Você está na página 1de 3

Funes Logartmicas

DEMANA, F. D. et. al. Pr-clculo: captulo 12 - p. 143

Inversas das funes exponenciais


Lembrando do que estudamos, uma funo exponencial fx = b x bijetora e, por isso, ela
tem uma inversa que tambm uma funo.
Essa inversa a funo logartmica de base b, denotada por log b x, isto , se fx = b
com b > 0 e b 1, ento f 1 x = log b x. Veja os grficos a seguir, construdos com base na
propriedade da "simetria" dos grficos de funes inversas em relao a reta y = x.

Os grficos da funo exponencial (com b > 1) e da sua inversa, a funo logartmica.

Os grficos da funo exponencial (com 0 < b < 1) e da sua inversa, a funo logartmica.

1
Funo Logartmica

Definio:
Sendo b um nmero real, positivo e diferente de 1, chamamos funo logartmica de base b a
funo f : R + R definida por fx = log b x.
Veja que: Dlog b x = Imb x = R + e Imlog b x = Db x = R

Exemplos de funes logartmicas:


fx = log 2 x gx = log 1/2 x hx = log 4 x Ix = log 0.2 x Jx = log x kx = ln

Grfico
Construa o grfico das seguintes funes nos sistemas apresentados e complete o que se pede:

y 6 y 6

4 4

2 2

-1 1 2 3 4 5 6 -1 1 2 3 4 5 6
-2 x -2 x
-4 -4

-6 -6

fx = log 2 x gx = log 1 x
2

fx = log 2 x gx = log 1 x
2

Df =. . . . . . . . . . Dg =. . . . . . . . . .
Imf =. . . . . . . . . . Img =. . . . . . . . . .
base =. . . . . . . . . base =. . . . . . . . .
Crescente ou decrescente?. . . . . . . . . . Crescente ou decrescente?. . . . . . . . . .
lim fx =. . . . . . . . . . lim gx =. . . . . . . . .
x+ x+
lim fx =. . . . . . . . . lim gx =. . . . . . . . .
x0 + x0 +

Importante: Observe pelos grficos que:


1) A funo y = log b x crescente quando b > 1 e decrescente quando 0 < b < 1;
2) Dlog b x = 0, + e Imlog b x = R;
3) y = log b x no intercepta o eixo dos y e o grfico est todo direita do eixo dos y;
4) O grfico de y = log b x intercepta o eixo dos x no ponto 1, 0;
5) Se b > 1, ento, medida que percorremos o grfico de y = log b x da esquerda para a
direita, os valores de log b x crescem sem parar, enquanto percorrendo o grfico da direita para a
esquerda os valores de log b x decrescem sem parar, sem nunca atingir o eixo y. Analogamente, se

2
0 < b < 1, medida que percorremos o grfico de y = log b x da esquerda para a direita, os
valores de log b x decrescem sem parar, enquanto percorrendo o grfico da direita para a esquerda
os valores de log b x crescem sem parar, sem nunca atingir o eixo y.
6) O grfico da funo y = log b x tem uma assntota vertical: a reta x = 0.

Exemplo 1:
O grfico da funo fx = ln x dado a seguir. No mesmo sistema, desenhe os grficos das
funes definidas abaixo e determine seu domnio, imagem e assntotas.
1. gx = lnx + 2
2. hx = 1 + ln x
3. ix = lnx 3
4. lx = 2 ln x

y 5

-5.0 -4.5 -4.0 -3.5 -3.0 -2.5 -2.0 -1.5 -1.0 -0.5 0.5 1.0 1.5 2.0 2.5 3.0 3.5 4.0 4.5 5.0
-1 x
-2

-3

-4

-5

Exemplo 2:
Determine a funo inversa das funes:
(a) fx = 3. 5 x
(b) gx = 2 log 3 x
(c) hx = 3 lnx 2

Exemplo 3: Determine a inversa das funes definidas a seguir e, em cada caso, construa o
grfico da f e, usando a propriedade da simetria construa tambm o grfico da f 1 .
(a) fx = 3 ln x
(b) fx = log 1/3 x 1

Exerccios:
Do livro indicado na Bibliografia Bsica (Demana, pginas 158 a 161), resolva os
exerccios de nmeros: 47, 48, 53, 55, 57, 61, 62, 120, 121, 122, 123, 131, 133, 135, 137, 139,
187, 188, 189 e 193 (para os exerccios 187 a 193, leia o pargrafo explicativo anterior a esses
exerccios).