Você está na página 1de 2

MINHA MISSÃO

Cm

Quando eu canto, é para aliviar,

Bb

G#7

G#7

G7

G7

Meu pranto

E

o pranto de quem já

tanto sofreu

Cm

Bb

G#7

Quando eu canto, estou sentindo a luz

G7

De um Santo

G#7

G7

Estou ajoelhando aos pés de Deus

C7

Canto para anunciar o dia

A#7

Canto para amenizar a noite

G#7M

Canto pra denunciar o açoite

G7

Canto também contra a tirania

C7

Canto porque numa melodia

Eb7M

Acendo no coração do povo

Bb7

F7

Eb7M

Dm7/5b

C7

F7

G#7M

Dm7/5b

A

esperança de um mundo novo

 

G7

Cm

G7

E

a luta

para se viver em paz

Cm7

Bb

G#7

G7

C7

Do poder da criação, sou continuação e quero agradecer

Fm7

Foi ouvida a minha súplica

D7

Mensageiro sou da música

Cm7

G7

Cm7

Dm7/5b G7

Bb

G#7

O

meu canto é uma missão tem força de oração,

G7

C7

E

cumpro o meu dever

Fm7

Aos que vivem a chorar, eu vivo pra cantar

C7

E canto pra viver

Fm7

Aos que vivem a chorar, eu vivo pra cantar

C7

E canto pra viver

G7

Cm

G7

Cm

Cm

Dm7/5b

Dm7/5b

G7

Cm

G7

G7

(Quando eu canto)

Cm7

Quanto eu canto, a morte me percorre

Bb

G#7

G7

Cm

E

eu solto,um canto da garganta

Dm7/5b

G7

Que a cigarra quanto canta morre

 

Cm7

E

a madeira quando morre canta

Dm7/5b

G7

Que a cigarra quanto canta morre

Cm7

E a madeira quando morre canta

APAIXONADO

Intro:

F7M

D7

Gm7

C7

F7M

F7M

Agradeço a minha sorte

Gm7

Por viveres ao meu lado

D7

C7

C7

Coração bate mais forte

F7M

Tem alguém apaixonado

C7

F7M

Não há sombra de pecado

D7

Gm7

Não há mais ninguém que importe

C7

Porque tem um ser amado

F7M

Algo assim que nos conforte

C7

F7M

Seu olhar aponta o norte

D7

Gm7

Quando andamos sem cuidado

C7

Seu amor virou suporte

F7M

Pra firmar o chão pisado

C7

F7M

A paixão dói um bocado

D7

Gm7

Mas quem rasga cicatriza o corte

C7

Faz o amor abençoado

F7M

Muito além da própria morte

C7

F7M

É por isso que eu te amo

Gm7

É por isso que eu te amo

D7

C7

É por isso que eu te amo

F7M

É por isso que eu te amo…

Interesses relacionados