Você está na página 1de 4
20%? J[6H (2) Mas Siguente blogs Teias do Consumo Eu compro, logo se que existo flauerz@gnalicom Esertero Salt Teias do Consumo quarta-feira, 8 de abril de 2009 Eu compro, logo sei que existo ‘CAMPBELL, Coli.€u compo, logo ei que existe: as bases metasicas do consume medemo, In Barbosa, Livia & Campbell, Colin (1). Rio de Janeiro: Edtora FGV, 2008 Por que para alguns 6 consume ests no centro de suas vidas? Por que consumimos? ara Campbell & muito mais que status ou uma questo de sobrevivncta, saber. Consumo mori possui dois aspectos crc: 1) Quorar © desejar esta no comme do consumisimo medemo —a demanda do consumisor sustonla a econemia dae sociedades, 2) Dosontroade o irestto indvduaismo, éferente do consumo traicional do passado que tinha foco nas familias, vias © pequones grupos sociats A ligapdo entre os dois aspectos ¢ que simples fato de que o consumisme mademo esté mals proccupado em saciar vantages do que om satisfazerdeseos. CConsumiema modem & = Invite: — Representardo da emogo (na forma de deseos) —Fimementaerraizado no eu" (a No racional nem callie — Longe de natureza publica Essas caractersticas contibuem de forma signfativa para a mator parte das demais caractestioas do consumiema modem, tis como @ moda, 2 prolferagao de produtos postos @ venda e a consequentepossibiidede de escoha x: tome produos par todos os gostos [Noo signa que dertidade deriva de um produto ou seviga Consumo, nam que a8 pEss00s S80 aqul que consomem. ‘A demtidade est nas rlagtes com 08 produits « no nos produts am si montorando nossas relagdee a eles, observando o que gostamos e do que no gostamas, que comegaremos a descoore quem “Yealments somas* comprar “Fazor compra (..) um das mandias de procurar por nds mesmos w por nosso lugar no mundo. Aposar do acontecer num dos lugares mais ables, fazer compeas & esserciaimonte unt experiéncia intima e pessoal. Comprar & prover, tocar, tester considera @ pBr pra for 9 nossa personalidad através do dversas possibildades, orquanto decidimos © que procisames desojamos. (..) 0 ato de comprar um ato de auto-xpressio, que nos pemite descobrr quer somes" Apt Berson compro, logo exist Supere que @ aividade de comprar nfo & s6 um melo polo qual as pessoas descobrem quam elas ip teiasdoconsumo blogspalcom wy20080tou-comprologe-si-que-exsto html NAO BASTAR SABER COMO, E PRECISO ENTENDER OS. PoRQues. AANTROPOLOGIA DO CONSUMO investiga ‘2s prticase representagées do consumidor Contemporaneo, pega central na Sociedade ‘om que vivomos, a Sociedade do consumo, Hilaine Yaccoub CV completo Linkedin ‘CONTATO: hilsin@gmaiLcom Descrigao ‘elas do Consumo 6 um espace de ccuradoria de conteide sobre consumo nna sociedade contemporanea Postagens populares ‘A Felice Paradoxal da Giles Upovety Lipavetsky (2007) sore qua a a8 nia dem dee Uma Aula do Artropcogia do Consumo por Cala Gance, ena orentadora Texto Base: Teoria da Cavse Ociosa, 2 Thorson \eblon A vedo anroplégic coe Eu compro, logo se que existo CAWPBE: 090 si Eu compro, ogo se que existo Esto 60 tial do um artigo escrito pol idertigades 20 ° us 2ano%7 “Teias do Consumo Eu compro, logo se que existo so, come fomece a elas a comprovagso sia de sua existéncia Uma nova possibdade de tuagéo? Etnogrfi. a nova pesquisa de mercado? (© ideal 6: Compro para descobrir quom sou ‘Alen ce tabalnos seadimicos, abeerva-se hoje uma tendéncia das empresas ul feramentas ds antopologla para er estratgis de Postado por Hilane Vaccoub as 21:45 Leitura Recomendad Postagem mais recente Pagina inicial Postagem masantga —_*"lwra Recomencada [A lea romantica ¢ oespito do consumisma mmogema Calin Campbe Antropeogia do Dom - Alin Calle CConaumidore # Cratos - Canc CConaumidor Instatsfeos- Mare Agnes Crawvel Cultura & Consume - Grant Maccracken Cultura © Empresas - Livia Baroosa Ccultra, Consume @ dentidade- Livia Baro, Calin Gampbet (res) Igualdade © Mertocracia- Livia Garbosa Magia» Captasmo - Everard Rocha © tuxo ete -Lipovetsky (© Mundo dos Bons - Mary Douglas Nome da Marca - sede Fertenalle © poder simbsico- Pate Bowrsou 0 Sistema éos Objetes- J. Bousilard CObservatério de Sins - Davo Caldas Process Cilzador 1 © 2 Notbet Elias Representaes do consumo - Everato Rocha Sociedade de Consumo - Livia Barbosa ‘vida para © Consume - Bauma Google+ Badge Hilaine Yaccoub [Ge segue Arquivo do blog shire *) Maio 2) Margo) Seguidores sana Dezembro (1) ip teiasdoconsumo blogspalcom .20080Uou-comprologe-si-que-exsto ml 2man0%7 Teias do Consumo Eu compro, logo se que existo ip teiasdoconsumo blogspalcom .y/20080Uou-comprologe-si-que-exsto ml aS aus Pig Wee aon ana ma Dezembro Novembre Agosto (0) Janeiro Dezembro Novembro (1) ctuoro Setembro Agosto (5) sia 2 nb Maio Aoi (0) Marge Janeiro outuoro Sotombro Agosto (2) sue Maio A Margo (2) Couture Agosto (4) she rl sane Novembro (3), Sotomo she stu at 2man0%7 “Teias do Consumo Eu compro, logo se que existo ip teiasdoconsumo blogspalcom 20080Uou-comprologe-si-que-exstoml » Blogger Novembro (5) ature (2 LINKS INDICADOS ‘Antropelogia e consume: clogos entre Bra ‘Argentina 1 Bras de Antropologa Blog Alo Valor Agregado Bureau de lo Renata Abranehs| Estudos do Consume Fashion Bubbles Forma alementar lesa Rodrigues Le Metro Material We -blog Daniel Miler Maninas da Moda Plas rise cobs Rioete Second Anthroplogy_taure Graziola Gomes ‘Sena: Catigt_ consumo compertamento