Você está na página 1de 2

Ressonância magnética permite ‘leitura

da mente’
DAS AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS

O mapeamento do cérebro pode ser capaz de prever o que você vai fazer melhor do que
você mesmo, e pode oferecer uma ferramenta poderosa para anunciantes ou autoridades
de saúde, visando motivar consumidores, disseram pesquisadores da Universidade da
California na terça-feira (22).

Eles descobriram uma forma de interpretar em “tempo real” imagens cerebrais para
descobrir se as pessoas que viam mensagens sobre o uso de protetor solar realmente
usariam o produto na semana seguinte.

Os exames foram mais precisos do que os voluntários, relatou a pesquisadora Emily


Falk e sua equipe ao “Journal of Neuroscience”.

“Estamos tentando descobrir se há uma sabedoria escondida no cérebro”, afirmou Falk.

“Muitas pessoas decidem fazer certas coisas, mas acabam não fazendo”, acrescentou,
em comunicado, o professor de psicologia que liderou o estudo, Matthew Lieberman.

Mas com a ressonância magnética funcional (fMRI, na sigla em inglês), Falk e seus
colegas foram capazes de ir além das boas intenções para prever o comportamento real.

O fMRI usa um campo magnético para medir o fluxo sanguíneo no cérebro. O exame
pode mostrar quais regiões do cérebro são mais ativas em comparação às outras, mas
requer uma interpretação cuidadosa.

A equipe de Falk recrutou 20 homens e mulheres jovens para a experiência. Enquanto


eles leram e ouviram no scanner fMRI a mensagem sobre a utilização segura do filtro
solar, os pesquisadores misturaram outras mensagens, assim as pessoas não
adivinhariam sobre o que era o experimento.

“No primeiro dia, antes do exame, cada participante indicou seu uso de protetor solar ao
longo da semana anterior, as suas intenções de usar o produto na próxima semana, e
suas atitudes em relação ao protetor”, escreveu a equipe.

Depois que viram as mensagens, os voluntários responderam a mais perguntas sobre


suas intenções, e depois ganharam uma sacola que continha, entre outras coisas, protetor
solar.

“Uma semana depois, fizemos uma visita surpresa para descobrir se eles haviam usado
o filtro”, disse Falk.

Cerca de metade dos voluntários previu corretamente se iria usar protetor solar. A
equipe de pesquisa analisou os exames de ressonância magnética para ver se eles
poderiam encontrar alguma atividade cerebral que poderia melhorar a previsão.
A atividade em uma área do cérebro, na parte específica do córtex pré-frontal medial,
ofereceu a melhor informação.

“A partir dessa região do cérebro, podemos prever para cerca de três quartos das
pessoas se elas vão aumentar o uso de protetor solar, sem considerar o que disserem que
vão fazer”, disse Lieberman.

“É a única região do córtex pré-frontal que sabemos que é desproporcionalmente maior


no homem em comparação a outros primatas”, acrescentou. “Essa região está associada
à autoconsciência e parece ser crítica para pensar sobre si mesmo e sobre preferências e
valores.”

De acordo com Falk, agora a equipe está à procura de outras regiões do cérebro que
possam contribuir para a precisão da técnica.

Enquanto os resultados podem ser importantes para os anunciantes que procuram


aprimorar uma mensagem motivacional, eles podem ser igualmente importantes para
especialistas em saúde pública que tentam convencer as pessoas a fazerem escolhas
mais saudáveis, disse Falk.

A equipe está preparando um relatório sobre experimentos para prever se as pessoas


iriam parar de fumar depois de ver mensagens de motivação.

fonte: http://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/755483-ressonancia-magnetica-
permite-leitura-da-mente.shtml

NOTA: Isso é abuso !!! Jamais devemos permitir !!!