Você está na página 1de 158

Como minha vida foi arruinada em 14 dias

Autora: moon.witche [http://www.fanfiction.net/u/1595891/moon_witche]

Sinopse: Bella tem um plano. É um plano detalhado para toda a sua vida. Mas em sua
busca pela perfeição, ela tem ignorado algumas experiências do ensino médio. Com a
formatura se aproximando rapidamente, Bella prepara um novo plano - um plano para
perder a virgindade.

*É importante notar que Andy Stitzeris é o nome do personagem principal do filme Virgem de 40 Anos.

*Também é importante notar que eu não sou dona de Twilight e etc.

• Dia 1: Em que planos são alterados.

Eu não ia deixar isso acontecer comigo. Não mesmo. Eu não ia ser como Andy Stitzer. Eu
tinha um plano.

Meu melhor amigo por eliminação, Jake, tinha aparecido na minha casa ontem à noite e
me fez assistir a esse filme horrível. Duas horas programadas de minha vida desperdiçadas
com um diálogo vazio e humor não muito inteligente. Jake sabia como eu me sentia sobre
furar meu plano. O tempo é limitado e é importante ter certeza de que ele será gasto com
o melhor, nas formas mais rentáveis. Jake sabia que eu não gostava de espontaneidade, de
modo que quando ele apareceu na minha casa ontem à noite com um DVD e uma
atitude insistente, eu acenei Bob, meu Blackberry, em seu rosto e disse a ele que não
iríamos sair até o domingo, que era o dia e a hora que tínhamos combinado no final do
nosso último 'passeio' programado. Jake me ignorou, entrou direto, colocou o filme, e fez-
se confortável no sofá.

Jake tentou me puxar para baixo no sofá com ele, mas eu corri para longe. Se eu iria me
sentar com este filme, eu faria a contagem por minuto com multi-tarefas. Peguei minha
lição de casa antes de me estabelecer ao lado dele. Para mostrar a ele que eu não apreciava
sua brincadeira com minha agenda, eu amuei durante todo o filme. Eu certamente não ri,
nem mesmo quando o filme foi realmente engraçado. Eu tenho menos dever de casa feito
do que o planejado, e depois tive que explicar ao meu pai do que Jake estava rindo
quando ele chegou em casa na metade do filme. Nenhum exemplo encheu-me de
sentimentos calorosos por Jake.

No momento em que os créditos estavam rolando eu empurrei Jake para fora da porta e
mandei-o tomar seu rumo. Ele acenou com bom humor para mim a caminho de seu carro
enquanto eu gritei atrás dele que os nossos planos originais de domingo foram
cancelados. Ele apenas riu, e sua atitude despreocupada era irritante ao extremo. Se eu
não tivesse sido a melhor amiga de Jake desde que tínhamos cinco anos, eu teria
seriamente considerando re-avaliar a nossa amizade

Eu suspirei em pesar pela noite perdida enquanto eu fechava a porta. Decidindo que não
havia nenhum ponto em fazer a lição de casa agora, eu me dirigi até as escadas para me
arrumar para ir para a cama. A rotina era reconfortante, eu gostava de voltar para minha
agenda depois da noite interrompida. E havia algo calmante sobre escovar meus dentes.
Era um processo necessário ainda que simples, deixava meu cérebro livre para fazer o que
quisesse.

Hoje à noite, ele morava naquele filme idiota.

Andy não tinha um plano, e ele perdeu tempo. O desperdiçou até que a simples menção
de sexo o fez se sentir estranho e desconfortável. Eu tinha um plano. Um plano que
incluía me graduar em um mês, ir para a faculdade e conseguir um emprego que levaria a
uma carreira que me traria estabilidade financeira. Eu queria encontrar alguém aceitável
em torno da idade de 25 anos. Nos apaixonaríamos, me casaria com 28 anos, e começaria

uma família com menos de trinta. Mas em nenhum lugar neste plano eu tinha levado o
sexo em conta. Eu ainda não tinha pensado nisso. Meu plano era assexuado.

E se eu tinha aprendido alguma coisa com Andy era que eu precisava me preparar para o
sexo. Eu precisaria de alguma experiência antes de conhecer o homem detentor aos 25.
Meu plano precisaria de ajustes.

Eu agarrei Bob imediatamente quando entrei no meu quarto e procurei através do mês
seguinte. O último mês da grade doze estava completo, menos o próximo domingo agora,
obrigado novamente a Jake, por estar visivelmente vazio. Tomei isso como um sinal. Os
deuses da programação estavam sorrindo para mim, pelo menos uma vez, e eu não estava
disposta a desperdiçar uma excelente oportunidade. Soltando uma respiração profunda,
soquei um pequeno palavrão, três palavras que mudariam minha vida.

E assim, lá estava eu, na segunda de manhã, e eu sabia que tinha que começar a trabalhar
no meu plano. Eu tinha seis dias para convencer um homem a ter relações sexuais
comigo, e nenhuma idéia de como proceder para fazê-lo. Ou seja, eu não tinha nenhuma
idéia de como chegar a convencê-lo, embora eu não tivesse nenhuma idéia de como faria
sobre isso também. A viagem para a livraria seria definitivamente necessária para ser
programada para esta semana.

Eu consegui raspar algum tempo atribuído a 'chuveiro' e 'café da manhã' e agora estava na
aula 15 minutos antes do planejado, olhando um pedaço de papel em branco no meu
fichário de Inglês. Minha caneta favorita estava na minha mão, e eu estava animada para
começar uma lista de homens aceitáveis. Mas após dois minutos de mordiscar a tampa, eu
ainda tinha uma lista em branco.

Claro, tínhamos homens bonitos e bons rapazes, e até mesmo os caras misteriosos e
perigosos, mas eu realmente não queria que nenhum deles me visse nua. E eu certamente
não queria ver nenhum deles nu.

Estremeci com a idéia. Eu nunca tinha visto um homem nu. Eu não tinha certeza de que
eu queria. Você tinha que ficar nu para fazer sexo? Procurando mais detalhes da mecânica
que eu tinha sobre sexo na minha cabeça, eu tinha certeza que um não tinha que estar
nu. Pelo menos eu não teria que olhar para um cara... bem, para sua... a sua coisa... Eu
poderia apenas olhar para o teto, até que chegasse onde era suposto estar.

Corando furiosamente, olhei novamente para baixo no papel em branco na minha mesa.
A ponta da caneta-tinteira apenas parada na página, o ponto de tinta azul lentamente
ficando cada vez maior em torno dele.

"Oh, é só escrever!" Eu imediatamente lamentei para mim mesma. Isso me fez sentir como
se as paredes estivessem me julgando.

Fiz minha caneta formar o primeiro rabisco que me veio à mente. E depois outro e outro.
Mas antes que eu tivesse cinco letras, eu encontrei a minha mão coçando furiosamente no
quase-nome.

Bella. tomando os seus lugares e se preparando para a aula. e eu realmente o vi ler um livro. Mas todos eles só continuaram seu dia normalmente. Eu realmente não falava com ninguém na escola. Quando a aula começou eu me vi olhando ao redor da sala. olhando para o rosto de alguém? Eles provavelmente poderiam. era repugnante. Seu rosto não parecia de alguém que tinha tido relações sexuais o que me fez sentir um pouco mais confortável. Ele era meu único amigo de verdade. Eles estavam ocupados tendo toda a diversão e eu estava ocupada com o meu plano. Ele definitivamente tinha tido relações sexuais. Eu nem mesmo tinha uma lista ainda."Argh!" Cocei cada vez mais forte até que abri um buraco na página e arruinei a folha abaixo dela também. que ele tinha tido relações sexuais. Eles já tinham tido relações sexuais? Quando eles tinham feito sexo? Por que ninguém nunca se aproximou de mim para falar sobre sexo? Será que eles sabiam que isso não estava no meu plano? Se eu tinha certeza de que algumas pessoas tinham feito sexo. a certeza com que ele se portava. Ben Cheney. em ordem alfabética. Eu virei para uma nova página no fichário.. a foto de todos os homens na minha série. Meu rosto estava queimando com a idéia de realmente pedir a uma pessoa. para ter relações sexuais comigo. mas decidi contra. Ben. Oh Deus. eu precisava fazer uma lista dos homens com quem eu pensava que eu poderia passar o tempo. porque eu poderia dizer só de olhar para o rosto de Emmett McCarty. Repetidamente. Minha mortificação cresceu quando eu analisei. e eu não tinha idéia de como as outras meninas faziam isso.. todo mundo sabia que eu não tinha tido relações sexuais? Você poderia apenas dizer isso.. Por um breve segundo eu contemplei escrever o nome de Jake. Quem mais? Eu não falava com nenhum dos rapazes na escola. Eu estava muito presa na coisa do sexo ser igual a nudez. um ser humano. Eu bati o meu fichário fechado quando as pessoas começaram a entrar na sala. Aqueles que não eram antipáticos ou idiotas.. olhando para os rostos de todos. Meu rubor aprofundou quando eu pensei imediatamente se pelo menos um deles podia ler meus pensamentos. e eu não queria mexer nisso. Era assustador o suficiente que eu não fosse capaz de colocá-lo em minha bagagem quando fosse para a faculdade em Setembro. A maioria destes meninos eu conhecia por toda a minha vida. . você está se precipitando. Meu pai seria capaz de dizer que eu estava em fornicação? Calma. os olhos travessos.. me perguntando. a idéia de deixar-me vulnerável dessa forma.. O sorriso arrogante. A idéia de me abrir para. Ele era inteligente e não feio. para alguém. e certas pessoas não tinham. Quero dizer. Em vez disso.

isso era interessante. Eu esperava que esta fosse uma conversa normal para eles. Zegerchuck estava longe de ser visto. Lauren? Sério? Ela não é tipo super-rodada. peguei minhas coisas e persegui Emmett. e Emmett estava encostado no armários conversando com Jasper. e o Sr." Eu quase virei à esquerda naquele pedaço de imagem. você realmente não sabe quem esteve lá antes de você. "Sim. Jasper Whitlock era a pessoa mais promíscua em Forks High. e eu ficava absolutamente em pânico com a menor idéia de vê-los despidos. Espero que eu não precise chegar muito tarde na aula. . Eu o vi quando ele saiu da sala. desde que me mudei para cá. estava sempre atrasado. Pelo plano. Zegerchuck. eu abri a porta e corri para o meu lugar. Eu cheguei até Emmett assim que ele chegou fora da sala de aula. "E. "Bem. Com cada menino que eu rejeitava eu ficava mais determinada a encontrar alguém para exercer essa ansiedade.. Com meus livros agarrados ao meu peito." Jasper estava terminando uma frase que parecia ser sobre o seu assunto favorito.. Eu tomei uma respiração profunda. Hoje parecia absolutamente essencial que eu ouvisse tudo sobre sexo que pudesse sair de suas bocas.Forks não tinha muitas pessoas vindo e indo.. Ele tinha física a seguir. Eu queria informação. Dei uma olhada na minha aula de álgebra através da janela na porta. e eu não notei qualquer problema duradouro. Eu nunca tinha me atrasado para uma aula desde. fazendo o meu melhor para ignorar o olhar de espanto do professor. "-bem. Eu tomei uma decisão em frações de segundo. hiper ventilando um pouco porque eu sabia que ia chegar atrasada em álgebra. Isso ia ser tão embaraçoso. Como eu esperava. mas eu tinha que fazer isso. Quero dizer." Hmm." Huh. ela me empurrou contra a parede e enfiou a mão dentro das minhas calças.. além disso. bem. e não pesadelos." Jasper parecia um pouco na defensiva aqui. eu não mergulho descoberto. "Buceta é buceta. Eu pensei que vocês gostavam de meninas com experiência. Minha mente estava tão consumida com pensamentos de nudez que eu não percebi o sino tocar até que Emmett bateu-me na cabeça com sua mochila na saída. Ele também era conhecido por ter a boca mais suja de alguém que tinha vivido em Forks. Graças a Deus. A idéia de que eles poderiam gostar de alguém que não era tão experiente me intrigou. eu meio que normalmente fazia o meu melhor para evitar o excesso de audição. o professor. a porta estava trancada e as luzes estavam apagadas. Eu não queria estar assim quando eu encontrasse alguém que valesse a pena ver nu. Eles não pareciam estar muito longe na lição. mas. há 17 anos. me virei e corri pelo corredor. o Sr.

Tudo que eu podia pensar era em meu plano. Debaixo do buraco na página eu escrevi as duas partes. -Cara. E quando eu finalmente encontrasse o cara que eu pudesse imaginar-me casando com ele. Então voltei para a primeira página em meu fichário de Inglês e olhei para ela. 1. mas nada parecia certo. como qualquer outro homem. Um plano bem viável. "Sim?" Eu me virei e olhei para ela. Mas não era exatamente algo que eu pudesse apenas dizer no meio da aula. e jogavam fora todas as suas oportunidades de crescimento.. o pensamento dele tão nu era. Yearwood parou-me quando eu estava prestes a sair da sala. se o que Jasper tinha dito era verdade. tentando chegar a uma nota que eu pudesse usar. então. Passei o resto de álgebra e toda a aula de Inglês iluminada escrevendo no meu fichário.Era só sexo. eu formei um plano. E depois.Uma vez sentada. Experiência não é sempre preferível. e flertavam.. Uma menina era tão boa quanto a outra. E se o meu plano fosse arruinado eu nunca faria sexo. "Bella?" A voz da Sra. e eu sentia que eu queria que isso ocorresse. e o único menino a me fazer ter inveja das outras meninas. Eu não tinha pensado que eu poderia pedir a ele. Nenhuma nota podia englobar a extrema necessidade da situação enquanto ainda mantinha o arranjo de negócios. As que iam para os bailes. claro. . O professor poderia ter feito a leitura das respostas da próxima prova. certa de que ela tinha visto minhas anotações e ia me perguntar o que estava acontecendo. úteis. eu disfarçadamente olhei ao redor da sala para me certificar de que ninguém estava olhando para mim. muito menos realizar o ato. e ela teria que me mandar para o orientador. e eu não teria notado. Ele definitivamente tinha tido relações sexuais. E o conselheiro insistiria em que eu não fizesse o que eu estava querendo fazer e então meu plano inteiro seria arruinado. a aula ficou muito lenta e eu não conseguia prestar atenção a uma única palavra o que foi dita.. Embora. porque eu estava muito presa no planejamento de como eu iria abordá-lo em biologia. interrompendo. E ele era bonito e agradável. Enquanto eu olhava para o pedaço de papel. 2. Mas. só uma virgem desajeitada que não podia sequer pensar na palavra.. das informações que eu tinha obtido a partir de Jasper. O nome que fora riscado eu nem mesmo poderia imaginar nu. Eu pensei que teria que ser alguém tão virginal como eu. E o pensamento de que ele me visse nua não foi horrível. Minha professora favorita ia arruinar o resto da minha vida e depois- Eu respirei fundo e me forcei a me acalmar. Eu escrevi a nota de novo e de novo e de novo. A mancha ocupava duas páginas. Eu nem sabia o que ela queria. Eu teria que dizer a verdade. inglês terminou e eu tive que lutar para conseguir juntar todos os meus livros para sair da sala de aula. ele não iria me querer porque eu não era nada. Eventualmente.

Eu precisava deste plano. nós não temos.. "E. meu cabelo uma bagunça. não me preocupando em parar no meu armário. com seus cabelos ruivos. "Posso falar com você por um momento?" Ele assentiu e se levantou da mesa. querida? Você apareceu um pouco atrasada. minha mochila pendurada dos meus ombros estranhamente. e todos os meus livros em meus braços. mais do que de costume. eu normalmente gastava o meu almoço na biblioteca. "Não." Edward. olhando para uma mesa. Eu olhei em seu rosto por um momento. hey. ok?" Ela acrescentou. Como eu levei um momento para reunir os meus pensamentos. "Olá. ela não poderia tirar isso de mim. Será que temos alguma tarefa?" Eu não podia culpá-lo por perguntar. Levantei-me em linha reta." "Ah-não. fez uma pausa em sua conversa com sua irmã. protetoramente. olhos verdes e rosto maravilhosamente simétrico. estava listado ali no Bob. Eu poderia realmente fazer isso? Eu sabia as palavras que eu queria dizer a ele. O almoço! Claro. tente relaxar na hora do almoço. Oh." Eu estava orgulhosa de que minha voz estivesse mesmo no modo negócios. Como se eu fosse vender-lhe algo.. empurrei meus ombros para trás e marchei com o propósito até onde ele estava sentado." Ela estava olhando diretamente para mim. "Sim. a menos que tivéssemos um trabalho de biologia para terminar. Sim. lembre-se que você sempre pode vir e falar comigo. se você precisar de alguém. E então eu me vi de pé na entrada de uma sala cheia de adolescentes e de alimentos. mas eu poderia realmente fazer-me dizê-las? . "Bella. Edward."Você está se sentindo bem. muito bem." Eu balancei a cabeça enfaticamente. Agarrei meus livros mais apertados em mim. Estou bem. Yearwood!" Eu corri para fora da sala de aula e corri pelos corredores para o refeitório. A sua mesa. olhou para mim e sorriu em saudação. claro. eu balancei a cabeça em saudação a sua gêmea de cabelos negros. isso sempre vinha antes de biologia. Mas eu tenho uma coisa importante que eu precisava de lhe perguntar. Meus olhos se arregalaram e uma luz se acendeu na minha cabeça. "Bem. seguindo-me por uma curta distância até uma parte vazia da cafeteria. não aconteceu nada. obrigado Sra.

eu sabia que era a coisa certa a fazer. "Eu estava olhando através de minha agenda e vi que eu tinha o domingo à noite livre. mas estou com a impressão de que esses tipos de coisas nem sempre acontecem quando você quer. Ele parecia curioso. lá pelas sete horas?" "O quê?" *Verificando conta bancária* Não. eu não queria ser Andy Stitzer." Ele piscou um monte enquanto ele falava. eu não acho que eu poderia pedir de novo em uma voz calma enquanto eu olhava para ele..O plano. . Se a situação não for aceitável para você. Twilight não me pertence. finalmente. no caso de cairmos no sono ou algo assim. "Eu estava pensando se você gostaria de fazer sexo comigo?" Ele não fez nenhuma indicação física de sua reação à pergunta. então eu deixei-me ser esperançosa como eu nunca fui antes. No domingo. o que. então eu vou simplesmente riscar seu nome e passar para o próximo-". trabalhando para manter o sorriso agradável no meu rosto. uh. Eu sempre tinha um plano e eu sabia que esse era um dos bons. o rubor que eu estava segurando na baía subiu no meu rosto e eu tive que olhar para os meus pés.. eu diria às sete. Mas eu não conseguia me fazer parar. uh.. então eu continuei rapidamente. No momento em que se estendeu até parecia que eu teria de chutá-lo na canela para obter uma resposta. De qualquer maneira.. ok?" Seus dedos estavam ao redor de meu braço e. você quer que.. Edward guiou-nos até uma mesa vazia e sentou-nos. "O quê?" Olhei para ele. "Você. "Então. não tendo certeza se ele queria que eu repetisse ou se ele estava expressando sua descrença a meu pedido. Eu suspirei e aceitei o fato de que eu teria que ajudá-lo. que eu sabia que eu estava gritando. E ele olhou de volta para mim... Dia 2: Em que Edward responde às minhas perguntas. o que a trouxe a isso?" Sua voz não soava zombeteira ou com raiva ou divertida. Eu não queria morrer virgem. "Eu compilei uma lista de homens aceitáveis e você estava no topo. E era isso. "Vamos sentar por um momento. os olhos nublados de confusão e sua testa enrugada no pensamento. Quero dizer. para. uh. "Eu quero que nós façamos sexo. que mal podia pensar na palavra "sexo" com a idade de quarenta anos." Eu estava tão orgulhosa de mim mesma por não tropeçar demais ou corar. Eu tenho a certeza que eu tenho a noite inteira livre no caso de..a. como eu tenho uma agenda a cumprir. Cerca de sete horas. Eu tinha que superar isso. "Bella!" Ele parecia um pouco em pânico.

Fiz-me olhar de volta para ele. se eu só tinha quinta-feira e sexta-feira para procurar? Eu tinha certeza de que as outras pessoas faziam planos."Bem.. de modo que não fique notoriamente no meu caminho mais tarde na vida. Tudo o que ele fez foi abrir a mão do meu braço e olhar para meu rosto. parecia um pouco injusto exigir uma resposta imediata. O Sr. vou precisar começar a procurar a próxima escolha aceitável. mas marcante evento saia do meu caminho.. "Olha. . pequeno. E se eu lhe desse tempo para pensar e então ele decidisse recusar na quarta-feira? Como eu iria encontrar alguém a tempo para domingo." Edward não fez ou disse qualquer coisa para mostrar que ele tinha ouvido. essas coisas mudam nossos rumos. certos." Eu ainda podia ouvir o riso em sua voz. "Se sua resposta for não. Eu entendia que algumas pessoas não tinham o mesmo tipo de plano. após um minuto de olhar um para o outro. Sei que isso não é a maneira normal que essas coisas acontecem. "Eu posso dar-lhe até amanhã. "Bella.. eu posso pensar sobre isso um pouco?" Apertei os lábios e os meus dedos contraíram-se em preocupação. uh. confusa ano passado. Eu não queria ver o que ele estava pensando naquele momento... mesmo que esses planos fossem apenas para se divertir no fim de semana. saber. Finalmente. Tudo o que eu quero é conseguir que esse. todo mundo sabe que você tem um plano. e eu pensei que ele estava exagerando um pouco. Obriguei-me a relaxar e parei de me mexer. bem. da vida. "Bella. só porque eu fiquei um pouco.." O rubor foi piorando e eu estava perdendo meu profissionalismo. Então. Eu precisava saber se isso iria acontecer para que eu pudesse começar a me preparar. Banner tem medo de começar a aula em um minuto atrasado com você sentada na segunda fila olhando para seu Blackberry. e podemos fingir que isso nunca aconteceu. tudo bem.. Edward falou em voz baixa. Mas. Eu certamente não tinha inventado a idéia de fazer compromissos. mas ele interrompeu-me com gargalhadas. mas é como eu escolhi fazer isso.." Eu pontuei o fim da minha frase com um aceno de cabeça afiado. que isso era o que eu queria e que eu não ia mudar minha mente ou voltar atrás. eu tenho esse plano-" Eu comecei. se sua resposta for não. Eu tinha que recuperá-lo rapidamente ou não havia nenhuma maneira de que ele iria me levar a sério. experiências.. Eu precisava de uma resposta o mais rapidamente possível. "Certo.. ou envolvimentos emocionais. tal como eu tinha.. se você não estiver interessado eu entendo perfeitamente. Quer dizer. Posso passar para o próximo cara na minha lista. eu me tornei consciente recentemente de que eu não planejei. acontecimentos. Ele precisava pensar." Eu respirei fundo e me recusei a encontrar o seu olhar.. Eu não quero confusão. quando uma de nossas aulas se atrasou não significava que eu iria explodir com todo mundo. Sempre pronta a culpá-lo por bagunçar toda a sua vida.

Ele manteve sua face neutra. estagnada. o olhar em seus rostos me fez pensar se todo mundo estava pensando em sexo também. Não era possível dizer qual resultado me assustava mais. E se tudo corresse bem e com facilidade até domingo. A aula se arrastava penosamente. se levantou e caminhou de volta para sua irmã. e se depois quando eu tirasse minha roupa ele estremecesse e fugisse? Meu corpo inteiro estremeceu quando o alarme apitou em Bob. "Merda". procurando o meu rosto. Forçando meu nervosismo a diminuir o quanto pudesse. Ele estava controlado e calmo quando ele se sentou por um momento. outras atividades. Ontem à tarde tinha sido bastante decepcionante após todo o estresse e preocupação da manhã e almoço. Embora olhando em volta para todos. eu nunca seria capaz de falar com ele novamente. Se ele dissesse que sim. isso ocupava muita gente. bem. peguei minha mochila. de qualquer maneira. Mesmo sua perplexidade de mais cedo havia se dissipado.. nesse caso também. Mas eu não entendia como eles faziam isso. E agora eu estava sentada na minha caminhonete. eu estava mais uma vez superada com o medo de que alguém pudesse ler minha mente e soubesse que todos os meus pensamentos estavam focados em. Ele tinha que acreditar que eu estava perfeitamente à vontade com a situação ou ele jamais diria que sim. sai da minha caminhonete e segui em direção à escola. Não havia maneira de deixar Edward me ver assim. Eu esfreguei minha mão em meus olhos e me forcei a me acalmar. Edward e eu nos ignoramos firmemente quando nós nos sentamos a um pé de distância um do outro. ele acenou para mim. eu não podia ver nenhuma reação. Então. minha aula favorita. Tanto quanto eu amava inglês.Edward olhou para mim por um outro momento e eu não podia deixar de olhar de volta. Pelo que eu sabia sobre sexo na adolescência. Do meu alarme eu sabia que tinha menos de um minuto antes do primeiro sino tocar. E então eu tive aula de música. bem. que voou. eu estava perfeitamente à vontade com o arranjo. Isso era muito tempo para tomar uma rota indireta para a aula. Eu andei rapidamente para fora da cafeteria sem olhar para trás. Eu precisava desesperadamente de algum tipo de dica do que ele estava pensando. E. Eu não me importava se Edward estava ou não me observando. na manhã de terça-feira. Se sentar no dia a dia . em linha reta em seus olhos. Se Edward dissesse que não. e eu certamente não me importava com o que ele estivesse pensando em mim. que estava acompanhada de Emmett em sua mesa de almoço. era a idéia de rejeição que tinha me atrasado. então eu apontei para uma das entradas laterais e não parei no meu armário. eu não tinha certeza se eu seria capaz de falar com ele novamente. então eles provavelmente estavam. Tivemos uma palestra em biologia..

cercado por outras pessoas e deixar-se pensar em sexo. O silêncio era quase ensurdecedor. Não havia nenhuma maneira que eu poderia entrar no refeitório. Tyler estava imaginando-me nua? Agora? Ele já tinha me retratado nua? Algum homem já tinha me retratado nua? Estatisticamente falando. Bella. Ela estava parada em frente aos boxes." Eu fiz uma careta para a professora e peguei tudo tão rápido quanto pude. sinalizando o almoço. Alice. Corri pelo corredor em direção ao banheiro. minha confusão piorou e eu fiquei cada vez mais nervosa sobre o almoço. irmã gêmea de Edward. um deles deve ter. estava no banheiro. Ele estava definitivamente retratando meninas nuas. Como poderiam não ficar constrangidos ou nervosos? Tyler Crowley se destacou entre as outras faces em branco. Fui tomada pelo mesmo sentimento de desconforto que eu sempre tinha ao seu redor. coberta da cabeça aos pés em uma infinidade de tintas a óleo. fazer contato visual com o homem que eu tinha abordado e depois caminhar em direção a ele. pelo menos. Eu não tinha certeza de que eu diria ou como eu abordaria Edward. Seus olhos vidrados demais. "Oi Alice. Oh Deus. Você me assustou. Swan. "Não. coletando todas as minhas canetas e lápis que tinham sido derrubadas." Eu gemi em frustração. Sinto muito. O segundo sino tocou. então nós duas nos olhamos por um minuto. Enquanto imaginava outras meninas nuas também." Eu não sabia mais o que dizer para ela. suas pernas se contorcendo. Havia algo em seus olhos brilhantes e sorriso travesso que me fazia pensar que ela sabia tudo sobre todos. enquanto estava sentado na mesma sala comigo. "Srta. pendurada no meio da minha cadeira. As cores deram ao macacão jeans dela uma sensação de arco-íris. "Oh. há algum problema?" A classe inteira olhou para mim. mais uma vez evitando meu armário. Bem no meio da aula eu decidi desistir de tudo. e cai em um banheiro completamente colorido. Provavelmente. Eu tinha certeza que eu era sem graça em comparação com as outras meninas que ele estava imaginando. Ela estava segurando um copo de tinta na mão e tinha um pincel preso atrás da orelha. Um pensamento horrível me ocorreu. Enquanto a manhã avançava. .

Eu não podia perder aula durante todo o ultimo mês da escola. Assim que ela se foi eu me tranquei em um box e passei o período de almoço inteiro lendo as notas rabiscadas nas paredes para distrair-me de pensar sobre ele. Minha vida não mudaria realmente se Edward pensasse mal de mim. Atrás do meu rosto pálido e cabelo castanho pálido. Isso significaria que eu teria de falar com Ben. neste exato momento. Eu aleatoriamente lhe pedi para ter relações sexuais comigo. Mas agora o banheiro estava gritando para mim. Como eu poderia olhar para ele novamente? Eu teria que vê-lo mais cedo ou mais tarde. Eu gemi quando eu olhei para o espelho. Ben provavelmente seria mais fácil de abordar sobre o assunto. Deixei minha mochila pesada desconfortavelmente no chão. De fato. Olhei para o meu calendário. Isso me fazia uma puta? Eu era melhor do que as meninas que se jogaram em cada cara que viam por nenhuma razão discernível? Edward pensava que eu era uma vagabunda? Claro que ele pensava. Mesmo que eu faltasse em biologia hoje. Vagabunda. Eu tinha que colocar as coisas em perspectiva. eu teria que ir eventualmente. Parecia ser a única palavra que as meninas dessa escola sabiam. derramando-me na parte principal do banheiro. Eu tinha certeza de que Ben nunca tinha me imaginado nua.Ela me mostrou aquele sorriso antes de passar por mim e ir para fora da porta. Tínhamos nossa formatura chegando . Não haveria nada para pensar. O ar na cabine do banheiro estava pesado e me senti leve quando as marcas riscadas na parede pareceram girar em torno de mim até que tudo que eu podia ver era essa palavra. Uma palavra que o mundo parecia estar gritando para mim enquanto eu estava lá. . Correndo até a pia eu rapidamente espirrei punhados de água fria no meu rosto e tentei me acalmar. Eu estive neste banheiro centenas de vezes antes e nunca percebi. havia algo escrito. como se tivesse sido escrita só para mim. Cheguei atrás de mim e abri a porta que eu estava encostada. E então eu congelei. Minha respiração parecia ficar cada vez mais difícil. Toda a escrita era um insulto e parecia ter uma palavra em comum. na palavra que eu tinha posto no domingo. e tirei Bob. e eu nunca tinha faltado uma aula antes. Ela estava em todo lugar. nem mais uma palavra dita.

se quiser.Eu me virei e olhei para fora dos boxes do banheiro. Propositadamente posicionado para ser visto por todas que viriam aqui. Com esse pensamento. peguei minha mochila do chão e caminhei em direção ao refeitório. Alice queria que todas lessem. "Edward? Oh. Eu só vi uma mesa e eu marchei até ela. ele está sentado ali com os meninos. Alice tinha pintado algo sobre eles. mas eu não notei. Sentamos lado a lado em um silêncio confortável apreciando nossa comida. como eu. Ela estava cavando em sua salada com um entusiasmo que eu não teria pensado que sua estrutura minúscula fosse capaz de ter. Sua consideração me surpreendeu." Alice murmurou em torno de um bocado de cenoura e alface. Oi! Edward vai se juntar a você hoje. agora mesmo. no entanto. "Obrigado. pois eu tenho algo que eu preciso discutir com ele?" Alice olhou para cima da salada que ela estava organizando artisticamente na frente dela. Embora seu olhar parecesse exclusivamente centrado sobre a mesa que ela tinha me apontado mais cedo. ela estava feliz vivendo em seu próprio mundo. Estava tão barulhento e lotado como ontem. Eu gostava que Alice não puxasse conversa. "Salada legal. Rabiscado em vermelho brilhante. Edward estava sentado com Emmett e Jasper. dizendo a eles sobre a mulher atrevida que eu era? Ele estava dizendo que ele seria capaz de elaborar um relatório sobre me ver nua? Dizendo a todos como eu era em relação ao que eles tinham imaginado? "Você é bem-vinda a sentar-se. "Alice. ." Alice fez um gesto atrás de mim e eu olhei. Eu sorri quando me virei de volta para o espelho e li as palavras de novo." eu disse enquanto me sentei. Não que a minha não estivesse. acreditassem nisso. Você é linda. Achei que não era seu irmão que estava chamando sua atenção. Será que ele estava. não. ele geralmente faz uma aparição em algum momento durante o almoço. Ela pintou ao contrário e em um ângulo que pudesse ser lido em qualquer um dos três espelhos na sala. Eu me senti um pouco envergonhada de estar comendo um simples sanduíche de manteiga de amendoim e geléia no pão branco." Alice se afastou para que eu pudesse sentar ao lado dela. Ah.

Bella. Talvez este fosse um comportamento normal para Jasper? Ter meninas aleatórias vindo até ele e se atirando para ele? Ele parecia aceitar qualquer oportunidade que surgia para as relações físicas. eu olhei em direção ao som. e se levantou da mesa abruptamente. Banner começou a aula bem a tempo com uma rápida olhada na minha direção. Entrei rapidamente. correndo para me sentar à minha mesa. Edward passou-me um bilhete."Eu te vejo mais tarde. e que Jasper sabia. A sala de aula era escura e cheirava a formol. Olhei para a mesa e vi que alguém tinha se juntado aos meninos. arrumei meu fichário e o livro em ângulos perfeitamente alinhados em frente de mim e então olhei para a frente da sala. Rosalie e Jasper continuaram seu show enquanto os outros dois meninos os ignoravam. E. sem olhar para ele. Ela estava sentada em seu colo. Rosalie. Eu mantive meus olhos focados nele e fiz a minha mão tomar notas com base nas palavras que ele estava dizendo. eu não poderia adiar parar em meu armário por mais tempo. Eu assisti a interação impar deles até a campainha tocar. Isso significava que teríamos que nos sentar por toda a aula de biologia com a nuvem escura dos negócios inacabados entre nós. Com Edward já sentado no seu lado da mesa. A sala era grande. Minha vida deveria ir de acordo com meu plano. e tudo parecia estar situado lateralmente a cada outra sala de aula na escola. Eu nunca tinha me tornado disponível para a rejeição antes. os braços em volta dele. Cerca da metade da aula. O Sr. Edward tinha todo o poder sobre o meu plano neste momento. . no entanto. e meu plano era que ele dissesse que sim e nós trabalhássemos em conjunto para concluir esta etapa da minha vida. uma menina bonita da classe abaixo de nós tinha se agarrado a Jasper. em vez de longa e essa orientação a fazia parecer pequena e lotada. mas eu ainda não gostava da idéia de ele estar no comando." Alice suspirou em uma voz irritada. mas toda a minha atenção estava destinada a Edward. Eu assisti todos eles saírem a caminho da classe antes de me dar conta que eu tinha que estar em sala de aula. essa era a coisa mais difícil que eu já fiz na minha vida. e seus lábios estavam dando beijos ao longo de seu pescoço. havia algo sobre ela que deixava claro que sua atenção não estava em Jasper. A sala de biologia era do outro lado da escola. Sentei. e eu não gostava da sensação disso. bem como. no banco. Eu tive que correr pelos corredores. dura como uma tábua. e como não tinha tido qualquer lição de casa ontem. Talvez eu tivesse decidido não me importar com o que ele pensava de mim. Eu odiava negócios inacabados. eu não tinha conseguido uma chance de falar com Edward. ouvi um barulho vindo do meu lado e tanto quanto eu tentei não olhar.

Ele era o mesmo que qualquer outra parte da minha agenda. Eu aceitaria a sua condição. Olhar por cima revelou sua mão retirando um outro bilhete. Olhei para trás por um momento. por agora de qualquer maneira. Havia uma frase sobre a segunda. Eu o peguei e olhei para ele ao lado lendo a primeira nota. Eu tenho uma condição. Olhei de volta para a primeira nota. Eu queria que fosse Edward. "Bella!" Eu ouvi o meu nome gritado em frente ao estacionamento quando minha mão segurou a maçaneta da porta. Minha semana estava organizada e tudo estava bem no mundo. Eu coloquei minha máscara de negócios com uma mão firme e puxei o pequeno pedaço de papel. Meu dia voltou ao normal. olhei para baixo e li as palavras mais uma vez. E eu precisava que tudo estivesse pronto para domingo. parecia a caligrafia mais bonita do mundo. porque eu não poderia imaginar pedir isso a qualquer outra pessoa. O pensamento de pedir a ele me fez estremecer. Ele estava olhando para mim com uma expressão neutra. incapaz de parar o meu sorriso como eu voltei a ler o "sim" que Edward tinha rabiscado quase de forma ilegível. e isso significava que eu não teria que pedir a mais ninguém para fazer sexo comigo. Depois disso. Eu balancei a cabeça hesitante para ele. A primeira nota tinha somente uma palavra e eu a segurei contra o meu peito enquanto eu lia a segunda. como cozinhar o jantar ou limpar meu quarto. Agora que tudo estava marcado para o domingo. Virando-me. eu podia ver Edward correr por todo o cimento em minha direção. uma frase curta. não Ben. Especialmente. a aula passou. No momento em que eu o abri ouvi mais um ruído. Eu quase o ignorei ao sair na minha caminhonete no final do dia. . mas eu senti a necessidade de lê-la uma e outra vez. Quem sabia quando eu teria o próximo dia livre para o sexo? Sorri ligeiramente enquanto voltamos fingir prestar atenção. mas o sexo era a última coisa em minha mente quando eu olhava para ele. descobri que toda a minha ansiedade sobre Edward tinha se dispersado. Para mim. Ele pode ter sido a opção segura.Apertei os lábios e sentei-me reta. O segundo bilhete era um pouco preocupante e eu olhei para o rosto de Edward quando eu o li pela enésima vez. Foi uma prova de que meu plano era uma boa idéia.

"Bem. Por que precisamos conversar?" Tanto quanto eu estava preocupada. eu estava de saída"." Edward olhou para mim sem dizer uma palavra. eu só estou tentando ser prá-" "Bella. Quinta feira. "Eu ia sugerir que nos encontrássemos em sua casa porque meu pai geralmente está em casa nas noites de domingo e eu não quero fazer isso com ele lá. "Oh". Cerca de sete horas. Eu tinha esquecido sobre isso. isto é. "Eu não vejo o que é tão engraçado. Também vai ser difícil o suficiente tirar a roupa na sua frente. Eu esperava que todas as nossas conversas não fossem assim. Ele estava definitivamente me provocando. . "Você não quer conversar ou algo assim?" Ele parecia confuso. Oh. nós nos veríamos no domingo. Ele tinha uma incrível capacidade de forçar-me a divagar. "Isso não funciona para mim."Edward. Ele não podia fazer isso com minha agenda. possivelmente. "Charlie não gostaria de estar lá de qualquer maneira." "Você quer escrever um contrato?" Eu olhei para ele e esperei sua condição. por falta de uma palavra melhor. Isso fazia sentido. no lugar designado e na hora marcada. E eu não gostava de divagar. o começo de um sorriso. eu tenho certeza de que seria impossível na frente de Charlie. Tenho certeza que ele gosta de ser um daqueles pais presentes. um acordo de negócios e eu suponho que faz sentido você ter a sua opinião no acordo. Eu sorri educadamente para ele quando ele veio a parar na minha frente. E havia algo mais em sua voz. Ele estava rindo de mim. Nós tínhamos que decidir sobre um lugar. lembra?" Ele parecia tão condescendente. mas eu não gostei. "Não. mas não tão presente." Ele me interrompeu. Eu não conseguia descobrir o que era. "Eu tinha uma condição. Mas minha divagação não iria parar." Mais olhares e." Eu fiquei boquiaberta para ele." Meu tom deixou claro que não haveria argumentação sobre este assunto. "Eu quero que a gente saia para um encontro. Ele me deu aquele sorriso irritante novamente. Ele estava definitivamente sorrindo de forma zombeteira agora.

Eu tinha apenas um segundo para tomar uma decisão. e que precisava falar sobre isso e olhar sobre a minha agenda e comparar e contrastar o que poderia e o que não poderia ser descartado. "Espere!" Felizmente. Eu só quero fazer essa pequena coisa no domingo. Quinta feira às sete ou cancelamos a coisa toda. não. Eu não gostava de mudar a minha programação. Ele se virou para mim e ergueu as sobrancelhas. por isso. "Eu mantenho o que eu disse. Ele estava fazendo isso para zombar da minha agenda. na noite de quinta-feira às sete." Olhei para o calendário de Bob. e você está tentando fazer disso um grande negócio" "Você está sendo um pouco hipócrita não é? Você pode exigir uma hora e o lugar. não havia nada de muito importante. Por que ele não aceitava que eu tinha planos. ou a coisa toda está cancelada e você pode ir pedir para a próxima pessoa na sua lista". mas era o princípio da coisa. . Nós vamos sair. "Bem. eu não poderia passar por mais um dia como hoje. deixando claro que eu teria que andar com ele. nós não conversamos sobre a data e a hora que você decidiu. Claro." Edward chamou a última parte sobre seu ombro enquanto ele começou a se afastar. "Por que não podemos falar sobre isso? Eu tenho certeza que deve haver uma hora que funcione para nós dois. Ele não tinha uma programação para furar. Eu não poderia pedir a qualquer outra pessoa para fazer sexo comigo. Poucos planos e imaginação livre. Vejo você por aí. "É por isso que eu fico fora dos relacionamentos!" Eu rosnei para o seu rosto sorridente. Tanto quanto eu odiava mudar meus planos. "Eles interferem. Não conversaremos."Sério? A coisa toda está cancelada então. isso é quase o ponto. e eu me enfureci. eu . E eu sabia que Edward era como o resto da população adolescente. mas eu não posso?" Ele ainda estava sorrindo.Sim. "O que você tem na quinta-feira que é tão importante?" "Eu tenho dever de casa e treino de violino e-" "Você toca violino?" "Olha. ele parou. Bella." Eu falei um pouco em pânico e puxei algumas respirações profundas quando eu puxei Bob fora da minha bolsa. Zombar da minha agenda era zombar de mim." Ele estava me deixando tão frustrada.

Suspirei e olhei ao redor do estacionamento. Alice estava no carro de Edward olhando
em nossa direção. Assim como muitos outros estudantes.

E esse era o ponto crucial do problema. Eu não queria pedir a ninguém mais. Eu não
queria que mais ninguém soubesse de tudo.

"Tudo bem. Quinta feira. Sete horas." Eu fiz os ajustes no Bob enquanto eu falava.

"Maravilhoso". Um sorriso brilhante se espalhou pelo rosto de Edward, e ele já não
parecia muito zombeteiro.

"Vejo você amanhã, Bella."

E então ele se foi. Eu tive a certeza de não vê-lo ir embora.

Caminhei lentamente de volta para minha caminhonete pensando sobre meus planos
para essa noite. Planos normais de cozinhar o jantar, fazer lição de casa, e navegar um
pouco na internet. Eu tinha feito esses planos antes de criar todo o plano de domingo. Os
planos desta semana estavam todos envolvidos no objetivo do final da semana. Eu
precisava de planejar o sexo. E como eu tinha sido forçada a mudar os planos de uma
noite em nome do objetivo final, fazia sentido mudar mais coisas.

Em menos de um minuto Bob estava em segurança de volta na minha bolsa e eu estava
na estrada para Port Angeles para a livraria.

Eu só estava esperando que eles tivessem o livro que eu queria.

Liguei meu flash-drive no som da caminhonete e ele automaticamente pegou onde ele
havia parado no Mendelssohn Concerto de Violino em Mi menor. Aumentei o volume e
deixei a música me levar por todo o caminho até Port Angeles.

Levou-me um pouco mais de uma hora para chegar à livraria, 20 minutos antes de ela ser
fechada.

Enquanto eu caminhava até a entrada principal, decidi que não havia nada,
absolutamente nada, para me envergonhar. Eu iria até lá, pegaria um livro sobre sexo,
pagaria, e depois sairia.

Sem fazer contato visual com ninguém.

Nunca mais na minha vida inteira.

Os livros sobre sexo foram surpreendentemente fáceis de encontrar. Ela era uma pequena
livraria que vendia velas e pedras e um monte de livros sobre espiritualidade e
"encontrando a si mesmo." Eu estava com medo de que toda a viagem fosse um
desperdício de gasolina e tempo. Mas, aparentemente, essas pessoas pensavam que você
precisava de sexo, muito sexo, para encontrar verdadeiramente a si mesmo.

Não eram só livros fáceis de encontrar, mas havia um monte deles. Depois de retirar e
examinar as capas dos cinco primeiros livros, toda a seção começou a se desfazer.
Comecei a retirar livros de forma aleatória, e não me lembrando do que eu já tinha
olhado e rejeitado. E tinha certeza de que o homem no canto estava olhando para mim
com pensamentos lascivos. Eu pude ver isso em seus olhos.

Rasgando meus olhos para longe dele, eu percebi que eu estava segurando um livro
chamado Lubrificando: O guia de uma mulher para uma grande satisfação no sexo, nos últimos
cinco minutos. Eu empurrei-o de volta na prateleira, nem mesmo procurando um buraco
nos livros bem organizados.

Dando um passo para trás meu olho foi capturada por uma mistura de cores na terceira
fileira. Parecia familiar e seguro. E eu sabia exatamente o que esperar dele.

Eu agarrei a última cópia e fugi até o caixa, olhando para qualquer lugar, menos em outro
ser humano.

Eu mexi através da minha bolsa mais do que o necessário para encontrar minha carteira e
mantive meus olhos para baixo enquanto a pequena mulher atrás da mesa registrava a
venda. Eu nunca ia ser capaz de voltar aqui.

Voltando a caminhonete, dei uma olhada superficial no sumário do conteúdo e encontrei
alguns capítulos que eram exatamente o que eu estava procurando.

Sexo para Idiotas definitivamente seria o melhor livro que li este ano.

Todos nós podemos apenas concordar que não importa quantos capítulos eu poste, eu
nunca fui dona de Twilight? Ok, obrigado.

Dia 3: Em que Edward Bebe Suco de Laranja

A hora do almoço foi se tornando rapidamente o marco do meu dia. Antes disso, não
havia Edward. Depois, havia uma abundância de Edward.

"Oi, Alice".

Alice estava sentada sozinha na mesma mesa de ontem, após puxar vegetal a vegetal de sua
bolsa e organizá-los sobre o prato fundo e vermelho na frente dela.

"Ei, Bella". Ela me lançou um olhar curioso quando me sentei ao lado dela. "Você está
procurando por Edward de novo?"

"O quê?" Ela tinha notado algo? "Por que você está perguntando isso?"

"Bem, você não teve a chance de falar com ele ontem, não é?" Ela não parecia estar
implicando ou qualquer coisa.

"Certo. Sim. Estou esperando para ter uma palavra com Edward. Você sabe onde ele
está?"

"Na fila". Alice fez vagamente um gesto em direção à fila de pessoas pagando por
alimentos e, em seguida, voltou a organizar os seus legumes.

"Por que você faz isso? Organizar sua comida de forma bonita antes de comer?"

Os ombros de Alice se curvaram e ela visivelmente se irritou.

"Primeiro de tudo, ela não é bonita. Arte real nunca é bonita. E em segundo lugar, eu gosto
das cores e eu quero fazer cada parte do meu dia de forma inspiradora." Ela virou seu
olhar intenso sobre mim e eu vacilei para longe. "A questão real é: por que você não se
importa com o que a sua comida parece?"

"Porque tudo acaba no mesmo lugar, de qualquer maneira. Ela pode facilmente servir o
seu propósito quando se olha. Eu não vou perder meu tempo com isso." Eu não estava
recuando.

"Típico," Ela disse em exasperação, então sorriu para mim e seus olhos assumiram o
brilho travesso que lembrei-me de ontem.

"É uma pena que não tenhamos todas as aulas juntas este ano. Falar com você é tão
divertido." Alice voltou para sua comida e começou a devorar os seus legumes, sua ira de
um momento atrás, parecendo ter desaparecido.

"Hey meninas." Meus olhos se arregalaram de terror na voz suave de Edward. Como ele
tinha chegado por aqui tão rápido? Por que eu fui vê-lo? Eu ainda precisava preparar o
que eu ia dizer.

Cada vislumbre que eu tinha tido dele hoje fazia uma seção do livro piscar em minha
mente com uma luz de advertência. Perigo! Perigo!

Exceto que ele disse: "... um em cada quatro americanos entre as idades de 15 e 55 irão
pegar pelo menos uma doença sexualmente transmissível (DST)."

Eu quase soltei isso nele quando ele se sentou em frente a Alice e eu.

"Oi". Murmurei quando Alice fez um barulho de reconhecimento em torno do alimento
em sua boca.

Edward me encarou por um momento quando ele torceu a tampa de uma garrafa de suco
de laranja Tropicana. "O que a traz ao refeitório pelo terceiro dia consecutivo? Os livros
devem estar sentindo sua falta".

Ele levantou a garrafa à boca e o mundo se moveu em câmera lenta. Eu podia ver a
condensação no frasco escorrer em seus dedos. Um filete de suco escorria pelo canto da
sua boca. E, em seguida, seu pomo de Adão balançou quando ele engoliu em seco.

Ela não parecia estar prestando muita atenção. Como tal. Olhei para a mesa e ajeitei minhas costas. eu-" Minhas palavras ficaram presas na minha garganta enquanto eu descaradamente olhava para ele. "Alice?" A voz de Edward quebrou o silêncio." Eu retirei Bob enquanto eu falava e deitei-o sobre a mesa entre nós. é?" Ele disse com presunção escorrendo de sua voz. "Eu percebi-" Eu gaguejei para dizer isso. Há certas coisas que um devemos ser responsáveis sobre estas questões. "Mudou a minha semana inteira. eu preciso que você me encontre-".. ainda em câmera lenta. um reescalonamento teria que ser feito. Olhei para Bob e digitei novamente algo na sexta-feira. De certa forma. Ele estava suprimindo um sorriso? Eu não poderia dizer." "Ah." Edward olhou para sua irmã enquanto ele falava assim. Sua aceitação ao meu pedido." Eu disse em uma voz calma. eu desisto. Eu percebi algo depois que nos separamos." Ele jogou as chaves para ela." Eu poupei um olhar para Alice que agora estava olhando para o outro lado do refeitório. "Aqui. Alice ainda estava olhando para o espaço. "Eu apreciaria se você pudesse me encontrar na minha caminhonete depois da escola. "Eu não quero voltar atrás. é claro. Você pode dirigir até em casa. Eu segui o olhar dela e mais uma vez a encontrei olhando para Jasper e Emmett. "Ah." ." Edward me encarou por um momento. "Estou indo para algum lugar com Bella depois da escola. Então. Ele baixou a garrafa. como eu. "Eu percebi que você estava certo. Edward sorriu para mim novamente.."Uh. Olhei para Bob. Olhei para Bob e tentei ignorar a forma como os lábios de Edward se moviam quando ele continuou engolindo o suco de laranja." "Se você desistir. e sorriu para mim. "Eu estava pensando sobre o que você disse ontem no estacionamento. Edward ergueu as sobrancelhas para mim. é? Que tipo de percepção?" Ele tomou outro gole do suco. "E eu queria falar com você sobre isso. "Sim. "Alice!" "O quê?" Alice girou para olhar para Edward em desgosto.

." Alice disse. exasperada. Edward trouxe a garrafa de suco à boca mais uma vez." Eu balancei a cabeça para ele e apertei o botão de desbloquear em minhas chaves. "Tudo bem. assistimos a um filme em biologia. em seguida. e bebeu. Fazia todo o sentido fazer isso. saiu da lanchonete com uma força ímpar em seus passos. em seguida. ele já estava encostado na minha caminhonete. Olhei de volta para Edward. Rosalie tinha acabado de encontrar os meninos da outra mesa. um sanduíche de aspecto normal. como se ela não tivesse certeza de onde o chão estava. e embora sua mão estivesse acariciando o braço de Jasper. jovem e atraente com quem eu iria fazer sexo? Falar não era necessário no sexo. por isso eu fui capaz de ignorar completamente Edward e tomar notas por toda a aula. Marquei uma consulta para nós. mas você não tem permissão para ficar bravo se eu falhar e destruir o seu precioso carro. então eu empurrei a preocupação para o fundo da minha mente. Isso era estranho? Eu deveria ser capaz de falar com o homem. Ela voltou e apanhou-as sem olhar para qualquer um de nós. levantou-se da nossa mesa e foi embora. Quando eu sai da escola após a aula de música. Felizmente. "O quê?" Ela olhou para trás. enquanto olhava de volta para a mesa que era tão interessante para ela e fez uma careta. "Obrigado por estar aqui na hora certa. Alice deu uma última olhada para a outra mesa e. e eu não conseguia pensar em uma única coisa a dizer. inclinou a cabeça para trás. "Alice?" Edward a parou com diversão em sua voz. Ele tinha começado a comer o seu almoço. "De nada. "Eu tenho que ir. Elas podiam até fazer sentido. "As chaves. minha última aula. Para onde vamos?" Eu andei à minha porta e gesticulei para ele entrar. "Port Angeles.Corei quando ela nos deu dois olhares significativos." Ele olhou para baixo incisivamente na mesa. ela estava olhando para Emmett." Olhei para ele quando ele entrou. Eu não sei porque eu estava relutante em dizer a ele para onde estávamos indo." Eu podia ouvi-lo rir quando eu corri em direção à biblioteca. Você sabe que eu não gosto de dirigir.

"Porque um piano de boa qualidade não caberia lá em casa. Eu não acho que vai demorar muito. Aproveito a aula de música na escola. "Mas eu acho que tem que haver mais para você do que isso." Edward pegou a sua bolsa e tirou uma garrafa de suco de laranja. eu não toco enquanto caminho pelos corredores da escola. Por que todas essas perguntas?" Um sorriso perverso se espalhou por seu rosto. "Bem." Edward disse quando ele afivelou o cinto de segurança e descansou sua mochila a seus pés. "Sim. Ele estava claramente zombando de mim. eu não estou. ele soava como se ele estivesse em uma missão. quando ele perguntou isso. Eu sei como ajustar minha agenda em conformidade. "Então". Edward falou após 20 minutos de silêncio. você não está nela"." . Ele poderia ser tão curioso sobre mim o quanto eu era sobre ele? "Não. mas eu tenho aulas particulares de violino em Port Angeles." Sua mandíbula se afrouxou e sua boca estava aberta quando ele se abriu para mim. "Eu não tenho certeza. Ele não parecia apenas curioso mais. Fiquei surpresa por ele ter notado isso. Eu sei que eu posso nem sempre planejar o início exato e o final de cada encontro." "Eu fui para a apresentação da orquestra da escola." "Exatamente." Sorri intensamente com isso. "Eu só estou tentando entender você." "Eu nunca vi você tocar"."Em quanto tempo vamos voltar? Eu tenho dever de casa e tenho certeza que você tem também. a cerca de sete anos. Todos nos conhecemos há 10 anos. e o que todos dizem sobre você é que você é a única com o plano. "Oh. cale a boca." "Por que violino?" Eu olhei para ele novamente. eu trouxe meus olhos de volta para a estrada. Novamente. Encontrando apenas a curiosidade. "Você toca o violino?" Eu por acaso dei um olhar para ele para ver a expressão no seu rosto. Apertei mais no volante e olhei para a frente." "Você me conhece há dez anos. Essa ia ser uma longa viagem.

desesperada para fazer essa viagem acabar." "Bem. surpreso com o pânico em sua voz. "Que língua é essa?" Eu debati sobre responder-lhe. às vezes. eu marquei uma consulta para nós. tirei o flash-drive e o liguei no rádio. "Escolha interessante de música. congelados. "Eu te disse." Ele olhou para mim como se eu fosse louca. Uma boa caminhonete fez mais sentido. "Podemos apenas ficar em silêncio durante o resto do passeio?" "O que estamos fazendo aqui?" Olhei para Edward. Eu apertei meus dedos no volante e empurrei sobre o pedal do acelerador." Edward estava curvado para a frente em sua cadeira. "é fazer o teste. por que você não toca seu violino na escola? Por que você toca em primeiro lugar? E aulas particulares em Port Angeles? Isso deve ser caro. Eu dirijo muito em piso molhado. ele se recostou na cadeira e pareceu desistir do interrogatório. como se eu fosse uma espécime que ele estava estudando sob um microscópio. O ponto de toda a música tinha sido de me desviar de seu questionamento. Meus dedos apertaram o volante enquanto eu me lembrava do que eu tinha escutado. peguei meu livro Sexo para Idiotas e empurrei-o em seu rosto. "Primeiro. Cheguei no compartimento ao lado da minha cadeira." Apontei para mim mesma. olhando-me atentamente. mas não há realmente nenhum ponto. estradas. E em segundo lugar. como você a paga? Por que você a comprou? Você não parece o tipo de pessoa que usa caminhonete para mim. "Bella" "Eu irei me voluntariar para o teste. E a caminhonete em si. é rude sentar-se em silêncio com uma pessoa por uma longa hora."O que você quer dizer?" "Bem. Apesar de suas palavras. A gasolina para essa caminhonete deve ser astronômica. lembra?" . E se nós formos fazer sexo a coisa responsável a se fazer-"." A voz de Edward me encheu de urgência. eu concordei em fazer sexo com você e não-" "Exatamente." Ele lentamente virou a cabeça fora da janela até que ele estava olhando diretamente para mim." Ele sorriu para mim enquanto falava. "Virgem. a caminhonete é prática. é rude perguntar às pessoas sobre o dinheiro. "Bella.

. Edward e eu olhamos para ela. "Ummm. tanto para a frente ou para trás. você está sendo imaturo sobre isso. "Bella. mas algo estava me impedindo. Eu marquei uma consulta." Ele parecia desesperado para me agarrar. Eu fui incapaz de me mover. eu realmente não acho que devemos entrar aí.Eu abri minha porta. O braço de Edward serpenteou em volta da minha cintura para me firmar. A maçaneta da porta ainda estava em minha mão e meu pé esquerdo ainda estava na calçada. eu realmente gostaria que pudéssemos ir embora. "E Edward! Que surpresa agradável!" Virei a cabeça para olhar para Edward. que ainda estava na minha cintura. eu realmente não acho-" "Você deve ser Bella." Cheguei à porta da frente e puxei-a aberta. balancei as minhas pernas para fora do carro. A mulher que tinha me cumprimentado parecia uma aspirante a freira." Gesticulando com as minhas mãos. "Sim. "Olá e bem vinda ao Clallam Planejamento Familiar Municipal. "Então. Seus olhos brilhantes passaram sobre nós dois. "Você a conhece?" Perguntei quando eu senti seu braço apertar convulsivamente. Agora". não significa que não vamos ser responsáveis sobre isso. espere!" Eu ouvi sua porta bater fechada e pressionei a tecla de bloqueio no meu controle. e comecei a ir em direção a porta de entrada da clínica. "Olá. "Bella." "Bella. "Olha. persistindo no braço de Edward." Eu tentei marchar para as cadeiras na sala de espera. Não é como se eles fossem cortar nada fora. Havia duas fileiras de cadeiras cor de pêssego descansando sobre um tapete cinza e cercado por paredes da cor limão. eu olhei para seu braço intencionalmente." A voz doce de trás do balcão me obrigou a uma parada. só porque a recepcionista é uma vizinha intrometida ou o que for." "Edward. Eu só quero ter certeza de que isso vai ser saudável. Seus olhos estavam arregalados e eu entrei em pânico. Maravilhoso!" O sorriso da recepcionista ficou ainda maior." Edward esbarrou em mim por trás e eu tropecei em direção a mulher que eu assumi ser a recepcionista. "Eu não vejo qual é o grande problema Edward. para nós dois.

parecia tão feliz e verdadeiro que eu não poderia me imaginar correndo para longe dele.. a coisa responsável a fazer em uma situação como a nossa." Edward se sentou ao meu lado. olhando para mim.. mas então me virei.Edward me soltou e olhou para trás em direção às portas. Ele empalideceu e gelou... você não deve mesmo estar pensando que-" Mas ele foi cortado por um suave. Olhei no jaleco branco do recém-chegado. A cor era feia e em sua maioria era coberta por cartazes que tinham fotos de fetos-bebês com slogans como: "Eu sou a favor da escolha. quando uma mão bateu em seu ombro." Eu corei e passei por um milhão de maneiras diferentes de concluir essa sentença. Edward. antes de nós. Ele parecia muito familiar. mas eu quero saber se você está em perfeita saúde antes de você. "Bem." Ele se inclinou e cochichou no meu rosto.quero dizer. "Por que não chamá-lo de bebê-ectomia?" "Bella. onde tínhamos entrado e eu olhei para as paredes enquanto eu caminhava em direção as cadeiras." Edward olhou para baixo. O olhar em pânico em seu rosto quase me convenceu a fazer o que ele disse. você sabe." O Doutor olhou para mim. cada uma mais embaraçosa do que a última. Não foi até que eu dei uma boa olhada no rosto do médico que eu comecei a ter dúvidas.. Escolha a Abstinência ou Escolha a Vida!" Ou. O homem caminhando em direção a nós. Eu segui seu olhar e percebi que ele estava segurando o braço da poltrona apertada o suficiente para fazer os nós dos seus dedos ficarem brancos. o homem que havia falado. "O quê?" "Só saia".. "Então. o mais importante. o que você está fazendo aqui? Você precisa de algo?" "Bella. cabelos loiros e roupas impecáveis. "Bella. Era a coisa inteligente. "Edward. este lugar pode ser um pouco estranho. bem. mas eu precisava dos serviços que eles poderiam fornecer. eu não quero ficar aqui. "E quem é essa?" . se eu ia ou não segui-lo. "Edward. como se eu tivesse passado horas estudando um similar. Tudo parecia normal e perfeito até para as minhas expectativas para um médico. se levante e saia. Eu olhei em volta. o que você está fazendo aqui. A clínica podia ter uma aura inquietante. Edward se levantou e parecia que ia correr para a porta.

Eu tinha especificado. Eu tive uma sensação correndo por todo meu corpo inteiro e uma onda de náusea tinha me superado. "Sim?" O Doutor Cullen olhou para trás e para frente entre nós dois. presumivelmente o de Edward. Parecia que ele estava reprimindo um sorriso. Edward parou quando chegamos no estacionamento e se virou para olhar para mim. ainda segurando meu braço. eu estou. "Bella."Pai.. Minhas habilidades de andar foram arruinadas e eu confiei totalmente em Edward para dirigir-me para fora de lá. Eu vi Edward tomar uma respiração profunda e visivelmente se acalmar." Um braço. "Nós estávamos saindo. Bella. incisivamente. Eu estava feliz porque estava sentada. Edward e seu pai olharam um para o outro. uma mão desceu sobre meu ombro e me parou. "Edward?" Nós dois congelamos e nos viramos para o médico em câmera lenta. enquanto minha mente estava correndo a mil por hora. tentei roubar uma barra de chocolate da loja da esquina. segurou meu cotovelo e me forçou a sair da minha cadeira. uh. Como uma criança pega roubando doces. assim que eu estava pisando no limiar. O computador diria para quem era a consulta. Edward deu um aceno de cabeça. Tudo o que o Doutor Cullen teria que fazer era olhar e ele saberia que eu queria ter relações sexuais com seu filho.. "Eu vou falar com você em casa. antes de eu ter o meu plano e entender o que poderia perturbá-lo. Eu olhei de volta ao Dr. Senti-me exatamente da mesma maneira enquanto eu olhava para o Doutor loiro. por que você me trouxe aqui?" "Eu não sabia que seu pai trabalhava aqui. Eu sabia que tinha sido capturada." Edward voltou a arrastar-me para fora do lugar. uh." Ele ergueu as sobrancelhas para nós. Parecia muito fácil colocá-la no bolso e caminhar em direção à saída sem olhar para a pessoa atrás do balcão. Cullen e tropecei nos meus próprios pés enquanto caminhávamos. Mas.. Como eu poderia saber? Por que você não disse nada? Esta foi a experiência mais humilhante da minha vida!" . nós estávamos apenas-" Uma vez quando eu tinha seis anos. "Vamos.. Congelada e com náuseas. Bem.

. O beep de desativar o alarme do carro chegou aos meus ouvidos antes que eu percebesse que tinha puxado as minhas chaves. o meu livro-" eu peguei minha mochila e tirei Sexo para Idiotas e acenei-o ao redor. Não foi até que eu estava deitada na cama só mais tarde naquela noite que me ocorreu que Edward devia confiar em mim também." Ele estava quase gritando comigo. Eu vou. Sem doenças de qualquer tipo. Eu vivo com o homem que você queria que fizesse em mim o teste de doenças sexualmente transmissíveis. "Então vamos sair daqui. "diz que se deve sempre se certificar de que ambos os parceiros estão." E então ele tomou um gole de seu suco de laranja e eu nos levei para casa. Eu não confiava no meu pai lavando os pratos depois do jantar. você sabe.." Olhei para ele."Da sua vida? Eu vou ter que falar com ele quando ele chegar em casa. Edward brincou com sua bolsa por um minuto enquanto eu me sentei no meu banco e olhei para ele. confiar em você. eu vou te dizer que estou perfeitamente saudável. Ele balançou a cabeça e saiu andando em direção a caminhonete." Sua cabeça estava inclinada para baixo para mim e sua mão estava segurando meu queixo de forma que eu tinha que olhar para ele." Ele moveu a mão de onde ele agarrou meu braço até o meu queixo e inclinou minha cabeça para olhar para ele. desafiando-o a discordar de mim. "Eu ouvi você. você teve relações sexuais antes. . "Bella. "Olha. "A primeira coisa que se deve ter entre duas pessoas que vão fazer sexo é a confiança. bem." "Certo". E você vai confiar em mim ou nós não vamos fazer sexo. Dia 4: Em que mais do que um encontro é arruinado.eu disse que eu confio em você. "Tudo bem. "Certo. Eu levantei a minha e tirei a sua mão para longe de mim. Nada parecia ter mudado para ele. "Eu. Edward estava em seu assento e colocando seu cinto antes mesmo de eu chegar a minha porta." Ele olhou para mim quando puxou algo de sua bolsa. Eu nunca tinha visto ele com raiva antes. Então. certo?" Ele fez uma pausa antes de concordar." Ele não pareceu notar ou se importar que eu tinha dito que iria confiar nele. saudáveis. me assusta pensar o que meu pai faz para viver.

Se você não quiser a minha ajuda tudo bem. tentando ser. ele ainda me pegou desprevenida. uh. Olhei para trás ao longo de Edward com a intenção de colher mais informações sobre o encontro. Ele estava quase me ignorando completamente agora. eu não sabia o que íamos falar. quanto tempo íamos ficar lá. "Pensei em irmos ao Li". A última vez que tinha ido ao Li. O pior de tudo. O tempo em que eu passei deitada na cama em pânico na noite passada havia me feito pensar. Agora eu realmente não sabia o que vestir. Eu nunca tinha lhe oferecido a minha ajuda antes. Ele achava que cinco dias era muito tempo para gastar no meu quarto estudando. para onde estamos indo hoje à noite?" "O quê? O que você quer dizer?" Frustração estava clara em sua voz quando ele olhou para mim de sua tarefa de biologia. Não parecia como se ele tivesse sequer começado a tarefa de laboratório que estava prevista para ser entrega em breve. eu tinha usado minhas calças de pijama e uma velha camisa. roupas para ficar em casa. "Quer dizer. Edward tinha olhado de volta para seu trabalho de biologia e respondeu quase como uma reflexão tardia. Não havia um plano. passando a caneta para cima e para baixo ao lado de sua face. "Aquele restaurante chinês?" "Mmhmm". não havia nada lá que se assemelhasse a nada que uma adolescente usaria em um encontro. Por um minuto horrível em torno de uma da manhã eu contemplei fazer o download de uma cópia ilegal de Encontros para Idiotas. Sussurrei a última palavra ao olhar ao redor para certificar-me de que todo mundo estava trabalhando em seu laboratório. apenas.. ou até mesmo roupas de sair. Eu tinha as roupas para a escola. encontro". Eu estava apenas." Ele sorriu para mim e mesmo que eu tivesse visto esse sorriso mais do que o habitual no passar de poucos dias."Então. Eu não tinha roupas para encontros. amigável. você sabe. . Meu armário perfeitamente organizado tornou-se rapidamente uma montanha de rejeição na minha cama. roupas para reuniões potenciais e entrevistas... "Você precisa de ajuda?" Ele olhou. o que eu deveria usar. Tinha sido no meio dos estudos para o vestibular e meu pai tinha me arrastado para fora de casa. você sabe. fui para o meu armário. Eu não sabia para onde estávamos indo. Em vez disso. E.... Sua testa estava enrugada e ele estava distraído. "No nosso. eu terminei com o meu e você parece estar com dificuldades. surpreso com a oferta. Nenhum guia de conversação em encontros. nem saída. como eu temia.

"Claro. tudo o que fiz foi me separar de Edward. Ele moveu seus livros para o meio da mesa e nós aproximamos nossos bancos um do outro. A boa notícia é que eu estava vestida com uma combinação estranha de roupas escolares e roupas profissionais que não chegavam a ser roupas de encontro. Se eu me deixasse entreter com a idéia de que eu tinha feito isso. Ele não mudou. Boooooooob?" Nós nunca havíamos nos separados antes. e descobri que eu não tinha idéia do que eu ia dizer. "O que está acontecendo?" Eu tinha certeza de que ele nunca tinha visto meu quarto até um pouco bagunçado antes." Isso não ajudou com a confusão. "Bob? Oh. Mas quando ele tocou hoje. lembrei-me do meu problema com as roupas. . Em seguida. e eu odiei aquele sino. e agora parecia que meu armário tinha vomitado e depois explodido. eu esperava que ele mudasse seu banco de volta para seu lado da mesa. Nós dois estávamos presos em uma programação. Não me mexi também. mas eu tinha certeza que se qualificavam como roupas de sair. Eu o perdi. O sino e eu sempre fomos amigos. E o pânico me tomou mais uma vez. então eu teria que jogar todas as roupas que estavam sobre a mesa para a cama. Comecei jogando coisas ao redor. eu poderia usar alguma ajuda". a campainha tocou. Meu quarto estava um desastre. eu tinha certeza que o mundo iria acabar. E se ele não estivesse sob isso. certo? A má notícia era que eu não conseguia encontrar o Bob. Depois que eu o ajudei a resolver o problema. e nós estávamos tão perto que seu braço roçava no meu enquanto ele escrevia em seu caderno de anotações. Eu olhei seu trabalho e descobri que ele só estava com dúvidas em uma parte. Um furacão tinha soprado através dele. Calça jeans e uma camisa agradável eram melhores do que uma saia lápis. "Bella?" "O quê?" Eu rosnei para a voz que tinha vindo da porta antes de virar para ver Charlie olhar perplexo. Eu abri minha boca para dizer alguma coisa. "Eu estou procurando o Bob. essa era a única explicação. Assim que eu estava no corredor. Não havia outra escolha senão jogar todas as roupas que estavam em minha cama para o chão. O tempo parecia lento e tudo veio à luz dos holofotes. Não havia nenhuma maneira possível que eu tivesse causado esta destruição.

eu tenho um encontro. "Edward Cullen". Ele acenou para mim como se estivesse em uma profunda reflexão sobre a minha resposta. "O quê?" Ele disse as palavras lentamente. pai. . graças a Deus. "Com quem você vai sair?" Seu tom era completamente neutro e ilegível. Eu odiava ter que voltar para um quarto bagunçado. Quando eu ouvi isso vindo da minha cama. pelo menos não um que tivesse a minha idade. "Por que você não liga para ele do telefone de casa?" Fiz uma pausa antes de deixar um som de frustração sair e pisotear até o telefone na minha mesa. Charlie estava bloqueando meu caminho para fora do quarto. eu mergulhei e apalpei meu caminho para a fonte. E ele deve estar aqui em 20 minutos. para mim mesma que teria que ficar assim até eu voltar. "Oh. Charlie olhou para mim jogando as coisas por um minuto." Olhei para a bagunça por um momento antes de admitir a contragosto. Bob estava na discagem rápida. "Eu tenho um encontro." Eu disse quando eu envolvi meus dedos em torno dele e o trouxe até meu queixo. "Bella." Eu nunca tinha dito essas palavras a ninguém antes e elas pareciam estranhas saindo da minha boca. Ele está aqui". o que está acontecendo?" Charlie parecia assustado."Você perdeu o Bob?" "Não. "Bem. Ele estava sob meus travesseiros. sem saber se ainda estávamos falando a mesma língua." Nós dois ficamos perfeitamente imóveis enquanto ouvíamos o zumbido. eu não o perdi. Não que houvesse qualquer outro Edward na cidade. como se tivesse medo que eu estivesse ferida ou doente. "Em algum lugar". Charlie olhou como se eu tivesse batido nele. eu gesticulei loucamente para a bagunça. sentindo as letras. "Bella" "Shh. A campainha está desligada.

eu gosto de chegar na hora certa. "Bella"." Ele me deixou sair para o corredor e assim que eu entrei no banheiro. Eu tinha enviado o meu pai para conversar com Edward Cullen. "Basta entrar no carro. "Oh. "Não chegue muito tarde. o menino que tinha concordado em fazer sexo comigo no domingo." "Eu pensei que você gostava de chegar mais cedo?" "Não. e manteve a porta da frente aberta. Eu imediatamente coloquei um grampo em meu cabelo e desci correndo as escadas mais rápido do que eu já tinha corrido. e notei o final de um aperto de mão amigável antes de ambos olharem para mim. Eu olhei para ele quando fiz uma parada." Eu rosnei quando passei por ele. "Edward"." Charlie chamou da porta. Ele sorriu para mim. ainda sorrindo." "Bem. Bella. se o nosso encontro começa às sete." "Certo"." Edward olhou para mim. "Boa noite. Charlie riu." Eu rosnei antes de olhar novamente para Charlie que ainda estava olhando para mim como se eu não fosse sua filha. "Você chegou cedo." Ele se virou e desceu as escadas resmungando para si mesmo. . certo. então temos de ir agora para começá-lo a tempo."Eu posso passar por você?" "Hmm?" Ele olhou para mim de sua reflexão. pai. "Ele chegou cedo." "Vamos ao Li. Andei em direção a porta. certo. Eu peguei um vislumbre deles sorrindo um para o outro em entendimento. eu ouvi a campainha tocar. "Você pode ir mantê-lo ocupado por alguns minutos?" "Oh. Quando eu estava brincando com fazer algo com meu cabelo um pensamento horrível me ocorreu. É um caminho de cinco minutos.

pegou a folha de papel e deixou nossas bebidas. Não esperei para ver se ele abriria a minha porta para mim. "O que você quer comer?" "Eu estou bem com qualquer coisa. "Então"." *Dim sum são pequenas porções de delicados pasteizinhos fritos ou cozidos no vapor que surgiram há mais de mil anos na China. duas horas e íamos ter que falar sobre algo. Edward foi o primeiro a falar. Nós estávamos lá antes que eu tivesse que tentar falar com ele. tudo em um movimento fluido. O restaurante era azul. obrigado. eu parei." Confiei em sua palavra e comecei a marcar os que eu queria. . dessa maneira poderíamos pedir mais de uma variedade. ligou o carro e o tirou da garagem. Tapetes azuis. Edward habilmente deslizou em seu assento." Ele olhou-me nos olhos quando disse isso. O garçom se aproximou. "Você vai tomar suco de laranja? Com comida chinesa?" Olhei para ele. Corei e peguei a lista de Dim Sum. então ficamos sozinhos por algum tempo." O garçom se aproximou e tomou o nosso pedido. O caminho era tão curto que o silêncio não teve a chance de ficar desconfortável. ela não chegará." "Eu vou tomar um copo de suco de laranja. cadeiras azuis. incrédula. Eu gosto de suco de laranja com tudo. "Sim. ocorreu-me outra vez que nós iríamos estar sentados em uma mesa juntos por. mas ele apenas ficou lá olhando para mim enquanto eu ficava mais e mais nervosa. o encontro foi idéia dele depois de tudo. Uma vez que tínhamos estacionado. Ele colocou um pedaço de papel e um lápis em cima da mesa e perguntou se nós gostaríamos de beber algo. Eu tinha pensado que Edward iria falar."Não se preocupe." Eu olhei para um Edward ainda sorridente enquanto andávamos por todo o gramado para seu carro. paredes azuis. peça o que quiser. deixando no ar que era para ele falar alguma coisa. pelo menos. As mesas eram provavelmente azuis também. "Só água para mim. eu só entrei." Eu fiquei boquiaberta para Edward em descrença. "Isso parece muito bom. "Eu acho que poderíamos começar com o Dim Sum*. mas você não poderia dizer porque estavam cobertas por camadas de plástico branco finos que davam a ilusão de ser uma toalha de mesa agradável.

" "Exatamente. E então chegamos aqui. "Você me conhece. que ele 'namorou' na quarta série. Eu tinha um plano. enquanto lutava para empurrar para trás as memórias desconfortáveis associadas com minha mãe. Olhei para o pseudo-pano da mesa." Ele inclinou a cabeça como se me dar um olhar diferente fosse revelar mais de mim. "Uh. dois. não há muito mais sobre mim do que isso. eu era o meu plano." "O que você quer dizer? Nós nos conhecemos desde que tínhamos sete anos de idade.. . E então você me pegou. duas razões. "Discordo disso." "Uh oh. eu percebi que eu não te conheço. Olhei para ele fixamente quando um recipiente redondo de bambu com folhas verdes nele foi colocado na minha frente. O garçom começou a colocar nossa comida na mesa naquele ponto e nossa conversa começou a se agitar.Edward olhou para mim. eu estava em casa. Eu não achava que houvesse qualquer coisa a mais sobre mim. Ele tomou um gole de seu suco antes de responder." Ele era o garoto mais confuso que eu já tinha visto." Minha mente tentou conjurar todas as meninas que Edward tinha saído no passado. Por exemplo. seu sorriso agora zombando de mim. "E. Eu acho que há muito mais sobre você. "Uh. onde você estava?" Ele esperava que eu soubesse exatamente o que ele queria dizer. e ele tinha a surpreendido com um beijo quando ela estava saindo. mas só pude lembrar de Tanya. mas eu não te conheço. bem. Acho que você é um pouco misteriosa." Os olhos de Edward se arregalaram. Você disse isso ontem. O que realmente significava que ela tinha exigido que ele lhe desse o dinheiro do seu almoço para comprar leite com chocolate. Eu estava confusa com isso. então. Onde é que você morava? Por que você veio para cá? Onde está sua mãe?" Olhei para ele fixamente por um momento. eu nunca tive relações sexuais com uma menina que eu não estivesse namorando. Passamos pela mesma escola por dez anos. Nem um pouco. "Eu quero dizer antes que você vivesse aqui com seu pai.. vivemos em uma cidade pequena onde todos se conhecem. por que você quis ter este encontro?" Seu sorriso aumentou e ele olhou como se tivesse vencido um concurso. Eu sou a garota com o plano. "Bem.?" Eu não sabia o que dizer. "Sim. Uma.

Eu só. "Bella. "Aqueles não são Rosalie e Emmett?" Edward olhou para onde eu estava apontando. para dizer algo. por favor não saia. Nós não temos de falar sobre isso. sem outra palavra dita. "Sim e não." Ele suspirou de novo ". Eu não esperava que ele perguntasse sobre isso." Ele acenou com a cabeça na direção da entrada. "Bella. Ele obrigou-me a girar e olhar para ele. espere!" Senti a mão de Edward envolver meu braço quando eu estava na metade da entrada.Podemos falar sobre outra coisa. ." Suas palavras soaram como um suspiro longo de sofrimento. mas eu não poderia evitar. Notei um outro casal no restaurante. levantei-me e caminhei em direção a saída. Qualquer coisa". Então. mas nada saiu. são eles. Havia uma funcionária de pé ao lado dela. "Ela vem sendo muito amigável com Jasper sim. mas não vai ser bom quando. mas apenas porque Emmett deu um fora nela há duas semanas. "Sim. merda." Sentamos e ele pegou seu suco. "Isso não é ótimo. Edward olhou para mim com surpresa. Eu tinha exagerado e fui infantil e estúpida." Alice estava perto do posto da recepcionista olhando ao redor da área de jantar com olhos de falcão.Oh. Enquanto caminhávamos de volta para nossa mesa eu olhei para qualquer lugar. "Minha irmã está aqui. "Bem." Olhei para ele em confusão. Eu precisava que ele parasse de falar dela. menos para ele. Rosalie não estava pendurada em Jasper na semana passada?" Edward encolheu os ombros. e isso tinha me pegado desprevenida."Vivemos em uma cidade onde todos sabem tudo sobre todos. Meu cérebro se desligou e minha boca balbuciou inutilmente. quando ela o chamou para sair. Eu relaxei minha postura rígida e acenei para ele. sobre ela." "O quê?" Olhei para ele com preocupação. Eu não sei o que estão fazendo aqui agora. Eu abri minha boca para explicar. tentando descobrir o que ela precisava. ou com você" "Pare". Mas ninguém sabe realmente o que aconteceu com sua mãe. "Isso não vai ser bonito. Alice estava a ignorando.

Os acontecimentos na cantina começaram a fazer muito mais sentido agora. "Olá. ela começou a atacar Jasper na frente dele para fazê-lo ficar com ciúmes. Sua voz baixa geralmente alegre estava ameaçadora." "Oh". "Estamos em um encontro. Ele olhou para mim. E para alguém tão bonita e pequena como ela era. . mantendo meus olhos no drama. "padrão dela. "O que está acontecendo?" Sussurrei para Edward." Isso não fazia sentido. Emmett olhou para ela com surpresa por um momento. Mas Emmett a desarmou completamente quando ele a recusou. Ela marchou direto para a mesa deles. ser ameaçadora era difícil de imaginar." Rosalie a ignorou. acho que você é uma ótima menina. em uma missão. Ela só dorme com eles.Não demorou muito tempo para Alice identificá-los. "Olha. Ela nunca realmente namora ninguém. Ela não percebeu Edward e eu. Emmett falou de novo. mas porque ele não gosta do." Emmett fechou os olhos quando respondeu. uma coisa por Emmett. obviamente. Não porque ele não gostava dela. "Alice tem um pouco de. "O padrão?" Inclinei-me para mais perto de Edward. Alice franziu os lábios e seu rosto ficou branco. Alice. Assim que ela os encontrou o resto do mundo ficou invisível para ela. "Bem. "Oi". "O que você está fazendo aqui com ela?" Alice apontou um dedo acusador para Rosalie. E Emmett tem uma coisa por Rosalie. Só então. Então. Rosalie é daquele tipo que 'fica e joga fora'. mas-" Alice cuspiu. porque ele acha que ela precisava crescer um pouco. Alice.. antes de um olhar de resignação tomar conta do seu rosto." Ele fez uma pausa enquanto ele procurava uma palavra." E então nós ficamos em silêncio quando Alice falou. "Ele deu.. bem. "Eu pensei que você tivesse dito que ele tinha dado um fora na Rosalie?" Nós dois estávamos ainda olhando para o impasse silencioso acontecendo a quatro mesas de distancia enquanto nós cochichávamos com o outro.

" Este pareceu ser um sinal para Edward enquanto ele se levantou e caminhou até eles. eu não estou preocupado com isso. Ela então pegou sua bebida frutada e despejou sobre a cabeça de Alice. quando ela estiver chorando e soluçando como se o mundo tivesse acabado. Rosalie pegou as grandes armas. quando não dá certo." E então muitas coisas aconteceram de uma vez. "Não. por isso." O insulto não pareceu ter o efeito desejado. a bebida está em mim. Não. ela fica muito chateada. Alice estava gritando agora. "Isso é muito divertido. Ela nunca faz nada pela metade. mesquinhas e mudas. Rosalie pareceu levar isso como um desafio. você pode pegar sua opinião e-". bem. "Oh não. idiota. "É muito ruim que você não seja inteligente o suficiente para dizer um verdadeiro insulto. assemelhando-se ao que eu imaginava que um demônio soaria. "Sua baixinha. Percebendo a derrota. "Não é minha culpa se Emmett sabe que você não é boa o suficiente para ele. . "Bem. mas você não terá que lidar com Alice mais tarde." Rosalie fez um barulho estridente incompreensível. mas agora isso estava pingando em sua voz. que abre as pernas para qualquer homem que olha para ela. "Você não está preocupado? Rosalie parece querer tirar o sangue dela." Inclinei-me para mais perto de Edward e virei minha cabeça para sorrir para ele um pouco. Como é que vou tirá-la?" Eu nunca tinha ouvido Alice falar de maneira sarcástica antes." Ele soou como se isso acontecesse muito." "Rosalie? Machucar Alice?" Ele olhou como se eu tivesse dito a ele que Forks era uma grande metrópole." "Eu liguei para você". Alice riu dela e os empregados do restaurante começaram a cercá-la."Você acha que eu sou ótima?" Ela gritou a última palavra. como você parece gostar de louras insípidas." "Ela faz isso muitas vezes?" "Alice se joga nas coisas. "Sua insípida. vadiazinha ciumenta. "O que você acabou de dizer?" Rosalie se levantou e olhou para baixo em uma Alice muito mais baixa. loira. eu não quero estar nesse grupo oh-tão-exclusivo. "É um pouco.

diretamente. esta noite tinha ilustrado como namoro. Peguei minha bolsa e percebi que Edward já tinha jogado algum dinheiro em cima da mesa." Alice olhou para ele. No caso de você não ter notado. Emmett e Rosalie não foram as únicas pessoas que você interrompeu esta noite. Simplesmente. o sexo sem amarras estava parecendo mais e mais como o caminho certo a seguir." "Vá para trás. Edward? Eu estou fazendo o que você me disse para fazer. E não se atreva a derramar qualquer gota da bebida de Rosalie no meu estofado. de frente para o outro. Edward estendeu os braços e os passou apertados em volta dos braços de Alice." Edward pareceu bater em um ponto com isso. "Entre no carro. mas foi abafado pelo grito de guerra que irrompeu da boca de Alice quando ela atirou-se em Rosalie. Edward recuou e desistiu do argumento. algumas manchas de bebida estavam na alça. É ruim o suficiente ter isso tudo melecado em mim!" Alice se aproximou da porta da frente com uma bufada e Edward agarrou a mão dela para impedi-la de abri-la." Ele falou claramente e de alguma forma eu o ouvi por cima do barulho ao redor. As palavras foram cuspidas para fora de sua boca como veneno. Enquanto eu caminhava em direção à saída. "Cala a boca". Os empregados do restaurante cercaram os três e começaram a gritar em chinês. Vamos Bella.Emmett se levantou da cadeira tentando falar. Eles estavam de pé ao lado de seu carro. Eu observei que Edward não lhe disse que estávamos em um encontro. "Porque eu sabia que ele ia estar aqui com ela e eu não podia deixar isso acontecer. "Por que você veio até aqui?" Edward exigiu de Alice. era estranho e confuso. . Eu vou te levar para casa. Ele então a puxou na direção da nossa mesa "Estamos saindo. como se sente. Será que ele não queria que ela soubesse? Será que ele pensava que eu não queria que ela soubesse? Eu queria que ela soubesse? Se qualquer coisa. Alice. olhei por cima do ombro para ver Emmett com seus braços envolvidos em torno de uma Rosalie trêmula. Ele não quer-" "Como você sabe o que Emmett quer ou não quer? Você não tem sequer a coragem de dizer a ele. "O que.

Ao longo dos anos. Desta vez. Dia 5: Em que o sexo invade cada pensamento meu acordada. Eu estava feliz que ele realmente não tivesse respondido. Meu plano era horrível. e depois não fiz nada para mudar isso. eu ajustei meus olhos para que eu pudesse assistir seus lábios enquanto ele falava. "Bella". sobre tudo isso.. Alice estava mal- humorada e silenciosa em minhas costas.Alice sentou no banco de trás quando Edward se aproximou de mim. E o mundo pareceu encolher e tornar-se insignificante. olhando para minha cara. Mas eu nunca conscientemente construí um plano pobre." Olhei para o chão enquanto me afastava de Edward. E eu não sabia como corrigi-lo. Eu não tinha certeza por que eu ao menos fiz a pergunta. Domingo era um negócio fechado. Agora ele me devia o sexo. "Sobre domingo. Eu afivelei o meu cinto de segurança do carona para os cinco minutos de viagem até em casa." Edward estava parado a menos de um pé de mim. Eu não queria ver o olhar em seu rosto. Nós entramos no carro. incomum. "Sinto muito que tudo tenha se tornado tão. para que eu pudesse senti-lo respirar. eu não acho que-" As palavras dele me tiraram do meu torpor. Eu acho que dei um passo à frente. eu tinha. Paramos de falar e de se mover e pensar. olhando um para o outro. aqueles cinco minutos pareceram uma eternidade. mais perto dele. "Como você imaginava que seria?" Ele deu de ombros em resposta. quando ele enfiou as mãos nos bolsos e tilintou suas chaves. Eu tinha ido ao encontro. . Eu não ia deixá-lo voltar atrás com isso. Não era como eu imaginava que essa noite seria.. ajustado o plano aqui e ali. Ficamos ali. O plano começou aos dez anos. Algumas coisas pareciam absolutas quando eu tinha doze anos e depois pareciam ridículas quando eu tinha quinze anos. Eles eram perfeitos. "Nós deveríamos ir. "Desculpe. eu aposto que essa será uma história engraçada em um ano ou algo assim. Embora. E depois paramos. no silêncio total do carro. é claro." Eu balancei a cabeça novamente.

. "Srta. Não havia como eles pudessem se preocupar com um cronograma e a faculdade e a vida. olhando para mim. Eu não ia ver Edward amanhã.. Nunca tinha sido alguém a receber um desses olhares. "Srta. Zegerchuck voltou para a frente da sala e esqueceu todo o incidente. mantendo meus olhos bloqueados no rosto do professor." Ainda doía pensar nas palavras. Precisávamos de um . É claro que nada aconteceu. seria quando? E se ninguém na faculdade fosse tão. O Sr. Agora não era o melhor tempo na minha agenda.. inclinei-me para baixo e peguei Bob. Quando eu estava atrasada para literatura. O Sr. eu comecei a entender o resto do corpo discente.. O Sr. mais tarde. Meu rosto ardia vermelho enquanto todas as conseqüências horríveis eram jogadas na minha cabeça. Lentamente. Mas se não fosse agora. mas eu fiquei pensando sobre o meu plano falho. Zegerchuck estava ao lado de minha mesa." Enfiei Bob na minha bolsa.. na próxima vez que nos encontrássemos seria bem antes da decolagem de nossas roupas. mas era difícil com a minha mente sempre se afastando para as coisas da nudez e tudo mais. Eu deveria ter prestado atenção depois disso.O sexo estava arruinando minha vida. mantenha o seu celular em sua bolsa durante as aulas ou vou ter que segurá- lo pelo resto do dia. Eu poderia ter relações sexuais. porque eu estava pensando em Edward me vendo nua e não notei a campainha. afinal? Eu não gostava de me ver nua. Swan. Se não nos víssemos hoje. eu não estava prestando atenção. Eu fiz o meu melhor para me concentrar. Nunca. fisicamente. "Você sabe a resposta para o que eu lhe perguntei?" "Não. Swan?" "Bob!" O Blackberry tinha ruidosamente caído ao chão quando a voz do professor surpreendeu-me para fora das visões de meu pesadelo. Talvez eu devesse cancelar toda essa coisa do sexo. sem sequer verificar se ele tinha sido ferido.. atraente como Edward? E se eu nunca fosse atraente para outro homem? Quem iria querer me ver nua. Eu nunca tinha sido pega não prestando atenção. O sexo gastava muito tempo e preocupação para qualquer uma dessas coisas serem um ponto no radar. Zegerchuck iria telefonar para Charlie? Ele iria usar isso contra a minha nota? Será que o meu nome seria riscado da lista de aceitação em todas as minhas faculdades favoritas? Eu sabia que o sexo iria bagunçar tudo.

eu achava que ele estava. Se eu estava na escola. "Como isso pode ser diferente do que o que você faz com as meninas?" A voz de Alice interrompeu meu desânimo. nem ninguém do desastre da noite passada. Não tendo qualquer idéia de onde mais Edward iria." "Hipócrita" "Para conseguir a atenção de outra pessoa. Obviamente não tinha feito sexo. Eu preciso de algo. é diferente. a maneira como ele falava com elas. O som estava vindo do corredor sem saída da sala de música. "Confie em mim. Eu estou lhe dizendo qual é o negócio. Eric Yorkie. Como Tyler Crowley. Em seguida. . Pelo menos. não importava o ângulo que eu olhasse para ele. Mas. A maneira como ele olhava para as meninas. Ele obviamente tinha tido relações sexuais. Ele não estava no refeitório na hora do almoço." Sua voz era alta e desesperada. andando pela cidade. era o contrário. Recentemente eu tinha começado o hábito de olhar para cada pessoa que passava. Duas vezes". Parei na esquina para ouvir. eu precisava saber quem estava de que lado na linha da experiência sexual. é claro. "Eu não gosto de ser usado. ou perscrutando por outros carros na estrada." Isso foi Jasper.plano antes disso. poderia funcionar se Edward falasse comigo. você pode fornecê-lo. Eu nunca tinha visto Alice conversar com Jasper. ele estava me evitando. Algumas pessoas eram perplexas. eu não podia ter certeza. A maioria dos casos eram fáceis de dizer. E o meu plano ruim poderia ser corrigido. "Não é. havia pessoas como Jared. Você fica com qualquer coisa. Eu nunca tive alguém me evitando antes. eu vaguei pelos corredores sem rumo. Mas eu o vi de repente virando um corredor para longe de mim esta manhã. tentando decidir qual era o seu status sexual. Alice agarrou sua manga e o puxou de volta. então era possível que ele só estivesse ocupado ou algo assim. Não importava o quanto eu o observasse. Seus ombros caíram um pouco. Você não pode dizer que não é atraído por mim. Ele se virou e começou a caminhar para longe dela. Não me ajudar faz de você um hipócrita. Ele tinha medo até de olhar para as meninas.

eu precisava parar de pensar em sexo. Eles eram vertiginosos. Não havia nada que eu pudesse fazer para corrigi-lo até que eu falasse com Edward. evitando olhar para alguém. Eu quase corri direto para Rosalie e Emmett. Ele estava sorrindo enquanto corria. puxei Bob para olhar sobre o meu plano ruim. Tinha algo de errado comigo? Talvez. . Eles eram só sorrisos e gargalhadas. Eu nunca tinha visto Emmett assim antes. não querendo falar com Alice. Edward fez parecer fácil. esperando pegar Edward antes da aula. depois de eu ter tido relações sexuais eu pensaria menos sobre isso."Estou brincando. claro. As meninas tinham feito a mesma corrida em uma hora ou algo assim antes e eu quase morri com isso." Jasper levantou as mãos entre aspas enquanto ele imitava a voz de Alice. Senti-me suja de alguma forma e saí na ponta dos pés para longe deles rapidamente. mas ela continuou a olhar para ele enquanto se afastava. "Estou cansado de ser usado por causa do Emmett. mas entrei e sentei no meu assento de qualquer jeito. Como não havia nenhum ponto de desperdiçar o tempo apenas sentada ali. Ou Rosalie. o tempo todo querendo saber que tipo de sexo que eles estavam tendo. Era vertiginoso. ele caminhou até a mesa com as bebidas. Eu não brinco de fazer os outros terem ciúmes. Após a corrida. Eu não teria acreditado que isso fosse possível antes daquele momento. Argh. Era assim que era estar em um relacionamento? Como as pessoas poderiam não ser capazes de fazer planos sem falar com a outra pessoa? Todo esse problema valia a pena para vê-lo nu? Edward sempre pareceu tão diferente dos outros meninos. a primeira vez em que eu realmente o vi. Mas eu não uso meninas assim. mas eu sempre lhes digo o placar. Edward era mais alto do que a maioria dos outros meninos e ele cruzou a linha de chegada milhas à frente de qualquer outra pessoa. porque então eu saberia que não era grande coisa. corri na direção oposta. Talvez eu seja um idiota com elas. enquadrando o canto de seus lábios. Eu não poderia colocar o dedo sobre o que era precisamente diferente nele. e engoliu um copo de suco de laranja tão rápido que ele tinha se derramado para fora das bordas. A situação me deixou desconfortável e. A sala de biologia era no outro extremo do corredor e eu olhava para o chão." Jasper se afastou pelo corredor deixando Alice ali. em direção a ala de ciências. Foi durante a corrida de longa distância. Eu não gostei de olhar para eles. Eu queria lamber-lhe mais do que qualquer coisa. Mas me lembrei do dia dos esportes de nossa oitava série. Era cedo. Eu não podia ver seu rosto.

Eu pulei do meu banco e ouvi um barulho no chão enquanto eu olhava de olhos arregalados pra Edward que magicamente apareceu ao meu lado." . Embora seios pequenos possam não ter muito reconhecimento quando cobertos com a roupa. Ele olhou para mim com preocupação quando eu balancei a minha cabeça em torno olhando para todas as pessoas na sala. depois de descobri-los na frente de um homem. eu iria ver tudo dele. no domingo. Tentei sorrir para ele. "Hey". *Ator que fez 'O Virgem de 40 anos'... uh. Lembrei-me de ler em algum lugar que a maioria dos meninos preferiam que as meninas estivesse. Ugh. Ou inspirasse sentimentos de decepção.. Olhei para meu peito. seu corpo torcido e contorcido como o absurdo vomitado de sua boca. lá em baixo. Meus seios estavam na base de pequeno porte. E eram apenas cabelos no peito. Então. "Bem". Mas eu não conseguia tirar aquela imagem na minha cabeça. Eu queria que ele sentisse o mesmo sobre meu corpo. Eu queria que ele quisesse lamber o suco de laranja de cima de mim. A de Steve Carrell*. de acordo com meu livro. gritando de dor.. "Você está bem?" Ele se inclinou e pegou meu banco.. E você?" Minha voz soou um pouco alta e em pânico. E ele ia me ver.E agora. ele provavelmente não está preocupado com o tamanho dele. Mas. Eu não queria que a minha visão o assustasse. "Uhhh. sim. Quando é que o sino tocou? De onde é que todas essas pessoas tinham vindo? Edward ainda estava me encarando. puxando os meus livros fora da minha bolsa. e me sentei. Olhei para o meu livro e me forcei a relaxar. "Como está Alice?" "Ela vai ficar bem em um par de dias. Eu estou bem. Não que eu tivesse cabelo no peito.. eu não estava muito preocupada com eles. depiladas. Como seria a sensação de ter alguém arrancando os cabelos que nunca tinham sentido o toque de outro ser humano antes? Não que os cabelos de meu peito tivessem.

não era minha responsabilidade manter o controle sobre sua irmã para ele. não. e eu soubesse de antemão... Eu tomei providências. "Sim?" Ele ergueu as sobrancelhas para mim. incrédula. Ele havia retirado seus livros e estava estudando. você tem algum problema com minha caminhonete? Eu sei onde há um campo vazio. O sexo não aconteceria enquanto seus pais estivessem no mesmo edifício. entrar no clima. eu tinha digitado algumas idéias alternativas antes de nos fixarmos em sua casa. "Como você não fez objeções quando eu sugeri que fizéssemos. se ele soubesse o quão distante ela estava disposta a ir? Eu devia dizer a ele? Era minha responsabilidade? Lembrei-me de como ele tinha me evitado durante todo o dia e decidi que." Eu balancei a cabeça e sorri para Edward. "Bella. eu pensei que eu devo chegar em sua casa em torno 6:45. em sua casa. evitando o meu olhar. Lidar com pessoas era tão difícil. o evento principal. "Eu nunca disse que estaria sozinho.. A aula começou.. Nunca houve qualquer ambiguidade moral quando se tratava de Bob. nunca concordei em fazer isso na minha casa." Isso era parte de um trecho do que eu tinha ficado balbuciando no momento e não dei a ele uma chance de negar. então. Ele ficaria calmo assim sobre a situação. você se importa se os meus pais estiverem lá?" "Seus pais vão estar lá? Por que você não me disse isso antes?" É por isso que o plano era um desastre. em seguida.." Eu puxei Bob para fora da minha pasta. "Por que você não me contradisse? Se isso ia ser um problema. Mas ele não tinha dito nada.Pensei no que eu ouvi com Jasper e me perguntei o quanto Edward conhecia sua irmã gêmea. Ou. Na verdade..." Ele ainda estava olhando para sua pasta. nossa façanha. uh." Nada iria parar o meu plano.. acalme-se. Eu só não a contradisse. "Bem. Ele estava me evitando enquanto estava sentado ao meu lado. o que nos daria tempo para.. então eu poderia ter tomado outras providências. Sabendo que isto era um plano ruim. "Então. uh. "Edward?" Olhei para ele. Perfeito. e depois de algum momento de conversa sobre o que esperar no exame final fomos instruídos para estudar pelo resto da aula. prosseguir com. Eu acho que nós poderíamos encontrar uma casa vazia em algum lugar da cidade. E." .. "Agora eu não sei se nós vamos ser capazes de conseguir uma reserva em um quarto de motel.

Esta declaração foi tão estranha que eu não sabia o que fazer com ela. Mas ele estava
finalmente olhando para mim.

"Você? ... Fez arranjos?"

Edward sorriu.

"Sim, eu vou buscá-la às 6:30." Ele virou-se para seu livro e começou a ler.

"Não."

"O quê?" Ele olhou para mim.

"Não."

"Você está desistindo?" Edward soou quase triunfante.

"Não." Eu balancei a cabeça enfaticamente.

"Não?"

"Eu não quero que você me pegue. Diga-me onde é, eu te encontro lá." Eu não poderia
me imaginar fazendo sexo com alguém, qualquer pessoa, e depois estar em um carro com
ela. Ou estar em qualquer situação normal com ela depois.

A formatura estava chegando. Eu tinha certeza de que Edward e eu estávamos indo para
dois lugares diferentes na vida. O plano era fazer sexo e depois nunca mais vê-lo
novamente. E para que isso funcionasse, eu teria que dirigir para casa.

E depois pular cada aula de biologia depois disso.

Não era o melhor plano de todos, mas era o jeito que tinha que ser.

"Quero buscá-la. É estúpido ter dois carros para duas pessoas. Especialmente em Forks.
Poderíamos provavelmente ir a pé." Ele estava usando a lógica contra mim. Eu não ia
deixá-lo vencer.

"Isso não é um encontro."

"O quê?"

"Este nosso... compromisso. Eu não espero que você seja um cavalheiro."

Ele olhou para mim fixamente.

"Bella você realmente pensou sobre-" O sino tocou, interrompendo-o. Ele balançou a
cabeça um pouco.

"Eu vou buscá-la às 6:30." E então ele se foi, e meu fichário ainda estava na minha mesa.

Como ele fez isso? Ele foi tão rápido.

O resto da tarde passou normalmente, e não foi até que eu estava saindo para minha
caminhonete que ficou claro para mim que eu ainda não tinha tomado uma decisão
sobre se devia ou não ficar nua para Edward.

Embora, como eu disse, não fosse uma ocasião especial ou nada. Era um acordo de
negócios. Uma troca. Eu cuidaria da minha virgindade e Edward... bem, Edward teria
sexo com uma mulher levemente atraente.

Não era isso que todos os meninos do ensino médio queriam? Sexo com alguém que não
fosse feio?

De qualquer maneira, eu não tinha necessidade de colocar qualquer esforço extra nisso.
Edward iria fazer tudo e nós dois nos beneficiaríamos.

E espero que ele adormeça e para que eu possa me esgueirar e ir para casa. A situação
toda do carro me assustava. O que você diria a alguém que acabou de estar dentro de
você?

Obrigado, venha novamente?

Espera... não... seria apenas melhor evitar o confronto inteiro.

Bem, eu não teria que me preocupar com isso até domingo. Sábado ia ser um dia normal,
o meu último como uma virgem.

Então, todos nós sabemos que não sou dona de Twilight, mas eu deveria também
mencionar que (A) eu não sou dona de Sexo para Idiotas e a Limona (minha beta
extraordinária) insiste que eu mencione que todas as minhas citações de Sexo para
Idiotas são citações reais. Eu não estou criando nada. Ela não me deixaria escrever algo
tão ruim assim.

Dia 6: Em que eu sou uma Deusa do Golf

Eu não tinha definido meu alarme sexta à noite. Eu não poderia dizer o porquê. Eu
sempre ligo o meu despertador. Talvez tenha sido uma experiência para ver o que
aconteceria.

Não mudou muito.

Eu ainda estava acordada às 7:30, mas me senti tranquila em vez de assustada. Não tive
que apalpar ao redor para parar com o barulho irritante. Não tive que gastar dois minutos
e 23 segundos tentando pensar de maneira coerente. Minha mente estava calma e
tranquila e segura.

Hoje era meu último dia inteiro como uma virgem.

Eu tinha apenas um plano. Uma coisa para realizar, em preparação para o amanhã. E era
necessário uma viagem a Port Angeles.

Ou talvez seria melhor Seattle.

Após três minutos deitada na cama, eu não consegui agüentar mais. Desci para o café da
manhã.

Eu estava usando calças rosas desbotadas de pijamas com pingüins sobre elas e um
moletom verde fluorescente que eu acho que costumava ser de minha tia Sue. Que tinha
as palavras "Deusa do Golf" estampada em toda ela em amarelo. Meu cabelo estava uma
bagunça, e eu realmente precisava usar o banheiro. Ninguém nunca me viu assim. Meu
pai quase nunca me via assim. Então, não é nenhuma surpresa que eu tenha congelado e
arregalado os olhos na porta da cozinha quando vi Charlie e Edward bebendo café na
mesa. Ambos conversando como velhos amigos que se encontraram novamente.

"Bom dia". Charlie sorriu para mim como se tudo estivesse normal.

Houve essa fração de segundo, neste momento, onde eu sabia que eu poderia ter fugido.
Eu poderia ter fugido para o andar de cima e trancado minha porta antes de Edward virar
a cabeça em minha direção e me ver. De fato, nessa fração de segundo, eu gritei para os
meus pés obedecerem ao meu pensamento. Mas eu estava presa. E ele me viu.

Ele me olhou de cima para baixo, levantou uma sobrancelha para minha aparência e
abriu a boca para falar.

Eu o interrompi. "Bom dia, Edward. O que você está fazendo aqui?"

O que ele estava fazendo aqui, afinal?

Edward fechou a boca de forma abrupta e me olhou um momento antes de responder.

"Eu queria a sua ajuda com uma coisa hoje, e eu vim mais cedo para pegar você antes que
você começasse seu dia."

Decidi fazer-me uma xícara de café em vez de responder imediatamente. A verdade era
que eu só tinha que fazer uma coisa hoje em Port Angeles. Era o fim do ano, assim nós
tínhamos muito pouco trabalho de casa, e eu não ia tocar violino até depois do jantar. A
casa estava limpa, e eu tinha banido Jake da minha presença neste fim de semana.

Eu poderia fazer algo com Edward. Mas, de alguma forma isso parecia errado. Fizemos
um bom negócio até agora. Ele teve seu encontro, amanhã eu teria meu sexo. Ninguém
devia nada a ninguém. Ajudá-lo com alguma coisa iria mudar isso. Iria mudar a dinâmica.

Sentei-me ao lado de Charlie e tomei um gole no meu café. Charlie estava fazendo o seu
melhor para fingir ler o jornal. Edward estava sentado na minha frente, me encarando.

Edward e eu olhamos para o outro lado da mesa enquanto eu tomava um gole longo do meu café. Eu o ouvi dizer adeus ao meu pai. "O aniversário da Alice é na próxima semana e eu preciso ir a Port Angeles para lhe comprar um presente. Tramando sobre o que. eu não tinha certeza. mas ela roubou o uso do carro hoje." Eu abaixei minha cabeça até a cozinha para me certificar de que Edward estava me seguindo para fora. . agarrei Bob do meu quarto e corri de volta para baixo." Charlie bufou para isso e eu podia ver o porquê. Eu sai da garagem e fui em direção a rodovia. Nós pulamos no carro rapidamente enquanto estava chovendo levemente. Pensar sobre isso significava decidir se esta era uma viagem de negócios ou uma viagem casual. Em vez disso eu me vesti como se eu fosse para a escola. Eu levei 10 minutos no banheiro. ele olhou na direção de Charlie "eu estou ocupado amanhã. ou lhe dar a oportunidade de comentar sobre isso. eu sorri para ele e caminhei lentamente para fora da cozinha. Minha roupa era horrível e eu não ia deixá-lo levar a conversa. Coloquei Bob em seu porta copos habitual e armazenei minha bolsa no banco de trás. Pelo menos ela se misturava com o tipo de público que existia aqui em Forks. "Então. vamos. "Nós somos. Ela tendia a ficar fora em uma multidão. Mas esses dois olhavam como se estivessem dando um ao outro um aperto de mão secreto sempre que eu os via juntos. Abri meu armário e me forcei a não pensar sobre o que eu estava colocando. Edward parecia se contentar em assistir a paisagem. Eu tive visões de pesadelos de meu pai tramando com ele. Eu estava indo para Port Angeles hoje de qualquer maneira. mas há dois anos. Alice decidiu que ela precisava cultivar sua própria identidade separada e anunciou que seu aniversário seria três meses antes do meu. "Tudo bem. Havia algo quase assustador em deixar Charlie e Edward a sós. E". Alice é a gêmea mais velha?" Eu estava determinada a não deixar o silêncio constrangedor acontecer. Assim que eu estava fora de visão. eu corri para o meu quarto. "Você ficaria bem sendo deixado sozinho com o pai por alguns minutos?" "Por quê? Você não quer que todos saibam sobre a Deusa do Golf que você é?" Que bom que tudo correu bem." E agora eu de alguma forma tinha que pedir licença para mudar de roupa e me preparar sem chamar a atenção para o que eu estava usando. Optando por não responder."No que você precisa da minha ajuda?" Cruzei minhas pernas e fiz o meu melhor para olhar séria. Ela queria ser mais de um indivíduo." "Eu pensei que você e Alice fossem gêmeos?" Na verdade eu sabia que eles eram. "Vamos.

Por mais que ela o irritasse. Ela me culpa pela sua baixa estatura. "É um desperdício de gasolina. e sua respiração. "Certo". na verdade. Ter alguém lá." Ele tinha um bom ponto. Ela sempre gosta." Edward encolheu os ombros quando ele respondeu. eu vou deixá-lo na loja de arte e podemos nos encontrar mais tarde?" Edward se afastou da janela e olhou para mim enquanto falava.Edward riu. Eu podia ver Bob em seu porta copos sob o traço e as nuvens rolando pelo céu. Era por isso que ele estava sorrindo? Edward também estava confortável aqui? O caminho pareceu mais curto do que as vezes que eu tinha vindo antes e eu quase fiquei triste ao ver Port Angeles. temos farmácias em Forks. Ela nunca me perdoou por ser mais velho e mais alto. Acho que é uma das razões por que ela mudou seu aniversário para a frente do meu. com ele sorrindo para fora da janela." Eu podia ver o sorriso em seu rosto quando ele falava sobre Alice. Fiquei imaginando como a vida teria sido. Eu andava sem rumo." "Eu sei". "Onde você tem que ir?" Eu lutei para segurar o rubor que ameaçava sair. alegando que eu a obriguei a nascer antes que ela estivesse totalmente desenvolvida. "Provavelmente. Bella. Como teria sido crescer com alguém? "O que você quer comprar para Alice?" Achei que mudar de assunto para as compras era a maneira mais fácil de fazer a estranha sensação desaparecer. "Não. Edward me levou até a loja de arte e caminhamos juntos. ele claramente gostava de suas palhaçadas. Gosto de dirigir". observando as árvores na chuva. "Você sabe. o tamborilar da chuva no teto. passando as mesmas coisas que você. Eu podia ouvir o farfalhar dos limpadores de pára-brisa." "Eu não me importo em vir buscá-lo. "Por que não vamos juntos? Então você não tem que dirigir de volta. "Na drogaria". Sorri quando me senti confortável. Nós dirigimos em silêncio depois disso. O preço de pequenos pedaços . tendo os mesmos pais que você. Ele riu. materiais de arte. Ele imediatamente começou a examinar os pincéis e tubos de tinta. "Então.

E então estávamos indo para a drogaria. "Oh.. um "Select"." Enfiei as mãos nos bolsos e corri meus dedos ao longo dos botões de Bob enquanto Edward fez suas compras. Virei-me para caminhar em direção à saída. "Por que tão grande?" Edward olhou por um momento em confusão antes de eu apontar para o balde. Um "Tingle". ou sempre foi materiais de arte?" "Livros de arte. é tinta branca. dois tubos minúsculos e um balde de tinta. Por que ele estava pensando em que tipo de presente eu gostaria? Eu não queria nenhum presente. com slogans diferentes. SEM RISCOS DE BEBÊS!" Mas nenhum deles disse isso. Eu só não queria engravidar. mas o que eu sabia? Eu não possuía uma farmácia. E como o pai do meu parceiro sexual trabalhava no único local que poderia me examinar por aqui." Ele fez uma pausa." Edward encolheu os ombros. Assim que nós estávamos lá. "Você provavelmente é da mesma maneira. Logo Edward caminhou até o balcão para pagar um pacote de pincéis. em grandes letras em negrito. Em pé na fila atrás de uma senhora de idade que continuava erguendo as sobrancelhas para mim. e diferentes propósitos. Eu encontrei o que eu estava procurando escondido na parte de trás do corredor de papelaria. Não admira que os artistas estivessem morrendo de fome. inclinou a cabeça e olhou para mim por um momento. Ela usa mais branco do que qualquer coisa. Decidi pegar um par de opções. apenas no caso. Havia marcas diferentes. eu não me importava em como me sentiria. "Alice é uma daquelas pessoas que nunca quer nada. um "Ultra Ribbed". "Ei. "ME USE. Eles eram caixas multicoloridas empilhadas em cima umas das outras. Eu não tinha percebido que iriam ter tantas escolhas assim.. Edward se afastou em direção as bebidas geladas. então você só pode dar a ela coisas úteis. eu não queria ter nada inesperado para lidar após o evento. Em vez disso.de madeira com cerdas no final era ridículo. eu peguei uma cesta e comecei a vaguear pelos corredores. Meu plano não permitia um bebê neste momento. o que você está comprando?" . O que me pareceu o lugar mais estranho para colocá-los.. às vezes. diziam coisas como: "Ultra Proteção" e "Máximo Prazer".. parei e agarrei uma caixa de preservativos grande "Magnum". eu não notei quando Edward entrou na fila atrás de mim. Eu não me importava com o prazer." "Você já deu a ela qualquer outra coisa. Com o que devo começar? Eu estava esperando que algum deles pudesse dizer.

o nosso compromisso de amanhã era muito importante para o resto do meu plano para que eu não perguntasse a ele. mas eu queria estar preparada. "Ele é chamado Select. Mas não tinha sequer me ocorrido perguntar-lhe. Eu não tinha pego os preservativos com sabores." Essa não era verdade em tudo. "Eu não tinha certeza de qual deles você preferia. Aparentemente eu tinha escolhido um com sabor. Eu só não perguntei." "Alguma vez lhe ocorreu que eu poderia ter um preservativo?" "Sim. "O quê?" "O que quer dizer. Eu gostei do nome. ocorreu-me. então eu queria fazer isso sem você. ou qual funcionava melhor. Eu não achava que isso significava com sabor." Hmm.Eu pulei alto e me virei para olhar para ele. então eu pensei que era melhor pegar uma variedade. "Com sabor?" Edward tinha desistido de tentar manter-se discreto e estava acenando a caixa ao redor. "Bem. boquiaberta. o que você acha que isso significa?" Ele apontou para a banana na caixa. "Eles não vem com sabor". "Eita." "Por que você não me perguntou? Você não parece ter um problema a ser ousada sobre essas coisas. A velha senhora na minha frente estava olhando para nós. os braços estendidos enquanto ela entregava o dinheiro à caixa. Então ela começou a rir. o quê? Por que diabos você está comprando quatro caixas de preservativos?" Seu corpo congelou depois que ele gritou isso. "Porque você conseguiu o lugar sem a minha ajuda. é claro. A caixa olhou para nós por um breve segundo. e um cartão de aniversário. "Merda." Ele chegou na cesta e tirou uma caixa amarela. porque eu não tinha lhe perguntado? Ele estava certo. Você me assustou. Bella!" Ele estava olhando para a minha cesta." Ele estava segurando uma garrafa de suco de laranja na mão. . mas eu esperava que fosse colocá-lo fora dessa linha de questionamento. Edward. Eu não conseguia pensar em uma razão pela qual eu não teria perguntado a ele sobre os preservativos.

eu estou bem. eu percebi que não tinha idéia de onde Edward morava. "Surpreenda-me. pagou e correu para fora da loja. A balconista estava. Ele parou de rir e virou o rosto para mim. eu comecei a falar apenas para preencher o espaço vazio. Ela olhou como se estivesse com dor." Eu disse para a velha senhora na minha frente que ainda estava olhando. "Por que você não as dá para mim e eu a surpreendo. mantendo uma mão no volante. só fazia sentido usar a melhor." Eu não achava que ele tinha me ouvido falar. ele estava rindo tanto. as palavras foram tão tranquilas e dirigidas ao pára-brisa. "Vire à direita no sinal de pare. e joguei o saco para ele. Ao passarmos pela placa Bem-vindo a Forks. Ela se recompôs. "Essa é só". "A situação mais ridícula. Nós dois estávamos em silêncio enquanto caminhávamos de volta para o carro." Ele tinha lido minha mente? . "Então". observando que esse silêncio era muito mais complicado do que o que tínhamos curtido na vinda."Você está segurando a fila. reprimindo o riso enquanto Edward e eu pagávamos por nossos produtos. Quase." Meus dentes ralaram sobre as palavras. "O quê?" Girei minha cabeça entre ele e o pára-brisa. Edward olhou para mim um momento antes de cair na risada. ele debruçado e parecendo estar tendo dificuldades para respirar." Eu não entendia por que estar preparada sujeitava você a ser provocada. "Você precisa de algo mais enquanto nós estamos aqui?" Perguntei quando eu entrei no carro. obviamente." Eu balancei a cabeça e comecei a ir em direção a estrada. Eu não queria dizer mais nada sobre o assunto. "Certo". Edward olhou para mim um momento e então balançou a cabeça. Isso nunca tinha acontecido antes. O resto da viagem aconteceu em um silêncio quase completo. e ele parecia quase disposto a largá-lo também. "que tipo você prefere usar?" Já que agora tínhamos opções. Cheguei no banco de trás." "Não é. "Não. A cada momento Edward olhava para mim e ria e eu apertava meus dedos em torno do volante. ele parou por um momento para rir mais um pouco e apontou para o ar entre nós.

Quem diria? Eu provavelmente matei qualquer desejo quando eu empurrei quatro caixas de preservativos em sua cara. Mas então como ele iria escondê-los? Meninos não tinham o luxo das bolsas para carregar as coisas. não era? Eu podia ver isso em seus olhos. Eu não tinha mais nada a dizer. como ele sabia onde eu morava? Não era como se ele tivesse estado lá antes. esta manhã." Ele não parecia preocupado com seus pais o vendo no caminho para seu quarto. "Vamos". . "Uh. um escritório. "O quê?" A voz de Alice gritou para fora do que parecia ser o porão. Ela provavelmente tinha três quartos. Se você for incapaz de encontrar o parceiro certo. Seu pai provavelmente estava lá. "Por que você não entra um pouco?" Não era isso que eu estava esperando." Por que ele não abriu a porta? Ele ficou sentado ali. e uns cinco banheiros. E então eu estava de pé ao lado da minha caminhonete. Ele estava me vigiando? Dentro de cinco minutos estávamos em sua casa e Edward estava desafivelando seu cinto de segurança. Eu estava indo pelo caminho errado? De que outra forma eu deveria agir? Edward suspirou e balançou a cabeça. O pai que sabia que eu queria que seu filho contaminasse minha virtude. Ele ia dizer alguma coisa? Ele iria desistir.Agora que eu pensei sobre isso. até mesmo um parceiro maravilhoso. "Alice!" A voz de Edward cresceu ao meu lado." O quê? Eu não queria entrar em sua casa. logo que a porta estava aberta. Ele não queria me ver nua. A porta ao lado me pareceu abrir magicamente e minhas pernas balançaram para fora para o chão sem a minha permissão. "Oh. A voz de Edward acenou-me para a porta da frente e por algum motivo eu escutei. ok. Sua família estava lá. olhando para a casa mais normal que eu já tinha visto. você pode estar apenas indo pelo caminho errado. com certeza. O que era que o livro tinha dito? Todo mundo pode encontrar um parceiro. "Você vai esconder isso?" Eu balancei a cabeça em direção aos preservativos. "Eu só vou jogá-los no meu quarto rapidamente.

Será que eu ficaria com meus sapatos ou os tiraria? Se eu os tirasse onde eu os colocaria? Edward jogou o seu em um armário ao lado da porta da frente. Após tropeçar através da abertura e tocar com vários erros. Tudo limpo. Olhei por cima do meu ombro novamente. eu pude ouvir a música. diferente de Jake. "Eu só vou correr até meu quarto. então eu coloquei o meu perfeitamente fora dele e esperava que estivesse certo. mas Edward se aproximou em dois passos rápidos e colocou as mãos sobre meus ombros. Meus dedos eram ágeis dos anos de violino."Fique onde está. Fazia tanto tempo desde que eu tinha tocado num piano. Eu não tinha tocado nada." Me movi para me levantar do banco." Edward gritou de volta para ela. eu deveria ter pedido permissão. "Fique aí. Eu cantei baixinho as palavras enquanto meus dedos trabalhavam através da música. "É um instrumento tão bonito. Um barulho me assustou. Embora eu não fosse muito de uma pianista. "Sinto muito". Era diferente de tocá-la no violino. Ele gentilmente me empurrou de volta para baixo . eu podia ouvi-la melhor. eu sabia as notas que eu estava procurando." Eu o tinha seguido até um corredor que ligava todas as partes do primeiro andar da casa. Um piano de cauda. Eu podia ouvir alguém se deslocando na cozinha. Edward correu até as escadas ao lado do corredor e deixou-me espreitando em torno do nível principal.. mesmo tendo o pequeno bem no meio da minha sala na escola de música. e o piano retiniu. que fui tomada por dúvidas e preocupações. "Oh! Você está com o meu presente de aniversário." Seu tom era brincalhão. Olhei por cima do meu ombro e fui na ponta dos pés em direção ao lindo instrumento. Fazia tanto tempo desde que eu tinha estado na casa de outra pessoa. Havia um pequeno banheiro e uma sala de jantar perto da cozinha na parte de trás da casa. Eu não queria ter que falar com nenhum de seus pais sem ele. uma mesa bonita e um piano. Havia janelas escancaradas." Ele reiterou. então eu evitei andar pela casa. as teclas expostas me tentavam a tocá-las. Eu parei e olhei para a sala de estar. eu disse automaticamente.. eu me sentei no banco e comecei a tocar. O piano estava aberto. voltando-me para ver Edward atrás de mim. Antes que eu pudesse pensar melhor. um assento na janela parecendo muito confortável. você espera aqui. ou tão provocador como poderia ser quando gritado de um lance de escadas.

O banco era tão grande. De onde ela é?" Eu errei minha parte na música e não consegui pegar o ritmo de volta. em seguida. está tudo bem. Isso não foi planejado. eu nunca ouvi essa música antes. Eu não queria olhar para ele.antes de se sentar ao meu lado." E então sua . Eu só gosto da música. É engraçado. O constante movimento de seus lábios capturaram e seguraram a minha atenção. abriu-a novamente. "Eu não sabia que você cantava. O que ele faria com seus lábios amanhã? O que eu queria que ele fizesse? "O quê?" Eu perguntei. negando qualquer coisa que ele pudesse ver em meu rosto. "Eu não sabia que você tocava. "Me desculpe. "Eu não sou como ela. mas ainda não disse nada. confie em mim". e eu tinha certeza que ele podia ver tudo. "Como você pode sentir falta das coisas que foram ruins para você. fechou-a. não é?" "O quê?" Sua voz era um sussurro. mas meu coração estava batendo as asas na empolgação com a oportunidade de tocar com ele." Eu balancei minha cabeça para trás e para frente. e eu podia sentir seu toque na minha coxa quando ele começou na parte mais difícil de "Heart and Soul". Minha mãe escreveu a canção." Ele sorriu para mim." "Eu realmente não canto. Eu não deveria dizer-lhe sobre ela. Era uma música boba de qualquer maneira. Imaginei-os se movendo sobre mim e tive que me forçar a desviar o olhar." "Bella. "Você não é como qualquer outra pessoa que eu já conheci. "Bem." Edward abriu a boca. curiosa sobre o que ele estava tentando dizer. Meus dedos começaram a tocar a melodia. Engoli em seco na sua proximidade." Eu suspirei e olhei para baixo quando eu coloquei minhas mãos no meu colo e a música desapareceu. e desesperada para puxar minha mente para longe de seus lábios. Você é você. "Eu não quero ser como ela. Eu não estava no controle. ele colocou os dedos no meu queixo e me obrigou a olhar para ele. você não precisa-" "Não. Mas meu rosto virou para cima. Era para ser a sua grande oportunidade." Edward estendeu a mão para fora para meu queixo para virar o meu rosto em sua direção. "Uma das muitas oportunidades que ela tinha planejado." "Eu sou cheio de surpresas. Só essa canção.

Era quase como se ele tivesse planejado isso. então eu não tive que olhar na cara dele. Isso não tinha acontecido há tanto tempo. Assim que tinha sido o suficiente. Ela assombrava meus pesadelos. Aparentemente. Ele moveu o rosto para ainda mais perto do meu. Bella?" Parando. você vai nos apresentar?" Eu tinha ouvido aquela voz antes. "Edward. E ele me segurou." Eu podia ouvir o sorriso na voz dele e me fiz olhar para ele. Eu tinha certeza que ele ia me beijar. Eu tinha esquecido de colocar isso no meu plano. eu tenho que fazer o jantar em 28 minutos. "Eu vou buscá-la às 6:30?" . Não foi planejado. meus braços soltos ao meu lado. Eu estava quase agradeci à voz por tomar a escolha das minhas mãos." Fiquei de pé no banco do piano e caminhei para a porta. Sentei-me ali. "É um prazer conhecê-la adequadamente. "Pai. Não este conforto e beijo. ao lado do belo piano.mão passou de meu queixo para a parte de trás do meu pescoço e sua outra mão veio até o meu ombro. "Bem. eu sussurrei. enquanto eu olhava para qualquer lugar menos para o rosto do Dr. Eu nunca tinha beijado ninguém antes." "Eu me lembro". Cullen." Edward se levantou e apontou para mim. Eu queria que ele me fizesse esquecer. Arrumei minhas costas e fingi prestar atenção em cada detalhe da decoração que estava na sala. Eu não sabia o que eu faria com isso. Mas de repente eu queria mais que tudo. então eu vou para casa. sem saber o que fazer. esta é Bella. ficou claro que a situação o divertia. Edward suspirou e recostou-se. aquele sorriso era de família. Sim. Bella. Apenas sexo. ou o que isso significaria. Não tinha sido acordado. Mas eu também não queria que ele me beijasse. Você meio que já a tinha visto antes. olhei para Edward. papai. Eu sentei lá com firmeza. e depois puxou para trás até que seu rosto e o meu estavam mais perto do que duas faces deveriam estar. apavorada demais para me mover. Cullen. me preparando para passar pelo Dr. Voltando a cabeça para olhar para Edward. E então ele estava me abraçando. claro. "Bella este é o meu pai. Ele estava claramente lembrando da última vez que nos encontramos e pensando que isso tudo era uma piada. "Então. eu vou te ver amanhã. Quase.

Os homens Cullen eram estranhos. Mas Jake me conhecia. Eu disse quando eu saí da caminhonete e a tranquei. assim como eu conhcia.Voltei para o Dr. Nós tínhamos sido amigos desde que eu mudei para cá para morar com meu pai. Cullen. até mesmo normal. Entre. Mesmo que Jake sempre fosse o único que quisesse quebrar o meu plano. Infelizmente. "Obrigado por me deixar tocar o seu piano. e ele sabia que eu estava sempre em casa aos sábados. quando marcar horários vinham antes de fazer as coisas. Eu não poderia explicar a ele sobre o plano de sexo. "Tudo bem. Nós não tínhamos planos. Eu balancei a cabeça e corri para onde eu tinha deixado os meus sapatos. podemos assistir depois do jantar. eu sabia que ele sabia que algo estava diferente. Eu tive que escolher umas coisas." Seus olhos se arregalaram de surpresa. . Eu deveria estar em casa praticando meu violino e fazendo lição de casa. que tinha o prazer de me forçar a fazer algo que não estava no meu plano. E ele não parecia se importar em tudo. Ele estava lá quando eu formei meu plano. Não havia mais nada que eu pudesse dizer." "Oh?" Ele pareceu surpreso. e planejamento as refeições da semana que vem para que eu pudesse ir a mercearia amanhã. Jake estava sentado em frente dos meus passos quando eu estacionei dentro da garagem. Edward caminhou lentamente em direção à porta. "Sim"." E eu corri para fora da porta. porém." Eu olhei para ele um momento e suspirei. e eu não conseguia entender por que ele estaria na minha casa. "Eu trouxe um filme. Ele sabia. "Hey". eu sabia que não podia falar com ele sobre isso. mas ele não disse nada. sem sequer amarrar o meu cadarço. É claro que ele ficou surpreso. "Eu fui para Port Angeles. Tínhamos sido forçados a ficar juntos por nossos pais. Ele ainda estava sorrindo. mas eu não queria lidar com dizer adeus em grande proximidade. Ele conhecia a minha agenda. Felizmente. Ele sabia exatamente do que Edward estava falando. "Hey. Eu não era estúpida. Ele não entenderia. onde você estava hoje?" Para qualquer pessoa esta pergunta seria inocente. a viagem para casa foi curta e sem intercorrências.

se preparar cedo. e limpei a cozinha e a sala de estar. Quanto tempo eu deveria dizer a ele que ficaria fora? E se ele me desse um toque de recolher e não houvesse tempo suficiente? Quanto tempo leva para alguém perder a virgindade? Sentei-me e puxei Bob fora de seu carregador para começar a planejar o meu dia. bem. Eu tinha que me preparar para esta noite. Nós estávamos almoçando juntos hoje. e sexo foram todos listados com os horários exatos. eu vou fazer o jantar mais cedo hoje à noite. Eu me vesti com roupas próprias para tarefas. Eu tinha saído cedo.. e treinar violino. Depois de Jake sair na noite passada eu fiquei em meu quarto por algum tempo. eu dirigi ao supermercado. alguma pesquisa. Agora era a manhã de domingo. Comprei preservativos e toquei um piano. apesar de ter passado anos olhando para ele. violino. fazer o jantar. eu não me importava em assistir a um filme com Jake. Havia tanta coisa para fazer hoje antes. comi meu café da manhã. Eu não tinha colocado o meu alarme. Se eu planejasse tudo certo eu poderia até ter algum tempo para ler. olhando para o teto. Não seria difícil dizer a Charlie que eu tinha que sair." Charlie e eu estávamos sentados na mesa da cozinha. Eu não sentia que queria tocar mais outra música hoje. Era uma parte do plano. Dia 7: Em que as coisas mudam.. Eu tive que fazer uma lista de supermercado sem examinar a cozinha primeiro porque eu tinha que fazer as compras cedo. Bob na mão. e como eu nunca tinha me arrumado para o sexo antes eu não sabia quanto tempo ia levar.Algo estava diferente. Um dia de folga em meu plano e tudo ficava confuso. lição de casa. Assim que dez horas chegou. Sanduíches de atum. antes que as coisas mudassem. lista de compras para as próximas duas semanas dobrada em um quadrado perfeito no meu bolso. Eu tinha que fazer minha lição de casa. . O sábado tinha sido diferente. eu tinha de dizer a Charlie que ia sair hoje à noite. E em algum lugar de tudo isso. o plano me furaria completamente. Mas. O domingo estava indo exatamente como o planejado. Eu tinha planejado tocar violino e fazer listas de compras depois do jantar. passado um tempo com alguém que eu mal conhecia. E o plano era sexo. eu não estava fora da cama ainda e já estava atrasada. "Então. Se eu furasse com o plano. de alguma forma. Mantimentos.

" "Pai. mas ele me interrompeu antes que eu pudesse terminar. Eu tenho todo o meu futuro planejado. Posso pedir uma pizza. Era bom que ele se importasse. algo vai dar errado. "É exatamente por isso que eu me preocupo". "O quê?" "Edward disse ontem que vocês dois tinham planos para hoje à noite. "Um dia. e a última vez que eu o ouvi dizer tantas palavras de uma só vez foi quando eu tinha ganhado uma semana de detenção na sétima série. Quão cedo Edward tinha chegado até aqui? O que ele disse a Charlie? Para o que Charlie pensava estar dando a sua bênção? Isto deve ter sido um dos raros momentos observadores da vida. eu". Charlie suspirou. bem. eu ia dizer a ele que Edward não estaria debaixo da minha pele. Eu tinha gritado com o professor por causa de seu atraso. exterior duro e entendia que você era uma pessoa. mas eu tinha tudo sob controle. "Olha. Bella. você vai se formar em breve e eu. "Nada vai dar errado com meu plano. mas." *É uma maneira de dizer que ele mexe com ela. uh." Incentivar Charlie não era parte do plano. levantando-se da mesa. "mas parece que esse Edward é apenas o que você precisa. eu sei que em casos normais um pai iria querer assustar qualquer garoto com uma espingarda. . Mas ele nunca fez nenhum progresso. menos para mim. você não precisa se preocupar comigo. É por isso que eu tenho um plano. eu estou preocupado com você. Bella." Eu me senti mal que Charlie tivesse desperdiçado tempo se preocupando com minha vida amorosa." Charlie era um homem de poucas palavras. Não se preocupe comigo. "Pai. Edward irá te levar para sair. porque ele percebeu a minha perplexidade e respondeu a algumas perguntas antes que eu pudesse perguntá-las. Dizer que eu estava apavorada era um eufemismo. não é?" Eu quase cuspi o meu sanduíche de atum em Charlie com aquelas palavras." Eu balbuciei um pouco. "Bella. Edward está sob a sua pele*. de todas as coisas. "Eu sempre encorajei Jake porque ele era o único que via a sua idade através do seu. Em dez anos." Charlie não pareceu entender."Você não tem que fazer jantar hoje à noite. ele murmurou em direção ao seu pé antes de olhar novamente para mim. "Eu pensei que você sempre quis que eu tivesse uma coisa com Jake." Charlie suspirou e balançou a cabeça." ele fez uma pausa e olhou em todos os lugares.

Cada tarefa parecia ter levado uma eternidade. Em cinco minutos o alarme sobre Bob tocou e eu guardei o meu livro. Isso é cedo. Mas você deveria raspar as coxas? Eu nunca tinha me incomodado com isso antes. Era hora de me preparar para a noite.. então se virou e correu para fora da cozinha. E sob os braços. mas eu não sabia. Eu estava passando por meus planos para amanhã. esta noite. Bem. certo? Então eu vesti uma camisa de mangas longas simples e um jeans. E uma vez eu estava lá. mas o relógio parecia estar correndo em frente ao tempo determinado para ele me pegar. então ele podia lidar com tirar um sutiã. Eu tinha remarcado meu chuveiro para a manhã. mas não me livrei dos pêlos completamente. eu decidi tirar tudo. "Sim?" "Quando você vai sair?" Ele enfiou sua cabeça pela porta. Era hermético. entrou no quarto. Mas ele vivia sua vida sem um plano e ele apenas não entendia que o meu era seguro. eu não tinha um daqueles sutiãs que tinha o fecho na frente. Eu ainda estava amarga sobre isso. Eu decidi colocar os avisos de Charlie para fora da minha mente. Edward e eu vamos-" Felizmente ele me interrompeu. Isso apresentou mais dilemas porque eu não sabia o quanto eu deveria tirar. "Ah. pois isso não tinha importância para ninguém além de mim." . Ele iria me levar pela vida. "Pai. eu não pude deixar de pensar que eu deveria continuar a depilar.. completamente vestida. Eu amava meu pai.Eu não sei por que eu disse o que eu disse em seguida. No final. ele já havia feito sexo. Eu vesti uma roupa que seria fácil para tirar. eu simplesmente não quero saber. quando Charlie bateu na porta. bem. e sua mãe e eu nos casamos com dezenove e essa certamente não foi a primeira vez que fizemos aquilo. Abaixo do joelho. definitivamente. "Por favor. eu realmente amava. Bella. Eu raspei as coxas. Eu pensei que se eu esperasse até o último momento para me depilar não haveria nenhuma chance de o cabelo crescer. e ao ver-me sentada na cama. Eu queria ir dirigindo. mas eu. Infelizmente. A tarde foi tanto a mais longa quanto a mais curta da minha vida." Charlie olhou para mim com os olhos arregalados e uma expressão inocente. Eu sei que você tem dezoito anos. Todo mundo sabia o que fazer com um jeans. "Edward virá me pegar às seis e meia". Se eu soubesse a opinião de Edward.

"Hey". Eu estava na metade da escada antes de Charlie ter acabado de falar. crianças. Eu não tinha idéia do que. Minha roupa fazia muito sentido. "Você não vai se arrumar?" Charlie perguntou depois de um momento de silêncio. "Edward.Oh". Eu me perguntei que tipo de roupa íntima ele estava vestindo. A calcinha não era exatamente uma tanga de renda vermelha. Nós dois fizemos uma pausa e olhamos para ele." Charlie disse quando viramos para fora da porta. Não era minha culpa que Charlie não pensasse nessas coisas. Charlie fechou a porta para que não precisássemos. ele. Assim que ele saiu. Calças que saiam normalmente e uma camisa que saía sobre a minha cabeça. Me dar conselhos de moda para encontros era um pouco demais para Charlie. Olhei para ele e ele olhou para mim. "Oh". Não olhei para cima da tela de Bob. "Estou pronta". Seis e meia em ponto. "Isso é o que você vai vestir?" "Sim". Ele me olhou incisivamente por um outro momento e foi em direção as escadas.. perfeito. por isso voltei para Bob."Sim". Eu tinha pensado em colocar uma saia. "Oi. você está pronta?" Edward perguntou. Ele parecia estar tentando dizer algo com os olhos. Obrigado por chegar na hora certa." Eu agarrei o meu casaco quando passei pelo armário da frente. Edward estava. "Bem. "Se divirtam. O menino estava aprendendo. eu tinha que lhe dar esse crédito. Ele estava de calça jeans e uma camisa também. e calcei sapatos confortáveis. Ele parecia genuíno e não sabíamos como responder. E ele fez a barba. uma vez que parecia um acesso muito fácil. "Bella!" A voz de Charlie chamou ao subir as escadas antes que eu pudesse sair de meu quarto. . eu olhei para minhas roupas. Eu tinha certeza de que elas eram perfeitas para a situação. Eu ouvi a campainha tocar 15 minutos mais tarde. mas não era uma calcinha da vovó também. mas todas as minhas saias viviam na extremidade de negócios do meu armário e não eram boas para se empurrar até a cintura..

Olhei para Edward. e ele colocou nossas mãos descansando juntas no console entre nós. Na verdade. Bem.. Senti Bob no meu bolso e pensei no plano. Este era um daqueles momentos em que eu faria ou desistia do plano. Senti sua pele junto a minha e percebi que em poucos minutos eu iria sentir muito mais dele. Meu plano era certo. "Hey. Nós não estávamos tendo um caso. "Sim." Tive a certeza de enunciar cada sílaba. sim. para ser muito clara. com um espaço de estacionamento ao lado dele. Como seria quando eu o tocasse? Virei a cabeça e vi quando ele se sentou em seu lugar. Felizmente. você podia estacionar bem na frente do seu quarto. Edward soltou minha mão quando o carro parou e saímos. Uma pousada? Com dois Ns. Ele começou a dirigir e depois de um minuto eu poderia dizer para onde estávamos indo. mas eles vão saber sobre isso em breve. Como seria quando todo esse calor me tocasse? Ele largou a minha mão quando eu estava sentada no carro e eu olhei para ele. Minha mão flexionou em torno da sua e eu me perguntava se toda a sua pele era tão morna. nenhum dos nossos pais estarão lá. fazer algo diferente. . estava dentro da minha faixa de preço e não era tão extravagante como o Motel Forks. para o bem ou para o mal. observando todos os movimentos de cada parte dele. Eu tinha passado por isso antes. Todo mundo pensa que eu só quero sair de casa para fazer algumas pesquisas. Eu estava pronta. Eu olhei para ele." "Não se preocupe. Ele ia deixar-me tocar em qualquer parte dele que eu quisesse. Sua mão estava de repente na minha de novo. Uma fração de segundo em que eu poderia mudar minha mente. estou. Edward fez uma pausa em sua caminhada para o carro. metade da escola trabalha lá. e o nosso quarto ficava no piso térreo. Jessica trabalha lá. E toda a minha vida iria sofrer as conseqüências. Outra razão pela qual faz sentido só entrarmos com meu carro. Eu verifiquei isso na manhã de hoje. Esse é o ponto. certo?" "Eles não vão estar lá. "The Dew Drop Inn?" Este era o seu plano? "Uh." Ele teve a graça de parecer envergonhado." Eu balancei a cabeça e olhei novamente para fora da janela enquanto entrávamos no parque de estacionamento.. Edward pegou minha mão e me levou para o carro. reconhecendo também qual era esse momento.

Nós dois estávamos no plano. chutando-os em direção à porta. Eu quase hiperventilei. Esqueci meus sapatos. E estávamos prestes a entrar no quarto em que eu perderia minha virgindade. flácido. e nós tínhamos que começar. que não tinha se movido. A relação sexual ocorre sempre que um homem coloca seu pênis em uma vagina feminina. "Bella!" Edward parecia estar lutando consigo mesmo para não olhar para as minhas pernas nuas. Eu pisei para trás em direção à cama que eu sabia que estava atrás de mim. No entanto... Ele empurrou a porta com o pé e me levou para dentro. O sexo está previsto para as sete. dando um olhar para Edward." Sempre que eu pensava que Edward estava começando a aderir ao plano. minha metade superior caiu sobre a cama com os meus pés ainda no chão." Olhei para ele por um momento e pensei no meu livro. pronto para agir. Ele veio mais rápido do que eu pensava e em vez de deitar graciosamente. consulte o Capítulo 20) Ainda olhando para ele.Não foi até que estávamos fora da porta e ele tinha clicado na chave em sua mão que duas coisas me ocorreram... Ele tinha aderido ao plano. quando o pênis torna-se ereto e duro. me abaixei e empurrei minha calcinha no chão. este comportamento acelerado não é realmente propício para eu ficar. esta façanha é difícil (embora não impossível) para um homem realizar. . em seguida. uh. "Bem? O que você está esperando?" Edward olhou para mim de queixo caído. Meus olhos foram imediatamente atraídos para a caixa de preservativos ao lado da cama. Eu não sei. me contorci fora do meu jeans. É quase sete horas. "Merda. Vamos.. Edward suspirou. umm. a graça tinha se acabado. Minha respiração nivelou novamente. meus joelhos se espalharam.. Estávamos previstos para 7:00.às vezes muito mais que rapidamente (para saber mais sobre isso. Virei a cabeça para olhar para ele. Assim que a porta se fechou atrás de mim. Minha quase asfixia foi aliviada por Edward pegando minha mão novamente.. Eu não podia ver qualquer preservativo com ele. Aparentemente. trabalhar nisso lentamente?" "Não. ele fazia uma sugestão maluca dessas. você não quer. "Uh. Quando o pênis está em seu estado normal. os homens aprendem muito rapidamente a técnica de inserir o pênis na vagina . Eu claramente teria que ser a adulta aqui. "Bella.. Seus olhos imediatamente mergulharam e não voltaram para cima." Eu deslizei-os fora.

você tem certeza que não quer-" Ele ainda estava tentando ser um cavalheiro. então tudo fosse parar. então eu interrompi seus equívocos. Mas a coisa realmente parecia. "Edward. Quando ele se moveu para a cama. mas não pudesse me mover. Como se ele não estivesse olhando para aquelas partes. bem. Eu me empurrei um pouco sobre as minhas mãos para ter uma visão melhor. Eu nunca tinha notado um cara na sala de aula com esses problemas. então eu sabia o que esperar. Então ele estava me tocando. O relógio está correndo." Ele pareceu tão preocupado por um momento que eu pensei que ele podia não ser um verdadeiro garoto adolescente. Então eu percebi o que eu estava olhando. Como se ele não fosse estar tocando em mim. Eu me movi para a cama um pouco. não havia síndrome da tenda. finalmente. para ficar mais confortável. ele colocou uma mão. porque. parecia que ele tentou desenvolver uma terceira perna. em qualquer lugar escondendo algo. Só que ele se lembrou de começar chutando os sapatos. Mas Edward me provou estar errada.. ver uma foto e ver a realidade eram duas experiências diferentes. Haviam diagramas em meu livro. começou a seguir o meu exemplo.. Ou com qualquer tipo. . e eu estava com medo que se eu sentasse e privasse Edward de sua visão. virou a mão e agarrou minha coxa. da mesma forma que seus dedos tinham. na minha perna. Ainda assim. Eu empurrei ou tremi sem aviso ou intenção. A parte traseira de sua mão estava descansando em meu tornozelo e quando ele se moveu para perto de mim na cama. porque ele gemeu e. tire as calças. de repente. com a camisa em mim eu quase me sentia como se não estivesse nua. Edward se moveu da minha perna até mais em cima da cama. lentamente. Os diagramas faziam tudo parecer normal. Ele tirou sua calça jeans e deve ter empurrado sua cueca para baixo com ela. foi tudo que eu consegui pensar para dizer. "Huh". Como se eu tivesse um monte de energia. Eu estava deitada com minha camisa. Além disso. Seu toque me fez me sentir estranha. Ele parou perto da metade da coxa. Por uma fração de segundo eu fiquei decepcionada de não conseguir ver que tipo de roupa que ele tinha escolhido para esta noite. e seus olhos percorreram de cima a baixo da parte interna da minha perna.Eu sempre pensei que a "síndrome da tenda armada" fosse um mito. "Bella. Eu não podia tirá-la. eu percebi que tinha cometido um erro tático. ou algo assim. mas não podia controlá-la. Eu acho que eu poderia ter choramingado. e algo deve ter mudado em sua visão.

Era meio que bom." Nós dois ficamos em silêncio enquanto ele continuava movendo a mão lá embaixo. Então ele fechou-os e assentiu. eu iria cortá-la fora porque parecia fora do lugar. E eu tinha certeza que era para eu estar fazendo algo para Edward enquanto ele estava. nem nada. mas o ponto é que ele tinha lábios perfeitos para beijar. e isso estava sendo muito bom. Eu gosto de ser surpreendido. Aberta. "O que você está-" Ele escovou sobre esse mesmo ponto novamente antes que eu pudesse terminar de falar. mas depois minhas pernas ficavam bambas ou eu fazia um barulho estranho ou outra coisa que eu não podia controlar. seu dedo estava em mim. "Não queremos isso fora?" Ele apontou para o fundo da minha camisa com uma mão enquanto a outra continuou a me esfregar. Seus dedos entraram entre minhas pernas e se moveram de repente e eu arquejei e deixei sair o mais estranho ruído. segurando o lençol.Se ele fosse um arbusto. em seguida." "Oh". Eu poderia dizer que ele estava reprimindo o riso. "Do que você está rindo?" Ele me empurrou mais para cima na cama e arrastou-se de joelhos. Edward sorriu para mim. E. Com os lábios saídos das fantasias de qualquer menina. Há muito tempo. Forcei a mim mesma a parar de olhar e olhei para a camisa que ele ainda estava usando. Agradeci a Bob por ter decidido me depilar. Ele ainda estava de camisa. ele moveu a mão um pouco para baixo e seus dedos embarcaram em uma viagem pioneira. mas não foi incrível. mas nenhuma palavra saiu. Eu ainda estava olhando. . um. Sua boca ficou lá. Nada tinha estado lá antes. Ele abriu a boca para dizer alguma coisa. Como ele tiraria minha camisa? Ele provavelmente teria que parar o que estava fazendo lá. Em mim. E. então não era como se eu pudesse tocar seu peito. Isto é. "Relaxe. Minhas mãos ainda estavam em meus lados. enquanto ele fazia algo que me fazia ficar bamba. me tocando. Eu não queria que ele parasse. "Você continua a me surpreender. em seguida. trazendo a minha perna esquerda por trás dele para que ele ficasse ajoelhado entre as minhas pernas. Não doeu. sem aviso. Bella. Eu poderia talvez tocar a sua cabeça? Os caras gostavam de serem tocados em seu cabelo? Não tinha isso no livro. Não que eu tivesse fantasias. "Eu estou bem com isso. ele subiu as mãos para dentro das minhas coxas e começou a esfregar levemente sobre a parte barbeada entre as minhas pernas. se você estiver".

Minhas mãos deslizaram para debaixo de mim e eu caí na cama. ele era grande e tudo." "Eles vão funcionar?" Nunca tinha visto um ao vivo antes. Sua. Era hora do show. "Fazer." Edward não tentou colocar o preservativo. pensei no Yoda. Ele pegou a camisinha e a colocou em si mesmo." Edward sussurrou. . "Eu não quero fazer algo errado ou algo assim. deslocando-me até que eu pude senti-lo. ou não fazer. eu arranquei o canto do pacote de papel alumínio e depois parei. ele vai funcionar muito bem.. mais perto de mim. "Sério? O Magnums*?" *Preservativo extragrande. pensei em um dos provérbios de Yoda. Sem olhar para o que eu estava fazendo. Eu fiquei um pouco triste por ter a minha mudança de vista." Ele sorriu para mim. ele tirou a mão. Sua ereç-Coisa.. Finalmente. "Você precisa de um destes?" Estendi a mão para o criado-mudo e peguei a caixa de preservativos. "Eu-" Eu entreguei a camisinha para ele. "Eles foram os primeiros que eu peguei quando enfiei a mão na sacola. Ao observá-lo. Ele encolheu os ombros. Não há nenhuma tentativa... Ele se arrastou para frente em cima da cama. Esse foi o instante em que me dei conta do que estava para acontecer. "Espere"." Mais uma vez. Olhei novamente para baixo em sua terceira perna desajeitada..Após vários minutos de onde eu tentava sem sucesso catalogar as sensações que eu tinha. Edward riu e levou ambas as mãos para minhas coxas. Isto é. mas todos eles não deveriam ser grandes? "Não se preocupe.. Ele continuou sem esforço ou preocupação. eu não sabia se ele estava brincando ou se ele realmente precisava da extragrande. mas calou-se. ele pareceu como se fosse dizer algo... Eu estava gostando. Eu abri a caixa e tirei um. trazendo seu. pen-. "Você pode.

funciona? Eu deveria estar preocupada? Eu ouvi que isso dói na primeira vez. vamos seguir em frente. Like a Virgin*. Ele usava uma expressão engraçada. você sabe. Edward balançou a cabeça. "Quero dizer. Você não está com vontade? Eu preciso colocá-lo no humor?" "Pare!" Edward quase gritou. Quero dizer. vamos parar." Edward não precisava saber que essa estatística estava no DVD do clipe da Madonna. eu li em uma estatística que apenas 21% das mulheres sentem dor durante a sua primeira vez. "E realmente. "Eu entendo que os adolescentes não são os melhores em duração. Eu ficarei melhor se eu estiver preparada para a dor. "Você quer fazer isso ou não?" Parei de falar. Elas eram o único sinal de que ele não era tão paciente como ele estava demonstrando. mas meu livro não descreve a dor muito bem. No fim das contas." . Eu não tinha tempo para pensar sobre os sentimentos de Edward agora.Edward parou de se mexer e olhou para mim. eu queria ter certeza depois de tudo. Eu só olhei nos olhos dele. As pessoas na porta ao lado podem ouvir você". foram suas mãos que me convenceram. Se você quiser continuar." "Bella?" Edward tentou interromper. "Será que estamos mesmo certos de que isto vai funcionar?" "Tenho certeza". eu não queria que ele se sentisse mal com tudo isso quando tudo estivesse acabado. na verdade eu parei de pensar. então é possível que isso vá ser bom. "Edward?" "Sim?" "Eu quero que você. Em vez disso. mas eu não conseguia parar. "Se você quiser parar. Ele quase pareceu aliviado. Eu quero que nós. e eu tenho um limiar de dor elevado. "Quanto tempo você acha que isso vai levar?" O vômito de palavras continuou a derramar- se como um rio que tinha quebrado através de uma barragem. deixei o jargão nervoso encher o ar. todo mundo faz isso e tudo." Eu pensei por um momento. e elas continuaram abrindo e fechando. "Shush. mas isso sempre. mas você não pareceu reagir ao preservativo. Elas estavam no alto das minhas coxas. *Tradução literal: Como uma virgem. vamos fazer isso.

"Eu acho que estou bem. Não era bom. para que nossas camisas estivessem esfregando uma contra a outra quando ele começou a se mover para dentro de mim. Mais perto do que ninguém jamais tinha ficado. "Você está bem?" Sua voz soou estranha. Nossas pernas estavam esbarrando uma na outra. a nossa pele criando calor quando ele se movia para trás e para diante. A cada impulso."Você tem certeza?" "Sim". Nada do que eu tinha pesquisado antes havia me preparado para isso." Suas mãos vieram para a frente.. Ele empurrou e foi diferente das outras vezes. parecia que muito dele estava tocando muito de mim. Virei a cabeça para me dar algo diferente de seu rosto para olhar e vi minha calça jeans. "Oh". Mas não era insuportável.. Foi uma sensação totalmente nova. Eu engasguei e arqueei até um pouco sem querer. . Ele estava muito próximo. E seus pés tocavam o meu cada vez que ele empurrava para dentro. Apesar de estarmos com nossas camisas. Era mais forte e mais intenso. Ele se moveu para mim. Era um pouco doloroso. A respiração de Edward ficou mais áspera e eu dei um passo para trás metafórico na situação. "Ummm. eu sentia que ele estava levando cada vez mais de mim do que eu queria lhe dar. Não era ruim. de repente. "Huh". Uma de suas mãos se afastou da minha pele e eu não quis olhar para o que ele estava fazendo. Eu engasguei quando ouvi o alarme das sete horas sobre Bob tocar assim que ele entrou em mim. mas a maior parte era apenas. Ele estava usando o que as empresas modernas de jeans teriam decidido ser a cintura para empurrar. A energia irreprimível estava de volta e era difícil ficar parada. estranho. embora eu tenha certeza de que era realmente seu quadril se movendo para dentro e fora de mim. seu nariz continuava batendo no travesseiro e seu rosto continuava a passar pelo meu. O rosto de Edward estava ao meu lado. Como se ele tivesse perdido o controle." "Bella. cada ar exalado em meu ouvido. até que elas estavam descansando na cama ao lado dos meus ombros. Então ele se moveu." Eu pensei na dor que eu senti.

Felizmente. Ele entrou em colapso em mim. Edward rolou de cima de mim. Ele sussurrou meu nome novamente e beijou a área que poderia ter sido meu pescoço.. Eu não o olhei. A meio caminho de casa começou a chover. Eu só deixei que ele assumisse isso. e se levantou. E não era como se ele não soubesse que eu queria ser responsável por me levar para casa. eu acho que sim. a calçada. em seguida. enterrando o rosto no meu pescoço e no travesseiro e ficou assim por cinco minutos. Tulipas estavam por toda parte." Eu esperei que Edward respondesse. ou que poderia ter sido meu ombro. eu nunca tinha realmente dito que ele poderia me levar para casa. árvores. eu escolhi ignorar seu pedido. mas ele não respondeu. olhando nos olhos sem ao menos ter tomado um banho primeiro me fez parar meus passos e estremecer.. Ele sussurrou no meu cabelo. A cama se moveu quando Edward voltou e se esgueirou para cima de mim. e estava mais para chuvisco do que realmente para chuva. Então. sussurrou o meu nome e terminou. meus sapatos. Cercas. "Você está bem?" "Umm. ele gemeu alto. Esticando minha cabeça um pouco eu vi que ele tinha adormecido. tudo. Minúsculas partículas de água pontilhavam minha camisa e meu cabelo. E eu não poderia imaginar sentar no carro com ele. Eu sussurrei no ar vazio. Eu realmente não me sinto diferente. "Hey". "Sim? Quer dizer. A cada par de segundos minha mente voltava para aquele quarto e o que havia ." Eu não tinha certeza do que ele quis dizer com essa pergunta. depois. A idéia de falar com ele depois do que tinha acontecido. Dia 8: Em que Bella faz um novo plano Eu sempre planejei ir a pé para casa sozinha. e algumas outras flores que eu não sabia o nome. bem. Além disso. ele simplesmente optou por ignorar isso. era apenas uma caminhada de dez minutos. depois de tudo.E desta vez ele não saiu. porque eu não tinha dito a Bob que eu tinha recebido o alarme. Olhei para tudo atentamente durante a caminhada. "Hey". Me virei sobre o meu lado e olhei para minha calça jeans onde a luz ainda estava piscando no bolso. Ele sabia. Bob estava guardado com segurança no meu bolso.

"Eu estou indo para a cama. a programação e tudo mais. Eu tinha que continuar puxando o meu pensamento de volta para o presente. Eu dei um solavanco e parei. Estremeci quando me deixei cair sobre a cama. Tudo ao meu redor parecia o mesmo de todas as outras vezes que eu andei pelo meu bairro. então olhou para mim. Era apenas a minha casa.acontecido lá. Edward nu ainda me fazia sentir. Depois de chegar a minha casa eu devo ter ficado parada na frente por uns bons cinco minutos. e arrastei meus pés para cima dos degraus da varanda e entrei em casa. Corri alguns passos para deixar o sentimento para trás." Ele entrou no saguão e olhou pela porta da frente." "Sim. Nada parecia diferente.. Só de pensar naquela terceira perna. eu ficava desconfortável em minha própria pele. olhando para uma rachadura na calçada e sacudi meus braços. E esse era o problema. Nada era sentido diferente. você sabe. Do mesmo jeito que estava nesta manhã. Caminhei lentamente até as escadas em direção ao meu quarto. morto para o mundo. Pensar sobre o homem nu na pensão estava apenas me fazendo sentir desconfortável. O mundo não deveria parecer diferente agora? Eu não deveria me sentir diferente? Eu suspirei. "Onde está Edward?" Dei de ombros. e eu continuei a minha marcha para o meu quarto." Charlie não disse mais nada. Na chuva. eu acho. seu rosto arredondado pastoso se aderindo ao ar. Ele tombou em seu estômago. e o que eu tinha deixado lá.. "Bella?" "Não. Bem. pai. longo e alto. bem." "São oito horas. . como se fosse me livrar de um caso de piolhos. é a outra pessoa que vive aqui. que isso estava diferente. "Vocês dois tiveram uma briga ou algo assim?" "Não".

Passando por cima dos pedaços sobre escolher sabiamente. Virei para a Parte II ("Fazendo isso"). Às vezes. esparramado nos lençóis. o sono torna tudo claro.. Lavei qualquer roupa suja que eu poderia encontrar. escondido perto do final do capítulo. Mas eu não podia deixar de sentir que eu tinha perdido alguma coisa. e errado de alguma forma. esperando que eu estivesse lá quando ele acordasse? Puxando as cobertas até o meu queixo eu rolei de lado e trouxe meus joelhos até meu peito. então chutei-a para o chão ao lado da minha cama. ele parecia vazio. Eu não me sentia de forma diferente. Eu não sei por que isso me surpreendeu. O pensamento de ver qualquer homem nu ainda me dava calafrios. O problema era que eu acordei às quatro da manhã. Você acorda de manhã e uma lâmpada se acende. eu fiz o que qualquer pessoa em sã consciência faria. meia hora antes que ele se levantasse. E você sai da cama e tudo acontece bem facilmente. Varri a sala de estar.Chutei os sapatos e me arrastei debaixo dos cobertores. Fiz o café da manhã favorito de Charlie. Capítulo 8 ("A relação sexual: Vindo juntos para a primeira vez") e olhei para a parte sobre as primeiras vezes das meninas. pronta e ansiosa para um mundo que ainda estava dormindo ao meu redor. Edward já estava acordado? Ele já tinha saído do quarto de hotel? Ou ele estava ainda lá. eu simplesmente não conseguiria. Eu ainda estava pronta para sair para a escola uma hora mais cedo. mas surpreendeu. então eu só saí. Havia apenas uma explicação. Arrumei minha cama. Isso não aconteceu comigo. sem pensar no mundo ao seu redor. e não se apressar. O pensamento de sexo ainda estava vago e mistificado. Você acorda. Mas eu queria chegar lá antes de Edward de qualquer maneira. e o dia parece fresco e pronto e ansioso. Acordei com a certeza de uma coisa e uma coisa só. Eu não poderia ter ficado. eu achei. fresca.. Deixei minha camisa e olhei para o teto. você sabe exatamente o que o plano precisa para funcionar bem. Era tudo culpa de Edward. Eu estava tão acostumada a ter que procurar por um espaço. Então. Eu sabia que tinha visto isso em algum lugar. O estacionamento estava vazio quando cheguei lá. Arranquei minha calça jeans fora. panquecas e bacon. Para passar o tempo eu abri Sexo para Idiotas. .

"Mas você realmente?" "O quê?" "Eu não. "Eu estava certa!" Eu gritei para ninguém. murmurando para mim mesma." Eu parei.. Logo o estacionamento começou a se encher de carros. não é?" "O quê?" Ele parecia totalmente confuso. Eu coloquei o livro na bolsa e tirei Bob. O que no mundo era o vaginismo? Eu pulei a parte sobre o hímen. mas ele não me deixou. apontando para seu peito. "O quê?" "Eu não me sinto diferente! O pensamento de.. irritada e frustrada. "O quê? O que não fiz? Eu fiz tudo o que você queria que eu fizesse!" Agora ele estava gritando também.. . Eu olhei pra ele. de s-sexo ainda me deixa desconfortável e-" "Você? Desconfortável? Você nunca pareceu ter um problema com isso no passado!" Tentei interromper.. Eu não pude me impedir de saltar para fora da caminhonete. ainda não tinha certeza das minhas palavras. Não demorou muito antes que eu visse o carro dele. Programar sempre era uma boa maneira de passar tempo de qualidade com Bob. "Bella. Ele me viu chegando. e corri em frente ao estacionamento em direção a ele. e li. o-" "Você! Você não. você deve estar ciente de dois possíveis tropeços: a quebra do hímen e a possibilidade de vaginismo. "Você não-" Sem querer me parei.Embora eu certamente espere que tudo corra bem para qualquer uma de vocês mulheres que terão relações sexuais pela primeira vez. eu não tinha certeza se eu tinha bloqueado ela atrás de mim. Comecei a sentença sem saber como terminá-la.

" "Então. que estavam rebocadas por todo seu rosto. O estacionamento não estava lotado. Em vez disso. eu não poderia criar o próprio tempo para se conformar a mim. Eu coloquei minha mão no meu bolso. tendo a certeza que se eu não pegasse meus livros a aula não iria realmente começar e iria parar por aqui. Eu decidi protestar contra esta não-conformidade. ignorando o que me trouxe para o meu armário e me forcei a começar o meu dia. envolvendo meus dedos em torno de Bob e corri para o edifício de pedra cinzenta que sempre pareceu tão acolhedor. "Sempre estou paranóica por pensar que eu estou começando a parecer com o Edward. e eu não teria que fazer a minha mente pensar sobre qualquer coisa. o sino de alerta tocou e me dei conta de que. então. embora eu saiba que somos gêmeos fraternos e mais que definitivamente não idênticos. mas não estava vazio também. então se virou e foi embora sem dizer nada. "Olá". Eu fiquei onde eu estava e olhei em volta. o plano era o sexo. Eu fui forçada a parar e conversar com ela." Ela encolheu os ombros novamente e voltou a olhar para si mesma. Isso nunca foi parte do plano." Meus planos de me esconder foram arruinados. embora eu pudesse levar as pessoas a estar de acordo com minha agenda. mas hoje parecia frio e ameaçador. Tenho certeza que um de nós tinha gritado a palavra sexo. Havia muitos olhos curiosos correndo em nossa direção. Eu estou apenas. Eu podia ver os mesmos corredores amarelos como de costume. oi Alice. Em seguida."E não é minha culpa se você não se sente". "Oh. eu andei sem rumo.." "Oh. Houve um silêncio entre nós. eu não sei. escondendo-me no banheiro. mas era estranho e eu queria sair. torcendo o nariz para um lado e com isso. Andei pelos corredores. . "O que você está fazendo?" "Hmm?" Ela olhou para mim e eu apontei para suas mãos." Lutei por um tópico que fosse quebrar o silêncio sem realmente dizer nada. fazendo as sobrancelhas subirem e descerem. Alice estava empurrando as partes do rosto ao redor. ele fez uma pausa em sua fala e acenou com as mãos para mim. "O que... sim. mas hoje eles me fizeram sentir indesejada. Alice estava em pé na pia olhando no espelho. nós fizemos sexo?" Edward me olhou por um momento. uh. "diferente.. "Nós continuamos encontrando uma a outra aqui." Ela deu de ombros e se afastou do espelho. No interior teve um acontecimento similar. mas também parecia como se estivesse pregada ao chão. Até onde eu sabia.

"Então.Ela tinha conseguido trazer à tona o assunto que eu não queria falar sobre e sob quaisquer circunstâncias que levasse menos de cinco segundos. uh. "No Li". aqui está você. . Eu não sabia até então que eu não ia para a aula." eu comecei a fazer a matemática na minha cabeça antes de se tornar evidente que a pergunta era retórica." Por que eu diria alguma coisa assim? Especialmente algo tão banal." Minhas costas bateram no parapeito da janela fosca e Alice continuou se aproximando. Alice olhou para mim através do espelho. não. bem. Posso. e foi para a porta. precisos em minha direção. "Que noite?" Ela tinha se afastado do espelho quando o ultimo sino tocou. então comecei a dar passos para trás também. o que aconteceu com vocês na outra noite?" Eu precisava colocar o assunto para longe de Edward. e por um momento ficamos com os olhos uma na outra no vidro. depois corei pela minha falta de jeito. Eu queria me esconder no canto com a expressão em seu rosto. "E em todo esse tempo eu não acredito que você tenha faltado uma aula." Balancei meus dedos para ela enquanto eu falei. Nós não nos conhecíamos muito bem e parecia que ela tinha ficado maior ao mesmo tempo ali. Meus olhos correram para frente e para trás entre ela e a porta e de repente eu estava nervosa por ficar sozinha com ela. eu não acho que você pareça nada com ele. Você não vem?" Ela fez um gesto em direção à porta com a cabeça. do mesmo jeito que na semana passada. mas você pode ir em frente. "Ah. Eu não sei porque. Alice não precisava saber que eu tinha visto o suficiente de Edward para saber que ela não se parecia com ele nem um pouco. Ela me deu um sorriso misterioso. eu fui para casa e fiquei de mal humor e então peguei uma folha do meu livro. "E agora. Alice olhou para mim. você vive nesta cidade há quanto tempo?" "Uh. dando um passo direto para a minha bolha pessoal. mas não disse nada." Ela estava dando pequenos passos. "Eu fiz um plano. "Oh." Ela sorriu timidamente e abriu a porta. se escondendo no banheiro. então deixou a porta se fechar lentamente e trancou-a. mas ela me deixou nervosa. "Nada. pegou a mochila. falar com você mais tarde. Eu nem achava que ela percebia que ela estava lá. "Bella.

mas." . ok? Eu precisava tirar isso do caminho para que o resto do meu plano funcionasse corretamente. Vocês só conversaram um com o outro.. "Então. por aproximadamente uma semana." "Essa situação é completamente diferente. Ele poderia ter se ocupado com sua própria vida. "Além disso. na verdade." Alice ficou em silêncio por um momento e eu meio que gritei." "Eu sei que interrompi o encontro de vocês na outra noite e eu sinto muito. houve esse incidente estranho quando meu pai chegou do trabalho na quarta-feira. bem. finalmente. quero dizer." Corei com a menção do pai de Edward. Fazia sentido". repetidamente com um dedo apontado. "Oh meu Deus." "Faz para mim. E. enquanto eu fiquei boquiaberta para ela. "Fazia sentido?" Alice levantou as sobrancelhas e me olhou como se eu fosse louca. como sempre. "Você não tem direito de ser crítica. vocês fizeram. Eu vi você se jogando em Emmett quando ele estava claramente com outra pessoa." Ela balançou a cabeça e pareceu frustrada ao pensar em seu irmão. percebeu o olhar no meu rosto. vocês dois têm agido de forma estranha. Não fizeram?" Não necessitando de esclarecimento. fora biologia. me diga."Agora me diga. vamos apenas dizer que ele foi um pouco cavalheiresco-" Alice se calou abruptamente. Isso é tão ridículo. "Bella.. Eu precisava não ficar desconfortável em torno do sexo masculino quando eu chegasse à parte da minha vida onde eu fosse querer me casar. por que-" "Porque eu precisava. O que vem acontecendo entre vocês dois? E eu não acredito nesse boato bobo de que vocês tiveram relações sexuais. isso não faz nenhum sentido. E a última vez que meu irmão fez sexo. "Uh. foi culpa de Edward. Eu estava mortificada pelos rumores terem se espalhado pela escola em todos os cinco minutos e intrigada pela parte da menção da parceira anterior de Edward. eu olhei para o chão e movi minha cabeça em um aceno lento. "Bella. o-o que. Eu acho que ela. "Você teve relações sexuais com o meu irmão porque isso fazia sentido?" Eu balancei a cabeça quando olhei para longe dela. o que está acontecendo entre você e meu irmão?" Ela me esfaqueou no peito. Mas ele tinha que vir me resgatar.

mas. porque fazia sentido. Assim. deixa pra lá. nenhum de vocês têm o resultado que queria. orgulhosa de não fazer sentido." E então ela fez um gesto para eu acompanhá-la." "O quê?" Eu exigi que ela terminasse. podemos supor que ele estava de mau humor como." "O encontro foi interrompido muito cedo. Enquanto meu irmão se aproximou da situação da maneira que Edward faria. "Certo". "Você precisa de um plano. Eu não queria ir em um encontro." "Eu não sei. Vocês dois realmente se conhecem? De verdade? Edward não é o tipo de cara que dorme com estranhos anônimos apenas por prazer. Pelo menos." Meus ombros caíram em desilusão.. ah. Fomos em um encontro. No chão. Eu não o vi. "Eu tenho um monte de informações privilegiadas sobre Edward. "Ok. me diga como Edward estava quando chegou em casa ontem à noite."Como é diferente?" "Bella. "Ok. bem. "Tudo bem. primeiro." Ela estava certa. você me deu a sensação de que não era provável que ele não repetiria os acontecimentos da noite por qualquer.. eu certamente não queria repetir o evento nem em minha mente. Cada pedaço de informação seria útil neste momento.... foi muito mais parecido com o que eu imaginei que um encontro seria. aqui está o que deve ter acontecido. Você criou a situação da maneira que a Bella faria. e eu me sentei. você acabou de dizer que você dormiu com Edward. Eu acho que nós duas sabemos que o meu fascínio por Emmett não faz sentido. Eu acho que você deveria se sentar. você sabe o que você precisa?" "O quê?" "Eu não posso acreditar que eu tenho que dizer isso para você. Sábado. obviamente. Alice notou minha hesitação sobre me sentar e apontou para mim novamente." Eu não era uma estranha anônima. razão estimulante. Ele tinha até . o dia não planejado. isso significa que ele se escondeu em seu quarto a noite toda. "Mas.. "Bem." Eu balancei a cabeça uma vez." Ela sorriu ao dizer isso." "Nós nos comprometemos. Do banheiro. E agora." Suas palavras foram dirigidas para o chão quando ela fez uma pirueta antes de se sentar de forma estranha. mas ela tinha um ponto.

"Eu acho que. Virgem." Alice sorriu para mim em encorajamento. Isso foi estranho. Eu não tinha idéia de quanto tempo eu tinha ficado introduzindo o meu plano. uh. Eu acho. "Bem. Bem. exceto que será após o sexo. E então todo mundo estará feliz." Alice balançou a cabeça. até que seu pai entrou na sala. você não tenha entendido que-" Ela parou abruptamente quando olhei sobre meu ombro e sorri para ela. eu tenho certeza de que esse é um plano ruim!" Alice gritou atrás de mim. eu estou ótima. Desta forma. quando se falava de sexo. talvez. Eu estou com tudo planejado. então agora eu só preciso trabalhar em ficar mais confortável na presença de um macho. "Eu acho que sei onde você quer chegar. Eu estou aqui. "Certo". "Sim. "Bella? Você ainda está aqui?" Eu puxei minha cabeça de volta para Alice. que eu sou virgem. tipo que. Na verdade. "Bella!" Alice tinha se levantado também e agora agarrava meu braço. "Agora que eu já tive relações sexuais e não tenho que explicar a ninguém. Às vezes eu perdia a noção do tempo enquanto usava Bob. "Então. sim. Eu puxei meu braço para longe dela e sai correndo para o corredor." "Sim. E não pareceu estranho. nunca mais." "Bella. . Eu não sou uma delas. eu sempre me transformava em uma matraca? "De qualquer forma. não tecnicamente falando de qualquer maneira." Por que. Meu sorriso estava brilhante e bonito. certo?" Alice balançou a cabeça mais lentamente neste momento. Bem. Eu sabia exatamente o que estava fazendo. claro. Ele sempre me deixava feliz por usar o meu calendário. "Bella. me impedindo de sair pela porta. Porque eu não sou. você parece. eu deveria criar um novo plano que tenha um objetivo semelhante do que Edward queria antes do sexo.. apenas fora da ordem. teremos o mesmo resultado.mesmo de alguma forma mencionado ela naquele dia." "O que você planejou?" Levantei-me e arrumei minhas calças o melhor que pude antes de me dirigir para a porta.." Bob estava na minha mão e com o calendário aberto em menos de um segundo. feroz.

" Fiz uma pausa. . lembrei-me que todos estavam na sala de aula. "Eu estava pensando. pois parecia que ele estava prestes a dizer algo. Eu decidi continuar a vaguear pelos corredores. Edward estava parado perto de sua mesa. Agora. cabeça erguida. era hora do almoço e eu marchei em direção ao refeitório. então eu continuei. Isso. sabendo que o que eu tinha a dizer iria animar Edward. "Em primeiro lugar. pelo menos. Era perfeito. esperando que eu falasse.. Após cinco minutos de busca pelos corredores vazios. exceto da minha professora de Inglês me pedindo uma e outra vez para parar de apertar minha caneta. quase borbulhante. como sempre. "Edward. ele olhou para mim. até que a campainha tocou. de modo que ele não achasse que isso ia ser uma repetição da nossa conversa anterior. não importa." eu disse alegre. mas sua atenção ainda estava sobre Emmett." Ele olhou surpreso com isso. a aula se arrastou. mas ele não disse. ele apenas parecia resignado. "Eu estava um pouco confusa e. se você consentiria em me beijar. bem. então eu só parava por dez segundos. Este era sólido. Uma eternidade depois. Meus passos travaram. Como vinha acontecendo com tanta freqüência ultimamente. mas foi similar. ou não vem!" A voz aquecida de Edward terminou enquanto ele e Emmett olhavam um para o outro. ". ela não sabia o que ela estava falando. Podia parecer muito tempo. Assim como Edward... com a mão no braço de Emmett. Ele parecia diferente da última vez que tínhamos nos falado. confiante. e eu não poderia faltar a minha próxima aula também. Emmett parecia estar com raiva. o deixaria ainda mais satisfeito com a idéia que eu estava prestes a revelar. Sempre antes eu tinha a sensação de que ele estava me provocando silenciosamente. Era até um pouco bonito. mas eu nunca faltei uma aula. Não me lembro de muita coisa.Obviamente. Ele não esperava isso.. Eu sabia sobre planos." A expressão em seu rosto não foi de surpresa. "Claro. por isso eu não pensei nisso. eu pensei. Ou zombando de mim. ou me contrariando para me irritar. Eu superei isso agora. seus olhos me seguiram. eu queria pedir desculpas por esta manhã. e eu sorri. esperando que eu fosse encontrar a sala que Edward estava. Mas eu nunca percebi que estava fazendo isso. Eles não disseram mais nada então eu interrompi." Ele parecia cauteloso e olhou incisivamente para trás em Emmett antes de pisar na minha direção. Uma vez que estávamos a poucos passos. no entanto. Eu não o encontrei. então eu decidi esperar até o almoço. "Posso falar com você por um instante?" Ele olhou para mim.

então eu pulei para a frente. "Ow!" A dor aguda atravessou minha mão e eu puxei-a para meu peito." Ele se afastou sem mais uma palavra. Isso estava realmente acontecendo? . "Uh. Seu peito estufou e ele olhou resignado quando respondeu. cambaleou por um momento." Eu comecei a falar. Mas eu não conseguia fazer meus braços me obedecerem. Minhas pernas estavam congeladas e eu não sabia o que fazer. Dia 9: Em que eu ganho e perco uma Parceira de Planejamento Eu fiquei lá e olhei para ele. Rosalie gritou. Agora mesmo se você quiser. diretamente em Jasper. "Não. que estava correndo em minha direção. E eu não me importei."Eu acho que não precisamos realmente programar. Eu assisti seu braço lentamente até chegar até sua mochila e ele retirar uma garrafa de suco de laranja. para fora dos calcanhares afiados de Rosalie. sem saber o que eu ia dizer quando Alice. de costas para mim. basta ser a qualquer hora. tudo ficaria bem e que eu poderia fazer isso funcionar. a salada verde com vinagrete de framboesa chovendo sobre nós." Imaginei que a escola inteira já sabia que tínhamos tido relações sexuais. por que eu me importaria se eles nos vissem nos beijando? Edward olhou para mim fixamente por mais um momento. Não? Ele disse que não? Isso não fazia parte do plano. pois não é muito como um evento. cuja bandeja de comida caiu no chão e se espalhou por toda a minha perna. escorregou no almoço de Jasper. Eu fiquei ali olhando para a parte traseira de sua cabeça. então se juntou a nós no chão. "Bella!" O grito de Alice do outro lado da sala assustou-me para fora do meu estado congelado. Eu podia sentir Bob no meu bolso e uma parte de mim tinha certeza de que se eu pudesse chegar a minha mão e tirá-lo. bateu em mim e nós duas misteriosamente nos juntamos ao bife no chão. e sentou-se à mesa do almoço. qualquer lugar serve.

"Seu pai me deixou entrar e me disse que você estava dormindo. olhei em volta confusa. Eu olhei para a parede. Ele estava olhando para mim com um sorriso bobo no rosto. Mas eu não tinha para onde ir com esse plano. Nossos olhos se encontraram por um momento. Edward tinha estragado tudo dizendo não. Houve momentos em que esse tipo de coisa tinha acontecido antes. Assim que meus pés bateram no chão escorregadio do corredor. Eu não sei quanto tempo fiquei sentada lá. vacilei um pouco. e eles deixaram o restaurante juntos de mãos dadas. ou algo não saía do jeito que eu queria. Ela empurrou Alice para longe dela. Será que eu procurava por Edward? Bem. não. e depois levantou as mãos no ar. ela abriu a boca para falar. Não havia nada a dizer. mas devo ter dormido."Fique longe de mim. Eu sempre tinha uma saída. porque a próxima coisa que eu sabia era que Jake estava sentado na beira da minha cama. verifiquei se Bob não tinha sido ferido no acidente e marchei para fora da cafeteria. Uma das primeiras regras que você aprende na escola era que não podia correr pelo corredor. Alice e eu não nos saímos tão graciosamente. comecei a correr. Levantei-me. Fui rapidamente para casa. Meu objetivo não foi alcançado. "Como foi que você entrou aqui?" Sentada. O plano não. Eu era exatamente como ela. não aconteceu. bem. embora Alice não estivesse em condições de perturbar a capacidade de Rosalie de se levantar. Mas. Eu não ia ser o que meu futuro marido precisava que eu fosse. Eu não sabia o que fazer neste caso. eu sempre sabia o que fazer. mas eu balancei a cabeça para ela. A luz lá fora estava diferente e me levou um minuto para despertar. Emmett tirou uma Rosalie de cara feia do chão. Eu não queria ver o olhar em seu rosto. Ele não funcionou. eventualmente." . subi com meus sapatos e sentei na minha cama.. Quando alguém se atrasava. Eu não parei de correr até chegar em minha caminhonete. Sua carranca derreteu-se para o rosto de sorriso contagiante de Emmett. Eu era um fracasso. Não mesmo.. Eu ainda me sentia estranha quando pensava em sexo. E depois se afastou. Passei pelo corredor da escola. o que significava que eu ia deixar alguém decepcionado. sua baixinha maluca!" Rosalie guinchou.

"O que você está fazendo?" Jake pareceu nervoso. "O quê?" "Bem. Eu me importo.. Ele sabia que eu poderia fazer coisas com o Bob. Bob estava sempre do meu lado. Como você almeja fazer isso novamente." "Isso não importa." Eu bati nele com o meu travesseiro. meus dedos voando sobre as teclas. Ele não se importou.. Bob estava na minha mão em menos de um segundo." "Eu-eu não quis.. ele apenas bagunçou tudo!" "Huh". acalme-se. "Eu tenho que fazer o jantar. há esse menino na escola. Bob nunca me deixaria. saindo mais como um guincho. E ele. "Você não pode tirar Bob de mim!" Eu gritei para ele quando seus dedos tentaram arrancar Bob da minha mão. minha mão encontrou Bob escondido no lençol de minha cama e eu o agarrei.. Meu pai não podia saber que eu faltei a aula. e-" "Bella. "Eu vou dizer a ele o quanto você ama o início da manhã e o cheiro de peixe fresco. e fazer lição de casa. "Mandando uma mensagem ao seu pai. seu pai recebeu um telefonema da escola.Eu" Minha cabeça virou em pânico.. Ele estava certo de estar nervoso."O papai está em casa?" Eu devia ter dormido mais do que eu pensava. eu só não achei que seria tão cedo. Ele simplesmente não podia. "Bella. Mas Bob e eu estávamos ligados.. A ligação espiritual que você sente com a terra quando-" Jake atirou-se para a frente e tentou erguer Bob fora de minhas mãos. eu sabia que você ia alcançar a mentalidade escolar algum dia." "Por que você está mandando uma mensagem de texto ao meu pai?" "Eu vou dizer a ele o quanto você sente falta de pescar." "Bella?" Sua voz me obrigou a olhar para ele. . "O que está errado?" "Há. bem. Jake sorriu e sentou-se novamente. Bob me dava poderes." Eu sorri na direção de Jake. Você faltou a aula de hoje. eu não acho. Quer dizer. Jake parecia confuso. Ele deu uma gargalhada.

Bella". Eu pensei sobre isso a noite toda. Eu não fiz qualquer dever de casa naquela noite. tente se lembrar que Edward não te conhece há tanto tempo. Você provavelmente disse algo muito Bella para ele e ele reagiu como qualquer pessoa agiria ." Mas. é que você pode fazer qualquer coisa uma vez que você coloque sua mente nisso. No lugar de costume." "Talvez eu tenha dito alguma coisa. em nome de Bob. e principalmente sobre Edward. meia hora antes do início da aula. mas. No momento após Jake sair. que adolescente não quer sexo sem compromisso? Talvez fosse esse o problema. e ainda quis saber onde. "Certo. Ou. Você pode fazer qualquer coisa. você faltou a aula de hoje. "Certo. "E se há duas coisas que eu sei sobre você. ele fez uma pausa. Sobre o que Jake tinha dito. "Olá?" "Bella?" "Alice?" "Encontre-me na escola amanhã. .. "se há uma coisa que eu sei sobre você. Ele realmente não sabe muito sobre você em tudo. realmente. então talvez você devesse tentar encontrá-lo no meio disso." Meu sorriso desapareceu. exibindo um número que não reconheci. vamos lá. bem. estranha." Jake ficou para o jantar. Fazer algumas coisas do jeito dele? Eu sei que pode ser um pouco difícil para você.. diferente. E vice-versa. "Qual é o nome desse menino?" "Edward". Você se parece com você novamente. o local de costume era. escolhendo cuidadosamente as palavras." Eu sorri para ele."Há. me fez sentir. Sobre tudo isso. E mesmo que isso tenha sido o que eu prometi a ele. Mas algo mais aconteceu. Bob zumbiu na minha mão. sobre o que Alice queria. é que você simplesmente não entende as outras pessoas. Isso não me fez sentir bem." O telefone ficou mudo e eu fiquei me perguntando se era realmente Alice. Ele tinha conseguido o seu sexo e agora ele não queria mais nada comigo.

Agora que eu tinha começado a pensar nisso. O encontro com Edward. aqui está o plano que eu criei.. "Para planejar. Quando Bella não está fazendo qualquer coisa. vestida com um vestido curto fofo.. Manhã de terça. Ele nunca ia embora. E Jake achava que eu deveria tentar falar com Edward." Eu podia sentir que meus olhos estavam arregalados e minha respiração estava ofegante rapidamente dentro e fora do meu peito.. as luzes nos corredores estavam todas apagadas. Incompleta? Sim. ela começou a tagarelar." "Então.. era isso. O banheiro estava muito assustador. algo. ela planeja. "Oh". mas. preto. Eu não tinha certeza de como falar com ele. É por isso que eu precisava que ele me beijasse. "Você me assustou. não tinha terminado.. Levá-lo a me beijar ainda era o plano. eu estava esperando no banheiro das meninas por Alice. Ele certamente se sentiu bem ao fazer outras coisas. Isso foi o que me levou a emitir um grito estridente da minha garganta quando Alice. Eu não tinha alcançado o meu objetivo em tudo durante os eventos de domingo. O beijo iria completar todo o calvário e nós poderíamos seguir em frente com nossas vidas.E sobre o sexo. eles hibernam. sem nem um segundo pensamento sobre me assustar quase até a morte. Não é o que você faz? Como quando os computadores não estão fazendo nada. Eu não sabia por que ele não fez isso antes. não. eu não poderia me fazer parar. Mas. A escola estava vazia. Certo.." "Uh. o banheiro era um ponto de luz no meio e cada vez que uma porta do box rangia. "Então. Eu pensava em sexo a cada minuto do dia." eu interrompi. como ele tinha me tocado. Levei um momento para me acalmar. Eu pensava sobre como sua pele era gostosa. "O quê?" Alice chicoteou sua cabeça ao redor procurando o que tinha me assustado. ele disse que não." "Oh. bem cedo. não percebendo que ela tinha sido a culpada. nós não sabemos. eu não sentia nada diferente de antes. implorando para que eu estivesse no lugar certo e que não tivesse sido uma maluca no telefone na noite anterior. eu sentia. Não havia outra maneira que essa conexão entre nós estivesse terminada. nós duas sabemos por que estamos aqui. irrompeu pela porta. eu empurrava minha cabeça para me certificar de que ninguém estava aqui comigo. o som da sua respiração no meu ouvido." . Então.

não nos encontrar lá. "É uma idéia. obviamente.Eu me inclinei para a frente. nós vamos fazê-los fazer o que quisermos. "Nós só. não vamos ter que levar o Edward para lá. Alice nunca tinha me parecido do tipo que planejava. Nós só precisamos de um plano. Nós só precisamos trabalhar nele. como?" Na medida em que os planos estavam indo. esperando." Agora estávamos andando pelo corredor em direção ao meu . e nos encontramos na hora do almoço." "É. então eu adicionei. Uma boa idéia. e formamos uma estratégia. "Eu não acho que isso seja um plano.. assim quando ela abriu a boca para falar a porta se abriu e um zelador congelou na porta. comparamos as notas. por isso não precisa se preocupar com esta parte do plano. Ela sempre pareceu ser do tipo que ia-com-o-fluxo. eu comecei a empurrar Alice para fora.. "Por que não debatemos isso essa manhã. vivemos na mesma casa." Alice balançou a cabeça lentamente. isso não soava como se fosse um que eu queria que meu nome envolvido. eu já convidei Emmett. bem." Ela ainda estava olhando deprimida. com esperança e necessidade de aprovação saindo dela em ondas. Estremeci com a idéia. qualquer tipo de planejamento sempre era emocionante. para a festa." Alice sorriu para mim em triunfo." "Alice". Bem. "Eu vou fazer uma festa no sábado para o meu aniversário. e o formigamento de excitação se espalhou através de mim." Os ombros de Alice estavam tremendo e ela estava saltando sobre seus pés. bem. ouvindo atentamente.. nos jogamos neles ou algo assim. Vamos trabalhar em conjunto. Ainda assim." Ela se animou um pouco com isso. "O que vocês estão fazendo aqui?" Optando por não responder. "Eu não sei". Sua festa de aniversário faz sentido." O rosto dela caiu e ela se curvou para trás como se tivesse sido esfaqueada. Bob estava no ponto. Alice deu de ombros. Tudo o que temos que fazer é levar Emmett e Edward para a festa. Eu voltei atrás. impaciente para chegar à parte realmente planejada deste plano. Ela olhou para mim. "Eu pensei que esse era um bom plano. "Ah.. "E então. nós. "Juntas. "E.." Eu balancei a cabeça. A bizarrice da escola vazia desapareceu de minha mente..

saltando fora das paredes e ecoando de volta para mim. Levar os meninos para a festa. Olhei por um momento. eu estava começando a entender a impaciência dos outros. entendeu?" Sua voz soou em torno da sala. a série alcançou uma excelente repercussão no país. separando-me do almoço.armário. Detenções eram para outras pessoas. Alice. e ter alguém para falar sobre o nosso sucesso. Eu me sentava em uma aula. Tentei ajudar o tempo a passar mais rápido fazendo um brainstorming*. *No literal é 'tempestade de idéias'. fique depois da aula. A aula era parte da estrutura. a rasgava do meu fichário e a empurrava para o fundo da minha mochila. então repetia o processo até que fosse hora de ir para a próxima aula. Como levá-los a conversar com a gente na festa. ela então apontou para o corredor esquerdo. Ela agarrou meu braço. Eu nunca tinha entendido isso. ao invés de responder a ela.. Yearwood me chamou na sala de aula e. Na sua essência. a última sendo exibida em 1995." Alice fez uma pausa quando chegamos à esquina. e olhou para mim. bem. parte da beleza da escola.. Todas as idéias surgiam com movimentos complicados envolvidos e bem-cronometrados. Teve 5 temporadas. Então eu começava tudo de novo. Eu queria que as minhas aulas da manhã passassem rapidamente. linhas e ações. eu rasguei o meu papel para cima e rosnei em sua direção. é um processo criativo em que você lista várias idéias e pega a melhor parte de cada uma para poder ter a melhor solução. Balançando a cabeça uma vez. Os olhos do resto da classe secaram meu crânio. Pessoas que não tinham planos para os quais precisavam voltar. "Tenho certeza que juntas podemos chegar a uma maneira certeira de fazer isso funcionar. Tenho certeza de que eu tinha tirado isso direto de uma comédia dos anos 90. quando a Sra. Eu nunca . Toda a minha vida eu tinha ouvido pessoas gemendo sobre como as aulas era longas e chatas. Parecia algo que Blossom* iria fazer. Agora que eu continuava a ter pessoas para conversar e planejar durante o almoço e depois da escola. e o objetivo final nos lábios de Edward. enchia um pedaço de papel com as idéias menos inteligentes que eu já tinha visto. a idéia de Alice era boa. Quase presa. A manhã começou a desenvolver um padrão. o que iríamos dizer. * Blossom é uma série norte-americana do gênero comédia criada por Don Reo foi muito popular nos Estados Unidos onde estreou no dia 13 de Janeiro de 1991 na rede americana NBC. Só estava faltando todas as peças de conexão. imaginando o que tinha acontecido. Eu podia sentir a eternidade que se estendia diante de mim. Elas não passavam. terminar o nosso negócio com eles. "Bella. Levada ao ar no Brasil em 1997 pelo SBT. e como iríamos chegar ao evento principal dos lábios tocando um no outro. Segurada para trás. Eu tinha sido convidada a ficar. Isso durou até cerca de metade da minha última aula antes do almoço.

todos ao meu redor se levantaram para sair. "Bem. é só que eu tinha ouvido falar-" Ela parou quando seus olhos viram a minha mão agarrar Bob do meu bolso. olhando para a parede. Fornicado era mesmo uma palavra? Eu estava tão perdida na contemplação lingüística que a Sra." Ela fez uma pausa tentando encontrar o similar certo.. esperando que ela fosse elaborar. caindo aos pedaços ao meu redor. minha vida. Por que não estaria tudo bem?" As coisas só não estavam bem porque eu estava aqui nesta sala desperdiçando meu tempo de almoço. e não fazer nada. Isso só não acontece. "Eu acho.. vê-la um pouco atrasada é como ver. aparentemente." Insegura sobre qual seria o ponto de Sra. Também me ocorreu que essa coisa de detenção iria me privar de ver Alice por mais tempo ainda.. . O sino tocou. Eu não sabia o que se fazia na prisão. eu estou querendo saber se está tudo bem com você?" "Tudo está bem. fornicado. Eu quase rosnei novamente.. Eu estava esperando uma bronca. eles provavelmente tinham ouvido os rumores de que Edward e eu tínhamos. é como ver um peixe nadar através do ar. Então. ela disse meu nome em um suspiro. sim. Aposto que todos podiam ver o meu plano. Sim. eu tinha certeza. eu poderia fazer isso. Yearwood. alguns deles olhando para mim enquanto caminhavam. Uma punição. Contemplei os horrores de não fazer nada por dez minutos antes. eu olhei para ela. Pelo menos eu achava que iríamos fazer uma lista para a punição e distribuí-la quando ela bem entendesse. "Uh. "Você está bem?" A pergunta me assustou. Eu só tinha que olhar para a parede." "Você parece um pouco atrasada recentemente. "Desculpe.tinha ficado na detenção. sem fazer nada. Além disso. eu estou bem. sentada.. ocorreu-me que eu estava ali. Eu tinha certeza que eu não podia fazer nada. Eu também decidi não usar mais a palavra detenção. E. Me julgando.. "Bem. Yearwood teve que apertar o meu ombro suavemente para me fazer perceber que ela estava falando comigo. como alguém que te conhece há quatro anos. o que houve?" "Bella".

ok?" Eu balancei a cabeça e falei quando eu pendurei a minha mochila e me movi em direção à porta. Eu não tinha certeza de como isso se transformou em uma conversa sobre sexo. Sra. ela perturbou o ar. A primeira seria que eu não tinha pensado em uma única idéia boa para o plano e a segunda foi que Alice não estava no banheiro. Estremeci quando eu me apressei pelo corredor em direção ao banheiro. me deixou com medo de que elas estivessem fofocando sobre mim. Ela deve ter respirado todo o oxigênio da sala.Segurei-o com força contra a minha coxa e nivelei minha respiração." Havia algo em meu tom de voz que a fez virar e me seguir para fora da porta. e me afastei de lá o mais rápido que pude." Corei. parando a menos de um pé na minha frente. Passei o resto da hora de almoço à espera de Edward fora da sala de biologia. O banheiro estava de fato cheio de meninas aplicando maquiagem e fofocando sobre sabe deus o quê. . meus olhos pararam em Edward. Pela forma como todas pararam e olharam para mim. Bella. Eu sabia exatamente o que tinha de ser feito. Eu corri para o refeitório. Ele estava sentado entre Emmett e Jasper. "Eu sempre tomo cuidado. Claro. "Hey". E então eu estava na zona. deixando sair o maior suspiro que eu já tinha visto. parecendo desconfortável. Olhei ao redor da sala mais uma vez. eu não tinha idéia do que eu ia dizer. Talvez se eu não perturbasse o ar. Eu lembrei o que Jake tinha me dito na noite passada. mas tinha. Nossos olhos se encontraram no momento em que ele apareceu no corredor e caminhou para mim. "Bella. Balancei a porta de madeira e percebi duas coisas ao mesmo tempo. E todas as regras e determinações que Edward tinha na semana passada. "Isso é bom. mas Alice não estava lá. Se ela me perguntasse sobre sexo. Yearwood. A zona de planejamento. nada aconteceria. só tenha cuidado. sobre o encontrar no meio do caminho. mas em vez de encontrar Alice. e sai correndo. Onde mais Alice gastava seu tempo? Eu só tinha visto ela no refeitório e no banheiro.

Isso seria perfeito para o beijo. você não quer isso. "Então. "Sim". Charlie provavelmente nem quer isso. Ela veio correndo até nós tão rápido que ela não conseguiu parar a tempo e acabou caindo direto em Edward. eu o queria que ele me beijasse como o planejado. mas colocou o braço na parede para parar a si mesmo de me esmagar. "Em um restaurante. uh. eu sou uma cozinheira muito boa." fiz uma pausa para desenhar uma respiração reconfortante. "Ano Novo!" Alice chiou de algum lugar atrás da parede de Edward na minha frente. Eu olhei para seu rosto. eu iria cozinhar para você. Quero dizer." Dia 10: Em que todos têm problemas. mas eu tinha certeza que ele iria ver isso rapidamente. "Bella!" A voz de Alice explodiu no corredor. tão perto do meu agora. Quero dizer. quero dizer. sem entender por que isso era mais difícil do que pedir-lhe para ter relações sexuais comigo. Além disso."Hey"." Ele me interrompeu. porque todo esse sexo com meninas-" "Bella." Ele olhou para mim. Ele sorriu um pequeno sorriso. e confie em mim. "O quê?" "Minha festa de aniversário. Se você for gay. Vai ser com o tema de Ano Novo. jantar amanhã à noite. eu estava pensando se talvez você gostaria de ir a. é claro que você gosta de sair com meninas. Mas eu pensei que um jantar seria bom e eu sei que você gosta até hoje de meninas." Eu sabia que tinha que ter sido um teste. A menos que você seja gay. Edward foi empurrado para a frente para mim. Ninguém quer isso. parecia errado mentir sobre isso. você deve ser um bom ator. E eu não quero isso. "Obrigado por ser honesta. "Bem.. então. eu estava pensando.. "O quê?" . Coloquei a cabeça para fora da parede de Edward que separava Alice de mim. Mas eu poderia dizer que não ia acontecer. Eu não queria enganá-lo para me beijar. mas então Charlie estaria lá. wow. "Você está me pedindo para sair apenas como parte de um plano para eu beijar você?" Pensei em mentir.

Meus dedos se contraíram com a necessidade de fazer. "O quê?" Olhei para ele. Edward estremeceu e puxou para trás. procurando de quem eu estava falando. Olhei para Edward e o vi sorrindo para mim. você entendeu o que eu estou dizendo.. Edward? Não se preocupe. ele estava olhando para sua irmã com uma careta no rosto. Seus olhos se estreitaram para mim." Eu levantei minhas sobrancelhas para ele quando eu tentei em vão escapar de seus braços. "Bella!" A voz de Alice cortou o momento. Ele parecia quase confuso." Alice tentou sussurrar com toda a sutileza de um elefante. No sábado? Nós estávamos falando sobre isso mais cedo.. shush! Ele estava parado bem aqui. Ele continuou a ficar lá. então eu esperava que ele fosse apenas se apressar e dizer e recuar. Se ele ia dizer não. "Você poderia. liberando-me de minha prisão. Eu não sabia o quê. eu dei meio passo para a direita. "Eu preciso de você!" "Sua irmã precisa de mim. Ele parou na porta e se virou. tentei me afastar. Eu não poderia evitar. "se mover". mas acho que ele sabia exatamente o que estava acontecendo entre Alice e eu. Quando nós estávamos planejando fazer-" "Alice!" Ela iria derramar o feijão ali mesmo.. Eu sabia que já tínhamos ficado muito mais próximos do que isso. Seu rosto era uma máscara de pedra. com o Ano Novo. "Por favor". "Posso sair-". e minha respiração fez o que minhas mãos não podiam.. "Alice. "Bella" Edward se inclinou mais perto. mas seus braços estavam me mantendo presa. sobre sábado-" . bloqueando qualquer rota de fuga. em qualquer lugar. eu parei quando ele olhou para mim. Esperando que ele fosse entender. Olhei para Edward. menos seus olhos. Ou indeciso." "O quê?" Ela chicoteou sua cabeça pelos lados. ele é tão atento como uma lagarta cega. seu rosto a centímetros do meu. um sorriso sabedor em seu rosto."Meu aniversário." Eu ainda estava olhando para seu pescoço enquanto falava. Meus olhos correram para diferentes pontos em seu rosto e pescoço. Agora. Ele sabia que eu tinha um plano de fuga. Ele não se moveu um centímetro. Sorri de volta para ele de uma forma inocente.. "Oh. Eu tinha esquecido que ela estava lá. Ele sabia de imediato que o propósito do plano do encontro era o de levar a me beijar.. mas isso ainda me deixava desconfortável. "Então. alguma coisa. Eu assisti Edward ir para a sala de aula.

mas foi. Como qualquer outra aula de biologia deste ano. Meu silêncio atordoado se transformou em uma irritada carranca." Minha carranca se aprofundou quando ele começou a vasculhar sua bolsa. Eu nunca mudei de planos por ninguém antes. me ignorando. "Eu encontrei uma gravação antiga de um show de contagem regressiva. hesitei por um momento quando percebi que eu teria. Ele estava bebendo um pouco de suco de uma garrafa sem identificação. ele sempre fazia as perguntas mais pessoais. ou sei lá como que é chamado.?" Eu perguntei e me virei para olhá-lo para bloquear os olhares do resto da classe. e de alguma forma ele sempre parecia saber como me fazer mudar meus planos. ela achou legal a festa de Ano Novo. . empilhando livros e pastas sobre a mesa diante de nós. mas ela me cortou. "Não. afinal.Eu estava disposta a admitir que Alice conhecia Edward melhor do que eu. "Devemos ir para a aula. "Você gosta de me atormentar. mas era nitidamente na cor laranja. Ele sabia sobre a minha estranha atração pela coisa do suco de laranja. assim quando o ultimo sino tocou. eu juro que a classe inteira estava assistindo quando me sentei ao lado dele. menos eu a entendia. Mas seu comentário foi tão diferente do Edward que eu vim a conhecer.. "Os horários não esperam por ninguém!" Ela quase perfurou Ben Cheney no rosto enquanto ela bombeou seu punho no ar como se inspirando as tropas. Alice. não é?" Edward sorriu enquanto colocava a garrafa de volta em sua mochila. mas eu acho que nós-" Eu ia dizer que devíamos trabalhar no plano real do beijo um pouco mais. "Eu não tenho idéia do que você está falando. Eu fui deixada para trás confusa sobre Alice ser mais ciente do tempo que eu." Por que alguém iria gravar um programa que só importava em um momento específico? Quanto mais eu tentava conhecer Alice. "Isso parece muito bom. "Você está me ouvindo?" A voz de Alice me arrastou de volta para a conversa. Eu corri para a sala de aula. Além disso. desculpe. Eu olhei para a parte traseira de sua cabeça por um momento. O que você estava dizendo?" "Eu disse que eu já falei com minha mãe. naturalmente. que me sentar ao lado de Edward. que podemos usar." Alice levantou as mãos e fez aspas em torno de "Ano Novo" como se eu não entendesse o que ela queria dizer. Eles estavam procurando alguma evidência física que tínhamos feito sexo? Haviam evidências físicas? "A sua irmã é sempre assim." Ela virou-se e ricocheteou para o corredor. Certo. Isso não deveria ter sido uma surpresa. Ela cresceu na mesma casa que ele.

Eu não precisava dar a ele a chance de dizer não." Lamentei as palavras no momento em que estavam fora da minha boca. então eu fui a primeira a sair pela porta. muitas vezes acabam em apuros. A Dra. E ele não me respondeu. Foi uma idéia estúpida. Enquanto ele caminhava pela nossa mesa eu tive a certeza de que ele só estava fazendo isso porque eu tinha o ignorado ontem. Edward sentou-se lentamente. De qualquer forma. Obviamente. Quando eu disse a Charlie sobre isso mais tarde. desejando que ele parasse. O Sr. Ele teria que estar lá no sábado. Minha vida estava em ruínas na tenra idade de 17 anos. eu queria esquecer que eu já tinha o convidado para sair em primeiro lugar. eu queria me distrair do fato de que eu tinha pedido a um rapaz para ir a um encontro. Acabado. Não que eu tenha lhe dado muita chance. eu podia esperar. Eu poderia esperar até sábado para Edward me beijar. Me certifiquei de dar um monte de atenção para a aula de música. só virem o questionário quando eu falar!" A voz do professor soou alegremente do outro lado da sala quando ele começou a colocar folhas de papel viradas para baixo na frente de todos. telefones desligados. Para sempre. Eu só sabia que elas não tinham nada a ver com Edward e isso me fez sentir melhor. Eu não tinha idéia de quais eram as perguntas ou quais foram as minhas respostas. Com isto em mente. quando minhas orações foram respondidas da melhor forma imaginável. Ruth disse: Adolescentes que entram em relacionamentos sérios muito cedo. eu não fui nem mesmo capaz de pensar sobre o que tinha caído no teste. eu tinha certeza que eu poderia pensar em alguma coisa. Eles gastam muito tempo uns com os outros e não podem se concentrar em seus trabalhos escolares. tecnicamente domingo. menos do lápis. Eu sabia que não ia fugir disso tão facilmente. Na verdade. por isso mesmo que o plano de Alice era bem melhor. Eu não precisava pedir a ele para sair comigo. rezando a todos os seres poderosos do universo por algum tipo de milagre. como seria à meia-noite. Banner nos deixava sair logo que terminávamos o questionário. "Eu-" Edward começou."Você não me respondeu ainda. meus olhos se arregalaram para ele. "Livros guardados. já que eu tinha faltado ontem e eu estaria fora dessa escola em pouquíssimo tempo. eu tinha tudo planejado. Eu não queria que ele respondesse. Bem. O plano de Ano Novo idiota de Alice era dez mil vezes melhor que o meu plano de encontro. Dei de ombros para Edward e limpei meu espaço de trabalho de tudo. amigos ou família. eu dobrei a minha cabeça para o meu teste e o preenchi o mais rápido do que eu já tinha completado um teste antes. Além disso. . Era melhor levar as coisas devagar. Foi melhor assim de qualquer maneira. E o universo deve ter me escutado e se sentido bastante magnânimo nesse dia. os olhos fixos em mim o tempo todo.

era difícil julgar o quanto havíamos passado juntos. muitas vezes acabam em apuros.. O quão ruim eu devia parecer para estar atraindo sua atenção? Eu quase gemi de novo. vi Sexo para Idiotas parado no meio da minha cama e hesitei. era como se nós gastássemos cada momento juntos. o abri e olhei através do índice. a seção sobre namoro. Nós tínhamos? Não. E Charlie. Era surpreendente que ela reparasse em mim. eu disse sem tirar os olhos de meu papel. A professora de música do Forks High vivia em um mundo só dela e não parecia conseguir fazer com que os adolescentes lhe importassem. Eu gostava de seu cabelo e seus olhos e seu suco de laranja. Mas eu tinha certeza que não tínhamos. Quando eu não estava perto dele as coisas pareciam tão. Ele estava em meus pensamentos muitas vezes. eu decidi que era melhor ir. de alguma forma. Incompletas e inábeis. Só que não era verdade. E conheci Alice um pouco.. Eu arrastei o livro à beira da cama. Não havia um vislumbre do cabelo vermelho à vista quando eu fiz meu caminho para a caminhonete depois da aula. Eu queria que toda essa incerteza e confusão fossem embora. eu queria que ele me beijasse. Green me perguntou quando eu gemi em voz alta enquanto tentava desenhar uma clave de sol uma e outra vez nas margens das minhas partituras. Eu queria que essa coisa toda se resolvesse e se acabasse para eu nunca mais ter que ver Edward de novo. Peguei um lanche.. porque eu vi Jake. A viagem para casa passou em um piscar de olhos e eu considerei brevemente ficar em casa no horário da minha aula de música. peguei meu violino do meu quarto. Eles gastam muito tempo uns com os outros. Mas. você está bem?" A Sra. Por que eu não deixei que ele respondesse? Eu queria sair com ele. "Sim"."Bella. Página 57. Folheei um monte de páginas insignificantes sobre namoro (por que eles usavam essa palavra?) e casamento antes que eu encontrasse algo sobre adolescentes e namoro e sexo. mas como eu tinha faltado a ultima. então eles não podem se concentrar em seus trabalhos escolares.. Eu gostava de ver Edward. incompletas entre nós. . Eu tinha passado muito tempo com Edward? Olhando para trás na semana passada. amigos ou família. O que eu encontrei não foi encorajador. todas essas interações pareciam ligadas a Edward. Adolescentes que entram em um relacionamento sério muito cedo. Bem. deixei um bilhete para Charlie na cozinha.

Bob buzinou para mim enquanto eu cai para trás na cama. E depois devo ter adormecido. os meus pés pendurados ao longo da borda em direção ao tapete e eu li o resto da seção sobre namoro na adolescência: Quando você começar a namorar. Antes que pudéssemos nos movimentar. alguma coisa estava fazendo barulhos ao pé da minha cama. desta vez eu bati no lado em pânico do meu cérebro e empurrei Edward longe de mim e da cama. senti minha boca abrir quando um grito ensurdecedor emergiu das profundezas da minha garganta quando um tufo de cabelos vermelhos familiar apareceu no pé da minha cama. eu posso explicar". ou algo para usar como algum tipo de arma. É que o que tinha acontecido? Eu tinha deixado meu coração assumir o controle sobre a minha cabeça? O que isso significava? Quais os riscos que eu não deveria correr? Não estar namorando era um risco em si? Eu gemi em frustração e lancei o livro preto e amarelo para o chão. um grito surgiu da sala de estar. então ele não iria arrancar os cabelos se eu perdesse outra aula. oh sim. rolei até que todo o meu corpo estava na cama e meu rosto ficou enterrado no travesseiro. ou o meu laptop. Em vez de me levantar e sair. e eu estava bem ciente dos meus lábios contra a mão dele. Ruídos que soavam claramente como um ser humano. Em algo semelhante á uma câmera lenta. mais alta parte do meu cérebro estava simplesmente gritando. Edward olhou para a porta. PÂNICO!" no topo de seus pulmões. esse foi o lado do meu cérebro que ganhou. A outra. PÂNICO. . maior. eu tenho vergonha de dizer. "Bella. eu retirei Bob e liguei para meu instrutor. Nós dois estávamos respirando com dificuldade. não deixe seu coração assumir o controle total sobre sua cabeça. Só porque você gosta de alguém não significa que você tenha que assumir riscos a fim de vê-lo. "Bella? Você está bem?" Os pés de Charlie estavam batendo nas escadas e. Ele era pago eu indo ou não. ele lançou-se sobre a cama e apertou sua mão sobre minha boca. E. E. O rosto debaixo do cabelo parecia tão apavorado quanto eu me sentia. No segundo que me levou para perceber que era Edward e parar de gritar. Era o sinal de que eu tinha que parar de fazer minha lição e ir para a aula de música na hora certa. Uma parte do meu cérebro estava gritando para eu acender uma lâmpada. e a luz entrando pela janela era menor e mais escura. Eu estava meio que em cima da cama. Uma coisa humana estava no chão ao pé da minha cama. pois a próxima coisa que eu sabia era que eu tinha uma necessidade premente de usar o banheiro. o olhar em seus olhos tornando óbvio que ele tinha deixado o pânico vencer. felizmente. "PÂNICO.

"Bella. Alto. Especialmente porque eu não tinha certeza do que estava acontecendo. parecia uma má idéia. eu sou uma péssima mentirosa. foi à pior coisa que eu poderia ter dito como isso obviamente não era verdade. Devo ter tido um sonho ruim. como eu normalmente faria. Adormecer no meio da tarde arrasou com a minha agenda interna. hein? Porque eu posso ligar para-" "Não. "Porque você gritou?" "Eu nem me lembro de ter gritado." Empurrei-o em meu armário e pulei de volta para a cama bem quando Charlie irrompeu pela porta do meu quarto. "O que você está fazendo aqui? Quando você chegou em casa?" Eu não precisei colocar uma confusão falsa na minha voz neste momento. "No mesmo horário de sempre. Isto. quando um barulho no armário o deteve. "O que foi isso?" "Nada". Estou bem." Charlie voltou para a porta e estava quase fora. não foi isso. "O quê?" Charlie olhou para mim perplexo. naturalmente." "Não foi sobre o acidente. Isso sempre pareceu complicar as coisas e tornar a vida mais difícil. e cavei Bob para fora de seu esconderijo na cama."Agora não! Charlie tem uma espingarda e ele não tem medo de usá-la. pai. "O quê?" Tentei parecer sonolenta e confusa. Eu devo ter adormecido. Eu não me lembro sobre o que foi. "O que aconteceu? O que há de errado?" Agora. . "Sim. o que está acontecendo? Por que você não foi para a sua aula de música?" "Eu queria. Desculpe assustá-lo. Por que você estava gritando?" "Eu gritei?" Eu fiz o meu melhor para fazer isso soar como uma pergunta e não como uma declaração." Eu fiz uma grande produção de parecer estar chocada comigo mesma. para que eu pudesse ligar para meu instrutor. Mas a idéia de deixar escapar a verdade." Eu lhe dei o meu melhor olhar vago.

notou meu rosto em estado de terror." eu comecei." "Edward". Swan. "Bem". lentamente. balançou a cabeça e. "O que você está fazendo aqui? E por que você sentiu a necessidade de esgueirar-se?" "Eu poderia usar alguma ajuda". olhando para Edward com malícia. Charlie falou. Sentei na cama procurando em meu cérebro por uma explicação. Sua cabeça começou a balançar para cima e para baixo como se fosse convencer-se de que isso realmente estava acontecendo. Eu nem sabia a verdade de por que Edward estava em meu quarto. O silêncio que veio depois se estendeu muito além do que eu pensei que poderia. Sr." Edward se virou para a janela para sair. "Pode deixar tudo cair. Edward estava congelado. Mas não havia uma. perdeu o controle sobre tudo e a prateleira ruiu sobre ele. "O que você está fazendo?" . "Estou procurando tempo para corrigir isso. finalmente." Fiz um gesto para a bagunça que ele deixou no meu armário. Charlie atravessou o quarto e abriu a porta do armário. enfiado entre minhas camisas de botão e minhas saias de negócios.Antes que eu pudesse pensar em outra coisa a dizer. Bem. caminhou para fora do quarto sem dizer mais nada. "Uh. e não tinha esperança de pensar em uma mentira convincente. e então congelou com o que viu ali. Ele mesmo fechou a porta quando estava do outro lado. Charlie lentamente virou a cabeça para me olhar." Estremeci quando ele saiu do armário e segurou a prateleira e todos os meus velhos diários planejadores caíram ao chão. Ouvi o clique assim quando Edward. "Olá. A mão de Charlie estava na maçaneta da porta do armário. "O que você está fazendo?" Eu peguei Bob e fui percorrendo minha agenda. "Oh. com as mãos acima da cabeça segurando a prateleira que ele tinha desencaixado. e depois voltou para Edward. mas não havia nada que eu pudesse dizer para explicar que eu tinha escondido um rapaz no meu armário. depois parou. mas não fez nenhum movimento. até mais.

está bem. Ele empurrou meu livro para mim. "Não." Sua resposta foi pesada e forte. Isso não é nem mesmo inteligente. leve. Você está aqui porque. "Então." "Você queria roubá-lo." Ele olhou como se precisasse de algum incentivo. A Oprah é assustadora.?" Eu respirei fundo e decidi que fazer perguntas não era o caminho a percorrer nesta situação. Eu não pude suportar olhar enquanto ele levava Sexo para Idiotas para longe de mim. ainda olhando em direção a sua válvula de escape. "Você não vai sair comigo?" Nós dois sabíamos que essa não era a verdadeira questão... "Talvez você devesse sair pela frente.. eu vim para roubar isso. pensando que eu tinha mudado de idéia." .. você sabe o resto. Edward se levantou e caminhou em direção à janela. Eu nunca iria a um encontro com você enquanto você ainda tivesse este livro. Isso é assustador". ele é minha bíblia! É a minha Oprah!" "Exatamente. "Se você não se sentar e explicar-se.." Ele levantou algo do chão e acenou-o para mim. "Isso não vai fazer nenhum relacionamento funcionar. enquanto eu estava dormindo... de modo que Charlie saiba que você se foi." "O quê?" "Ok.Mas.. e eu sabia que era a final. Nunca.. É seu." "Sério?" "Sim". "Como. bem. O que. Edward o soltou e pousou o livro na cama entre nós." Edward se afastou da janela e sentou-se na borda da cama. Ele tinha uma mão e um pé na janela e parecia que ele iria apenas saltar os dois andares para o chão. "Uh. eu pensei que seria melhor simplesmente sair daqui o mais rapidamente possível antes de você acordar e. eu te seguirei para sua casa e contarei para seus pais que você subiu como uma aranha no meu quarto sem ser convidado."Saindo".. "Bem. "Espere!" Edward suspirou e virou-se. "Mas quando vi que você ainda estava aqui." Minha mão se estendeu para agarrá-lo.

e abri o meu calendário. mas acabou apenas nos lembrando da sua presença. então. amanhã à noite?" Edward estava meio fora da porta." Ele se virou e começou a caminhar na direção oposta de sua casa. eu te convidei para sair. até mais." "Oh. "Claro. bem ali e naquela hora. Dei um passo para mais perto da porta. "Você sabe que você mora para o outro lado. Verei você. ambos procurando evitar a sala onde Charlie estava assistindo televisão. No meio do caminho dos degraus da escada ele voltou. Dei um passo para trás. certo. Edward acenou com a cabeça em despedida e começou a se afastar. Eu tinha esquecido que não tínhamos resolvido nada sobre o nosso encontro. bem." "Até mais". Vou buscá-lo às seis?" "Você vai me pegar?" "Sim. quando ele olhou para mim. . Ele parecia mais desconfortável do que quando encontramos seu pai no local de planejamento familiar." Ele não se moveu. Vou pagar também. Claro. Meu carro está depois da esquina. "Amanhã está bom." "Okay. Certo. "Então. Descemos as escadas juntos."Oh." Eu angulei Bob para que eu pudesse ler a tela." "Oh." "Você vai me ver na primeira aula. Meus dedos escovaram a espinha dorsal de Sexo para Idiotas." Seu rosto ficou com um tom esverdeado e os músculos de seu maxilar tremeram de uma forma estranha. Mas Charlie aumentou o volume da televisão. Dei mais um passo. mais perto dele. "Como você se sente?" Edward perguntou. Ele acenou quando ele alcançou a borda do quintal. Nada muito urgente. com certeza. provavelmente para nos dar privacidade. "Estando do outro lado dos esquemas malucos?" "Meus planos não são esquemas malucos." "Uh huh. certo?" "Sim. e por um segundo eu pensei que ele iria me beijar.

assim que cheguei ao meu quarto eu me senti nua. Se ele não iria dizer nada. quando Charlie falou de novo. Ele riu e continuou seu caminho. Ou algo assim. "Então?" Era melhor iniciar a conversa e não me deixar ficar na ofensiva. Bob descansando em meu colo. mas dar a minha cópia física a Edward parecia como uma promessa de não usá-lo mais." As escadas desapareceram debaixo dos meus pés enquanto eu corria por elas. O carro de Edward não apareceu no estacionamento no dia seguinte. Parecia estúpido pedir uma palestra sobre ter meninos em meu quarto. mas como ele estava vendo notícias sobre um serial killer em Seattle. "Bella?" "Sim. completamente vestida. eu não achava que ele estava rindo disso."Eles não são esquemas malucos!" Gritei às suas costas. papai?" "Amanhã você pode lembrar a Edward que temos uma porta da frente?" "Com certeza. Além disso." "Obrigado. com o que parecia ser fonte de uma vida inteira de pastas e livros didáticos em seus braços. Ele nem sequer se afastou da televisão. Eu sabia que poderia obter uma cópia do livro lá. A soneca anterior tinha me deixado inquieta e passei o resto da noite reorganizando meu quarto e ficando tão longe do computador quanto possível. Alice estava de pé ao lado do meu armário. fui re-organizar os aplicativos e pastas em Bob e adormeci para a noite. "Você não vai dizer nada?" "Sobre o quê?" "Sobre-" Parei de responder. A visão de meu case do violino no canto me fez. então eu retirei Bob e anunciei o fim da minha lição. Foi desconfortável e eu quis que isso parasse. Eventualmente. me sentir culpada. Eu o vi se afastar por um momento então me voltei para a sala de estar. não foi minha culpa de qualquer maneira. eu não ia levá-lo a dizer. Ou exposta. . pai. Apesar de estar sozinha e completamente vestida. "Deixa pra lá. Charlie estava sorrindo para a TV. para longe da sala. E eu esperei até 10 minutos antes da aula começar para sair da minha caminhonete e entrar." Eu me virei para as escadas e estava pronta para correr por elas. "Então".

não é?" "Eu estava esperando que Edward aparecesse no estacionamento. Com todos estes pensamentos sobre Edward fluindo através da minha mente. as notas que eu estava tomando em minhas aulas ficaram mais e mais confusas enquanto a manhã avançava. Mas eu não sabia de que tipo de música ele gostava. "Uma lista de convidados. Alice estava sentada à sua mesa de sempre. Nunca deixando minha mente deslizar sobre Edward. Ou quantas vezes. não por muito tempo. Eu sabia que ele era gentil e atencioso. certo. o quão bem eu realmente conhecia Edward? Eu sabia que ele gostava de suco de laranja e eu podia jurar que às vezes ele podia ler minha mente." "Bella! Que bom que você está aqui. e. podemos conversar na hora do almoço? Eu tenho que ir para a aula. "Então. Ele sempre parecia estar zombando de mim e isso me fazia querer dar um tapa nele algumas vezes. uma lista de jogos. presumivelmente em direção a sua primeira aula. sobre a festa. e um arco-íris de canetas e marcadores permanentes ao seu lado. Fiz questão de prestar atenção e tomar notas e agir normalmente em minhas aulas da manhã. Eu não sabia o que ele gostava de assistir na TV. bem. . parecia que eles estavam comendo um ao outro no almoço. uma lista de lanche." "Oh. Você geralmente chega antes disso. bem. Alice."Bom dia. a comida estava intacta na frente deles. Apesar de ter sido aceita para diversas universidades. Bella. Você-" "Oh. Eu não sabia o seu nome do meio. pelo menos. Ela não elaborou. Claro. e na última semana e meia não tinha andado em direção a esse objetivo." Eu esperei que ela elaborasse. fazendo qualquer coisa para me distrair disso." Ela lançou-se fora da parede e começou uma caminhada veloz pelo corredor. mas irritante. Por que ele tinha faltado? Ele ficou envergonhado de invadir o meu quarto? Isso não se parecia com ele. uma lista de álcool. ele ficou em casa hoje. As anotações de literatura foram separadas por uma longa lista de perguntas que eu ia perguntar a ele durante o nosso encontro. Eu ainda estava escrevendo no meu caderno quando eu entrei na cafeteria." Ela apontou para uma mesa à esquerda onde Emmett e Rosalie estavam. Ele era paciente. Ou. "O que você está fazendo?" Eu perguntei quando me sentei ao lado dela. todos seus livros espalhados à sua frente. Eu estava pensando-" Mas o sino de alerta tocou e interrompeu-a. eu ainda tinha que assistir a todas as minhas aulas. Ou por que ele não queria me beijar. Embora. "Uh. Eu não sabia com quem ele tinha feito relações sexuais antes de mim.

Vou precisar de sua ajuda na noite. em seguida. Alice olhou para ele um momento antes de cair na risada. quem disse que eu quero ir para a sua festa? E em segundo lugar. sua reputação fala por você. "O que as duas senhoras estão tramando?" Arrumei minhas costas. Jasper se sentou em frente a nós. O que você está fazendo aqui?" Os tom de Alice claramente quis dizer." Alice e eu olhamos para o dono da nova voz. "Há algo específico que você queira que eu faça?" Eu estava quase com medo de perguntar. "O que você está fazendo?" Alice perguntou com malícia em sua voz. como você esteve se enroscando com Lauren Mallory em qualquer espaço semi- privado que pôde encontrar aqui na escola na semana passada. "Isso seria como admitir a derrota. "Comendo meu almoço. a fim de separar Emmett daquela vagaba. ‘Vá embora agora’." "Acontece que a vagaba é a namorada do Emmett." Jasper tinha terminado seu sanduíche." Ela balançou a cabeça. voltou-se para sua organização." Ela chupou uma respiração profunda. então você não teria que prestar atenção-" "Não. "Agora não." . O único que não foi convidado foi você. e estava prestes a sugerir que pegássemos nossas coisas e mudássemos nossa reunião para a biblioteca quando Alice lhe respondeu." "Em primeiro lugar."Por que você não vai para outro lugar durante o almoço?" Alice olhou para mim como se eu fosse louca. um pedaço de alface pendurado em sua boca. "Jasper. porque eu não tenho vontade de encontrá-lo fazendo sexo com qualquer vagabunda na cama dos meus pais. o que a faz pensar que eu iria levar alguma garota aleatória para a cama dos seus pais?" "Bem. "Não é hostilidade." "Whoa. "Bem. é apenas a verdade." Jasper engoliu em seco e sorriu para ela. "Você parece tão ridículo. E eu não posso fazer isso." Ele resmungou em torno da mordida de seu sanduíche. Alguém está com sentimentos hostis hoje. Jasper olhou para cima. "Estamos discutindo sobre a festa que eu irei fazer neste sábado. mas ainda estava sorrindo para Alice. e começou a comer enquanto nós olhávamos para ele.

uma vez que eu tinha deixado o refeitório. Será que o Jasper que eu tinha ouvido na segunda-feira teria recusado qualquer oportunidade com uma garota? Eu teria me importado tanto sobre beijar alguém na semana passada? Alguém poderia mudar drasticamente em uma semana? "Alice. Eu só não gosto de olhar para ele." Alice se virou e me olhou como se eu tivesse a traído. E que Jasper tinha se recusado. não pode. Eu estava fingindo estar ocupada com sua lista de comidas aceitáveis para a festa. "Sério? Bem. Os dois olharam para mim por um momento. Ela estava na metade do corredor." Os olhos de Jasper brilharam e seu sorriso aumentou. Bella. se eu dissesse a todos que na sexta-feira você estava me implorando para-" "Eu estava quase implorando-" Alice parou abruptamente e olhou em minha direção. eu tinha esquecido que Alice queria que Jasper a beijasse. inadvertidamente. Ele me faz me sentir desconfortável. "Alice!" Gritei para ela. você e Edward tiveram relações sexuais. "Você pode vir se quiser." Ela saiu. antes de Alice suspirar e olhar para a mesa. "Se você não o convidar. "Então. eu acho que você deve deixá-lo ir à festa. ele vai dizer a toda a escola alguma história terrível sobre o que vocês dois fizeram no laboratório de biologia ou algo assim. me desculpe. Alice e Jasper nem sequer faziam biologia. Eu tinha esquecido que eu. com os braços perigosamente cheios. anunciei para toda a escola que Edward e eu tínhamos tido relações sexuais no domingo." Jasper abriu a boca para responder. Com tudo o que tinha acontecido desde sexta-feira. mas Alice se levantou e começou a recolher todos os seus livros antes que ele pudesse falar. "E se eu pegar seu dedo do pé no quarto dos meus pais. eu vou matá-lo pessoalmente. posso te perguntar uma coisa?" ." Corei quando eu falei." Eu decidi não mencionar a coisa toda do beijo. hein?" Levantei-me e segui Alice sem dizer uma palavra. "Oh. deixando-me sentada a uma mesa com um menino que eu nunca tinha falado antes."E uma pessoa não pode mudar?" "Não em uma semana. "Alice.

" Ela parecia nervosa. Se eu começasse a saquear meu armário de imediato. Mamãe e papai não se importam se nós faltarmos enquanto mantermos nossas notas altas. "Você nem sequer pensou nisso?" Eu não tinha que pensar sobre isso. fui atingida com o pânico sobre o que vestir em um encontro. Eu realmente não mantenho o controle sobre meu irmão". com certeza. E se ele estivesse querendo me ligar todos esses dias."Ah. "Sim?" "Você acha que as pessoas podem mudar? Quero dizer. E se ele estivesse doente ou ocupado e não tinha me ligado para dizer? Será que ele ainda tinha o meu número de telefone? Será que eu tinha o dele? Um rápido olhar para Bob me disse que eu não tinha. pela segunda vez na minha vida. você acha que elas podem mudar tão rápido?" "Sim". "Ele disse aos nossos pais que queria um dia de folga. "Mas você não sabe por que ele queria um dia de folga?" "Nope. obrigado. "Bella?" Eu me virei e olhei para ela sobre meu ombro. . e arquivei todos os pensamentos que não eram relacionados ao assunto em mãos para análise posterior. deixando Alice em pé no corredor. Eu tinha cem por cento de certeza de que uma pessoa poderia mudar em uma semana. A tarde continuou em uma forma semelhante a antes que eu começasse a pensar em sexo e Edward. ocorreu-me que ele poderia não ser capaz de ir neste encontro hoje à noite." Eu fui embora." Eu balancei a cabeça. Especialmente agora que há apenas duas semanas para o final. ok." Eu me virei com a intenção de parar na biblioteca e tentar colocar as minhas anotações daquela manhã em algum tipo de ordem sensível. "Uma pessoa pode mudar. Ela pode mudar rapidamente. ela encolheu os ombros. mas a voz de Alice me parou. o que provavelmente significava que ele não tinha o meu também. fui para a aula. Ela só precisava da devida motivação. Eu organizei minhas anotações. "Hmmm. eu percebi que eu poderia trazê-lo de volta ao normal antes que Charlie chegasse em casa. "Por que o Edward não está aqui hoje?" "Oh". quando eu comecei a jogar cada camisa única que eu tinha em uma pilha rejeitada. Eu não me preocupei com nada até que eu cheguei em casa e. Claro que.

soltando um som de frustração e decidi que só iria ficar lá pelo resto da noite e esquecer Edward Cullen. então me lembrei. Este era mais um sinal sobre o quanto eu estava mudando? Se assim fosse. Por . Eu disse a Charlie para comprar o seguro de viagem cada vez que ele teve que atravessar a fronteira por menos de um dia. eu abri a minha porta e marchei descendo as escadas. do outro lado da porta. Mas nunca pensei em pedir ao homem que eu tinha tido relações sexuais o seu número de telefone? Eu era um fracasso. e eu estava vestida com as mesmas roupas que eu tinha derramado formol em biologia. Eu não tenho. Eu precisava estar no controle dessas coisas.. eu não gostava disso e isso precisava parar. apertou alguns botões e um momento depois. Eu preciso dele. a campainha tocou. e quando eu comecei a tirá-la. relacionamento. Empurrando-me para fora da cama. ainda de pé na varanda da frente. "Esse é o meu número. Eu sabia quando culpá-lo. pegou seu telefone. O momento em que eu pensei nisso. percebi que uma blusa tinha ficado presa à camiseta que eu estava usando." Eu comecei a deixá-lo responder. Eu precisava ser capaz de ligar para o meu parceiro sexual a qualquer momento. Eu sempre pensava no futuro. Quando abri a porta da frente. "Roupa interessante para um encontro. Eu até lhe disse para onde ir com as melhores taxas. o seu número de telefone. Algumas meninas poderiam ter ficado perturbadas ou envergonhadas por ter sido vistas assim. você chegou duas horas mais cedo.mas não pudesse porque eu não pensei em dar a ele meu número de telefone. me dirigi as minhas outras preocupações. Edward." Meu cabelo estava uma bagunça. Não eu. eu tinha uma roupa aleatória presa a mim. Não ficar perdida sobre se um encontro vai ou não acontecer porque eu tinha esquecido de perguntar-lhe o seu número de telefone. Eu não sei como eu achei que eu poderia fazer essa interação." Passando sobre a minha curiosidade sobre como ele conseguiu adquirir o meu número de telefone." Edward. Eu desmaiei na pilha de roupa na minha cama. essa coisa de.. "Espere! Qual é o seu número?" "Meu número?" "Sim. "Por que você não foi para a escola hoje? Além disso. "Por que está aqui tão cedo? Nós tínhamos um plano. falou. Eu não estou pronta para você. Bob zumbiu na minha mão.

eu vou precisar limpar a casa um pouco." Eu ainda estava de pé na porta da frente. toda a casa parecia bastante limpa e arrumada. nós vamos ficar aqui. É por isso que cheguei mais cedo. E eu não conseguia pensar em uma maneira de mudar sua mente. "Certo"." "Não. Nenhum lugar na cidade faz reservas. Na verdade. "Eu disse a Charlie ontem que eu ia fazer isso. saia." Eu parei quando olhei ao redor da sala. O jantar será servido pontualmente às seis. Isso significava que ele tinha decidido dizer isso antes de roubar o livro." "Antes". um pouco desnorteada. você pode ir e fazer tudo o que você precisa fazer para ficar pronta. "A. "Certo". Ele provavelmente limpou um pouco. Huh. posso entrar?" Afastei-me da porta e deixei Edward entrar. "Obrigado." Eu balancei a cabeça para ele e comecei a fechar a porta. "Bella.." "Você disse a Charlie?" Edward acenou com a cabeça.. "Meu pai vai aparecer esta noite?" "Não até mais tarde. você não fez. você ainda vai ter que esperar. Ele tinha duas sacolas na mão e imediatamente foi para a cozinha com elas.." "Nós não vamos? Mas eu pensei que você-" "Quero dizer." "Mas eu já fiz reservas para nós. O que ele teria feito se eu não tivesse o dado a ele? "Então. na casa preta* ou algo assim? Em La Push?" . Esta foi uma reviravolta imprevista dos acontecimentos. Eu irei cozinhar o jantar. nós não vamos sair hoje à noite. eu vou buscá-lo em sua casa como discutido anteriormente. livre de suprimentos de limpeza de Charlie e partes aleatórias de uniforme policial.favor. "Bem.. Ele disse que estaria em" Edward hesitou aqui." Por que eu achei que ele não saberia disso? Ele vivia aqui por mais tempo do que eu. "Isto foi antes ou depois de ele descobrir que você se escondeu no meu armário. agora que eu tirei um momento para olhar em volta.

isso seria apenas 10 minutos. A única coisa que me cumprimentou no andar de cima foi uma montanha de roupa rejeitada com um buraco no meio dela. mesmo que eu tomasse banho. Para me maquiar seria oito. Ele não ia me dizer mais nada.*Black significa preto em inglês. enquanto Edward cozinhava na minha cozinha? Quero dizer. viver uma vida programada era um saco. eu estou pronta. vá fazer tudo o que você precisa fazer. "Não. "Uh. E eu poderia dizer que não havia nada a ser encontrado naquela pilha que fosse útil para esta noite.. "Você não tem nada que você precise fazer antes do nosso encontro?" Eu balancei minha cabeça." "Ah. Eu? Tentando perder tempo? Alice estava errada. bem. "Entre e sente-se então. Às vezes. e arrumar o cabelo seria três. Outras meninas menos eficientes poderiam provavelmente gastar três vezes mais tempo se preparando. ahahah "Nos Black’s. É um sobrenome. "Por que você não estava na escola hoje?" "Eu tinha algumas reflexões a fazer esta manhã. as pessoas poderiam mudar definitivamente em uma semana. e é o sobrenome do Jake. O que eu ia fazer por duas horas. ele estará lá. Podemos ter um encontro mais longo desta forma. só para explicar. "Claro.." Edward foi para a cozinha em silêncio." Seu sorriso aumentou. sim. Amigos da família. inclinando-me contra ela em vez de sentar. ." Edward virou a cabeça do fogão e sorriu para mim. Você não deveria se preocupar com essas coisas esta noite." "Eu me preocupo mais se eu não souber." Eu sorri e timidamente avancei para a mesa da cozinha. sem saber se eu era bem-vinda na minha própria cozinha. Sim. posso entrar?" Coloquei a cabeça na esquina da entrada do corredor. Agora. Desistindo de todo o negócio de parecer bonita para Edward." "Ele disse quando ele iria voltar?" "Ele me disse um horário para esperar por ele. eu desci as escadas na ponta dos pés. E eu também achei as ilustrações de seu livro muito perturbadoras".

" "Isso deve ter sido difícil.. Dialogam." "Eu sei"." Eu chicoteei minha cabeça em torno dele. "Bem." Foi estranho dizer isso em voz alta. Você o conhece. tentam conhecer uma a outra." Eu não tinha idéia do que dizer sobre mim mesma. "De modo geral. Minha mãe está morta. Eu não tinha falado sobre ela há 11 anos." "E. e uma mãe que obsessivamente vende produtos da Avon. um pai que trabalha em uma clínica de planejamento familiar. "Como ela morreu?" Edward parou o que estava fazendo e se virou para me olhar. eu tenho uma irmã gêmea irritante. "Eu realmente não gosto de falar sobre isso. Ele me deu um olhar que claramente dizia 'Vou esperar. é isso. "Ok.' "Bem. Agora eu me sentei à mesa.." "Então?" Eu olhei para ele quando ele despejou algo em uma panela no fogão. "Eu suponho"." "O que aconteceu?" Sussurrei minha pergunta." Ele riu e se moveu para a tábua de corte sobre o balcão que tinha alguns legumes e um monte de pão nela. as pessoas conversam em encontros. .Corei e olhei para o chão.?" "E. ela morreu dois meses depois que eu vim morar com meu pai. Ninguém nunca tinha perguntado antes. de costas para Edward. "Eu só tive relações sexuais com uma outra pessoa. você primeiro." Dei de ombros. Como é a sua família?" "Eu tenho um pai.. "Então. Em um acidente de carro.. Ela foi minha namorada por todo o grau dez e onze. Às vezes acho que você o conhece melhor do que eu. Você sabe. Ele é um policial. "O nome dela era Sarah.

só parecia certo planejar isso. "Eu suponho". Eu queria saber exatamente onde eu tinha que estar e o que estava me esperando. "Quando fiz dez anos eu decidi que não queria ser como minha mãe. Eu ainda tenho todos os meus planejadores que eu usei antes de Bob. Ouvir sobre outras que tinham mais experiência ou não eram diferentes do jeito que eu era diferente. E depois de um certo período de tempo de estar juntos. É por isso que fui enviada para cá. Tanto quanto eu queria saber sobre o passado sexual de Edward. Eu assisti esse filme com Jake no domingo antes de tudo isso acontecer. Éramos mais amigos do que qualquer coisa. E eu vi o que isso era. na noite antes de eu lhe pedir para fazer sexo comigo. Isso é um problema?" Edward balançou a cabeça e voltou para o balcão. mas não o sexo. Ela. "Ok. E mais uma vez. "Você está dizendo que tudo isso aconteceu porque você assistiu um filme de Steve Carell?" "Bem. então por que eu? Por que você me pediu para fazer sexo com você? Nós nunca tínhamos conversado a menos que tivéssemos um trabalho para fazer juntos. isso foi quase um alívio. para viver com meu pai. eu planejei meus dias. sim. Uma oferta. percebi que o sexo nunca tinha entrado em meus planos. Eu sorri para ele e virei o rosto para a parede novamente. Então. "Você não percebe que você mudou o seu plano de vida por causa de um filme estúpido?" Eu nunca tinha pensado nisso assim." . Então. ela costumava esquecer-se muito das coisas. ambos percebemos o quão estúpido estar juntos era". Eu escrevia amplos detalhes sobre o que iria fazer pelo resto da minha vida. "Eu acho que todos eles caíram na minha cabeça na noite passada.. Ele largou a colher de pau e se aproximou de mim." Edward voltou a cortar e misturar e tudo o que ele estava fazendo no fogão." "Espere". a qualquer hora que eu pensava em fazer alguma coisa. Mas. eu também tinha medo de ouvir sobre as meninas que vieram antes de mim. E eu não queria ser um Andy Stitzer. bem."Nada realmente. Foram apenas pequenas coisas para começar. parecia que tínhamos que dormir juntos. Ficamos juntos porque estávamos juntos. Casamento e filhos tinham. bem." "E.." "Quem?" "O personagem principal de O Virgem de 40 Anos. nós dormimos. "E então." Edward riu. E no dia seguinte.

"E você? Por que você disse sim?" Houve silêncio durante o que pareceu uma eternidade." Hesitei. então eu percebi que era minha vez. você programou perder sua virgindade. "Honestamente?" "Claro. eu pensei.. Eu acho que é justo dizer que ambos temos alguns problemas." Edward fez um barulho estranho." "Oh? De que maneira?" "Nesse. bem. "Você parece ter problemas de intimidade. por isso Edward sentou ao meu lado. Não era isso que eu estava esperando. embora estivéssemos de costas para o outro eu disse.. Parecíamos estar indo e voltando com as perguntas. "De todos os meninos na escola. deixando panelas fervendo e cozinhando. você é." "Oh". "Eu realmente não sei. "Eu pensei que você ia desistir e eu queria ter certeza de que você estaria com um cara que iria deixá-la voltar atrás." Como explicar? Eu não queria lhe contar toda a história. que nós não iríamos tão longe. Eu realmente não queria dizer a ele há quanto tempo eu me sentia atraída por ele. . porque ele não queria fazer sexo comigo? Isso não fazia qualquer sentido. bem. bem.. bem. por que você foi em frente?" "Ummm." Ele parou todos seus movimentos e olhou pela janela da cozinha um pouco. sabe? Daí. bem. "Bem.. ele concordou em fazer sexo comigo. você sempre foi o único garoto que conseguiu me fazer perder meu foco. "Eu sempre achei você muito atraente. Mas eu senti como se eu lhe devesse uma explicação depois de tudo. "Então." "Você não sabe?" O que isso significa? "Sim. mas eu continuei a encarar a parede."Bem. você ficou semi-nua e-" Ele parou antes que ele pudesse cavar um profundo buraco ali. "O que você está fazendo?" A tábua estava coberta de vegetais rejeitados e mais facas do que eu tinha visto sendo utilizadas na confecção de uma refeição. Você já dormiu com duas meninas sem nenhuma razão aparente?" "Sim. Então." As coisas no fogão pareciam estar em algum tipo de espera. Eu não entendi nada." Eu endireitei minhas costas. sem um pingo de vergonha na minha voz." Edward suspirou antes de responder.

" "Você estava lá?" "Não. "Então eu me sinto honrada. esquecida. eu não poderia dizer se ele estava ou não brincando com minha cara."Espaguete". não. Como se ele soubesse que eu tinha mais a dizer. ela esqueceu de me pegar na escola por quatro horas. por quê?" Eu não tinha dito a ele que eu vim morar com Charlie meses antes de mamãe morrer? "Bem. então ele não tem que responder. Certa vez. E. ela não tinha mais um motivo para tentar. Você deveria se sentir honrada. bem. Eu não vou fazer uma pergunta a ninguém." "Como foi que sua mãe morreu?" "Ela morreu em um acidente de carro." eu deixei a sentença no ar. pode perguntar. Mas eles pararam. não é?" "Sinto que. depois que eu saí." "Isso não significa que seja sua culpa. "É fácil dizer isso. se ele não quiser responder. "Yep. ela não era muito boa na vida. assim. Uma receita muito especial da família Cullen. "Bem. Eu pensei que talvez você estivesse lá. alguns meses depois do acidente eu tive alguns pesadelos ruins sobre ele." Ele falou com tanta sinceridade." "Posso te perguntar uma coisa que eu não acho que você quer responder?" Nunca entendi por que as pessoas se preocupavam com isso. ele perguntou se você teve um pesadelo sobre o acidente. "Veja. Aquele que dizia que ele iria esperar. você vai limpar a bagunça quando terminar?" Ele balançou a cabeça. mas." Edward disse enquanto ele se levantou e voltou para o fogão. mamãe era. não sabendo onde eu estava planejando levá-la." Edward me deu aquele olhar de novo. . "Espaguete?" Uma criança de cinco anos poderia fazer espaguete com menos bagunça. ontem à noite quando você gritou e Charlie apareceu." "Você se sente culpada. "Claro." "Oh.

" Eu toquei Edward repetidamente no peito. Até que eu disse adeus a ele na porta da frente. "Bella. "Bella?" Eu estava tão perdida em meus próprios comentários que me levou um momento para lembrar que esse era o meu nome. fazendo deste o nosso quarto. Eu não retirei Bob nenhuma vez. e isso não vai funcionar. fácil. "Então. Nós não falamos sobre nossas origens estranhas. O resto da noite passou de tal forma que eu imaginava que ninguém nunca tinha tido um encontro tão normal. "O que você quer dizer? Esse é o nosso terceiro encontro. Ele estava brincando? Ou ele estava falando de outra coisa que não fosse beijar e essa conversa toda tinha sido apenas um terrível mal- entendido e agora eu iria ser beijada." Ele sussurrou." Eu tentei parecer desapontada. Edward pegou a minha mão na sua e me puxou em sua direção. "Eu sei o que você está fazendo. você acha que esse é o nosso primeiro ou segundo encontro?" Edward perguntou quando ele parou no saguão. Na verdade eu poderia fazer um argumento para o dia antes de termos um encontro. Fiquei decepcionada. Eu não vou mentir." "Claro que eu conto. "Você acha?" Ele iria me parar? Será que ele queria me beijar ou não? Por que não podíamos apenas falar claramente? "Sim. mas eu me lembro da noite sendo suave. o território primal do primeiro beijo. Eu sabia que era o fim do encontro." "Oh." "Como?" Ele pareceu confuso. Não me lembro de nenhum detalhe do que conversamos. Eu não sabia o que ele tinha feito nele e ele não quis me dizer. você não pode honestamente esperar que eu conte nosso compromisso do sexo como um encontro. mas ele estava inclinando o rosto para baixo do meu enquanto ele falava. "S-sim?" . a boa notícia é que o jantar está pronto. ele não bebeu todo o suco de laranja. quando eu falei. dando um passo mais perto e o cutucando mais forte. e eu queria estar tão próxima dele quanto possível."Bem. enquanto expressava desapontamento. Eu dei-lhe um olhar aguçado." O espaguete acabou por ser delicioso.

está tudo bem se você-" "Pare!" Eu o interrompi e livrei-me de sua mão. Eu não tinha certeza. seus lábios há menos de uma polegada dos meus. Eu balancei a cabeça para mim. E então eu chorei para dormir.."Relaxe. Baguncei um plano. Jasper ao lado dele.. Edward estava sentado na minha frente na mesa. Pensamentos de minha mãe. eu chorei. que eu não tinha falado nos últimos anos. meu rosto ardendo de constrangimento. bem. tranquei a porta atrás de mim e cai na minha cama." Mas não havia nenhum lugar para ir com aquela frase. eu não sabia do que eu precisava. eu corri de Edward.. Eu não sabia por quê. e sobre como minha vida ia ser agora. E a única maneira que eu consegui pensar para descobrir isso seria mover o meu. eu . E pensamentos de mim mesma. Eu não estava triste ou irritada ou frustrada. "Só pare. quando algo aconteceu.Em que Edward tenta me matar com seus dedos. "Bella. porém. Eu acho que o pé de Edward estava tocando o meu. Se seu pé estivesse lá e eu movesse o meu para mais perto do dele. ele pensaria que eu estava querendo apalpá-lo com meu pé. Se eu me movesse para longe ele iria pensar. Pensamentos sobre Edward. Eu não tenho certeza do que. "Ow!" "Bella! Você está bem?" "Eu estou bem. Dia 11 . Eu estraguei isto. Eu preciso. Eu. batendo-a na porta aberta atrás de mim. "O que é isso?" Olhei para o caderno bagunçado que Alice tinha à sua frente em vez de um almoço. eu tinha empurrado minha cabeça para trás.. Mas eu chorei e chorei. Tudo o que eu esperava e planejava e eu estraguei tudo. Mas antes que eu soubesse o que estava fazendo. corri até as escadas e para o meu quarto. que tinha acabado de estar prestes a me beijar. lutando para me dominar. Mas eu não podia fazer isso. Sem olhar para trás. Pare de pensar tão rápido. Os pensamentos continuaram correndo e saltando e pulando ao redor até que finalmente. Eu chorei e solucei e arranquei o lençol da minha cama sem saber o que estava errado." Ele inclinou a cabeça para baixo mais perto." Eu podia sentir as lágrimas ameaçando cair. Um milhão de pensamentos correram pela minha cabeça.

porque ele não tinha dito nada. eu procurei a palavra adequada. "É uma bagunça. você tem dezoito. Rabiscos? Ela tinha rabiscado onde ela queria que a comida fosse colocada. eu nem sequer acho que você poderia chamá-las de idéias. uma vez por minuto. eu apontei para Jasper quando ele riu ao redor de sua boca cheia de comida. certo? "Meus planos para a festa. naturalmente. "Pode parar o seu riso. Quem irá comprar as bebidas?" . Eu estava cronometrando. Além disso. As palavras "não demorar com os instrumentos da banda de rock" estavam rabiscadas na parte superior. mãe". Ele tinha ficado ao pé da escada até Charlie chegar a casa? Eu não sabia. moveu meu pé e eu puxei meu olhar até Edward quando meu pé chutou o seu para longe de mim. "Mas eu não quero ir para a cama sem jantar. Ele apenas ficou lá. e eu não queria saber. Eu estava certa de que ele não iria reconhecer a minha existência hoje. "Quem irá comprar as bebidas?" "O que você quer dizer?" "Bem. Jasper estava sentado lá tentando ficar em silêncio enquanto Alice e eu conversávamos sobre a festa deste fim de semana. pelo menos. mas eu tinha certeza de que eu não queria que ele pensasse isso. Eu apenas o deixei parado na minha porta da frente na noite passada. Edward já devia estar pensando coisas horríveis sobre mim. Eu iria apenas fingir que isso nunca tinha acontecido. Dê-me isso." Fiz um gesto para Alice me passar sua agenda quando eu me inclinei para baixo para puxar algumas fichas em branco e minha bolsa de marcadores da minha mochila. bem. olhando para mim. e mergulhei na organização da bagunça de Alice." Alice respondeu após um momento olhando para a página de rabiscos em contemplação. ou saia desta mesa". Ou. eu tenho dezoito anos*.não sei o que ele iria pensar. Ele não poderia querer falar sobre ontem à noite. e onde as bebidas ficariam. Alice olhou para mim interrogativamente. Edward devia estar com a mesma coisa em mente. olhei sobre a organização de Alice. Fingindo que não tinha visto. "O que é então?" "É". Eu suspirei. E você". Isto. Tomando um gole lento e calculado de seu suco de laranja. Ou nunca mais. eu não queria ter que perguntar a Edward sobre isso. "Isso não é um plano. Ele ainda estava olhando para mim e não tinha se movido nem uma polegada desde o momento em que ele sentou-se. Ela era tão iniciante.

" "Sim. Alice começou a falar bons lugares para encurralar Emmett. bem. Eu não me sentia estranha. "Você não sabe nada sobre Emmett! Você só quer beijá-lo. a mamãe ou o papai vão fazer isso." Seu pé lentamente deslizou contra o meu novamente. "Oh. mostrando-lhe a vista do primeiro andar de sua casa. isso parece certo?" Eu calmamente perguntei a Edward. Não havia nada para me deixar me sentindo estranha. "O que você não entende?" Alice zombou dele. Ou pedir a ele para ter uma festa em nossa casa. Foi muito fácil. ele não é!" Jasper e Alice continuaram seu argumento no estilo de crianças de cinco anos de idade. Ele sacudiu a cabeça uma vez. Veja. eu poderia ser normal." Jasper a interrompeu. "Sua obsessão por Emmett. Passei o resto do almoço mudando a programação com instrumentos falsos e mapeando o piso principal da casa dos Cullen. com Edward." Ele pareceu perturbado. Ele não-" "Eu não sou obcecada. o layout de sua casa faz sentido." . "Uh. "Eu não entendo. A situação deles em casa era diferente da minha. porque você já o transformou em um super-herói em sua cabeça. "Hum. e.*Nos EUA a lei para consumo de bebidas alcoólicas é para maiores de 21 anos. "O que você estava dizendo?" Edward se inclinou sobre a mesa para que eu pudesse ouvi- lo. "Uh." Alice quase gritou para ele. ele é!" "Não. Eu não poderia me imaginar pedindo a Charlie para comprar álcool para mim." "Sério?" Olhei para Edward para confirmação. "Ok". "Como você fez isso?" "Eu tenho uma boa-" Mas a minha frase foi cortada. As pessoas nas mesas ao redor olharam para eles. sim. Ele não é assim. eu tenho uma boa memória. Eu olhei mais para os meus cartões de índice e fiz o meu melhor para ignorá-los. "Ah.

Rosa é o álcool. "Você está errada. Alice começou a empurrar todas as suas coisas em sua bolsa também. Recolhi minhas coisas eu decidi seguir Alice." "Obrigado. Por que mais você quer estar lá?" Jasper balançou a cabeça e recolheu seus livros." "Você realmente acha que Emmett não se importa comigo de uma forma ou de outra?" Eu não sabia o que dizer a ela." Alice se afastou da mesa. "Você se lembra da semana passada. por que você vai?" Jasper não disse nada. e amarelo tem alguma coisa a ver com a programação." Eu bati no ombro de Alice onde ela tinha parado no corredor. mas eu não podia mentir."O que é isso?" Jasper gritou. olhando miserável. "Hey. Eu não tenho idéia de como ele se sente. mas não consegui pensar em nada para dizer. Por que você gosta tanto dele?" . Você vai estragar tudo. Ela parecia estar à procura de conforto. Você tem algum tipo de plano infame. Deixaram-no lá. balançou a cabeça. ou limparam ou qualquer coisa. "Aqui"." Então ele saiu da lanchonete. e não pintaram sobre ele. Tão logo ele se foi. "Alice. Eu podia ver seu sanduíche intocado ser esmagado por sua pasta. assim quando Bob disse que faltavam 10 minutos para o início da aula. "Você tem planos para mim? Nessa festa estúpida?" Jasper parecia ofendido. quando nos esbarramos no banheiro?" Alice." "Você sabe. "Por que você pintou o que você pintou?" Ela deu de ombros: "Porque nós estaremos nos formando em breve e eu queria deixar uma marca Alice esteve aqui em algum lugar. Sobre tudo. "Vou lhe dizer por quê. mais alto do que antes. "Se você acha que é tão estúpida. eu estava no banheiro hoje. A cafeteria toda agora estava olhando para nossa mesa. Olhei para Edward. "Laranja é a comida. Especialmente sobre isso. Não era uma mentira que eu poderia dizer que eu tivesse alguma coisa a ver. "Nada!" Alice pegou sua agenda e segurou-a contra o peito. Entreguei-lhe os cartões de índice perfeitos. eu não conheço o Emmett. apontando para a agenda de Alice.

Ele me encontrou deitada na calçada depois de bater a minha bicicleta. eu não poderia culpar sua lógica."Eu já gostava dele desde que eu tinha seis anos. cinco minutos até que a aula começasse. Eu tinha esquecido que nós teríamos que nos sentar ao lado um do outro. Talvez você devesse pensar nisso para si mesma. "Eu vou para a aula. E Jasper". Nenhum de nós disse nada quando me sentei ao lado dele. Corei e desviei o olhar. Tentei prestar muita . "Jasper não é bonito. "Eu não acho que você quis dizer aquilo sobre a beleza física. eu também não acho." Corri para longe antes que ela tivesse uma chance de responder. Eu estava quebrando a cabeça tentando pensar em algumas previsões sobre como eu tinha feito ele. Bob buzinou novamente." "Eu acho que não. mas consciente sobre o outro mais do que qualquer outra coisa que estava acontecendo. "O desenho no banheiro me ajudou muito. quando eu entrei na sala de aula e vi Edward." "Eu só estou dizendo que tem que haver mais em Jasper do que um maníaco viciado em sexo e-" "Você acabou de dizer maníaco viciado em sexo?" Alice deu uma gargalhada. Eu estava saindo do tópico." "Bem. pois não queria me atrasar para a biologia. Passamos a aula dessa forma." Alice se virou e me olhou. parecendo relaxado e confortável enquanto seus olhos seguiam a minha progressão através da sala. Porcaria. Provavelmente receberíamos os nossos questionários de volta e eu não conseguia me lembrar de uma única palavra que eu tinha escrito no meu. e ele perdeu a rodada com o propósito de me levar para casa. Alice olhou para mim como se eu tivesse dito que o sol era marrom. Alice continuou rindo e eu pude ver que não haveria raciocínio com ela depois disso. em silêncio e ignorando o outro." Como alguém que tinha começado uma paixão por uma garrafa de suco de laranja. Ele já estava na nossa mesa. "Emmett estava brincando de esconde-esconde com Edward e Jasper. mas eu acho que está tudo nos olhos de quem vê ou de quem quer ver". Eu estava chorando e meus joelhos estavam sangrando e meu rosto estava arranhado.

Muito bom. eu ainda não sabia o que eu queria dizer a Edward. Eu até ri de sua piada sobre um encontro relativo não ser incesto. Eu sabia que teria que falar com ele." "Eu não estava te ignorando-" Mas então o sino para a nossa próxima aula tocou e ainda estávamos em pé ao redor da nossa mesa de biologia. indicando o final da aula. Quando o sino tocou. algo sobre você me deu repulsa ontem à noite. sentindo-me na defensiva. Eu não podia acreditar que tinha tido sexo de verdade com um rapaz. Pensar sobre o sexo ainda me fazia sentir desconfortável. e Charlie estava em casa 10 minutos antes de tudo estar pronto." O que implicava que eu estava ignorando-o agora e. Suas curvas elegantes e seus botões minúsculos. eu não entendia por que eu fugi. Eles tinham me dado todas as respostas antes. Parei em frente de casa e tirei Bob do bolso. apesar de ser verdade. "Aha!" Receitas. O tempo passou com a tarefa insensata de medir e cortar e ralar. "Vamos simplesmente ignorar um ao outro para sempre?" Arrumei minha bolsa. Edward se virou para mim e falou. eu sentia meu corpo latejar. e me recusando a olhar em sua direção. Banner. perfeitos para a organização e agendamento. eu pensei que você estava me ignorando. Sempre que eu pensava sobre seus lábios nos meus. E não era verdade.atenção no Sr. desculpe? Isso nem sequer fazia sentido. "Eu não o ignorei no almoço. Eu não sei Edward. Mas. ou em tudo.. Charlie me amaria. "E. e tocá-lo e beijá-lo e. "Eu tenho que correr!" E corri para fora da sala de aula não dando a Edward a chance de dizer nada. Eu senti Edward embaralhar seu banco. Eu ainda não tinha o visto completamente nu e já estava atormentada por pensamentos de sua nudez. Eu sabia quanto tempo levava para assar um frango. Mas agora eu tinha todos estes pensamentos sobre sexo. Eu realmente queria beijá-lo. Ugh. um toque de raiva em sua voz. Então. Após as aulas terem acabado. . Eu queria beijá-lo. Eu ainda gostava dele. Bob sempre me fez me sentir melhor. Eu sentia falta de ser assexuada. Corri para fora para a minha caminhonete e corri para fora do estacionamento o mais rápido possível. e estar nua e vê-lo nu. Eu iria arrancar minha mente fora de tudo para cozinhar um grande jantar. Quem eu me imaginava na minha cabeça não era alguém que tinha tido relações sexuais. eu não queria que ele pensasse isso.. eu não estou te ignorando agora. Isso não parecia ser algo que eu jamais faria. "O que eu vou fazer?" Eu comecei a olhar para todos os meus aplicativos em Bob. Ela não era nem mesmo alguém que pensava em sexo. como eu poderia explicar? O que eu poderia dizer? Ei Edward. O frango estava no forno bem na hora.

Pensar em Renee costumava acionar pesadelos.. Estremeci de qualquer maneira. "Obrigado. e trazer à tona sentimentos de culpa. "Não. Está tudo pronto. desse tipo de coisa. seu garfo parou no ar a caminho de sua boca. eu não quero assustar você nem nada. ." "Não é um pouco cedo para o jantar?" Charlie observou quando ele entrou na cozinha. "Talvez. quantos anos você tem?" Esta parecia ser uma resposta estranha. Eu não estava com fome e eu acho que o olhar para o meu frango. mas eu estava acostumada a ceder às tendências bizarras de Charlie. Estávamos namorando há dois anos antes disso. "Por que você não repreendeu Edward na terça-feira? E então por que você o deixou vir na quarta-feira? E por que você nos deixou sozinhos? Você não se preocupa com a virtude da sua única filha? E se ele me maculasse. como se ele tivesse todas as respostas do universo. quando Charlie sentou na minha frente e começamos a comer. "Certo. Suponho que isso era de se esperar. eu falei de novo. Bem. Agora. entre e sente-se. mas tive muito medo de perguntar. checando duas vezes se ele estava para vibrar. "Bella. Sua mãe e eu nos casamos quando tínhamos dezenove anos." ele gritou da entrada quando ele pendurou o casaco e tirou os sapatos.. começou a rastejar para fora. e não deveria me incomodar. Bells?" ele perguntou. Charlie começou a comer. Assim que a galinha entrou em sua boca." Charlie continuou olhando para mim como se eu fosse uma estranha na mesa de jantar. uh. mas vamos apenas dizer que não tenho desejo de ser um hipócrita quando se trata. ou algo assim?" Charlie pousou o garfo e empurrou seu prato para o centro da mesa. "Você quer falar sobre algo.." Coloquei Bob ao meu lado na mesa.. "Por que vocês se casaram tão jovens?" Eu sempre me perguntei isso. "Dezoito"."Cheira bem. mas eu queria cozinhar quando cheguei em casa da escola." Ele estava dizendo que ele e minha mãe faziam sexo quando tinham dezoito anos.

" "Huh"."Quando éramos adolescentes sua mãe era a pessoa mais emocionante que eu já conheci. Ela ficava louca." Parei antes que ele pudesse ficar. O que me faria feliz? Eu não tinha idéia. O que eu amava quando éramos jovens. Então nos casamos. E quando ela estava chateada. Ela me deixava louco. eu cresci e Renee nunca pareceu crescer. ela brilhava. emocional. "Sim. Meu único arrependimento foi deixá-la levá-la. ele balançou a cabeça e suspirou. também. . como eu pensava que elas eram na época. Renee levava tudo ao extremo. Depois do jantar eu me sentei no meu quarto por 30 minutos e não fiz uma única coisa exceto olhar para Bob e pensar. depois assentiu. E isso-" "Está tudo bem. "Eu achava que ela era perfeita. Nós nunca fomos muito vocais sobre nossos afetos um pelo outro e eu tinha ignorado as partes sobre mim em seu discurso de propósito. "e tudo mudou." "Como é que tudo mudou?" "Bem. Ela era o oposto completo de minha família..." Charlie sorriu para o que ele estava se lembrando. Eu não teria deixado você ir com ela se eu pensasse por um minuto que ela fosse incapaz de ser mãe. arruinassem o resto da minha vida. e eu não poderia me fazer levar a filha para longe dela. Quando ela estava feliz. Olhei para minha galinha. Mesmo depois que você nasceu. Charlie acenou com a cabeça em compreensão e voltou para a sua galinha. "Eu sinto muito que você teve que crescer dessa forma." "Você a deixou para poder ser feliz?" Charlie pensou nisso por um momento. Mas eu estava deixando-a. empurrando-a por ali com meu garfo. papai." Aqui. Eu segui o seu exemplo. Eu não ia deixar que suas mudanças de humor." "Por que você a deixou me levar?" "Renee sempre foi boa com você. o mundo inteiro acabava. As coisas simplesmente não eram feitas dessa forma na casa Swan. Ela era uma criança selvagem. "Bella?" "Sim?" Olhar novamente para Charlie era difícil.

" ele começou. eu achasse que eu tinha o hábito de fugir. "Oi. mas desta vez. Edward. Duh." Seu pedido me deixou confusa.. pela primeira vez. certo. Domingo foi um dia estranho e embaçado. Corri as escadas logo após apertar o botão vermelho no Bob e girei em torno da porta da frente. como se toda a experiência de perder minha virgindade tivesse sido um cenário de uma peça. "Daqui a pouco estarei ai. eu me senti cheia. "Hey. "Eu irei. e nós só passamos algum tempo juntos. eu me sentia satisfeita quando terminava uma parte do plano. Corando furiosamente. eu bati dois botões de Bob antes que eu pudesse mudar minha mente e o levei até minha orelha. O mais próximo que eu podia lembrar- me de ser feliz foi no último sábado. Eu o convidei. Eu tinha esquecido sobre o plano por um tempo. "Bella?" A voz de Edward perfurou o silêncio do meu quarto um segundo depois. Você quer vir para cá agora?" Houve silêncio por um longo tempo. Mas. Eu sentia uma estranha espécie de paz e realização quando eu tocava o meu violino sem ter que ler a música. mas eu não ia fazer isso neste momento. ele não conseguia ler minha mente. Eu ainda não me sentia realizada com a culminação de todos os meus planos. mas eu gostava de suas provocações. "Para você me beijar. O que me . notei a forma como ele parecia em suas roupas. mas não havia mais nada a dizer." Ele desligou o telefone sem dizer outra palavra. Não que eu jamais iria deixá-lo saber disso. ele acrescentou: "Olha. Ficava tonta ao atualizar o meu software de Bob e tinha que reorganizar todos os seus arquivos." "O quê?" Ah. só não vá a lugar nenhum. "Hey"." eu disse enquanto abria a porta.. Eu apenas o convidei. quando todos os meus planos se concretizaram. Finalmente. falar ou permanecer em silêncio. eu não conseguia lembrar-me de ser feliz." "Eu não estava pensando em ir a qualquer lugar. Estou pronta. A batida aconteceu menos de dez minutos depois e eu fiquei. Prendi a respiração. grata de que eu morasse em uma cidade pequena. com medo do que ele ia dizer. jeans e uma camisa escura. então eu fiquei em silêncio. não algo que eu vivi. mas. Eu não estava feliz no último domingo. Estou pronta. e eu não sabia o que prejudicaria mais as minhas chances. mas não. o dia não programado que eu passei com Edward. pelo amor de Deus. Edward estava usando a mesma roupa que ele usou hoje na escola. Embora. Bem.Bem.

mas. crianças". então como você quer.fez pensar em como nenhum de nós tinha chegado a tirar nossas camisas no último domingo. "É uma espécie de nosso filme não é? As outras pessoas têm uma música ou um lugar ou algo assim. Nós temos isso." Felizmente. Fiz um gesto em direção à escada com a minha cabeça e afastei-me da porta da frente. "Não. "Hey." "Que filme?" Ele ergueu um familiar case de DVD laranja.. Como um casal apaixonado que não conseguia evitar suas demonstrações públicas de afeto. "Eu não vim para que pudéssemos ir para seu quarto e criar uma situação embaraçosa em que a última coisa que eu quero fazer é te beijar. "Charlie provavelmente vai assistir com a gente. . Ele agarrou minha mão e me puxou de volta até que eu estava de frente para ele novamente. "Sério?" Ele estava zombando de mim? Ele balançou a cabeça." "Você não quer me beijar?" Por que era mais fácil para nós dois termos relações sexuais do que beijar? Edward ajustou nossas mãos que ainda estavam conectadas até que estávamos de mãos dadas corretamente. "Nunca?" Ele sorriu para mim e puxou minha mão um pouco mais perto. Nós dois murmuramos de volta.. "Uh. eu não vou te beijar"." "Isso é um pouco estranho. tudo bem. Ele parecia animado e meio fofo. Eu comecei a imaginá-lo nu e corei e balbuciei enquanto eu tentava formar uma frase coerente. na esperança de Edward vir a me seguir. "Espere". Eu pensei que nós poderíamos vê-lo." Desta vez eu puxei sua mão e o levei para a sala de TV. "Olá". Infelizmente era meu pai." Ele estava sorrindo. "Eu trouxe um filme. Charlie passou por nós para a sala e sentou em sua cadeira habitual em frente da televisão. fui interrompida.

imóvel. "Pai. crianças?" Charlie perguntou quando assumimos a televisão sem dizer nada a ele. "Bella?" "Hum. se você não quiser assistir a um filme sobre sexo com sua filha adolescente e seu. e um adolescente. minha mente consumida com o que eu deveria fazer a seguir. ah. Me acomodei no sofá ao lado de Edward quando o DVD começou a passar e ele pegou minha mão novamente. "Bem. Mas não havia nenhuma maneira que eu estivesse dando a ele suco de laranja enquanto Charlie estava por perto. Não tem suco de laranja." Eu guinchei e depois corei e olhei mais para a parede. Ficar onde eu estava? Inclinar-me sobre ele? Apertar sua mão? Nenhuma dessas opções parecia certa e eu fiquei sentada. Eu estava assistindo a um filme sobre sexo com Edward. Sentei-me ali.. ele apontou vagamente para o corredor se levantou e saiu."Você tem todo algum tipo de suco de laranja?" Eu balancei a cabeça em descrença quando estávamos prontos para assistir ao filme que tinha nos unido. e fingindo que não percebia que ele estava segurando minha mão. "Certo." Charlie olhou ao redor em pânico. Desculpe.. e a vingança era doce e bonita. Joguei tudo no ralo da pia. eu tenho que. bem. Eu vou". ." Eu me senti um pouco mal por interromper sua rotina normal. Entendemos que você tenha que sair. "Nós vamos assistir a um filme. Charlie olhou para mim quando eu respondi e eu me inclinei para frente para que ele não pudesse ver que Edward estava segurando minha mão.. "Sobre o que é esse filme?" "Sexo".." Charlie balançou a cabeça. mas ele era o único que continuava incentivando Edward a interromper a minha. Você não tem escolha. o que imediatamente fez com que fosse impossível me concentrar no filme ou qualquer outra coisa." Esta foi uma mentira. não querendo estar na sala para assistir ao filme conosco. e eu sorri para ele quando disse isso.. Houve um momento de silêncio enquanto o filme começava. mas não querendo ser óbvio sobre sua necessidade de escapar. "Não. "O que vocês querem.. "Ah". você não precisa. olhando para frente. então.

Foi ainda mais desconfortável. E não foi como os ataques de cócegas em você vê na televisão. O que significava que seus lábios não estavam tão longe dos meus. se eu estivesse. um sorriso assustador no rosto. não. minha roupa desarrumada. Eu estava rindo tão forte que a água começou a vazar dos meus olhos. Assim. Eu não pude deixar de pensar no outro tipo de . mesmo. Seus dedos estavam correndo por todos os meus lados. quero dizer. Eu tentei provar isso me encostando ao sofá." Eu podia ouvir o sorriso em seu rosto. "Você só está me fazendo sentir mais desconfortável. eu estava tão rígida como antes."Você tem permissão para relaxar." "Oh. mas isso não funcionou. pára!" Eu finalmente consegui arrastar ar suficiente para gritar com ele. Eu tive que sentar-me e girar meus ombros para olhar para ele. porque eu nunca faria sexo novamente. meu cabelo uma bagunça. Não que eu teria netos. olhe para mim." "Descobrir o quê?" "Não importa se você tem ou não cócegas. Não que eu esteja desconfortável. ele me atacou. você estaria fazendo isso piorar. Ele estava debruçado sobre mim." E então ele me atacou. Eu estava bem. obrigando-me a rir. Eu estava uma bagunça. E eu não queria marcar meus netos no futuro com a história de como eu fiz xixi em todo o homem que tinha tirado a minha virgindade e nunca tivemos relações sexuais novamente. aquelas que são mais como lutas e são sempre precursoras do sexo. Pára. me forçando a deitar no sofá com ele. Não foi como quando um adulto faz cócegas em uma criança. cavando em minhas costelas. Meu corpo inteiro começou a convulsionar e eu estava com dor de verdade. quando eu digo que ele me atacou. E seu rosto não estava tão longe do meu. "Pare. Edward estava sorrindo e rindo. Você sabe. "Bella. Sem mencionar que estava ficando difícil de controlar minha bexiga. só que agora eu estava olhando para o teto. em vez da parede atrás da televisão. Edward parou e ficou imóvel com as mãos em mim. minhas costelas começaram a doer e eu comecei a temer que eu fosse morrer se ele não me deixasse respirar. eu estou bem assim. Edward olhou para mim." O que eu estava dizendo? Será que todas se sentiam assim quando eram deixadas sozinhas com um garoto que gostavam? "Eu só estou tentando descobrir. Não." Acabei de admitir não estar relaxada? Eu estava relaxada. e meus olhos embaçados. minha face corada.

. "Quero dizer. eu provavelmente não teria feito isso." Eu gemi e encostei-me à parte de trás do sofá." "Me faça cócegas de novo e eu vou lhe dar socos no rosto. Mas ele não se moveu.. apenas riu da minha dor. O mesmo pensamento pareceu ocorrer para Edward ao mesmo tempo. Todo mundo que eu conhecia já o conhecia. . Eu não sabia o que ele queria e o momento passou. Ele olhou como se estivesse esperando por algo.. O tipo que leva ao sexo. Quando o filme acabou eu escoltei Edward até a porta. eu tenha rido muito mais sobre esta visão em comparação com quando Jake e eu o assistimos. Eu também estava um pouco incomodada que ele deixasse o nosso momento quase perfeito escapar. esperando pelo beijo de fim de encontro. Talvez isso também ficaria fisicamente agressivo e fisicamente íntimo. é claro.. eu tinha certeza disso. quando as pessoas perguntarem sobre você" Quem ia perguntar sobre ele? Ele vivia aqui por mais tempo do que eu. minha mão na sua outra vez. O que poderia ser mais perfeito para beijar? Mas Edward continuou a olhar para mim. "Nós estamos perdendo nosso filme." Não. Quando isso aconteceu? O resto do filme passou em relativa paz.cócegas. Edward.. embora. Ele sorriu mais largo e sentou-se. Mas o quê? Eu tinha dado a ele a minha permissão. Edward?" "Sim?" Ele parecia nervoso. Charlie estava se escondendo. Ele me tinha presionada ao sofá com todas as minhas roupas fora do lugar. se eu tivesse um copo de suco de laranja na minha mão. com você e eu e o que fizemos no passado. Você poderia ter me matado!" Eu estava perto de desmaiar perto do fim do confronto. isso não estava certo. o que devo dizer às pessoas que estamos. "Depois quando. Ele só teria a inclinar-se mais uma polegada. "Sim".. "O quê?" Eu fiz uma pergunta de sim ou não nessa divagação? Eu não achava que eu tinha. você sabe. Pare de ser estranha e aprecie ou eu vou ter que te fazer cócegas de novo." Eu odiava Edward e o poder que ele tinha em me transformar em uma idiota tagarela. "Hum. "Você sabe. "Uh.

"Você pode dizer às pessoas que eu sou seu namorado. Assim como eu não teria relações
sexuais com alguém que eu não estivesse namorando, eu nunca iria beijar alguém que não
fosse minha namorada." Ele sorriu, dando a entender que ele estava brincando. Eu acho.

E então ele apertou minha mão antes de soltá-la e se virar e sair da casa. Sem adeus, nem
um te vejo mais tarde, sem sorriso de despedida arrogante.

E nenhum beijo também.

Dia 12 - Em que eu destruo meus planos.

Bob buzinou me acordando. Estendi a mão para o criado-mudo e agarrei-o, acariciei meus
dedos sobre seus pequenos botões e parei o barulho chato.

"Obrigado, amigo." Embalando-o ao meu peito, eu acendi sua tela e fiquei animada com
os planos que tínhamos para hoje.

Sorri no meu travesseiro antes de sair da cama e ir para o meu chuveiro, já antes do
previsto. O Ano Novo de Alice, o plano do beijo e a festa eram amanhã, Edward era meu
namorado e o sol estava... bem, não tão brilhante. Mas a familiaridade do céu cinzento
era reconfortante. Esse ia ser um bom dia.

Eu continuei a sorrir durante todo o meu banho e enquanto me vesti. Sorri quando eu
escovei os dentes, o que foi um pouco difícil. Eu sorri quando eu desci para o café da
manhã.

"O que há com você?" Charlie me cumprimentou quando entrei na cozinha.

"Estou me preparando para ir para a escola, pai. Tudo está dentro do cronograma e lindo
e maravilhoso."

Charlie sorriu e saiu da cozinha olhando como se estivesse voltando para cima. Ele parou
no fundo das escadas para perguntar: "Você vai estar em casa esta noite?"

"Yep. Como você se sente sobre lasanha de queijo extra? Muito pouco macarrão.
Principalmente carne e queijo." Charlie não era um grande fã de massas.

"Parece bom". Ele tinha acabado de virar as costas para a porta da frente quando a
campainha começou a tocar. E não parou. Eu quase tive que cobrir meus ouvidos.

"Você está esperando alguém?" Charlie olhou por cima do ombro para mim. Pela maneira
como ele disse alguém eu poderia dizer que isso significava Edward. Isso era bobagem.
Quando foi que Edward apareceu enquanto eu esperava por ele?

Eu balancei a cabeça e sorri para mim. Talvez fosse Edward. Talvez ele quisesse me dar
uma carona para a escola e ele tinha aparecido mais cedo, porque ele sabia sobre a minha
agenda e que eu precisava chegar na hora certa.

"Olá!" Alice estava no outro lado da porta. Eu tentei esconder a minha decepção.

"Bella!" Alice gritou na cara de Charlie. "Oh! E pai da Bella. Olá!"

"Bom dia, Alice. Seus pais a deixaram aqui?" Charlie perguntou, suprimindo um riso.

"Não, eu levantei-me cedo e andei." Alice empurrou a porta de entrada.

Charlie riu e voltou para a cozinha. Eu acho que ele decidiu que não valia a pena me
atormentar quando não era Edward.

Alice avançou em mim enquanto eu caminhava para fora da cozinha. Ela colocou as mãos
nos quadris inclinou a cabeça para cima, plantou seus pés e tentou fazer uma impressão
de uma parede.

Alice e seriedade não andavam juntos muito bem. Ela parecia anormal.

"Nós precisamos conversar. Você irá me dar uma carona para a escola." Sua voz tinha
perdido a sua elevação, ela não estava animada.

"Do que você quer falar?" Perguntei quando voltei para a cozinha para tomar meu café.

"Edward". Ela parou um segundo, então me seguiu. "E Emmett, porque quando Edward
chegou em casa ontem à noite, ele, assim ele..." Alice começou a chorar.

Não tão mais séria.

Olhei para Alice soluçando na cozinha. Todas as possibilidades de tomar café se
acabaram. Por que os amigos não podiam agendar seus colapsos mentais? Então todos
estariam preparados.

"Uh," Charlie tinha voltado da cozinha e estava olhando para nós. Ele estava segurando
uma risada que eu achava que era um pouco insensível da parte dele.

Eu deveria abraçá-la? Eu nunca tinha feito isso antes. E eu realmente não queria fazer na
frente de Charlie. Ele nunca me deixaria esquecer. E se ele me pedisse para abraçá-lo
antes de dormir ou algo assim? Eu não queria fazer disso uma coisa regular. Então, meus
braços se agitaram ao redor até que Alice se jogou em mim e tirou a escolha das minhas
mãos. Eu bati nas suas costas algumas vezes, na esperança de que parecesse como um
tapinha reconfortante. Alice não pareceu notar nada.

"Edward é tão mau! Eu não entendo por que ele fez sua missão na vida ser destruir a
minha felicidade e zombar de minha dor."

Edward ruim? Mas acordei com um sorriso e ele era meu namorado e eu não achava que
Alice entendesse Edward.

"Ok, você se senta aqui." Eu dirigi Alice a uma cadeira perto da porta da frente. "Eu vou
pegar minhas coisas, e então nós podemos falar sobre isso no caminho para a escola."

Sem Charlie ouvindo.

Organizar as coisas para a escola não levou muito tempo já que eu tinha arrumado tudo
na noite anterior. No entanto, empurrar uma Alice fungando para fora até a
caminhonete levou 10 minutos. Eu queria ajudar minha amiga, realmente, queria. Mas se
ela nos fizesse atrasar para a aula... Eu faria Charlie prendê-la.

Uma vez que estávamos sentadas no carro, eu verifiquei o horário em Bob, então,
convidei Alice para começar a sua história novamente. Saltar o café da manhã tinha nos
dado tempo. Era bom que eu sempre fizesse questão de preparar o meu almoço na noite
anterior.

"Bem, Edward chegou em casa na noite passada todo feliz, então eu suponho que ele veio
de sua casa."

Comecei a interrompê-la, mas ela me parou. "Não diga nada, eu não quero saber. Me
assusta o suficiente eu saber que vocês dois... fizeram o mambo horizontal." Ela
estremeceu.

"Você sabe, eu não sou a primeira pessoa que ele-"

"Pare! Não fale sobre isso." Ela balançou a dedo para mim. Charlie estava me acenando
um adeus.

"Então, ele veio e eu perguntei o que ele me daria de aniversário. Edward respondeu que
pensaria sobre isso daqui a dois meses, quando é o meu aniversário de verdade."

Como eu estava com Edward quando ele comprou o presente de Alice, eu sabia que isso
não era verdade, mas não tinha certeza do meu lugar no meio do relacionamento deles
como irmãos. Eu não sabia se eu deveria dizer alguma coisa ou não. Era possível que
Edward tivesse tentando irritá-la, ou ele podia estar querendo esconder suas compras para
fazer uma grande surpresa também.

Além disso, Alice não me deu muita chance de dizer qualquer coisa.

"Então, Edward falou sobre a forma como a minha festa não ia dar em nada porque os
planos não poderiam funcionar com alguém como eu. Bem, então eu mencionei você e..."

Ótimo. Obrigado Alice. Como se as coisas não estivessem o suficientemente desiguais
entre Edward e eu.

"E então Edward disse que era diferente e, em seguida, ele alegou que eu não gostava mais
de Emmett. E então ele contou sobre todas as meninas e aquela vagaba e oh meu Deus, eu
não quero essa contaminação cruzada! Uma vez Emmett fez sexo com uma menina
porque Jasper o desafiou. Eu não vou dizer qual era a menina, mas acredite quando eu
digo que ele estava arriscando sua vida com isso. E então eu disse a Edward que eu não
me importava. Emmett sempre tinha sido bom para mim. E então Edward disse que eu
estava sendo uma garota estúpida. E que este plano nunca iria funcionar."

Ela não estava com o seu cinto de segurança. então você pode acompanhar tudo através de plano. Embora. Caso contrário. eu não tinha certeza se eu estava zangada com ela. Eu dirigi e Alice ficou curvada e de mau humor em seu assento. de você. Além disso. "Só que eu não disse isso de maneira tão agradável. Você não pode voltar atrás nos planos assim." "Você nem sequer hesitou. Alice parecia ter peixes maiores para fritar do que pensar em sua possível morte no momento. Não vai dar certo. "Você acha que o plano da festa é uma idéia estúpida?" Alice perguntou quando eu estava prestes a sair da caminhonete. não há como cancelar." Alice não estava chorosa mais. Eu temia pela minha caminhonete. Será que isto fazia de mim uma vadia? Edward pensava que eu era uma vagabunda? O silêncio permaneceu até eu estacionar o carro na escola. O tema está definido. "Então." Minha voz tinha tomado a qualidade de um .. Do que ela me chamou? Será que ela realmente pensava isso de mim? Eu tive relações sexuais com seu irmão. "Nenhum plano é estúpido. comida e álcool já foram pagos. imatura. bem.Eu achei que isso era um pouco injusto de Edward considerando como nós. Edward estava no meu plano. "E então eu disse que ele era um amargo. eu fiz o código de cores na vista desenhada de sua casa e mapeei o movimento previsto de convidados. você convidou as pessoas." "Bem. "E então ele disse que Emmett nunca iria beijar alguém tão tola." Alice fez um gesto para mim aqui. as pessoas convidadas.. e baixa como eu. agora tudo o que temos a fazer é seguir com a estratégia." Nós dirigimos em silêncio. os jogadores no lugar. tudo foi por nada." Alice continuou balançando a cabeça. Além disso. Ela estava batendo seu pequeno punho no painel da minha caminhonete. nos conectamos? Como começou o nosso caso? O meu plano tinha funcionado muito bem. babaca sexualmente frustrado que se aproveitou. Desculpe. mas eu não disse nada. "E se tudo isso acontecer. O plano está definido. certo?" Alice balançou a cabeça. Isso fez com que meu olho contraísse. para ser justa. sem realmente conhecê-lo em tudo.

Eu me concentrei. e voltaram para o que estavam fazendo. Eu ia conseguir o meu beijo com ou sem o entusiasmo de Alice. Eu sentei na minha cadeira segurando a caneta como uma espada e mantive minha mente na missão. O jogo termina ou com o acerto da palavra ou com o término do preenchimento das partes corpóreas do enforcado. Eu estava pregando o planejamento e não iria deixar que a desorganização ganhasse." Certo? Edward e eu tínhamos funcionado? Claro." "Bella. Prefiro pensar que era um pouco tarde para tentar ser encoberta. Nós não temos aulas juntos. Ou seja. sem meus pensamentos jamais se desgarrando do sexo ou meninos. Eu estava sendo uma estudante tão perfeita que eu nem percebi quando alguém se sentou ao meu lado. Na Festa do Beijo. O milagre acabou. A cada letra errada. Não admira que o professor não o tivesse o chutado para fora. A aula passou rápido e eu fui capaz de fazer anotações concisas. Você realmente olhou para o que você está copiando?" Olhei para o meu caderno. o que antes eu pensava se normal." Jasper sussurrou em minha direção. "Agora. *O jogo da forca é um jogo em que o jogador tem que acertar qual é a palavra proposta. mas isso ia acontecer. eu não percebi até que ele me cutucou nas costelas. A minha e de Alice. é claro. olhei para o quadro-negro. o meu plano louco funcionou para mim. Ele não se tocou. "Eu preciso te perguntar uma coisa. em seguida. e eu era uma estudante perfeita. vamos para a aula—e lembre-se.. pegando anotações melhores do que nunca. Ultima. "O que você está fazendo aqui?" Eu repeti. Essa é a última semana de escola. "Bella!" "Jasper! Nunca mais faça isso de novo!" Eu levantei minha voz para ele e então.evangelista de televisão. Amanhã. optando por ignorar a coisa toda da forca. Eu estive cuidadosamente tomando notas de um jogo da forca*. é desenhada uma parte do corpo do enforcado. a classe inteira estava olhando para nós. Eu sorri e arrastei meu lugar para longe de Jasper um pouco. "O que você está fazendo aqui? Você não está nesta aula. e eu pulei cerca de uma milha e fiz um barulho estranho como um latido. ele não tinha me beijado ainda. O professor estava segurando seu giz no ar e dando-nos um olhar incrédulo. tendo como dica o número de letras e o tema ligado à palavra. Nós não vamos aprender mais nada de novo. . então não há razão para o seu não funcionar para você. e se moveu para perto de mim quando todos se viraram. mas agora eu achava que era um milagre..

"Eu me preocupo. Emmett só ficou com a Rosalie.. Continuem com essa festa estúpida. por que. "Bem. eu ainda não via o que nada disso tinha a ver com Jasper. por que você se importa?" Ele tinha insultado o meu plano. isso foi divertido.." "No que você precisa da minha ajuda?" Esta foi a primeira vez que Jasper e eu tivemos uma conversa de verdade." Jasper balançou a cabeça em frustração. Vou assistir e rir quando ela explodir na cara de vocês. Nós nem sequer conhecíamos realmente o outro. Eu não ia deixá-lo fugir com isso. eu quero sabotar o plano ridículo de Alice.. ele coincidia com o meu plano de beijar Edward." Eu quase bati nele. depois de tudo.. "Tudo bem. porque eu lhe disse que estava interessado nela. Não é isso que eu estou dizendo. Emmett não parecia ser o cidadão mais honesto do mundo. derrubando a cadeira. "Bem." Ele respirou fundo e entrou no modo começar de novo. Além disso. . atraindo mais olhares. Emmett conecta-se com as meninas para dormir com elas e para vangloriar-se que ele tenha dormido com elas e isso é tudo. "E você é diferente?" Acusei. E eu não via como." "Então. "Olha." Todo mundo olhou quando ele saiu da sala de aula. Alice ainda pode ter uma chance com ele. Você não podia cancelar um sem anular o outro. Jasper olhou feio para mim por um momento e depois se levantou. pudesse haver qualquer maneira de eu ir até Alice e dizer-lhe para não tentar ficar com Emmett. por que. Além do plano de Alice a ligar com Emmett." "O que? Por quê? Ridículo?" Ele queria fazer o que com meu plano? "Porque é estúpido. Emmett não se preocupa com Rosalie. Mesmo que ele tivesse um ponto. "Não. e ele não vai se importar." "E eu pergunto de novo. "Porque Emmett é um idiota." O professor disse depois que ele saiu. "Por que você se importa?" Jasper hesitou antes de responder. e ela só vai enfiar sua bunda em alguma piada."Eu queria pedir a você para me ajudar." Se gabar de ter sexo? O que havia para se gabar? Não era como se os encontros de Emmett fossem o resultado de planos bem definidos e perseverança.

ainda de mãos dadas em um silêncio confortável. Caminhamos em direção ao refeitório. eu queria continuar com isso? Ela ficou muito chateada na última quarta-feira e Emmett não disse ou fez nada. Olhei para Edward com uma mordida grande sanduíche de presunto na minha boca e ele olhou para mim ao mesmo tempo e os nossos sorrisos se arregalaram. Pegamos o nosso almoço e comemos. ou o que fosse. "Hey. eu esperava que fosse irracional. Eu não tinha visto Edward em nenhuma das aulas. O resto das aulas da manhã se arrastou ao longo do jogo da forca e revisão de exames. Depois disso. Eu ainda me sentia como se eu estivesse brilhando. Eu realmente esperava que os pais Cullen não fossem estar em casa durante a festa. Sentamos na nossa mesa no refeitório ainda de mãos dadas. Não ajudou que as palavras de Alice esta manhã me dessem um medo irracional de ele repensar a nossa relação toda. Ele não parecia chateado. e chegar a alguma conclusão louca que ele deveria terminar comigo. eu estava em êxtase quando eu saí da minha última aula da manhã para encontrar Edward encostado nos armários em todo o corredor. Jasper e Alice discutiram sobre a festa. pensando. para fazer sexo na cama de seus pais. Ou. mas eu senti. Eu nunca me senti assim antes. Alguém tinha de fazer sexo em locais inadequados. Jasper disse que ele iria de qualquer maneira. Acho que eu poderia estar brilhando. nós caminhamos para Biologia juntos. Eu nunca quis que as horas acelerassem tanto quanto eu quis naquela manhã. quando necessário. eu sentia falta de estar com ele. Estava tudo tão normal. esperando por mim. tão perfeito. e tudo era perfeito. Eu retirei Bob e coloquei-o sobre a mesa. me daria um aviso secreto sobre coisas explodindo na minha cara. ainda de mãos dadas. olhando as coisas. Alice e Jasper se juntaram a nós. A lógica diria que eu não deveria sentir sua falta já que eu o tinha visto há menos de 24 horas atrás. tomei isso como um bom sinal e me aproximei para pegar a mão dele. "Hey. Alice e eu conversamos sobre sábado. mas usando apenas uma mão. Não foi até que nos sentamos na nossa mesa que eu notei a conselheira de . Eu queria estar com ele. Alice disse a Jasper que ele não era bem-vindo. e depois sairia em um breve minuto mais tarde? Por que ele não queria vê-lo explodir no rosto de Alice e rir dela? Possivelmente." ele respondeu e olhou para mim. Se a festa iria apenas machucar Alice ainda mais. Eu estava almoçando com meu namorado. Eu senti muito a falta dele.Olhei para a porta. Mas por que Jasper se infiltraria na minha aula. Pelo menos." eu disse enquanto caminhava em direção a ele. Então. por isso. sorrindo um para o outro de uma maneira entorpecida.

Orientadores significavam orientação sobre a escola. "O quê?" Ele me perguntou." Meus olhos brilharam e eu saltei no meu lugar quando a mulher disse isso. enquanto eu tenho certeza que alguns de vocês têm planos para isso. em vez de biologia. nós vamos falar sobre o futuro de vocês. "Vocês estarão se graduando em breve e. "Hoje. "Bem. "Isso não é uma razão para adiar o seu futuro. se eu dormisse com alguém que não tinha sido aceito em nenhuma faculdade? "Mmm". "O quê?" Eu meio que gritei para ele." "Bem. "E tenho certeza que alguns de vocês estão perdidos agora que deixarão de ser legalmente obrigados a passar mais tempo com seus amigos todos os dias. E desta vez eu poderia falar sobre o futuro com Edward. "Claro. Meus dois assuntos favoritos juntos. certo?" O que diriam sobre mim. mas estávamos terminando o nosso ensino médio. Alice ainda não decidiu. Eu adorava falar sobre o futuro." Como alguém poderia colocar seu futuro nas mãos de outra pessoa assim? Edward encolheu os ombros novamente e folheou um panfleto sobre o estado de Washington.." Ela olhou para mim quando ela disse isso.." .orientação estava em pé na frente da sala e um formigamento de emoção começou na minha espinha. Eu olhei pra ele. "Você se inscreveu para os lugares. "Suponho que você tenha tudo planejado. então eu esperava que estivessem falando sobre o futuro. horrorizada." Ele disse isso como se fosse um palavrão. Ela começou a passá-los para aqueles que queriam e eu fiquei surpresa quando Edward levantou a mão para pedir alguns. Edward fez um barulho sem compromisso na resposta. então explique para mim." A conselheira tinha panfletos e formulários de candidatura e discursos inspiradores para aqueles que não tinham chegado a se inscrever ou não foram aceitos em qualquer faculdade ainda. "Por que não?" Edward encolheu os ombros. "Você não sabe para onde irá?" Edward balançou a cabeça. e eu quero ir a qualquer lugar que ela não esteja indo." O que Alice tinha a ver com o seu futuro? Irmãos são tão estranhos.

O que tinha acontecido com o tudo está perfeito? "Edward!" Chamei novamente no corredor.."Dartmouth. mas não consegui encontrá-lo. mas 'keeper' também significa guardião. então achei mais simples usar essa palavra. "Eu odeio planos. "Isso é o que você quer fazer com sua vida? E o que é guardião?" "Edward". tentando não pensar sobre o estado da minha camisa. ficando encharcada. "Edward!" Chamei atrás dele. Caminhei até ele. então me mudarei para Seattle e trabalharei para Red Sky Blue Water a um nível inicial por três anos." Eu esperava que fosse a coisa certa a dizer. Como alguém poderia não querer pensar sobre o seu futuro? Especialmente agora. "O que há de errado?" Edward olhou para mim quando eu falava. "Red Sky Blue Water!" Edward gritou. Licenciatura em negócios. disse a orientadora que tinha se aproximado e pairava sobre nós. eu só não quero ter que pensar sobre meu futuro agora. Eu corri para cima e para baixo nos corredores. Olhando para os professores na frente da sala. "Existe algum problema?" "Sim". Mas ele não estava em qualquer lugar que eu pudesse ver. ele não estava nem mesmo inclinado sobre ele. Porque alguém diria isso quando era tão obviamente uma mentira? Ele saiu correndo no meio da aula e estava em pé na chuva. embora olhasse para mim. Ele suspirou e olhou para longe de mim. Ele disse isso. é uma empresa de marketing. "Nada". Você confrontaria a mentira? Ou supostamente jogaria junto? Por que as pessoas respondiam as perguntas dessa maneira? "Você está mentindo. Decidi aventurar-me na chuva. . bem como. Ele estava parado em seu carro. protetor ou defensor. Ele não estava vestindo uma jaqueta e o estado de sua camisa de botão molhada tinha me feito me chutar por não fazê-lo tirá-la durante o. Encharcado.. durante o sexo. que é um termo que significa 'o melhor partido para se casar' ou 'alguém com quem você passaria o resto de sua vida. bem. Ele estava de pé ao lado dele. só levei um momento para decidir ir atrás dele. Conhecerei meu guardião* aos 25 e-" *Ela usa o termo Keeper-man. Não fazendo um movimento para entrar ou voltar para a escola." Ele saiu da sala. assim que você o encontrasse'. "Olha." Como ele não sabia disso? "Marketing?" Edward derrubou seu banco no processo." "O quê? Por que não?" Eu estava apavorada. "Sim.

?" Mas ele parou e fez como se quisesse entrar em seu carro. Seu rosto se transformou. Isso foi tudo. "Não é isso que eu quis dizer. Eu não preciso saber tudo sobre minha vida antes que aconteça. "E se". "Bella". Eu não podia deixá-lo entrar. Eu só queria o meu plano e agora você está chateado com isso?" "Não. porque eu nunca teria concordado em continuar a vê-la se você ainda estivesse interessada em planejar cada momento de sua vida.. "Você não sabe até agora que não há nada que eu goste mais que um pouco de planejamento?" Puxei Bob para fora e acenei-o na frente do rosto de Edward. Os encontros e as coisas não planejadas e o querer me conhecer. A escuridão entrou em seus olhos. Enfiei a mão no bolso e senti meus dedos perto da capa de plástico dura de Bob. ele estava sussurrando neste momento. Volte para seus planos de faculdade e seus objetivos de carreira e seu guardião"." Edward se virou em minha direção. "Eu quisesse ir para a mesma faculdade que você. Todas as outras coisas foi você. "Você me pediu para entrar em sua vida. por que você não disse isso antes? Poderíamos já ter conversado sobre essas coisas. lembra?" "Só para se fazer sexo comigo. E se eu quisesse viver na mesma cidade que você." . E se eu quisesse viajar pelo mundo? E se eu quisesse ir para o Estado de Washington e depois voltar aqui e viver em uma cidade pequena e chuvosa pelo resto da minha vida? E se eu quisesse fazer isso com você?" "Bem." "Chato?" Edward fez um barulho frustrado e se afastou de mim. nem todos estão tão obcecados com o planejamento de suas vidas como você. e ele deu dois passos ameaçadores em direção a mim.. "E se. Isso seria chato. eu vou voltar para dentro"."Porque. Me dirigi para o lado e comecei a ir embora. "Sim. e eu não quisesse ir para Dartmouth. e não fosse Seattle. Alguns de nós queremos deixar que as coisas aconteçam. o quê?" Ele tinha a mão sobre a porta do carro e eu sabia que tinha que pará-lo.. "O que você quer de mim? Você entra em minha vida e começa a exigir-" Ele me cortou. Eu estou chateado porque eu pensei que você tivesse mudado. então eu mal conseguia ouvir o que ele disse. E se. "Sério?" "Sim". "Ok..

"Bob?" Eu choraminguei. e eu nunca ia ser capaz de beber suco de laranja novamente. Obviamente. A dor na minha mão direita me acordou no sábado. feia e verde corria solta na nossa direção. Outra coisa que Edward tinha destruído. Nós poderíamos estar indo para a faculdade juntos no outono. estamos sacrificando tudo pelo personagem. Eu puxei minha mão para fora do caminho um segundo tarde demais. eu não tinha idéia de que horas eram. sem perder nenhuma informação. pedaços quebrados espalhados por toda uma poça. Bob era uma bagunça. Mas. Estou cansado de estar no segundo lugar depois de uma máquina estúpida!" "O quê? Por que você está bravo com Bob?" Edward parecia tão zangado. Poderíamos nos encontrar amanhã e fazer as coisas funcionarem. A van de Tyler. nem um brilho LCD." Virei Bob e abri na minha agenda. Em questão de segundos. Por que Tyler não estava em sala de aula? "Não". você não.. Eu ouvi um rangido de pneus e olhei para cima de Bob deitado abandonado na água.. portanto. Por que ele estava tão irritado? E então ele estendeu a mão e agarrou Bob. em homenagem a Joss Whedon. gritei e pulei para frente. Isso. Nenhum dispositivo estava no pequeno reservatório de plástico."Eu sempre posso colocar as pessoas nos meus planos. Então. mas as mãos de Edward me agarraram e me puxaram de volta. Bella estaria preparada para isso. O impensável aconteceu: Eu estava sozinha no meu quarto. hora do meu copo de suco de laranja. "Não. Nenhum pequeno toque para me dizer que 07h01 havia chegado e era. Edward. hora de levantar. pousando como um respingo na poça d’água. . Por favor. isso estragaria a minha história. e tudo estava errado. As mãos de Edwards bateram nas minhas e Bob voou através da chuva. Dia 13 . Bluetooth e sorrisos esperando pra me fazer passar o dia.Em que os melhores planos estão arruinados. Obrigado. "*" Nota da Autora: Ao iniciar esta história eu não estava ciente de que pode-se fazer o backup de um Blackberry em seu computador e simplesmente comprar um novo. finja que isso não é possível. Uma van velha. Não houve o sinal sonoro amigável para me dizer que era 6h53.

se ele estava vazio? Eu cai fora da cama e mesmo assim fiz beicinho no meu caminho até o chuveiro. os músculos do meu braço tremeram. meu corpo estremeceu quando me virei para ele e dei um soco com todas as minhas forças. e era tudo culpa dele. quando na verdade. O conhecimento consumidor de que a vida que eu conhecia tinha se acabado. Ele escorregou de minha mão e se atirou sob as rodas de uma van. Isso só me fez sentir mais envergonhada. pegar uma xícara de café. Charlie estava sentado à mesa bebendo café e lendo o jornal quando eu cambaleei até a cozinha. por sua garganta. nada jamais seria normal novamente. mudou tudo. Eu nunca tinha socado uma pessoa antes. a mão de Edward no meu ombro. Como eu poderia ficar contente novamente? "Bom dia". Nada melhor para fazer do que ficar com a minha agenda atualmente inexistente e continuar com a minha vida normalmente. Meus dedos se curvaram. Era tudo culpa de Edward. sentar em uma cadeira. um por um. Foi então que senti a raiva. Minha intenção era dizer a mesma coisa de volta. Depois de vestir-me. Eu tinha ficado com tanta raiva. Como todas as manhãs. Ele deveria saber que ele ia levar um soco. Ele parecia tão contente que por um momento eu o odiei. Sair da cama era difícil. Oh Deus. Eu estava com o desejo de rasgar meu travesseiro em pedaços e enfiá-los. o que fez a minha mão doer ainda mais. era difícil pensar em ontem à tarde. Se eu não tinha um cronograma. e compartilhar um café da manhã em silêncio com o meu pai. Tendo sempre me orgulhado de ser uma pessoa lógica. Esse momento estava queimado na parte de trás das minhas pálpebras. e decidir sobre o melhor curso de ação a ser tomado a partir daí. um plano. Edward destruiu meu Bob.Por que eu me livrei do meu relógio no ano passado? Como pude ser tão estúpida a ponto de não prever esta contingência? Eu vi o plug-in de seu carregador e não pude evitar de estender a mão para acariciá-lo com meu dedo mindinho. Ele entrou na minha vida. ficaria lá para sempre e eu o veria cada vez que eu fechasse os olhos: Bob quebrado em pedaços. eu percebi que eu poderia muito bem descer para a cozinha. . qual seria o momento de fazer alguma coisa? Qual foi o ponto de iniciar o dia. a van de Tyler desaparecendo ao virar a esquina. alguém que pudesse voltar atrás emocionalmente a partir de qualquer situação. Eu queria que fosse Bob. Só de pensar nisso a minha visão ficava vermelha. em seguida. me segurando. com um tom mais triste de voz. Bater em Edward foi infinitamente melhor do que ter sexo com ele. Charlie cumprimentado antes que eu pudesse falar. e depois destruiu o meu Bob.

parecendo confuso. sempre houve um período de transição. todos os meus planos se foram. e eu esperava que seu rosto estivesse doendo dez vezes mais do que a minha mão. decidi ter um colapso. disse?" Eu tinha. Eu continuei em um resmungar: "E." Charlie ergueu as sobrancelhas para mim. tecnicamente. o agredido. estendeu a mão e me deu um tapinha nas costas um par de vezes. "Não foi um acidente. Mil vezes mais. "Esmagado sob o peso terrível da expectativa emocional e uma van!" Eu gemi através das minhas lágrimas. além disso. tanto quanto eu estava preocupada. ele poderia viver na miséria. Meu melhor amigo estava morto. "Como você sabe disso?" Os olhos de Charlie se recusaram a encontrar os meus. Não eram grandes sinais físicos de carinho. Eu olhei para meu pai e sufoquei. "Morto?" Charlie perguntou.Em vez disso. sempre que eu tive que mudar de dispositivo de planejamento antes disso." Ergui a cabeça dos braços e olhei Charlie nos olhos. porque eu nunca falaria com ele novamente. e eu não sei o que eu vou fazer!" "Você tinha um plano antes de você ter um Blackberry. "O quê?" A confusão de Charlie continuou em expansão. Charlie parecia estar segurando o riso ao longo do conto. "Não apenas um Blackberry qualquer. "O que aconteceu?" Contei os estranhos eventos envolvendo a morte do meu fiel Blackberry. Edward teve uma birra e decidiu catapultar Bob em frente ao estacionamento. Bob. "Bob está morto!" Eu gritei. Por que os pais são tão idiotas? "Bella. A mão de Charlie tocou nas minhas costas e ele perguntou com uma voz suave." "Ele não disse nada sobre ter que depor por agressão. antes de cair sobre a mesa. parece que foi um acidente". e Edward telefonou? Bem. Ele é mal dessa maneira. Charlie tentou parecer suave ou algo assim. Tenho certeza que ele alegrou-se com isso. Isso me fez parar rapidamente. ainda parecendo confuso. e soluçando. "Edward esteve envolvido na morte de Bob?" ele perguntou depois de um momento de especulação. Agora. "Deixa pra lá". Eu mudava meus . Charlie. Eu coloquei minha cabeça para baixo e voltei a chorar na mesa da cozinha. "Edward telefonou para cá cerca de dez mil vezes na noite passada. O garoto parecia chateado. Seu nome era Bob. enterrando meu rosto em meus braços. "Oh".

Um menino humano que gosta de você. vou perder coisas muito importantes. mas agora eu não posso. Um dispositivo. Jacob e a irmã de Edward. você nunca poderia tê-las primeiro. antes de tudo. ele lhe ajudou muito. E seus outros amigos. Provavelmente. Eu desejava que ele permanecesse em silêncio para sempre. Eu sabia que meu desejo não se realizaria. "Bella." Minha cabeça caiu de volta para meus braços quando eu terminei. "Não empurre qualquer um ser humano de sua vida por causa de um telefone. Bob não era apenas útil. . Eu sei que é difícil. Somos pessoas. Talvez. Vê- lo tão sério foi surpreendente. Por um lado. Infelizmente." e aqui ele me olhou diretamente nos olhos. Nada de bom iria acontecer hoje. Isso mais do que tudo tinha me feito prestar atenção. ah." Então eu deixei minha cabeça colapsar em meu braços novamente e permaneci em silêncio. todos e cada um de nós irá ajudá-la em sua vida dez milhões de vezes mais do que qualquer dispositivo eletrônico. mas poderia ser muito pior. Beijar Edward me transformaria em uma traidora. Em vez de perder as pessoas. e eu entendo que você esteja chateada por não tê-lo mais. meu desejo não foi concedido.. Eu sei que perder a sua mãe te machucou. Eu não tenho idéia do que vou fazer na próxima semana. Eu queria dizer-lhe como Bob nunca me decepcionou. NÃO." Charlie nunca tinha dito muito para mim na minha vida." Sentei-me e tentei interromper isso. Temos relações.. nunca me abandonou. Eu só quero que você pense sobre isso. E Bella. Bob era uma máquina. Será que eu ainda queria beijar Edward? Não. eu sei que você se sentia muito ligada ao Bob. O Plano do Beijo. Mas. vocês duas estavam planejando uma festa. ainda olhando para mim. Bella. Mas tudo que eu disse foi: "Eu soquei Edward. Eu sei disso melhor que ninguém. Ele matou Bob. Mas Charlie não me deixou falar. Bella. mas desta vez Charlie me interrompeu. eu perdi todos os meus planos. ele muito útil. Eu tenho coisas importantes! O que devo fazer sem Bob? Não há nem mesmo um cadáver para chorar porque a velha van do Tyler esmagou-o em pedaços. Eu queria que ele soubesse que eu estava com medo.. Charlie ficou em silêncio por cinco minutos. Eu não só perdi Bob. "Edward é um garoto humano." Charlie suspirou. Isso era um insulto aos Bobs em toda parte. "Não diga nada agora. você vai acabar sozinha e solitária e sonhando com amigos de verdade. Charlie continuou: "E você tem a mim." Eu queria dizer um monte de coisas para ele.arquivos do dispositivo antigo para o mais novo.. "Eu-". "Olha. Charlie sempre podia encontrar uma piada escondida. e eu sei que você achava. dirigindo seu ponto." Ele ficou em silêncio por um momento. Não. Se fizer isso. não é?" Certo! Esse era o plano de hoje. eu comecei a falar... Sim. O Plano da Festa. "Bella.

Edward o matou. NÃO..." Ela não parecia extravagante agora. "Obrigado. porque eu não tinha outros amigos do sexo feminino." "Oh. "Vejo você em um minuto." Ela quase desligou quando eu gritei o nome dela no telefone." Não havia nenhuma maneira no inferno que eu poderia dizer a ela que eu tinha esquecido. eu estarei ai assim que puder. não é? "Ok. por isso eu não tenho mais minha agenda. ele está bem. Bem. "Hey... Eu acho que deve ser Alice porque. onde está você?" Ela gritou o último pedaço. e Charlie fosse atendê-lo. é claro. Eu não poderia pegar Bob. "Charlie atendeu. E novamente. corri para cima para pegar seu presente e. antes de empurrá-lo para longe de minha orelha.Charlie levantou-se e serviu uma xícara de café e a colocou ao meu lado antes que o telefone tocasse. "O quê?" "Feliz aniversário".. há uma menina tendo um ataque de pânico no telefone.." Eu desliguei antes que ela pudesse dizer qualquer outra coisa. e eu não tinha certeza de quando exatamente eu tinha que ir até ai." "É melhor se apressar. Ela parecia genuína. bem. Eu senti . Eu respirei fundo. É por isso que eu precisava de Bob." Ele me entregou o sem fio. Eu me perguntei se ela tinha uma tiara de aniversariante na cabeça. Tenho certeza que é para você. "Onde no mundo você está? Eu nem percebi que era possível você se atrasar? Será que algo drástico aconteceu? Charlie está morto?" Alice soou como se ela estivesse prestes a ter um ataque cardíaco. bem. eu ainda queria esse beijo? Não. certo. "Bob morreu ontem. além de obedecer. me preparando... o telefone Alice. "Olá?" "Bella!" A voz de Alice gritou através do receptor. o plano que eu tinha organizado para mim? Eu tinha que honrar Bob do jeito que eu pudesse. Mas o plano. "Venha agora! Eu preciso de você! Vai levar o dia todo para arrumarmos tudo e tornar isso perfeito para nós duas podermos conseguir nossos beijos tão sonhados. e eu quase o deixei cair. O que mais eu poderia fazer." Eu tinha certeza que ela deu um estranho giro depois de dizer isso.

Alice tinha me convidado. você está aqui! Você pode me ajudar com isso?" Eu não vi movimento. como se eu fosse dona do lugar. Eu estava a meio caminho para a casa dos Cullen quando realmente lembrei que Alice era a irmã de Edward e que corria o risco de ele estar lá. No final. Não se parecia nada com o que era na última vez que estive aqui. porque eu não consigo encontrá-la. e eu não iria hesitar na frente de Edward quando eu estava devidamente convidada. abafada. Enquanto caminhava até a calçada notei que a porta da frente estava entreaberta e tomei isso como um convite para entrar. Eu teria que vê-lo em algum momento. Edward e eu éramos parceiros de laboratório.. e sua voz estava alta. e parecia estar vindo de cada pilha de tecido que havia. Tudo ficaria bem. "Sim?" Eu chicoteei minha cabeça ao redor. "Graças a Deus. eu peguei um pequeno caderno. Depois de estacionar na rua. deixando um canal de destruição atrás de mim. Isso era de alguma forma pior do que pedir por sexo. "Eu preciso que você salte para cima e para baixo. Ela tinha um balão vazio em seu cabelo. "Aqui!" Sua voz não parecia estar vindo daquela direção. "Bella!" Alice gritou de algum lugar. e sai da caminhonete. Entrei na área da sala principal. mas agora. Eu não podia simplesmente deixar a casa sem nada. "Uh. Onde está você?" Eu dirigi a minha voz em direção a sala com o piano. ou faça algo como Marco Polo. mais cedo ou mais tarde. E então alguém tinha entrado e vomitado todo o algodão e tafetá nos escombros. e eu quase virei e sai. e pelo menos desta forma isso não afetaria meu trabalho na escola. e leggings verdes e uma saia de seda rosa choque na parte inferior. ele vivia lá. Olá?" Eu disse quando eu dei um passo hesitante na zaragata arco-íris. pensando que ela tinha a maior probabilidade de ser o centro das coisas. Eu teria que interagir com ele. tentando encontrar a fonte do guincho de Alice. Além disso. uma fita na boca. que estava sepultado em uma gaveta e sai correndo para a caminhonete. me orientei. A última vez que tinha visitado a sala ela era uma confortável sala familiar. de qualquer maneira. "Ah. olhei ao redor. Encontrei-a enterrada no salão de jogos. e estava usando uma camisa de pijama de ursinho de pelúcia em cima. no chão ao lado uma mesa de jogo. Na verdade.que eu tinha que pegar alguma coisa embora. eu respirei fundo. parecia que uma loja de tecidos tinha explodido sobre ela.. sem permitir-me ficar preocupada com isso. . com certeza." Comecei a cavar através de serpentinas e balões e chapéus de festas.

Foi uma coisa boa que eu não tivesse perguntado de novo. Eu estava virando meu pai. e ele era meu único amigo até este ponto da minha vida. Achei que isso era permitido já que eu tinha dado uma boa chorada naquela manhã. "Onde está seu irmão?" Alice não pareceu notar que eu a tinha insultado. Sentar ao lado dela e participar. Jacob nunca fez isto. portanto. eu poderia ter dado risada quando ela começou a bater em tudo com o confete. Foi isso que eu tinha feito com Charlie esta manhã? Se assim fosse. "E-ele não vai v-v-vir!" Alice sufocou. e caiu em prantos. Eu continuei calada e assumi que ela estava falando de Emmett. embora. exceto por nós. eu me senti um pouco mal. eu nunca tinha sido confrontada com tal espetáculo. nem Charlie. "O que há de errado?" Perguntei em uma voz calma e lenta. como ninguém veio correndo para a sala. "Como você sabe?" "Porque Jasper me disse. Se eu não estivesse preocupada com Edward e Bob. Nem tinha o Bob para procurar as técnicas no Google. *Reanimação Cardiopulmonar. sentei-me. Ela havia iniciado o abraço ontem e quando eu pensei em tentar isso me senti fisicamente mal. e eu odeio minha vida!" ela gritou a última parte alta o suficiente para que. eu teria de parar no meio de uma sílaba quando Alice caiu em uma pilha de tecido rosa choque. Sem Edward. Ele bancava o homem com cara de mal quando passava seu tempo destruindo carros e os montando novamente. "Olhe para essa bagunça!" ela gemeu. Cheguei a minha mão e acariciei seu ombro. O plano todo é estúpido. Eu procurei tudo o que eu sabia sobre as relações humanas e me lembrei de duas ações que eu poderia tomar. e ele não chorava ou esperneava. Eu só tinha tido um curso de RC*. Não soava como se ela pudesse respirar. mas decidi não juntar-me a ela. eu assumisse que a casa estava vazia. Grandes e desleixadas lágrimas e soluços ofegantes. a fim de tomar conta da criança do vizinho há três anos. você está ridícula". Eu não tinha idéia do que fazer. e depois porque eu sabia que não seria capaz de pensar em outra coisa até que eu tivesse uma resposta."Alice. ou fazer uma xícara de chá. Isso era tudo que eu podia fazer. puxando o balão em seu cabelo. Graças a Deus. Não em simples lágrimas. "isso nunca vai ficar pronto a tempo! Você deveria estar aqui às oito!" Isso não respondeu à minha pergunta sobre Edward. eu perguntei. eu soltei. Emmett e Rosalie vão sair esta noite para fazer alguma coisa e- estúpida. . Ele nunca se envolveu em tais teatralidades. porque se eu tivesse perguntado. e o fato de que eu perdi um encontro esta manhã. e no momento. Decidi dividir a diferença. eu não conseguia me lembrar de nenhuma parte do meu treinamento.

de qualquer maneira. Edward era um assassino de telefone. quente. Pessoas i-iriam aparecer de qualquer maneira. ele é tão. eu disse. 10 horas. eu poderia encontrar exatamente o que fazer nesta situação. "N-não podemos. Alice teria que se recompor. "Não. você ainda gosta dele?" Alice deu de ombros. Porque você tinha que dizer coisas verdadeiras quando não ajudava? Como lidar com reconfortar amigos quando sua própria vida estava desmoronando? "Você acha que nós deveríamos cancelar a festa?" Eu tinha acabado de dizer isso? Alice continuou a soluçar enquanto ela gaguejava. Parecia que uma bomba de Ano Novo tinha explodido na casa. Ela começou a relatar a história sobre a bicicleta." Ela riu um pouco. por que não você começou a gostar dele. "Eu não tenho idéia do que dizer. "Você perdeu Emmet. tão.. Se eu tivesse Bob. Bob sempre tinha algo a dizer. na maior parte. . mas eu não conseguia pensar em mais nada a dizer e. Olhei para meu relógio. "Ele sempre foi legal comigo." Isso era verdade.... então eu disse isso. destruidor babaca de planos. Alice. Não há jj-jeito para dizer a todos. e eu a interrompi. Eu precisava de Bob. se fôssemos tentar deixar este lugar apresentável. eu não sei. quero dizer. "Por que você gosta tanto de Emmett?" Nós conversamos sobre isso antes." Eu sentia falta de Bob. Bem.Essa coisa toda estava se transformando em um fiasco. Emmett não viria.." Alice me corrigiu. você perdeu Edward. e eu perdi Bob". Eu quase sempre era capaz de subverter meus hormônios adolescentes. "O quê?" "Não é por isso que você está chateada? Porque você estragou as coisas com Edward?" "Desculpe-me! Ele estragou as coisas comigo!" Eu gritei com a menina chorona. Não que eu já tivesse pensado nesses ditos braços. E. Toda a escola estava se dirigindo para cá.. Bob teria algo a dizer. porque depois de todos esses anos. Alice não precisava saber sobre a minha coisa com o suco de laranja. Provavelmente pensando em seus braços enormes. Bob faria Alice se sentir melhor. "Você quer dizer. Não deixasse um cara assumir minha vida porque eu achava que ele era quente.. "Alice?" Eu perguntei.. Isso faz de mim uma pessoa horrível? Resolvi mudar de tópico.

mas eu tinha certeza de que Jasper estava interessado em Alice.. nós tínhamos uma tigela de ponche e alguns outros alimentos. Ou o que quer que eu esteja fazendo. "Vamos começar a organizar. Puxei-o dela. Alice continuou. mas também estávamos dançando. Eu mesma varri. os sofás estavam livres. ele é meio quente? Talvez. mas sem copos ou pratos ou utensílios. Alice ligou a música de algum lugar. Ela ainda tinha o balão na cabeça. “Emmett. certo? Algo que ele não poderia dizer na hora do almoço. Não estava tão ruim assim e uma hora depois." Levantei-me e arrastei Alice comigo. mas Alice estava balançando com ela e logo ela me arrastou para isso também. o piso aspirado. Não era minha música clássica calma habitual." Eu não sabia a melhor maneira de interpretar o comportamento humano." A menção de Edward me fez congelar. só porque meu plano está arruinado não significa que o seu está."E Jasper?" "O que tem ele?" disse ela com algo semelhante ao desgosto em sua voz." Essa também não era uma verdade sobre Emmett? Não era por isso que ele e Jasper eram amigos? Ela queria que Jasper ficasse interessado em apenas uma pessoa? Essa linha de pensamento me fez pensar sobre o porquê de Edward ter amizade com eles e decidimos que precisávamos de outra mudança no tópico. . que. Ele tinha que comprar algo nesta manhã de qualquer maneira. Para não mencionar o momento estranho na sala de aula ontem. que nunca estaria interessado em uma pessoa qualquer. Presumo que seja o meu presente. Estávamos sentadas. "Você sabe. com exceção da parte em que ele está namorando outra pessoa. "E Jasper é um mulherengo que. pensei. Ela enxugou o rosto em sua manga e me deu um sorriso falso. Eu não acho que isso fosse realmente uma dança. com cuidado para não puxar seu cabelo. Ele devia estar tentado dizer alguma coisa. O menino sempre deixa as coisas para a última hora. e o lixo tinha sido levado para fora. Ele ficava muito ao seu redor. que parecia ter algo a ver com o ritmo desta canção horrível. "Mas ele é um idiota!" ela gritou para mim." Alice disse e eu percebi que não tinha contado a ela o que aconteceu ontem. é agradável e perfeito e maravilhoso"." Sobre ela. por outro lado. que. enquanto pegava o grande pedaço de tecido que ela tinha acabado de estar enrolada.. "Edward está trazendo. "Bem. Alice percebeu isso. "Não temos pratos?" Perguntei olhando para a mesa que tínhamos estabelecido como "o bar. A bagunça era enganosa. Começamos a arrumar.

não são?" ela disse quase melancólica.ou qualquer outra coisa." "Sério?" Os olhos de Alice estavam acesos com alegria. É exigente. Tive a sensação de que ela não estava mais falando comigo. Eu sentiria falta de lidar com a simplicidade de Bob. "O quê?" "Você quer beijá-lo. antes de subirmos para o quarto dela para nos arrumarmos. "Meninos de verdade são mais complicados". Alice disse depois que ele saiu. Mas a partir de ontem mais do que apenas morto. parecia tarde para mim. Ele catapultou Bob a uma morte aquosa." Ele entregou-lhe uma sacola de supermercado cheia de pratos descartáveis e. Bob era pouco exigente. conversando com Edward. eu não quero. e começou a balançar para cima e para baixo apontando para um saco de presentes na mão de Edward. As pessoas eram tão difíceis." Eu sentia falta de Bob. Ele parou quando entrou e ficou olhando para mim. "Mas os meninos reais são mais gratificantes. "Mas isso é. Um doador verdadeiro e não um tomador. não". disse ele. um dispositivo eletrônico. "Mentirosa". tentando beijar Edward. "Nós teríamos que conversar antes que pudéssemos beijar. Eu não quero beijá-lo mais . e eu não tinha nem pensado sobre o que eu ia usar. correu para cima. mas Alice me assegurou muitas vezes que o horário era normal." "E você prefere chorar por Bob. "Oh. "Isso é para mim?" Alice gritou. Durante toda a semana eu estive com Edward. ."Edward matou Bob. eu expliquei academicamente. tínhamos uma festa temática que não importava mais. em seguida. hey". Toda a escola ia estar aqui hoje à noite. Eu não respondi." A porta da frente foi aberta quando eu falei e Edward entrou claro. Tudo sem Bob. "Ele provavelmente mereceu. "Não. imune à tensão estranho no ar. '*' A festa começou por volta das nove. Um com quem você teve relações sexuais?" Eu ignorei sua impropriedade." Eu olhei para ela. e eu não quero mais exigências. ainda olhando para mim. eu soquei o seu irmão. "Além disso. do que beijar um menino de verdade. "Uh." Sorrimos uma para a outra.

Alice tinha ido nos pegar bebidas e não tinha voltado. Talvez então eu não ficasse tão preocupada sobre encontrar Edward. sempre eram meus favoritos. Passei pela sala com o piano e pelo corredor até a cozinha. houve um flash de um cabelo vermelho à distância. Havia alguns festeiros aleatórios pendurados na geladeira e fazendo coisas estranhas com o que podiam encontrar lá dentro. à procura de alguém para fazer sexo. Planejei minha vida para que eu não precisasse me preocupar com isso e o sexo ainda estava constantemente em minha mente. Não estava muito quente. Não soluços excessivamente dramáticos e gritos de mais cedo. Mas calmas lágrimas verdadeiras. Fui para a cozinha e peguei um copo de verdade. Eu não queria ter uma conversa com o assassino. Eu olhei para o céu e sorri ao ver as estrelas. O silêncio foi quebrado por um fungado. Eu sabia com certeza. Eu nunca tinha bebido antes. atrás da cozinha. Fora estava abençoadamente fresco. e não o cinza vazio de um céu nublado à noite. . Passei por eles e em um golpe de sorte. Por que tudo sempre era sobre sexo? Eu tentei e tentei não pensar nisso. eu estava prestes a entrar. azuis e vermelhos por fora e branco por dentro pareciam muito clichês. Dez minutos foram desperdiçados em pé ao lado da poncheira pensando sobre as possíveis ramificações de que ficar bêbada poderia ter sobre o meu futuro em relação às possíveis ramificações de ficar sóbria. Eu podia ouvir no silêncio um soluço vindo do pátio sob a varanda. A frieza me permitiu relaxar e pensar. Aqueles poucos meses do verão. Isso era um efeito colateral de ser uma adolescente? Será que isso iria embora? Cerca de quinze minutos depois percebi que não havia uma bebida não-alcoólica no local. Depois. Muitas das pessoas mais bêbadas estavam soprando confetes de festa no rosto das pessoas e correndo por aí (dentro da casa!). mas estava começando a parecer uma boa idéia. onde era ensolarado e tinha mais de chuvas. e eu estava com sede. olhando por cima do meu ombro todo o caminho e esperando que os Cullen tivessem uma saída por trás como a minha casa tinha. mas você poderia dizer que a chuva e o frio da primavera estavam chegando ao fim. Edward. Eu já tinha visto Jasper entrar e percebi que ela estava se escondendo dele enquanto ele estava. Eu fiz o meu caminho através de vários adolescentes vestindo chapéus brilhosos que dizia "Feliz Ano Novo!" e o show da contagem regressiva de 1999 estava tocando no fundo. ainda segurando meu copo vazio. Eu mantive um olho nos cantos para me certificar de que Edward não estava na sala. Isso era tudo muito surreal em junho. encontrei uma porta que levava a uma varanda. Eu abandonei a mesa de bebida e fugi. Ele colocava as pessoas em um modo melhor e deixava tudo acontecer sem problemas. porque os de plástico.Após ter recebido a primeira metade dos convidados. provavelmente.

" Alice parecia desanimada." "O quê?" "Com essa coisa de plano / festa. se houvesse algo que Alice precisasse conversar mais tarde. em caso afirmativo. pelo menos não era Edward. . Eu não acho que Alice ou eu queríamos falar com ele. bem. Em sua própria festa de aniversário. que ele é nada mais que um mulherengo que só sai com as meninas e cai fora rapidamente.. Alice parecia tão triste. sabia que ele não ia vir. bem.. Se Jasper a incomodasse de mais. você sabe?" Ele soou como se estivesse tentando rasgar seu cabelo para fora. parecia insensível ficar aqui e não fazer nada enquanto ela chorava. Eu deveria deixá-los ter privacidade? Eu deveria parar Jasper? Alice queria falar com Jasper? Será que ela até mesmo gostava de Jasper? Será que a melhor amiga tinha o dever sagrado de proteger a outra? Whoa. Você ficou tipo." Eu quase podia ouvi-lo dar de ombros enquanto falava. Alice respondeu com soluços. Ela estava em uma espécie de esconderijo.Eu não tive que olhar para saber quem era. mas isso só faz de você o maior hipócrita de todos. "Eu vou falar com ela. Eu sou uma melhor amiga? E. quando isso aconteceu e como faço para corrigir isso? Eu quero corrigir? Eu suspirei e decidi ficar onde estava. "Desde quando? Você nunca se importou comigo antes. eu não sei. Assim quando eu estava prestes a descer as escadas em direção a Alice. "Você realmente queria que ele viesse? Ele teria apenas trazido sua vagabunda". então eu estaria preparada para a conversa. mais uma vez. "Por que você se importa?" "Eu me importo." Eu tinha perdido o começo da conversa deles com a minha luta interna. empurrando-me para trás das escadas para que ele pudesse chegar a ela na minha frente. Eu apenas gosto de estar perto de você. Quando me virei e vi quem era. ". sem saber o que fazer. Eu poderia dizer que era uma mão masculina e uma parte de mim orou que fosse Emmett. Eu queria que Alice conseguisse o que queria. uma mão no meu ombro e me parou." "Eu não sei. Eu estava. Eu não sabia se deveria ir falar com ela ou não. eu poderia intervir. Desde que você enlouqueceu.." Jasper disse. Mas uma parte de mim também esperava que não fosse. "Você fica me dizendo que eu deveria desistir de Emmett.. mas como eu a encontrei lá fora.

mas ele soava como se ele realmente quisesse que ela soubesse o que ele queria dizer. na semana passada.. já é depois das onze. mas. "Posso te beijar?" "Você quer me beijar?" "Sim." Jasper parecia tão confuso quanto eu. Eu sei que eu não fiz nada que inspirasse confiança. eu quero.. e você sabe?" Suas palavras não faziam qualquer sentido. "Bem. Comigo". meus pais vão estar em casa à meia-noite. "Sim. Deveríamos beijar só à meia-noite.. eu quero dizer. "De provar que eu estou interessado em mais do que ter sexo ilícito na cama de seus pais!" Jasper gritou de forma tão inesperada que Alice saltou para trás e guinchou. "Você realmente gostaria de quê?" Alice exigiu."Eu sei. Eles estavam olhando para o outro em silêncio.. eu realmente gostaria que você." . Jasper parecia ter esquecido como formar uma frase." Mas ele parou de novo.." "Uhuh. você é tão — Eu quero te conhecer não apenas — você sabe?" Por este ponto eu estava orando que Alice pudesse ler sua mente e colocá-lo fora de sua miséria. "Eu não sei. O silêncio durou pelo menos um minuto inteiro antes que um deles falou. mas. é tudo que eu tenho sido capaz de pensar desde que eu ouvi o que você fez a Rosalie no restaurante. É tarde demais para você realmente fazer alguma coisa na cama deles." Olhei mais forte para a escuridão até eles. "Isso é um ponto na coluna positiva?" Cheio de esperança em sua voz. quer dizer. Você está aqui. "Provar para mim?" Alice perguntou. eu acho.. Eu acho. "Eu acho que é. Jasper tinha estendido a mão e entrelaçou os dedos com os de Alice. "Você sabe." "E?" "E. com uma garota aleatória." "Não é meia-noite ainda. você não está lá. "O quê?" Alice solicitou.

não. malvada. Era tudo muito masculino. Abri a porta e voltei para a cozinha. seu tapete bege. eu lhe dou permissão para me beijar. "Você tem um cadeado em seu quarto?" "Sim. Não havia uma contusão ou um roxo ou qualquer evidência de que eu tinha o machucado. eu imaginei que o meu dever como melhor amiga tinha acabado e voltei para a casa." Ele me levou para o quarto e se sentou na cama. pessoas que estavam bêbadas enquanto mandavam ver. Masculino e chato. Ele estava lá esperando e não havia maneira de evitá- lo." Alice pensou um pouco. bem. sua parede bege. chegamos a uma porta fechada. Eu esperava que eu parecesse com raiva. "Um monte de bege. Eu odiava Edward. Tudo deu certo. Eu me enfureci. Isso fazia com que quando eu respondesse. segundo o plano." "Me controlar? Você quer dizer não usar nenhuma língua?" "Hmm. Não se parecia nada com o quarto de Charlie. Em vez disso eu olhei para o lugar que eu tinha o socado. Edward puxou um anel de chaves e eu não pude ficar em silêncio por mais tempo. "Talvez um pouco de língua." Depois que eles começaram a se beijar. perguntou ele. seu travesseiro bege." Jasper se atreveu. Eu balancei a cabeça. quando eu tinha doze anos."Vamos lá. Ela foi criada pela mãe. que eu precisava bloquear as duas mulheres mais curiosas do planeta. e ameaçadora. mas ele tinha acabado de uma forma positiva. Depois de pisar sobre as pessoas que se agarravam." . adolescente masculino. "Tudo bem. Bem. Minha mão ainda doía. Mas se controle. "O quarto foi pintado quando nos mudamos e eu decidi ficar com ele ao invés de pintar de novo. eu fiquei quieta e em silêncio. olhando para ele. Edward fez um gesto para eu segui-lo lá em cima. Seu edredom era azul. Eu não ia ser a primeira a falar. Isso realmente não contava como quebra de silêncio. deprimida e solitária. Laconicamente. "Podemos conversar?". viva perigosamente. o que deveria ser impossível." comentei educadamente. e não triste. Então. quebrasse oficialmente o silêncio? Eu não queria ser aquela que quebraria o silêncio. Alice é minha irmã. Meu pai decidiu. E mantenha suas mãos acima da roupa. pessoas que bebiam.

eu estava brava com ele. "Você estava tão determinada a me colocar em seus planos.. apesar de eu só ter falado com Edward por menos de duas semanas. Eu estava irritado. "Eu nunca quis jogá-lo. Uma menina e um cara que gostam um do outro e querem ver se eles ficariam bem juntos pelo resto de suas vidas?" "O resto das suas vidas? Você realmente quer isso de mim?" "Eu não sei! Talvez. como se eu fosse menos importante para você do que um Blackberry estúpido. Eu queria estar brava com ele.. Eu não sei." "O que você quer de mim. mas para ter o meu eu teria que perdoá-lo. porque eu ainda não sabia." Eu não sabia o que dizer. Ele teve sorte." Uma versão ímpar de um elogio. Eu nunca quis quebrar-lo daquele jeito. decidi enfrentá-lo em qualquer conversa que queria ter. "Bella. ele começou. eu quero um relacionamento normal". "O que você quer de mim?" Perguntei de novo. Furiosa. Dei de ombros e. Eu queria apenas perdoá-lo sem motivo? "Por que você estava tão chateado a ponto de sentir que tinha que matar Bob?" "Eu não tive a intenção de matar-". Eu gosto de você. ele parecia importante para mim.Apesar do convite claro para me sentar ao lado dele na cama. Eu só queria. mas depois parou a si mesmo. Deus sabe porquê. Edward?" "Eu quero. "Minha versão de um plano". relutantemente. parecia que. A parede em frente à sua cama estava coberta de um enorme mapa do mundo com tachas vermelhas nele e impressões feitas do computador o rodeando. Muito.. mas eu gosto. Era como o que Charlie tinha dito esta manhã. Mas. mas o plano que você fez quando tinha onze anos significava mais para você do que eu. "Defina 'relacionamento normal'? "Uma relação. Ele respirou fundo antes de falar. Você fez sexo comigo. eu sinto muito sobre Bob. entusiasmo". Isso me fez sentir insignificante para você... Parecia que um projeto de geografia tinha explodido. disse ele. Ele suspirou. E Alice tinha conseguido seu final feliz. resolvi olhar em torno primeiro um pouco. As pessoas eram mais importantes do que os dispositivos eletrônicos. "O que é isso?" Eu perguntei apontando para a bagunça na parede. e eu queria que você falasse comigo sem colocar o seu Blackberry entre nós ." "Eu.e eu acho que o arranquei com muito. .. o que me fez querer o meu. sentei-me à mesa.. Eu juro..

o que você quer de mim?" "Huh". na esperança de fazê-lo parecer como se não fosse tão importante. mais envergonhada do que antes. "É por isso que você me pediu?" Edward continuou a rir. eu quero. bem.. "Eu quero ser importante para você. mas eu não queria dar o que Edward queria. . porque um menino me pediu... Eu não achava que eu poderia apenas mudar a minha vida ali mesmo.. E talvez fosse. eu disse em resposta. não quero dizer... ele disse a última palavra com tal censura que eu a senti como um tapa na cara. ali mesmo. especialmente quando você bebe suco de laranja. Ele se forçou a parar e colocou um olhar sério em seu rosto. O que eu queria de Edward? "E eu não quero dizer algo para marcar alguma lista do que fazer que você tem. eu quero.." Eu falei.. "Oh". mas não tinha idéia de como dizer. gostoso. Eu realmente não sabia mais o que dizer. "Há quanto tempo você pensava isso?" Será que eu tinha que ser honesta? "Se-uhhh. Mais importante do que um smartphone". eu pedi a você porque. "Quero dizer. "Eu quero. "Mmhmm". essa foi a escolha errada da palavra.... Será que tinha que ser um ou o outro? "Bella.. Isso foi imediatamente pontuado por Edward caindo na gargalhada. Dei de ombros. tão. você fica tão. Quero dizer.. A vida ou a morte de nosso relacionamento. seis anos. Sua pergunta me surpreendeu. "Seis anos!" ele gritou de volta para mim. "Ou algo assim".." Eu podia ver que ele sabia o que queria. "Eu quero que você queira algo de mim.. Eu balancei a cabeça."Eu quero... por que eu? Por que você me pediu para fazer sexo com você? O que você queria de mim?" Ele fez soar como uma questão de vida ou morte..... o que. Gostoso? Bella. ou o que fosse. Eu quero." Nada jamais foi tão humilhante como este momento.. eu quero dizer." Gostoso? Senti-me corar a partir das raízes do meu cabelo até as pontas dos meus dedos." Ele caiu em frustração.

"E em seis anos, eu sou o único cara que você pensou como... gostoso?" Agora, ele estava
apenas se gabando. Imbecil.

"Sim, você é o único cara que eu já até pensei em fazer sexo, ok? Menti quando disse que
havia uma lista. Só você estava na lista. Se você tivesse dito não, eu não acho que eu teria
ido em frente." Pronto. Era o que ele queria? Saber todos os meus segredos?

"Sério?" ele pareceu surpreso.

"Sim".

"Bem, então." E então ele chegou por trás dele e puxou uma sacola de presente. A que ele
com que ele entrou mais cedo. "Isto é para você."

"Não é meu aniversário."

"Não é o de Alice também, mas há uma pilha de presentes para ela no andar de baixo."

Eu acho que ele tinha razão.

Peguei a sacola e olhei dentro para uma caixa branca do tamanho de um telefone celular.
Acelerando, eu puxei a caixa fora do saco e joguei a tampa, depois parei, surpresa.

"Eu pensei que talvez você poderia mudar um pouco."

Era um iPhone. Senti meu olho esquerdo tremer.

"Tomei a liberdade de colocar um nome nele para você."

"O que, uh, qual o nome dele?"

"Fred". Eu sorri. Ele parecia um Fred. Edward continuou, "Eu realmente sinto muito
sobre o seu telefone, quero dizer, Bob, Bella. Mas eu só acho que isso pode ser uma boa
oportunidade... para nós, você sabe?"

"Boa oportunidade para quê?"

"Eu nunca odiei Bob, mas eu só acho que você o usava como um escudo. Alguma coisa
entre você e as pessoas que significam muito para você. As pessoas que você está com
medo de que te decepcionem."

Pensei em minha mãe então. Pensei em como eu não tinha pensado nisso há tanto tempo
que eu não sabia se eu já tinha pensado nela dessa maneira. Pensei em quando ela me
ensinou a tocar piano. Na paciência que ela tinha. Na forma como os dedos guiavam os
meus. O amor que eu sentia naqueles momentos.

"Charlie acha que eu estou com medo", eu admiti.

"De quê?", perguntou ele, suavemente.

Eu achava que não podia olhar para ele enquanto eu respondia ", de as pessoas me
decepcionarem novamente. De perder as pessoas que são importantes para mim do jeito
que eu perdi minha mãe. Das pessoas me mandarem embora, como ela mandou." Eu
respirei fundo e olhei para ele. "Bob, o plano, tudo, era apenas uma maneira de passar
pela vida sem me colocar em risco. Quero dizer, eu gostava da minha mãe. Eu continuo
gostando. Mas doeu muito quando ela me mandou para morar com Charlie. E então
morreu. Por que... Quero dizer, eu não era suficiente? Ela não podia ter ficado sóbria por
mim?"

Eu estava quase chorando até então e me odiando por isso.

"Eu serei o suficiente para você?" Perguntei entre fungadas.

"Bella, Bella, Bella." Edward se moveu para fora da cama, em direção a mim.

"Me desculpe por eu ter socado você." Agora eu estava realmente chorando, as lágrimas
correndo pelo meu rosto. Edward tentou escová-las fora, mas elas não pararam.

"A morte de sua mãe não teve absolutamente nada a ver com você. E eu totalmente
merecia ser socado."

Então Edward me beijou. Seus lábios nos meus. Eles eram macios... e duros. Eles eram
encorajadores e exigentes. Fiquei triste e feliz.

Eu passei meus braços em volta do seu pescoço e levantei-me mais perto de seus lábios.
Ele abriu a boca, e bem, foi meu primeiro beijo e toda a coisa de línguas e narizes e dentes
bem, foi difícil por um minuto. Mas quando Edward nos trouxe de volta para a cama, nós
nos encaixamos. Então... bem... era muito melhor do que sexo. Este beijo. Foi
maravilhoso. Foi magnífico. Os lábios de Edward. Eles eram mágicos.

Edward começou a deslizar suas mãos nas minhas costas, debaixo da camisa. Sua pele
tocando a minha era a melhor coisa que já aconteceu comigo. Eu não precisava mais do
que isso. Eu não queria nada mais do que isso.

"Edward?" Eu me afastei dele, delicadamente, e ele moveu os lábios perfeitos para baixo
do meu pescoço e começou a beijar-me lá. Isso era muito bom.

"Isso pode soar estranho, mas, oh... isso é muito bom." Ele começou a chupar minha
orelha e eu comecei a ter dificuldade para respirar.

"O que soa estranho?", perguntou ele, o que o obrigou a parar de chupar em meu lóbulo
da orelha. Inaceitável.

"Não pare." Eu o obriguei. "Quero dizer, que eu não acho que estou pronta para ter
relações sexuais."

Ele se puxou de volta da minha orelha e me olhou nos olhos. Eu continuei com as
divagações. "Eu sei que nós já fizemos sexo, e não foi terrível," Eu tinha certeza de que isso
era tudo o que todo cara queria ouvir "-mas não parece que nós tenhamos que cruzar
qualquer tipo de limite ou... Eu não me sinto diferente agora do que antes e isso," Fiz um
gesto para nós, deitados na cama completamente vestidos, nossos braços em volta um do
outro. "A sensação é mais íntima do que qualquer outra coisa."

Então Edward sorriu. "Acho que nós curtiríamos mais o momento sem aquele manual de
instrução." Ele riu e zombou de mim. Eu bati no seu ombro. "Não se preocupe, eu não
quero apressar nada com você." Ele se inclinou novamente para baixo, e pouco antes de
nossos lábios se ligarem novamente, ele disse: "Eu só quero estar com você."

Então nossos lábios estavam juntos novamente, nossos braços apertando o outro, nossos
corpos se movendo contra o outro. Nada nunca tinha parecido tão maravilhoso antes.
Talvez, apenas talvez, eu pudesse mudar todos os meus planos por isso. Por nós.

Afastei-me de repente. "Edward! Que horas são?"

Ele olhou para mim como se eu estivesse louca, então olhou através do quarto no que eu
assumi ser um relógio. "São 11h56."

Eu ri um pouco em seu pescoço. "Perfeito". Eu puxei seu rosto para o meu novamente.

Era um plano estúpido, de qualquer maneira.

'*'

Dia 14 - Em que minha vida foi (semi) Felizmente Arruinada

e passei horas pesquisando sobre o iPhone. e os seus lábios e sua língua e seus dentes iam por toda parte e de alguma forma tudo isso era muito bom. Acariciando meu queixo com cursos leves e mal me tocando com os lábios. ou atacando a minha boca com tanta força que eu tinha certeza de que ele me machucaria. Eu li por horas sobre o primeiro iPhone ter revolucionado os telefones celulares. Eu pensei que eu iria me tornar proficientes com o uso da língua na noite passada. "Desculpe. então nós nos beijamos um pouco mais. Até Charlie limpar sua garganta atrás de nós. Era só agora. E então eu me joguei nele. Para mim era brilhante e bonito. pai. Charlie e eu estávamos tomando café da manhã quando ele bateu na porta. Eu podia sentir. e eu posso ter soltado um ruído embaraçosamente agudo de excitação.Bem. Edward disse. Eu tinha certeza que Fred e eu iríamos ser bons amigos. e o agora era lindo. era uma mentira. ou Edward e eu teríamos chegado a um entendimento de como deveríamos interagir com nossas línguas. Para ser justa. ele sorrindo enquanto ele moveu sua boca para meu ouvido e soprou suavemente antes de retornar a minha boca. em seguida. Mas. Estava chovendo. Edward apareceu cedo. Era simples e especial e não se comparava a qualquer coisa antes ou depois deste momento. então corri para casa. "Hey". Depois de passar muitos minutos mandando ver na cama de Edward na noite passada. ele me levou para minha caminhonete. "Oi". e comecei a procurar quais aplicativos que eu teria que adquirir primeiro. mas isso não foi nada comparado ao que aconteceu na varanda. Beijar Edward era uma alegria especial que eu queria experimentar mais e mais. depois das últimas duas semanas. Mas eu me sentia brilhante e bonita. e desta vez eu não achei isso chato. O iPhone 4 pode curar o câncer com a sua radiação. Ele me segurou tão apertado. Eu também encontrei uma lista de fatos estranhos sobre o telefone que parecia estar comparando-o ao Chuck Norris. então agora era estranho. Era melhor do que colocar as coisas no meu novo calendário. re-introduzindo a língua. eu tinha certeza que eu estava equipada para lidar com coisas estranhas. ele estava lá para me pegar para que pudéssemos ir configurar a conta de Fred. parecendo todo barbeado e suave quando eu abri a porta da frente. e eu estava gastando muito tempo com Alice. o tempo todo. ou o que seja. eu disse.." . Ele cambaleou para trás na varanda e levou um minuto para conseguir o equilíbrio. começou a me beijar de volta. menos suave. onde todos podiam ver.. qualquer coisa. Eu estava quente na minha cama e o mundo que nos rodeava era real na forma como nós interpretamos que fosse.

"Oi. Incapaz de ter atenção. "Mmhmm". Bella. uh. então eu encostei ao lado de um sinal de parar e olhei para Edward. bem. nós ainda estamos juntos. Foi apenas uma briga. "Então". eu acho. Edward disse assim que estávamos fora do bairro. Mas um passo importante. e então algo acontece e você começa a me odiar e nós terminamos então. não é?" Entrar em pânico durante a condução era difícil. Nós ainda estamos juntos." Edward estava passando seus dedos para cima e para baixo da janela. Eu gosto da sua caminhonete. A menos que nós terminemos." "Certo.. nós fazemos. Ele riu um pouco. talvez fosse. "Seu pai gosta de fazer as coisas dolorosas para nós. "Eu vou. "Mas o que acontece se terminarmos? Nós mudamos nossos planos. "Sim." Edward disse.. Na época. indo para cima e para baixo da janela. Quero dizer. você está bem comigo dirigindo?" Edward notou que eu ia escorregar e me segurou rapidamente." E a briga que nós dois tivemos na sexta-feira. e agarrou minhas mãos nas suas para parar-se de fazer aquilo. Charlie grunhiu antes de caminhar para a cozinha.. Eu ainda sou o seu namorado. Eu quero que você seja uma parte da minha vida. Charlie. "Está bem. A buzina do carro e o motorista gritando para nós quando passou mostrou que eu não tinha feito um bom trabalho em encostar. "Então?" "Sobre a faculdade. Eu nunca tinha o visto fazer isso antes e isso me fez querer dar um tapa em sua mão. "Mmhmm". certo? Eu ainda sou sua namorada? Essa briga não foi um término.. "Viu? Isto é o que eu quero dizer! E se nós simplesmente não formos compatíveis? E se eu ficar sempre gritando com você e depois você me odiar?" . agarrando o braço dele e arrancando-o de lá. Faculdade." Eu concordei e me movi para o banco do motorista.. eu só olhei para sua mão. planos juntos. ainda sorrindo.. mas não mais. então o que fazemos? Nossas vidas estarão arruinadas! E pare de manchar a janela!" Eu gritei de uma forma que ecoou em todos os lugares. respondi. não é?" Edward disse." "Não foi isso que eu quis dizer. "Eu fiquei com tanta raiva por você estar agindo como se não quisesse que eu fizesse parte de sua vida após a escola. em um gesto nervoso.

"O que você faria se eu dissesse que quero que a gente tire um ano juntos?" Meu pé empurrou para baixo tão forte e rápido no freio que o carro guinchou. façamos uma viagem pela Europa ou algo que nos levará tanto tempo que teremos que tirar um ano de férias da faculdade?" . Ver o mundo? Isso não fazia parte do meu plano. Por que você não planeja nossa viagem radical? Não tem que ser na Europa. a menos que nós tentemos fazer isso funcionar. Às vezes. Eu sorri para ele e puxei para a estrada novamente." "Então. Eu sei que isso te assusta. você só tem que dar um salto de fé. ou você me trair? Ou fizermos algo tão horrível um ao outro que nunca quisermos nos ver outra vez?" "Bem. Quero ficar longe um pouco."disto". nós dois. na verdade. Eu não me importo para onde vamos. nós nunca teremos essa chance. E isso significa mudar os planos."Nossas vidas não serão arruinadas." Ele sorriu e apontou para eu continuar dirigindo. Você quer planejar. Eu só quero ver mais do mundo e". "Você quer que nós. E iríamos para a Europa ou algo assim. "O que você quer dizer?" Um ano fora? O que faríamos com um ano de folga? "Sim. E eu quero fugir com você. Não posso prometer que vamos viver felizes para sempre. Não posso prometer que vamos ficar bem. Mas. Veríamos o mundo". E se eu enganar você. você está interessada em planejar uma viagem para nós?" "O quê?" "Eu posso me comprometer. "Você não pode saber disso." Parei o carro novamente e verifiquei para garantir que ninguém estava atrás de nós. "É como se você estivesse tentando encontrar uma maneira de mudar meus planos tão radicalmente quanto possível. "Seria realmente tão ruim se decidíssemos comprar as passagens de avião hoje?" "Sim!" Eu gritei quando a caminhonete começou a se mover para frente novamente. "Como um ataque cardíaco. Quero fazer algo radical. "Onde é que vamos? Que hotel teremos que ficar assim que chegarmos lá e por quê? O que veremos? O que faremos? Temos que planejar uma viagem como essa. Bella. é a forma como a vida é. mesmo quando eu não podia me expressar bem. Eu não sabia o que tinha acontecido lá fora. ele apontou para as casas em torno de nós. "Você está falando sério?" Incredulidade não começava a descrever como eu estava me sentindo." Edward começou a esfregar as costas das minhas mãos com os polegares." Edward sempre pareceu entender o que eu estava pensando.

"Por que você acha isso?" O fato era que não era. certo?" Edward perguntou. pensando sobre o que Edward havia dito. ele disse. Acho que ela queria cuidar de mim. provavelmente. certo? Ela sabia que não estava preparada para criá- la adequadamente então ela lhe enviou para alguém que ela confiava. eu tinha um novo companheiro de pesquisa.. e eu estava fazendo isso muito ultimamente.. ou o que se passava por um shopping no meio do nada. da única maneira que podia. Mas eu acho que iremos levar mais de um mês para planejar a viagem. que poderia te criar. Ele parecia com um menino de quatro anos de idade em um coma de açúcar. fomos para o shopping." Eu fiquei em silêncio durante o resto da viagem. que tanto quanto eu estava preocupada de ele ter me perguntado em primeiro lugar. você tem a mais recente tecnologia de smartphones e seu pai é um policial em uma cidade pequena. "Mamãe tinha seguro de vida. Eu odiava falar sobre ela. na America". . Eu acho que ele não pode ganhar muito dinheiro." "Essa não é a única maneira que ela cuidou de você. "Bem. Tudo com Fred era fácil. a minha poupança não ficará feliz comigo quando tentarmos ir à faculdade. Poderíamos conseguir empregos e.. E entramos e saímos dentro de 20 minutos. "Dinheiro não é um problema para você."Nós não temos de passar um ano. caso contrário. você tem aulas de violino particulares." "Não é?" "Ela te enviou para viver com seu pai. você possui uma boa caminhonete nova. E eu tinha um novo melhor amigo! Bem. Uma vez nós estávamos lá. mas eu nunca disse a ele isso ou qualquer coisa parecida. Eu nunca tinha pensado nisso dessa maneira antes. teria começado a odiá-la. Edward começou a saltar em sua cadeira e sorrir descontroladamente. onde você não teria ficado feliz e. Se quisermos ficar em algum lugar por um tempo. Se ela tivesse se importado menos. mas não mais que seis. alguém que ela já tinha amado. ela teria sido egoísta e você continuaria com ela. Demorou muito mais tempo do que o habitual para chegar a Port Angeles por causa de toda a coisa de parar e iniciar a viagem. "Sua versão de um plano"." "Minha mãe".. Eu comecei a dirigir novamente. e apenas ficar em algum lugar que não seja uma cidade pequena. nós podemos. Eu sempre achei que ela tinha me abandonado. Lembrei-me de seu mapa todo coberto de alfinetes e adesivos em seu quarto. e ficaremos fora por pelo menos três meses. não.

"Seu desejo é uma ordem. .Mais do que um telefone. Quando estávamos de volta no carro. Eu estava quase ansiosa por isso. agarrei sua camisa e puxei-o para um beijo. Você tem um passaporte?" Eu afiei meu olhar sobre ele. Se vamos fazer planos de futuro juntos essa é uma boa maneira de passar muito tempo juntos." "Eu posso viver com isso.." Eu não posso acreditar que eu disse isso em voz alta. então fechou. "Sim?" "Sim". eu olhei para Edward e disse: "Sim". Se nós estávamos indo embora." "Pense. eu não sabia o que o futuro iria nos trazer. Edward abriu a boca." Edward sorriu de volta. Você tem um passaporte?" Edward suspirou. não havia muito a ser feito em primeiro lugar. não é?" Eu sorri para ele. "Isso não é bem o que eu. então. comecei a dirigir de volta para Forks. "Temos que fazer uma lista das dez cidades que mais queremos visitar e ver quantas coincidem uma com a outra. menos que um ser humano.. só porque eu podia. ele me parou antes que eu pudesse começar a contar sobre o pobre viajante que ele era." Eu sorri para ele e estendi a mão. "Vou preencher os papéis hoje. faz sentido. Edward. "Realmente. Vamos fazer isso. Eu balancei a cabeça. "Enquanto nós pudermos fazer isso o mais rápido possível. então nós podemos-" "Você nunca muda. por quê? Era idéia sua!" "Mas eu nunca pensei que você ia concordar." Beijei-o mais uma vez. Certo? Mas temos que ter muita diversão e fazer algumas coisas de forma espontânea. "Contexto?" "A Europa ou o que quer que seja. mas isso não me assustava tanto quanto costumava assustar. sem fazer qualquer coisa que vá mudar o nosso futuro. Esse era o meu novo mantra." "Bem. por quê?" "O que quer dizer. "Não".

estendi a mão e a deslizei para o meu Edward.Eu tirei uma mão do volante enquanto dirigia. '*' Fim '*' . Talvez essa não fosse a forma mais segura para dirigir. mas era a melhor.