Você está na página 1de 2

Momento Angular de um Corpo Rgido

I YY = ( Z 2+ X 2) dm I ZZ= (X 2 +Y 2 )dm
Z m m

G i
A I XY =I YX = XYdm
vi vi
rA A m

X Y I XZ =I ZX = XZdm
m
Considerando um corpo rgido que tem massa m e
centro de massa G. O sistema de coordenadas I YZ =I ZY = YZdm
x,y, z representa um referencial inicial, assim, seus m
eixos so fixos ou transladam com velocidade
constante.
H A = A mi v i v i=v A + A Teorema dos Eixos Paralelos

Introduo
( m
)
H A = A dm v A + A ( A ) dm
m Conhecido tambm como Teorema de Steiner,
esse teorema permite calcular o momento de
Centro de massa G: Se A est localizado no centro inrcia de um corpo rgido relativo a um eixo de

rotao que passa por um ponto O, quando so
de massa, ento A dm=0 . conhecidos o momento de inrcia relativo a um
m
eixo paralelo ao anterior e que passa pelo centro
Expressando H, e em funo de x,y,z, temos: de massa do slido e a distncia entre os eixos.

H= ( xi+ yj+ zk ) [ ( x i+ y j+ z k ) ( xi+ yj+ zk ) ] dm
m

H=[ I o ] { }

Momento e Produto de Inrcia

Definio

Resistncia que um determinado


elemento oferece ao movimento de
rotao. Tomando como base, um elemento de massa dm
situado nas coordenadas (x,y). Se agora,
I = r 2 dm escolhendo um sistema de coordenadas com
m origem no centro de massa, as novas
coordenadas do elemento de massa ser (x,y)
Y x=x ' + x CM y= y ' + y CM

dm Calculando o momento de inrcia em relao ao


r eixo z que paralelo ao eixo de centro de massa:
y x
( 2+ y 2) dm=


0 z X
I z =
m
Z x


r = (Y + Z )dm
2 2 2
m
[ 2
]
I z= ( x ' + xCM ) +( y' + y CM ) dm
m

I XX = I z= [ x' 2 + x 2CM +2 x ' x CM + y '2 + y 2CM +2 y ' y CM ] dm


m m

Exemplo: Clculo do momento de inrcia de uma
[ x ' 2 + y ' ] dm+ [ xCM
2
+ y 2CM ] dm+ esfera de massa M e raio R em relao a um eixo
m tangente a sua superfcie.

I Z =
m
EIXO

+ 2 x ' x CM dm+ 2 y ' y CM dm
m m
2
I =I CM +md I CM = MR ; d = r
5
x ' dm= y ' dm=0 2 7
m m I = M R2 + M R 2= MR
5 5
Momentos de Inrcia
2 2 BEER F. P; JOHNSTON JUNIOR, E. R. Mecnica
I x =I CM +m d I y =I CM +md
Vetorial para Engenheiros: Dinmica. 5 ed. So
I z=I CM + md 2 Paulo: Mcgraw Hill, 1994.
HIBBELER R. C. Mecnica: Dinmica. 8 ed. Rio
de Janeiro: LTC, 1998.
MERIAN, S. L. KRAIGE, L. G. Mecnica Dinmica.
4 ed. Rio de Janeiro:LTC,1999.