Você está na página 1de 2

CENTRO FEDERAL DE EDUCAO TECNOLGICA DE MINAS GERAIS

DEPARTAMENTO DE QUMICA
CURSO TCNICO EM QUMICA
QUMICA ANALTICA QUANTITATIVA

LISTA DE EXERCCIOS EQUILBRIO DE SOLUBILIDADE1

1. A solubilidade do iodeto de tlio 0,52 mg L -1. Calcule o seu produto de


solubilidade.
(R: Kps =2,5 x 10-10)

2. Um composto hipottico M2SO4 tem solubilidade 1,7 x 10-3 g L-1 e massa molar
320 g mol L-1. Calcule o valor do Kps para este composto. (R: Kps = 5,98
x 10-6 (mol L-1)3).

3. Uma soluo saturada de hidrxido de mangans II tem concentrao de nions


hidroxila igual a 2,1 x 10 -5 mol L-1. Determine o produto de solubilidade deste
composto. (R: Kps = 4,6 x 10 -15(mol L-1)3).

4. Calcule a solubilidade dos compostos abaixo em mg L -1:


a. Hidrxido de chumbo (II) R: 0,096 mg
b. Cloreto de chumbo (II) R:806mg

5. Verificar se haver formao de precipitado aps mistura das solues abaixo:


a. Mistura de 100 mL de soluo de nitrato de prata 1 x 10 -5 mol L-1 com 100
mL de soluo de cloreto de sdio 1 x 10 -5 mol L-1.
b. Mistura de 100 mL de nitrato de chumbo (II) 0,2 mol L -1 com 100 mL de
cloreto de sdio 0,1 mol L-1.
c. Numa soluo 0,01 mol L-1 levada a uma concentrao de ons H + igual a 1 x
10-8 mol L-1.

6. Haver formao de hidrxido de alumnio numa soluo 0,1 mol L -1 em meio


cido?

7. Calcule a solubilidade em gua dos compostos abaixo em mol L -1:


a. Cloreto de prata
b. Cloreto de tlio
c. Cloreto de chumbo (II)

8. Calcule a solubilidade dos compostos abaixo numa soluo de cloreto de sdio


0,0050 mol L-1:
a. Cloreto de prata
b. Cloreto de tlio
c. Cloreto de chumbo (II)

9. Que volume mximo de gua deve ser utilizado na lavagem de um precipitado


de BaSO4 considerando que as perdas por lavagem devem ser mantidas abaixo
de 0,2 mg? Considere que o volume de soluo uma precipitao de
aproximadamente 100 mL.
1. SKOOG. D.; WEST, D. N. Fundamentos de Qumica Analtica. Editora Revert. Espanha. 1976.
10.Que massa de iodato de brio permanecer sem precipitar quando de misturam
100,00 mL de cloreto de brio 0,1 mol L -1 com 300,00 mL de iodato de potssio
0,1 mol L-1 ? (R: 0,49 mg)
11.Que massa de hidrxido de magnsio permanece sem precipitar em 100,00 mL
de NaOH 0,20 mol L-1 ? (R: )
12.Em 250,00 mL de uma soluo formou-se um precipitado de cromato de prata.
Estava presente uma quantidade de AgNO 3 suficiente pata torn-la 0,0020 mol
L-1. O precipitado foi filtrado e lavado com 200 mL de gua. Desprezado-se
qualquer hidrlise do on cromato pede-se calcular:
a) A perda do precipitado por solubilidade no solvente original. (R: 7,5 x 10 -8 ;
2,5 x 10-2 mg)
b) A perda por solubilidade na operao de lavagem com gua, supondo
equilbrio e concentrao de AgNO3 desprezvel? (R: 1,29 x 10-5)
13.A constante do produto de solubilidade do composto AB 2 2,0 x 10-10. Calcular
sua solubilidade em mol/L em:
a) gua pura (R: 7,9 x 10-3)
b) Soluo de A2+ de concentrao igual a 0,001 mol L-1
c) Soluo de B- de concentrao igual a 0,001 mol L-1
14.Que volume mximo de gua deve ser usado na lavagem de um precipitado de
BaSO4 de modo que as perdas por solubilidade fiquem abaixo de 0,2 mg? (R: 86
mL)
15.Uma soluo de Na2SO4 adicionada a uma soluo 0,1 mol L-1 em ons Ba2+ e
0,1 mol L-1 em Ca2+. Qual sulfato se formar primeiro? A que concentrao de
on sulfato comear a formar-se o precipitado mais solvel? (R: 1,6 x 10 -6)
16.A 1000 mL de uma soluo 0,01 mol L -1 em nions iodato e 0,01 mol L-1 em
nions brometo se adicionou 0,015 mols de AgNO 3. Qual a concentrao de Ag +,
Br- e IO3- na mistura resultante.

Você também pode gostar