CONCESSÃO DE CR

LISTA DE VERIFICAÇÃO (1)
QNT
ITEM DOCUMENTO SIM NÃO
VIAS
01 Ficha de sistema de protocolo e despacho; 02
Requerimento original ao Comandante da 2ª RM , assinado pelo requerente, com a
02 02
solicitação de Concessão de Registro e firma reconhecida, conforme requerimento;
Procuração original redigida pelo requerente com firma reconhecida e cópia da identidade
03 01
(RG) do procurador,caso o requerente nomeie um procurador(10);
04 Documento oficial contendo foto, número e data de expedição do RG (12) ; 01
05 CPF (3) ; 01
06 Comprovante de Residência do interessado (conta de água, Luz ou telefone fixo) (2),(4)e(10); 01
07 Comprovante de endereço do acervo (apenas quando diferente do residencial)(10); 01
Carteira profissional (dados pessoais e Registro Empregatício) ou DECORE (Declaração
Comprobatória de Percepção de Rendimentos, emitida pelo CRC Conselho Regional de
08 Contabilidade) para profissionais autônomos, profissionais liberais e empresários e 01
microempresários ou comprovante de inscrição na Previdência Social como contribuinte
individual na forma da Lei 8.212/1991 (13);
09 Certidão de Antecedentes Criminais da Justiça Federal da União, do interessado (13); 01
Certidão de Antecedentes Criminais da Justiça Estadual, do interessado, referente a todas as
Comarcas/Foros Regionais e Distritais do Estado de São Paulo com validade de 30 dias, a
10 01
partir da data de emissão do mesmo. Emitida no Fórum onde reside ou comarca responsável
pelo município (13);
Certidão de Antecedentes Criminais da Justiça Militar da União, do interessado, com validade
11 01
de 90 dias (13);
12 Atestado de antecedentes Criminais da Secretaria de Segurança Publica (13); 01
13 Certidão Criminal da Justiça Eleitoral do TSE(13); 01
14 Declaração de filiação a entidade de tiro desportivo ou de caça (6),(8) e (10); 01
15 Declaração de Segurança do Acervo (DSA) (10); 01
16 Atestado de Capacitação Técnica de Tiro do requerente (5),(6)e(10); 01
Laudo psicológico do requerente emitido por profissional credenciado no Conselho Regional
17 01
de Psicologia (6),(9)e(10);
18 Termo de Ciência, Compromisso e Responsabilidade(10); 01
19 Autorização Judicial (apenas para menores de 18 anos) (10); 01
Comprovante original do pagamento da taxa - GRU com o nome e CPF do requerente(11).

20 UG GESTÃO UNIDADE CÓD. REC. Nº REF. VALOR (R$) 01
167086 00001 FUNDO DO 11300-0 20223 100,00
EXÉRCITO

Não preencher os espaços abaixo. Reservado ao atendimento no balcão.

NÚMERO DO PROTOCOLO: DATA:

ATENDENTE (nome e assinatura):

(1) ESTA LISTA DE VERIFICAÇÃO DEVERÁ SER A PRIMEIRA FOLHA DA PASTA. ANEXAR OS DOCUMENTOS CONFORME O ORDENAMENTO DA LISTA, A FIM DE
AGILIZAR O ATENDIMENTO NO BALCÃO E POSTERIOR CONFERÊNCIA DO PROCESSO.

(2) Deve ter data de emissão do comprovante, no máximo, 90 dias da data de protocolo.

(3) Apenas quando não constar do RG, podendo ser qualquer documento constante do art. 2º da Lei nº 12.037, de 1º de outubro de 2009, que contenha o
CPF.

081116

CBM e Membros do MP.(4) Quando não estiver no nome do requerente. desde que no serviço ativo e com estabilidade. IV. (8) Não obrigatório para as pessoas físicas que solicitarem apostilamento de colecionamento de CR. Não é necessário para atividade de colecionamento. V. (9) No laudo (em papel A4 inteiro ) deverá constar que o CAC está APTO para realizar tiro. PF. 12 do Decreto nº 5.123/04. deverá ser apresentado a identidade (RG). PF. (11) Deve ter data de pagamento. ATENÇÃO: Os campos “sim” e “não” serão preenchidos pelo atendimento no balcão de protocolo no SFPC/2. conforme o art. (12) Caso o documento não tenha essas informações. 36 do Decreto nº 5. PRF. Policiais Civis. DEVERÁ conter os dados do Clube (entidade) de tiro onde foi realizada a capacitação. Militares de carreira das FA. para os integrantes das instituições dos incisos III. apresentando original conforme art. de 11 de agosto de 2009 OU cópia autenticada OU documento original. (10) Cópia .123/04. Militares das FA. (7) Obrigatório para militares de carreira NÃO estabilizados. é obrigatória declaração do titular da conta informando que o requerente reside no endereço ou que utiliza o mesmo para guarda de seu acervo. 081116 . PM. PM.826/03. Cabendo ainda a exceção contida no §6º do art. VI. tendo em vista que são dados essenciais para cadastramento do usuário no SIGMA. 6º da Lei nº 10. (13) Não obrigatório para Magistrados. VII e X do caput do art. 9º do decreto 6932. PRF. (6) Não obrigatório para Magistrados. (5) Emitido por um instrutor de tiro desportivo com CR válido para a referida atividade ou por instrutor da Polícia Federal. igual ou inferior a 6 (seis) meses da data de protocolo. manusear e possuir arma de fogo. CBM e Membros do MP . Policiais Civis.