Você está na página 1de 8

ANALISE ESTRUTURAL

29/12/2016

Engenheiro Jose Macedo CEng MIEM


TECHNIP UK & IMECHE

identificao do Caso
Aplice: MR23916219
N. Processo: 16MR040789/001
Data da ocorrncia: 2016/09/12

Contexto
No seguimento do estudo de integridade, algumas questes foram coladas pela
Cristina Mauricio, Gestora de Sinistros da Fidelidade sobre o estado do imvel antes
do incidente e tambm sobre a provenincia dos danos causados ao imvel.

Registo fotografico do imovel antes do incidente

Page 1 of 7

Registo fotografico do imovel depois do incidente

Page 2 of 7

Analise estrutural do tubo em PVC


Definicao do Problema
Um tubo de PVC com diametro de 32mm foi submitdo a uma rotacao delta que fez
com o que o tubo excedeece a sua tensao de rotura.

Identificao das condutas afectadas - Planta do Prdio

Page 3 of 7

Esquemtico das canalizoes em PVC

Analise Estrutural das condutas em PVC


Na tabela abaixo, pode identificar-se o produto que foi instalado no apartamento.
Nominal Size
32mm DIN

OD (mm/inches)* ID (mm/inches) Wall Thickness (mm)


32mm/1.25"
27mm/1.06
2.4mm

Na tabela que se segue pode identificar-se as propriedades mecnicas relevantes


do produto em PVC.
Property
Value
Elastic tensile modulus

3.0 3.3 GPa

Elastic flexural modulus

2.7 3.0 GPa

Long term creep modulus

0.9 1.2 GPa

Ultimate tensile strength

52 MPa

Para este caso eu vou considerar o tubo encastrado com um momento aplicado na
extremidade que fez com que o produto em PVC roda-se 5 graus.
Para estas analises vamos considerar um comprimento de tubo L de um metro
sendo o acopolamento L=0.5 estando L=0 encastrado e L=1 sujeito a um momento
exterior

Momento de Inertia
O momento de inercia para seccoes circulares pode ser apresendado como:
Page 4 of 7

I = (do4 - di4) / 64 0.0491(0.0324 -0.02724)= 2.46095E-08 m^4


where
I = moment of inertia
do = outside diameter
di = inside diameter

Das analises foi apurado que para atingir uma rotao de 5 graus no tubo superior
de PVT, o mesmo estaria que estar sujeito a um momento exterior de 0.007 KN.m.

Todos os dados foram dispostos na forma de uma tabela e numa representacao


grafica para facil interpretacao.

Page 5 of 7

L (m)

Displacement (m)

Slope (degrees)

Moment (kN-m)

0.0000

0.0000

0.0000

-0.0070000

0.10000

0.00047407

0.54325

-0.0070000

0.20000

0.0018963

1.0865

-0.0070000

0.30000

0.0042666

1.6297

-0.0070000

0.40000

0.0075851

2.1730

-0.0070000

0.50000

0.011852

2.7162

-0.0070000

0.60000

0.017067

3.2595

-0.0070000

0.70000

0.023230

3.8027

-0.0070000

0.80000

0.030341

4.3460

-0.0070000

0.90000

0.038400

4.8892

-0.0070000

1.0000

0.047407

5.4325

-0.0070000

Page 6 of 7

Forca

(Tensao em L=0.5) = Area =

0.007
1.66E05

= 421.2

Area = x (Raio exterior-Raio Interior)^2= 1.66E-05 m^2

A tenso mxima de cedncia do material PVC de 52 MPa, estando o produto


objeto deste estudo sujeito a 421.2MPa.

Concluso
(1) As dvidas sobre o estado de conservao da cozinha antes do incidente
devem agora estar esclarecidas. O fotogrfico mostra o excelente estado de
conservao do apartamento em contraste com as fotografias tiradas depois
do incidente.
(2) No seguimento do anterior estudo de integridade, este relatrio de anlises
mecnicas das propriedades mecnicas do tubo de PVC mostra um excesso
de tenses na zona de acoplamento.
(3) O produto estava sujeito a uma tenso de 421.2MPa quanto o mximo
permitido para o mesmo material de 52 MPa.
(4) Apelo a boa vontade da Fidelidade para que agilizem o processo de forma a
tornar este apartamento habitvel o mais rpido possvel.

Page 7 of 7

Você também pode gostar