Você está na página 1de 16

Simulado

Realização: Português, Direito Constitucional


e Direito Administrativo

Instruções
1 - No verso do CARTÃO DE RESPOSTAS, preencha seus dados pessoais (nome completo, telefone, e-mail e
endereço para correspondência).
2 - A duração da prova será de 2 horas, incluindo o tempo para preenchimento do CARTÃO DE RESPOSTAS.
3 - As questões estão numeradas de 1 a 50, cada uma com 5 (cinco) opções, precedidas das letras (A), (B), (C),
(D) e (E).
4 - Não amasse nem dobre o CARTÃO DE RESPOSTAS e evite usar borracha.
5 - Será anulada a questão cuja resposta contenha emenda ou rasura, ou para a qual seja assinalada mais de
uma opção.
6 - Confira o CADERNO DE PROVA com muita atenção, pois qualquer reclamação sobre o total de questões e/ou
falhas na impressão não será aceita depois de iniciada a prova.
7 - Durante a prova, não será admitida qualquer espécie de consulta ou comunicação entre os candidatos, nem será
permitido o uso de qualquer tipo de equipamento (calculadora, telefone celular etc.), sob pena de o candidato
ser excluído da concorrência aos prêmios.
8 - O candidato só poderá levar este CADERNO DE PROVA 1 (uma) hora após o início do simulado.
9 - Este CADERNO DE PROVA está assim constituído:

Matérias Questões
Português 1 a 20
Direito Constitucional 21 a 35
Direito Administrativo 36 a 50
10 - Em relação à premiação, eis os critérios para desempate: maior nota, sucessivamente, em português, direito
constitucional e direito administrativo. Permanecendo o empate, terá preferência o candidato com mais idade.
11 - Agenda (datas prováveis):
I. 10/05/2010 – após as 10 horas, divulgação do gabarito preliminar no site www.editoraferreira.com.br;
II. 10 e 11/05/2010 – interposição de recursos contra o gabarito preliminar pelo e-mail:
feiradoconcurso@editoraferreira.com.br;
III. 14/05/2010 – após as 14 horas, divulgação do resultado final no site www.editoraferreira.com.br.

Boa sorte e muito sucesso!

Coordenação: Ricardo J. Ferreira


Organização: Mariane Ferreira
Editoração: Diniz G. Santos
7ª Feira do Concurso – Rio de Janeiro . Simulado
Língua Portuguesa (questões de 1 a 20) IV – A ética da CAIXA se pauta numa reivindica-
ção social efetiva demonstrada pela falta de melho-
Antônio Carlos Alves e Júnia Andrade res condições de vida da geração do momento em
que vivemos.
Texto para as questões de 01 a 05 Está(ão) correta(s):
(A) apenas I, II e IV.
Consciência Ética (B) apenas II, III e IV.
(C) apenas I, III e IV.
Respeito, Honestidade, Compromisso, Trans-
(D) apenas I, II e III.
parência, Responsabilidade
(E) apenas I e III.
A conjuntura em que vivemos exige uma pro-
funda reflexão em torno dos caminhos percor- ▶ Questão 02
ridos, com o objetivo de se delinear ações que
favoreçam a prosperidade, a sustentabilidade, a Acerca dos fatos morfossintáticos do texto 1, assina-
05 segurança e a cidadania para todos, por meio le a opção correta.
de um esforço conjunto de todas as sociedades (A) “Do contrário,...” (l.8) é uma expressão de valor
e culturas. concessivo, haja vista o seu caráter de indicar
Do contrário, as gerações futuras estarão com- oposição.
prometidas. (B) “...para todos...” (l.5) está vinculado sintática e
10 Nesse contexto, delineia-se o papel da CAIXA semanticamente a “cidadania” (l.5).
como um espaço de promoção de melhores (C) “com o objetivo de” (l.3) indica uma relação
condições de vida, em todos os sentidos, e de gradacional, mostrando eventos quase simul-
formação de pessoas socialmente responsáveis. tâneos.
(D) “a prosperidade, a sustentabilidade, a seguran-
A consciência ética surge como um elemento
ça e a cidadania”������������������������������
(l.4-5)����������������������
funcionam como sujei-
15 fundamental desse processo e se revela na prá-
to de “favoreçam” (l.4).
tica cotidiana por meio da ação alicerçada na
(E) No trecho “A conjuntura em que vivemos exi-
responsabilidade sócio-ambiental.
ge...”������������������������������������������
(l.1)������������������������������������
, o termo destacado pode ser substi-
Revela-se, portanto, como instrumento de na- tuído por “na qual” e “onde” que o texto man-
tureza imprescindível para a CAIXA, o seu Có- tém o sentido original bem como a correção
20 digo de Ética, por sistematizar os valores éticos gramatical.
que devem nortear a condução dos negócios,
orientar as ações e o relacionamento com os in- ▶ Questão 03
terlocutores internos e externos.
Assinale a alternativa que não apresenta sentido de
http://www.caixa.gov.br/acaixa/codigo_etica.asp
passividade.
▶ Questão 01 (A) “Do contrário, as gerações futuras estarão com-
prometidas.” (l.8-9)
Leia as assertivas abaixo, a respeito do texto. (B) “Revela-se, portanto, como instrumento de na-
I – A “conjuntura” a que se refere o primeiro pará- tureza imprescindível para a CAIXA, o seu Có-
grafo, na verdade, deixa entrever um momento pre- digo de Ética...” (l.18-20)
sente deficiente em relação às ações objetivadas pela (C) “...delineia-se o papel da CAIXA como um es-
CAIXA. paço de promoção de melhores condições de
II – As gerações futuras carecerão de prosperidade, vida...” (l.10-12)
sustentabilidade, segurança e cidadania caso não (D) “A consciência ética (...) e se revela na prática
haja reflexão em torno das questões do momento cotidiana...” (l.14-16)
atual. (E) “...por meio da ação alicerçada na responsabili-
dade sócio-ambiental.” (l.16-17)
III – A “promoção de melhores condições de vida”
(l.11-12) é decorrente de uma sociedade que atende
devidamente a geração atual.

www.feiradoconcurso.com.br 1
Simulado . 7ª Feira do Concurso – Rio de Janeiro
▶ Questão 04 A política de patrocínios culturais da CAIXA com-
preende um leque de apoios que alcançam diversos
Marque a opção em que o referente textual dos seg- níveis de produção artística, valorizando tanto as
mentos/termos destacados abaixo está incorreta- 15 manifestações regionais da autêntica arte brasilei-
mente indicado. ra, quanto outras vertentes e linguagens estéticas,
(A) “A conjuntura em que vivemos exige...” (l.1) – do popular ao erudito. Além disso, a CAIXA tem
“uma profunda reflexão” (l.1-2). apoiado manifestações culturais estrangeiras, patro-
(B) “Nesse contexto, delineia-se o papel da CAIXA cinando a vinda de eventos de outros países, como
como um espaço de promoção” (l.10-11) – todo 20 forma de promover um intercâmbio entre culturas e
texto dito anteriormente. a troca de conhecimentos e experiências estéticas.
(C) “...como um elemento fundamental desse pro- A empresa mantém um diálogo permanente
cesso...” (l.14-15) – “A consciência ética...” (l.14). com as raízes culturais de nosso povo, fomen-
(D) “Revela-se, portanto, como instrumento de na- tando a diversidade, patrocinando a realização
tureza imprescindível para a CAIXA (l.18-19) 25 de eventos em seus espaços, como espetáculos
– “o seu Código de Ética...” (l.19-20) de música, teatro, dança, exposições de artes
(E) “...por sistematizar os valores éticos...” (l.20) – plásticas, fotografia, instalações e artesanato.
“...devem nortear a condução dos negócios,...” Além disso, desenvolve projetos pedagógicos,
(l.21). aproximando principalmente alunos carentes
30 de escolas públicas ao universo cultural.
▶ Questão 05
Para atender aos pressupostos de sua política cul-
Indique o item que apresenta uma substituição não tural, a empresa mantém espaços da CAIXA CUL-
equivalente de acordo com o sentido do texto. TURAL em Brasília, Curitiba, Rio de Janeiro, Sal-
vador e São Paulo. E a necessidade de ampliar suas
(A) “...em torno dos caminhos percorridos...” 35 ações, atender à demanda crescente de público,
(l.2-3) – “...em torno dos caminhos que se descentralizar o apoio às atividades culturais, va-
percorreram...” lorizando a riqueza cultural de outras regiões e al-
(B) “...por meio de um esforço conjunto...” (l.5-6) – cançar um público ainda maior, a CAIXA aprovou
“...por meio de um esforço conjuntural...” a criação de novos espaços culturais nas cidades de
(C) “Revela-se, portanto, como instrumento de na- 40 Fortaleza, Porto Alegre e Recife, que contarão com
tureza imprescindível para a CAIXA,...” (l.18- teatros, cinemas e galerias de arte.
19) – “Revela-se, portanto, como instrumento
de natureza desnecessária para a CAIXA,...” (...)
http://www.caixa.gov.br/acaixa/cultura.asp
(D) “...por meio da ação alicerçada na responsabili-
dade sócio-ambiental.” (l.16-17) – “...por meio
▶ Questão 06
da ação que se alicerça na responsabilidade só-
cio-ambiental.” Considerando que a introdução de um texto deve
(E) “...as gerações futuras estarão comprometidas.” apresentar o tema de modo satisfatório para norte-
(l.8-9)����������������������������������������
– “...as gerações futuras serão compro- ar o leitor, pode-se delimitá-la, no texto acima, em
metidas.” relação ao(s):
(A) parágrafo um.
Texto para as questões de 06 a 10
(B) parágrafos um e dois.
(C) parágrafos um, dois e três.
Caixa Cultural
(D) parágrafo dois.
A cultura brasileira pode ser comparada com a (E) parágrafo três.
dimensão de seu território: rica e diversificada,
compondo um mosaico de valores e tradições. ▶ Questão 07
Consciente do grande potencial humano e estéti- Não há marca de registro de princípio conotativo em:
05 co presente em todas as regiões do Brasil, a CAI-
XA orgulha-se em apoiar a produção dos artistas, (A) “...quanto outras vertentes e linguagens estéti-
proporcionando às comunidades mais distantes cas, do popular ao erudito.” (l.16-17).
o acesso às genuínas manifestações da arte e da (B) “A empresa mantém um diálogo permanente...”
cultura nacionais, além de estimular, também, o (l.22).
10 intercâmbio cultural e a troca de experiências, pa- (C) “...com as raízes culturais de nosso povo...”
trocinando eventos de outros países. (l.23).

2 www.feiradoconcurso.com.br
7ª Feira do Concurso – Rio de Janeiro . Simulado
(D) “A cultura brasileira pode ser comparada com a (D) “Para atender aos pressupostos...”��������������
(l.31)�������
demar-
dimensão de seu território:...” (l.1-2). ca uma oração que completa o sentido do verbo
(E) “...rica e diversificada, compondo um mosaico “manter”.
de valores e tradições.” (l.2-3). (E) O sujeito do verbo destacado em “Além disso,
desenvolve projetos pedagógicos...” (l.28) está
▶ Questão 08 oculto, e se refere à CAIXA.
Considerando as alterações feitas em segmentos do
▶ Questão 10
texto, a concordância fica correta na alteração feita em:
(A) “A cultura brasileira pode ser comparada com a Quanto ao uso dos pronomes em negrito abaixo e
dimensão de seu território” (l.1-2) – “A cultura presentes no texto, assinale a alternativa incorreta.
brasileira pode ser comparado com a dimen- (A) Em “...com a dimensão de seu território:...”
são de seu território”. (l.1-2)�������������������������������������������
, o pronome destacado se refere ao territó-
(B) “A política de patrocínios culturais da CAIXA rio da “cultura brasileira”.
compreende um leque de apoios...” (l.12-13) –
(B) Em “...presente em todas as regiões do Brasil,...”
“A política de patrocínios culturais da CAIXA
(l.5), o pronome indica, no contexto, “qualquer
compreendem um leque de apoios...”.
região” do Brasil.
(C) “Para atender aos pressupostos de sua política
cultural, a empresa mantém espaços da CAIXA (C) Em “...a CAIXA orgulha-se em apoiar a produção
CULTURAL em Brasília, Curitiba, Rio de Ja- dos artistas...”������������������������������������
(l.5-6)����������������������������
, o pronome destacado é par-
neiro, Salvador e São Paulo.” (l.31-34) – “Para te integrante do verbo e possui valor reflexivo.
atenderem aos pressupostos de sua política cul- (D) Em “Para atender aos pressupostos de sua po-
tural, a empresa mantém espaços da CAIXA lítica cultural, a empresa mantém espaços...”
CULTURAL em Brasília, Curitiba, Rio de Ja- (l.31-32)����������������������������������������
, o pronome destacado se refere à “polí-
neiro, Salvador e São Paulo”. tica cultural da empresa”.
(D) “Consciente do grande potencial humano e es- (E) Em “...patrocinando eventos de outros países.”
tético presente em todas as regiões do Brasil, a (l.10-11), o pronome destacado é sinônimo de
CAIXA orgulha-se em apoiar a produção dos “demais” e não de “certos”.
artistas...” (l.4-6) – “Conscientes do grande
potencial humano e estético presente em todas ▶ Questão 11
as regiões do Brasil, a CAIXA orgulha-se em
apoiar a produção dos artistas...”. Assinale a opção incorreta em relação às estruturas
(E) “...um leque de apoios que alcançam diversos do texto.
níveis de produção artística,...” (l.13-14) – “...um É natural que cada grupo procure fazer valer os
leque de apoios que alcança diversos níveis de seus interesses. O problema do desmatamento
produção artística,...”. é que ele é a expressão de uma visão predató-
ria e de curto prazo que vai de encontro à lei
▶ Questão 09 05 e ao interesse geral da nação. É fundamental,
Assinale a alternativa correta acerca das estruturas portanto, encontrar fórmulas sustentáveis que
linguísticas do texto. aliem desenvolvimento e preservação dos re-
cursos naturais do país.
(A) Em “Consciente do grande potencial humano
(EDITORIAL, Folha de S. Paulo, 21/6/2005)
e estético presente em todas as regiões do Bra-
sil,...”�����������������������������������������
(l.4-5)���������������������������������
– os adjetivos “humano” e “esté- (A) O emprego do subjuntivo em “procure” (l.1) jus-
tico” se referem a “potencial” bem como “pre- tifica-se por expressar uma possibilidade de ação.
sente”. (B) O pronome “ele” (l.3) retoma a ideia de “desma-
(B) “A política de patrocínios culturais da CAI- tamento” (l.2).
XA compreende um leque de apoios...” (l.12- (C) A expressão “vai de encontro à” (l.4) não equi-
13) possui nos termos destacados elementos de vale semanticamente a vai ao encontro da.
mesmo valor morfossintático. (D) A conjunção “portanto” (l.6), por ser conjunção
(C) “A empresa mantém um diálogo permanen-
conclusiva, pode ser deslocada de sua posição
te com as raízes culturais de nosso povo...”
no texto para iniciar o período, porém será se-
(l.22-23)�������������������������������������
apresenta no termo sublinhado a pos-
sibilidade de leitura relacionando-o tanto com guida de apenas uma vírgula.
o verbo “manter” como com “diálogo”, mes- (E) A substituição de “encontrar” (l.6) por que se-
mo implicando uma mudança da classificação jam encontradas mantém a correção gramati-
morfossintática. cal do período.

www.feiradoconcurso.com.br 3
Simulado . 7ª Feira do Concurso – Rio de Janeiro
▶ Questão 12 II. O capitalismo, longe de criar oportunidades
iguais para que todos os indivíduos pudessem com-
Os trechos seguintes foram adaptados do texto petir entre si, criou mecanismos cruéis de concen-
“Modernidade, identidade e a cultura de fronteira”, tração de riqueza nas mãos de poucos, expulsando
de Boaventura de Sousa Santos. da esfera do consumo milhões de seres humanos
Assinale a opção em que o texto foi transcrito res- famintos e miseráveis.
peitando as regras gramaticais da norma culta da III. Os modelos intermediários criaram algumas
língua portuguesa. “ilhas de prosperidade” (como os países escandina-
(A) O que há de característico na atual crise de re- vos), possíveis por circunstâncias muito específicas
gulação social é que ela ocorre sem perda de he- de sua história e cultura, mas não conseguiu ofere-
gemonia da dominação capitalista. Em outras cer uma alternativa séria a paises grandes e pobres
palavras: ao contrário do que sucedeu em épo- como o Brasil.
cas anteriores, a crise de regulação é também (José Arbex e Cláudio Júlio Tognoli, Mundo Pós-moderno, São Paulo:
Scipione, p.17)
uma crise de emancipação, o que constitui afi-
nal outra manifestação do colapso das energias Estão corretos:
emancipatórias. (A) I e II.
(B) A dificuldade em aceitar ou suportar as injusti- (B) II e III.
ças e as irracionalidades da sociedade capitalis- (C) I e III.
ta dificulta, em vez de facilitar a possibilidade (D) I, II e III.
de pensar uma sociedade melhor que esta. Daí (E) apenas a II.
que fosse profunda a crise de um pensamento
estratégico de emancipação. ▶ Questão 14
(C) Na medida em que existiu de fato, o processo de
descontextualização e de universalização das (Esaf – adaptado) Assinale a opção gramaticalmente
identidades e das práticas contribuíram con- correta.
traditoriamente para as classes dominadas pu- (A) Entre 2003 e 2004, a população ocupada au-
dessem formular projetos universais e globais mentou 3,3%, percentual que é o dobro da taxa
de emancipação. observada entre 2002 e 2003 (1,4%). Houve
(D) Ao contrário, o novo contextualismo e parti- crescimento significativo dos empregados com
cularismo social tornam difíceis pensar estra- carteira assinada (6,6%) e no percentual de ocu-
tegicamente a emancipação. As lutas locais e as pação na população feminina.
identidades contextuais tendem à privilegiar (B) A taxa de analfabetismo para pessoas de 10 anos
pelo pensamento tático em detrimento do pen- ou mais caiu de 12,3% para 10,4% entre 1999
samento estratégico. e 2004 e o nível de escolarização de crianças e
(E) A globalização do capital ocorre simultanea- adolescentes aumentaram.
mente a localização do proletariado. Por outro (C) O nível de ocupação, na faixa de idade de 5 a 17
lado, na crise do pensamento estratégico eman- anos diminuiu, mostrando tendência de erradi-
cipatório da modernidade mais que uma crise cação do trabalho infantil no Pais.
de princípios, é uma crise de sujeitos sociais. (D) O rendimento médio mensal real do traba-
lho das pessoas com 10 anos ou mais de idade
▶ Questão 13
permaneceu no mesmo patamar de 2003 (R$
Julgue se os trechos do texto abaixo estão gramati- 733,00), estancando a trajetória decendente
calmente corretos e responda ao que se pede: iniciada em 1997.
(E) De 2003 para 2004, as condições de habitação
I. Todos os modelos, em maior ou menor grau fra- melhoraram segundo todos os indicadores de
cassaram. O socialismo, ao em vez de oferecer o pa- serviços de utilidade pública analisados. Houve
raíso, criou um inferno sob a forma de estados tota- crescimento do número de domicílios atendi-
litários, baseados na repressão policial e na ação da dos por abastecimento de água (3,4%), coleta de
polícia política. lixo (2,7%) e eletricidade (2,9%).

4 www.feiradoconcurso.com.br
7ª Feira do Concurso – Rio de Janeiro . Simulado
(Esaf – adaptado) Nas questões 15, 16 e 17, cada um ▶ Questão 17
dos conjuntos de cinco períodos constitui um texto.
Assi­nale a opção em que o trecho não foi transcrito (A) Este é marcado pela tendência à internacio­
com erro de sintaxe. nalização e depois à universalização das con-
quistas materiais e espirituais que, há cinco sé-
▶ Questão 15 culos, vem alterando o sentido da vida em todos
os continentes, ainda que de forma desigual.
(A) A marcha da civilização é caracterizada, exata-
(B) Talvez, por isso mesmo, a idéia de progresso,
mente por semelhantes situações, a que generi-
está sempre sujeita à reflexão e à crítica.
camente podemos chamar de modernizações.
(C) O Brasil é um exemplo de país para o qual a
(B) Estas mudanças nem sempre são percebidas,
modernidade, em todas as fases de sua histó­ria
por que tem suas origens em movimentos de
nos últimos cinco séculos, impõem-se, sobretu-
fundo e em acelerações até então desconheci-
do, como abertura aos ventos de fora.
das, as quais permitem a entrada em cena de
(D) Modernização e agravamento da desigual­dade
novos atores.
tem sido uma constante, constituindo, aliás, o
(C) É assim que dão-se as rupturas, e novos objetos,
lado perverso da difusão do progresso sobre a
novas paisagens, novas relações, novos modos de
face do planeta.
fazer, de pensar e de ser se levantam e se difundem.
(E) O processo capitalista une, de forma desigual e
(D) A história pode ser vista como um fluxo ininter-
combinada, países ativos, dos quais se irradiam
rupto, de cujo passado e futuro entrelaçam num
as grandes mudanças e que delas se beneficiam,
presente mais ou menos revelador dos processos
e países passivos, onde a grande maioria da hu-
responsáveis pelas grandes mudanças.
manidade vive na pobreza, segundo diversos
(E) Tais modernizações, a princípio, isoladas e len-
graus de intensidade.
tas, tornam-se mais rápidas e espalhadas com o
advento do capitalismo. (Milton Santos, Correio Braziliense, 15/10/2000, com adaptações)

(Milton Santos, Correio Braziliense, 15/10/2000, com adaptações)


▶ Questão 18
▶ Questão 16 Assinale a opção em que o texto foi transcrito com
erro de pontuação.
(A) Apesar das ponderações do Ministro, mante-
nho o encaminhamento proposto relativamen- (A) A Organização das Nações Unidas – ONU – é
te à matéria, pelas razões de que apresentei no orga­nismo multilateral constituído pelos alia­
Voto original. dos logo após o término da Segunda Guerra
(B) E de fato, o princípio da supremacia do interes- Mundial. Reflete, portanto, a preocupação dos
se público está presente tanto no momento da vencedores do conflito armado para não per­
elaboração da lei como, no momento, da sua mitir o ressurgimento de regimes nazistas que
execução em concreto pela Administração. haviam sido esmagados na Europa.
(C) E, por não haver razão para tratamento diferen- (B) Ruíram regimes outrora fortes. A Alemanha
ciado, esses mandamentos aplicam-se tanto às Comunista virou história, e a poderosa União
unidades sediadas no País quanto àquelas situ- Soviética deixou de existir. A realidade de hoje
adas no exterior. é substancialmente, diferente da geogra­fia polí-
(D) Com relação à defesa do interesse público (alu- tica dos anos setenta.
dida no Voto Revisor), o propósito fundamental (C) A bipolaridade, que caracterizou a política in-
do mencionado Estatuto, o qual regulamenta ternacional até o final dos anos oitenta ajudou
dispositivo constitucional (art. 37, inciso XXI) a manter estável o papel da ONU e das agên-
é, justamente, o de resguardar esse interesse cias a ela ligadas. No entanto, um dia o Muro
maior, que se sobrepõem ao do particular. de Berlim caiu. Em seguida, os países do leste
(E) Restou sobejamente demonstrado naquele Voto redescobriram a liberdade.
que o Estatuto das Licitações e Contratos assenta (D) A Segunda Guerra Mundial, em termos políti­
regra fundamental no sentido de que a Adminis- cos, demorou a terminar, restaram dois pro­
tração Pública não está autorizada a licitar obras tagonistas, ambos superpotências, dotados de
e serviços se não houver previsão orçamentária arsenais, capazes de destruir o planeta várias
que as amparem e de que não se admite inter- vezes, União Soviética e Estados Uni­dos.
mediação financeira na execução de obras e ser- (E) A ONU contudo permanece a mesma. Não mu-
viços objeto de licitação, qualquer que seja a sua dou. Seus integrantes não dão sinais de perce-
origem (art. 7o , § 2o , inciso III, e § 3o). ber à nova realidade.
(Texto adaptado para conter erro - Revista do TCU, nº 82)
(Adaptado do Correio Braziliense, 08/10/2000)

www.feiradoconcurso.com.br 5
Simulado . 7ª Feira do Concurso – Rio de Janeiro
▶ Questão 19 médios constitucionais” estão previstos no art. 5º
da CF;
Detalhe: quem participava de uma equipe não pode-
ria demonstrar nenhuma solidariedade para com os IV. A CF garante a absoluta inviolabilidade de do-
adversários, mesmo que os visse em apuros.” micílio, não sendo possível o ingresso na casa do
indivíduo sem sua autorização, exceto em caso de
A expressão sublinhada no período acima expressa flagrante delito ou para prestar socorro em desastre;
circunstância de:
V. Recentemente, o STF, excepcionando a regra con-
A) causa. tida no inciso XI do art. 5º, passou a admitir uma
B) concessão. hipótese de ingresso no domicílio profissional, por
C) condição. ordem judicial, à noite, sem o consentimento dos
D) proporção. envolvidos, para a instalação de equipamento de es-
E) consequência cuta ambiental.

▶ Questão 20 É correto o que consta APENAS em:


(A) I e IV.
Assinale a alternativa em que a palavra ou expressão
destacada tem a função expletiva. (B) I, IV e V.
(C) II, III e V.
(A) “Ainda éramos os reis do mundo, o mundo é (D) IV e V.
que não era lá grande coisa.” (E) I, II, IV e V.
(B) “Hoje temos que nos cuidar para não ver razão
na onda de antirrazão que varre o mundo” ▶ Questão 22
(C) “Os únicos animais da Terra com uma boa opi-
nião a seu respeito, mesmo porque eram os úni- A Emenda Constitucional nº 64, aprovada em feve-
cos que tinham opinião.” reiro de 2010, acrescentou aos direitos sociais enu-
(D) “Depois veio Darwin e nos disse que mesmo merados no art. 6º o direito à(ao):
neste pequeno mundo entre mundos não éra- (A) Assistência aos desamparados.
mos tão excepcionais assim.” (B) Proteção à maternidade.
(E) “Antigamente humanista era o que rejeitava (C) Proteção à infância.
qualquer desculpa metafísica ou obscurantista (D) Alimentação.
para diminuir o homem no seu autoconceito.” (E) Lazer.

▶ Questão 23
Direito Constitucional (questões de 21 a 35)
De acordo com a Emenda Constitucional nº 58,
Janaina Carvalho e Vítor Cruz aprovada em setembro de 2009, marque a alterna-
tiva correta:
▶ Questão 21 (A) O número mínimo de vereadores continua sen-
do 9 e o máximo 55, conforme definido antes
Analise as seguintes proposições referentes aos di-
da emenda.
reitos e garantias individuais:
(B) O número mínimo de vereadores foi reduzido a
I. No Brasil é livre a expressão da atividade intelec- 7 e o máximo foi ampliado para 65, a depender
tual, artística, científica e de comunicação, indepen-
da população de cada Município.
dentemente de censura, sendo exigida apenas a li-
(C) O número mínimo de vereadores foi ampliado
cença para exibição e indicação de faixa etária;
para 11 e o máximo foi ampliado para 75, a de-
II. Segundo entendimento do STF, as CPIs não po- pender da população de cada município.
dem determinar interceptação telefônica, possível (D) As grandes cidades, com população acima de
apenas por ordem judicial. As CPIs podem apenas 8.000.000 (oito milhões) de habitantes, terão
determinar que a companhia telefônica disponibili- entre 50 e 55 vereadores.
ze os registros das chamadas feitas e recebidas pelo (E) As pequenas cidades, com população até de
investigado, sem a escuta da conversa; 15.000.000 (quinze milhões) de habitantes, te-
III. Com exceção da Ação Civil Pública, que está rão entre 7 e 11 vereadores.
prevista no art. 129, da CF, todos os chamados “re-

6 www.feiradoconcurso.com.br
7ª Feira do Concurso – Rio de Janeiro . Simulado
▶ Questão 24 ▶ Questão 26
Marque a alternativa correta a respeito da Organi- De acordo com a Emenda Constitucional nº 61,
zação do Estado. aprovada em novembro de 2009, marque a alterna-
tiva correta.
(A) Os Estados, o Distrito Federal, os Territórios e
os Municípios, segundo a CF, são entes possui- (A) O Conselho Nacional de Justiça compõe-se de
dores de autonomia, o que se configura, dentre 15 (quinze) membros com mais de trinta e cin-
outras coisas, em capacidade de autogoverno; co e menos de sessenta e seis anos de idade, com
(B) A Constituição Federal só prevê a possibilida- mandato de 2 (dois) anos, admitida 1 (uma) re-
de de dois turnos de votação, para eleição dos condução.
prefeitos, nos Municípios que tiverem mais de (B) A referida emenda determinou que dentre os
duzentos mil habitantes; Ministros do STF, apenas seu presidente pode-
(C) A criação, a incorporação, a fusão e o desmem- rá ser membro do Conselho Nacional de Justi-
bramento de Municípios, far-se-ão por lei mu- ça mas, nas suas ausências e impedimentos, ele
nicipal, dentro do período determinado por lei será substituído pelo vice-presidente do STF.
complementar estadual, e dependerão de con- (C) O presidente do STF, que preside o Conselho
sulta prévia, mediante plebiscito, às populações Nacional de Justiça, será substituído nas suas
dos Municípios envolvidos, após divulgação ausências e impedimentos pelo ministro do
dos Estudos de Viabilidade Municipal, apresen- Superior Tribunal de Justiça que participe do
tados e publicados na forma da lei; Conselho.
(D) Um Estado ao aprovar uma lei sobre produção (D) Exceto o presidente do STF, todos os demais
e consumo estará invadindo competência legis- membros do Conselho serão nomeados pelo
lativa privativa da União; presidente da República, depois de aprovada
(E) É competência privativa da União legislar sobre a escolha pela maioria absoluta do Congresso
águas, energia, informática, telecomunicações e Nacional.
radiodifusão. (E) O presidente do Supremo Tribunal Federal vo-
tará em caso de empate, mas ficará excluído da
▶ Questão 25 distribuição de processos naquele tribunal.
Marque a alternativa incorreta a respeito do proces-
▶ Questão 27
so legislativo:
Marque a alternativa correta a respeito das Funções
(A) As espécies normativas primárias que compre-
Essenciais à Justiça:
endem o processo legislativo, enumeradas na
Constituição Federal de 1988, são: emendas à (A) Segundo a Constituição Federal, um defensor
Constituição, leis complementares, leis ordiná- público do Distrito Federal não tem legitimida-
rias, leis delegadas, medidas provisórias, decre- de para defender os necessitados perante o STF,
tos legislativos e resoluções; devendo estes dirigirem-se ao procurador-geral
(B) No Brasil, a emenda à Constituição só é possível da República.
quando a proposta reúne, entre outros requisi- (B) A Advocacia-Geral da União, diretamente ou
tos, o voto favorável de três quintos dos mem- por meio de órgão vinculado, representa judi-
bros de cada casa do Congresso Nacional e em cialmente a Câmara dos Deputados.
dois turnos de votação em cada uma delas; (C) Nos termos expressos da Constituição Federal,
(C) Pode ser objeto de deliberação proposta de o Ministério Público é órgão auxiliar da Justiça,
emenda à Constituição tendente a abolir a pena incumbindo-lhe a defesa da ordem jurídica, do
de morte, em caso de guerra; regime democrático e dos interesses sociais in-
(D) Lei que disponha sobre normas gerais para a disponíveis.
organização do Ministério Público dos Estados, (D) O Ministério Público, no exercício de sua au-
do Distrito Federal e dos Territórios é de com- tonomia administrativa, pode fixar seu orça-
petência da União, com iniciativa do procura- mento, dentro dos limites da lei de diretrizes
dor-geral da República; orçamentárias.
(E) O STF, o STM, os deputados federais e os se- (E) É garantia do membro do Ministério Público, a
nadores da República, bem como os cidadãos, inamovibilidade, salvo por motivo de interesse pú-
podem propor leis complementares e ordiná- blico, mediante decisão do órgão colegiado compe-
rias nas formas e nos casos previstos na Cons- tente do Ministério Público, por voto de dois terços
tituição. de seus membros, assegurada ampla defesa.

www.feiradoconcurso.com.br 7
Simulado . 7ª Feira do Concurso – Rio de Janeiro
▶ Questão 28 forma de uma união indissolúvel dos Estados,
Municípios e Distrito Federal.
Sobre a classificação das Constituições e os Direitos
(C) Segundo o STF, os mecanismos de freios e con-
Fundamentais, podemos afirmar:
trapesos estão previstos na Constituição Fede-
(A) A Constituição Brasileira de 1988 pode ser clas- ral, sendo vedado à Constituição Estadual ino-
sificada como uma constituição analítica, pois var crian­do novas hipóteses de interferências de
não se limita a dispor sobre os elementos ditos um poder em outro.
“materialmente constitucionais”, desta forma, (D) A forma de governo brasileira, o presidencia-
ela se opõe à nova tendência de constituição que lismo, foi adotada através de um plebiscito, nos
seria caracterizada pelas sintéticas. termos do art. 2º ADCT.
(B) A Constituição brasileira de 1988 é classificada (E) O Brasil deve, por mandamento constitucional,
pela doutrina como uma constituição rígida. buscar a erradicação das desigualdades sociais
Esta rigidez é característica marcante de nosso e regionais.
constitucionalismo, já que esteve presente em
▶ Questão 31
todas as constituições brasileiras.
(C) A previsão de direitos sociais, econômicos e Segundo a atual jurisprudência do STF sobre a de-
culturais foi marcante na Constituição brasilei- cisão proferida em Mandado de Injunção, podemos
ra de 1934, inaugurando-se no Brasil o Estado afirmar que:
Social, influência da Constituição de Weimar (A) O juiz deverá decidir o caso concreto, de acordo
de 1919. Assim, tais são elencados pela doutrina com a teoria concretista, e desta forma permi-
como direitos de terceira geração ou dimensão tir que o impetrante possa ter o suprimento da
já que consubstanciam a ideia de fraternidade e sua demanda, não sendo isso uma interferência
democracia. no Poder Legislativo, mas sim, uma atribuição
(D) As Constituições ditas como “cesaristas” são constitucional do Judiciário.
aquelas que, embora outorgadas, necessitam de (B) O juiz deverá se basear na posição não concre-
uma ratificação popular, através de referendo. tista, declarando a mora do legislador, e somen-
(E) A Constituição de 1988 não pode mais ser clas- te este, o titular constitucional do poder para
sificada como codificada, já que com a aprova- elaborar leis é que poderá suprir a demanda do
ção, com status de emenda constitucional, do impetrante.
Decreto Legislativo 186/08, que ratificou o tex- (C) A posição que o juiz deverá adotar é reconhe-
to da Convenção sobre os Direitos das Pessoas cida como “Concretista Individual Intermedi-
com Deficiência e de seu Protocolo Facultativo ária”, ou seja, o cidadão não consegue suprir a
de 2007 em Nova Iorque, a Constituição deixou sua demanda de imediato, porém o Legislativo
de estar disposta em um texto único, passando à estará obrigado a editar uma norma regula-
pluralidade textual típica de constituições legais. mentadora no prazo estabelecido.
(D) É pacífico no STF que deverá o juiz adotar a
▶ Questão 29 posição concretista individual direta, já que,
por ser tema peculiar, não é interessante para
José González, brasileiro naturalizado, resolveu se a segurança jurídica que os efeitos ocorram de
dedicar à vida pública. Qual dos cargos abaixo ele forma erga omnes.
não poderia assumir? (E) Somente o Poder Legislativo pode ser sujeito
passivo de um Mandado de Injunção.
(A) Ministro das Relações Exteriores.
(B) Presidente do Conselho Nacional de Justiça. ▶ Questão 32
(C) Ministro do Superior Tribunal de Justiça.
(D) Senador. Sobre os direitos e garantias individuais, podemos
(E) Ministro da Fazenda. afirmar que:
(A) Atualmente, não existe mais no Brasil o insti-
▶ Questão 30 tuto da prisão civil por dívida do depositário
Sobre os princípios fundamentais da República Fe- infiel, já que, prevaleceu no Supremo a posição
derativa do Brasil, podemos afirmar: de elevar o Pacto de San José da Costa Rica, as-
sinado pelo Brasil, ao status de Emenda Consti-
(A) É objetivo fundamental da República Federati- tucional, derrogando-se assim todas as normas
va do Brasil construir uma sociedade livre, jus- infraconstitucionais a ele contrárias.
ta e igualitária. (B) Aos autores de inventos industriais, é garantido
(B) O Brasil adotou como forma de governo o fe- o privilégio exclusivo e vitalício da utilização
deralismo, constituindo o Estado brasileiro na dos seus inventos, privilégio este que ainda po-

8 www.feiradoconcurso.com.br
7ª Feira do Concurso – Rio de Janeiro . Simulado
derá ser transmitido aos herdeiros, pelo tempo rem seus governantes sem interferência de ou-
que a lei fixar. tros entes.
(C) Instituição financeira pode invocar sigilo ban- (B) A Federação ocorre através de uma união
cário para negar ao Ministério Público infor- indissolú­vel, ou seja, os entes não têm o direito
mações e documentos sobre nomes de benefi- de secessão. Diferentemente ocorre nas confe-
ciários de empréstimos ainda que concedidos derações, onde os Estados integrantes não ab-
com recursos subsidiados pelo erário público. dicam de sua soberania, podendo se separar do
(D) Segundo a jurisprudência do STF, a estabilida- bloco por vontade própria.
de do dirigente sindical, no caso do servidor (C) Compete ao Senado Federal aprovar previa-
público, estende-se inclusive ao cargo em co- mente, por voto secreto, após arguição em ses-
missão eventualmente por ele ocupado à época são também se­creta, a escolha dos chefes de
de sua eleição. missão diplomática de caráter permanente.
(E) Segundo o entendimento do Supremo, matéria (D) Compete ao STF a homologação das sentenças
que, no âmbito federal, está sujeita à legislação estrangeiras e a concessão do exequatur às car-
ordinária sob reserva de iniciativa do presi-
tas rogatórias.
dente da República não pode ser regulada em
(E) A partir da EC 45/04, passou-se a entender que
Constituição Estadual.
no conflito “lei federal X lei lo­cal” estaria ocor-
▶ Questão 33 rendo um conflito federativo, pois estavam se
chocando leis de ordenamentos jurídicos autô-
Assinale a opção correta. nomos, desta forma a competência para a reso-
(A) Homens e mulheres são iguais em direitos e obri- lução do conflito seria do STF, continuando no
gações, nos termos da Constituição, não poden- âmbito do STJ o conflito “ato de gover­no local
do a lei criar qualquer forma de distinção. X lei federal”.
(B) Segundo o STF, o preâmbulo, embora pertença
à Constituição, não é considerado uma norma
“central”, não sendo assim de reprodu­ção obri- Direito Administrativo (questões de 36 a 50)
gatória nas Constituições Estaduais, nem pos-
suindo força jurídi­ca para tornar outras normas Luís Gustavo e Henrique Cantarino
inconstitucionais.
(C) A inviolabilidade do domicílio não alcança
▶ Questão 36
o Fisco, quando na busca de identificação da
ocorrência de fato gerador dos tributos por ele Se uma sociedade de economia mista resolver alie-
fiscalizados. nar um bem seu, assinale o procedimento incorreto,
(D) A vedação ao anonimato impede o sigilo da de acordo com a lei nº 8.666/93:
fonte, mesmo quando necessário ao exercício
(A) Em se tratando de um bem imóvel, será impres-
profissional.
(E) As entidades associativas, quando expressa- cindível a autorização legislativa, além de ava-
mente autorizadas, têm legitimidade para re- liação prévia e licitação na modalidade concor-
presentar seus filiados judicialmente, mas não rência, a menos que o mesmo seja originário de
no contencioso administrativo. procedimento judicial ou dação em pagamento.
(B) Se no caso o bem for móvel, não se faz necessá-
▶ Questão 34 ria a autorização legislativa, podendo ainda ser
dispensada a realização de licitação, na hipótese
A competência para processar e julgar os membros
de permuta, mas apenas entre órgãos e entida-
do Conselho Nacional de Justiça nos crimes de res-
des da Administração Pública.
ponsabilidade é:
(C) Em todos os casos se fará necessária a avalia-
(A) do Congresso Nacional. ção prévia, independente das características do
(B) do STF. bem a ser alienado.
(C) do STJ. (D) Poderá ser utilizada a modalidade leilão, no
(D) da Câmara dos Deputados. caso de bens móveis com valor global não su-
(E) do Senado Federal. perior ao limite superior para a utilização da
modalidade tomada de preços para compras e
▶ Questão 35 serviços que não de engenharia.
Assinale a alternativa incorreta: (E) Em alguns casos, a referida alienação pode res-
tar caracterizada como hipótese de licitação
(A) Os entes da federação são dotados do chamado
“autogoverno”, que é a capacidade de escolhe- dispensada.

www.feiradoconcurso.com.br 9
Simulado . 7ª Feira do Concurso – Rio de Janeiro
▶ Questão 37 investido, exercendo indevidamente as atribuições do
poder público mediante má-fé, razão pela qual os atos
Quanto aos poderes da Administração Pública, as-
por ele praticados reputam-se nulos.
sinale a opção correta.
(A) Correta a assertiva.
(A) O poder de polícia possui, dentre seus atributos
(B) Incorreta a assertiva, no que tange ao agente de
elencados pela doutrina, a imperatividade.
fato.
(B) Como decorrência do poder disciplinar, pode a
(C) Incorreta a assertiva, no que tange ao usurpa-
administração aplicar multa ao estabelecimen-
dor de função.
to comercial que esteja vendendo alimentos im-
(D) Incorreta a assertiva, tanto naquilo relacionado ao
próprios para o consumo.
agente de fato quanto ao usurpador de função.
(C) Prescinde de ampla defesa e contraditório a
(E) Incorreta a assertiva, pois a presunção juris tan-
prática de atos de polícia, inclusive sancionató-
tum de legalidade ou legitimidade dos atos ad-
rios, quando restar caracterizado risco iminen-
ministrativos não tem o condão de elidir a ilici-
te à saúde pública.
tude dos atos praticados em ambas as situações
(D) Mesmo em decorrência do poder regulamentar,
descritas, razão pela qual devem ser anulados.
não pode a administração praticar atos restriti-
vos de direito, ainda que amparados por lei. ▶ Questão 40
(E) O poder de polícia, posto que derivado de lei,
não pode ser expresso por meio de atos indivi- Analise as afirmativas que se seguem, quanto aos
duais. órgãos públicos:
I – Considerando a Teoria do Órgão, podemos afir-
▶ Questão 38 mar que a vontade do agente continuará sendo im-
A Administração Pública Federal celebrou uma PPP putada à entidade que o órgão integra, mesmo se o
(Parceria Público Privada) com determinada empre- agente atuar fora de suas competências.
sa, tendo por objeto a execução de uma obra pública. II – Os Ministérios podem ser classificados como
O valor do referido contrato foi de R$25.000.000,00, órgãos superiores, da mesma forma que as Secreta-
com prazo de duração determinado em 4 anos. A re- rias estaduais e municipais.
ferida contratação foi precedida de licitação, na mo-
dalidade concorrência. Após a celebração do referido III – Em uma estrutura descentralizada, na qual os
contrato, foi instituída uma SPE (Sociedade de Pro- órgãos superiores criam órgãos de hierarquia infe-
pósito Específico), com a finalidade de gerir o mesmo. rior e a eles atribuem competências, pode-se afirmar
Tendo por base a situação apresentada e o disposto na estar presente uma relação de subordinação entre os
lei nº 11.079/04, assinale a opção correta. mesmos.
(A) A referida contratação encontra-se rigorosa- IV – Considerando a estrutura formal presente nos
mente de acordo com os preceitos da lei nº Poderes da República, podemos afirmar não haver
11.079/04. hierarquia no Legislativo e no Judiciário.
(B) O valor da contratação encontra-se acima do Está(ão) correto(s):
mínimo exigido pela legislação, porém o prazo
de duração do contrato não está de acordo com (A) 1 item.
os preceitos legais. (B) 2 itens.
(C) O objeto contratado pode ser executado por (C) 3 itens.
PPP, porém o valor está abaixo do mínimo exi- (D) 4 itens.
gido pela legislação. (E) Nenhum item.
(D) A mencionada SPE foi corretamente instituída.
(E) Estão em desconformidade com a legislação ▶ Questão 41
pertinente o valor do contrato, o prazo de dura- Assinale a alternativa escorreita:
ção e o objeto, sendo ainda dispensável a cria-
ção da SPE mencionada no enunciado. (A) Segundo a Constituição Federal, o servidor ad-
quirirá estabilidade no cargo após três anos de
▶ Questão 39 efetivo exercício, não prescindindo, porém, de
avaliação especial de desempenho.
Dentre às situações relacionadas ao vício de compe- (B) De acordo com previsão expressa do estatuto
tência, podemos citar o agente de fato e o usurpador do servidor federal, o estágio probatório terá o
de função. No primeiro caso, o agente encontra-se re- prazo de 36 meses.
gularmente investido no cargo, sendo assim os atos (C) Não resta óbice à demissão do servidor que este-
por ele praticados considerados válidos. Já no segun- ja em estágio probatório, devendo ser o mesmo
do caso, o agente sabe encontrar-se irregularmente reintegrado, no caso de anulação da mesma.

10 www.feiradoconcurso.com.br
7ª Feira do Concurso – Rio de Janeiro . Simulado
(D) Consoante a Carta Magna, o servidor que for condenado definitivamente em âmbito administra-
exonerado por excesso de despesa com pessoal tivo, adveio sua absolvição criminal, transitada em
terá direito a indenização, estável ou não, desde julgado, pela atipicidade de conduta delituosa. Nes-
que ocupante de cargo efetivo. sa hipótese, assinale a opção correta:
(E) Todas as assertivas estão erradas.
(A) Deverá ser revista a decisão administrativa.
▶ Questão 42 (B) Poderá ou não ser revista a decisão administra-
tiva, a critério da administração.
Quanto à responsabilidade civil do Estado, assinale (C) Uma vez revista a decisão administrativa em
a alternativa correta: decorrência da absolvição criminal, o servidor
(A) A responsabilidade civil do Estado por atos le- não mais poderá ter agravada sua situação pe-
gislativos terá natureza objetiva, cabendo ação rante a Administração.
regressiva contra o agente, nos casos de dolo ou (D) O servidor poderá ter sua condenação revista
culpa. pela via administrativa, se alegada a injustiça
(B) De acordo com a teoria da culpa administrati- na aplicação da penalidade disciplinar, se a au-
va, é imprescindível a individualização da cul- toridade competente assim o entender.
pa, para fins de responsabilização civil do Esta- (E) O caráter de definitividade da decisão adminis-
do. trativa não afasta a possibilidade de sua revisão.
(C) Conforme a teoria do risco administrativo, é
admissível que o Estado ingresse com ação re- ▶ Questão 45
gressiva contra o agente mesmo antes de paga a Assinale a assertiva incorreta quanto à prestação de
indenização ao paciente. serviços públicos:
(D) Segundo a Constituição Federal, a responsabi-
lidade civil do Estado por danos nucleares pres- (A) Os serviços individuais serão sempre custeados
cinde do elemento subjetivo, mesmo no caso de mediante o pagamento de tarifas ao prestador
danos decorrentes de omissões. do serviço.
(E) A responsabilidade objetiva não alcança as en- (B) Os serviços gerais serão custeados mediante o
tidades de direito privado integrantes da admi- pagamento de impostos.
nistração indireta. (C) A responsabilidade civil da pessoa jurídica
prestadora do serviço terá caráter objetivo, in-
▶ Questão 43 dependentemente de dolo ou culpa do agente
causador do dano, ainda que não integrante da
Assinale a alternativa incorreta:
administração indireta.
(A) As agências reguladoras são entidades inte- (D) A declaração da caducidade da concessão de-
grantes da administração indireta, da mesma pende de processo administrativo, assegurada
forma que as agências executivas. ampla defesa.
(B) As agências reguladoras prescindem da cele- (E) A encampação independe de processo adminis-
bração de qualquer tipo de instrumento para trativo.
fins de aquisição da autonomia funcional que
lhes é característica. ▶ Questão 46
(C) Conforme expressa previsão constitucional,
um órgão que celebre contrato de gestão com Analise as assertivas abaixo:
o Poder Público poderá ser qualificado como I – Depende de lei prévia a edição de decreto pelo
agência executiva, mesmo sem ser dotado de presidente da República para disciplinar a organi-
personalidade jurídica. zação e o funcionamento da Administração Pública
(D) Os órgãos públicos podem celebrar contrato de Federal, desde que não implique em criação ou ex-
gestão para a ampliação de sua autonomia ad- tinção de órgão público, nem aumento de despesa.
ministrativa.
(E) Considerando a indisponibilidade do interesse II – O controle externo da Administração Pública,
público, característica do regime jurídico ad- cuja competência a Constituição atribui ao TCU,
ministrativo, podemos afirmar que as agências tem por objetivo verificar a legalidade e legitimida-
executivas e as agências reguladoras não estão de dos atos da Administração, sendo, porém, veda-
dispensadas da realização de concurso público da a apreciação do mérito do ato.
nem de licitação.
III – Como exemplo de controle legislativo, pode-
▶ Questão 44 mos citar a possibilidade de o Congresso Nacional
sustar os atos do Executivo que exorbitem do poder
Determinado servidor responde, por um mesmo
regulamentar.
ato, nas esferas penal e administrativa. Tendo sido

www.feiradoconcurso.com.br 11
Simulado . 7ª Feira do Concurso – Rio de Janeiro
IV – É indelegável a competência para a edição de ▶ Questão 49
atos normativos, pelo que um ministro de Estado Quanto às regras constitucionais aplicáveis aos ser-
nunca poderá editar um decreto. vidores públicos, analise as assertivas abaixo:
Está(ão) correto(s): I – Se Paulo não é servidor de carreira, poderá vir a
(A) 1 item. ocupar cargo em comissão, mas não poderá exercer
(B) 2 itens. função de confiança.
(C) 3 itens. II – A aprovação em concurso público de provas ou
(D) 4 itens. provas e títulos é requisito necessário para fins de
(E) Nenhum item. nomeação para cargo efetivo, sendo que o mesmo
terá um prazo de validade de dois anos, prorrogá-
▶ Questão 47 veis uma vez, por igual período.
Acerca da convalidação dos atos administrativos, III – Um servidor municipal, ocupante de cargo efe-
conforme a lei no 9.784/99, assinale a assertiva in- tivo, foi aprovado em concurso público para cargo
correta: federal. Para fins de aposentadoria, poderá o tempo
de serviço prestado ao Município ser averbado na
(A) Segundo a legislação, trata-se de ato discricio- esfera federal.
nário. Porém, segundo parte da doutrina, tal IV – A criação das entidades de direito privado da
ato seria, em regra, vinculado. administração indireta prescinde de lei específica,
(B) Trata-se a convalidação de ato discricionário, de forma contrária daquelas de direito público.
não sendo vedada sua incidência sobre outro
Está(ão) correto(s):
ato discricionário.
(C) Considerando os princípios da motivação e da (A) 1 item.
legalidade, a convalidação do ato administrati- (B) 2 itens.
vo deve ser expressa, não se admitindo a forma (C) 3 itens.
tácita. (D) 4 itens.
(D) Nem todo ato ilícito é passível de convalidação. (E) Nenhum item.
(E) Se o ato ilegal causar prejuízo a terceiros, o mes-
mo será absolutamente nulo, não se admitindo ▶ Questão 50
sua convalidação, mesmo que beneficiando a Acerca da concessão e permissão de serviços públi-
Administração. cos, de acordo com a lei no 8.987/95 analise as afir-
mativas abaixo e marque a incorreta:
▶ Questão 48
(A) A extinção da concessão por caducidade pres-
Determinado servidor federal solicitou licença sem supõe a caracterização de inadimplência con-
vencimentos, para tratar de interesses particulares. tratual por parte do concessionário, podendo
Algum tempo após seu retorno, a autoridade que ocorrer sem que haja indenização prévia.
concedeu o benefício entendeu não ser conveniente (B) O não cumprimento do contrato por parte do
a concessão da referida licença, por afetar de forma poder concedente faculta ao particular a sus-
negativa a continuidade do serviço. Considerando pensão de sua execução, no caso de atrasos su-
tais fatos, marque a alternativa correta: periores a 90 dias.
(C) No julgamento da licitação, poderá ser empre-
(A) A licença, por se tratar de ato vinculado, não gado o critério de menor valor da tarifa do ser-
seria passível de revogação, mas tão somente de viço a ser prestado, bem como o de maior oferta
anulação. pela concessão.
(B) A revogação da referida licença operará com (D) A concessão e a permissão de serviços públicos
eficácia ex nunc, devendo porém respeitar os diferem entre si, dentre outros fatores, pelo ca-
direitos adquiridos. ráter de precariedade da permissão, a qual sus-
(C) A revogação da licença poderá se dar por ato da tenta sua revogabilidade unilateral por parte do
poder concedente.
mesma autoridade que a concedeu ou de autori-
(E) A interrupção do serviço por razões de segu-
dade de hierarquia superior, nunca inferior.
rança das instalações não enseja uma ação de
(D) A anulação da licença, ato vinculado, possuirá indenização por parte de particular prejudi-
eficácia ex tunc. cado, desde que precedida de prévio aviso, da
(E) O referido ato não pode ser revogado. mesma forma que por inadimplência do usuá-
rio, observado o interesse social.

12 www.feiradoconcurso.com.br
Banca examinadora do simulado

Antônio Carlos Alves


Bacharel e licenciado em português-literaturas, especialista em língua portuguesa (com o curso “Estudo de
Texto: leitura, produção textual e ensino de português”), mestre em poética e doutorando em teoria literária,
todos pela UFRJ. Na área do magistério, leciona em diversos cursos preparatórios para concursos.
Livros publicados: Português NCE/UFRJ e Português Cesgranrio, ambos pela Editora Ferreira.

Henrique Cantarino
Henrique Cantarino é graduado em engenharia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e pós-graduado
em administração pública pela Fundação Getúlio Vargas. Aprovado no concurso para analista de Finanças e
Controle Externo do Tribunal de Contas da União, já exerceu as funções de auditor-fiscal da prefeitura de São
João de Meriti e técnico de controle externo do Tribunal de Contas do Município do Rio de Janeiro. Ocupa
atualmente o cargo de fiscal de rendas do Município do Rio de Janeiro e é professor de direito administrativo
em diversos cursos preparatórios.
Livros publicados: Comentários à Lei nº 8.112/90 (coautoria com Luís Gustavo), Direito Administrativo – Cesgranrio
(coautoria com Luís Gustavo), Direito Administrativo – Esaf e Direito Administrativo – Funrio (coautoria com Luís
Gustavo), todos pela Editora Ferreira.

Janaina Carvalho
Bacharel em comunicação social, com habilitação em relações públicas. Foi aprovada em 2007 nos concursos
do TRF da 1ª Região e do MPU para a área de comunicação.
Livros publicados: Lei nº 8.112/90 esquematizada (coautoria com Renato Braga), Lei nº 8.666/93 esquematizada
(coautoria com Alexandre Medeiros) e Constituição Federal Esquematizada (coautoria com Orman Ribeiro), todos
pela Editora Ferreira.

Júnia Andrade
Ministra aulas de português e redação há mais de 10 anos em cursos preparatórios para concursos de Belo
Horizonte (MG), Juiz de Fora (MG) e Salvador (BA) e em cursos a distância. É também professora de português
e metodologia em cursos de pós-graduação lato sensu em direito.
Livros publicados: Redação para Concursos, pela Editora Ferreira.

Luís Gustavo Bezerra de Menezes


Técnico de controle externo do Tribunal de Contas do Município do Rio de Janeiro e presidente do Conselho
Consultivo da Anpac (Associação Nacional de Proteção e Apoio aos Concursos Públicos). Aprovado em diversos
concursos públicos, dentre os quais se destacam técnico judiciário da Justiça Federal do Rio de Janeiro e fiscal
de tributos do Espírito Santo, atualmente ministra aulas em vários cursos preparatórios do Rio de Janeiro e
São Paulo.
Livros publicados: Comentários à Lei nº 8.112/90, Direito Administrativo – Cesgranrio, Direito Administrativo – Funrio
(todos em coautoria com Henrique Cantarino) e Direito Administratico FCC, todos pela Editora Ferreira.

Vítor Cruz
Pós-graduando em direito constitucional e ex-oficial da Marinha do Brasil formado pela Escola Naval. Ministra
aulas de direito constitucional e direito tributário em diversos cursos preparatórios. Foi aprovado nos concursos
para analista judiciário do Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (2008) e assistente-técnico administrativo do
Ministério da Fazenda (2009), dentre outros.
Livro publicado: Constituição Federal Anotada para Concursos, pela Editora Ferreira.

Você também pode gostar