Você está na página 1de 59

Manual de Instalação

PLATAFORMA MODELO AC 02

Daiken Elevadores.

(41) 3621- 8086

Revisão 02 Maio/2013

1

Índice

1. NORMAS TÉCNICAS E REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

04

2. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS PLATAFORMA AC-02………

05

3. VISTA GERAL PLATAFORMA - MODELO AC-02………

06

4. INTRODUÇÃO………

07

5. SEGURANÇA………

08

6. LIMPEZA ECONSERVAÇÃO………

09

7. FERRAMENTAS RECOMENDADAS PARA INSTALAÇÃO

10

8. PLATAFORMA AC-02: CONJUNTOS FUNCIONAIS

12

9. VERIFICAÇÃO DA INFRAESTRUTURA

19

10. PREPARAÇÃO DA ÁREA PARA INSTALAÇÃO

20

11. DESEMBALAGEM DE PEÇAS

21

12. SEQÜÊNCIA

DE INSTALAÇÃO DA PLATAFORMA

25

13. MONTAGEM CONJUNTO TORRE

26

14. MONTAGEM DA TORRE CONJUNTO FUSO

27

15. MONTAGEM DA TORRE COMPLEMENTOS

28

16. MONTAGEM DO FECHAMENTO DA TORRE

29

17. CONJ. TORRE MONTADO

30

18. FIXAÇÃO DAS BASES DE SUSTENTAÇÃO DIREITA E ESQUERDA

31

19. POSICIONAMENTO DA TORRE NA CAIXA DE CORRIDA

32

20. INSTRUÇÕES DE USO DA COLA QUIMICA

33

21. ENCAIXE DA BASE NA TORRE

34

22. FIXAÇÃO DA BASE NA TORRE

35

23. MONTAGEM DA CARENAGEM DO PAINEL DE COMANDO

36

24. INSTALAÇÃO DO PAINEL DE COMANDO

37

25. INSTALAÇÃO DAS CANCELAS

38

Revisão 02 Maio/2013

2

26. INSTALAÇÃO DOS FECAMENTOS DA CABINA

 

40

LIGAÇÃO

27. DOS

SENSORES

DAS

CANCELAS

E

CONECTORES

DO

CABO

DE

MANOBRA

42

28. FIXAÇÃO DO SUPORTE DOS POSTINHOS SUPERIOR

 

43

29. MONTAGEM DO POSTINHO DO FECHO

 

44

30. MONTAGEM DO POSTINHO DAS DOBRADIÇAS

 

45

31. INSTALAÇÃO DA PORTINHOLA

 

46

32. INSTALAÇÃO DO SENSOR DE PORTINHOLA FECHADA

 

47

33. KIT MONTAGEM CJTO SUPERIOR FUSO AC02

49

34. KIT FECHAMENTO TORRE AC 02

 

50

35. FINAL DA MONTAGEM DO CONJUNTO TORRE

 

52

36. DETALHAMENTO ELÉTRICO/ELETRÔNICO

53

Revisão 02 Maio/2013

3

1. NORMAS TÉCNICAS E REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

NBR 9050 - Acessibilidade em edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos.

ISO 9386 - Plataformas elevatórias de acionamento mecânico para pessoas com mobilidade reduzida regras de segurança, dimensões e funcionamento plataforma de elevação vertical.

NBR 15655 - Plataformas de elevação motorizadas para pessoa com mobilidade reduzida.

NR 10 - Segurança em serviços e instalações elétricas.

NR 35 - Trabalho em altura

Revisão 02 Maio/2013

4

2. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS PLATAFORMA AC-02

TIPO: Plataforma elevatória vertical semi cabinada com fuso.

APLICAÇÃO: Movimentação vertical para pessoas com mobilidade reduzida.

DESNÍVEL VERTICAL: Entre zero a 2,0 metros.

NÚMERO DE PARADAS: Duas

CARGA NOMINAL: 2500N (250 kg).

CAPACIDADE:

Plataforma 1400 mm x 900 mm (locais públicos): 01 cadeirante;

Plataforma 1400 mm x 1100 mm: 01 cadeirante + 01 acompanhante.

ACABAMENTOS: Carenagens de aço galvanizado com pintura eletrostática.

ACIONAMENTO:

Correia dom fuso

Motor de 0,75cv, 60HZ, 1730 RPM, 220VAC.

VELOCIDADE: Aproximadamente 6,0 m/min.

TIPO DE INSTALAÇÃO: Interna ou externa.

DIMENSÕES DO CARRO: 900 mm x 1400 mm e 1100 mm x 1400 mm.

PISO DO CARRO: Chapa de aço com superfície antiderrapante.

BOTÕES DE CONTROLE: Acionamento do tipo alavanca (JOYSTICK) e botão de parada de emergência na cor vermelha.

FIXAÇÃO: Utilizados chumbadores de resina química.

Revisão 02 Maio/2013

5

3. VISTA GERAL PLATAFORMA - MODELO AC-02

3. VISTA GERAL PLATAFORMA - MODELO AC-02 Figura 1: PLATAFORMA AC-02 – VISTA GERAL. Revisão 02

Figura 1: PLATAFORMA AC-02 VISTA GERAL.

Revisão 02 Maio/2013

6

4. INTRODUÇÃO

Este manual tem o objetivo de orientar o instalador quanto à instalação e montagem da PLATAFORMA AC-02 em conformidade com boas práticas no que se refere à segurança, qualidade e produtividade na execução de suas atividades.

Os procedimentos descritos no presente Manual de Instalação devem ser rigorosamente seguidos visando à padronização das práticas de instalação, que é um dos pressupostos básicos para a criação de um sistema eficiente de melhoria contínua de produtos e serviços.

Caso o instalador tenha críticas ou sugestões em relação aos procedimentos descritos neste Manual de Instalação, este deve comunicar o fato para análise da equipe técnica da Daiken Elevadores. Esta comunicação pode ser feita diretamente ao Planejador Técnico de instalações, ou através de um dos documentos gerados após o término do serviço: a Ordem de Serviço ou o Diário Técnico de Instalação.

Revisão 02 Maio/2013

7

5. SEGURANÇA

A execução de atividades com segurança para instaladores e também para pessoas estranhas à equipe de instalação é fundamental para o sucesso do processo de instalação.

As condições de segurança devem ser observadas em todas as fases da instalação da plataforma, que não terminam com a entrega técnica e assinatura do termo de aceitação pelo cliente.

Condições de segurança a serem observadas pelos técnicos durante a instalação:

Observar a utilização dos EPIs (Equipamentos de Proteção Individual) necessários em cada fase do processo de instalação (os EPIs recomendados para cada fase do processo de instalação estão descritos no presente Manual de Instalação);

Manter o ambiente da instalação sempre limpo e organizado;

Evitar o acesso de pessoas estranhas à equipe de instalação à área reservada para a instalação da plataforma;

Utilizar, no que se refere a serviços e instalações elétricas, as recomendações da NR-10;

Não utilizar recursos ou áreas que não tenham sido previamente disponibilizadas para a equipe de instalação pelo cliente;

Não liberar o equipamento para utilização por pessoas estranhas à equipe de instalação antes que o termo de aceitação tenha sido preenchido e assinado pelo cliente;

Manter o equipamento desligado ao final da jornada diária de trabalho enquanto o termo de aceitação não tenha sido preenchido e assinado pelo cliente;

Revisão 02 Maio/2013

8

6. LIMPEZA E CONSERVAÇÃO

O local de instalação deve ser mantido limpo e organizado durante todo o processo de instalação. Antes da conclusão do processo de instalação (aceitação) uma limpeza rigorosa da plataforma deve ser feita pela equipe de instaladores.

As seguintes recomendações devem ser observadas para a limpeza da plataforma elevatória:

Não utilizar produtos de limpeza com solventes fortes ou abrasivos;

Não utilizar polidores ou saponáceos abrasivos, ou utilizá-los de maneira moderada, pois estes podem criar riscos na tinta do equipamento ou até expor peças metálicas à oxidação;

Não deixar artigos de aço comum, estranhos à Plataforma Elevatória, em contato com suas partes metálicas, especialmente se o ambiente estiver úmido ou molhado;

Jamais raspar a pintura de qualquer parte metálica utilizando espátulas ou lâminas;

Utilizar aspirador de pó para remover excesso de sujeira ou resíduos em frestas e sulcos do equipamento;

Ao limpar os botões de acionamento, utilizar material de limpeza neutro e evitar que o líquido de limpeza escorra para os contatos elétricos;

Não utilizar produtos de limpeza de nenhuma espécie sobre a placa eletrônica, componentes eletromecânicos e motor;

Para plataformas com acabamento em inox, utilizar silicone líquido ou produto específico para inox.

Caso durante o processo de limpeza da plataforma sejam constatados danos à pintura, retoques devem ser feitos de forma localizada, evitando possíveis pontos de oxidação futura.

Revisão 02 Maio/2013

9

7. FERRAMENTAS RECOMENDADAS PARA INSTALAÇÃO

As ferramentas abaixo devem estar à disposição da equipe de instaladores para a instalação da Plataforma Elevatória modelo AC-02:

ITEM

DESCRIÇÃO

1.

Alicate de corte diagonal 6"

2.

Alicate de Pressão 8"

3.

Alicate Universal 8"

4.

Chave de Fenda 1/4" x 6"

5.

Chave de Fenda 1/8" x 4"

6.

Chave de Fenda 3/16" x 6"

7.

Chave de Fenda "Cotoco" 3/16" x 1 ½"

8.

Chave Inglesa 12"

9.

Chave Philips 1/4" x 6"

10.

Chave Philips 1/8" x 3"

11.

Chave Philips 3/16" x 3"

12.

Chave Philips "Cotoco" 3/16" x

1 ½"

13.

Esquadro 300 mm

14.

Estanho

15.

Estilete largo

16.

Extensão com 2 tomadas 10 m

17.

Ferro de solda de 50W X 220VAC

18.

Furadeira manual 220VAC

19.

Furadeira SDS PLUS 220VAC

20.

Jogo de chave Allen (milímetros)

21.

Jogo soquete com catraca 1/2"

22.

Arco de serra

23.

Lâminas de serra

24.

Martelo de pena 300 g

25.

Martelo de Borracha

Revisão 02 Maio/2013

10

ITEM

DESCRIÇÃO

26.

Pitos de 6 a 22 mm

27.

Ponteira 1/4" x 300 mm

28.

Ponteira 1/4" x 65 mm

29.

Ponteira 3/16" x 65 mm

30.

Prumo de face

31.

Rebitadeira manual pop

32.

Rolo de linha 0,50mm

33.

Trena 8 metros

34.

Talhadeira

35.

Rebites e parafusos diversos

36.

Escada de 8 metros

37.

Alicate de bico para trava de eixo Ø8mm

38.

Lima chata fina

39.

Parafusadeira 14VDC ou similar

40.

Régua de nível

41.

Esquadro

42.

Alto-falante 8 ohms 5 W

43.

Multímetro

44.

Chave de boca

45.

Broca de vídea para concreto 6mm

46.

Broca de vídea para concreto 8 mm

47.

Broca de vídea para concreto 10 mm

48.

Broca de vídea para concreto 14 mm

Revisão 02 Maio/2013

11

8. PLATAFORMA AC-02: CONJUNTOS FUNCIONAIS

Neste capítulo são apresentados os conjuntos funcionais que compõem a Plataforma Elevatória modelo AC-02:

CONJUNTOS FUNCIONAIS PLATAFORMA AC-02

8.1. Conjunto torre

8.2. Base

8.3. Carenagem do painel de comando

8.4. Carenagem da cabina

8.5. Painel de comando

8.6. Base das portinholas

8.7. Portinholas

8.8. Guarda corpo

8.9. Rampa

8.10. Porta grande

Revisão 02 Maio/2013

12

PLATAFORMA AC-02: CONJUNTO TORRE

PLATAFORMA AC-02: CONJUNTO TORRE Figura 2: Estrutura – Módulos da Torre. Revisão 02 – Maio/2013 13

Figura 2: Estrutura Módulos da Torre.

Revisão 02 Maio/2013

13

PLATAFORMA AC-02: BASE

PLATAFORMA AC-02: BASE Figura 3: Base. PLATAFORMA AC-02: CARENAGEM DO PAINEL DE COMANDO. Figura 4: CARENAGEM

Figura 3: Base.

PLATAFORMA AC-02: CARENAGEM DO PAINEL DE COMANDO.

3: Base. PLATAFORMA AC-02: CARENAGEM DO PAINEL DE COMANDO. Figura 4: CARENAGEM DO PAINEL DE COMANDO.

Figura 4: CARENAGEM DO PAINEL DE COMANDO.

Revisão 02 Maio/2013

14

PLATAFORMA AC-02: CARENAGEM DA CABINA.

PLATAFORMA AC-02: CARENAGEM DA CABINA. Revisão 02 – Maio/2013 Figura 5: Carenagem da cabina. 15

Revisão 02 Maio/2013

Figura 5: Carenagem da cabina.

15

PLATAFORMA AC-02: PAINEL DE COMANDO.

PLATAFORMA AC-02: PAINEL DE COMANDO. Figura 6: Painel de comando. PLATAFORMA AC-02: BASE DAS PORTINHOLAS. Revisão

Figura 6: Painel de comando.

PLATAFORMA AC-02: BASE DAS PORTINHOLAS.

Painel de comando. PLATAFORMA AC-02: BASE DAS PORTINHOLAS. Revisão 02 – Maio/2013 Figura 7: Base das

Revisão 02 Maio/2013

Figura 7: Base das portinholas.

16

PLATAFORMA AC-02: RAMPA.

PLATAFORMA AC-02: RAMPA. Revisão 02 – Maio/2013 Figura 8: Rampa. 17

Revisão 02 Maio/2013

Figura 8: Rampa.

17

PLATAFORMA AC-02: PORTA GRANDE.

PLATAFORMA AC-02: PORTA GRANDE. Revisão 02 – Maio/2013 Figura 11: Porta grande. 18

Revisão 02 Maio/2013

Figura 11: Porta grande.

18

9. VERIFICAÇÃO DA INFRAESTRUTURA

ANTES DE INICIAR A MONTAGEM DA PLATAFORMA ELEVATÓRIA, é imprescindível que o instalador realize uma nova VERIFICAÇÃO DA INFRAESTRUTURA EM GERAL (civil, elétrica e hidráulica), conforme Projeto Executivo. A verificação deve ser feita realizada antes de ser iniciado o processo de desembalagem das peças da plataforma.

A verificação da infraestrutura tem o propósito de atestar se todo o processo envolvendo a execução da obra civil foi conduzido de maneira satisfatória, desde o IPE (Instrução de Projeto Executivo) até a sua aprovação na visita de vistoria. Em teoria, com a aprovação sem pendências da obra civil após a vistoria, a plataforma elevatória já deve estar disponível para instalação. Porém, convém ao instalador confrontar o resultado da obra civil com o Projeto Executivo.

No caso de haver pendências apontadas na vistoria, o instalador deve verificar se estas foram sanadas corretamente.

Em qualquer caso, havendo irregularidades verificadas na obra civil, a equipe de instalação deve contatar o Planejador de Instalação ANTES de dar continuidade no serviço de instalação. A decisão sobre a possibilidade da continuidade no serviço de instalação cabe à equipe técnica da Daiken Elevadores.

Além de possíveis irregularidades na obra civil, o instalador também deve verificar outras questões pertinentes à instalação:

Verificar se não há impedimentos para a instalação, de qualquer ordem: falta total de energia elétrica no local, impossibilidade física para se iniciar a instalação (excesso de desorganização no local), outros serviços sendo executados no local da instalação, etc.

Verificar a disponibilidade de horário para a realização do serviço de instalação.

Ao constatar QUALQUER SITUAÇÃO QUE PREJUDIQUE O ANDAMENTO NORMAL DO PROCESSO DE INSTALAÇÃO, o instalador DEVE comunicá-lo imediatamente ao Planejador de Instalações da Daiken Elevadores e relatar este fato no Diário Técnico de Instalação.

Revisão 02 Maio/2013

19

10. PREPARAÇÃO DA ÁREA PARA INSTALAÇÃO

ANTES DE INICIAR AS ATIVIDADES DE INSTALAÇÃO, o instalador deve preparar a área para que

o processo seja conduzido de maneira eficiente e sem sobressaltos.

Inicialmente, o instalador deve verificar se TODOS os VOLUMES que compõem o pack list foram ENTREGUES e se há algum DANO VISÍVEL em qualquer umas das EMBALAGENS.

As EMBALAGENS contendo as peças da plataforma elevatória devem ser ORGANIZADAS sem atrapalhar a circulação de pessoas pelo local. É necessário certificar-se que as embalagens estejam acomodadas em equilíbrio estável e não sofram quedas durante a instalação.

Em seguida, deve ser efetuada a LIMPEZA DA ÁREA onde os técnicos irão circular durante a execução do serviço de instalação. Caso haja restos de obra (areia, reboco, pregos, etc.), com a circulação de pessoas, estes podem ocasionar danos ao piso da área onde será efetuada a instalação.

A MALETA DE FERRAMENTAS deve estar ORGANIZADA e as ferramentas necessárias

estar disponíveis.

devem

Verificar a DISPONIBILIDADE DE ENERGIA ELÉTRICA no local, bem como o padrão de tomadas adotado e a possível necessidade de adaptadores.

Revisão 02 Maio/2013

20

11. DESEMBALAGEM DE PEÇAS

A DESEMBALAGEM de peças deve ser feita de maneira ORGANIZADA, levando-se em conta sempre as peças que deverão ser utilizadas na etapa seguinte no processo de montagem. As peças que não tiverem relação com a etapa posterior não devem ser desembaladas, a menos que estejam embaladas juntamente com peças necessárias nessa etapa.

Deve-se tomar especial cuidado ao se descartar embalagens vazias, pois peças menores podem ficar escondidas em dobras ou emendas de papelões ou plásticos-bolhas.

Uma vez desembaladas, é importante que o instalador posicione as peças de forma estável, evitando que as mesmas caiam e sofram avarias ou que causem danos no local da instalação.

Ao desembalar um volume, o material de embalagem deve ser organizado e separado imediatamente, não devendo ser esta atividade deixada para a fase final da instalação.

Segue abaixo tabela indicativa de como são organizados os volumes de embalagem por tipos de peças da plataforma elevatória. Os volumes identificados por números são específicos do modelo de plataforma AC-02. Os volumes marcados por letras são comuns a outros modelos de plataformas elevatórias:

Revisão 02 Maio/2013

21

OBS.: Esta tabela de volumes pode sofrer alterações de acordo com a configuração do produto.

 

NÚMERO DO

     

VOLUME

KIT

CÓDIGO

DESCRIÇÃO

 

CARRO

44443

KIT CARRO - PLATAFORMA AC02 DESMONTADA (AC02-D-D7998)

KIT PARAFUSO

   

INSTALAÇÃO

45378

KIT AC02 PARAFUSOS INSTALACAO

KIT PARAFUSO

   

TORRE

44452

KIT PARAFUSO AC02 - DESMONTADA

PLACA +

   

CONTATORES

46962

KIT AC02 PLACA + CONTATORES (MONTADO)

 

45319

KIT CHICOTES AC02 - 600/1200 (DESMONTADA)

KIT CHICOTE

45320

KIT CHICOTES AC02 - 1600/2000 (DESMONTADA)

45634

KIT CHICOTES AC02 - 2300 (DESMONTADA)

VOLUME 1

PAINEL DE

47320

KIT PAINEL DE COMANDOS COM BOTOES AC02

COMANDO

47035

KIT PAINEL DE COMANDOS COM JOYSTICK AC02

KIT BATENTE

46916

KIT BATENTE + SENSOR AC03 (POSTE ALUMINIO)

BASE SUSTENTAÇÃO

   

DIREITA

AC02-D-D0273

BASE DE SUSTENTAÇÃO DIREITA

BASE SUSTENTAÇÃO

   

ESQUERDA

AC02-D-D0266

BASE DE SUSTENTACAO ESQUERDA

   

KIT MONTAGEM TRINCO PORTA TVA DIREITO (CORTADO) E ACESSORIOS -

44071

EXTERNO

KIT TRINCO

 

KIT MONTAGEM TRINCO PORTA TVA ESQUERDO (CORTADO) E ACESSORIOS -

44073

EXTERNO

SOLEIRA

AC08-E-D0017

SOLEIRA

VOLUME 2

KIT INFERIOR DO FUSO

44450

KIT MONTAGEM SUPORTE INFERIOR FUSO - AC02 (AC02-D-D7921)

   

51310

KIT FECHAMENTO COLUNA DIREITA - TORRE AC02 600

44449

KIT COLUNA DIREITA - TORRE AC02 1200

LATERAL DIREITA

   

VOLUME 3

TORRE

44801

KIT COLUNA DIREITA - TORRE AC02 1600

44806

KIT COLUNA DIREITA - TORRE AC02 2000

45272

KIT COLUNA DIREITA - TORRE AC02 2300

   

51309

KIT FECHAMENTO COLUNA ESQUERDA - TORRE AC02 600

44448

KIT COLUNA ESQUERDA - TORRE AC02 1200

VOLUME 4

LATERAL ESQUERDA TORRE / KIT FUSO

44800

KIT COLUNA ESQUERDA - TORRE AC02 1600

44805

KIT FECHAMENTO COLUNA ESQUERDA - TORRE AC02 2000

45273

KIT COLUNA ESQUERDA - TORRE AC02 2300

VOLUME 5

KIT SUPERIOR DO FUSO

44451

KIT MONTAGEM CJTO SUPERIOR FUSO

   

51307

KIT FECHAMENTOS TORRE AC02-600

44442

KIT FECHAMENTOS TORRE AC02-1200

KIT FECHAMENTOS

   

VOLUME 6

TORRE

44798

KIT FECHAMENTO TORRE AC02 1600

44803

KIT FECHAMENTO TORRE AC02 2000

45275

KIT FECHAMENTO TORRE AC02 2300

   

44995

CJ. AC02 BASE + SENSOR SEGURANCA 900X1400

VOLUME 7

BASE

44946

CJ. AC02 BASE + SENSOR SEGURANCA 1100X1400

 

CARENAGEM

   

VOLUME 8

FRONTAL

47321

AC02-E-D7988 MONTAGEM CARENAGEM FRONTAL (SEM PAINEL)

 

Revisão 02 Maio/2013

 

22

   

44973

KIT EMBALAGEM APOIO DAS CANCELAS (180 GRAUS)

 

VOLUME 9

APOIO CANCELAS

44980

KIT EMBALAGEM APOIO DAS CANCELAS (90 GRAUS)

 

FECHAMENTO

   

VOLUME 10

CENTRAL

44972

KIT EMBALAGEM FECHAMENTO CENTRAL

   

44996

KIT CJ. FECHAMENTOS 180 GRAUS - BASE 900X1400

KIT FECHAMENTOS

44998

KIT FECHAMENTOS 90 GRAUS - BASE 900X1400

VOLUME 11

BASE

44971

KIT CJ. FECHAMENTOS 180 GRAUS - BASE 1100X1400

44979

KIT FECHAMENTOS 90 GRAUS - BASE 1100X1400

VOLUME 12

POSTE APOIO E BASE PORTINHOLA

AC03-H-D7998

CONJ POSTE APOIO PORTA E BASE CHUMBAMENTO - ALUMINIO

VOLUME 13

POSTE CHAMADA

AC03-H-D7997

POSTE CHAMADA UNIVERSAL ALUMINIO

   

46973

KIT PORTINHOLA + ADESIVOS DIREITA - DAIKEN

VOLUME 14

PORTINHOLA

46974

KIT PORTINHOLA + ADESIVOS ESQUERDA - DAIKEN

   

AC08-E-D7991

PORTA PAVIMENTO DIREITA STANDARD AC08 -ACRILICO

VOLUME 15

PORTA

AC08-E-D7990

PORTA PAVIMENTO ESQUERDO STANDARD AC08 - ACRILICO

POSTE APOIO E BASE PORTINHOLA

AC03-H-D7998

CONJ POSTE APOIO PORTA E BASE CHUMBAMENTO - ALUMINIO

   

47896

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE DIREITA PORTA AC02

47898

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE ESQUERDA PORTA AC02

47903

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE DIREITA PORTA AC02

47905

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE ESQUERDA PORTA AC02

47909

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 1600 DIREITA PORTA AC02

47912

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 1600 ESQUERDA PORTA AC02

47915

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 1600 DIREITA PORTA AC02

47918

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 1600 ESQUERDA PORTA AC02

47922

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 2300 DIREITA PORTA AC02

47925

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 2000 DIREITA PORTA AC02 1100X1400

47928

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 2000 ESQUERDA PORTA AC02 1100X1400

47931

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 2000 DIREITA PORTA AC02 1100X1400

47934

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 2000 ESQUERDA PORTA AC02 1100X1400

KIT FECHAMENTOS

47938

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 1600 DIREITA PORTA AC02 1100X1400

VOLUME 16

LATERAL PORTA

47941

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 1600 ESQUERDA PORTA AC02 1100X1400

47946

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 1600 DIREITA PORTA AC02 1100X1400

47950

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 1600 ESQUERDA PORTA AC02 1100X1400

47989

KIT FECHAMENTO LATERAL COM BARREIRA LATERAL TORRE 2000 DIR PORTA

47992

KIT FECHAMENTO LATERAL COM BARREIRA LATERAL TORRE 2000 ESQ PORTA

48008

KIT FECHAMENTO LATERAL COM BARREIRA LATERAL TORRE 1600 DIR PORTA

48011

KIT FECHAMENTO LATERAL COM BARREIRA LATERAL TORRE 1600 ESQ PORTA

48018

KIT FECHAMENTO LATERAL COM BARREIRA LATERAL TORRE 2000 DIR PORTA

48021

KIT FECHAMENTO LATERAL COM BARREIRA LATERAL TORRE 2000 ESQ PORTA

48028

KIT FECHAMENTO LATERAL COM BARREIRA LATERAL TORRE 1600 DIR PORTA

48031

KIT FECHAMENTO LATERAL COM BARREIRA LATERAL TORRE 1600 ESQ PORTA

48040

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 1600 ESQUERDA PORTA AC02

48041

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 1600 DIREITA PORTA AC02

48042

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 2000 ESQUERDA PORTA AC02

 

Revisão 02 Maio/2013

 

23

   

48043

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE DIREITA PORTA AC02

 

48044

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 2000 DIREITA PORTA AC02 1100X1400

48045

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 2000 ESQUERDA PORTA AC02 1100X1400

48046

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 2000 DIREITA PORTA AC02 1100X1400

48048

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 2000 ESQUERDA PORTA AC02 1100X1400

48049

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 1600 DIREITA PORTA AC02 1100X1400

48051

KIT FECHAMENTO LATERAL TORRE 1600 ESQUERDA PORTA AC02 1100X1400

48053

KIT FECHAMENTO LATERAL COM BARREIRA LATERAL TORRE 2000 DIR PORTA

48054

KIT FECHAMENTO LATERAL COM BARREIRA LATERAL TORRE 2000 ESQ PORTA

48055

KIT FECHAMENTO LATERAL COM BARREIRA LATERAL TORRE 1600 DIR PORTA

48056

KIT FECHAMENTO LATERAL COM BARREIRA LATERAL TORRE 1600 ESQ PORTA

48057

KIT FECHAMENTO LATERAL COM BARREIRA LATERAL TORRE 2000 DIR PORTA

48058

KIT FECHAMENTO LATERAL COM BARREIRA LATERAL TORRE 2000 ESQ PORTA

POSTE CHAMADA

AC03-H-D7997

POSTE CHAMADA UNIVERSAL ALUMINIO

   

47895

KIT FECHAMENTO SUPERIOR PORTA AC02

KIT FECHAMENTOS

   

SUPERIOR PORTA

47908

KIT FECHAMENTO SUPERIOR PORTA AC02 1600

VOLUME 17

47921

KIT FECHAMENTO SUPERIOR PORTA AC02 2300

 

46973

KIT PORTINHOLA + ADESIVOS DIREITA - DAIKEN

PORTINHOLA

46974

KIT PORTINHOLA + ADESIVOS ESQUERDA - DAIKEN

VOLUME 18

KIT CANALETA

48112

KIT CANALETA FIACAO DA PORTINHOLA AC02

 

BARREIRA LATERAL

47988

KIT BARREIRA LATERAL

VOLUME 19

POSTE GUARDA

   

CORPO

45279

KIT AC02 POSTE GUARDA CORPO

 

ACRILICO GUARDO

   

VOLUME 20

CORPO

47894

KIT EMBALAGEM ACRILICO PROTECAO LATERAL

VOLUME 21

RAMPA

43549

KIT RAMPA DE ACESSO ALTURA 90 MM PORTA AC08

Tabela 1: Numeração dos volumes por conjuntos de peças embaladas.

 

Revisão 02 Maio/2013

 

24

12. SEQÜÊNCIA DE INSTALAÇÃO DA PLATAFORMA

Para a montagem da Plataforma Elevatória modelo AC02, a seguinte sequencia de procedimentos deve ser adotada:

 

ETAPA DA

 

PROCEDIMENTO

INSTALAÇÃO

 

1

-

Localizar os kits parafusos no volume (1) um.

TORRE

2

-

Abrir a caixa com os parafusos da torre

TORRE

3

-

Desembalar o kit montagem cjto. Superior do fuso no volume 5.

TORRE

4

-

Desembalar os kits coluna nos volumes 3 e 4

TORRE

5

-

Desembalar o kit carro no volume 1

TORRE

6

-

Desembalar o kit montagem do cjto. Superior do fuso.

TORRE

7

-

Localizar os suportes de sustentação esquerdo e direito no volume 1.

TORRE

8

-

Localizar os chicotes AC02 no volume 1

TORRE

9

-

Localizar o kit AC02 placa + contatores no volume 1

TORRE

10

-

Desembalar o kit fechamento torre AC02

TORRE

11

-

Desembalar o cjto. Base + sensor segurança

BASSE

12

-

Localizar o kit AC02 parafusos de instalação no volume 1

CARENAGEM

13

-

Desembalar cjto. Montagem carenagem frontal (sem painel) no volume 8

CARENAGEM

14

-

Desembalar o kit embalagem apoio das cancelas

CARENAGEM

15

-

Localizar kit painel de comando com botões ou com JOYSTICK.

CARENAGEM

16

-

Desembalar kit cjto. Fechamentos

CARENAGEM

17

-

Desembalar lit fechamento central

CARENAGEM

18

-

Desembalar conj. poste apoio porta e base chumbamento

PORTINHOLA

19

-

Desembalar poste chamada universal

PORTINHOLA

20

-

Desembalar kit portinhola + adesivos

PORTINHOLA

21

-

Localizar kit batente + sensor AC03

PORTINHOLA

22

-

Desembalar conj. poste apoio porta e base chumbamento

PORTINHOLA

23

-

Desembalar poste chamada universal

PORTINHOLA

24

-

Desembalar kit portinhola + adesivos

PORTINHOLA

25

-

Localizar kit batente + sensor AC03

PORTINHOLA

Tabela 2: Sequencia de atividades na instalação da plataforma AC-02.

Revisão 02 Maio/2013

25

13. MONTAGEM CONJUNTO TORRE

13. MONTAGEM CONJUNTO TORRE Figura 12: Detalhes de montagem – Conj. torre Revisão 02 – Maio/2013

Figura 12: Detalhes de montagem Conj. torre

13. MONTAGEM CONJUNTO TORRE Figura 12: Detalhes de montagem – Conj. torre Revisão 02 – Maio/2013

Revisão 02 Maio/2013

26

14. MONTAGEM DA TORRE CONJUNTO FUSO

14. MONTAGEM DA TORRE – CONJUNTO FUSO Figura 13: Detalhes de montagem – Do conj. fuso

Figura 13: Detalhes de montagem Do conj. fuso na torre.

DA TORRE – CONJUNTO FUSO Figura 13: Detalhes de montagem – Do conj. fuso na torre.

Revisão 02 Maio/2013

27

15. MONTAGEM DA TORRE COMPLEMENTOS

15. MONTAGEM DA TORRE – COMPLEMENTOS Figura 14: Detalhes de montagem – Montagem dos complementos da

Figura 14: Detalhes de montagem Montagem dos complementos da torre.

de montagem – Montagem dos complementos da torre. NOTA: Antes de dar inicio ao fechamento do

NOTA: Antes de dar inicio ao fechamento do painel frontal da torre é necessário que instalemos o conjunto placa com contator. Instalar o conjunto placa + contator

Revisão 02 Maio/2013

28

16. MONTAGEM DO FECHAMENTO DA TORRE

16. MONTAGEM DO FECHAMENTO DA TORRE Figura 17: Detalhes de montagem – Fechamento do conj. torre.

Figura 17: Detalhes de montagem Fechamento do conj. torre.

DO FECHAMENTO DA TORRE Figura 17: Detalhes de montagem – Fechamento do conj. torre. Revisão 02

Revisão 02 Maio/2013

29

17. CONJ. TORRE MONTADO

17. CONJ. TORRE MONTADO Figura 18: Detalhes de montagem – Conj. torre fechada. Revisão 02 –

Figura 18: Detalhes de montagem Conj. torre fechada.

17. CONJ. TORRE MONTADO Figura 18: Detalhes de montagem – Conj. torre fechada. Revisão 02 –

Revisão 02 Maio/2013

30

18. FIXAÇÃO DAS BASES DE SUSTENTAÇÃO DIREITA E ESQUERDA Figura 19: Detalhes de montagem –
18.
FIXAÇÃO DAS BASES DE SUSTENTAÇÃO DIREITA E ESQUERDA
Figura 19: Detalhes de montagem – Bases de sustentação da torre
Revisão 02 – Maio/2013
31

19. POSICIONAMENTO DA TORRE NA CAIXA DE CORRIDA.

19. POSICIONAMENTO DA TORRE NA CAIXA DE CORRIDA. PONTOS DE CHUMBAMENTO PONTOS DE CHUMBAMENTO Figura 30:

PONTOS DE

CHUMBAMENTO

PONTOS DE CHUMBAMENTO
PONTOS
DE
CHUMBAMENTO
DE CORRIDA. PONTOS DE CHUMBAMENTO PONTOS DE CHUMBAMENTO Figura 30: Detalhes de instalação – Posicionamento da

Figura 30: Detalhes de instalação Posicionamento da torre na caixa de corrida.

NOTA. Esta etapa é a mais critica, pois é o posicionamento da torre que determinara o alinhamento

da base com os pavimentos.

- Cuidar com o esquadro da torre em relação às fases dos pavimentos.

- Cuidar com o prumo da torre, pois caso ela esteja torta causa o mau funcionamento e vibrações da torre.

Revisão 02 Maio/2013

32

20. INSTRUÇÕES DE USO DA COLA QUIMICA.

Como utilizar o chumbador químico.

DE USO DA COLA QUIMICA. Como utilizar o chumbador químico. PROCEDIMENTO : Executar o furo com

PROCEDIMENTO: Executar o furo com broca 14 mm, limpar o furo, introduzir a ampola e utilizando o prisioneiro como uma broca quebre a ampola e leve o prisioneiro ate o fim do furo aguarde uns 10 minutos e dê o aperto.

MAIS INSTRUÇÕES NO

aguarde uns 10 minutos e dê o aperto. MAIS INSTRUÇÕES NO Revisão 02 – Maio/2013 (INSTALAÇÃO

Revisão 02 Maio/2013

(INSTALAÇÃO CHUMBADOR QUÍMICO ROCK BOLT).

33

21. ENCAIXE DA BASE NA TORRE.

21. ENCAIXE DA BASE NA TORRE. Figura 32: Detalhes de montagem – Posicionamento da torre na

Figura 32: Detalhes de montagem Posicionamento da torre na caixa de corrida

Revisão 02 Maio/2013

34

22. FIXAÇÃO DA BASE NA TORRE.

22. FIXAÇÃO DA BASE NA TORRE. Figura 33: Detalhes de montagem – Posicionamento da torre na

Figura 33: Detalhes de montagem Posicionamento da torre na caixa de corrida.

Nesta etapa e realizada a fixação da base no conjunto torre

Revisão 02 Maio/2013

35

23. MONTAGEM DA CARENAGEM DO PAINEL DE COMANDO.

23. MONTAGEM DA CARENAGEM DO PAINEL DE COMANDO. Nesta etapa vemos como encaixar o painel de

Nesta etapa vemos como encaixar o painel de comando no conjunto base.

Revisão 02 Maio/2013

36

24. INSTALAÇÃO DO PAINEL DE COMANDO.

24. INSTALAÇÃO DO PAINEL DE COMANDO. Nesta etapa vemos como encaixa o pinel de comando na

Nesta etapa vemos como encaixa o pinel de comando na carenagem do painel de comando.

NOTA: A montagem dos botões ou joystick

Revisão 02 Maio/2013

37

25. INSTALAÇÃO DAS CANCELAS.

25. INSTALAÇÃO DAS CANCELAS. Na figura acima vemos como deve ser montado às cancelas na lateral

Na figura acima vemos como deve ser montado às cancelas na lateral da carenagem do painel de comento.

Revisão 02 Maio/2013

38

Na imagem acima vemos com deve ser instalada a cancela no fechamento frontal ao painel

Na imagem acima vemos com deve ser instalada a cancela no fechamento frontal ao painel de comando.

Revisão 02 Maio/2013

39

26. INSTALAÇÃO DOS FECAMENTOS DA CABINA.

26. INSTALAÇÃO DOS FECAMENTOS DA CABINA. Acima vemos as figuras que mostram como e montada a

Acima vemos as figuras que mostram como e montada a cabine com saídas opostas 180°.

Revisão 02 Maio/2013

40

Acima vemos as figuras que mostram como e montada a cabine com saída lateral e

Acima vemos as figuras que mostram como e montada a cabine com saída lateral e frontal ao painel de comando 90°.

que mostram como e montada a cabine com saída lateral e frontal ao painel de comando

Revisão 02 Maio/2013

41

27. LIGAÇÃO

DOS

SENSORES

DAS

CANCELAS

E

CONECTORES DO CABO DE MANOBRA

27. LIGAÇÃO DOS SENSORES DAS CANCELAS E CONECTORES DO CABO DE MANOBRA Revisão 02 – Maio/2013

Revisão 02 Maio/2013

42

28. FIXAÇÃO DO SUPORTE DOS POSTINHOS SUPERIOR.

28. FIXAÇÃO DO SUPORTE DOS POSTINHOS SUPERIOR. Na figura acima vemos como fixar a base das

Na figura acima vemos como fixar a base das portinholas.

OBS.: Á distancia que deve existir entre a base e a fase do rebaixo é de 3

cm.

Revisão 02 Maio/2013

43

29. MONTAGEM DO POSTINHO DO FECHO.

29. MONTAGEM DO POSTINHO DO FECHO. Nesta figura vemos a forma de fixação dos postinhos na

Nesta figura vemos a forma de fixação dos postinhos na base.

Revisão 02 Maio/2013

44

30. MONTAGEM DO POSTINHO DAS DOBRADIÇAS.

30. MONTAGEM DO POSTINHO DAS DOBRADIÇAS. Nesta figura vemos a forma de fixação dos postinhos na

Nesta figura vemos a forma de fixação dos postinhos na base.

Revisão 02 Maio/2013

45

31. INSTALAÇÃO DA PORTINHOLA.

31. INSTALAÇÃO DA PORTINHOLA. Nesta figura vemos a forma de fixação da portinhola nos postinhos. O

Nesta figura vemos a forma de fixação da portinhola nos postinhos.

O lado da abertura da porta é definido só pelas portas, pois os postinhos podem ser usados tanto ara a direita quanto para a esquerda.

CASO SEJA NECESSARIO INVERTER O LADO DA ABERTURA DA PORTA.

1º - Instalar a porta de ponta cabeça.

2º - Remover os adesivos de cadeirante e o de chamada/acesso.

3º - Solicitar adesivos novos.

44.014

ADESIVO CADEIRANTE

44.014 ADESIVO CADEIRANTE

33.685

ADESIVO CHAMADA/ACESSO PLATAFORMA

33.685 ADESIVO CHAMADA/ACESSO PLATAFORMA

Revisão 02 Maio/2013

46

32. INSTALAÇÃO DO SENSOR DE PORTINHOLA FECHADA.

32. INSTALAÇÃO DO SENSOR DE PORTINHOLA FECHADA. Na imagem acima podemos ver o sensor de porta

Na imagem acima podemos ver o sensor de porta que deve ser instalado no postinho da fechadura e a outra peça do conjunto senso o imã de vê ser colado na portinhola o mais próximo possível.

Revisão 02 Maio/2013

47

Conjunto portinhola montado Revisão 02 – Maio/2013 48

Conjunto portinhola montado

Revisão 02 Maio/2013

48

de

dos

33. KIT MONTAGEM CJTO SUPERIOR FUSO AC02.

Kit montagem conjunto superior fuso Sequencia montagem rolamentos Fuso Kit carro – AC02 Kit coluna
Kit montagem conjunto
superior fuso
Sequencia
montagem
rolamentos
Fuso
Kit carro – AC02
Kit coluna direita
– Torre AC02
Fuso Kit carro – AC02 Kit coluna direita – Torre AC02 Kit coluna esquerda Torre AC02
Kit coluna esquerda Torre AC02 –
Kit coluna esquerda
Torre AC02
Kit montagem suporte inferior fuso – AC02
Kit montagem suporte
inferior fuso – AC02

Revisão 02 Maio/2013

49

34. KIT FECHAMENTO TORRE AC 02

Os fechamentos tanto forntal quant traseiro vem na mesma embalagem

Kit montagem conj. superior fuso
Kit
montagem
conj.
superior fuso
– Fuso
Fuso
FECHAMENTO TRASEIRO TORRE – AC02
FECHAMENTO TRASEIRO
TORRE – AC02
Kit coluna esquerda Torre AC02
Kit coluna esquerda
Torre AC02
Montagem esteira porta cabo – AC02
Montagem esteira porta
cabo – AC02
Kit coluna direita – Torre AC02
Kit coluna direita
– Torre AC02
Kit carro – AC02
Kit carro – AC02
Kit montagem suporte inferior fuso – AC02
Kit montagem suporte
inferior fuso – AC02
AC02 AC02 Revisão 02 – Maio/2013
AC02
AC02
Revisão 02 – Maio/2013

Chicote do cabo de manobra.

O chicote deve ser afixado no conjunto carro com sintas plásticas conforme mostra a figura ao lado e acondicionado dentro da esteira porta cabo.

Ao sair da esteira que estará fixada na coluna esquerda o cabo deve acompanhar o chicote do conjunto sensor superior e inferior ate a conectar ao conjunto placa.

Cabo de manobra –
Cabo de manobra –
Montagem da esteira porta cabo – AC02
Montagem da esteira porta
cabo – AC02
Kit carro – AC02
Kit carro – AC02
Cabo de manobra –
Cabo de manobra –

50

Conjunto sensor de parada superior – AC02 Conjunto sensor de parada inferior – AC02
Conjunto sensor de parada
superior – AC02
Conjunto sensor de parada
inferior – AC02

Chicote de ligação dos sensores de parada inferior e superior.

Fio preto comum ligado com o vermelho é o inferior.

Fio preto comum ligado com o violeta é o superior.

FECHAMENTO SUPERIOR TORRE – AC02
FECHAMENTO SUPERIOR
TORRE – AC02
Kit coluna direita – Torre AC02
Kit coluna direita
– Torre AC02
Kit carro – AC02 Kit montagem suporte inferior fuso – AC02
Kit carro – AC02
Kit montagem suporte
inferior fuso – AC02
FECHAMENTO FRONTAL TORRE – AC02
FECHAMENTO FRONTAL
TORRE – AC02

Revisão 02 Maio/2013

51

35. FINAL DA MONTAGEM DO CONJUNTO TORRE

35. FINAL DA MONTAGEM DO CONJUNTO TORRE Revisão 02 – Maio/2013 52

Revisão 02 Maio/2013

52

36. DETALHAMENTO ELÉTRICO/ELETRÔNICO

37.1 VISÃO GERAL

Como já foram mencionado as plataformas modelo AC02 fornecidas pela DAIKEN ELEVADORES são modelos indicados para utilização em desníveis pequenos e funciona a partir de acionamento de motor monofásico 220Vac/1cv e fuso. Não é possível a instalação do equipamento em tensão diferente de 220Vac!

O controle de todo o equipamento é feito por circuito impresso dedicado que chamamos de placa controladora e por dois contatores que são denominados de kit de contatores. Na Figura 9 temos imagem ilustrativa de ambos os itens.

. Na Figura 9 temos imagem ilustrativa de ambos os itens. Figura 9 - Placa Controladora

Figura 9 - Placa Controladora AC02 e Kit de Contatores

A placa controladora recebe através de vários cabos os diversos sinais do equipamento (botões de chamada, sensores de fins de curso, botão de emergência, etc) analisando-os e tomando as decisões conforme a ação requerida pelo usuário.

Conforme comandos aplicados e estados dos sensores a placa controladora envia sinais para o kit de contatores e este aciona o motor, que gira o fuso em um ou outro sentido movimentando a plataforma para cima ou para baixo. O kit de contatores faz a interface de potência e proteção entre o motor monofásico e a placa controladora.

Revisão 02 Maio/2013

53

37.2 CONECTORIZAÇÃO

A placa controladora possui 6 (seis) conectores que devem estar todos conectados para funcionamento correto

da plataforma. Seguem detalhes de cada um deles:

Conector

Tipo

Quantidade

Descrição / Funções

 

de pinos

     

Conecta-se ao chicote de manobra (código 45313) que transporta sinais

CN7

7

da cabina para placa controladora (sobe, desce, cancela, emergência, antiesmagamento e led de sinalização de erros)

CN5

K-K

4

Conecta-se ao chicote (código 45311) que transporta sinais de fim de curso superior e fim de curso inferior para a placa controladora

   

Conecta-se ao chicote (código 34737) que transporta sinais do

CN3

6

pavimento inferior para a placa controladora (chama desce, porta inferior, trava inferior)

   

Conecta-se ao chicote (código 34738 ou 34739 dependendo do

CN4

6

tamanho da torre) que transporta sinais do pavimento superior para a placa controladora (chama sobe, porta superior, trava superior)

     

Alimentação

220Vac

(monofásico

ou

bifásico

de acordo

com o

MINI-FIT

cliente). É conectado ao kit de contatores que compartilha a alimentação com a placa contradora.

CN1

MACHO

4

     

Sinais de acionamento das bobinas do kit de contatores que realizam

MINI-FIT

 

CN6

MACHO

12

o giro do motor para um lado ou para o outro fazendo a plataforma subir ou descer

Tabela 3 - Conectorização Placa Controladora

O KIT DE CONTATORES possui 4 (quatro) conectores/chicotes conforme detalhes abaixo:

Tipo

Quantidade

Descrição / Funções

 

de pinos

MINI-FIT

 

Alimentação

220Vac

que

vai

conectado

no

CN1

da

placa

FEMEA

4

controladora

MINI-FIT

 

Sinais de acionamento das bobinas do kit de contatores que vai conectado no CN6 da placa controladora

FEMEA

12

MINI-FIT

 

Alimentação 220Vac que vai conectado no cabo que trás a energia da tomada de energização do cliente. (código 50208)

MACHO

4

MINI-FIT

 

MACHO

12

Sinais de controle do motor. Vai conectado ao chicote do motor.

 

Revisão 02 Maio/2013

54

Tabela 4 - Kit de Contatores

37.3 DIAGRAMA GERAL

A figura abaixo mostra o diagrama geral de ligação entre os principais componentes da plataforma.

abaixo mostra o diagrama geral de ligação entre os principais componentes da plataforma. Revisão 02 –

Revisão 02 Maio/2013

55

37.4 TABELA DE ERROS

Figura 10 Diagrama Geral

Na cabina da plataforma (ligeiramente abaixo do corrimão) existe um LED indicativo de erros que a placa controladora sinaliza de acordo com a análise geral do equipamento. O LED pode e deve ser usado como recurso essencial de detecção e correção de problemas do equipamento. O LED pisca uma determinada quantidade de vezes de acordo com o erro detectado. O ciclo é repetido enquanto o erro não é corrigido e um sinal sonoro produzido por um buzzer na placa controladora marca o inicio da apresentação de um novo ciclo de sinalização do erro ao técnico. A tabela abaixo mostra o tipo de erro e quantidade de piscadas do LED:

Número de

 

piscadas do

Descrição de Falha/defeito

LED

1

Cancela aberta e comando de movimentação acionado

2

Cancela aberta e plataforma na posição intermediária

3

Porta superior aberta e plataforma na posição intermediária

4

Porta inferior aberta e plataforma na posição intermediária

5

Porta superior aberta e plataforma na posição inferior

6

Porta inferior aberta e plataforma na posição superior

7

Emergência acionada em um dos pavimentos

8

Emergência acionada entre os pavimentos

9

Sensor anti-esmagamamento acionada na descida

10

Alimentação abaixo do mínimo com comandos de abertura de porta

11

Alimentação abaixo do mínimo

12

Time out de subida

13

Time out de descida

14

Dois finais de curso acionados simultaneamente

Tabela 3 - Verificação de defeitos através da quantidade de piscadas do LED

Revisão 02 Maio/2013

56

37.5 SINAIS E VALORES DE TENSÃO DC

Segue valores de referência que podem ser utilizados para medição e detecção de problemas. Para medição destes pontos deve-se utilizar multímetro devidamente aferido em escala de uns 20Vdc (tensão continua). Os pontos abaixo foram retirados da análise do diagrama geral apresentado na Erro! Fonte de referência não encontrada

Item

Ponto de Medição

 

Estado

Valor

Ponteira Preta

Ponteira Vermelha

Medido

Botão Chama Desce (pavimento inferior)

 

Conector CN3, pino 5 ou Chicote poste inferior fio 5 /

 

Botão Pressionado

0Vdc

Conector CN3, pino 3 ou Chicote poste inferior fio 3 /

 

PT

 

Botão em Repouso

5Vdc

 
AM
AM

Conector CN3, pino 4 ou Chicote poste inferior fio 4 /

 

Porta Fechada

0Vdc

Porta Inferior

     

AZ

 

Porta Aberta

5Vdc

       

3,5Vdc à

Trava Magnética Inferior

Conector CN3, pino 1 ou Chicote poste inferior fio 1 /

 

Conector CN3, pino 2 ou Chicote poste inferior fio 2 /

 

Trava liberando

6,5Vdc

VM
VM
VD
VD
 

(oscilando)

 

Trava fechada

0Vdc

Botão Chama Sobe (pavimento superior)

 

Conector CN4, pino 6 ou Chicote poste superior fio 6 / BC

Botão Pressionado

0Vdc

Conector CN4, pino 3 ou Chicote poste superior fio 3 /

Botão em Repouso

5Vdc

       

Porta Superior

AM
AM

Conector CN4, pino 4 ou Chicote poste superior fio 4 /

 

Porta Fechada

0Vdc

AZ
AZ

Porta Aberta

5Vdc

       

3,5Vdc à

Trava Magnética

Superior

Conector CN4, pino 1 ou Chicote poste superior fio 1 /

VM
VM

Conector CN4, pino 2 ou Chicote poste superior fio 2 /

 

Trava liberando

6,5Vdc

(oscilando)

VD
VD

Trava fechada

0Vdc

Revisão 02 Maio/2013

57

Item

Ponto de Medição

 

Estado

Valor

Ponteira Preta

Ponteira Vermelha

 

Medido

   

Conector CN5, pino 3 ou Chicote fins de curso fio 3 /

 

Posição diferente de pav. inferior (fim de curso desacionado)

0Vdc

Fim de Curso Inferior

Conector CN5, pino 1 ou Chicote fins de curso fio 1 /

 
VM
VM

Plataforma no pavimento inferior (fim de curso acionado)

5Vdc

 
PT
PT

Conector CN5, pino 4 ou Chicote fins de curso fio 4 /

 

Posição diferente de pav. superior (fim de curso desacionado)

0Vdc

Fim de Curso Superior

 
VL
VL

Plataforma no pavimento superior (fim de curso acionado)

5Vdc

Botão/Joystick Desce (cabina)

 

Conector CN7, pino 4 ou Chicote manobra fio 4 / BC

 

Desce da Cabina Acionado

0Vdc

Botão/Joystick Repouso

5Vdc

Botão/Joystick Sobe (cabina)

Conector CN7, pino 2

 

Sobe da Cabina Acionado

0Vdc

ou Chicote manobra fio 2 /

     

MR

 

Botão/Joystick Repouso

5Vdc

Cancela

Conector CN7, pino 1 ou Chicote manobra fio 1 /

PT
PT
 

Conector CN7, pino 3

 

Cancela fechada/baixada

0Vdc

(cabina)

ou Chicote manobra fio 3 /

     

LJ

 

Cancela aberta/levantada

5Vdc

   

Emergência em Repouso (Botão puxado)

 

Botão de Emergência (cabina)

     

0Vdc

Conector CN7, pino 6 ou Chicote manobra fio 6 /

AZ
AZ
 

Emergência Acionada (Botão pressionado)

5Vdc

Anti-Esmagamento

Conector CN7, pino 5

 

Anti-Esmagamento normal

0Vdc

(cabina)

ou Chicote manobra fio 5 /

     

VM

 

Anti-Esmagamento acionado

5Vdc

Tabela 4 - Medições DC da Plataforma AC02

Revisão 02 Maio/2013

58

37.6 SINAIS E VALORES DE TENSÃO AC

Segue valores de referência que podem ser utilizados para medição e detecção de problemas. Para medição destes pontos deve-se utilizar multímetro devidamente aferido em escala de uns 250Vac (tensão alternada). Os pontos abaixo foram retirados da análise do diagrama geral apresentado na Erro! Fonte de referência não encontrada

     

Valor

Item

 

Ponto de Medição

 

Estado

Medido

Sinal Desce (energiza contatora do kit)

 

Conector CN6, pino 11 ou

Parada ou subindo

0Vac

   

Conector CN6, pino 9

Fio

VL
VL

do kit de contatores

Descendo

220Vac

   

ou do kit de contatores

     

Sinal Sobe (energiza contatora do kit)

Fio

CZ
CZ
 

Parada ou descendo

0Vac

   

Conector CN6, pino 10 ou

   

Fio

MR
MR

do kit de contatores

Subindo

220Vac

Desce para Motor (pinos 5, 8 e 10 do MINI- FIT macho de 12 vias do kit em CURTO-CIRCUITO)

 

Fio

AZ
AZ

do kit de contatores

Parada

0Vac

(pino 4 do MINI-FIT macho de 12 vias do kit)

Descendo

220Vac

Fio

AM
AM

do kit de contatores

Fio

VM
VM

do kit de contatores

Parada

0Vac

(pino 11 do MINI-FIT macho de 12 vias do kit)

Descendo

220Vac

(pino 9 do MINI-FIT de 12 vias do kit de contatores)

Sobe para Motor (pinos 5, 8 e 11 do MINI- FIT macho de 12 vias do kit em CURTO-CIRCUITO)

Fio

AZ
AZ

do kit de contatores

Parada

0Vac

 

(pino 4 do MINI-FIT macho de 12 vias do kit)

Subindo

220Vac

Fio

PT

do kit de contatores

Parada

0Vac

(pino 10 do MINI-FIT macho de 12 vias do kit)

Subindo

220Vac

 

Conector CN1, pino 1

 

Desligado

0Vac

Alimentação/Energia

 

ou do kit de contatores

 

Conector CN1, pino 2 ou

   

Fio

AM
AM

Fio

VD
VD

do kit de contatores

Ligado

220Vac

Tabela 5 - Medições AC da Plataforma AC02

Revisão 02 Maio/2013

59