Você está na página 1de 2

Resoluo

I
a) Entre A e B, existe a relao de parentesco de 1 grau, ascendente (artigos 8, 9, 10, 10/1 e 11/1 da
Lei da Familia, doravante LF).
b) Entre B e C, so irmos, relao de parentesco, 2 grau de consanguinidade colateral nos termos do
artigo 8, 9, 10/2 e 11/1 da LF).
c) C e D: so parentes em 1 grau de consanguinidade em linha recta, nos artigos 8, 9, 10, 10/1 e 11/1
da LF. Entre B e F: so parentes em 1 grau de consanguinidade em linha recta, nos artigos 8, 9, 10,
10/1 e 11/1 da LF.
d) B e C: Entre B e C, so irmas, relao de parentesco, 2 grau de consanguinidade colateral nos
termos do artigo 8, 9, 10/2 e 11/1 da LF).
e)
f) Entre A e M (filho da Maria) so parentes em 3 grau de consanguinidade em linha recta, nos
artigos 8, 9, 10, 10/1 e 11/1 da LF.

II.
Nos termos do artigo 31, al.d) da LF, a condenacao anterior de um dos nubentes como autor por
homicidio doloso contra outro conjuge, constitui um impedimento dirimente relativo para a celebrao
do casamento, podendo ser afastado com prova em contrrio.
Por estas razes, havendo algum impedimento, deve ser sanado antes, o casamento anulvel nos
termos do artigo 56, al.a) da LF.
Resumindo, existem sim o impedimento que de condenao e faz com que o casamento no se realize
aquando do conhecimento do oficial do registo civil sob pena de anulabilidade conforme descrito
supra.

III.
a) Em primeiro lugar, cumpre dizer que para a celebrao de um casamento h vrios pressupostos
substantivos e adjectivos a serem observados. Os pressupostos substantivos esto previstos na Lei da
Famlia e os requisitos adjectivos constam do Cdigo de Registo Civil (doravante CRC).
Concretamente este caso, importa referir que a LF estabelece requisitos para a celebrao de casamento
que um deles capacidade matrimonial (artigo 29 da LF). No presente caso hipottico, pode-se
entender desde logo que uma das nubentes carece de capacidade matrimonial (18 anos) e no tendo esta
idade, deve ter 16 com o devido consentimento dos pais. No havendo este, no se deve celebrar o
casamento pois se trata de um impedimento dirimente. Assim, Catarina tendo 15 anos de idade, mesmo
com o consentimento dos pais, carece de capacidade matrimonial nos termos do artigo 30, n 1, al.a) e
n2 , e por isso, o conservador tem razo ao mandar cancelar ou suspender o acto matrimonial, nos
termos do artigo 173/1 do CRC.
b) Para a validao do casamento, devem aguardar a cessao dos impedimentos do mesmo, atravs de
idade nbil mnimo, de 16 anos mediante a aprovao dos pais da menor (artigo 30/2) ou esperar para a
aquisio da capacidade nbil nos termos do artigo 30/1, al.a) conjugado com o artigo 29, ambos da LF.