Requerimento de Inspeção de Saúde em Grau de Recurso (modelo em anexo).

e. Os candidatos reservistas das Forças Armadas e civis portadores de CDI, que forem aprovados no ECHM e considerados com aproveitamento, ou seja, com grau igual ou superior a 5,00 em cada uma das avaliações, deverão apresentar por ocasião da Inspeção de Saúde os exames abaixo relacionados, os quais necessariamente deverão ser feitos entre 16 de setembro e 26 de setembro do corrente:

1) Radiografia dos campos pleuro-pulmonares.

2) Sorologia para Lues e HIV

3) Reação de Machado-Guerreiro.

4) Hemograma completo, tipagem sanguínea e fator RH. 5) Parasitológico de fezes. 6) Sumário de urina. 7) Teste ergométrico. 8) Eletroencefalograma. 9) Perfil imunológico para hepatites virais. 10) Uréia e creatinina. 11) Parecer oftalmológico (acuidade visual com e sem correção, refração, biomicroscopia, fundo de olho, tonometria, motilidade e senso cromático). 12) Parecer auditivo (acuidade auditiva).

13) Glicemia de jejum. 14) Radiografia panorâmica da arcada dentaria. 15) Radiografia de coluna cervical, torácica e lombar com laudo, especificando os ângulos de Coob e Ferguson.

9. EAF - PARA RESERVISTAS E PORTADORES DE CDI

1. Apenas os candidatos considerados aptos na Inspeção de Saúde e com grau igual ou superior a

5,00 em cada uma das avaliações, submeter-se-ão ao EAF.

2. O candidato realizará o EAF no BGP.

3. Todos os candidatos convocados para o EAF deverão se apresentar nos horários previstos no

calendário de eventos deste Edital.

4. A aptidão física será expressa pelo conceito "APTO" ou "INAPTO", realizadas com trajes

esportivos e será avaliada em dois dias consecutivos, de acordo com os índices mínimos a serem

atingidos pelos candidatos, conforme se segue:

1° DIA

2° DIA

3° DIA

Flexões na Barra Abdominal Supra

Corrida de 12 min

Flexões de Braço

Corrida de 12 min

02 (duas) flexões

20 (vinte)

1.800 metros (um mil e oitocentos)

15 (quinze) flexões

2ª tentativa se for o caso

abdominais

- Flexão de braços em barra (sem limite de tempo)

a) Posição inicial: o candidato, sob a barra horizontal fixa, deverá empunhá-la com a pegada em

pronação, com os dedos polegares envolvendo-a (palmas das mãos para frente), braços totalmente estendidos; as mãos deverão permanecer com um afastamento entre si correspondente à largura dos

ombros e o corpo deverá estar estático; braços totalmente estendidos; corpo suspenso, sem que os pés estejam apoiados no solo ou nas traves de sustentação da barra.

b) Execução: após a ordem de iniciar, o candidato deverá executar uma flexão dos braços na barra até

que o queixo ultrapasse completamente a barra (estando à cabeça na posição natural, sem hiperextensão

do pescoço) e, imediatamente, descer o tronco até que os cotovelos fiquem completamente estendidos (respeitando as limitações articulares individuais), quando será completada uma repetição; prosseguirá executando repetições do exercício sem interrupção do movimento; o corpo do executante não poderá, em nenhum momento, tocar o solo nem os suportes da barra.

c) O ritmo das flexões de braços na barra é opção do candidato; não poderá haver qualquer tipo de

impulso, nem balanço das pernas para auxiliar o movimento; a contagem de flexões será encerrada no momento em que o candidato largar a barra; após iniciar o corpo do executante não poderá, em nenhum momento, tocar o solo nem os suportes da barra;

- Flexão de braços (sem limite de tempo)

a) Posição inicial: apoio de frente sobre o solo, braços e pernas estendidos; para a tomada da posição

inicial, o candidato deverá se deitar, em terreno plano, liso, apoiando o tronco e as mãos no solo, ficando as mãos ao lado do tronco com os dedos apontados para frente e os polegares tangenciando os ombros, permitindo, assim, que as mãos fiquem com um afastamento igual à largura do ombro; após adotar a abertura padronizada dos braços, deverá erguer o tronco até que os braços fiquem estendidos, mantendo os pés unidos e apoiados sobre o solo.

b) Execução: o candidato deverá abaixar o tronco e as pernas ao mesmo tempo, flexionando os braços

paralelamente ao corpo até que o cotovelo ultrapasse a linha das costas, ou o corpo aproxime-se do solo, estendendo, então, novamente, os braços, erguendo, simultaneamente, o tronco e as pernas até que os braços fiquem totalmente estendidos, quando será completada uma repetição; prosseguirá executando repetições do exercício sem interrupção do movimento.

c) O ritmo das flexões de braços, sem paradas, será opção do candidato.

- Abdominal supra

a) Posição inicial: o candidato deverá tomar a posição deitado em decúbito dorsal, joelhos

flexionados, pés apoiados no solo, calcanhares próximos aos glúteos, braços cruzados sobre o peito, de forma que as mãos encostem-se ao ombro oposto (mão esquerda no ombro direito e vice-versa); o avaliador deverá se colocar ao lado do avaliado, posicionando os dedos de sua mão espalmada, perpendicularmente, sob o tronco do candidato a uma distância de quatro dedos de sua axila,

tangenciando o limite inferior da escápula (omoplata); esta posição deverá ser mantida durante toda a realização do exercício.

b) Execução: o candidato deverá realizar a flexão abdominal até que as escápulas percam o contato

com a mão do avaliador e retornar à posição inicial, quando será completada uma repetição, e prosseguirá executando repetições do exercício sem interrupção do movimento, em um tempo máximo de 5 minutos; o ritmo das flexões abdominais, sem paradas, será opção do candidato.

c)

O candidato não poderá obter impulso com os braços afastando-os do tronco nem retirar os

quadris do solo, durante a execução do exercício.

- Corrida de 12 (doze) minutos

a) Execução: partindo da posição inicial de pé, o candidato deverá correr ou andar a distância máxima

que conseguir, no tempo de 12 (doze) minutos, podendo interromper ou modificar seu ritmo.

b) A avaliação deverá ser realizada em piso duro (asfalto, paralelepípedo ou areia firme) e

predominantemente plano; para a marcação da distância, deverá ser utilizada uma trena de 50 (cinquenta) ou 100 (cem) metros, anteriormente aferida.

c) É permitido ao candidato o uso de qualquer tipo de tênis.

d) É proibido, a quem quer que seja, acompanhar o executante, em qualquer momento da avaliação.

e) Durante a realização do EAF é permitido executar duas tentativas em cada uma das tarefas, com

intervalos de 01 (uma) hora para descanso, excetuando-se a tarefa de corrida de 12 (doze) minutos que deverá ser realizada com intervalo de 01 (um) dia.

f) O candidato que faltar ao EAF ou que não vier a completá-lo (ou seja, não realizar as quatro tarefas

previstas) será considerado desistente e eliminado do ECHM.

10. DA APLICAÇAO

- A aplicação das avaliações e do EAF será conduzida pela CAF, nomeada pelo Comandante do BGP.

11. ELIMINAÇÃO DO ECHM

- Será eliminado, o candidato que for enquadrado em uma ou mais das seguintes situações:

a) Utilizar-se ou tentar utilizar-se de meios ilícitos (cola) ou material de uso proibido para a resolução

das avaliações.

b) Contrariar determinações da CAF ou cometer qualquer ato de indisciplina durante a realização das

avaliações.

c) Faltar ou chegar atrasado a qualquer uma das atividades previstas no calendário de eventos do

ECHM.

d) O candidato que ocultar ou adulterar qualquer informação relativa às condições exigidas para a

inscrição e para as outras fases do ECHM, será considerado inabilitado em qualquer etapa do processo seletivo, sendo dele excluído tão logo seja descoberta e comprovada a irregularidade. Caso o problema não seja constatado antes da data da incorporação e esta seja efetuada, o militar enquadrado nessa situação será desligado e excluído do estado efetivo do BGP, em caráter irrevogável e em qualquer época. Os responsáveis pelas irregularidades estarão sujeitos às sanções disciplinares cabíveis ou a responderem a inquérito policial, se houver indício de crime.

12. GABARITO E PEDIDOS DE REVISÃO

a. O candidato tem direito de solicitar revisão da avaliação escrita, para a CAF, por intermédio de um

pedido de revisão (Anexo H), conforme calendário deste edital. Não serão aceitos pedidos via fax ou correio eletrônico.

b. Será aceito apenas um pedido de revisão de gabarito por candidato, que deverá abranger todas as

questões contestadas. O candidato deverá especificar os itens das questões a serem revistas, seguindo fielmente o modelo apresentado neste Edital.

c. Serão indeferidos os pedidos de revisão que forem inconsistentes, sem fundamentação, genéricos ou que contrariem qualquer dispositivo deste Edital.

d. Se, do pedido de revisão das questões, resultarem anulação de questões e/ou itens da avaliação

escrita do ECHM, a pontuação correspondente será atribuída a todos os candidatos, independentemente de terem recorrido ou não. Se houver, por força de impugnações, alteração do gabarito preliminarmente divulgado, as avaliações de todos os candidatos serão recorrigidas de acordo com o gabarito definitivo.

13.

VALIDADE DO EXAME

- Este ECHM, tem validade até 20 de fevereiro de 2017, para preenchimento das vagas constantes no item 15, deste Edital.

14. LOCAL DAS AVALIAÇÕES

- BGP, localizado na Avenida Duque de Caxias, s/nº - Setor Militar Urbano, BRASÍLIA-DF, CEP 70 630 000.

15. *DISTRIBUIÇÃO DAS VAGAS – BANDA DE MÚSICA BGP

 

INSTRUMENTOS

REFERENCIAÇÃO

NÚMERO DE VAGAS

42

0012 95D 000

Clarinete Soprano em Sib

05

42

0012 95D 000

Clarineta Alto em Mib

01

42

0012 95M 000

Saxhorne Baixo em Sib

01

42

0012 95L 000

Trombone Baixo em Sib

01

42

0012 95L 000

Trombone Tenor em Sib

02

42

0012 95J 000

Cornetim

01

42

0012 95J 000

Flugelhorn

01

42

0012 95K 000

Trompa Fa

01

42

0012 95M 000

Saxhorne Barítono em Sib

01

42

0012 95N 000

Tuba em Sib

01

42

0012 95S 000

Caixa Surda

04

42

0012 95S 000

Tarol

03

42

0012 95S 000

Tímpanos e Bombo

03

 

TOTAL DE VAGAS

25

** Observar a letra i. do Nr 18 – Prescrições diversas.

16. **DISTRIBUIÇÃO DE VAGAS – BANDA MARCIAL DO EXÉRCITO BRASILEIRO

 

INSTRUMENTOS

REFERENCIAÇÃO

NÚMERO DE VAGAS

42

0012 95F 000

Gaita de Fole

04

42

0012 95J 000

Trompete

04

42

0012 95J 000

Cornetim

02

42

0012 95J 000

Flugelhorn

01

42

0012 95K 000

Trompa em Sib e Fá

01

42

0012 95L 000

Trombone Tenor em Sib

02

42

0012 95M 000

Saxhorne Baixo em Sib

01

42

0012 95N 000

Tuba em Sib

02

42

0012 95S 000

Bombos

02

42

0012 95S 000

Caixa Surda

02

42

0012 95S 000

Caixa de Guerra

02

42

0012 95S 000

Pratos

02

 

TOTAL DE VAGAS

25

** Observar a letra j. do Nr 18 – Prescrições diversas.

17. *DISTRIBUIÇÃO DAS VAGAS – BANDA DE MÚSICA 1º RCGd

 

INSTRUMENTOS

REFERENCIAÇÃO

NÚMERO DE VAGAS

42

0012 95D 000

Clarinete em Sib

04

42

0012 95E 000

Saxofone

02

42

0012 95C 000

Fagote

01

42

0012 95N 000

Tuba em Sib

01

42

0012 95J 000

Cornetim

01

42

0012 95S 000

Timpano e Bombo

01

42

0012 95S 000

Caixa Surda

03

42

0012 95K 000

Trompa Fa

01

 

TOTAL DE VAGAS

14

18. *DISTRIBUIÇÃO DAS VAGAS – BANDA DE MÚSICA BPEB

 

INSTRUMENTOS

REFERENCIAÇÃO

NÚMERO DE VAGAS

42

0012 95D 000

Clarinete em Sib

02

42

0012 95J 000

Cornetim

01

42

0012 95J 000

Flugelhorn

01

42

0012 95N 000

Tuba em Sib

02

42

0012 95S 000

Timpano e Bombo

01

42

0012 95S 000

Caixa Surda

02

 

TOTAL DE VAGAS

09

19.QUADRO RESUMO DE VAGAS DE CABO MÚSICO NA GUARNIÇÃO DE BRASÍLIA

BGP

MARCIAL

1º RCGd

BPEB

TOTAL GERAL

25

25

14

09

73

20.CALENDÁRIO DE EVENTOS

Evento

 

Data

Horário

Local

Entrada de requerimentos e apresentação da documentação constante do item “c” do nº 3 deste edital.

15

de dezembro 2016 a 13 janeiro 2017

08:00h às 16:00h somente dias úteis.

BGP

Divulgação da relação dos candidatos com inscrição deferida/indeferida.

 

18 de janeiro 2017

11:00h

Site/BGP

Chamada para Avaliação

Escrita

Avaliação Escrita.

23 de janeiro 2017

09:00h às 11:00h

BGP

Divulgação do Gabarito da Avaliação Escrita.

 

23

de janeiro 2017

13:00h

Site/BGP

Avaliação Prática.

24

e 25 de janeiro 2017 09:00h às 16:00h

BGP

   

Pedido de Revisão do Gabarito

 

25 de janeiro 2017

09:00h às 16:00h

Seção/BGP

Avaliação Oral.

26

e 27 de janeiro 2017 08:00h às 16:00h

BGP

Divulgação de deferimento e indeferimento de pedido de revisão

 

26

de janeiro 2017

11:00h

Site/BGP

Divulgação do resultado (pratica, escrita e oral) e relação dos convocados para inspeção de saúde.

 

30

de janeiro 2017

14:00h

Site/BGP

Inspeção de saúde e apresentação de exames conforme letra “e” do nº 8 deste edital

06

e 07 de fevereiro

2017

08:00h às 12:00h

A definir

Inspeção de saúde em grau de recurso

 

08 de fevereiro 2017

08:00h às 12:00h

A definir

Exame de aptidão física

 

13, 14 e 15 de fevereiro 08:00h às 11:00h

2017

BGP

Divulgação

de

candidatos

Aprovados

e

16

de fevereiro 2017

11:00h

Site/BGP

Classificados

Requalificação,

Incorporação

ou

20

de fevereiro 2017

07:30h

BGP

Reincorporação.

 

Adaptação ao serviço/Instrução Militar

 

20 de fevereiro 2017

07:30h às 16:30h

BGP

21.PRESCRIÇÕES DIVERSAS

a. A Qualificação Militar Singular dos Cabos e Soldados Músicos (QM 00-12) enquadra militares

temporários possuidores de conhecimentos técnicos na área musical, de acordo com o que prescreve o

inciso VI do art. 2° do Cap. 11, EB10-IG-01.004, aprovadas pela Portaria do Comandante do Exército n° 271, de 26 Abr 12.

b. O militar da QM 00-12 poderá obter, por concessão, reengajamentos sucessivos até o limite de 08

(oito) anos de serviço, obedecida, no que couber, a legislação específica que trata da prorrogação de tempo de serviço dos cabos e soldados do Efetivo-Profissional (EP), segundo o disposto no art. 29, Cap. V, EB10-IG-01.004.

c. O Edital do ECHM, os modelos de requerimento e a relação de assuntos e bibliografia, estarão disponibilizados no endereço eletrônico do BGP (http://www.bgp.eb.mil.br/).

d. Caso seja exarado pela Junta de Inspeção de Saúde, parecer de inaptidão para o serviço do Exército,

bem como haja a eliminação por falta de aptidão física, de qualquer candidato previsto para comparecer a

esses eventos, será chamado, para o completamento daquela vaga, o próximo candidato que figurar, imediatamente, na ordem de classificação no ECHM dentro do instrumento em que se verifique a eliminação de candidato.

e. Fica estabelecido o mesmo critério do tópico anterior, caso o candidato aprovado e melhor

classificado venha, por qualquer motivo, desistir de concorrer ao preenchimento da vaga de cabo da QM

00 -12, na Banda de Música do BGP.

f. Não serão aceitos os requerimentos solicitando inscrição em caráter excepcional.

g. Os requerimentos que derem entrada no BGP com data posterior ao término das inscrições serão

automaticamente indeferidos.

h. É de responsabilidade dos candidatos, todos os custos com os exames médicos a serem apresentados

por ocasião da inspeção de saúde, deslocamentos para todas as etapas previstas neste edital, bem como

despesas com alimentação e estadia, não se responsabilizando o Exército Brasileiro por quaisquer destas despesas.

i. 25 (vinte e cinco) vagas contemplarão os claros de Cabos Músicos a serem preenchidos na Banda

de Música do BGP, conforme se segue: 05 (cinco) Clarinetes Soprano em Sib; 01 ( uma) Clarineta Alto

em Mib; 01(uma) Trombone Baixo em Sib;

Flugelhorn; 01(uma) Trompa Fa; 01(uma) Saxhorne Barítono em Sib; 01 (uma)Tuba em Sib; 04(quatro) Caixa Surda; 01 (uma) Saxhorne Baixo em Sib; 03 (três) Tarol; e 03 (três) Tímpanos e Bombos.

j. 25 ( vinte e cinco) vagas contemplarão a Banda Marcial do Exército Brasileiro, que é

subordinada ao Comando do BGP. Os claros são os seguintes: 04 (quatro) Gaitas de Fole; 04 (quatro) Trompetes; 02 (dois) Cornetins em Sib; 01 (um) Flugelhorn em Sib; 01 (um) Trompa Sib, Fá; 02 (dois) Trombones Tenores em Sib; 01 (um) Saxhorne Sib; 02 (dois) Tubas em Sib; 02 (dois) Bombos; 02 (dois) Caixas Surdas; 02 (dois) Caixas de Guerra; 02 (dois) Pratos.

02(duas) Trombone Tenor em Sib; 01Cornetim; 01(uma)

k. 09 (nove) vagas contemplarão os claros de Cabos Músicos a serem preenchidos na Banda de

Música do BPEB, conforme se segue: 02 (duas) Clarinetes Soprano em Sib; 01(uma) Cornetim; 01(uma) Flugelhorn; 02 (duas)Tuba em Sib; 02(duas) Caixa Surda; e 01 (uma) Tímpanos e Bombos.

l. 14(quatorze) vagas contemplarão os claros de Cabos Músicos a serem preenchidos na Banda de

Música do 1º RCGd, conforme se segue: 04 (cinco) Clarinetes Soprano em Sib; 02 ( duas) saxofone;

01(um) fagote; 01 (um) Cornetim; 01(uma) Trompa Fa; 01 (uma)Tuba em Sib; 03(três) Caixa Surda; e 01 (um) Tímpanos e Bombos

m. Todos os candidatos, militares, deverão trazer ofício de apresentação para o ECHM/2016.

n. Modelo de requerimento para o ECHM para Cabos QM 00/12, deverão estar de acordo com a IG

10-42.

o. Os claros previstos no QCP tanto da Banda de Música do BGP quanto da Banda Marcial do

Exército Brasileiro serão preenchidos de acordo com o(s) melhor(es) grau(s) obtido(s) no ECHM, independente do(s) candidato(s) ser(em) Cabo ou Soldado.

p. O preenchimento dos claros por Cabos/Soldados de outras Organizações Militares, aprovados no

ECHM será mediante licenciamento em sua OM de origem e imediata reincorporação no BGP, conforme

previsto em calendário deste edital.

q. Obs.: Não haverá transferência por necessidade de serviço.

r. Os candidatos reservistas ou portadores de CDI poderão concorrer às vagas previstas no item nº 15

ou nº 16 deste edital, conforme a escolha de requerimento no ato da inscrição, ficando, no entanto,

condicionado o preenchimento do claro somente em caso de inexistência em número suficiente de candidatos do serviço ativo do Exército com grau final igual ou superior a 5,00.

s. A documentação a ser apresentada, poderá ser restituída aos candidatos eventualmente eliminados,

que assim desejarem, e retiradas na 3ª seção do BGP, no dia 20 de fevereiro de 2017, das 08:00h às

16:00h.

t. Este edital será publicado e estará disponível entre 15 de dezembro e 13 de janeiro de 2017 no sítio

do Batalhão da Guarda Presidencial - http://www.bgp.eb.mil.br/

u. Maiores informações poderão ser prestadas pelos Telefones: (61) 3415-7240 (S3/BGP) e (61) 3415-

7255 (Banda de Música). v. Fica eleito o foro da Justiça Federal de Brasília – DF, para dirimir quaisquer controvérsias.

22.ANEXOS

A. Modelo de pedido de revisão de questão de avaliação escrita.

B. Modelo de Requerimento para militares da ativa do Exército.

C. Modelo de Informação de Requerimento para militares da ativa do Exército.

D. Modelo de Requerimento para reservistas das Forças Armadas e civis portadores de CDI.

E. Modelo de Requerimento de Inspeção de Saúde em Grau de recurso.

F. Modelo de Termo de Desistência.

G. Modelo de Pedido de Revisão de Avaliação.

Brasília – DF, 09 de dezembro de 2016.

Original assinado e arquivado no S/3 BGP

CARLOS FREDERICO GOMES CINELLI - Cel Comandante do Batalhão da Guarda Presidencial

ANEXO A (MODELO DE PEDIDO DE REVISÃO DE QUESTÕES DA AVALIAÇÃO ESCRITA)

Requerimento

Ao Sr Presidente da CAF

I-

Identificação

Nome:

n° de Inscrição:

Disciplina:

Modelo de avaliação:

da Questão:

II- Comentário (o candidato deverá argumentar, com clareza e objetividade, sobre o motivo que o leva à solicitação) Solicito revisão, em grau de recurso da questão supracitada, pelo seguinte motivo:

III- Embasamento Teórico (obra, autor, edição consultada e páginas utilizadas para seu embasamento, constantes da bibliografia do concurso).

Local e data

Assinatura do candidato

ANEXO B (MODELO DE REQUERIMENTO PARA MILITARES DA ATIVA). OBS: O CANDIDATO DEVERÁ INFORMAR QUAL BANDA DESEJA SE INSCREVER

Requerimento

Cabeçalho da OM

Local e data.

Do (Grad /nome do candidato)

Ao Sr Comandante do BGP Objeto: Inscrição no Exame de Comprovação de Habilidade Musical (ECHM) para Cb Músico

1. (Nome completo), (Identidade), (Grad), (QMS), servindo no

, requer a V. S.ª, inscrição no ECHM, à Graduação de Cabo

, para preenchimento de claro na Banda de

Músico, no(s) instrumento(s)

Música do

(BGP, BANDA MARCIAL, BPEB, 1º RCGd). 2. Tal solicitação encontra amparo na Portaria Nr 144-DECEX, de 05 Out 12.

3.

É a

vez que requer.

Nome Completo – Grad

ANEXO C (MODELO DE INFORMAÇÃO DE REQUERIMENTO PARA MILITARES DA ATIVA DO EXÉRCITO. OBS:O CANDIDATO DEVERÁ INFORMAR QUAL BANDA DESEJA SE INSCREVER)

Cabeçalho da OM

Info n°

Brasília,

de

de 20

Do: (Grad /nome do candidato)

Ao Sr Comandante do BGP

Assunto: Inscrição no Exame de Comprovação de Habilidade Musical (ECHM) para Cb Músico

1. Requerimento em que o (Grad), (QMS), (Nome completo), desta OM,

pleiteia inscrição no ECHM, à Graduação de Cabo Músico, no(s) instrumento(s)

para preenchimento de claro na Banda de Música do (BGP, BANDA MARCIAL, BPEB, 1º RCGd) .

,

2. INFORMAÇÃO

a. Amparo do Requerente a. Amparo do Requerente: Está amparado pela Portaria Nr 144-DECEX, de 05 Out 12.

b. Estudo Fundamentado

Dados informativos sobre o requerente:

a. Informações Pessoais

Nascido em Filho de Estado Civil: --------

,

a

de

e

de 20

b. Informações Gerais

- Cursos militares que possui:

Curso:

Data:

Local:

Graduação:

 

c.

Datas

Data de praça:

/

/

De apresentação pronto para o serviço:

 

- Na OM:

/

Na GU:

/

- Na área do Cmdo Mil Área:

 

/

/

De promoção a:

- Teste de Aptidão Física:

“E” (Adt BI, Nr

de

de

de

)

Cb:

d. Engajamento e Reengajamento:

Data -

/

/ - BI/

Nr:

e. Comportamento

- Está classificado no comportamento Ótimo.

f. Resultados dos Exames de Seleção:

g. Resultado do TAF

- Inspeção de Saúde

APTO (BI Nr

,

de

de

de

).

h. Outras informações julgadas úteis:

3. Apreciação

O requerente pleiteia inscrição no ECHM, à Graduação de Cabo Músico, no instrumento

, na Banda de Música do BGP.

4. PARECER

Nome Completo- Posto Comandante da OM

ANEXO D (MODELO DE REQUERIMENTO PARA RESERVISTAS DAS FORÇAS ARMADAS E CIVIS PORTADORES DE CDI). OBS: O CANDIDATO DEVERÁ INFORMAR QUAL BANDA DESEJA SE INSCREVER

Local e data:

Requerimento Do: (nome do candidato):

Ao: Sr Comandante do BGP Objeto: Inscrição no Exame de Comprovação de Habilidade Musical (ECHM) para Cb Músico.

Nome

completo:

Identidade:

 

residindo

 

à

endereço

completo:

 

,CEP:

e

telefone:

(

)

,

requer

a

V.

S.ª,

inscrição

no

ECHM,

à

Graduação

de

Cabo

Músico,

no

instrumento:

do

para

preenchimento

de

claro

, ( BGP, BANDA MARCIAL, BPEB, 1º RCGd).

na

Banda

de

Música

Tal solicitação encontra amparo na Portaria Nr 144-DECEX, de 05 Out 12. Outras Informações:

 

Informações Pessoais:

 

Filiação:

e

_,

, Situação Militar (no caso de reservistas, citar OM, ano em que serviu, tempo de serviço e Nr do

Certificado de Reservista):

Nascido em (local e data):

, Estado Civil

Informações Gerais:

Responde a processo? Está subjúdice? É a primeira vez que requer.

NOME COMPLETO DO CANDIDATO

ANEXO E (MODELO DE REQUERIMENTO PARA INSPEÇÃO DE SAÚDE EM GRAU DE RECURSO)

Requerimento

Do: NOME DO CANDIDATO

Ao: Sr Comandante do BGP.

Brasília,

de

Objeto: inspeção de saúde em grau de recurso.

de 20

, que realizou

Exame de Comprovação de Habilidade Musical (ECHM) para Cb Músico no BGP, requer a V. S.ª inspeção

de saúde em grau de recurso, por discordar do parecer da JISG, em sessão Nr de 20

de

Nome

completo

, (identidade

/20

,

de

Tal solicitação encontra amparo no art. 16 das Instruções Gerais para Perícias Médicas no Exército- MTPMEx (IG 30-33), aprovadas pela Port. Nr 247-DGP, de 07 de Outubro de 2009.

Exposição de motivos:

Anexos:

É a primeira vez que requer.

NOME DO CANDIDATO

ANEXO F ( MODELO DO TERMO DE DESISTÊNCIA )

TERMO DE DESISTÊNCIA

residente e domiciliado no , participante do

de acordo com os dados acima descritos, venho por

via deste Termo de Desistência, expressar minha decisão voluntária de desistir de participar do referido

Exame.

Eu

, Exame de Comprovação de Habilidade Musical/20

endereço

identidade

município de

,

,

(DF),

de

de 20

NOME DO CANDIDATO

ANEXO G ( MODELO DO PEDIDO DE REVISÃO DE AVALIAÇÃO )

PEDIDO DE REVISÃO DE AVALIAÇÃO

(MODELO)

CAPA

Nome Endereço (rua, logradouro, número, complemento, bairro, cidade, estado e CEP) para correspondência.

Questão n°

Assinatura do requerente

Enunciado da questão objeto do recurso e a resposta apresentada pelo candidato durante a avaliação:

Argumentação lógica e consistente, acompanhado de cópia(s) da(s) fonte(s) de consulta utilizada(s), que deverão se juntadas ao corpo do recurso para análise de sua procedência. Sem a inclusão da cópia (s) ou citação da fonte (s), o recurso será indeferido de plano:

Parecer do Presidente da Comissão de Aplicação e Fiscalização do Exame de Comprovação de Habilidade Musical (ECHM) 20