Você está na página 1de 4

Gestão pela qualidade

Prevenção da poluição

A prevenção da poluição é definida como redução na fonte, prevenindo ou reduzindo a
geração de resíduos onde ele se origina: na fonte. Isso é melhor que removê-lo após
terem sido gerados.

A prevenção da poluição ou redução na fonte significa qualquer prática que:
a. Reduza a quantidade de qualquer substância perigosa, poluente ou contaminante
que entre em qualquer corrente de resíduos, o que seja liberada para o meio
ambiente antes da reciclagem, tratamento ou disposição;
b. Reduza os perigos à saúde pública e ao meio ambiente associados à liberação de
tais substâncias, poluentes ou contaminantes;
c. Conserve os recursos naturais pela redução ou eliminação de poluentes com o
aumento da eficiência no uso das matérias-primas, energia, água e solo.

Nos Estados Unidos, o Ato de Prevenção da Poluição (Pollution Prevention Act) de
1990 estabeleceu uma política nacional que dizia:
 A poluição deve ser prevenida ou reduzida na fonte sempre que exeqüível;
 A poluição que não puder ser prevenida deve ser reciclada de uma maneira
ambientalmente segura sempre que exeqüível;
 A poluição que não puder ser prevenida ou reciclada deve ser tratada de uma
maneira ambientalmente segura sempre que exeqüível;
 A disposição ou outra forma liberação de poluentes para o meio ambiente deverá
ocorrer apenas como último recurso e conduzida de uma maneira ambientalmente
segura.

Portanto, é estabelecida uma hierarquia de gestão ambiental que inclui prevenção,
reciclagem, tratamento e disposição ou liberação. A abordagem da prevenção para
redução da poluição busca eliminar a poluição na fonte por meio da reformulação ou
reprojeto de produtos, modificação de processos ou procedimentos, modificação ou
reprojeto de equipamentos, substituição de matérias-primas e melhoria no
housekkeping , manutenção, treinamento ou controle de inventário. Assim, uma nova
mentalidade ambiental proativa estará consolidada.

SENAI-SP - INTRANET 37

Tal procedimento contribuiu para a redução do tempo para comercializar seu produto à base de água. Muitas companhias dispõem de programas de prevenção de poluição. o programa Pollution Prvention Pays (3P) da 3M iniciou-se em 1975. que reduziram material de sucata associada com partidas da produção. 38 SENAI-SP . Abordagens de sistemas para as interações entre indústria e meio ambiente Uma série de abordagens de sistemas para estudar as interações indústria . A instalação da Dow Chemical na Califórnia usa gás clorídrico com soda cáustica para fabricar uma série de produtos químicos. projeto para o meio ambiente e avaliação do ciclo de vida. De 1975 a 1996 o programa 3P da 3M evitou a geração de 246. b. diminuindo os resíduos corrosivos em cerca de 6000 toneladas por ano e os resíduos de ácido clorídrico em cerca de 80 toneladas por ano. a Du Pont instalou equipamentos de monitoramento de alta qualidade. a 3M desenvolveu uma forma de eliminar completamente o seu uso mediante o revestimento de produtos com soluções mais seguras. 494. A fim de facilitar a reciclagem dos produtos. Por exemplo.INTRANET .Gestão pela qualidade Exemplos de práticas de prevenção da poluição A inovação desempenha uma função central na prevenção da poluição. Em 1987.000 toneladas de poluentes da água. a Dow Chemical modificou seu processo de produção. a Hitachi reprojetou seus produtos para reduzir o tempo de desmontagem.000 toneladas de poluentes atmosféricos.meio ambiente foi desenvolvida. O número de peças em uma máquina de lavar foi reduzido em 16%. já que o processo de aprovação de revestimento à base de solventes foi eliminado. e. Para reduzir o custo da disposição de resíduos. 31. Três metodologias: ecologia industrial. e economizou U$810 milhões. Tecnologias de soldagem sem limpeza também foram desenvolvidas. c. Os CFCs são usados como agentes de limpeza para remover resíduos associados com a fabricação de cartões de circuito impresso. Alguns exemplos são resumidamente descritos: a. O uso de soda cáustica foi reduzido. O protocolo de Montreal exigiu que a indústria eletrônica eliminasse os clorofluorcarbonos (CFCs) destruidores do ozônio. Para atingir a meta de redução de emissão de solventes em 90%. A Raytheon desenvolveu um agente de limpeza alternativo que pode ser reutilizado em um sistema de circuito fechado.7 bilhões de galões de efluentes.000 toneladas de resíduos sólidos / Iodo e 3. d. à base de água.

Ela estuda todas as interações entre os sistemas industriais e o meio ambiente natural. ao produto. SENAI-SP . energia e capital. Fatores considerados para a otimização incluem recursos.  Aumento de acidez da precipitação pluvial. da matéria prima ao material processado.  Perda da biodiversidade.  Depleção do ozônio.  Perda de solo arável.  Mudança forçada do clima global.Gestão pela qualidade Ecologia industrial A ecologia industrial surge da percepção de que a atividade econômica está provocando modificações inaceitáveis nos sistemas básicos de suporte ambiental. ao produto obsoleto e à disposição final é considerado pela ecologia industrial como um sistema de otimização. ao componente. As influências fundamentais sobre o sistema global podem ser entendidas considerando a equação mestre.INTRANET 39 . O ciclo completo dos materiais industriais. Os impactos ambientais humanos são evidentes em uma variedade de perturbações:  Aumento da difusão global de produtos tóxicos orgânicos e inorgânicos.  Perda e degradação das fontes de água doce.

Gestão pela qualidade 40 SENAI-SP .INTRANET .