Você está na página 1de 1

Tecle & Aprenda C

** **
** Utilize este espaco para notas, "dicas", **
** instrucoes de compilacao e outras inforrnacoes. **
** **
** Copyright (c) 1994 by Tom Swan. All rights reserved.**
\* ----------------------------------------------------*/
Localize o smbolo I * no canto superior esquerdo que inicia esse grande comen-
trio. Agora encontre o smbolo * I no canto inferior direito que o finaliza. O
compilador salta todo o texto existente entre os dois.

Variveis
Uma varivel um local com nome na memria que armazena um valor. De
acordo com o seu nome, uma varivel pode ser mudada por um comando de
programa. Declare uma varivel especificando um tipo de dado e nome e
terminando em ponto-e-vrgula:
int count;
Isso declara varvel count do tipo int, que pode armazenar um valor ntero.
Atrtbua um valor a count com um comando de atrtbuio. Por exemplo, isso
atribui 10 a count:
count = 10;
Voc pode realizar ambas as tarefas em apenas um passo, declarando a
varivel e atribuindo-lhe um valor inicial:
int count = 10;
Isso produz o mesmo efeito que os dois comandos precedentes. Normalmente
uma boa idia incalzar novas variveis dessa maneira, pois as variveis
no-ncalzadas possuem valores indefinidos e, se usadas nesse estado.
podem provocar problemas. (Uma varivel no-ntctaltzada em um programa
de contabilidade. por exemplo. pode dar a clientes novos um saldo negativo
antes que eles comprem qualquer coisa. Como se voc sentiria se estivesse
do lado errado dessa transao?)
Acrescente algumas variveis a SHELL.CPP. inserindo o fragmento da Lista-
gem 3-3 aps o comando clrscr.

Passo a passo 1. Encontre o comentrio Insira aqui os


fragmentos de cdigo em SHELL.CPP.
2. Dgte as linhas da Lstagern 3-3 abaixo do
comentrio.

Listagem 3-3 SHELL.CPP (variveis)


int count = 10;
printf("count == %d\n", count};
count '" 25;
printf("count == %d\n", count);

-38-