Você está na página 1de 2

PROJETO: Menina bonita do lao de fita

JUSTIFICATIVA:
Trabalhar as questes tnicas raciais..A literatura infantil Menina bonita do lao de fita um
clssico de Ana Maria Machado ser o meio mais prazeroso para tratar desta questo com
crianas, pela forma sutil e prazerosa que a autora trata a beleza negra, com muita delicadeza,
com simplicidade, usando uma linguagem suave que encanta a criana, porm forte, permitindo,
portanto, aos professores junto s crianas refletir sobre as questes raciais, afetivas, familiares e
as diferenas de cor.

OBJETIVO GERAL:
Levar ao aluno valorizao do ser humano, ajudando-os na reflexo, quanto s semelhanas,
diferenas tnicas e sociais e relaes familiares.

OBJETIVOS ESPECFICOS:
- Apropriar de valores como o respeito a si prprio e ao outro;
- Elevar a auto estima das crianas negras;
- Promover discusso sobre os valores humanos, da beleza negra e da diversidade;
- Levar a criana a perceber, que suas heranas, desde do seu cabelo at a cor de sua pele
muitas vezes so herdadas de seus familiares;
- Respeitar as diferenas.
CONTEDOS;
- Identidade;
- A Afetividade;
- A Famlia;
- Diversidade tnica e cultural.

RECURSOS MATERIAS:
Livro Menina bonita do lao de fita, papel metro, cola, pincel, jornais, revistas,
encartes, tesoura.

SITUAES DIDTICAS:
- Organizar uma roda de conversa para iniciar a ler o livro;
- Falar sobre a autora da histria, como uma escritora que gosta de escrever, principalmente para
criana;
- Durante a leitura ocultar as gravuras e instigar a curiosidade nas crianas;
- Depois mostrar a capa do livro para as crianas, fazendo questionamento sobre a ilustrao. A
cor da pele da menina, o cabelo...
- Ler a histria, explorando bastante. Falar sobre as caractersticas que herdamos de nossos pais,
das particularidades de cada um, cor, estatura, cabelos, lbios... Saber, portanto, das diferenas
que muitas vezes so herdados dos nossos familiares.
- Explorar o relato das crianas: Se gostam ou no do personagem e por qu;
- Esclarecer para as crianas que todos tm em sua origem, uma historia e que ningum igual
a ningum.

CULMINNCIA:
Construo de um painel com fotos que apaream pessoas de vrias cores, com o ttulo: VIVA AS
DIFERENAS!

REFERNCIA BIBLIOGRFICA:
Machado. Ana Maria: Menina bonita do lao de fita. 7 edio. So Paulo. rtica, 2005