Você está na página 1de 24

Circuitos de Força Motriz

180

Conceitos Básicos

•Aparelho de Comando: É um aparelho destinado a modificar o


regime de funcionamento de uma instalação ou receptor sem
que a ordem recebida possa ser de seguida alterada.

•Aparelho de regulação: É um aparelho que mantém constante


a saída de um sistema independentemente das perturbações
que tendam a altera-la.

• Aparelho de Controlo: Os aparelhos de comando e regulação


são considerados aparelhos de controlo.

João Martins (2009/2010)


Circuitos de Força Motriz
181

Comando
•Manual (Exemplo): Ligação ou interrupção do funcionamento
de um motor, através de uma botoneira.

• Automático (Exemplo): Abertura de um portão de garagem


com comando.

Dispositivos de Comando

•Manual:Botoneira, Combinadores, Pedais, ..etc.

•Automáticos: (Sensores/Detectores) – Fim de curso, Bóia, Par


termoeléctrico, detector fotoeléctrico, sensor de luminusidade, etc...

João Martins (2009/2010)


Circuitos de Força Motriz
182

Exemplos de Dispositivos de Comando

•Combinadores; Pedais; Interruptores de fim-de-curso;


•Contactores (já apresentado anteriormente...)
João Martins (2009/2010)
Circuitos de Força Motriz
183

Exemplos de numeração em contactos auxiliares de


contactores
Contactos Normalmente Fechados Contactos Normalmente Abertos

Ordem do contacto no contactor Ordem do contacto no contactor


João Martins (2009/2010)
Circuitos de Força Motriz
184

Contactos auxiliares temporizados em contactores


Contactos temporizados ao trabalho e ao repouso, Normalmente
Fechados (NF) e Normalmente Abertos NA

João Martins (2009/2010)


Circuitos de Força Motriz (contactos)
185

João Martins (2009/2010)


186

Circuitos
de Força
Motriz
Algumasimbologia

João Martins (2009/2010)


187

Esquemas
de
comando
Auto-alimentação

João Martins (2009/2010)


188

Esquemas
de
comando
Comando local
eàdistância

João Martins (2009/2010)


189

Esquemas
de
comando
Encravamentoeléct
rico

João Martins (2009/2010)


190

Esquemas
de
comando
Encravamentoeléct
ricoduplo

João Martins (2009/2010)


191

Esquemas
de
comando
Sinalização de
serviço

João Martins (2009/2010)


192

Esquemas
de
comando
Sinalização de
defeito

João Martins (2009/2010)


193

Esquemas
de
comando
Sinalização de
defeito
(luminosoesonoro)

João Martins (2009/2010)


194

Esquemas
de
comando
Circuitossequencia
is

João Martins (2009/2010)


195

Esquemas
de
potência e
comando
Arranquedirecto,
com protecção
contra
sobreintensidades
porrelétérmico, de
um motor
assíncronotrifásico

João Martins (2009/2010)


196

Esquemas
de
potência e
comando
Arranquedirecto,
com protecção
contra
sobreintensidades
porrelétérmico, de
um motor
assíncronotrifásico

João Martins (2009/2010)


197

Esquemas
de
potência e
comando
Inversão de
marcha de um
motor
assíncronotrifásico

João Martins (2009/2010)


198

Esquemas
de
potência e
comando
Inversão de
marcha de um
motor
assíncronotrifásico

João Martins (2009/2010)


199

Esquemas
de
potência e
comando
Arranque
estrela/triângulo
de um motor
assíncronotrifásico

João Martins (2009/2010)


200

Esquemas
de
potência e
comando
Arranque
estrela/triângulo
de um motor
assíncronotrifásico

João Martins (2009/2010)


 Moinho com passadeiras rolantes

Na figuraestãorepresentadasduaspassadeirasrolantes,
tendo entre elas um moinhoquetritura a
pedraquelácai. As
passadeiraseomoinhosãoaccionadosindividualmentep
ormotores M1, M2 e M3.

Exercício
Pretende-seoesquema de comandoepotênciadestacadeia
de operações de modoque:
 Se M1 parar, automaticamentedeveparartoda a
201
cadeia
 Se M2 parar, automaticamentedeveparar m3
 Aoligar a cadeia, develigarprimeiro M1, seguido de
M2 eporúltimo M3.

João Martins (2009/2010)


João Martins (2009/2010)

202

Exercício (esquema de
potência)
João Martins (2009/2010)

203

Exercício (Esquema de
comando)