Você está na página 1de 5
Um guia prático para que você entenda como a gramática é estruturada. Guia Prático da
Um guia prático para que você entenda
como a gramática é estruturada.
Guia
Prático da
Gramática
www.portuguespratico.com
Por: Luiz Felipe Cristofari

GUIA PRÁTICO DA GRAMÁTICA

Este guia tem o objetivo de demonstrar como funcionam as estruturas da gramática. É um guia prático que você pode levar no seu tablet, smartphone ou no computador e tirar dúvidas sobre a a função ou classificação de termos.

Aqui não foram elencadas todas as estruturas presentes em uma gramática, apenas as essenciais.

Para mais informações sobre como aprender português de forma prática, acesse:

http://portuguespratico.com

Espero que você goste do conteúdo e que todos os exemplos consigam relembrar e auxiliar você durante o seu dia.

Luiz Felipe Cristofari – Criador do Português Prático

FONÉTICA:

A fonética é a parte da gramática que estuda as palavras em relação ao som. Veja abaixo:

Fonema: É a menor parte sonora de uma palavra.

 

o !

Exemplo: F-A-C-A ! o “F” representa o fonema “Fê”.

Sílabas: Um ou mais fonemas emitidos de uma só vez formam uma sílaba.

 

o !

Exemplo: CA-SA

Encontro Vocálico: É o encontro de vogais e semivogais em uma palavra.

 

o !

Exemplo: bAIxo; UrugUAI; sAÍda

Encontro Consonantal: É o encontro de duas consoantes.

 

o !

Exemplo: CRavo; BRasil

Dígrafo: É o encontro de duas letras que formam um único som (fonema).

 

o !

Exemplo: CHave; carro

!

Acentuação: Processo que utilizamos para identificar e destacar uma sílaba tônica de uma

palavra, assim qualquer pessoa pode identificar melhor como ela deve ser pronunciada.

o

Oxítona: Diz-se da palavra cuja sílaba tônica é a última.

" !

Exemplo: baú

o

Paroxítona: Diz-se da palavra cuja sílaba tônica é a penúltima.

" !

Exemplo: fácil, álbum

o

Proparoxítona: Diz-se da palavra cuja sílaba tônica é a antepenúltima.

" !

Exemplo: médico

MORFOLOGIA

A morfologia é parte da gramática que estuda as palavras em relação a sua classificação e formação. Veja abaixo:

Substantivo: Classe de palavras que dá nome às pessoas, coisas e animais.

 

o !

Exemplo: gato, Brasil, cachorro

Artigo: Classe de palavras que identifica o substantivo.

 

o !

Exemplo: o, a, um, uma

Adjetivo: Classe de palavras que dá ideia de qualidade ao substantivo.

 

o !

Exemplo: bonito, amarelo, pesado

Numeral: Classe de palavras que dá ideia de quantidade ao substantivo.

 

o !

Exemplo: um, primeiro, dois quintos, dobro

Pronome: Classe de palavras que substitui o substantivo.

 

o !

Exemplo: ele, ela, você

Verbo: Classe de palavras que exprime ação, estado/condição e fenômeno.

 

o !

Exemplo: chover, cair, andar

Advérbio: Classe de palavras que modifica um verbo, um adjetivo ou outro advérbio.

 

o !

Exemplo: longe, devagar, ontem

Preposição: Classe de palavras invariáveis que liga palavras.

 

o !

Exemplo: de

Conjunção: Classe de palavras que liga orações.

 

o !

Exemplo: mas, ou, nem

!

Interjeição: Classe de palavras invariáveis que exprimem emoções.

o !

Exemplo: ai, ui, psiu

SINTAXE

A sintaxe é a parte da gramática que estuda as palavras umas em relação às outras. Veja:

Frase: Palavra ou série de palavras que possuem um sentido completo.

 

o !

Exemplo: Socorro! / Vamos andando.

!

Oração: Palavra ou série de palavras que possuem um verbo, mas que não precisam ter

sentido completo.

" !

Exemplo: Eu comi maçãs. / Quero

o

Termos Essenciais da Oração: Termos sem os quais a oração não pode existir.

 

"

Sujeito: Pessoa ou coisa sobre a qual se está falando.

 

!

Exemplo: O CACHORRO comeu a ração.

 

" !

Predicado: É o que se fala do sujeito.

 

!

Exemplo: o cachorro COMEU A RAÇÃO.

o

Termos Integrantes da Oração: Termos que integram/fazem parte da oração.

 

"

Complemento Verbal: Termo exigido pelos verbos transitivos (objetos).

 

Objeto Direto: Completa o sentido de um verbo transitivo direto.

 

o !

Exemplo: Eu comi UMA MAÇÃ.

 

!

Objeto Indireto: Completa o sentido de um verbo transitivo indireto (necessita de uma preposição).

 

o !

Exemplo: Eu preciso DE AJUDA.

 

"

Complemento Nominal: Termo que complementa o sentido de um substantivo, adjetivo ou advérbio.

 

!

Exemplo: Eu tenho certeza DISSO.

 

" !

Agente da Passiva: Pessoa ou coisa sobre a qual se fala, mas que aparece passivamente na ação.

 

!

Exemplo: O pássaro foi solto por PEDRO

o

Termos Acessórios: Termos acessórios à oração.

"

Adjunto Adnominal: nome dado na sintaxe ao artigo, adjetivo, numeral e pronome.

"

Adjunto Adverbial: Nome dado na sintaxe ao verbo, advérbio e adjetivo.

"

Aposto: Palavra ou frase que explica termos expressos na oração.

!

Exemplo: Alexandre, O GRANDE, conquistou o mundo.

" !

Vocativo: Termo que indica apelo ou chamado.

!

!

Exemplo: PEDRO, venha cá.

Período: Uma ou mais orações que juntas possuem um sentido completo.

" !

Exemplo: Comi um pedaço de bolo, mas ele estava estragado.

o

Simples: possui apenas uma oração.

" !

Exemplo: Eu comi cedo.

o

Composto: possui mais de uma oração.

!

Exemplo: Eu comi cedo, mas dormi tarde.

"

Período Composto por Coordenação: as orações não dependem umas das outras para fazerem sentido.

 

!

Exemplo: O menino estuda inglês e a menina estuda espanhol.

" !

Período Composto por Subordinação: as orações dependem umas das outras para fazerem sentido.

!

Exemplo: Eu desejo que você seja feliz.