Você está na página 1de 4

Folha de Exercícios 1

Estatística Descritiva e Análise Exploratória de Dados

1. Um grupo de biólogos recolheu as alturas, em metros, de 16 sequóias gigantes (espécie


arbórea). Os dados por eles recolhidos são apresentados a seguir:

68 72 64 63 59 80 64 71 69 72 80 71 59 72 71 72

1.1 Considerando os dados não agrupados.


1.1.1 Construa a tabela de frequências para estes dados (ni , Ni , fi , Fi ).
1.1.2 Calcule:
a) Máximo e mínimo (max, min)
b) Média (x̄)
c) Mediana (M)
d) Moda (mo )
e) Quartis (Q1 , Q2 , Q3 )
f) Variância, variância corrigida e desvio-padrão corrigido (s2 , s2 , s )
g) Amplitude da amostra e amplitude inter-quartil (Amplitude, AIC)
h) Coeficiente de variação (CV )
1.1.3 Construa o diagrama de barras para estes dados.
1.1.4 Construa o diagrama de caule-e-folhas para estes dados.
1.1.5 Construa a caixa-com-bigodes para estes dados, representando as respectivas
barreira internas.
1.2 Considere agora os dados agrupados em classes.
1.2.1 Determine o número de classes usando a regra de Sturges, bem como as classes
a considerar.
1.2.2 Construa a tabela de frequência para as classes.
1.2.3 Identifique a classe modal e a classe mediana.
1.2.4 Construa o respectivo histograma, polígono de frequências e polígono de frequên-
cias acumuladas.
1.2.5 Determine graficamente a mediana (M  ) e a moda (mo ), e compare com os re-
sultados obtidos anteriormente para os dados não classificados.

2. Classifique os dados (tipo de variáveis) resultantes do inquérito a 100 estudantes da Uni-


versidade do Minho questionados relativamente às seguintes características:

(a) Cor dos olhos.


(b) Quantidade de dinheiro que tem nos bolsos.
(c) Tamanho do sapato (..., 38, 39, 40, 41, ...).
(d) Número de alunos que frequentam o seu curso.
(e) Marca mais usada de ténis.
(f) Peso.

1
(g) Caracteres impressos no cartão de crédito.
(h) Tamanho da camisola (S, M, L, XL).

3. O tempo que cada doente deve esperar para ser atendido num serviço de urgências é
um parâmetro importante na concepção deste tipo de serviços. O tempo de espera (em
minutos) registado para 20 pacientes num hospital pediátrico foi:
35 15 6 35 10 15 15 30 25 30
35 30 8 10 10 30 30 10 25 25

(a) Construa a tabela de frequências relativas para estes dados, e represente o respectivo
gráfico de frequências.
(b) Qual a percentagem de pacientes que esperaram:
i. mais de 20 minutos?
ii. menos de 10 minutos?
iii. entre 10 e 30, inclusivé?

4. O número de maçãs produzidas por cada uma das 48 árvores de um pomar é o seguinte:
103 131 150 152 155 156 162 169 170 177 179 184
188 195 196 201 201 205 210 210 211 213 214 216
217 220 225 226 231 238 240 244 244 245 245 247
251 259 259 262 268 275 288 297 300 302 303 305

(a) Qual o número de classes que a regra de Sturges sugere para esta amostra?
(b) Determine a amplitude de cada classe e construa o histograma correspondente a esta
amostra.
(c) Represente o polígono de frequências no gráfico anterior.
(d) Represente o polígono de frequências acumuladas.
(e) Determine a mediana (M) e o primeiro quartil (Q1 ) (considere os dados agrupados
em classes).

5. Registam-se os tempos em segundos que 31 clientes esperam para pagar na esplanada do


Café da Oliveira. Os dados estão representados no histograma seguinte.

Tempo

2
(a) Qual a percentagem aproximada de clientes que esperam no máximo 100 segundos
para pagar?
(b) Quantos clientes esperam mais de 5 minutos para pagar?
(c) Baseado neste histograma, consegue determinar o tempo máximo de espera dos
clientes analisados?
(d) Determine a moda (mo ) e a mediana (M).

6. Considere o seguinte gráfico de caule-e-folhas onde estão representados os tempos de vida


das lâmpadas provenientes de duas fábricas: “Vida Longa” e “Sempre Brilhante”.

Vida Longa Sempre Brilhante


72 5
6310 73 1
998762 74 6
9730 75 2
76 02257
77 113468
1 78

Legenda: 72|5 representa 725 horas

(a) Qual o maior tempo de vida atingido por uma lâmpada?


(b) Dê uma razão pela qual uma pessoa poderia preferir as lâmpadas “Vida Longa”.
Consegue determinar um motivo para se optar pelas lâmpadas “Sempre Brilhante”?

7. Os gráficos que se seguem correspondem à representação paralela de caixas-com-bigodes


relativas ao peso de três populações adultas distintas A, B e C, divididas por sexo (estrato
1 - homens e estrato 2 - mulheres).

(a) Descreva as distribuições em cada uma das populações e em cada estrato. Teça
comentários em relação à dispersão, localização da mediana, e outras caracteristicas
que julgue pertinentes.
(b) Qual das populações pode ser considerada mais homogénea?

3
8. Em relação às notas obtidas no exame de Métodos Estatísticos considere os seguintes
valores:
min = 3, Q1 = 7, M = 12, Q3 = 15, max = 17.

(a) Construa a respectiva caixa-com-bigodes.


(b) Suponha que a sua nota foi de 10 valores. O que pode dizer quanto à percentagem
de alunos com nota superior à sua?
(c) Se 25% dos alunos receberam uma carta do regente da cadeira a felicitá-los pelo seus
bons resultados, qual a nota mínima de um aluno para receber tal carta?

9. Os 17 concelhos do distrito de Coimbra apresentavam em 1979 a seguinte taxa de arboriza-


ção, ou seja, a relação percentual entre a área florestal e a área total:

Concelhos T. Arbor. Concelhos T. Arbor.


Arganil 44.8 Montemor-o-Velho 32.7
Cantanhede 53.5 Oliv. do Hospital 54.2
Coimbra 32.8 Pampilhosa 49.4
Condeixa-a-nova 34.3 Penacova 62.4
Figueira da Foz 46.8 Penela 38.8
Góis 49.2 Poiares 54.7
Lousã 53.8 Soure 40.7
Mira 66.5 Tábua 51.0
Miranda do Corvo 56.8

Usando dados agrupados em classes:

(a) Calcule a média (x), a mediana (M) e o desvio-padrão (s).


(b) Construa a respectiva caixa-com-bigodes.
(c) Suponha que mora no concelho de Miranda do Corvo. O que pode concluir quanto à
percentagem de concelhos com taxa de arborização inferior à sua?
(d) Calcule agora a amplitude da amostra (Amplitude) e a amplitude interquartil (AIC).
(e) O que sugere o valor do coeficiente de variação (CV )?

Você também pode gostar