Você está na página 1de 104

Rildo F Santos

rildo.santos@etecnologia.com.br
rildo.santos@companyweb.com.br
Excel® Intermediário (versão 2003)

Twitter: @rildosan
Blog: http://rildosan.blogspot.com/

Excel® versão 2003


Excel® Intermediário
Autor: Versão
Rildo 1.0|
F. dos
RFSSantos (rildo.santos@etecnologia.com.br)
rildo.santos@etecnologia.com.br Versã o: 1.0
Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010
Comentário inicial:
Excel Intermediário
Excel® Intermediário (versão 2003)

Planilha eletrônica, um programa (software) que utiliza tabelas para realização de cálculos ou
apresentação de dados. A tabela é formada por uma grade composta de linhas e colunas.

As planilhas são muito uteis e elas podem ser utilizadas para diversas finalidades, desde uma simples
lista de compras até para pequenas aplicações financeiras e pequenos bancos de dados.

Neste tutorial apresentamos O MS-Excel®, versão 2003, inicialmente, na primeira parte, é demonstrado
como navegar de forma rápida por uma planilha (recursos básicos), usando atalhos e na segunda parte
é será exibido recursos avançados do Excel® (recursos intermediários)
Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 2
Sobre o autor: Rildo F. Santos
Coach e Consultor de Gestão de Negócios, Inovação e Tecnologia para a Gestão 2.0, a Gestão Ágil.

A Gestão Ágil ajuda as empresas a responder mais rápido as demandas de negócio e mudanças. A Gestão 2.0,
Excel® Intermediário (versão 2003)

abrange Planejamento Estratégico, Gestão por Processos Ágeis, Gestão de Projetos Ágeis, Tecnologia da Informação
(Métodos Ágeis), Inovação e Liderança.

Minha Experiência:
Tenho mais de 10.000 horas de experiência em Gestão de Negócios, Gestão de Inovação, Governança e Engenharia de
Software. Formado em Administração de Empresas, Pós-Graduado em Didática do Ensino Superior e Mestre em Engenharia
de Software pela Universidade Mackenzie.

Fui instrutor de Tecnologia de Orientação a Objetos, UML e Linguagem Java na Sun Microsystems e na IBM.

Conheço Métodos Ágeis (SCRUM, Lead, FDD e XP), Arquitetura de Software, SOA (Arquitetura Orientado a Serviço),
RUP/UP - Processo Unificado, Business Intelligence, Gestão de Risco de TI entre outras tecnologias.

Sou professor de curso de MBA da Fiap e fui professor de pós-graduação da Fasp e IBTA.

Possuo fortes conhecimentos de Gestão de Negócio (Inteligência de Negócio, Gestão por Processo, Inovação, Gestão de
Projetos e GRC - Governance, Risk and Compliance), SOX, Basel II e PCI;
E experiência na implementação de Governança de TI e Gerenciamento de Serviços de TI. Conhecimento dos principais
frameworks e padrões: ITIL, Cobit, ISO 27001 e ISO 15999;

Desempenhei diversos papéis como: Estrategista de Negócio, Gerente de Negócio, Gerente de Projeto, Arquiteto de Software,
Projetista de Software e Analista de Sistema em diversos segmentos: Financeiro, Telecomunicações, Seguro, Saúde,
Comunicação, Segurança Pública, Fazenda, Tecnologia, Varejo, Distribuição, Energia e Petróleo e Gás.

Possuo as certificações: CSM - Certified SCRUM Master, CSPO - Certified SCRUM Product Owner , SUN Java Certified
Instrutor, ITIL Foundation e sou Instrutor Oficial de Cobit Foundation e Cobit Games;

Sou membro do IIBA-International Institute of Business Analysis (Canada)

Onde estou:
Twitter: http://twitter.com/rildosan
Blog: http://rildosan.blogspot.com/

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 3
Conteúdo:
Parte 1: Recursos Básicos
Revisão de conceitos básicos
Excel® Intermediário (versão 2003)

Manuseio de planilhas no Excel


Criando uma planilha no Excel
Alterando a aparência da planilha
Adequação, cálculos e fórmulas
Comando do Menu
Atalhos no teclado
Dicas de formatação
Gráficos
Impressão

Parte 2: Recursos Intermediários


Funções (todos os tipos de financeira a lógica)
Seqüências, filtragem, classificação de dados e congelamento
Criação de Fórmula
Banco de Dados
Filtros Avançados
Tabelas
Macro

Exemplos e
Exercícios Práticos

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 4
Introdução:
O que é curso Excel Intermediário ?
Excel® Intermediário (versão 2003)

O curso aborda os recursos e conceitos intermediário do MS-Excel 2003, envolvendo


funções, formulas, banco de dados, filtros, gráficos, também será apresentada uma visão
geral sobre macro.

Para quem é voltado este treinamento ?

Este treinamento é voltado para que tem conhecimentos básicos de Windows e Excel 2003.

Qual é o objetivo deste treinamento ?

É preparar os participantes para utilização dos recursos e conceitos intermediário do MS-


Excel 2003.

Qual é a duração ?
16 horas

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 5
Excel® Intermediário (versão 2003)

Parte 1 – Recursos Básicos


Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 6
Introdução:
Sobre O Microsoft® Office Excel 2003 é o programa de Planilha Eletrônica:
O Microsoft Excel (nome completo Microsoft Office Excel) é um programa de planilha eletrônica de
Excel® Intermediário (versão 2003)

cálculo.
Seus recursos incluem uma interface intuitiva, ferramentas de cálculo e de construção de gráficos que
o tornaram um dos mais populares aplicativos de computador até hoje.
Veja abaixo o VisiCalc® e Lotus 123® que foram os precursores das planilhas eletrônicas:

O Lotus 1-2-3 foi uma das primeiras planilhas eletrônicas disponíveis


O Visicalc foi idealizado por Dan Bricklin e
no mercado. O Lotus foi a primeira aplicação importante para PC.
implementado por Bob Frankston.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 7
Revisão: A planilha
Visão geral da planilha:
Menu Colunas Ponto de Partida
Excel® Intermediário (versão 2003)

Barras de botões

Botão de Formula
Botão de Seleção

Célula ativa

CONHECENDO O MICROSOFT EXCEL INTRODUÇÃO


O Excel é um programa de planilha eletrônica desenvolvido pela
Microsoft para Windows, que pode ser utilizado para calcular, armazenar
e trabalhar com lista de dados, fazer relatórios e gráficos, sendo
recomendado para planejamentos, previsões, análises estatísticas e
Linhas financeiras, simulações e manipulação numérica em geral.
Por ser um programa escrito para Windows, tem acesso a todas as
funções que o ambiente proporciona, como por exemplo, a troca de
dados entre aplicativos (Word, PowerPoint, etc).
A planilha eletrônica é um conjunto de colunas e linhas, cuja intersecção
chamamos de células. Cada célula possui um endereço único ou
referência. Por exemplo, a referência da célula da coluna A com a linha
1 é A1.
O Excel possui 256 colunas identificadas por letras de A até IV e 65.536
linhas.

Barra de Status

Guia das Planilhas

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 8
Revisão: Movimentação
MOVIMENTANDO-SE PELA PLANILHA
Excel® Intermediário (versão 2003)

Para que uma célula possa receber algum tipo de dado ou formatação, é
necessário que ela seja selecionada previamente, ou seja, que se torne
célula ativa; para isso, você deve mover o retângulo de seleção da
célula, utilizando um dos muitos métodos disponíveis.
As teclas de seta servem pra mover o retângulo para a célula na direção
indicada por ela;
Mover uma célula para a direita: 
célula ativa
Mover uma célula para a esquerda: 
Mover uma célula para cima: 
Mover uma célula para a baixo: 

As teclas de seta em combinações com outras teclas servem para acelerar a movimentação;
Última coluna da linha atual: CTRL +
Primeira coluna da linha atual: CTRL +
Última linha com dados da coluna atual: CTRL +
Primeira linda com dados da coluna atual: CTRL +

Você pode utilizar as teclas


PageDown (página para baixo),
PageUP (página para cima) para
movimentação rápida e tecla Home
para ir para primeira célula da
planilha

Observações: Use o mouse para selecionar uma célula específica.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 9
Revisão: Menu
BARRA DE MENU:
Exibe os menus através dos quais podemos efetuar diversas operações. Algumas delas são:
Excel® Intermediário (versão 2003)

Menu Arquivo - Abrir pastas, fechar pastas, configurar página, visualizar impressão, imprimir, enviar
planilha etc.
Menu Editar - Copiar, recortar, colar informações etc.
Menu Exibir - Exibir barra de status, ocultar barra de status, ferramentas, personalizar modos de
exibição etc.
Menu Inserir - Inserir células, linhas, colunas etc.
Menu Formatar - Formatar células: alterar fontes, alinhamentos, bordas; formatar linha: altura, auto-
ajuste etc.
Menu Ferramentas - Verificar ortografia, compartilhar pastas de trabalho, proteger planilha etc.
Menu Dados - Operações com banco de dados em geral.
Menu Janela - Alterar disposição das janelas etc.
Menu Ajuda - Obter ajuda do Microsoft Excel.

Barra de Menu

Atalhos:
Menu Arquivo: ALT + A Menu Ferramentas = ALT + m
Menu Editar = ALT + E Menu Dados = ALT + D
Menu Exibir = ALT + x Menu Janela = ALT+ J
Menu Inserir = ALT + I Menu Ajuda = ALT + u
Menu Formatar = ALT + F

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 10
Revisão: Barra Padrão
Opções da BARRA PADRÃO
Possui botões que facilitam a execução das tarefas mais freqüentes do aplicativo, bastando apenas
acioná-los.
Excel® Intermediário (versão 2003)

Botão Novo - cria uma nova pasta de trabalho, com base no modelo padrão.
Botão Abrir - abre uma pasta de trabalho existente.
Botão Salvar - salva a pasta de trabalho.
Botão Imprimir - imprime a planilha ativa na pasta de trabalho ou os itens selecionados.
Botão Visualizar - visualiza o documento a ser impresso.
Botão Verificar Ortografia - verifica os erros de ortografia existentes na planilha.
Botão Recortar - recorta a área selecionada para a Área de Transferência.
Botão Copiar - copia a área selecionada para a Área de Transferência.
Botão Colar - cola a seleção da Área de Transferência para a área indicada.
Botão Pincel - copia a formatação de um objeto ou texto selecionado.
Botão Desfazer - desfaz a última ação.
Botão Refazer - refaz a última ação.
Botão Inserir Hyperlink - Insere ou edita o hyperlink especificado.
Botão Barra de Ferramentas da Web - exibe ou oculta a barra de ferramentas da Web.
Botão AutoSoma - Adiciona números automaticamente com a função Soma.
Botão Colar Função - Insere ou edita funções.
Botão Classificação Crescente - Classifica os itens selecionados em ordem crescente.
Botão Classificação Decrescente - Classifica os itens selecionados em ordem decrescente.
Botão Assistente de Gráfico - Orienta passo a passo a criação de um gráfico.
Botão Desenho - Exibe ou oculta a barra de ferramentas Desenho.
Botão Zoom - Reduz ou amplia a exibição do documento ativo.
Botão Ajuda – Exibe a janela de ajuda do Microsoft Excel.

11
Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010
Revisão: Barra de Formatação
Opções da BARRA DE FORMATAÇÃO
Possui botões que alteram a formatação dos dados na planilha, bastando clicar sobre qualquer um deles.
Excel® Intermediário (versão 2003)

Fonte - Altera a fonte do texto e dos números selecionados.


Tamanho - Altera o tamanho da fonte.
Efeito Negrito - Ativa ou desativa o efeito negrito.
Efeito Itálico - Ativa ou desativa o efeito itálico.
Efeito Sublinhado - Ativa ou desativa o efeito sublinhado.
Alinhamento a esquerda - Alinha o conteúdo da célula à esquerda.
Alinhamento Centralizado - Centraliza o conteúdo da célula.
Alinhamento a direita - Alinha o conteúdo da célula à direita.
Mesclar e Centralizar - Centraliza ou mescla o conteúdo da célula.
Estilo de Moeda - Aplica formato monetário às células selecionadas.
Estilo de Porcentagem - Aplica formato de porcentagem às células selecionadas.
Separador de Milhares - Aplica o formato separador de milhar às células selecionadas.
Aumentar Casas Decimais - Aumenta o número de casas decimais das células selecionadas.
Diminuir Casas Decimais - Diminui o número de casas decimais das células selecionadas.
Diminui recuo - possibilita diminuir ou remover o recuo.
Aumenta recuo - permite recuar o texto a partir da borda esquerda de uma célula.
Bordas - Insere borda à célula selecionada ou ao intervalo selecionado.
Cor do Preenchimento - Adiciona, modifica ou remove a cor ou efeito de preenchimento do objeto selecionado.
Cor da Fonte - Formata o texto selecionado com a cor desejada.

12
Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010
Revisão: Barras de Fórmulas
BARRA DE FÓRMULAS
Utilizamos a Barra de Fórmulas para editar as entradas de dados na planilha.
Excel® Intermediário (versão 2003)

Caixa de Nome - Área de Referência ou Caixa de nome que identifica a célula atual.

Para acessar rapidamente uma célula, clique dentro da Caixa do Nome, digite o endereço da célula desejada e
pressione Enter.

SAINDO DO EXCEL
Para finalizar o Excel, clique no menu Arquivo/Sair
ou pelo atalho pressionando as teclas ALT + F4.

Se desejar apenas fechar a planilha em uso, clique no


Menu Arquivo/Fechar ou pelo atalho Ctrl + F4.

Observações:
ALT + F4 - Finaliza o Microsoft Excel.
Ctrl + F4 - Fecha apenas o arquivo em uso.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 13
Revisão: Barras de Ferramentas
BARRA DE FERRAMENTAS
Para personalizar a barra de ferramenta vá o Menu Exibir, Barras de Ferramentas e Personalizar
Excel® Intermediário (versão 2003)

Todas as barras
de ferramentas

Você poderá personalizar as Barras de


Ferramentas, Comandos (através da
seleção de botões) Opções de
visualização das barras e botões

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 14
Revisão: Manipulação de Planilha e Pasta de Trabalho
CRIANDO UMA NOVA PASTA DE TRABALHO

Selecionar o Menu Arquivo e escolher a opção Novo.


Excel® Intermediário (versão 2003)

Opções da Novo(a) Pasta de Trabalha:


- Selecionar uma pasta de trabalho em branco
- Com base em pasta de trabalho existente

Opções Modelos:
Nesta opção você poderá buscar por modelo ―on-line‖ ou seja na Internet, Modelo do Office, Modelo
existe no Computador ou nos sites

Opções

1 2

Botão Novo - cria uma nova pasta de trabalho, com base no modelo padrão.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 15
Revisão: Manipulação de Planilha e Pasta de Trabalho

SALVANDO UMA PASTA DE TRABALHO


Excel® Intermediário (versão 2003)

Para SALVAR a pasta de trabalho ativa (aquela que está


aberta no momento) , selecione Menu Arquivo e depois
a opção Salvar

Atalho: Ctrl + B

2 A primeira vez que o pasta for salva será necessário informar o


local (caminho) que ela será salva e um nome válido da pasta
(arquivo) e depois clicar no botão Salvar ou clique no botão
Cancelar a para abandonar (cancelar ) a operação.

Botão Salvar - salva a pasta de trabalho.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 16
Revisão: Manipulação de Planilha e Pasta de Trabalho
SALVAR COMO
Uma pasta de trabalho que já foi salva pode ter ser
Excel® Intermediário (versão 2003)

nome e endereço (local) alterados, para isto selecione


Menu Arquivo e depois a opção Salvar como

Atalho: Ctrl + A + c
ou F12

2
Você precisar dar um novo nome (válido) a pasta de trabalho
e/ou novo local (caminho) e depois clicar no botão Salvar ou
clique no botão Cancelar a para abandonar (cancelar ) a
operação.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010
Revisão: Manipulação de Planilha e Pasta de Trabalho
ABRINDO UMA PASTA DE TRABALHO EXISTENTE
Para abrir a pasta de trabalho existente, selecione
Menu Arquivo e depois a opção Abrir
Excel® Intermediário (versão 2003)

Atalho: Ctrl + A.

Selecione a pasta (arquivo) desejada e tecle


1 no botão Abrir ou no Botão Cancelar.

Caso haja a necessidade você também poderá


procurar a pasta em outro local, bastando
informar o endereço onde se encontra a pasta
Desejada.

Botão Abrir - abre uma pasta de trabalho existente.

FECHANDO UMA PASTA DE TRABALHO


Para fechar a pasta de trabalho ativa (aquela que está
aberta no momento) , selecione Menu Arquivo e depois
a opção Fechar.

Atalho: Ctrl + F4

1
18
Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010
Revisão: Manipulação de Planilha e Pasta de Trabalho
RENOMEANDO PLANILHAS DA PASTA DE TRABALHO
Excel® Intermediário (versão 2003)

Exemplo 2: Seleção de uma opção do Menu

Botão direito do mouse sob guia de 1


planilhas faz abrir o Menu que
possibilita a manipulação das
planilhas. Botão direito do mouse sob
guia de planilhas faz abre o
Exemplo 1: Alterando o nome de
Menu
forma direta
3
1
Selecione uma cor de
clique no botão OK ou
Duplo clique sob o nome da planilha no botão Cancelar
―Plan1‖, ela estará disponível para edição.
Você poderá colocar um novo nome para
a planilha.

2
Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 19
Revisão: Manipulação de Planilha e Pasta de Trabalho
PASTAS DE TRABALHO
Cada pasta pode conter 255 planilhas, que podem diferir uma das outras, ou seja, em uma pasta
Excel® Intermediário (versão 2003)

de trabalho, podem existir várias planilhas com dados diferentes.


Toda vez que você abrir, salvar ou fechar um arquivo estará executando estas operações em uma
pasta de trabalho.
Para avançar de uma planilha para outra (exemplo: de Plan1 para Plan2) use as teclas de atalho:
Ctrl PageDow, para retornar a planilha anterior (exemplo de Plan3 para Plan2) use as teclas de
atalho: Ctrl PgUp.

Botões da Guia, eles são muitos uteis para navegar entre as planilhas quanto temos muitas
delas abertas na mesma pasta

Exemplos:

Você pode navegar utilizando os botões ou clicar no botão direito do mouse e navegar
através do Menu

Atalhos: Ctrl + PgUp e


Ctrl + PgDw

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 20
Revisão: Interpretação de dados
COMO OS DADOS DIGITADOS SÃO INTERPRETADOS
Podemos digitar dois tipos de dados nas planilhas:
Valor constante
Excel® Intermediário (versão 2003)

Valor constante: é digitado diretamente na célula e pode ser um texto ou


um número com vários formatos (data, hora, moeda, porcentagem, fração
ou notação científica).

Fórmula: é uma seqüência de valores, referências de células, nomes,


funções ou operadores que produzam um novo valor a partir dos valores
existentes. As fórmulas sempre começam com um sinal de igual. Os Fórmula
valores resultantes das fórmulas são atualizados quando os valores
originais são alterados.

TIPOS DE ENTRADA DE DADOS:

O Excel aceita quatro tipos de dados: Textos, Números, Fórmulas e Funções.


Textos: É interpretado como texto toda a informação que se inicia com uma letra ficando alinhados à
esquerda. Utilizamos o texto em títulos e definições.

Números: É interpretado como número todo dado precedido pelos seguintes caracteres: 0 1 2 3 4 5 6 7
8 9 + menos, abre e fecha parênteses, / $ %. Utilizamos os números para cálculos. Os valores
numéricos sempre são alinhados à direita e podem assumir vários formatos como: número fixo de
casas decimais, percentual entre outros.

Fórmulas: são compostas por números, operadores matemáticos, referências de células etc.

Funções: são as fórmulas criadas pelo Excel. Existem funções estatísticas, matemáticas, financeiras
etc.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 21
Revisão: Funções
Funções:

O Excel oferece muitas outras funções úteis, como funções de data e


Excel® Intermediário (versão 2003)

hora e funções que podem ser utilizadas para manipular textos.


Com essa caixa de diálogo aberta, você pode digitar o que deseja fazer
na caixa Procure por uma função ou pode selecionar uma categoria e,
em seguida, percorrer a lista de funções nessa categoria. Clique em
Ajuda sobre esta função na parte inferior da caixa de diálogo para obter
mais informações sobre qualquer função. A caixa de diálogo Inserir
Função é discutida detalhadamente em "Encontrar funções e inserir
argumentos".

É possível ver outras funções clicando em Mais Funções na lista de


AutoSoma. A opção Mais Funções abre a caixa de diálogo Inserir
Função, que o ajuda a procurar uma função. Essa caixa de diálogo
também oferece outra maneira de digitar fórmulas no Excel.

Número ou texto

Formula: =B3+245

Função: =Hoje()

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 22
Revisão: Operadores
Operadores:
Os operadores especificam o tipo de cálculo que você deseja efetuar nos elementos de uma fórmula.
Excel® Intermediário (versão 2003)

O Excel inclui 4 tipos diferentes de operadores de cálculo: de Comparação, de Texto, Aritméticos e


de Referência.

Operadores de Comparação:

Operadores de Comparação Símbolo Exemplo Operadores de comparação


Igual a = (A1=B1) Para comparar dois valores com os
operadores a seguir. Quando dois valores
Menor que < (C<D1) são comparados usando esses
Maior que > (B1>D3) operadores, o resultado é um valor lógico,
Menor ou igual a <= (A1<=B1) VERDADEIRO ou FALSO.
Maior ou igual a >= (A1>=B1)
Diferente <> (A4<>A6)

Operadores de Texto:
Operador de Texto Símbolo Exemplo Operador (de concatenação) de texto
Para concatenar (juntar) use o 'E' comercial
Concatenação de dois A1=Bom (&) para associar, ou concatenar, uma ou
& (E comercial)
valores para produzir um A2=Dia mais seqüências de caracteres de texto
novo valor (formato texto) A3=A1&A2 para produzir um único texto

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 23
Revisão: Operadores
Operadores Aritméticos

Operadores Aritméticos
Excel® Intermediário (versão 2003)

Operadores Aritméticos Exemplo


Para efetuar operações matemáticas
Adição (+) =2+1 básicas, como adição, subtração ou
Subtração (-) =2-1 multiplicação, combinar números e
Multiplicação (*) =2*5 produzir resultados numéricos, use estes
operadores aritméticos.
Divisão (/) =10/5
Exponenciação ou potenciação(^) =2^2

Operador de Referência Símbolo Operadores de Referência:


Combine intervalos de células para
Operador de intervalo, que produz uma cálculos com estes operadores.
referência para todas as células entre duas : (dois-pontos)
referências, incluindo as duas referências
B5:B15)
Operador de união, que combina diversas
referências em uma referência
, (vírgula)
(SOMA(B5:B15,D5:D15))

Operador de interseção, que produz sobre Espaço (em


referência a células comuns a duas referências branco)
(B7:D7 C6:C8)

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 24
Revisão: Cálculos
CALCULANDO NO EXCEL
O Excel é possibilita a criação de cálculos simples, com apenas um clique do mouse. Para executar
qualquer operação matemática você deve seguir alguns passos:
Excel® Intermediário (versão 2003)

1° - Qualquer célula do Excel poderá executar um cálculo, portanto, posicione a célula ativa no local
onde deseja o resultado. Você pode fazer isso clicando com o mouse ou utilizando as setas de
direção do teclado;
2° - Ao começar uma fórmula (conta, no Excel) sempre a termine primeiro para depois executar outra
tarefa;
3° - Sempre comece uma fórmula com o sinal de = (igual);
4° Ao terminar a fórmula, pressione unicamente Enter ou Tab.
Existem duas maneiras de você criar uma fórmula:
Você pode digitar a fórmula inteira, utilizando os endereços das células. Exemplo:
=a2+b2
Esta fórmula somaria o conteúdo da célula A2 com o conteúdo da célula B2. Outros exemplos:
=c4-c5 (Subtração)
=f8*g15 (Multiplicação)
=a7/b32 (Divisão)

Outra maneira é utilizar o mouse. Veja o exemplo abaixo:

1° - Digite o sinal de = (igual);


2° Clique sobre a célula A1;

3° - Digite o sinal de + (soma)


4° - Clique sobre a célula B1;
5° - Finalize com Enter.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 25
Revisão: Precedência de Operadores
Qual é a ordem em que o Excel faz as operações em fórmulas ?
Excel® Intermediário (versão 2003)

O Excel calculam os valores das fórmulas segundo uma ordem específica. Uma fórmula no Excel
sempre começa com um sinal de igual (=). O sinal de igual informa ao Excel que os caracteres a
seguir constituem uma fórmula. Depois do sinal de igual estão os elementos a serem calculados (os
operandos), que são separados por operadores de cálculo. O Excel calcula a fórmula da esquerda
para a direita, de acordo com uma ordem específica para cada operador da fórmula.

Precedência de operadores:
Se você combinar diversos operadores em uma única fórmula, o Excel executará as operações na
ordem mostrada na tabela a seguir. Se uma fórmula contiver operadores com a mesma
precedência — por exemplo, se uma fórmula contiver um operador de multiplicação e divisão — o
Excel avaliará os operadores da esquerda para a direita.

Operador Descrição
: (dois-pontos) (espaço simples)
Operadores de referência
, (vírgula)
– Negação (como em –1)
% Porcentagem
^ Exponenciação
*e/ Multiplicação e divisão
+e– Adição e subtração
& Concatenação de texto
= < > <= >= <> Comparação

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 26
Revisão: Operadores
Qual é a ordem em que o Excel faz as operações em fórmulas ?
Excel® Intermediário (versão 2003)

Uso de parâmetros:
Para alterar a ordem da avaliação, coloque entre parênteses a parte da fórmula a ser calculada
primeiro. Por exemplo, a fórmula a seguir retorna 11 porque o Excel calcula a multiplicação antes da
adição. A fórmula multiplica 2 por 3 (6) e, em depois, soma 2, logo o resultado é 8.
=2+2*3

Por outro lado, se você usar parênteses para alterar a sintaxe, o Excel somará 2 e 2 e, em seguida,
multiplicará o resultado por 3 para produzir 12.
=(2+2)*3

No exemplo os parênteses na primeira parte da fórmula forçam o Excel a calcular B4+25 primeiro e,
em seguida, dividir o resultado pela soma dos valores nas células D5, E5 e F5.
=(B4+25)/SOMA(D5:F5)

Exercício:

Qual é o resultado desta operação: =(-2-2)*2+5+3


a) 0
b) -8
c) -3
d) +8

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 27
Revisão: Entrada de Dados
ENTRANDO COM OS DADOS
Para entrar com as informações na planilha, basta posicionar o cursor na célula desejada, digitar o
Excel® Intermediário (versão 2003)

conteúdo e, em seguida, pressionar a tecla Enter.

SELECIONANDO A CÉLULA
Use as teclas de movimentação para mover o cursor da planilha até a célula desejada.

ENTRANDO COM TEXTOS


Digitar o texto na célula selecionada, confirmando com a tecla Enter. Se o texto for maior que a
largura da célula, se expandirá para as células laterais até encontrar uma célula preenchida. Essa
expansão ocorre em nível de tela, apresentado em cima da célula vazia. Podemos colocar até
32.000 caracteres em uma célula.

ENTRANDO COM NÚMEROS


Digitar o número na célula selecionada e pressionar a tecla Enter. Nas células que tiverem o
formato de número padrão, Geral, o Excel exibirá os números como inteiros (789), frações decimais
(7,89) ou em notação científica (7.89E+08) caso o número for maior que a largura da célula.
Se o número estiver formatado, a célula será preenchida com sustenido (###) indicando que a
largura é insuficiente.

DICAS (MOVIMENTAÇÃO NA PLANILHA)


Quando a movimentação entre células é realizada pelo Tab, o
cursor desloca-se uma célula à direita e pelo Shift+Tab uma célula
à esquerda;
Pressionando-se a tecla Enter, movemos o cursor para a próxima
linha e Shift+Enter para mover o cursor acima.
As teclas de seta posicionam o cursor de acordo com a direção.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 28
Revisão: Aplicando correções, Refazer e Desfazer
CORRIGINDO ERROS NA ENTRADA DE DADOS
Durante a digitação dos dados podemos usar as teclas de edição como: Backspace, Delete,
Excel® Intermediário (versão 2003)

Insert, entre outras, que permitem corrigir ou digitar novos dados. Há também a tecla Esc que
possibilita cancelar uma entrada de dados antes que ela seja confirmada com a tecla Enter.
Para corrigir uma entrada já digitada devemos proceder da seguinte forma:
1 - Posicionar o cursor na célula a ser corrigida
2 - Digitar a tecla F2 que habilitará edição (alteração) dos dados contidos na célula (o cursor estará
posicionado após o último caractere).
3 - Após fazer as correções, tecle Enter para confirmar.

CORREÇÃO ORTOGRÁFICA
Para corrigir a planilha, clique no botão Ortografia e Gramática ou pressione a tecla F7.

DESFAZER OPERAÇÃO
Para desfazer automaticamente a última operação realizada:
Clique no botão Desfazer .
Escolher a opção Desfazer de acordo com o número de ações que deseja desfazer.

REFAZER OPERAÇÃO
Para repetir automaticamente a última operação realizada.
Procedimentos:
Clique no botão Refazer .
Atalhos:
Desfazer: CTR + Z
Refazer: F4

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 29
Revisão: Edição de planilha
EDITANDO A PLANILHA
SELECIONANDO UM GRUPO DE CÉLULAS
Para a realização da maioria das tarefas é necessário selecionar as células. Esta seleção pode ser
Excel® Intermediário (versão 2003)

realizada da seguinte maneira:


Posicionar na primeira célula desejada;
Pressionar a tecla SHIFT e através das setas de direção, marcar até a última célula do grupo
desejado.

ATALHOS PARA SELEÇÃO


Para selecionar toda a planilha: posicionar o cursor na primeira célula da planilha e pressionar CTRL +
Shift + End.
Para selecionar toda planilha estando o cursor posicionado em qualquer uma das células da
respectiva planilha pressione CTRL + Shift *.
Para selecionar toda a coluna: basta posicionar o cursor na coluna desejada e teclar CTRL + Barra de
Espaços.
Para selecionar toda linha: basta posicionar o cursor na linha desejada e teclar Shift + Barra de
Espaços.
Para selecionar uma coluna da planilha: CTRL Shift Seta para baixo
Para selecionar uma linha da planilha: CTRL Shift Seta para direita

SOBRESCREVENDO UMA CÉLULA


Posicionar na célula desejada;
Digitar os novos dados (automaticamente os dados antigos serão sobrescritos).

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 30
Revisão: Apagar, inserir e alterar
APAGANDO DADOS DE UMA CÉLULA
Procedimentos:
Posicionar na célula desejada;
Excel® Intermediário (versão 2003)

Pressionar a tecla Delete para apagar o conteúdo e manter a formatação.


Através do Menu Editar opção Limpar, podemos apagar a formatação da célula, as notas, o
conteúdo ou todos os detalhes, selecionando a opção desejada.

INSERINDO UMA CÉLULA EM BRANCO


Para inserirmos uma célula em branco entre um conjunto de células devemos proceder da seguinte
forma:
Posicionar na célula que será deslocada;
Clique no Menu Inserir, Células, ou através do atalho Shift+F10 na opção Inserir;
Escolha o tipo de deslocamento desejado (células para direita, células para baixo, linha inteira ou
coluna inteira);
Finalize com o botão OK.

ALTERANDO A LARGURA DAS COLUNAS


Em uma planilha, todas as colunas são definidas com uma largura padrão que poderá ser alterada.
As linhas ajustam-se automaticamente para acomodar um texto com retorno automático ou a maior
fonte inserida na linha.
Para alterar a largura das colunas:
Posicionar na coluna a ser alterada;
Acessar o Menu Formatar, Coluna, Largura;
Digite a largura desejada para a coluna e confirme com OK.
Observações: Caso queira ajustar a largura mínima necessária, para exibir o conteúdo das células
selecionadas, acione o Menu Formatar, Coluna opção, Auto-Ajuste da Seleção; para retornar a
coluna ao tamanho original, acessar a opção Largura Padrão.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 31
Revisão: Apagar, inserir e alterar

ALTERANDO A ALTURA DAS LINHAS


Excel® Intermediário (versão 2003)

De acordo com a fonte utilizada, o Excel ajusta automaticamente a altura da linha. Entretanto, podemos aumentá-la
para destacar itens importantes da planilha como por exemplo totais, subtotais etc.
Procedimentos:
Posicionar na linha desejada. Acessar o Menu Formatar e escolher a opção Linha, na seqüência pressione a seta para
a direita para abrir um sub-menu. Localize a opção Altura e especifique a altura da linha, confirmando com a tecla Enter.
Observações: Caso queira ajustar automaticamente clique no Menu Formatar/Linha/ Auto-Ajuste ou clique duas vezes
entre as colunas desejadas:

INSERINDO OU EXCLUINDO INSERINDO OU EXCLUINDO


LINHAS COLUNAS
Inserindo linhas Inserindo colunas
Posicionar o cursor na célula Posicionar o cursor no local
onde será inserida a linha ou onde será inserida a coluna ou
linhas. colunas.
Acionar o Menu Inserir/Linhas, Acionar o Menu
ou através do atalho Shift F10 Inserir/Colunas, ou através do
na opção Inserir. atalho Shift F10 na opção
Observações: A linha será Inserir.
inserida acima do local Observação: A coluna será
selecionado. Se desejar inserir inserida à esquerda do local
mais de uma linha, repita o marcado.
procedimento. Excluindo colunas
Posicionar o cursor na coluna a
EXCLUINDO LINHAS ser excluída;
Posicionar o cursor na célula da Acionar o Menu Editar/Excluir,
linha a ser excluída; ou através do atalho Shift F10
Acionar o Menu Editar/Excluir, na opção Excluir. Escolha a
ou através do atalho Shift F10 opção coluna inteira. Finalize
na opção Excluir; Escolha a com OK.
opção linha inteira. Finalize
com OK.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 32
Revisão: Tipos de referência
Tipos de Referências:
Relativa
Excel® Intermediário (versão 2003)

Cada referência de célula relativa em uma fórmula é


automaticamente alterada quando essa fórmula é copiada
verticalmente em uma coluna ou transversalmente em uma
linha. Isso explica por que, na primeira lição, você pôde copiar a
fórmula do mês de janeiro para somar as despesas do mês de
fevereiro. Como mostra o exemplo nesta lição, quando a fórmula
=C4*$D$9 é copiada de uma linha para a outra, as referências
de célula relativas são alteradas de C4 para C5 e para C6.
1 - Referências relativas são
Absoluta (Não relativa): alteradas conforme são
Uma referência de célula absoluta é fixa. Referências absolutas copiadas.
não serão alteradas se você copiar uma fórmula de uma célula 2 - Referências absolutas
para a outra. Referências absolutas apresentam cifrões ($) permanecem iguais conforme
como este: $D$9. Como mostra a imagem, quando a fórmula são copiadas.
=C4*$D$9 é copiada de uma linha para a outra, a referência de
célula absoluta permanece como $D$9.

Mista:
Uma referência de célula mista possui uma coluna absoluta e
uma linha relativa ou uma linha absoluta e uma coluna relativa.
Por exemplo, $A1 é uma referência absoluta para a coluna A e
uma referência relativa para a linha 1. À medida que uma
referência mista é copiada de uma célula para a outra, a
referência absoluta permanece a mesma, mas a referência
relativa é alterada.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 33
Revisão: Tipos de referência
Tipos de Referências: Exercício
Excel® Intermediário (versão 2003)

Selecione a alternativa correta:

a) 1 - Absoluta (Não Relativa) e 2 – Relativa


b) 1 - Relativa e 2 - Absoluta (Não Relativa)
c) 1 - Mista e 2 - Não Relativa

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 34
Revisão: Copiar
COPIANDO CÉLULAS:
Podemos copiar o conteúdo de uma célula ou faixa de células de um local para o outro.
Excel® Intermediário (versão 2003)

No caso de fórmulas, a célula que está sendo copiada será automaticamente refeita, de forma que os
endereços fiquem de acordo com a célula posicionada.
A cópia poderá ser:
Relativa: quando houver fórmula na célula copiada, esta varia relativamente ao sentido para o qual
está sendo efetuada a cópia.
Botão Colar - cola a seleção
da Área de Transferência para a
área indicada.

Botão Copiar - copia a área


selecionada para a Área de
Transferência.

Copiar e colar utilizando os botões da


Copiar e colar utilizando Copiar e colar utilizando o Menu Editar barra de menu
teclas de atalho CTRL C e CTRL V

MOVENDO O CONTEÚDO DE UMA CÉLULA:


Podemos mover o conteúdo de uma célula, para isso precisamos "Recortar" o conteúdo da célula
desejada e "colar" em outra, seguindo estes procedimentos:

Procedimentos:
Selecionar as células desejadas;
Acionar o Menu Editar/Recortar. Atalho: Ctrl + X;
Posicionar-se no local onde deverá ser colada a informação;
Acionar o Menu Editar/Colar. Atalho: Ctrl + V
Botão Recortar - recorta a área
selecionada para a Área de
Transferência.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 35
Revisão: Copiando e movendo fórmulas
COPIANDO E MOVENDO FÓRMULAS:
Copiando Fórmulas:
Excel® Intermediário (versão 2003)

Posicionar-se na célula a ser copiada;


Selecionar o Menu Editar e escolher a opção Copiar. Atalho: Ctrl + C;
Posicionar-se na célula ou região para onde a fórmula será copiada;
Selecionar o Menu Editar e escolher a opção Colar. Atalho: Ctrl + V.

Movendo Fórmulas:
Posicionar-se na célula a ser movida;
Selecionar o Menu Editar e escolher a opção Recortar. Atalho: Ctrl + X;
Posicionar-se na célula ou região para onde a fórmula será movida;
Selecionar o Menu Editar e escolher a opção Colar. Atalho: Ctrl + V.

Tamanho da planilha
COLOCANDO VÁRIAS LINHAS DE TEXTO EM UMA CÉLULA
O Excel permite digitarmos até 32.000 caracteres. Esse recurso é muito interessante, pois facilitará a
inserção, por exemplo, da análise de um balanço, a inclusão de um artigo de jornal ou revista etc.
Posicionar o cursor na célula que exibirá as várias linhas do texto;
Clique no menu Formatar/Células;
Clique na guia Alinhamento;
Clique na opção Retorno automático de texto. Finalize com OK.
Para finalizar digitar o texto na barra de fórmulas e pressionar a tecla Enter.

Atalho:
Digite uma palavra, Alt+Enter, você estará na mesma célula, porém na linha abaixo da mesma digite
o conteúdo desejado e tecle Enter para finalizar.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 36
Revisão: Auto Preenchimento
UTILIZANDO O RECURSO DE AUTOPREENCHIMENTO
Excel® Intermediário (versão 2003)

Em uma planilha normalmente precisamos preencher uma determinada faixa de células com textos ou
valores iguais ou seqüenciais. Podemos realizar essas operações utilizando o recurso de auto-
preenchimento.

Na parte inferior, à direita da célula ativa há um ponto negro que se


chama Alça de preenchimento. Quando você posiciona o mouse sobre
a Alça de preenchimento aparece uma cruz + . Clique sobre esta alça e
1 arraste abaixo para preencher com os dados abaixo ou à direita para
preencher com os dados à direita da célula ativa.
2
Podemos utilizar o Menu para fazer o preenchimento:
Barra de Menu, Menu Editar, Preencher
ou Atalho: ALT + E, depois tecle P

Teclas de Atalhos:
Utilize Ctrl+R para realizar o Auto Preenchimento
para Direita
Utilize Ctrl+D para realizar o Auto Preenchimento
para Baixo.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 37
Revisão: Auto Preenchimento
UTILIZANDO O RECURSO DE AUTOPREENCHIMENTO

Podemos utilizar o auto-preenchimento para preencher com uma série de dados, existem duas opção
Excel® Intermediário (versão 2003)

para preencher uma série: Utilizando Menu ou direto pelo teclado utilizando as teclas de atalho
Podemos utilizar o
1 – Digite uma data
Menu para fazer o
preenchimento:
Barra de Menu, Menu 2 – Clique na Alça de
Editar, Preencher preenchimento, aparecerá a +
ou Atalho: ALT + E, arraste até a linha desejada.
depois tecle P e S Surgirá o Menu

3 – Clique no Menu e
seleciona a opção desejada

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 38
Revisão: Auto Preenchimento
Exercício:
Excel® Intermediário (versão 2003)

1 - Explique como criar uma série numérica (exemplo: de 1 a 12) sem utilizar o recurso de Auto
Preenchimento e sem entrar com os valores individualmente.

2 – Utilizando o recurso de Auto Preenchimento podemos ter uma série como apresentada abaixo:

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 39
Revisão: Ajustes
O que significam esses caracteres estranhos na minha planilha?
Excel® Intermediário (versão 2003)

Às vezes, o Excel não consegue calcular uma fórmula porque ela apresenta um erro. Se isso
acontecer, você verá um valor de erro em vez de um resultado em uma célula. Estes são os três
valores de erro comuns:

##### A coluna não tem largura o suficiente para exibir o conteúdo dessa célula. Aumente a
largura da célula, reduza o conteúdo para ajustá-lo à coluna ou aplique um formato numérico
diferente.

#REF! Uma referência de célula não é válida. Células podem ter sido excluídas ou sobrepostas.

#NOME? Digitação incorreta de um nome de função ou utilizado um nome não reconhecido pelo
Excel. Você deve saber que células com valores de erro, como #NOME?, podem exibir um triângulo
colorido (veja abaixo). Se você clicar nessa célula, um botão de erro será exibido para fornecer
algumas opções de correção.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 40
Revisão: Percentual
Percentual
Existe duas formas de calcular o percentual no Excel 2003:
Excel® Intermediário (versão 2003)

Quando você está multiplicando o


valor do desconto por 5 %, por
exemplo, o sinal de porcentagem
(%) está automaticamente
convertendo (transformando) o
No exemplo acima: número 5 (que é um número inteiro
Um cliente fez uma compra no valor de R$ 1.500,00 e positivo) em um número decimal,
ganhou 5% desconto em cima do valor da compra. na base percentual. Ou seja, 5%
corresponde, na verdade, a 0,05
Nesse caso, podemos utilizar a fórmula: décimos de cem.
valor * desconto /100
Ou se preferir
valor * desconto%
Exercício
Numa sala existem 40 alunos. Logo, 40 é o todo da sala ou
seja 40 representa 100%. Dessas 40 pessoas, 32 são
mulheres e 8 são homens. Calcule o percentual de homens e
mulheres nessa sala?
A B C
1 Quantidade Total de alunos Total de alunas
total de alunos
2 40 32 8
Para ver os valores no formato
percentual, basta que você
3 Percentual selecione-os e aperte a tecla %,
cujo atalho é CTRL + SHIFT + %.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 41
Revisão: Formatação
FORMATAÇÃO:

A partir do Menu Formatar, podemos formatar Células, Linha, Coluna,


Excel® Intermediário (versão 2003)

Planilha, AutoFormatação..., Formatação Condicional (veremos na


segunda parte deste treinamento) e Estilo

Formatando Células: Menu Formatar, Células (Atalho: CTRL + 1), podemos formatar (categorizar) o
conteúdo da célula, Selecionar Tipo de Alinhamento, Escolher/Trocar Fonte, Definir Bordas, Definir
Padrões (de Cor de Sombreamento e Cor de funda da célula) e Selecionar Modo de Proteção*

* Para ter efeito a planilha deverá estar protegida

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 42
Revisão: Formatação
FORMATAÇÃO: (continuação)
Excel® Intermediário (versão 2003)

Formatando Células: Menu Formatar, Linha , podemos


formatar a altura da linha, Selecionar AutoAjuste, Ocultar a
linha e reexibir a linha.
Atalho: ALT + F + h + A (para formatar a altura da linha)

Formatando Células: Menu Formatar, Coluna,


podemos formatar a largura da coluna, Escolher
AutoAjuste da seleção, Ocultar a coluna, Reexibir a
coluna e Selecionar a Largura Padrão.
Atalho: ALT + F + n + L (para formatar a largura da
coluna)

Formatando Células: Menu Formatar, Planilha, podemos


formatar a Planilha, Renomear a planilha, Ocultar, Reexibir
a planilha, Selecionar Plano de fundo e Cor da Guia.
Atalho: ALT + F + P + R (para renomear a planilha)

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 43
Revisão: Formatação
FORMATAÇÃO: (continuação)
Excel® Intermediário (versão 2003)

Exemplo de Planilha com formatação:

No. do Pedido Data Nome do Cliente Valor


10110 02/01/2010 José da Neves R$ 2.390,90
10112 03/02/2010 Setembrino de Fonseca R$ 450,00
10113 03/02/2010 Zeferino Dias R$ 550,00
10115 03/02/2010 João Victor R$ 546,90
10116 04/02/2010 Rosalvo Santos R$ 5.667,00
10120 04/02/2010 José Lourenço Menezes R$ 45.678,00
10121 05/02/2010 Maria da Graças Alencar R$ 900,00
10122 05/02/2010 Ronaldo Aguiar R$ 891,00

Total R$ 57.073,80

Exercício:
Quais foram as formatações feitas na planilha acima ?

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 44
Revisão: Formatação
FORMATAÇÃO: (continuação)
Excel® Intermediário (versão 2003)

Formatando Planilha: Vá ao Menu Formatar, AutoFormatação, que será


apresenta alguns modelos de planilhas já formatada, você clicar no botão
Opções e escolher quais são os formatos que você quer aplicar.

Selecione o formato desejado, clicando no botão


Opções você também poderá escolher quais os
formatos que você quer aplicar.
3

1 Selecione a planilha que você desenha


aplicar a AutoFormatação.

2 Selecione no
Menu Formatar a
opção
AutoFormatação
(Atalho: ALT F F)

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 45
Revisão: Formatação
FORMATAÇÃO: (continuação)
Excel® Intermediário (versão 2003)

Formatando Planilha: Vá ao Menu Formatar, AutoFormatação, que será


apresenta alguns modelos de planilhas já formatada, você clicar no botão
Opções e selecionar quais são os formatos que você quer aplicar.

Antes da aplicação da
AutoFormatação

Depois da aplicação da No. do Pedido Data Nome do Cliente Valor


AutoFormatação 10110 02/01/2010 José da Neves R$ 2.390,90
10112 03/02/2010 Setembrino de Fonseca R$ 450,00
10113 03/02/2010 Zeferino Dias R$ 550,00
10115 03/02/2010 João Victor R$ 546,90
10116 04/02/2010 Rosalvo Santos R$ 5.667,00
10120 04/02/2010 José Lourenço Menezes R$ 45.678,00
10121 05/02/2010 Maria da Graças Alencar R$ 900,00
10122 05/02/2010 Ronaldo Aguiar R$ 891,00
Total R$ 57.073,80

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 46
Revisão: Formatação
FORMATAÇÃO: (continuação)
Excel® Intermediário (versão 2003)

Selecionando Estilo: Vá ao Menu Formatar, Estilo, que abrirá um formulário


com as informações sobre estilo selecionado e que inclui este estilo.

A partir da seleção de um estilo, você poderá


ver as informações do estilo escolhido, bem
como modificar e/ou mesclar este estilo com
outros estilo.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 47
Revisão: Formatação
FORMATAÇÃO:

Como limpar formatos ou conteúdo de célula :


Excel® Intermediário (versão 2003)

Selecione as células, linhas ou colunas cujos formatos e conteúdo devem ser Marque as células,
colunas ou linhas
excluídos. que você quer
No menu Editar, aponte para Limpar e, em seguida, clique em Formatos ou limpas e em
em Conteúdo. seguida Selecione o
Menu Editar,
Você pode limpar formatos e conteúdo clicando em Tudo. Esse procedimento depois Limpar e
também removerá os comentários de célula e validação de dados. Tudo (será limpo o
conteúdo da células
e também os seus
formatos)
Se você clicar em uma célula
e pressionar a tecla DELETE
ou BACKSPACE , o Excel
removerá o conteúdo da
célula, mas não removerá
nenhum comentário nem
formato de célula.
Se você limpar uma célula, o
valor da célula limpa será 0
(zero) e uma fórmula que se
refira a essa célula receberá
um valor 0.

Teclas de Atalhos: ALT + E, m e u (Para limpar tudo, formato e conteúdo)

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 48
Revisão: Gráfico
GRÁFICOS
Gráficos facilitam, para os usuários, a visualização de comparações, padrões e tendências nos dados.
Excel® Intermediário (versão 2003)

Vendas no Semestre Contribuição do PIB por Região

250

200

15%
150 Sudeste
Estimado 12% 44% Sul
Real Norte
100
5% Nordeste
Centro Oeste
24%
50

0
Jan Fev Mar Abr Mai Jun

Exemplo 1 – Gráfico de Vendas. Exemplo 2 – Gráfico de Contribuição do PIB


Em vez de ter que analisar várias colunas de por Região.
números de planilha, você pode ver Em vez de ter que analisar várias colunas de
imediatamente se as vendas estão caindo ou números de planilha, você pode ver quando as
subindo a cada mês ou como as vendas reais se regiões contribuem para o PIB.
comparam às vendas estimadas.

O Excel possui um Assistente que ajuda aos usuários a desenvolverem os gráficos e sua formatação.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 49
Revisão: Gráfico
Gráfico: Criando um Gráfico

1
Excel® Intermediário (versão 2003)

Região Valor do PIB


Seguir as orientações
Sudeste 44 3 do Assistente para
Sul 24 criação do gráfico.
Norte 5
Nordeste 12
O primeiro passo é
Centro Oeste 15 selecionar o tipo
de gráfico.
Faça a planilha com
os dados

2 Selecione Menu, Inserir, Gráfico

Após seleção do Tipo e do


Subtipo do Gráfico clique no
botão Avançar.
Botão Assistente de Gráfico - Orienta passo a passo a criação de um gráfico

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 50
Revisão: Gráfico
Gráfico: Criando um Gráfico
Excel® Intermediário (versão 2003)

5 7

Se o intervalo de dados não foi


selecionados, neste caso será
necessário informá-lo Apresentação do gráfico

6 Selecionar o intervalo de
Intervalo de dados... dados antes de clicar no
botão do assistente de
gráfico

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 51
Revisão: Gráfico
Valor do PIB

Gráfico: Criando um Gráfico 10


Excel® Intermediário (versão 2003)

15%
8
12% 44%

5%

24%

Sudeste Sul Norte Nordeste Centro Oeste

Gráfico

Informar o título do gráfico e as demais


informações de acordo com as guias:
Legendas e Rótulos de dados
9

Selecione qual será local que ficará o gráfico, opções:


- Em outra planilha
- Como objeto (neste caso ele ficará na planilha atual
e depois clique no botão Avançar Por fim clique no botão Concluir
Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 52
Revisão: Impressão
IMPRESSÃO
Para imprimir uma planilha você primeiro precisa definir qual será a área de impressão
Excel® Intermediário (versão 2003)

Selecione qual será a área de impressão (a partir da planilha) e depois Selecione o Menu Arquivo,
Área de Impressão e depois Definir área de impressão.

1
2

Seleção da Área de
impressão

Definição da Seleção da Área de Impressão

Botão Imprimir - imprime a planilha ativa na pasta de trabalho ou os itens selecionados.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 53
Revisão: Impressão
IMPRESSÃO
Antes de imprimir você pode configurar página. As configurações são bastante abrangente vão deste
Excel® Intermediário (versão 2003)

definição de cabeçalho e rodapé, tamanho do papel, qualidade de impressão, numeração das páginas,
orientação do papel, margens e etc.
1

Possibilita configurar a página, margens, cabeçalho /


2 rodapé e planilha

Menu Arquivo, Configurar Página


Atalho: ALT A o

Posicionar o cursor na célula onde


será inserida ou removida a quebra
de página;
Acionar o Menu Inserir e escolher a
opção Quebra de página ou
Remover Quebra de página.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 54
Revisão: Impressão
Imprimindo as formulas utilizadas em planilha:
Excel® Intermediário (versão 2003)

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 55
Revisão: Impressão
Imprimindo as formulas utilizadas em planilha:
Excel® Intermediário (versão 2003)

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 56
Revisão: Espaço de Trabalho
Salvando Espaço de Trabalho:
2
Excel® Intermediário (versão 2003)

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 57
Revisão: Segurança
Segurança: Vírus:

2
Excel® Intermediário (versão 2003)

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 58
Revisão: Segurança
Segurança: Vírus:
Excel® Intermediário (versão 2003)

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 59
Revisão: Teste
1 - O que significam os caracteres #####?
Excel® Intermediário (versão 2003)

a) A coluna não é larga o suficiente para exibir o conteúdo.


b) referência de célula não é válida.
c) O nome da função foi digitada incorretamente ou foi utilizado um nome não reconhecido pelo Excel.

2 – Quanto digitamos o “2+a”, que será apresentado ?

a) 2+a
b) #NOME?
c) #ERRO

3 – Qual alternativa é correta a respeito de nome válido para pasta (arquivo) ?

a) Pasta1[usuário]
b) Pasta?***
c) Pasta1-100

4 – Qual é atalho para impressão ?

a) CTRL + I
b) CTRL + P
c) CTRL + PRINT SCREEN

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 60
Excel® Intermediário (versão 2003)

Parte 2 – Recursos Intermediários


Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 61
Função: SOMASE
SOMASE - Adiciona as células especificadas por um determinado critério.

Sintaxe:
Excel® Intermediário (versão 2003)

SOMASE(intervalo;critérios;intervalo_soma)

Intervalo - é o intervalo de células que se deseja calcular.


Critérios - são os critérios na forma de um número, expressão ou texto, que define quais células serão
adicionadas. Por exemplo, os critérios podem ser expressos como 32, "32", ">32", ―produtos".
Intervalo_soma são as células que serão realmente somadas

Exemplo:
Você tem uma planilha de todas as vendas por regional, só que precisa fazer um gráfico de vendas por
Regional, só que antes de fazer o gráfico é necessário você sumarizar todas os valores das vendas por
regional
1
Planilha de Vendas Mês de Fev/10 Você pode dar
No. do Pedido Regional Data Nome do Cliente Valor nome para células ou
10110 São Paulo 02/01/2010 José da Neves R$ 2.390,90 intervalos de valores,
10113 São Paulo 03/02/2010 Zeferino Dias R$ 550,00 pois isto simplificada o
10115 Minas Gerais 03/02/2010 João Victor R$ 546,90 desenvolvimento das
10116 Rio de Janeiro 04/02/2010 Rosalvo Santos R$ 5.667,00 formulas.
10120 Minas Gerais 04/02/2010 José Lourenço Menezes R$ 45.678,00
10121 São Paulo 05/02/2010 Maria da Graças Alencar R$ 1.000,00
10122 Rio de Janeiro 05/02/2010 Ronaldo Aguiar R$ 891,00
Total R$ 56.723,80

Resumo
Regional Totais
São Paulo R$ 3.940,90 =SOMASE(B3:B9;A15;E3:E9)
Minas Gerais R$ 46.224,90
Rio de Janeiro R$ 6.558,00
“São Paulo”
2
Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 62
Nome
Nome – Você pode atribuir nome a uma única célula ou ao intervalo de dados.

No menu Inserir, aponte para Nome e, em seguida, clique em Definir.


Excel® Intermediário (versão 2003)

Na caixa de listagem Nomes na pasta de trabalho, clique no nome cuja referência você
deseja verificar.

2
2

Planilha de Vendas Mês de Abril/09


No. do Pedido Regional Data Nome do Cliente Valor Exemplo:
10110 São Paulo 02/01/2010 José da Neves R$ 2.390,90 Veja como a foi simplificada a visualização
10113 São Paulo 03/02/2010 Zeferino Dias R$ 550,00
10115 Minas Gerais 03/02/2010 João Victor R$ 546,90 da formula e também como sua
10116 Rio de Janeiro 04/02/2010 Rosalvo Santos R$ 5.667,00 manutenção foi facilitada, pois, podemos
10120 Minas Gerais 04/02/2010 José Lourenço Menezes R$ 45.678,00 adicionar novas regionais e ajustar o
10121 São Paulo 05/02/2010 Maria da Graças Alencar R$ 1.000,00
10122 Rio de Janeiro 05/02/2010 Ronaldo Aguiar R$ 891,00
tamanho apenas no nome (no intervalo de
Total R$ 56.723,80 dados informado no nome)

Resumo
Regional Totais
São Paulo R$ 3.940,90
Minas Gerais R$ 46.224,90 =SOMASE(Regionais;A16;Valores)
Rio de Janeiro R$ 6.558,00

“Minas Gerais”

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 63
Filtro
Filtrar é a forma rápida e simples de localizar ou visualizar um subconjunto de dados em uma planilha
ou intervalo. Um intervalo filtrado exibe somente as linhas que atendem aos critérios. O Excel tem
dois formatos de filtro: AutoFiltro e Filtro Avançado:
Excel® Intermediário (versão 2003)

Aplicando o AutoFiltro:
2

Menu Dados, Filtrar,


AutoFiltro. Confirme
clicando o botão do mouse

1 Selecione a coluna que deverá


receber o AutoFiltro (coluna que
será filtrada)
3
Pronto o filtro foi colocado na planilha
(intervalo de dados) e agora você poderá
utilizar a lista suspensa (clicando no botão)
para aplicar os critérios do filtro

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 64
Filtro Avançado
O comando Filtro Avançado, deve ser utilizado quando você precisa definir critérios mais complexos do
que aqueles oferecidos pelo AutoFiltro.
Excel® Intermediário (versão 2003)

Exemplo:
A partir da planilha abaixo, que apresenta as vendas de todas as regionais, você deseja ver os todos os pedidos e os
pedidos da regional São Paulo e Rio de Janeiro (isto é que chamamos de critério de filtro complexo), utilizar Filtro
Avançado é o jeito mais simples de conseguir este resultado.
2

Selecione a Ação e depois informe


os intervalos da lista e o intervalo de
critérios e clique no botão OK
Deixe duas ou mais linhas antes da
planilha para a definição dos critérios
3
Defina os critérios para o Filtro Avançado
Chame o Menu, Dados, Filtro Avançado

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 65
Macro
Macro - Uma ação ou um conjunto de ações que você pode usar para automatizar tarefas, principalmente
aquelas tarefas repetitivas. As macros são registradas na linguagem de programação VBA (Visual Basic
for Applications.).
Excel® Intermediário (versão 2003)

Exemplo:
Foi aplicado a planilha abaixo um filtro avançado, que filtras os dados da planilha mediante alguns critérios, contudo, em
certo momentos você precisa ver todos os dados da planilha.

Para ver todos os


dados devemos
selecionar o Menu
Dados, Filtrar, Mostra
todos

Criando uma Macro:


Excel dá um nome padrão
para macro (Macro1, por
exemplo), mas você
informar um nome e
depois qual é a tecla de
atalha da macro e clique
1 no botão OK

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 66
Macro
Criando uma Macro: (continuação)

3
Excel® Intermediário (versão 2003)

Grave a seqüência de comandos que são necessários para você visualizar a


todos os dados da planilha.

Para finalizar a gravação da macro clique no botão parar a gravação

4
Execução da Macro:

Selecione a macro e depois clique no botão


2 Executar.
Opcionalmente você também poderá executar a
Selecionar Menu Ferramentas, macro pelo atalho que foi definido no momento
Macro. Atalho ALT+F8 da usa criação.
Se você não lembrar o atalho, clique no botão
Opções que será apresentado os detalhes da
macro (selecionada). Você ainda poderá editar
depurar, cancelar ou excluir a macro.

1
Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 67
Funções Lógica E
E
Retornará VERDADEIRO se todos os argumentos forem verdadeiros; retornará FALSO se um ou mais
Excel® Intermediário (versão 2003)

argumentos forem falsos.

Sintaxe:
E(lógico1;lógico2; ...)
Lógico1; lógico2;... são de 1 a 30 condições que você deseja testar e que podem ser VERDADEIRO
ou FALSO.

Comentários:
• Os argumentos devem ser avaliados para valores lógicos, como VERDADEIRO ou FALSO, ou devem
ser matrizes ou referências que contêm valores lógicos.
• Se um argumento de uma matriz ou referência contiver texto ou células vazias, esses valores serão
ignorados.
• Se o intervalo especificado não contiver valores lógicos, E retornará o valor de erro #VALOR!.
Fórmula Descrição (resultado)
=E(VERDADEIRO; VERDADEIRO) Todos os argumentos são VERDADEIRO (VERDADEIRO)
=E(VERDADEIRO; FALSO) Um argumento é FALSO (FALSO)
=E(2+2=4; 2+3=5) Todos os argumentos são avaliados como VERDADEIRO
(VERDADEIRO)
=E(10>20;50<100) Um argumento é FALSO (FALSO)

=E(A1>=100; B1<=200)
Essa função é
muito usada =E(A2>=300; B2<=400)
juntamente com a
função SE. =E(A3>=500; (B3-A3=100))

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 68
Funções Lógica
Utilizando o Assistente de Função:

1
Excel® Intermediário (versão 2003)

2 3

Posicione na célula
que receberá a função

Selecione no
Menu Inserir
a opção Função

4 Digite a descrição ou selecione


uma categoria
Depois selecione uma função e
clique no botão OK para continuar

Informe os dados (argumentos


da função) para o Assistente e
depois clique no botão OK

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 69
Função Lógica: Falso e Verdadeiro
NÃO - Inverte o valor do argumento. Use NÃO quando quiser ter certeza de que um valor não é igual a outro
valor determinado.
Excel® Intermediário (versão 2003)

Sintaxe: NÃO(lógico)
Lógico é um valor ou expressão que pode ser avaliado como VERDADEIRO ou FALSO.
Comentários:
Se lógico for FALSO, NÃO retornará VERDADEIRO; se lógico for VERDADEIRO, NÃO retornará FALSO.

FALSO - Retorna o valor lógico FALSO.


Sintaxe: FALSO( )
Comentários:
Você também pode digitar a palavra FALSO diretamente na planilha ou fórmula, e o Excel a interpretará como o
valor lógico FALSO.

VERDADEIRO - Retorna o valor lógico VERDADEIRO.


Sintaxe: VERDADEIRO( )
Comentários:
Você pode inserir o valor VERDADEIRO diretamente nas células e fórmulas sem usar esta função. A função
VERDADEIRO é fornecida primeiramente para compatibilidade com outros programas de planilha.

Veja o exemplo:
As funções FALSO()
e VERDADEIRO()
não possuem
Fórmula Descrição (resultado) argumentos.
=SE(C4>70;VERDADEIRO();FALSO()) Se a condição não for verdadeira retorna FALSO
Se a condição for verdadeira retorna
=SE(C4>70;VERDADEIRO();FALSO())
VERDADEIRO
Reverte uma equação que é avaliada como
=NÃO(1+1=2)
VERDADEIRO (FALSO)

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 70
Função Lógica: OU
OU
Retorna VERDADEIRO se qualquer argumento for VERDADEIRO; retorna FALSO se todos os
Excel® Intermediário (versão 2003)

argumentos forem FALSOS.

Sintaxe:
OU(lógico1;lógico2;...)
Lógico1;lógico2,... são de uma a 30 condições que você deseja testar e que podem resultar em
VERDADEIRO ou FALSO.

Comentários:
Os argumentos devem ser avaliados como valores lógicos, como VERDADEIRO ou FALSO, ou em
matrizes ou referências que contenham valores lógicos.
Se um argumento de uma matriz ou referência contiver texto ou células vazias, esses valores serão
ignorados.
Se o intervalo especificado não contiver valores lógicos, OU retornará o valor de erro #VALOR!.
Você pode usar uma fórmula de matriz OU para verificar se um valor ocorre em uma matriz. Para inserir
uma fórmula de matriz, pressione CTRL+SHIFT+ENTER.
Fórmula Descrição (resultado)
=OU(VERDADEIRO) Um argumento é VERDADEIRO (VERDADEIRO)
=OU(1+1=1;2+2=5) Todos os argumentos são avaliados como FALSO
(FALSO)
=OU(VERDADEIRO;FALSO;VERDADEIRO) Pelo menos um argumento é VERDADEIRO
(VERDADEIRO)

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 71
Função Lógica: SE
SE
Retorna um valor se uma condição que você especificou avaliar como VERDADEIRO e um outro valor se
for avaliado como FALSO.
Excel® Intermediário (versão 2003)

Use SE para conduzir testes condicionais sobre valores e fórmulas.


Sintaxe:
SE(teste_lógico;valor_se_verdadeiro;valor_se_falso)

Veja o exemplo abaixo:


não
Saldo Positivo Valor_se_falso

teste_lógico Saldo<0
sim Saldo Negativo Valor_se_verdadeiro

Neste exemplo estamos avaliando uma determinada condição (SE saldo é menor que zero)
SE está condição for verdadeira (saldo < 0), atribuiremos o status de Saldo Negativo, caso o saldo
seja maior que zero atribuiremos Saldo Positivo (neste caso a condição será falsa)

Quando usar a função SE:


Quando é necessário avaliar qual caminho que devemos seguir mediante a uma condição inicial. Mas
somente poderemos seguir um caminho por vez.
Comentários:
É possível aninhar até sete funções SE como argumentos valor_se_verdadeiro e valor_se_falso para
construir testes mais elaborados. Consulte o último dos exemplos a seguir.
Quando os argumentos valor_se_verdadeiro e valor_se_falso são avaliados, SE retorna o valor que foi
retornado por estas instruções.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 72
Função Lógica: SE
SE (continuação)
Neste exemplo, foi digitado a função SE diretamente na célula. Foi demonstrado quais são os alunos que
Excel® Intermediário (versão 2003)

foram Aprovados (condição: Nota>=70) e os alunos que foram Reprovados (condição: Nota < 70).

=SE(C4>=70;"Aprovado";"Reprovado")

Outra opção é utilizar o Assistente para construir a


função SE. Primeiro selecione a célula que receberá a
função, chame o Menu Inserir, Função, Selecionar
uma categoria (Lógica), Selecione uma função (SE)
e clique no botão OK. E depois siga as instruções do
Assistente e para finalizar clique no botão OK.

Lista de Alunos Aprovados na Disciplina de Robótica


Qde de Aulas 14
Professor Souto
No. da No.
Matricula Nome do Aluno Presença Nota Status
Exercício:
100 José da Silva 12 70 Aprovado
101 Ana Cristina 13 69 Reprovado
Faça uma planilha que atenda o seguinte:
120 João Victor 14 83 Aprovado Critérios pra aprovação: O aluno tem que ter nota
230 Marina Santos 10 81 Reprovado maior ou igual 70 e presença superior a 75%, caso
450 Setembrino Souza 14 56 Reprovado contrário ele será considerado reprovado.
3450 Camila Jatobá 11 92 Aprovado

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 73
Formatação Condicional
Formatação Condicional
É um formato, como sombreamento de célula e cor da fonte, que o Excel aplica automaticamente a
Excel® Intermediário (versão 2003)

células se uma condição especificada for verdadeira.

Exemplo:
Você destacar a coluna status dos alunos, com cores para facilitar a visualização, porém os alunos
com status de Reprovados devem uma cor diferente dos Aprovados.
Selecione a célula que receberá o formato. E
em seguida selecione o menu Formatar,
Formatação condicional

2 Aplique a formatação para demais células

Faça a formatação condicional, você poder


incluir mais de uma condição e depois
clique no botão OK

3
Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 74
Tabela Dinâmica
Tabela Dinâmica
Tabela dinâmica: é um planilha (relatório) de referências cruzadas interativo que resume e analisa dados,
Excel® Intermediário (versão 2003)

como registros de banco de dados, de diversas fontes. Ele permite a organização de dados (apresentaç ão)
em formato diferente para facilitar a analise de dados.
Exemplo:

Você preciso analisar os dados desta


planilha, todavia os dados devem ser
analisados pela as regionais, ou seja,
você precisa saber o valor por regional

No Assistente de Tabela
2 Dinâmica e Gráfico
Dinâmica
Responda as questões:
1 - Onde estão os dados que
você deseja analisar ?
- Que tipo de relatório você
deseja criar ?

E seguida clique no botão


Avançar ou Concluir

Selecione Menu, Relatório de tabela


e gráfico dinâmicos
Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 75
Tabela Dinâmica
Tabela Dinâmica
Exemplo (continuação)
Excel® Intermediário (versão 2003)

3 4

Selecione intervalo de dados e clique no botão


Avançar ou Concluir

4.1 Selecione onde você deseja colocar o relatório de tabela


dinâmica, opções: Na nova planilha ou Na planilha existente.
Você pode mudar o layout da planilha clicando no botão
Layout ou selecionar as opções clicando no botão Opções.
Depois clique no botão Concluir

4.2
Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 76
Tabela Dinâmica
Tabela Dinâmica
Exemplo (continuação)
Excel® Intermediário (versão 2003)

A tabela dinâmica facilita a


análise dos dados.

Opcionalmente também
podemos criar filtros

Permite alterar os dados da tabela dinâmica

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 77
Tabela Dinâmica
Exercício
Você preciso analisar os dados planilha de Vendas. Os dados devem ser analisados por vendedor e
Excel® Intermediário (versão 2003)

pelo valor, depois devem ser sumarizados por vendedor, pois, precisamos saber qual o desempenho
de individual de vendedor.
Planilha: Vendas

Planilha: Vendedor

Atividades:
1 - Procure o nome de cada vendedor. Utilize a função PROCV.
2 – Crie uma tabela dinâmica que facilite a análise de dados e sabermos qual é o desempenho individual dos vendedores
(por do vendedor)

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 78
Banco de Dados
Banco Dados (no conceito Excel) não é função, e sim trata-se das informações constantes
organizadas por colunas, sendo a primeira linha o nome dos campos do banco de dados e demais
Excel® Intermediário (versão 2003)

linhas o valor dos campos.


Código Nome CNPJ Estado

1 José Venâncio ME 04.000.000/001-61 SP

2 Super Copias 04.050.900/001-63 RJ

3 NetComp 03.904.030/001-62 MG

4 Papel e Magia 01.023.000/001-01 SP

Com as informações digitadas no banco de dados, podemos usá-las para diversas finalidades, como
mala direta, tabela dinâmica, tabelas de impostos, tabelas de índices e etc

Exemplos:
Código Fornecedor UF Estado
1 Super Copia SP São Paulo
2 Farmacia Sara Já MG Minas Gerais
3 Cooperativa Vou de Taxi RJ Rio de Janeiro
4 Achei Recrutamento e Seleção MS Mato Grosso do Sul
5 Banco de Desconto MT Mato Grosso
6 Banco de ITU RS Rio Grande do Sul
SC Santa Catarina
PR Paraná
GO Goias
BA Bahia
ES Espirito Santo
CE Ceara

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 79
Classificar
Você poderá criar uma classificação para ordenar os dados da planilha.
Excel® Intermediário (versão 2003)

1 Planilha de Vendas Mês de Abril/09


No. do Pedido Regional Data Nome do Cliente Valor Ordens de classificação padrão
10110 São Paulo 02/01/2010 José da Neves R$ 2.390,90 Em uma classificação crescente, o Microsoft
10113 São Paulo 03/02/2010 Zeferino Dias R$ 550,00 Excel usa a ordem a seguir. (Em uma
classificação decrescente, esta ordem de
10115 Minas Gerais 03/02/2010 João Victor R$ 546,90
classificação é invertida, exceto para as
10116 Rio de Janeiro 04/02/2010 Rosalvo Santos R$ 5.667,00 células em branco, que são sempre colocadas
10120 Minas Gerais 04/02/2010 José Lourenço Menezes R$ 45.678,00 por último.)
10121 São Paulo 05/02/2010 Maria da Graças Alencar R$ 1.000,00 Números - Os números são classificados do
10122 Rio de Janeiro 05/02/2010 Ronaldo Aguiar R$ 891,00 menor número negativo ao maior número
positivo.
Selecione a coluna ou intervalo de dados que você quer Classificação alfanumérica - Quando você
classificar. classifica texto alfanumérico, o Excel
classifica da esquerda para a direita,
caractere por caractere.

Por exemplo, se uma célula contiver o texto


"A100", o Excel a colocará depois de uma
célula que contenha a entrada "A1" e antes de
uma célula que contenha a entrada "A11".

Os textos e os textos que incluem números


são classificados na seguinte ordem:
0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 (espaço) ! " # $ % & ( ) * , .
2 3 /:;?@[\]^_`{|}~+<=>ABCDEFG
HIJKLMNOPQRSTUVWXYZ

Apóstrofos (') e hifens (-) são ignorados, com


uma exceção: se duas seqüências de
caracteres de texto forem iguais exceto pelo
hífen, o texto com hífen será classificado por
último.
Valores lógicos Em valores lógicos,
FALSO é colocado antes de VERDADEIRO.
Selecione o Menu Selecione as colunas e ordem Valores de erro Todos os valores de erro
Dados e Classificar (crescente ou decrescente) e são iguais.
Vazias As células em branco são sempre
clique no botão OK classificadas por último.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 80
Vínculo
Vinculo
É link com uma fonte de dados externa (outra pasta), por exemplo.
Excel® Intermediário (versão 2003)

PROCV(A2;[populacao.xls]Plan1!A1:B17;2;FALSO)

Os dados da planilha uf da pasta UF, tem um vinculo com a planilha populacao da pasta PopulacaoEstado

Importante
Quando quebramos um vinculo (―link‖) a uma origem, todas as fórmulas que usam a origem são convertidas em seu
valor atual.
Exemplo, o vinculo (―link‖) =SOMA([budget.xls]Anual!C10:C25) seria convertido em =145. Como essa ação não pode
ser desfeita, talvez você precise salvar uma versão do arquivo antes de iniciar.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 81
Função: PROCV
PROCV
Localiza um valor na primeira coluna de uma matriz de tabela e retorna um valor na mesma linha de
Excel® Intermediário (versão 2003)

outra coluna na matriz da tabela.


Sintaxe
PROCV(valor procurado;matriz tabela;número índice coluna; procurar intervalo)

Valor procurado O valor a ser localizado na primeira coluna da matriz da tabela. Valor procurado pode ser um valor
ou uma referência. Se valor_procurado for menor do que o menor valor na primeira coluna de matriz tabela, PROCV
fornecerá o valor de erro #N/D.

Matriz tabela Duas ou mais colunas de dados. Use uma referência a um intervalo ou nome de intervalo. Os valores na
primeira coluna de matriz tabela são aqueles procurados por valor procurado.

Número índice coluna É o número da coluna em matriz tabela a partir do qual o valor correspondente deve ser
retornado. Um número índice coluna de 1 retornará o valor na primeira coluna em matriz tabela, e assim por diante.
Se número índice coluna for:
- Menor do que 1, PROCV retornará o valor de erro #VALOR!.
- Maior que o número de colunas em matriz tabela, PROCV fornecerá o valor de erro #REF!.

Procurar intervalo Valor lógico que especifica se a PROCV localize uma correspondência exata ou aproximada. Se
VERDADEIRO ou omitida, uma correspondência aproximada será retornada. Os valores na primeira coluna de matriz
tabela devem ser colocados em ordem de classificação crescente
Se FALSO, PROCV somente localizará uma correspondência exata

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 82
Função: PROCV
PROCV
Exercício 1:
Excel® Intermediário (versão 2003)

Cria uma nova pasta, coloque Cria uma nova pasta, coloque os dados e
os dados e depois salve a pasta depois salve a pasta com o nome uf
com o nome de populacao.

Agora precisamos preencher a coluna População (em milhões), para isto escreveremos a função
PROCV:
=PROCV(A2;[populacao.xls]Plan1!A1:B17;2;FALSO)

Tradução:
Procurar o conteúdo da célula A2 da planilha Plan1 da pasta uf), na pasta populacao na planilha
Plan1 no intervalo de dados (A1:B17) e retornar o conteúdo da segunda coluna (2) e busca é Exata
(FALSO).
Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 83
Função: PROCV
PROCV
Exercício 2:
Excel® Intermediário (versão 2003)

Cria uma nova pasta, coloque os dados e depois salve a pasta com o nome contas a pagar
Planilha: Despesas a Pagar

Atividade:

Utilizar a função PROCV para procurar os nomes dos


fornecedores, contudo, escreva um a função que possa se
copiada com mínimo de alteração.

Planilha: Fornecedor

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 84
Função: PROCH
PROCH
Localiza um valor específico na linha superior de uma tabela ou matriz de valores e retorna um valor
Excel® Intermediário (versão 2003)

na mesma coluna de uma linha especificada na tabela ou matriz.


Sintaxe:
PROCH(valor procurado;matriz tabela;número índice linha;procurar intervalo)

Valor procurado - é o valor a ser localizado na primeira linha da tabela.

Matriz tabela - é uma tabela de informações onde os dados devem ser procurados. Use uma referência para um
intervalo ou um nome de intervalo.

Número índice linha - é o número da linha em matriz tabela de onde o valor correspondente deve ser procurado. Um
número índice linha é igual a 1 retorna o valor da primeira linha na matriz tabela e assim por diante.
Se número índice linha for menor do que 1, PROCH retornará o valor de erro #VALOR!; se número índice linha for
maior do que o número de linhas na matriz tabela, PROCH retornará o valor de erro #REF!.

Procurar intervalo - é um valor lógico que especifica para PROCH se busca é exata ou aproximada.
Se VERDADEIRO ou omitido, uma correspondência aproximada é retornada, ou seja, se uma correspondência exata
não for localizada, o valor maior mais próximo que seja menor que o valor procurado é retornado.
Se FALSO, PROCH encontrará uma correspondência exata. Se nenhuma correspondência for localizada, o valor de
erro #N/D será retornado.

Exemplo:
Planilha Receita

Planilha Dados
=PROCH(C1;Receita!A1:I2;2;FALSO)

=PROCH(B1;Receita!A1:I2;2;FALSO)

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 85
Comando Subtotais
Subtotais
Cria subtotais de uma lista ou em um banco de dados (menu Dados), depois que a lista de subtotais foi
Excel® Intermediário (versão 2003)

criada, você poderá alterá-la editando a função SUBTOTAL.

1 Selecione o intervalo de dados

Selecione o Menu Dados,


Classificar (antes de fazer os
Subtotais é necessário classificar
os dados em ordem crescente)
3 Selecione os critérios
da classificação:

Classificar por:
Regional
Crescente

Meu intervalo de dados


tem:
Marque: Linha de
cabeçalho

E clique no botão OK
Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 86
Comando Subtotais
Subtotais (continuação):
4 Com a planilha classificada, agora podemos
Excel® Intermediário (versão 2003)

fazer os subtotais.

6
Selecione os critérios:

A cada alteração em:


Regional
Selecione o Menu Dados, Subtotais
Usar função:
Soma

Adicionar subtotal a:
Valor

E clicar no botão OK

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 87
Comando Subtotais
Subtotais (continuação):
Veja a planilha com os subtotais:
Excel® Intermediário (versão 2003)

Você poderá 7
manipular/naveg
ar na planilha
por aqui

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 88
Função Financeira: NPER
NPER
Retorna o número de períodos para investimento de acordo com pagamentos constantes e periódicos e
Excel® Intermediário (versão 2003)

uma taxa de juros constante.


Sintaxe
NPER(taxa;pgto;vp;vf;tipo)
Para obter uma descrição completa dos argumentos em NPER e sobre as funções de anuidade, consulte
VP.
Taxa é a taxa de juros por período.
Pgto é o pagamento feito em cada período; não pode mudar durante a vigência da anuidade. Geralmente,
pgto contém o capital e os juros, mas nenhuma outra tarifa ou taxas.
Vp é o valor presente ou atual de uma série de pagamentos futuros.
Vf é o valor futuro, ou o saldo, que você deseja obter depois do último pagamento. Se vf for omitido, será
considerado 0 (o valor futuro de um empréstimo, por exemplo, é 0).

Tipo é o número 0 ou 1 e indica as datas de vencimento.


Definir tipo para Se os vencimentos forem
0 ou omitido No final do período
1 No início do período

Exemplo:
Em quanto tempo um capital de $2000,00 aplicado a uma taxa de juros compostos de 20% ao mês, gera
um montante de $3500,00 ?
=NPER(20%;;-2000;3500) resulta em 3,06 (3 meses)

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 89
Função Financeira: NPER
NPER
Excel® Intermediário (versão 2003)

Exercício 1:
Determine em que prazo um empréstimo de R$ 11.000,00 pode ser quitado em um único pagamento de
R$ 22.125,00, sabendo-se que a taxa contratada é de 15% ao semestre em regime de juro composto.

Exercício 2:
Quanto tempo será necessário para juntar R$ 5.000,00, poupando R$ 250,00 por mês, a uma taxa de
juros de 3,3 % ao mês?

Exercício 3:
Uma pessoa recebe a proposta de investir, hoje, uma quantia de R$ 120.000,00 para receber R$
161.270,00 a uma taxa de 3% ao mês. Qual o prazo necessário para esse rendimento?

Exercício 4:
Suponha agora que você não saiba o número de parcelas, mas saiba que o valor do carro é de R$
30.000,00 e o valor de cada parcela é de R$ 863,04 a uma taxa de juros de 2% ao mês, sem entrada.
Quantos meses serão necessários para quitar este valor?

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 90
Função Financeira: PGTO
PGTO
Retorna o pagamento periódico de uma anuidade de acordo com pagamentos constantes e com uma
Excel® Intermediário (versão 2003)

taxa de juros constante.


Sintaxe:
PGTO(taxa;nper;vp;vf;tipo)
Para obter uma descrição mais completa dos argumentos em PGTO, consulte a função VP.
Taxa é a taxa de juros por período.
Nper é o número total de pagamentos pelo empréstimo.
Vp é o valor presente - o valor total presente de uma série de pagamentos futuros.
Vf é o valor futuro, ou o saldo de caixa, que você deseja obter depois do último pagamento. Se vf for
omitido, será considerado 0 (o valor futuro de determinado empréstimo, por exemplo, 0).
Tipo é o número 0 ou 1 e indica as datas de vencimento.

Comentários:
•O pagamento retornado por PGTO inclui o principal e os juros e não inclui taxas, pagamentos de
reserva ou tarifas, às vezes associados a empréstimos.
•Certifique-se de que esteja sendo consistente quanto às unidades usadas para especificar taxa e
nper. Se fizer pagamentos mensais por um empréstimo de quatro anos com juros de 12% ao ano,
utilize 12%/12 para taxa e 4*12 para nper. Se fizer pagamentos anuais para o mesmo empréstimo, use
12% para taxa e 4 para nper.

Exemplo:
Para empréstimo de R$ 8000,00 que será pago em 30 meses com uma taxa de juros de 3,6% ao mês.
Qual será o valor da prestação ?
Aplicas-se a função =PGTO(3,6%;30;8000) , que será resultará no valor da prestação em R$ 440,44
Definir tipo para Se os vencimentos forem
0 ou omitido No final do período
1 No início do período

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 91
Função Financeira: PGTO
Exemplo:
Suponha que se fez um empréstimo de R$ 10.000,00 a serem pagos durante 10 meses a uma taxa
Excel® Intermediário (versão 2003)

8% ao ano. Qual é o valor mensal de cada prestação ?


Taxa de Juros 8%
No. Pagtos 10
Valor Presente 10000

Aplicando a Função pgto = PGTO(8%/12;10;10000)


O valor de cada prestação será de -R$ 1.037,03

Sintaxe:PGTO(taxa;nper;vp;vf;tipo)
Exercício 1:
Você comprou uma TV no valor de R$ 850,00 que será paga 6 prestações. A primeira prestação
vencerá um mês após a data da compra. Taxa de juros é de 5% ao mês. Qual será o valor de cada
prestação ?

Exercício 2:
Suponha que se fez um empréstimo de R$ 1500,00 a serem pagos durante 8 meses a uma taxa
10% ao ano. Qual é o valor de cada prestação ?

Exercício 3:
Você comprou um dormitório no valor de R$ 8.000,00 que será paga 30 prestações mensais. A
primeira prestação vencerá um mês após a data da compra. Taxa de juros é de 4% ao mês.
Qual será o valor de cada prestação ?

Exercício 4:
Para economizar R$ 50.000,00 em 18 anos, com a taxa de 6% ao ano. Qual será o valor que
devemos poupar mensalmente?

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 92
Função Financeira: TAXA
TAXA
Retorna a taxa de juros por período de uma anuidade. TAXA é calculado por iteração e pode ter zero ou mais
soluções.
Excel® Intermediário (versão 2003)

Sintaxe:
TAXA(nper;pgto;vp;vf;tipo;estimativa)
Consulte VP para obter uma descrição completa dos argumentos nper, pgto, vp, vf e tipo.
Nper é o número total de períodos de pagamento em uma anuidade.
Pgto é o pagamento feito em cada período e não pode mudar durante a vigência da anuidade. Geralmente,
pgto inclui o principal e os juros e nenhuma outra taxa ou tributo. Se pgto for omitido, você deverá incluir o
argumento vf.
Vp é o valor presente - o valor total correspondente ao valor atual de uma série de pagamentos futuros.
Vf é o valor futuro, ou o saldo, que você deseja obter depois do último pagamento. Se vf for omitido, será
considerado 0 (o valor futuro de um empréstimo, por exemplo, é 0).
Tipo é o número 0 ou 1 e indica as datas de vencimento.
Estimativa é a sua estimativa para a taxa.
• Se você omitir estimativa, este argumento será considerado 10%.
• Se TAXA não convergir, atribua valores diferentes para estimativa. Em geral, TAXA converge se estimativa
estiver entre 0 e 1.

Comentários:
Certifique-se de que esteja sendo consistente quanto às unidades usadas para especificar estimativa e nper. Se
você fizer pagamentos mensais por um empréstimo de quatro anos com juros de 12% ao ano, utilize 12%/12
para estimativa e 4*12 para nper. Se fizer pagamentos anuais para o mesmo empréstimo, utilize 12% para
estimativa e 4 para nper.

Exemplo:
Qual a taxa de juros de um financiamento em que o valor à vista é de R$ 3000,00, e vai ser pago em 15 parcelas
de R$340,00?
=TAXA(15;340;-3000) resulta em 7,5%

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 93
Função Financeira: TAXA
TAXA

Exercício 1:
Excel® Intermediário (versão 2003)

Para um empréstimo de R$ 8000,00 que será pago em 4 anos e com uma prestação mensal de
R$ 200,00. Responda:
Qual será a taxa de juros mensal ?
Qual será a taxa de juros anual ?

Exercício 2:
Uma TV de 42‖ custa o valor de R$ 4.500,00 (à vista). Mas ela poderá ser financiado: 24 parcelas
de R$ 375,24.
Qual é a taxa de juros por ano que estão cobrando?

Exercício 3:
Qual é a taxa juros embutida de um empréstimo que as seguintes informações:
- Valor do financiamento: R$ 10.000,00
- Quantidade de parcelas: 12 parcelas
- Valora das parcelas (fixas) R$ 1.200,00
- Total da dívida 14.400,00.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 94
Função Financeira: VF
VF
Retorna o valor futuro de um investimento de acordo com os pagamentos periódicos e constantes e
com uma taxa de juros constante.
Excel® Intermediário (versão 2003)

Sintaxe:
VF(taxa;nper;pgto;vp;tipo)
Para obter uma descrição completa dos argumentos em VF e para obter mais informações sobre as
funções de anuidade, consulte VP.
Taxa - é a taxa de juros por período.
Nper - é o número total de períodos de pagamento em uma anuidade.
Pgto - é o pagamento feito a cada período; não pode mudar durante a vigência da anuidade.
Geralmente, pgto contém o capital e os juros e nenhuma outra tarifa ou taxas. Se pgto for omitido, você
deverá incluir o argumento vp.
Vp - é o valor presente ou a soma total correspondente ao valor presente de uma série de pagamentos
futuros. Se vp for omitido, será considerado 0 (zero) e a inclusão do argumento pgto será obrigatória.
Tipo - é o número 0 ou 1 e indica as datas de vencimento dos pagamentos. Se tipo for omitido, será
considerado 0.

Comentários:
Certifique-se de que esteja sendo consistente quanto às unidades usadas para especificar taxa e nper. Se fizer
pagamentos mensais de um empréstimo de quatro anos com taxa de juros de 12% ao ano, use 12%/12 para
taxa e 4*12 para nper. Se você fizer pagamentos anuais para o mesmo empréstimo, use 12% para taxa e 4 para
nper.
Todos os argumentos, saques, tais como depósitos em poupança, serão representados por números negativos;
depósitos recebidos, tais como cheques de dividendos, serão representados por números positivos.

Exemplo:
Deseja-se fazer uma poupança de R$ 300,00 por mês, durante 20 meses. A taxa de juros é de 2,5% ao
mês. Qual o valor total poupado no fim do período?
=VF(2,5%;20;-300) resulta em 7663,40.
Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 95
Função Financeira: VF
VF
Exercício 1:
Supomos que se deseja comprar um notebook novo, ele custa R$ 3.200,00, mas você não quer fazer
Excel® Intermediário (versão 2003)

prestação.
Você já tem R$ 1000,00 e pode poupar R$ 150,00 por mês durante um ano, no início de cada período,
que é tempo que você julga necessário para poupar o valor suficiente para adquirir o notebook, a
poupança tem a taxa de 3% ao mês. Será que valor poupado é suficiente para comprar o notebook no
final de um ano ?

Exercício 2:
Suponha que você irá investir 1.000,00 hoje a uma taxa de juros de 12 % ao ano, e você gostaria de
saber qual será valor do investimento no final de cinco anos.

Exercício 3:
Qual o valor de resgate relativo à uma aplicação de um capital de R$ 500.000,00 por 18 meses, à taxa de
juros de 10% ao mês?

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 96
Função Financeira: VP
VP
Retorna o valor presente de um investimento. O valor presente é o valor total correspondente ao valor
atual de uma série de pagamentos futuros. Por exemplo, quando você pede dinheiro emprestado, o valor
Excel® Intermediário (versão 2003)

do empréstimo é o valor presente para quem empresta.

Sintaxe:
VP(taxa;nper;pgto;vf;tipo)
Taxa é a taxa de juros por período. Por exemplo, se você obtiver um empréstimo para um carro com
uma taxa de juros de 10% ao ano e fizer pagamentos mensais, a sua taxa de juros mensal será 10%/12,
ou 0,83%. Você deve inserir 10%/12, ou 0,83%, ou 0,0083, na fórmula como taxa.
Nper é o número total de períodos de pagamento de uma anuidade. Por exemplo, se você obtiver um
empréstimo de quatro anos e fizer pagamentos mensais, o empréstimo terá 4*12 (ou 48) períodos. Você
deve inserir 48 na fórmula para nper.
Pgto é o pagamento feito a cada período e não pode mudar durante a vigência da anuidade.
Geralmente, pgto inclui o principal e os juros, e não há outras tarifas ou taxas. Por exemplo, os
pagamentos mensais por um empréstimo para o carro de R$ 10.000 de quatro anos a 12% são R$
263,33. Você deve inserir -263,33 na fórmula como pgto. Se pgto for omitido, você deverá incluir o
argumento vf.
Vf é o valor futuro, ou um saldo de caixa, que você deseja obter depois do último pagamento. Se vf for
omitido, será considerado 0 (o valor futuro de determinado empréstimo, por exemplo, é 0). Por exemplo,
se quiser economizar R$ 50.000 para pagar um projeto especial em 18 anos, então R$ 50.000 é o valor
futuro. Você pode então calcular a taxa de juros e determinar quanto deverá economizar a cada mês. Se
vf for omitido, você deverá incluir o argumento pgto.
Tipo é o número 0 ou 1 e indica as datas de vencimento.

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 97
Função Financeira: VP
VP (continuação)

Comentários:
Excel® Intermediário (versão 2003)

Certifique-se de que esteja sendo consistente quanto às unidades usadas para especificar taxa e nper.
Se fizer pagamentos mensais de um empréstimo de quatro anos com taxa de juros de 12% ao ano, use
12%/12 para taxa e 4*12 para nper. Se você fizer pagamentos anuais para o mesmo empréstimo, use
12% para taxa e 4 para nper.

Exemplo:
Uma loja oferece um refrigerador em 10 parcelas de R$ 120,00. A loja informa que a taxa de juros é de
4,5% ao mês. Qual o valor à vista do produto?
=VP(4,5%;10;-120) resulta em 949,53.

Exercício 1:
Quanto uma pessoa deve aplicar hoje, para ter acumulado um montante de R$ 100.000,00, daqui 12
meses, a uma taxa de juros 2% ao mês?

Exercício 2:
Uma empresa tomou um empréstimo prometendo pagar o valor de $10.000,00 após o prazo de 25
meses a uma taxa de 8,53% a. m. Qual o valor do capital emprestado?

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 98
Congelar Painéis
Congelar painéis permite selecionar dados que permanecem visíveis quando você rola em uma
planilha.
Excel® Intermediário (versão 2003)

1 - Para congelar um painel, faça o seguinte:


- O painel horizontal superior - Selecione a linha abaixo do local onde você deseja que apareça a
divisão.
- O painel vertical esquerdo - Selecione a coluna à direita do local onde você deseja que apareça a
divisão.
- Os painéis superior e esquerdo - Clique na célula abaixo e à direita do local onde você deseja que
apareça a divisão.

2 - Selecione Menu Janela, Congelar painéis.

Para remover painéis "congelados―, clique em Descongelar painéis no Menu Janela.

O que é painel ?
É uma parte da janela do documento ligada e separada de outras partes por barras verticais ou horizontais.)
Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 99
Excel® Intermediário (versão 2003) Nossos Serviços de Consultoria:

Sustentabilidade Gestão de
Processos
Agile Ambiental Inovação

Serviços de Consultoria:

- Mapeamento, Modelagem e Melhoria de Processos de Negócio

- Implementação de Escritório de Processos

- BPM Coach

- Green BPM
Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 100
Quer Mais ?
Gostou quer mais, gostaria de receber outros materiais sobre o mesmo tema e novas versões deste
material...
Envie um e-mail para com subject: ―Quero entrar na comunidade‖ para rildo.santos@etecnologia.com.br
Excel® Intermediário (versão 2003)

que te enviaremos um convite para participar da nossa comunidade

http://etecnologia.ning.com/
Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 101
Notas:
Marcas Registradas:
Excel® Intermediário (versão 2003)

Todos os termos mencionados e reconhecidos como Marca Registrada e/ou comercial são de
responsabilidade de seus proprietários. O autor informa não estar associada a nenhum produto e/ou
fornecedor apresentado neste material. No decorrer deste, imagens, nomes de produtos e fabricantes
podem ter sido utilizados, e desde já o autor informa que o uso é apenas ilustrativo e/ou educativo, não
visando ao lucro, favorecimento ou desmerecimento do produto/fabricante.

Melhoria e Revisão:

Este material esta em processo constante de revisão e melhoria, se você encontrou algum problema
ou erro envie um e-mail nós.

Criticas e Sugestões:

Nós estamos abertos para receber criticas e sugestões que possam melhorar o material, por favor
envie um e-mail para nós.

Imagens:
Google, Flickr e Banco de Imagem.

Rildo F dos Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 102
Excel® Intermediário (versão 2003) Licença:

Versão 1.0| RFS rildo.santos@etecnologia.com.br Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010 103
Rildo F Santos
rildo.santos@etecnologia.com.br
rildo.santos@companyweb.com.br
Excel® Intermediário (versão 2003)

Twitter: @rildosan
Blog: http://rildosan.blogspot.com/

Excel® versão 2003


Excel® Intermediário
Autor: Versão
Rildo 1.0|
F. dos
RFSSantos (rildo.santos@etecnologia.com.br)
rildo.santos@etecnologia.com.br Versã o: 1.0
Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010