Você está na página 1de 7

02/06/2015

Detalhes

Módulo1­SistemaCirculatório

1. Função

2. Localização

3. Circulação:pequenaegrandecirculação

4. Circulaçãocoronária

5. Sistemadeconduçãoelétrica

6. Ciclocardíaco:sístoleediástole

7. Controlenervosodocoração

7. Controlenervosodocoração LeituraObrigatória: PASTORE,C.A.,ABDALLA,I.G .

LeituraObrigatória:

PASTORE,C.A.,ABDALLA,I.G. AnatomiaeFisiologiaparaPsicólogos.SãoPaulo:

EDICON,2004.Cáp.2­parteII

LeituraparaAprofundamento:

FATTINI,C.A.&DANGELO,J,G.AnatomiaBásicadosSistemasOrgânicos.2.ed.Riode

Janeiro:Atheneu,2002.Cáp.VIII

1­FUNÇÃO

Afunçãoprimordialdocoraçãoébombearosangueparatodooorganismoafimdeque

todasascélulasrecebamsubstânciasnutritivaseoxigênio.

2­ LOCALIZAÇÃO Ocoraçãoestasituadonacaixatorácica,emumaregiãochamadademediastinomédio (mediastinoéoespaçoentreosdoispulmões,atrásdoossoesterno).

3­CIRCULAÇÃO:

O coração é dividido em duas metades, direito e esquerdo, por um septo longitudinal e obliquo. As câmaras superiores chamam­se átrios e as câmaras inferiores chamam­se ventrículos. Oátriodireitorecebesanguevenosopelaveiacavassuperiores(membrossuperiores)eda veiacavainferior(membrosinferiores).Oátrioesquerdorecebesanguearterialpelasveias pulmonares(duasdopulmãodireitoeoutrasduasdopulmãoesquerdo). Oventrículodireitoenviaosanguevenosopelotroncoartériopulmonarparaospulmõese oventrículoesquerdoenviaosanguearterialpelaartériaaorta(maiorartériadocorpo), paratodooorganismo.

O coração realiza duas circulações fundamentais denominadas: circulação pulmonar (pequenacirculação)ecirculaçãosistêmica(grandecirculação).

A CIRCULAÇÃO PULMONAR OU PEQUENA CIRCULAÇÃO inicia no átrio direito, que recebeosanguevenosovindodetodooorganismo,dosmembrossuperiorespelaveia cavasuperioredosmembrosinferiorpelaveiacavainferior.Essesanguevenosocircula pelo átrio direito e passa pela válvula tricúspide (válvula formada por três cuspes) e é depositadonoventrículodireito.Apóssofrerumadeterminadapressãoaválvulapulmonar seabreeosanguevenosoéexpulsodoventrículopelotroncoartériopulmonarquese ramifica em artéria pulmonar direita que penetra no pulmão direito e artéria pulmonar esquerdaquepenetranopulmãoesquerdo.Nospulmõesestasartériasvãoseramificando atéficarempequenasartériasquesãodenominadasarteríolas.Asarteríolasnointeriordos pulmões unem­se com as vênulas (pequenas veias), esta união entre estes dois vasos

02/06/2015

Detalhes

sanguíneos chamam­se capilares. Os capilares encontram com os alvéolos, que são

estruturaspulmonaresquerecebemooxigênio(O2)duranteainspiração.Nesseencontro

acontecerá a respiração externa, ou melhor, a HEMATOSE (hematose troca de gases).

Apósatrocadegasesosalvéolosficamricosemgáscarbônico(CO2)quesãoeliminados

dos pulmões na expiração e os capilares ficam ricos em O2. Os capilares conduzem o sanguearterial(sanguericoemoxigênio)parasveiaspulmonaresquelevarãoestesangue paraoátrioesquerdo.Osanguearterialaochegaraoátrioesquerdofinalizaacirculação pulmonar/pequenacirculaçãoeiniciaacirculaçãosistêmica/grandecirculação. Nota­seduranteesteprocessoquesanguevenosocirculouporartériaesanguearterialpor veia.Estefatoéumaexceçãodocoração.Nosoutrosórgãosdocorpoosanguevenoso circulaporveiaesanguearterialporartéria.

circulaporveiaesanguearterialporartéria. Figura1. Anatomiadocoração Fonte:

Figura1.Anatomiadocoração

DICA:noCORAÇÃOnãoimportaotipodesanguequeentraousai,ouseja,seévenoso

ouarterial,oqueimportaéqueoSANGUEaoentrarNOCORAÇÃOENTRAPORVEIAe

aosairSAIPORARTÉRIA.

GRANDECIRCULAÇÃOouCIRCULAÇÃOSISTEMICA–Oátrioesquerdorecebesangue arterial(O 2 )dospulmõespelasdasVeiasPulmonares.Estepassapelaválvulabicúspide

oumitral

sendodepositadonoVentrículoesquerdodeondeéimpulsionadoparao

interiordaArtériaAorta.Noorganismoaconteceahematoseentreoscapilareseascélulas.

Osanguevenoso(CO2)retornaaocoraçãopelasveiascavas,superioreinferioratéoátrio

direito, termina a circulação sistêmica ou grande circulação dando início a circulação pulmonaroupequenacirculação.

02/06/2015

Detalhes

02/06/2015 Detalhes Figura2. Circulação http://www.auladeanatomia.com/cardiovascular/angiologia.htm

Figura2.Circulação

4.CIRCULAÇÃOCORONÁRIA

Ocoraçãonecessitacomoosoutrosórgãos,deoxigênioesubstânciasnutritivasparaoseu bomfuncionamento,osquaisdevemserlevadosasestruturascardíacaseprincipalmente aomiocárdio(músculocardíaco).Adistribuiçãodosanguearterialparaoprópriocoraçãoé feita pelas artérias coronárias. São duas as artérias que irrigam o miocárdio, as quais nascemnaraizdaartériaaorta,numlugarchamadoóstiodasartériascoronárias.Osangue arterialchegaaomiocárdiopelosramosdasartériascoronárias(direitaeesquerda)que formam pequenas artérias (arteríolas), depois os capilares que alcançam as fibras musculares. Após a troca de gases (hematose), o sangue venoso circula por pequenas veias (vênulas) para a cavidade cardíaca, entrando pelo óstio das veias coronárias localizadonoátriodireito

02/06/2015

Detalhes

02/06/2015 Detalhes Figura3 .Coronárias

Figura3.Coronárias

Acompanheoseguinteexemplodeexercício:

1–Aprincipalfunçãodosistemacirculatórioélevarmaterialnutritivoaostecidos,pratanto

é importante neste processo que o sangue fique rico em Oxigênio. Assinale abaixo o sentidocorretodapequenacirculação(pulmonar).

a)átriodireito­ventrículodireito–artériaspulmonares–pulmão–veias

pulmonares–átrioesquerdo.

b)átriodireito­Ventrículodireito–veiaspulmonares–pulmão–artérias

pulmonares–átrioesquerdo.

c)átriodireito­Ventrículodireito–veiascavas–pulmão–artériaspulmonares

–átrioesquerdo.

d)átrioesquerdo­Ventrículoesquerdo–artériaspulmonares–pulmão–veias

pulmonares–átriodireito.

e)átrioesquerdo­Ventrículoesquerdo–veiaspulmonares–pulmão–artérias

pulmonares–átriodireito.

Se você compreendeu a fisiologia da circulação pulmonar, assinalou a alternativa a. As outrasalternativasreferemàsaídaouentradadosanguenocoraçãoporvasoserrados comotambémoladodocoração.Osanguevenosocirculapeloladodireitodocoraçãoeo sanguearterialpeloladoesquerdodocoração.ÉImportantelembrarqueindependentedo sangueserarterialouvenoso,osangueentranocoraçãoporumaveiaesaidocoraçãopor umaartéria.

5.SISTEMADECONDUÇÃOELÉTRICA

Paraqueocoraçãofaçaotrabalhodebombearosangueatravésdocorpo,elenecessita de uma espécie de estímulo para começar o batimento cardíaco. Esse estímulo é um

02/06/2015

Detalhes

verdadeiro impulso elétrico que se origina numa área do coração chamada nó ou nódo sinusalousinoatrial(localiza­senajunçãodaveiacavasuperiorcomoátriodireito)queéo marcapassonaturaldocoração,ouseja,funcionacomoumgeradordeenergiaelétricaque

fazocoraçãobaterentre60e100vezesporminutoemcondiçõesnormaisderepouso.

Asváriaspartesdocoraçãotrabalhamnumacertaseqüência:sístoleatrial(contraçãoatrial) seguida de sístole ventricular (contração ventricular) e diástole (relaxamento). Para a manutençãodesteritmocardíaco,osestímuloselétricosdevempercorrerocoraçãoatravés deumsistemadeconduçãoordenadocujoestímuloseinicianosátrioseposteriormente nosventrículos. Onósinusalestaligadoaonóátrio­ventricular(localiza­senaporçãoposteriordosepto inter­atrial), através de fibras nervosas os estímulos elétricos gerados no nó sinusal percorremdoátriodireitoparaoátrioesquerdoeparaonóátrio­ventricular(A­V).Quandoo estímuloelétricochegaaonóátrio­ventricular(A­V),elepercorreráofeixedeHiseseus ramosdireitoeesquerdo(umparacadaventrículo)alcançandoomiocárdiopelasfibrasdo SistemadePurkinje.

SistemadePurkinje. Figura4. Atividadeelétricadocoração Fonte:

Figura4.Atividadeelétricadocoração

6.CICLOCARDÍACO:SÍSTOLEEDIÁSTOLE

Oprocessoelétricodescritoacima,tambémchamadodedespolarizaçãoatrialeventricular, provoca uma onda de contração que se propaga sobre o miocárdio. Este fenômeno dá inícioaochamadociclocardíacoformadoporsístole(contração)ediástole(relaxamento).

SÍSTOLE ATRIAL – durante a sístole atrial entra pouca quantidade de sangue nos ventrículos.Acontraçãodomiocárdioatrialdiminuiaentradadesanguepelosorifíciosdas veiascavasedasveiaspulmonares.Duranteasístoleatrialasválvulasátrio­ventriculares

02/06/2015

Detalhes

(tricúspide e bicúspide ou mitral) estão abertas para que o sangue possa fluir de uma câmara para outra e as válvulas semilunares ou sigmóides (pulmonar e aórtica) estão fechadasafimdequeosanguepermaneçanosventrículos. SÍSTOLE VENTRICULAR – durante a sístole ventricular as válvulas átrio­ventriculares (tricúspide e bicúspide ou mitral) se fecham e as válvulas semilunares ou sigmóides (pulmonareaórtica)seabreminiciandoaexpulsãodosanguepelosventrículosdevidoa contraçãodomiocárdio. Noiníciodasístoleventricular,amitraleatricúspideestãofechadas.Omúsculoventricular teminicialmenteumencurtamentorelativamentepequeno,masapressãointraventricular aumentaagudamente.Esteperíodoéoisovolumétricodacontraçãoventriculardurando

cercade0,05seg,quandoapressãodoventrículoultrapassaapressãodiastólicadaaorta

(80 mmHg) e da artéria pulmonar (10 mmHg), as válvulas aórtica e pulmonar se abrem iniciandoafasedeejeçãoventricular.Estaéinicialmenterápida,tornando­semaislentano decorrer da sístole. A pressão intraventricular eleva­se para, depois, diminuir um pouco, antesdofimdasístole.

DIÁSTOLE–Estafasedocicloépraticamentesimultâneanasquatrocâmarascardíacas (átrios e ventrículos). No Início da diástole, quando o miocárdio ventricular acha­se completamentecontraído,apressãointraventricular,quejáseencontraemdeclínio,diminui mais rapidamente. Esta fase é denominada protodiástole e termina quando a inércia do sangueejetadoésuperadaeasválvulassemilunaresousigmóides(pulmonar e aórtica) são fechadas. Após o fechamento das válvulas, a pressão continua a cair rapidamente duranteafasederelaxamentoisovolumétricodosventrículos.Estafaseterminaquandoa pressãoventricularcaiabaixodaatrialeabrem­seasválvulasatrio­ventriculares(tricúspide ebicúspideoumitral),permitindooenchimentodosventrículos.Inicialmenteoenchimentoé rápido,paradepoisdiminuiràmedidaqueacontraçãoseguinteseaproxima.Apósasístole ventricular,apressãoatrialvaiaumentandoatéqueasválvulasatrioventricularesseabram paradepoisdiminuiredenovoelevar­selentamenteatéapróximasístoleatrial.

Figura5 .SístoleeDiástole

Figura5.SístoleeDiástole

7.CONTROLENERVOSODOCORAÇÃO

02/06/2015

Detalhes

O Sistema Nervoso é dividido funcionalmente em sistema Nervoso Somático e Sistema Nervoso Visceral. Este último uma parte que comanda o funcionamento da motricidade involuntária das vísceras é chamado de Sistema Nervoso Autônomo (SNA). O SNA é compostopordoisnervosvagos,onervo simpático e o parassimpático. O nervo simpático tem como neurotransmissor a noradrenalinaeadrenalina(estaúltimasóéliberadaemsituaçõesdelutaefuga,alerta) aumentando a transmissão de impulsos e conseqüentemente no coração aumentando a freqüênciacardíaca(taquicardia).Antagonicamente,quandoonervovagoparassimpáticoé estimulado ocorre a liberação de acetilcolina diminuindo a freqüência cardíaca, desacelerando(bradicardia).

Observa­se assim, que o coração possui um ritmo próprio comandado pelo marcapasso natural, porém recebe informações do sistema nervoso capaz de interferir no ritmo do coração,dependendoéclarodasmodificaçõescriadastantopelomeioambienteexterno comopelomeioambienteinterno.

Acompanheoseguinteexemplodeexercício:

Asartériascoronáriasprovêmdaaortaesãoresponsáveisporirrigaromúsculocardíaco.A coronariopatia,ouseja,doençaarterialcoronáriarepresentadanamaioriadasvezespor uma estenose arterial coronária exerce fortes impactos físicos, emocionais e sociais, comprometendodeformaimportanteaqualidadedevida.Oinfartoagudodomiocárdioéa complicaçãomaistemida,poisprovocanecrosedotecidocardíaco,diminuiçãodafunção cardíaca,podendoculminarcomamorte.Assinaleaalternativaquecontémainformação

corretasobre:1)osentidodoestímuloelétricodocoraçãoe2)osvasosresponsáveispor

irrigaromúsculocardíaco.

a) 1) Nó átrio­ventricular – nó sinusal – feixe de His – células de Purkinje; 2) artérias

coronárias.

b) 1) Nó átrio­ventricular – feixe de His – nó sinusal – células de Purkinje; 2) artérias

pulmonares.

c) 1) Nó átrio­ventricular – células de Purkinje – nó sinusal – feixe de Hiss; 2) artérias

pulmonares.

d) 1) Nó sinusal – nó átrio­ventricular – feixe de His – células de Purkinje; 2) artérias

coronárias.

e) 1) Nó sinusal – feixe de His – nó átrio­ventricular – células de Purkinje; 2) artérias

coronárias.

SevocêcompreendeuafisiologiadoSistemadeConduçãoelétrica,assinalouaalternativa d.Asoutrasalternativasinformamseqüênciaserradasnapropagaçãodoestímuloelétrico, comotambéminformamerroneamenteovasosangüíneoqueirrigaomiocárdio(músculo cardíaco). O estímulo elétrico e gerado no nó sinusal posteriormente se propaga pelos átrios,nóátrio­ventriculareventrículos(feixedeHisecélulasdePurkinge).Osvasosque irrigam o miocárdio são os vasos responsáveis pela nutrição das células cardíacas, as coronárias.